Home Cavalaria Foto: Cavalaria do Exército em exercício em 2010

Foto: Cavalaria do Exército em exercício em 2010

11002
160

cavalaria-do-eb

Foto de divulgação do Exército Brasileiro feita durante exercício de Cavalaria no ano 2010. Entre os vários carros de combate e blindados, aparecem M-60, Leopard I, M-113 e EE-9 Cascavel.

160
Deixe um comentário

avatar
160 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
40 Comment authors
Hélio HiguchiJuarezSilvio RCMauricio R.ScudB Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Hawk
Visitante

Qual é a última versão feita do M-60?

DaGuerra
Visitante
DaGuerra

Onde estão os helicópteros, os VANT, Urutu e a Cavalaria Hipomóvel?

Carlos Crispim
Visitante
Carlos Crispim

É fácil perceber na foto que o M60 é bem mais parrudo que o Leopard. Aliás, o Leopard 1 está mais para treinamento, é muito fraco, estamos muito mal de MBT’s, precisava um macho colocar o porrete na mesa e pedir uns 200 Leopard 2 pra começar e, quem sabe, desenvolber um MBT nacional baseado no Osório. è bom nem falar da artilharia, ainda samos peças de 155mm da WWII, quando vão adquirir finalmente o M777????????

_RR_
Visitante
_RR_

Hawk,
.
A ultima variante de produção foi a M-60 A3. O Brasil usa atualmente a subvariante ‘A3 TTS’, com visão termal atualizada AN/VSG-2.
.
Atualmente, se oferecem programas de atualização para a frota. Tem o programa Sabra israelense e o programa SLEP americano. Ambos oferecem um novo canhão de 120mm, melhorias nos sistemas de controle de fogo e na motorização. E há também um programa conjunto da RUAG suíça com a KADDB jordaniana chamado “M-60 Phoenix”, fornecendo um canhão algo mais poderoso que o L44 e melhor transmissão…

gbento
Visitante

Qual a dotação de M-60 e Leopard do EB? O EB tem Leopard de diferentes versões ou só de uma?

Tamandaré
Visitante
Tamandaré

Aaahhhh meu pai, essa história de “Osório” de novo?? Bachi, meu caro, cadê vossa senhoria quando mais precisamos?? rsrsrsrsrs Expliquem aí essa falácia do Osório que eu já estou sem paciência! :/
.
No mais, acho que a gente bem que podia ir atrás de mais uns M60, ou ainda de Leopard 2. De fato, o 1A5 BR me parece meio fraco…. Mesmo que os outros sejam ainda mais fracos, é incomodante, pelo menos pra mim, ver um MBT menorzinho…. rsrsrsrsrs
.
Boa noite a todos

João
Visitante
João

Hawk, acredio que é a primeira versão e não o M60A-1.(não tenho certeza)

Cláudio PQDT
Visitante
Cláudio PQDT

Gbento
Atualmente dotação de m-60 no EB, dos 91 adquiridos é de 28 CC Operacionais e o restante na reserva e/ou inoperantes.
Já os Leopard 1A1, dos 128 adquiridos, 41 estão operacionais(passaram por uma reforma no PqMNT5) e os restantes foram desmontados e servem como fontes de peças(Não valia a pena reforma-los).
Os leopard 1A5, este lote é composto por 250 Viaturas Blindadas de Combate Carro de Combate (VBC CC), sete Viaturas Blindadas Especializadas (VBE) Socorro, quatro VBE Lançadora de Ponte, quatro VBC Engenharia e quatro VBE Escola para Motorista.

Boa noite

Caio Romão
Visitante
Caio Romão

Cláudio PQDT 8 de setembro de 2016 at 21:13
———————
Quantos Leopard 1A5 estão operacionais nesse momento, meu camarada ?

Cláudio PQDT
Visitante
Cláudio PQDT

Pelo que me consta, todos se encontram operacionais, segundo o ultimo levantamento da DMM.

