Home Geopolítica Israel chama Brasil de ‘anão diplomático’ por convocar embaixador

Israel chama Brasil de ‘anão diplomático’ por convocar embaixador

1719
83

bandeiras

ClippingIsrael lamentou nesta quinta-feira (24) a decisão do Brasil de chamar para consultas seu embaixador em Tel Aviv, uma decisão que, segundo o governo israelense, “não contribui para encorajar a calma e a estabilidade na região” e chamou o país de “anão diplomático” por causa do gesto. O porta-voz do ministério das Relações Exteriores, Yigal Palmor, disse que a decisão brasileira “não reflete o nível de relação entre os países e ignora o direito de Israel defender-se”. De acordo com a publicação “The Jerusalem Post”, Palmor afirmou que a medida “era uma demonstração lamentável de como o Brasil, um gigante econômico e cultural, continua a ser um anão diplomático”. “Israel manifesta o seu desapontamento com a decisão do governo do Brasil de retirar seu embaixador para consultas”, diz comunicado da chancelaria israelense. “Esta decisão não reflete o nível das relações entre os países e ignora o direito de Israel de se defender. Tais medidas não contribuem para promover a calma e estabilidade na região. Em vez disso, elas fornecem suporte ao terrorismo, e, naturalmente, afetam a capacidade do Brasil de exercer influência. Israel espera o apoio de seus amigos na luta contra o Hamas, que é reconhecido como uma organização terrorista por muitos países ao redor do mundo”.

O governo brasileiro convocou para consultas o embaixador em Tel Aviv após considerar “inaceitável a escalada de violência” e condenar “energicamente o uso desproporcional da força por Israel na Faixa de Gaza”. A Confederação Israelita do Brasil também divulgou uma nota nesta quinta manifestando sua “indignação” com a posição brasileira. A confederação diz compartilhar da “preocupação do povo brasileiro e expressa profunda dor pelas mortes nos dois lados do conflito. Assim como o Itamaraty, esperamos um cessar-fogo imediato.”

Entretanto, o grupo critica o governo brasileiro por eximir “o grupo terrorista Hamas de responsabilidade no cenário atual. Não há uma palavra sequer sobre os milhares de foguetes lançados contra solo israelense ou as seguidas negativas do Hamas em aceitar um cessar-fogo. Ignorar a responsabilidade do Hamas pode ser entendido como um endosso à política de escudos humanos, claramente implementada pelo grupo terrorista e que constitui num flagrante crime de guerra, previsto em leis internacionais.”

Nos 17 dias de ofensiva militar em Gaza, pelo menos 733 palestinos e 35 israelenses morreram. Além disso, 4.600 palestinos ficaram feridos.

FONTEG1

83 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
pedro oliveira
pedro oliveira
6 anos atrás

Israel apenas a verdade. A diplomacia do Brasil é lastimável. Esse governo apoia ditadores, adora Venezuela e Cuba, abaixa a cabeça para Bolívia, perdoa dívidas de países africanos e nesse comunicado “esqueceu” de condenar o ataque do Hamas a civis.

ernani
ernani
6 anos atrás

Concordo.
Se há desproporção entre ataque e defesa, há que ser repreendido também e principalmente, quem iniciou a agressão.

Colombelli
Colombelli
6 anos atrás

Que se podia esperar do governo petista se não isso? É uma pataquada atras da outra. So pra recordar: 1) Encampação de instalações e aumento unilateral do gás da bolívia ( a minuscula é proposital). 2) Encampação de obras de empresa brasileira no equador por rafael correa. 3) Aumento da energia do paraguai ( triplicou) 4) Protecionismo da argentina usando de manobras alfandegárias. Em todas estas ações, houve omissão criminosa do governo lula ou o que é pior conivência ideológica expressa. Indo mais atras, tentativa de negociação do programa nuclear do Irã, passando fiasco perante a comunidade internacional. Pois bem,… Read more »

Corsario137
Corsario137
6 anos atrás

Esse governo não me representa. Peço desculpas ao povo de Israel por essa atitude desses políticos que por ora estão no poder.

lppassos2000
lppassos2000
6 anos atrás

Sem comentários…….

