Home Exército Brasileiro Estágio de Operações na Selva para o Exército Chinês

Estágio de Operações na Selva para o Exército Chinês

6223
41

estagio-de-operacoes-na-selva-para-o-exercito-chines-3

Cruzeiro do Sul (AC) – No período de 19 de setembro a 21 de outubro, o Capitão Cleidilson Marcelo Ferreira Siqueira, integrante do 61º Batalhão de Infantaria de Selva (61º BIS), juntamente com outros três militares do Comando Militar da Amazônia, participou do planejamento e da condução do Estágio de Operações na Selva na Academia de Operações Especiais do Exército da China, localizada na cidade de Ghangzhou (República Popular da China).

A atividade contou com a participação de 67 Cadetes do 2º ano do Curso de Formação de Oficiais, da Academia do Exército da Nação Amiga. Foram ministradas instruções de Vida na Selva e de Técnicas Especiais e Módulos de Patrulhas.

estagio-de-operacoes-na-selva-para-o-exercito-chines-1

estagio-de-operacoes-na-selva-para-o-exercito-chines-2

estagio-de-operacoes-na-selva-para-o-exercito-chines-4

FONTE: 61º BIS

Subscribe
Notify of
guest
41 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Matheus
Matheus
3 anos atrás

Sei que um tempo atrás o EB participou em uma especie de competição na China.

Video: https://www.youtube.com/watch?v=4yRxEzY2f00

Politicagem a parte, acho bacana o EB ter essa interação com exércitos do mundo todo, como foi com o estágio no CIGS que tiveram mês passado.

wwolf22
wwolf22
3 anos atrás

Qnd o EB ministra cursos deste tipo, ele o ministra com os equipamentos que nos utilizamos ou utiliza o equipamento do pais amigo ??? alimentação, idem ??

Renato Carvalho
3 anos atrás

Já já aparece alguém dizendo que vieram copiar nossas indefectíveis táticas de guerra na selva…

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
3 anos atrás

Renato, o treinamento foi lá na China.

Agora, a China bem que poderia nos ensinar a construir e utilizar Porta-aviões não é não?

Gente, antes que me batam, é brincadeira hein!!!!!

horatio nelson T.R.U.M.P
horatio nelson T.R.U.M.P
3 anos atrás

o cigs agora tá igual a disney todo mundo vem

Matheus
Matheus
3 anos atrás

Marcelo Andrade 9 de novembro de 2016 at 15:46

Tem uns rumores que dizem que foi a MB que ajudou os Chineses a operarem os porta aviões, mas nunca vi confirmação.

Deixando de lado isso, consrução de porta aviões para apenas treino de selva, parece ser bem disproporcional o negócio.

Artur
Artur
3 anos atrás

Até o Trump vai vir fazer um estágio daqui a pouco, kkkkkk.

Artur
Artur
3 anos atrás

Mas brincadeiras à parte, o pessoal CIG’s tem o nosso respeito. Brasil acima de tudo!

Space Jockey
3 anos atrás

Isso não serve pra NADA !
Tempo perdido para ambos…

Clayton Kikugawa
Clayton Kikugawa
3 anos atrás

Duvido que ensinem tudo. Acho que é mais diplomacia, o exército brasileiro é uma armadilha pra qualquer pretenso invasor.

Roberto Santos
Roberto Santos
3 anos atrás

Porque só o nome desse Capitão, no minimo Os outros são praças graduados e não merecem nem serem citados pelo EB…….VERGONHA

Cláudio PQDT
Cláudio PQDT
3 anos atrás

Roberto Santos
Vejo muito isso nas Forças armadas Brasileiras até pq tb já aconteceu comigo.
As vezes o Of é um porcaria e são os praças que safam a onça, mas pelo fato dele ser oficial, é ele que leva o crédito.
Isso é Brasil!!!!!

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
3 anos atrás

Aquela parte de comer larvas os chineses tiram de letra rsrs.