Att

gbento
Visitante

Claudio PQDT, muito obrigado. Não sabia da existência dos 1A1 no EB.

kfir
Visitante
kfir

Exército restringiu mais ainda o acesso a armas de fogo pela população…
.
Pessoal do tiro esta pra morrer com o comando logístico.. >.<
.
.
http://www.dailymotion.com/video/x4sk1e3_novo-r-105-ep-12-o-colog-vai-trair-o-brasil_news

Cláudio PQDT
Visitante
Cláudio PQDT

Senhores,

Em combate, tamanho não é documento!!!!!!!!!!!

Att

PauloR
Visitante
PauloR

Olhando a invasão turca na Síria, eu me pergunto se os Leopard são mesmo eficiente. O exército do país esta usando os velhos M60T deixando de lado os Leo 2A4 que são mais modernos.

Jodreski
Visitante
Jodreski

Kfir…. o que podemos dizer da R-105? Aliás o que posso dizer de uma instituição como as forças armadas que um orçamento bem Pomposo (comparemos com o orçamento de outros países) e mesmo assim são mal treinados e mal equipados (SIM o prolema do EB, MB e da FAB não é falta de dinheiro), essas 3 instituições torram o dinheiro NOSSO, do contribuinte brasileiro da maneira mais ACÉFALA possível, então quando vemos uma R-105 não é de se espantar. A cúpula dos militares brasileiros não defendem o interesse da sociedade que eles representam, esses Cocoon de farda defendem o interesses… Read more »

kfir
Visitante
kfir

Jodreski

O governo do General Figueiredo até publicou um manual para uso de armas pela população agora em governos esquerdistas, somos obrigado a nó máximo ter armas em casa somente, e de calibres que se obriga a matar em legitima defesa do simplesmente parar.
Pelo menos tenhamos o direito de reclamar e bravejar.

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

Não sei o que é pior: o Estatuto do Desarmamento ou o R-105.

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Dotação operacional do EB é a seguinte. 216 Leo 1A5, 28 M-60 e 39 Leo 1A1 distribuidos na tropa. Estes ultimos o numero me foi passado por um dos envolvidos na reforma. Vários 1A1 ja viraram sucata e eu mesmo pessoalmente tive oportunidade de conhecer um canhão L7 ja retirado de um deles além de motores, alguns ainda inteiros e funcionais. Nos RCB falta mobiliar um esquadrão em três deles, de forma que a dotação demandaria mais 39 veiculos para ficar completa. Crispim, tamanho não diz muita coisa em termos de CC. Leo e M-60 são equivalentes. Apenas o segundo… Read more »

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

Colombelli, os Leo2 da Espanha foram vendidos?
.
A Holanda vendeu todos?
.
A Alemanha não tem nenhum de segunda mão?

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Rafael, a Alemanha não tem pra venda. Tem 220 operacionais e está se vendo em papos de aranha pra por mais 100 operacionais. Os espanhóis estão operacionais lá. Os holandeses foram se não me engano pra Indonésia. Leo 2 no mercado tá dificil.

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

A Finlândia comprou 100 Leo2 da Holanda, que, salvo compra que me passou despercebida, ainda tem 3 centenas em seus estoques. A Indonésia acabou comprando só da Alemanha.
.
Li notícias da Espanha e da Holanda ofertando Leo2 para o Peru, que acabou não comprando. Ainda que os espanhóis os tenham operacionais, há disposição para vendê-los.

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

Vi que o Canadá também comprou 20 Leo2 da Holanda.
.
A propósito, a Finlândia pagou 200 milhões de euros pelos 100 Leo2. A meu ver, um ótimo custo-benefício.

Cláudio PQDT
Visitante
Cláudio PQDT

Boa noite Colombelli

Não sei de onde vc obteve estes dados/números, favor informar fontes, pois trabalho diariamente/presencialmente com isso!!!!!!!!!!!!!!
Em tempo!
Quero adicionar que dos 250, existem 11 adquiridas como fonte peças.
att

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Rafael, o Chile ao que lembro pagou 1 milhão de euros. Dois milhões é um preço proibitivo pra nós. Não sei se a Holanda ainda tem carros. De qualquer sorte ainda que tenha, pra ti teres uma base o elemento que recebeu os Leo 1A5 no pais me relatou que o preço foi de R$ 512.000.00. Dois milhões de euros daria na fixa de R$ 7.000.000,00 ou seja 1/14. E o que oferece um Leo 2 em campo de batalha não compensa um Leo 1A5 14 vezes, mormente em um campo de batalha dominado por misseis eficazes e baratos.

