Home Nota oficial Militares da reserva reafirmam ataque a Dilma e confrontam Amorim

Militares da reserva reafirmam ataque a Dilma e confrontam Amorim

124
14

Em nota divulgada na terça-feira, 98 militares da reserva reafirmaram recentes ataques feitos por clubes militares à presidente Dilma Rousseff e disseram não reconhecer autoridade no ministro da Defesa, Celso Amorim, para proibi-los de expressar opiniões. A nota, intitulada “Eles que Venham. Por Aqui Não Passarão”, também ataca a Comissão da Verdade, que apontará, sem poder de punir, responsáveis por mortes, torturas e desaparecimentos na ditadura. Aprovada no ano passado, a comissão espera só a indicação dos membros para começar a funcionar. “(A comissão é um) ato inconsequente de revanchismo explícito e de afronta à Lei da Anistia com o beneplácito, inaceitável, do atual governo”, diz o texto, endossado por, entre outros, 13 generais. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

O novo texto foi divulgado no site A Verdade Sufocada, mantido pela mulher de Carlos Alberto Brilhante Ustra, coronel reformado do Exército e um dos que assinam o documento. Ustra, ex-chefe do DOI-Codi (aparelho da repressão do Exército) em São Paulo, é acusado de torturar presos políticos na ditadura, motivo pelo qual é processado na Justiça. Ele nega os crimes.

A atual nota reafirma o teor de outra, do último dia 16, na qual os clubes Militar, Naval e de Aeronáutica fizeram críticas a Dilma, dizendo que ela se afastava de seu papel de estadista ao não “expressar desacordo” sobre declarações recentes de auxiliares e do PT contra a ditadura. Após mal-estar e intervenção do Planalto, de Amorim e dos comandantes das Forças, os clubes tiveram de retirar o texto da internet.

Apesar de fora da ativa, todos ainda devem, por lei, seguir a hierarquia das Forças, das quais Dilma e Amorim são os chefes máximos. “Em uníssono, reafirmamos a validade do conteúdo do manifesto do dia 16”, afirma a nota de ontem, que lembra que o texto anterior foi tirado da internet “por ordem do ministro da Defesa, a quem não reconhecemos qualquer tipo de autoridade ou legitimidade para fazê-lo”. Agora, os militares dizem que o “Clube Militar (da qual a maioria faz parte) não se intimida e continuará atento e vigilante”.

FONTE: Terra

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
hamadjr
hamadjr
8 anos atrás

O orçamento do Ministério da Defesa, que em 2011 chegou a R$ 60,8 bilhões … Mas cerca de 80% dos recursos destinam-se ao pagamento da folha de pessoal, e 63% desse total vão para funcionários aposentados. Apenas 13,7% do orçamento destinam-se ao custeio, e menos ainda – 6,7% dos R$ 60 bilhões, eu pergunto!
Por que os milicos de pijama e os da ativa, que tem titulo de eleitor e portanto participam da tal festa da Democracia não fazem protesto para acabar com essa situação, por acaso deputado, senador vem de marte?

Daglian
Daglian
8 anos atrás

Isso aí!!! Não abaixem a cabeça não!

paulsnows
paulsnows
8 anos atrás

Não entendo porque os militares da ativa e alguns da reserva, não jogam logo todos os envolvidos em torturas a luz do sol. Aqueles que se acham herois, por torturar, sequestar e matar deveriam, então dar as suas explicações e convencer a sociedade. Infelizmente, preferem se manter escondidos, em uma atitude covarde. E vejam, que ate tipos asquerosos, como o Cabo Anselmo, um traidor notorio, tem mais coragem do que eles. Veio a publico e falou o que quis. pode-se considera-lo um paria por trair, mas se deve reconhecer a coragem de falar, mesmo tardiamente. Gostaria muito de ver um… Read more »

masadi45
8 anos atrás

Estive pensando na melhor maneira de comentar esse relevante assunto.
Por acaso , li o que queria comentar aqui.

Ninguém nunca proibiu essas viúvas da ditadura de se expressar, muito menos o ministro Celso Amorim. Esses senhores envergonham o Brasil, as forças armadas e as políticas públicas de combate à esclerose múltipla. Esses clubes militares viraram antros de rancor ideológico e devem, a bem da saúde mental de seus sócios, ser solenemente ignorados.

Leandro Fortes

Luiz Paulo
Luiz Paulo
8 anos atrás

Hum… Sabe como é né,a verdade doi. Dilma e Amorim que o digam. Pena que não temos uma declaração dessa todo dia apontando as safadezas e desmandos desse governo. Alguns lembretes: “Os clubes militares são entidades associativas que têm o direito de protestar contra o que bem entender, nos limites da lei. Opinião de uma entidade que reúne reservistas não é sublevação.” “Ademais, oque foi que eles falaram? Reproduzindo: a) a fala de Maria do Rosário, com efeito, afronta decisão do Supremo; b) Eleonora pertenceu a um grupo terrorista que nunca quis saber de democracia. Que mal há em lidar… Read more »

paulsnows
paulsnows
8 anos atrás

A turma dos generais de pijama pode protestar suas opinioes a vontade. Felizmente, para eles, ao contrario do regime pelo qual sentem tanta nostalgia e dos personagens sordidos e covardes que tao candidamente escondem.