Pangloss
Pangloss
6 anos atrás

A declaração israelense é INACEITÁVEL, pois veicula preconceito contra os anões.
Onde já se viu, relacioná-los à diplomacia brasileira!!!!
Pela dignidade dos anões!

Rogério
Rogério
6 anos atrás

Pangloss
24 de julho de 2014 at 17:47

kkkkkkkkkkkkkkkkk

juarezmartinez
juarezmartinez
6 anos atrás

A declaração da diplom,acia Israelense expressa o que o mundo ocidental sobre a ministério das relações exteriores norteado pela ideologia politicas dos barbudinhos do Itamaravilha e não pelas expressão de nação.
Vergonha e mais vergonha é só que esta gente nos faz passar.
Nem em 100 anos vamos recuperar a credibilidade, somos um páis de ladrões, picaretas e espertalhões.

Grande abraço

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Mas a Dilma tá certinha. Ora, onde já se viu reagir só por conta de 2000 foguetinhos?
Fosse lá uns 50 mil, 100 mil, mas só 2000? E naquele país daquele tamanho? E nem tão acertando direito e tá morrendo pouca gente!
Ora sim senhor!
Onde vamos parar!
Nananinanão!
Tem que chamar sim o embaixador e tem que dá um sacode leão nele, mesmo ele não tendo nada a ver com a coisa toda.
Ora sim senhor!!!!
Só 2000 e essa valentia toda?
Eh povinho agressivo esses judeus!
Nervosos…

Guilherme Poggio
Editor
6 anos atrás

É duro ouvir a verdade.

Isso que dá se meter em assuntos onde não pode influir e se excluir de assuntos onde DEVERIA influir.

Em segue a nossa política externa sem rumo e sem nexo.

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
6 anos atrás

Uma vergonha a mais que nos fazem passar . Que nos perdoem os israelitas por uns representantes tao infelizmente sem noção !!!

Uitinã
Uitinã
6 anos atrás

E pensar que foi desse anão Diplomático, pelas mão de Osvaldo Aranha que foi um dos primeiros a ratificar a criação do Estado Israelense. Pelo que eu saiba o brasil e “Independente” desde de 1822 e se quiser pode convocar chamar de volta fechar embaixadas se quiser, e direito brasileiro, eu até concordo que nossa politica externa e uma porcaria, só sabe falar grosso quando não e preciso e afina quando e necessário. Mas convenhamos o Iron Dome tá se mostrando mais que eficiente ao deter os foguetes do hamas, a resposta israelense está se mostrando desproporcional não tirando a… Read more »

lppassos2000
lppassos2000
6 anos atrás

Não quero discutir os erros ou acertos do governo brasileiro!!!! Embora tenha achado esse discurso do diplomata judeu ironizando o Brasil com futebol de uma inutilidade e infantilidade ridícula, mas é um direito dele protestar da maneira que bem entender. Mas de fato o que está havendo em Gaza é um verdadeiro massacre 797 palestinos mortos contra 35 judeus(dados de hoje), sabemos que foram lançados pelo Hammas mais de 2000 foguetes de fundo de quintal contra o território judeu, Israel tem que se defender, isso não se discute, mas quantos destes foguetes passaram pelo escudo anti-misseis e causaram estragos e… Read more »

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Uitinã, joseboscojr e demais colegas

Sugiro acrescentarem em seu facebook:

Israel Defense Forces

Verão imagens, fotos, filmes quase em tempo real.

Sem essa que trata-se de departamento governamental.

Imagens e fatos reais.

Diferente do que a Rede Goebbels, a Globo Goebbels News e a imprensa anti semita difundi mundo afora.

