Home Exército Brasileiro 17º RC Mec – Estágio Tático de Peça de Apoio do Pelotão...

17º RC Mec – Estágio Tático de Peça de Apoio do Pelotão de Cavalaria Mecanizado

3758
7

17º RC Mec - 1

Amambai (MS) – De 9 a 13 de novembro, o 17º Regimento de Cavalaria Mecanizado realizou o Estágio Tático de Peça de Apoio do Pelotão de Cavalaria Mecanizado. Foram matriculados 10 militares, entre eles dois terceiros-sargentos Comandantes de peças de apoio e seis cabos e soldados do Efetivo Profissional auxiliares do Regimento.

As alunos adquiriram conhecimentos sobre aspectos doutrinários do esquadrão de Cavalaria mecanizado no processo de locação rápida, ordens fragmentárias, técnica de material do morteiro 81 mm Brandt, técnica de tiro do morteiro 81 mm Brandt, correção de tiro por observação avançando, tiro real com redutor de calibre e cross FIT.

17º RC Mec - 2

FONTE: 17º RC Mec

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
wwolf22
wwolf22
4 anos atrás

o que eh mais velho, o morteiro ou o fuzil ?!?!?!
ainda bem que nao estamos em guerra…

Flávio
Flávio
4 anos atrás

Boa noite.
Mas, peças como esse morteiro não são ainda usadas em exércitos mais bem equipados como o norte americano e europeus? Me corrijam se eu estiver errado.
sds.

Eziquiel Martins
Eziquiel Martins
4 anos atrás

Amigos editores, a Turquia acaba de deslocar forças terrestres para a fronteira com a síria, incluindo seus M-60 modernizados.

Colombelli
Colombelli
4 anos atrás

Flávio, são sim, apenas são mais leves em torno de 1/3 que este modelo e tem em torno de um 1,5 km em média a mais de alcance. Ja estamos fabricando um morteiro 81mm mais moderno através do arsenal de guerra. Por ser apenas um exercício de tiro simulado, notar que a placa base não está bem fixada. Apesar de haver reclamação prévia maior sempre por a quem toca levar a placa base nas costas, a pior peça de ser levada é o bipé. No caso da cavalaria, há viatura orgânica e felizmente os deslocamentos são menores. Cada PEl de… Read more »

Flávio
Flávio
4 anos atrás

Obrigado amigo Colombelli.

wwolf22
wwolf22
4 anos atrás

Colombelli,
ha estudos para matérias compostos(fibra de carbono) para substituírem o cano do morteiro ou outras pecas a fim de diminuir o peso/tamanho ??

Colombelli
Colombelli
4 anos atrás

Wwolf, que eu tenha conhecimento não, pois o encarecimento pelo material aparentemente não valeria a pena em vista do custo benefício da redução de peso. Ademais, por mais que se reduza o peso da arma, o da granada não há como, e como ao menos 20 disparos tem de ser levados junto com a peça, alguns poucos quilos de peso reduzido não representariam mais que dois ou três disparos a mais. Hoje não há muito mais o que reduzir. Este da fato pesa completo 60 kg, mas os mais modernos tem 1/3 do peso reduzido. Um agranada de morteiro 81mm… Read more »