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Claudio. Cada um dos RCC tem 54 carros, São 04. Sendo 220 carros para serem operacionais dentre os 250, sendo que no todo ainda há veiculos de resgate e treinamento, restariam ainda 04. Os 4 restantes se não me engano estão no Ci Blind. Os 28 M-60 há um artigo do T Cel Cav Mesquita que trata disso. Já os 39 Leo 1A1 falei pessoalmente com o hoje capitão da reserva que recebeu os Leo 1A5, participou da sua escolha na Alemanha, e estava no parque de manutenção quando feita a reforma dos A1. 39 estão na tropa, o que… Read more »

Rafael Oliveira
Visitante
Rafael Oliveira

Colombelli, realmente, se levar em conta apenas o custo de aquisição, não compensa. . Mas temos que levar em conta os custos de manutenção (peças e mecânicos) e de operação (tropa e combustíveis) e ver quanto custa operar um Leo2 por, digamos, 15 anos, e quanto custa operar 14 Leo1 pelo mesmo tempo. Acredito que o jogo iria virar pro lado Leo2. . E essa minha crença, apesar de desconhecer os números reais, é baseada no fato dos países mais desenvolvidos optarem pelo Leo2 em vez de maior quantidade de Leo1. . Por fim, a versão holandesa/finlandesa é a A6,… Read more »

Lukas Delmondes
Visitante
Lukas Delmondes

Eu não me sentiria seguro ou confiante dentro de um MBT desse durante uma Armoured spearhead.

control
Visitante

Srs

Considerando custo benefício, melhor que comprar o Leo2 seria adquirir mais M60 e contratar um “upgrade” para eles.

Sds

augusto
Visitante
augusto

falam muito do leopard 2, mas eu acho o type-10 japonês perfeito para o Brasil,https://en.wikipedia.org/wiki/Type_10, ele é moderno e tem peso minimo de 40 toneladas perfeito pro EB

augusto
Visitante
augusto

Mas é caro! talvez no futuro numa possivel substituição dos leo1

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Augusto
Minha dúvida é pelo uso de transmissão CVT pelo T-10 japa, já que tal tipo de transmissão já não é muito durável em automóveis de passeio, o que dirá num MBT de 1200 cv e mais de 40 toneladas.

kfir
Visitante
kfir

pois é cade a Engesa?

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

O gato comeu!

Madmax
Visitante
Madmax

Queria ver uma matéria sobre cavalaria aérea (assalto aéreo) com helis no exército brasileiro.

S e al
Visitante

Gostaria de saber da opinião dos senhores sobre o IFV Boxer 8X8 no Exercito Brasileiro. http://tecnodefesa.com.br/wp-content/uploads/2016/08/Imagem-1-e-2-Litu%C3%A2nia-BOXER.jpg

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Rafael, A questão é que 1 Leo 2 não ocupa o espaço e nem faz o que 14 Leo 1A5 fazem. Vejamos o exemplo do Konig Tiger em relação ao Sherman. A diferença entre ambos era até maior que entre os Leos 1 e 2, pois o Tiger tinha o peso de um carro moderno e um canhão 88mm superior a tudo o que existia na época. Em média a vantagem alemã foi de quatro pra um. Então ainda que os gastos de manutenção do Leo 2 não sejam individualmente muito maiores que o de um Leo 1A5, o fato… Read more »

Juarez
Visitante
Juarez

Colombelli, para minha comprensao:

Os BMP 3 que tu argumentos ficariam no lugar dos CCs nos RCBs?