Shalom aleikhem

http://img.historiadigital.org/2009/12/Judeus-e-Muculmanos.jpg

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Lord Vader, peço sua licença e reproduzo: “Vader 22 de julho de 2014 at 21:31 # Depois de todo o blá blá nhém antisionista de sempre, noves fora, resta uma única verdade: Israel não tergiversa, subordina ou terceiriza a sua segurança para ninguém. Nem ONU, nem Rússia. Nem OTAN, nem EUA. Nem Liga Árabe nem OPEP. NINGUÉM se mete com o pequeno Davi, e em última instância eles tem uma centena de bombas atômicas para provar seus argumentos. Israel NUNCA abrirá mão de seu direito de defesa e sobrevivência. Os pais da pátria, muitos deles sobreviventes do horror nazista, sabem… Read more »

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás
Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

“Carlos Alberto Soares 23 de julho de 2014 at 2:11 # O primeiro lançamento de armas destrutivas foi do Hamas. Nas primeiras 36 horas cerca de 800 foguetes. 1.- Fronteira de Gaza com meu Tio David, hiper vigiada. 2.- Espaço aéreo sobre Gaza fechado, controlado pelo meu primo Jacob; 3.- Acesso pelo mar para Gaza, bloqueado, meu outro primo Ezra cuida disso e 4.- Não estamos mais falando de foguetes artesanais que eram lançados a não muito tempo. Pergunto: A) Esse p…..ta monte de foguetes vieram de quem e por onde entraram em Gaza ? B) Caso meu primo Rafael… Read more »

lppassos2000
lppassos2000
6 anos atrás

E essa guerra que já dura 50 anos vai durar mais uns 5.000 anos. E Israel vai vencer no final. Vitória em uma guerra que vai durar milhares de anos? Os dois lados já perderam!!!!! O povo de israel já não dá a mínima se eles se colocam no meio de hospitais ou escolas para aumentar o número de mártires da contabilidade macabra da imprensa esquerdopata ocidental. Quer dizer que os judeus podem varrer do mapa todo o território da Faixa de Gaza e exterminar todo o povo Palestino para viver em paz? Como se isso fosse trazer a paz… Read more »

mmartins2
mmartins2
6 anos atrás

Lamentável a nossa diplomacia. Metemos o bico aonde não somos chamados e ainda levamos pito.
Desde que esses boçais petistas assumiram a presidência, só temos feito lambança. Apoio a Ahmadinejad, Cuba, Venezuela, Equador e Bolívia desapropriam propriedades brasileiras e abaixamos a cabeça. São um bando de amadores isso sim, e ainda acham que estão abafando a ponto de soltarem nota condenando Israel.
É triste ver nosso país sem rumo no front domestico e internacional.
Levaremos décadas para reparar o desastre que tem sido o PT na condução do país.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

O sistema Iron Dome tem capacidade de interceptar foguetes com até 70 km de alcance. Os atuais foguetes estão chegando a mais de 100 km de alcance e são imunes ao Iron Dome, e já cobrem quase que todo Israel. Foguetes com 100 km de alcance não são feitos no fundo do quintal. Ou estão vindo de fora ou há a participação de toda a sociedade, que não só aceita que suas escolas sejam usadas como base de lançamento de mísseis com ajudam a fabricá-los, pouco se importando com as crianças inocentes que lá estudam. Só com a entrada em… Read more »

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Foguetes baseado em modelo Chinês, o Bosco pode nos dar uma aula sobre tais foguetes. Fornecedores: Irã e Syria. Entraram pela fronteira de Gaza com o Egito, quando a irmandade Mohamed Mursi estava no poder. Milhares de unidades e armamentos. O “Instituto” sabia e foi informado dos detalhes pela comunidade de informações do vizinho e inclusive o equivalente das famílias Faisal e Saud. Israel aguardou o movimento e/ou lance dos radicais. Entenderam em parte porque os militares voltaram ao poder no Egito ? Entenderam em parte porque o SI dos Faisal e Saud voltaram a “conversar” com o Instituto ?… Read more »

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Estimado Bosco

joseboscojr

24 de julho de 2014 at 22:19 #

Perfeito.

Fácil ser pedra, difícil ser vidraça.

“Fosse o ET de Varginha que estivesse presidindo a sessão na Assembleia Geral da ONU e o Estado de Israel teria sido criado do mesmo jeito.
E se o governo brasileiro chama seu embaixador em Israel mas não cobra explicações do Hamas, legitimamente eleito pelo povo palestino, ele sinaliza que acha errado Israel se defender mas aceita como legítimos os métodos do Hamas.”

