quarta-feira, dezembro 1, 2021

Saab RBS 70NG

Fuzil desaparece de quartel do Exército em Deodoro

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

Inquérito foi aberto para investigar o sumiço da arma

 

fals

ClippingRIO – Um fuzil automático-leve (FAL) calibre 762, capaz de disparar até 20 tiros com alcance médio de 800 metros, desapareceu na manhã desta sexta-feira do Depósito Central de Armamento do Exército, na Vila Militar, em Deodoro, revelou o Exército. A arma que no Brasil é fabricada pela Imbel, é muita usada pelos traficantes de drogas do Rio.

O desvio foi descoberto por volta das 8h quando é feita a conferência e troca de guarda, levando militares a uma operação de cerco que durou toda a manhã ao longo da Avenida Duque de Caxias, em Deodoro. Os militares buscavam um veículo usado supostamente para retirar o fuzil de dentro do Depósito Central de Armamento. Vários carros foram revistados, e o trânsito sofreu reflexos na Avenida Brasil, entre Paradas de Lucas e Deodoro, sentido Zona Oeste. A operação terminou no início da tarde. O fuzil não foi localizado. O Exército informou no início da tarde desta sexta-feira que um inquérito policial-militar (IMP) foi aberto para investigar o sumiço da arma. O IPM está sob segredo.

O fuzil automático-leve (FAL) é uma arma de aceitação internacional devido suas excepcionais características, já comprovadas nas mais diversas condições de emprego. Foi projetada e fabricada com objetivo de equipar o soldado com uma arma que tenha maneabilidade, segurança e simplicidade de manutenção e operação. Seu peso é de cerca de cinco quilos e o comprimento passa pouco de um metro. O fuzil foi desenvolvido pela empresa belga Fabrique Nationale, passando a ser copiado em mais de dez países, incluindo o Brasil.

FONTE: O Globo

- Advertisement -

9 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
9 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
rsbacchi
rsbacchi(@rsbacchi)
7 anos atrás

Eu não conheço nenhum pais que tenha copiado o FN FAL!!!

Esta noticia deve ser destinado aos garotos de 5 anos de idade que tem paixão por armas, mas não conhecem nada de sua história.

Bacchi

jocemar.paim
jocemar.paim
7 anos atrás

Não sei direito, mas se não me engano, entre os dez países que tiveram autorização para fabricação do FAL sob licença, está além do Brasil, a Inglaterra (L1A1) e a Argentina. Os outros 7 não me lembro.
Ah! Só pra constar, as armas da foto não são verdadeiras, são armas de airsoft.

rsbacchi
rsbacchi(@rsbacchi)
7 anos atrás

jocemar, pelo visto você não conhece a diferença entre fabricar sob licença, e copiar.

Copiar significa fabricar sem ter licença para faze-lo.

Meu comentário em tom sarcástico foi sobre o uso do termo “copiado” quando deveria ter sido usado o termo “fabricado sobre licença”.

Bacchi

jocemar.paim
jocemar.paim
7 anos atrás

Caro amigo gaúcho Bacchi:
Graças a tua advertência pude descobrir folheando o dicionário, qual a diferença entre cópia e fabricação autorizada. Vc mudou minha vida…obrigado.

M@K
M@K
7 anos atrás

Pelas fotos são armas de airsoft mesmo (ponta dos canos laranja).

hamadjr
hamadjr
7 anos atrás

Pois então xiru, no meu tempo de S1 essa parada era chamado de roubo e não de desaparecido hehehehe

Mayuan
Mayuan
7 anos atrás

Então Jocemar, azedumes à parte, falando de Airsoft, de quem são esses FAL da foto? Você pratica? Quando comecei a pensar em qual equipamento comprar pra praticar, pensei em comprar FAL mas aí, logo em seguida pensei que queria homenagear o EB sim mas seria uma homenagem muito maior não usar uma cópia do vetusto e sim algo que eu gostaria de vê-los usando. A mesma coisa vale pra farda, até porque usar a deles é proibido apesar da facilidade da compra. Estou agora entre o ACU, Marpat ou ou Multicam e pro AEG, querendo um SR10 enquanto não sair… Read more »

jocemar.paim
jocemar.paim
7 anos atrás

kkkkk….oi Mayan, sou apenas curioso em assuntos militares e não um “expert” como a maioria que aqui opina.
Acho muito legal o airsoft, apesar de nunca ter praticado, hehehe, só paintball já pratiquei. Os equipamentos de airsoft ainda tem um custo alto no Brasil e como minhas condições financeiras não são das melhores, ainda não pude adquirir. Quem sabe um dia. Abraços… e valeu pela cortesia.

Mayuan
Mayuan
7 anos atrás

Curioso por curioso eu também sou. Desconfio inclusive que muitos que posam de especialistas aqui também são mas não sou juiz nem tenho nada com isso né não? Deixa isso pra lá.

Sobre o custo, realmente, aqui, o airsoft como tudo mais é muito caro. A boa notícia é que importar é complicado mas não impossível e corta os custos pra uma fração do assalto a mão desarmada que acontece aqui no Brasil. Se tiver interesse, procura um grupo do teu estado que tem muita gente boa começando nisso. Fiz isso e recebi muitas dicas que nem desconfiava.

Abraço.

Últimas Notícias

EDEX 2021: GIDS do Paquistão revela o SHAHPAR-II, drone armado de média altitude e longa duração

O conglomerado de defesa do Paquistão, Global Defense and Industrial Solutions (GIDS), revelou uma versão armada de seu drone...
- Advertisement -
- Advertisement -