terça-feira, outubro 26, 2021

Saab RBS 70NG

1º Batalhão de Infantaria Motorizado – Tiro de Morteiro 60 mm

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

1º BI Mtz - 3

Rio de Janeiro – No dia 4 de novembro, a 1ª Companhia de Fuzileiros do 1º Batalhão de Infantaria Motorizado (Escola) realizou o tiro de morteiro 60 mm, com suas respectivas peças, no Campo de Provas da Marambaia.

1º BI Mtz - 1

1º BI Mtz - 2

1º BI Mtz - 4

FONTE: 1º BI Mtz

- Advertisement -

19 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
19 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
5 anos atrás

Interessante notar que o efetivo estar usando o novo fuzil Imbell IA2…

Luciano
Luciano
5 anos atrás

Notar o uso do IA2 pelos fuzileiros!

Colombelli
Colombelli
5 anos atrás

Ao invés de distribuir os poucos IA2 para os PELOPES em todo o país, para familiarizar a tropa como um todo com a arma, e para permitir utilização em todas as realidades e rincões, ou então para as tropas de pronto emprego com prioridade, se prestigiam unidades perto do comando logistico, que é no Rio, e que nada de especial tem ( A brigada escola é escola so no nome) Preguiça de fazer o transporte e controlar a distribuição? Mais uma OM que deve ser urgentemente mudada ao centro do país. Ps, os bipes estão com ângulo muito fechado. Ainda,… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
5 anos atrás

Eu sou um fã incondicional do conceito dos morteiros, mas acho dispensável o morteiro leve de 60 mm, com bipé e colimador. Pra mim deveria existir só o morteiro de 60 mm do tipo “comando” (com alça, sem bipé e sem colimador), e na sequência o médio de 81 mm.

Bosco Jr
Bosco Jr
5 anos atrás

Correção: aparelho de pontaria e colimador.

Bosco Jr
Bosco Jr
5 anos atrás

Só de curiosidade: https://www.popularairsoft.com/files/imagesnew/norskusa_imortar.jpg
Esse morteiro comando (ANTOS) é bem interessante.

Bosco Jr
Bosco Jr
5 anos atrás

Dei uma conferida e o alcance de um morteiro leve pode chegar a 3500 metros. Pelo que lembrava não passava de 2200 metros, enquanto que um “comando” é de 1500 metros.
Tendo metade do peso de um morteiro 81 mm com 40 kg (alcance de 5900 metros) a falta de um morteiro leve de 60 mm provocaria um gap inaceitável.
Retiro o que disse no comentários das 9:49.

Bosco Jr
Bosco Jr
5 anos atrás

Interessante que esse morteiro de 60 mm do EB está me parecendo muito pequeno, com cano muito curto. A referência ao alcance de 3500 metros é do M-224 com cano de 1 metro de comprimento, que o Brasil não adota. Esse deve ser o nacional M-949, que pra variar não há muita informação a respeito.

Colombelli
Colombelli
5 anos atrás

Certa feita em 1994 no campo do Pico do Gavião cada pelotão realizou a oficina de morteiro 60mm e recebia uma única granada real para tiro. Quando o meu 8º Pel terminou a oficina, a peça do aluno Claudemir foi escolhida para o tiro. O alvo era uma área demarcada a exatos 2000 e com 25 metros quadrados que é a área de fragmentação da granada. Feito o apontamento por bússola, pois a peça não tinha visada direta para o alvo, e o disparo, poucos segundos depois vimos a granada atingir o centro do alvo. Passei a respeitar o morteiro… Read more »

Luciano
Luciano
5 anos atrás

Os japoneses tinham o Type 89, 50 mm, mais ou menos nessa linha do comando. Era isso que pensou, Bosco?

Luciano
Luciano
5 anos atrás

Quanto a eficácia e a precisão, em “Band of Brothers” e em “Pacific” há relatos e cenas muito interessantes.

Bosco Jr
Bosco Jr
5 anos atrás

É isso Luciano. Vale salientar que os britânicos também tinham um morteiro comando de 51 mm tanto na SGM quanto no pós guerra. Os britânicos tinham um morteiro de 51 mm de curto alcance até há algum tempo e não usavam o morteiro leve de 60 mm, passando direto para o de 81 mm, mas ele foi considerado de alcance muito curto e hoje os britânicos adotam o de 60 mm. Ou seja, na verdade o que eu propus já foi tentado e não foi bem aceito. O certo é que haja uma versão “comando” (com tubo, “empunhadura” com gatilho… Read more »

Luciano
Luciano
5 anos atrás

Em unidades especificas, talvez esses morteiros menores fosse bem uteis.

No caso do type 89 – uma curiosidade – é q se enganavam com o formato da placa base e achavam que eram um apoio…para perna! Muita gente se machucou com isso!

Luciano
Luciano
5 anos atrás

#fossem

Lyw
Lyw
5 anos atrás

Bosco,

Sobre sua dúvida a respeito das características do morteiro de 60mm do EB, podemos nos basear pelos Requisitos Operacionais Básicos (ROB) que o exército publicou enquanto este morteiro estava sendo concebido:

http://www.forte.jor.br/2012/09/13/md-publica-requisitos-operacionais-conjuntos-para-morteiros-de-60-e-81mm/

Entre os requisitos descritos no link, podemos destacar estes a seguir:

17. possuir tubo com comprimento inferior a 0,80 m (zero vírgula oitenta metros).
18. possuir alcance útil mínimo de 100 (cem) metros.
19. possuir alcance máximo maior que 2.000 (dois mil) metros.

No site do CTEX o alcance máximo informado é de 2200m.

http://www.ctex.eb.br/index.php/projetos-em-andamento/80-morteiro-leve-antecarga-60-mm#caracter%C3%ADsticas-t%C3%A9cnicas

Lyw
Lyw
5 anos atrás

Colegas editores, creio que minha postagem ficou presa no Span.

Saudações.

Alexandre Samir Maziz
5 anos atrás

Fui da arma de infantaria tive oportunidade de usar essa arma pois eu era o “chefe da peça” do morteiro 60 mm , o cara que fazia os calculo de tiro , um armamento fácil de usar e bem eficiente para o infante tanto como nas manobras de defesa quanto ataque pois com ela temos grande poder de fogo em pouco tempo , gostei do comentário do amigo sobre o fuzil Imbell IA2 , tinha que ser enviado primeiro para as tropas de fronteira , já que nosso EB não recebe um orçamento decente , o melhor equipamento tinha que… Read more »

Bosco
Bosco
5 anos atrás

Valeu Lyw!

Narciso Moura
5 anos atrás

Esse daqui uni os dois, Bosco: http://www.gd-ots.com/download/60mm%20Weapon.pdf

Últimas Notícias

Recife (PE) sediará a nova Escola de Formação de Sargentos do Exército

O CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DO EXÉRCITO INFORMA: Na 339ª Reunião do Alto Comando do Exército, realizada de 18 a...
- Advertisement -
- Advertisement -