Todo vosso texto é irrepreensível, mas destaco acima.

Chaver,

Ani rotseh shalom

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás
lppassos2000
lppassos2000
6 anos atrás

Caro Bosco, Eu Leonardo em nenhum momento apoio o que faz o Hammas, ou disse que foram meia dúzia de foguetes, apenas disse que eram foguetes de fundo de quintal, não dá para comparar a tecnologia tosca deste artefatos com a capacidade do arsenal judeu. Todos sabemos que grupo terrorista Hammas é uma milícia que detentora do poder na Palestina que governa e oprime seu próprio povo. Israel tem todo o direito de se defender, mas está havendo uma desproporção de força absurda, os judeus invadiram o território palestino com equipamentos de última geração e dizem que as mortes de… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Quem começou o ataque foi o Hamas, que é o governo palestino. Eles sabiam quando e onde atacariam. Alguém sabe quando começaram a cavar as trincheiras pra proteger a população palestina? Alguém sabe quando os palestinos foram avisados a permanecerem afastados dos locais de lançamento de foguetes por meio de megafones, sirenes ou panfletos? Há foguetes na Faixa de Gaza, mas não há sirenes e megafones para avisar a população que um ataque será desferido e que um contra-ataque é esperado? A população foi instruída a fazer porões reforçados e a acumular água e comida? A população foi instruída a… Read more »

Colombelli
Colombelli
6 anos atrás

Amigos, agora estamos chegando no ponto que referi em outra postagem. A questão não é a defesa em si, mas o método usado, que favorece as pretensões do Hamas. Pra eles quanto pior melhor. Os foguetes geram poucas vítimas pela imprecisão. Mas faz tempo que não são de fundo de quintal. Ai entra a questão: como estrangular esta produção. Tudo cai naquilo que falei. esta guerra se ganha com operações especiais e psicológicas. Não com força bruta. Quanto ao sistema iron dome, atentar para um aspecto importante que também referi na outra postagem: o econômico. Além da ofensiva terrestres paralisar… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Leonardo, Tem que haver um cessar fogo, mas não depende só de Israel. Pelo menos até onde eu sei. Posso estar errado! Mas de qualquer forma, o que acho estranho é o fato dos métodos de Israel serem questionados e inclusive haver um movimento pedindo que providências sejam tomadas contra israel, mas em nenhum momento o Hamas é questionado, nem pelo fato de terem iniciado o conflito, nem pelo volume do ataque que perpetraram e muito menos, e isso é o que me deixa mais estupefato, pelo descaso com a população civil dentro da Faixa de Gaza. O que adianta… Read more »

eparro
eparro
6 anos atrás

7 a 1 da Alemanha;
7 a 0 de Israel;

Próximo!

Ó Pátria amada e tão solapada.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Colombelli, Se dois mil foguetes foram disparado e se metade foram direcionadas corretamente contra áreas habitadas, duvido muito que mais de 10% tenham sido interceptados. Duvido que mais de 200 Tamir foram disparados nesse curto espaço de tempo. As poucas baixas israelenses se deve ao alerta e as medidas de proteção à população. São devidas as medidas de proteção que o governo de Israel elaboraram com antecedência, coisa que o Hamas parece não ter feito, apesar de saber com antecedência o dia e a hora que iniciariam os ataque e apesar de saber que estavam atacando um país militarizado até… Read more »

eparro
eparro
6 anos atrás

Quando sequestraram os três jovens israelenses, que intuito tinham? Podiam ter barganhado por prisioneiros, por qualquer coisa, como já fizeram incontáveis vezes, mas não o fizeram. Ao contrário, os jovens foram rapidamente mortos e encontrados por Israel. Bem, que tipo de reação poderia ter o governo de Israel? Aquela que todo o mundo já conhece, que é a reação desmesurada. Mudando um pouco de foco, quando Rússia invadiu a Criméia e anexou-a a seu território, a Ucrânia declarou guerra à Rússia? Óbvio que não! Ucrânia não quer arrumar briga com a Rússia. Penso eu que devido a desproporção de forças.… Read more »