Caio Romão
Caio Romão
3 anos atrás

Clayton Kikugawa 9 de novembro de 2016 at 18:25
—————
Sinceramente. 10 “colunas” de Viet Congs com experiência (considerando que existisse uma máquina do tempo, já que a maioria deles, hoje, está aposentada, senão morta), dariam mais trabalho na selva, que nossas brigadas de infantaria de selva.
.
Mas como a verdade dói… Esquece o que eu disse.

Space Jockey
3 anos atrás

KKKK tem gente aqui que ainda cre na vietnamização da Amazonia como um trunfo. Chega a ser comico

Fresney
Fresney
3 anos atrás

Na China tem malária??? Acho que vão lá ensinar só o básico e lá não tem floresta igual a nossa!!!

Delfim Sobreira
Delfim Sobreira
3 anos atrás

Eles aprendem, e bem. Está na cultura confucionista deles.

Roberto Dias
Roberto Dias
3 anos atrás

Pessoal, brincadeiras à parte, somente o fato de um integrante de nosso exército participar de um treinamento numa academia militar chinesa já nos enche de orgulho. Além dos chineses serem um povo extremamente reservado em seus assuntos internos, que eu acredito que um treinamento militar seja um destes, quantas outras opções eles teriam para convidar? Claro, somos o país que possui a maior floresta do mundo, temos uma unidade especializada mundialmente consagrada, mas lembrem se, nossas forças estão anêmicas em termos de investimento, nossa política em frangalhos e nossa imagem lá fora deve estar a pior possível também.

Clayton Kikugawa
Clayton Kikugawa
3 anos atrás

Caio Romão 10 de novembro 09:49
____________________________

Dez “colunas”? Primeiro, o CIGS está aí desde 1966´, sendo que não apenas ministra cursos para oficiais como também tem muitas brigadas do exército na Amazônia (soldados experientes, geralmente descendentes de indígenas que nasceram e cresceram ali). Segundo o CIGS é hoje o grande centro de treinamento de “guerra assimétrica” do Brasil, cujo lema é “a selva não pertence ao mais forte, mas ao sóbrio, habilidoso e resistente”.
O CIGS é considerado também, a melhor unidade de combate na selva DO MUNDO.
Amigão. Agora é Trump. E BOLSONARO VEM AÍ. FALÔ?
SELVA!!!!

Clayton Kikugawa
Clayton Kikugawa
3 anos atrás

Caio Romão ____________ ISSO É SÓ O COMANDO MILITAR DA AMAZÔNIA. 12° REGIÃO. Comando Militar da Amazônia – Manaus – AM Comando do Comando Militar da Amazônia – Manaus – AM Companhia de Comando do Comando Militar da Amazônia – Manaus – AM Núcleo da Base Administrativa do Comando Militar da Amazônia – Manaus – AM Centro de Instrução de Guerra na Selva – Manaus – AM Colégio Militar de Manaus – Manaus – AM 1ª Batalhão de Comunicações de Selva – Manaus – AM 3ª Companhia de Forças Especiais – Manaus – AM 4º Batalhão de Aviação do Exército… Read more »

Seal
3 anos atrás

Só isso aí já faz a Venezuela tremer.

Negrão
Negrão
3 anos atrás

Faltaram os outros batalhões do Pará.

Caio Romão
Caio Romão
3 anos atrás

Um fato incomoda muita gente, dois fatos incomodam, incomodam muito mais… três fatos incomodam muita gente, quatro fatos, incomodam, incomodam, incomodam, incomodam muito mais.

Fabio Aguiar
Fabio Aguiar
3 anos atrás

Ensina esse povo a “pescar” poraquê com a mão!

Bruno
Bruno
3 anos atrás

Devem ter sentido muita falta de um pastel de flango e um churrasco de cachorro, mas compensa a alegria de segurar uma arma que não solta pecinha.
Zueras a parte eu acho que eles devem aprender muito com o pouco que é ensinado, Chines não deve pedir água fácil.