G abraco

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

Penso um esquadrão com CC (hoje Leo 1A1 no RS, e M-60 no MS, unico que temos dois esquadrões cc completo), um esquadrão com BMP-3, e dois esquadrões de fuzileiros nos M-113 ( como hoje é). Motivo do BMP-3; 1) Pesadamente armados na realidade dos CC que poderiamos enfrentar, pois o canhão de 100mm abate um TAM, por exemplo, além de possuirem canhão 30mm e três metralhadoras. Isso ai num apoio de fogo é uma coisa é “coisa linda” de se ver. Fora que tem capacidade de disparo de misseis AC. 2) Capacidade anfíbia colocando poder de fogo ja junto… Read more »

Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel

Colombelli, Caro Amigo
_____________________

Voltei, ops voltamos ao velho tema (Há anos você descreve e eu corroboro, lembra-se do nosso 1º ping pong ?:
Roraima, Roraima, Roraima ……
Revitalização dos M 60.
Leo 1A5 foi nossa melhor escolha ….
Força opositora nos “ensaios” de campo …… e reserva blindada ….
____________________

Onde assino Colombelli ?
Shalom

Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel

Colombelli, Rafael Oliveira, ClaudioPQDT, _RR_ e demais foristas:
________________________________________________________

http://nationalinterest.org/blog/the-buzz/raytheon-can-turn-old-american-made-m60a3-tanks-killing-16142

________________________________________________________

E ainda mantenho minha linha: “Rapar” os Guepard’s disponíveis, proteção de colunas, inclusive Inf etc ….. etc etc etc

________________________________________________________

Krauss-Maffei no nosso quintal.

________________________________________________________

CC e outro blindados de qualquer natureza somente consigo “sonhar” com pés no chão, ops …. botas é claro !
O que importa são nossas fronteiras, fronteiras, fronteiras …..
Esqueçam Chile, Ecuador, USA, Israel ….. etc etc etc …..
Estes servem somente para reflexão, aliás como o Colombelli o fez e muito bem !
Shalom

Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel
Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel
Bardini
Visitante

Talvez para o futuro do EB, 2025+, se o desejo for por algo nacional, que certamente será, o ideal seja partir para o desenvolvimento de todo um segmento de blindados na faixa das 35 tons, aproveitando a parceria com os alemães. . Uma linha de blindados na faixa das 35 toneladas, possibilitaria uma ampla série de variantes sob a mesma plataforma no meu entender. E que atenderia todas as necessidades da força. . IFV, usa-se a UT-30Br, com Spike: ( ) Light Tank, usa-se a torre 105 mm do Guarani 8×8, ou a versão 120 mm desta. APC Engenharia Comando… Read more »

Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel

“Bardini 10 de setembro de 2016 at 20:18”
Comecei ter um ataque de nervos ….. mas ai chegou o ultimo parágrafo …………… UFA ! (rs).

Bardini
Visitante

Carlos Alberto Soares-Israel 10 de setembro de 2016 at 22:40
.
Basta ignorar.
É um favor não ser alvo de sua arrogância.

ScudB
Visitante
ScudB

Aqui esta o exemplo de encontro entre os modificados e melhorados “M60T SABRA” e Kornet. Coisa fresquinha :
http://www.youtube.com/watch?v=FlUK3QVU2IY
Pode entregar ate Armata mas sem uso correto , sem apoio da “inteligência” – o resultado vai ser esse dai! Vai dar no mesmo..
Um abraço!

Bille
Visitante
Bille

Galera da doutrina dos CC do EB anda assistindo esses vídeos? E qual a ideia sobre contramedidas e táticas?

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

De acordo com o Wiki, a Siria recebeu 100 lançadores Kornet e até 2500 mísseis, até 2006. Isto oficialmente.
Se o Putin(ho) entregou mais durante sua intervenção, por baixo dos panos, sabe-se lá.
.
Com estes AGTM’s e os MANPAD’s, mais fuzis sniper/antimaterial, TO urbano está se tornando um moedor de carne, pelo que vejo.

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

*ATGM. Falha nossa.

Carlos Alberto Soares-Israel
Visitante
Carlos Alberto Soares-Israel

Bardini 10 de setembro de 2016 at 22:59
Assim será !
“Supera-se a agressão com suavidade e a malícia com bondade.”
Fui