lppassos2000
lppassos2000
6 anos atrás

Bosco Eu sei o Hammas começou tudo, que a solução não é simples, quanto ao governo brasileiro é apenas mais uma de tantas “cagalhopanças” feitas e eu prefiro nem me aprofundar, mas penso que se o Itamaraty tomou essa posição que permaneça com ela até o fim, pois como disse Uitinã se mudar de posição mostrará fraqueza, o certo seria condenar as duas partes como o Brasil foi um dois primeiros países do mundo a reconhecer o Estado da Palestina, na verdade um estado sem território, deveria ser também um dos primeiros a questionar o Hammas, mas isso nunca irá… Read more »

Vader
6 anos atrás

A diplomacia brasileira sob a batuta do governo do PT se transformou não numa anã diplomática propriamente dita, mas numa anã MORAL. E isso senhores, creiam-me, é muitíssimo mais grave. A ÚNICA diretiva a que os diplomatas e o alto comando do Itamaralívia obedecem é “confrontá usamericanu”. Não importa como, não importa quando, doa a quem doer, cause o prejuízo que causar. Israel para eles é até um alvo fácil, porque é fácil jogar pedra na Geni. Nossa diplomacia faz coisa muito pior e muito mais abjeta, como apoiar incondicionalmente o carniceiro do Sudão, responsável por meio milhão de cadáveres,… Read more »

Vader
6 anos atrás

Caro Colombelli: Você afirma que a estratégia israelense é equivocada, e que o país deveria fazer uso do Mossad e suas FEs para eliminar as lideranças do Hamas, ao mesmo tempo em que promove ACISOs para ganhar a população palestina. Você não está errado. Mas se esquece de um detalhe: Israel DEIXOU a Faixa de Gaza. Israel NÃO QUER governar Gaza. Não quer ter nada a ver com Gaza. Israel só quer que Gaza e os palestinos de lá os deixem em paz! Infelizmente, depois de tudo o que aconteceu creio que Israel deverá rever suas posições, e acabará tendo… Read more »

thomas_dw
thomas_dw
6 anos atrás

enquanto isto, na Siria, morrem 100 pessoas por dia

no Iraque um homem bomba matou 30 pessoas ontem

na Libia, dezenas morrem em combate todo dia, dos civis, nem se sabe quantos,

Aliados de Putin derrubam um aviao civil com 300 passageiros.

O Governo Brasileiro se cala.

O Hamas se esconde entre civis, que morrem no fogo cruzado, disparam 2000 misseis a esmo na direcao de Israel … talvez se Israel disparasse 2000 misses a esmo na direcao de Gaza isto seria considerado uma resposta proporcional.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Qual foi a nota diplomática brasileira no caso do uso de armas químicas na Síria que vitimaram milhares de inocentes num único dia?
No máximo deve ter sido: “Lamentamos as mortes de inocentes”.
Não tomaram partido, não se indignaram. A mídia ocidental, idem.
O problema não é que inocentes, incluindo crianças, estão sendo mortos na Faixa de Gaza. O problema é que é Israel que está causando as mortes. Isso sim revolta o mundo.

Pangloss
Pangloss
6 anos atrás

Que os demais comentaristas perdoem a pobreza de detalhes, mas eu me recordo que, durante o governo racista da África do Sul, o Brasil matinha boas relações diplomáticas com aquele país. Confrontada com o que seria um apoio ao apartheid, a nossa diplomacia respondia que, na condição de país amigo, o Brasil teria muito melhores oportunidades de influenciar positivamente o governo sul-africano. Para resumir, era a realpolitik à brasileira. Pode-se criticar ou elogiar, mas acho que era uma atuação bem mais assertiva do que a atual. Hoje, ao reverso, o Brasil busca se meter em questões nas quais não tem… Read more »

lynx
lynx
6 anos atrás

Essa resposta israelense pegou de surpresa nossos diplomatas. A ação do Itamaraty, hoje um feudo dos radicais seguidores do MAG, foi típica de amadores, que provaram seu amadorismo ao serem surpreendidos pela reação diplomaticamente”violenta” de Israel. Agiram sem avaliar as consequências de seus atos. E agora? O que irão fazer? Invadir Israel? Romper relações? Convocar a seleção brasileira para dar de 8 em Israel? Kkkk decretar sanções políticas e econômicas? Chamar os bolivarianos em nossa defesa? Do que é possível fazer, o que surte algum efeito? Nada! Só nos resta voltarmos ao nosso cantinho do mundo com o rabo entre… Read more »

