Home Indústria de Defesa Saab recebe contrato para o sistema de autoproteção LEDS-50Mk2

Saab recebe contrato para o sistema de autoproteção LEDS-50Mk2

478
2

Carro de combate em nota sobre lançador LEDS-50 Mk2 - foto via Saab

Em nota, a Saab divulgou que recebeu contrato para sua solução avançada de “softkill”, o sistema LEDS-50 Mk2, que proporciona proteção para veículos e tripulações ao detectar a presença de ameaças laser de última geração e realizar contramedidas de forma automática, evitando que o veículo seja atingido pela ameaça.

O contrato tem valor de 48 milhões de coroas suecas (cerca de 6,6 milhões de dólares ou aproximadamente 16 milhões de reais) e foi concedido por um cliente não revelado pela nota da empresa. Trata-se do contrato lançador para essa mais recente solução de autoproteção, representando um importante marco para a empresa nessa área e confirmando a atratividade de soluções avançadas para o mercado, que visam aumentar a capacidade de sobrevivência de veículos em situações operacionais complexas. A Saab Grintek Defence em Centurion, África do Sul, está a cargo do desenvolvimento e a produção do equipamento.

Ainda segundo a empresa, entre os atuais clientes da Saab que empregam suas soluções terrestres de autoproteção está o Exército Holandês, que instalou sistemas de alerta laser em sua frota de  CV90/35, como parte de uma suíte integral de sobrevivência.

FONTE / FOTO: Saab (tradução e edição do blog das Forças Terrestres a partir de original em inglês)

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Colombellijoseboscojr Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Bosco Jr
Membro
Trusted Member
Bosco Jr

Os carros de combate (eu prefiro chamá-los de tanques) ou MBTs (main batle tank) que inúmeras vezes no passado tiveram seus dias contados desde o advento do míssil antitanque, teimam em sobreviver no campo de batalha. Se for agregado a um “tanque” ou mesmo a um veículo de combate de infantaria ou similar tudo que há disponível para sua proteção, as armas antitanques (guiadas ou não) ficam em desvantagem. O tanque (MBT) deve evoluir no futuro na forma de um veículo com dois tripulantes lado a lado e pesando bem menos que os atuais. Provavelmente não passarão de 30 t.… Read more »

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Bosco é sem dúvida que a coisa caminha para este patamar e ai me preocupa o fato de que possa ocorrer a mesma coisa que com os caças, o seja uma divisão entre uns poucos que podem ter um 5a geração e o resto que ficara anos luz atras, podendo disputar somente com seus pares, pois estas tecnologias farão o preço dos carros ir para a alturas.

Nesta senda, quando começarmos a pensar em substituir o Leopard ja começaremos com projetos defasados que serão apenas um feijão com arroz frio de “mata fome”.