Tulio Stephanini
3 anos atrás

Interessante ver que as forças armadas da China, especialmente o exército, tem vindo cada vez mais ao CIGS fazer cursos e estágios, há alguns anos a Marinha enviou dois navios para um exercício conjunto.
http://www.naval.com.br/blog/2013/10/29/marinha-do-brasil-realiza-exercicio-inedito-com-a-marinha-da-china/
O que me chama atenção é presença cada vez maior de chineses em Manaus.

Velame
Velame
3 anos atrás

Caio Romão, de qual fato estamos falando? Vc fez apenas uma suposição infantil. Então por favor nos explique porque dez colunas(seja lá o que for isso) de VC, seriam mais efetivas do que nossas tropas de selva? Você já serviu lá? Fez o guerra na selva?Obrigado.

Trollbuster
Trollbuster
3 anos atrás

O que dói é chamar estes chinas traíras de amigos..

ADSUMUS
3 anos atrás

Sempre olho quando posso o Forte , mas aqui tem pessoas q conseguem transformar um Estágio em Guerra na Selva no maior problema do mundo, qualquer nação amiga pode solicitar estágios e até cursos naão tem problema nenhum isso faz parte das relações entre forças armadas amigas.O cara vem me falar em vietcong ,tem que dar uma guerra mesmo .

Fresney
Fresney
3 anos atrás

Vale salientar que a pouco R$ e essa baita estrutura não tá parecendo um cabidão de emprego pouco eficiente??? O que acham comparar a estrutura do CMA com ou outros???

Fresney
Fresney
3 anos atrás

Cannibalistic zombie
Cannibalistic zombie
3 anos atrás

O que ganhamos com isso?

bomfao
bomfao
3 anos atrás

Engraçado, recentemente Brasileiros estiveram na china para estagio, e utilizaram armas chinesas, eles agora aqui, trouxeram seu armamento,,

Carlos Alberto Soares-Israel
Carlos Alberto Soares-Israel
3 anos atrás

Gostei do Intercâmbio,
poderíamos reformar o A 12 lá a preço de custo. (rs).

joshua
joshua
3 anos atrás

Tem muito oficial que ja presenciei qdo era da ativa na nossa gloriosa infantaria, que tinham medo até de barata, mas a maioria dos soldados da minha época era oriundo das cidades pequenas e acostumados com a vida selvagem, eram selvagens por natureza e selva pra nós era nossa casa nosso habitat natural. A selva tem tudo para nossa sobrevivencia, agua, carne, frutos, e até leguemes e verduras.

DaGuerra
3 anos atrás

Quem deve estar achando nada engraçado é o Vietnam e as Filipinas.

Nonato
Nonato
3 anos atrás

Essas om na Amazônia? Mais unidades do que pessoal?

Carlos Campos
Carlos Campos
3 anos atrás

se reformassem o A12 lá nem reclamava mais dele… ganhamos com os Chineses, eles tiveram problemas com a índia e se enfrentaram, então eles podem passar coisas que serão úteis, vai saber o que eles fazem que poderia ser aproveitado aqui.

Melky Cavalcante
Melky Cavalcante
3 anos atrás

Isso é só um intercâmbio, o exército Chinês, Americano, inglês, francês, colombiano, etc. Têm mais experiência em guerras em selva que nós, já tiveram a chance de desenvolver doutrinas no campo de batalha, onde foram testadas/aprimoradas.

Antonio Carlos Jr Zamith
3 anos atrás

Ministério da Defesa deixou isso acontecer. É para Pequim um dia invadir a ASEAN onde tem selva. O vácuo da falta da influencia na Ásia/ pacifico /America latina agora a mercê deles. Tem que paparicar eles agora que Trump racista trata America latina como meleca e não vai ajudar em nada. A Venezuela, Bolívia, Nicarágua, Equador o próximo será o Peru. Maldito colégio eleitoral.

hamadjr
hamadjr
3 anos atrás

O Próximo bivaque terá como homenagem bolsonaro