VESPÃO
VESPÃO
6 anos atrás

Essa agora :

25/07/2014 00:00:30
Israel reage com ironia ao Brasil: ‘Desproporcional é 7 a 1’
Resposta, em referência ao futebol, veio após o governo brasileiro criticar mortes em Gaza

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
6 anos atrás

Essa declaração de Israel não deveria ser feita. A menos que Israel já esteja com a disposição de enfrentar o Brasil. Deveriam convocar o embaixador do Brasil quando nosso país não se posicionasse contra os ataques do hamas. Ou seja, deveriam imputar culpa ao Brasil pelo silêncio que faz em relação aos ataques do hamas e, pelo barulho exagerado que faz com os ataques de Israel no território palestino (sempre preventivos). Além disso, poderiam retaliar o Brasil no campo comercial além do diplomático. Não é preciso lembrar a seriedade do Estado de Israel, sobretudo, as qualidades do seu povo. Se… Read more »

Antonio M
Antonio M
6 anos atrás

Sempre triste a morte de inocentes, mas espero ansiosamente que os líderes consagrados e abençoados do Hamas e congêneres montem em seus cavalos brancos, empunhem suas espadas e simplesmente esmaguem e triunfem sobre todos os infiéis já que são os que realmente são escolhidos por seu deus para essa missão e que lhes dá toda a certeza da vitória. Não é estranho que se escondam em bunkers e atrás de escudos humanos !?!?

Antonio M
Antonio M
6 anos atrás

Quanto ao (des)governo brasileiro, já estou com nojo ao tentar comentar ….

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás
Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás
Guilherme Poggio
Reply to  Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Interessante essas coincidências da vida.

Na semana em que o Dunga assume a seleção, Israel chama o Brasil de “anão diplomático”.

7×1 para eles

Vader
6 anos atrás

A verdade é que o Brasil está a um passo de se tornar um pária internacional. Um “país-lixo” como chamam os grandes investidores internacionais, muitos deles de origem judaica. E isso, senhores, tem um custo. Vamos ver se o PoliTburo aguenta o tranco na hora em que o dinheiro de fora se mandar e o pouco capital nacional começar a minguar de verdade (o que já vem ocorrendo nos últimos dois anos). Na hora em que os empregos despencarem, a inflação e os juros para tentar contê-la (a única coisa que o PT sabe fazer pra conter a inflação é… Read more »

Pangloss
Pangloss
6 anos atrás

MAG já qualificou o israelense que disse o óbvio como “sub do sub do sub” (acho que ele repetiu três vezes para ver se dava sorte, só pode ser isso).
Não sei a posição do sujeito em Israel, mas lamento não poder descrever o MAG da mesma maneira, como lhe seria merecido.

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Caro Pangloss

posso colaborar contigo ? Tomo a liberdade:

O inspirador do MAG:

http://en.wikipedia.org/wiki/Adolf_Eichmann

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Estimado Lord Vader

25 de julho de 2014 at 18:32 #

Caso a Argentina declare default (ela já está de fato, falta caracterizar em ofício), o Brazil vai “derreter” numa velocidade que vai deixar a Maria Antonieta Tupiniquim e o Luis XV sem argumentos.

Vai derreter de qualquer jeito, o “timing” e a velocidade estão em pauta.

Estão “dividindo” o país há anos, pagarão caro por isso.

Compartilho das suas afirmações.

Quem viver verá.

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Caro Guilherme Poggio

25 de julho de 2014 at 18:08 #

Dunga ….. só aqui mesmo.

Apenas um adendo:

Ele não chamou ao Brazil e sim a diplomacia brazileira.

Coitados dos anões, deveriam ir a Corte de Haia reclamar sobre essa injustiça.