So isso.

Coragem, as vezes, faz bem. Mas e certo que para torturar, estuprar e matar presos ela nao e necessaria.

Se sao herois, que venham ate a luz e se mostrem.

E provem, se forem capazes.

Este e o ponto, nao adianta tentar mudar o assunto.

Grifo
Grifo
8 anos atrás

Apesar de fora da ativa, todos ainda devem, por lei, seguir a hierarquia das Forças, das quais Dilma e Amorim são os chefes máximos.

Senhores, acho que a maioria (se não todos) os signatários não estão na reserva e sim reformados. Portanto não devem obediência nem podem ser punidos disciplinarmente.

A presidente e o ministro, este leal servidor do presidente general Figueiredo que o agraciou com a presidência da Embrafilme, precisam se acostumar com a democracia e o direito de livre expressão.

Grifo
Grifo
8 anos atrás

E vejam, que ate tipos asquerosos, como o Cabo Anselmo, um traidor notorio, tem mais coragem do que eles.

Caro Paulsnows, traidor para mim é quem trai o Brasil. Quem trai o grupo terrorista VPR e os seus patrões (Cuba e União Soviética) para mim é herói.

paulsnows
paulsnows
8 anos atrás

Grifo, respeito a sua opinião. Mas Cabo Anselmo, SEMPRE, sera um traidor, esta nodoa não sai. Alias, ele mesmo admite, não ha polêmica nisso. Traidores têm um lugar reservado para eles no Inferno. Em relação a opinião, concordo contigo. Todos têm direito a expressa-las, nos limites da lei. Acho ate que ha um excesso de “politicamente correto”, que confunde opinião com ofensa, por exemplo. Mas o que eu não suporto e os atuais militares se envolverem em um assunto que ja devia ter sido superado ha muito tempo. Acredito que ditaduras são um erro, em qualquer tempo. Falo por experiência… Read more »

Antonio M
Antonio M
8 anos atrás

Até parece que farão os companheiros assumir alguma responabilidade pelos seus crimes. è uma vingança, algo unilateral e pessoal! É só investigarem as indenizações e pensões dadas aos “ex-persguidos políticos” e pegarão fraudadores com rede, que nem peixe ! Fora outros tantos casos: http://www.averdadesufocada.com/index.php?option=com_content&task=view&id=5163&Itemid=100 “…”…À primeira hora de 20 de março de 1968, o jovem Orlando Lovecchio Filho, 22 anos, deixou seu carro numa garagem da Avenida Paulista e tomou o caminho de casa. Uma explosão arrebentou-lhe a perna esquerda. …Orlando Lovecchio, que teve a perna esquerda amputada abaixo do joelho por conta da explosão da bomba que Sérgio Ferro… Read more »

Requena
Requena
8 anos atrás

Eu sou a favor que a tal da Comissão da Verdade investigue além dos militares, o pessoal da “esquerda revolucionária”.

Tá cheio de vagabundo e assassino do outro lado que precisa ser desmascarado.

Se é pra passar a limpo, façam o serviço completo!

OBS: Os Petralhas demoraram mas conseguiram colocar gente deles aqui da Trilogia. Perda de tempo. Aqui essa raça não se cria, pois é lugar de patriotas e nacionalistas. E não para seguidores do molusco bêbado…

paulsnows
paulsnows
8 anos atrás

Requena, tantos anos e tanto sofrimento depois, e não aprendeste nada de novo…

Felizmente, o mundo não se divide entre esquerdalhas e direitalhas, mas acho que você não sabe disso.

Apenas para teu governo, quem pegou em armas contra a Ditadura Militar (e ate quem não pegou, diga-se de passagem) foi julgado por ela. Alguns não o foram, mas poucos.

Para finalizar, a VERDADE e para todos.

Requena
Requena
8 anos atrás

paulsnows Quem não parece que aprendeu errado é você… Vários covardes terroristas fugiram do país e escaparam aos julgamentos. E mesmo alguns presos mais importantes foram deportados no famoso sequestro do embaixador yankee. Foram p/ México e depois pra Cuba sem cumprir suas penas. Voltaram com a Lei a Anistia. E alguns deles viraram até ministros, veja só. Inclusive o “chefe da quadrilha do mensalão”, que se escondia feito rato aqui no oeste do Paraná. Querem julgar o militares? Ótimo. Julguem e prendam os culpados. Mais do que justo. Mas coloquem o Zé Dirceu e sua gangue de bandidos pra… Read more »

Requena
Requena
8 anos atrás

Opa, no começo do texto eu quis dizer “Quem parece que aprendeu errado foi você…”

Desconsiderem o “não” que apareceu ali.