Home Armas de Fogo Atirador usou ‘bump stock’ para arma disparar mais rápido

Atirador usou ‘bump stock’ para arma disparar mais rápido

4355
43

Com o aparelho arma semi-automática ganha características de automática

A polícia de Las Vegas anunciou nesta terça-feira (3) que pelo menos uma arma usada pelo atirador Stephen Paddock no massacre de domingo (1º) na cidade tinha um mecanismo que permite o disparo mais rápido de tiros.

Em entrevista coletiva, o xerife da polícia local, Joe Lombardo, confirmou as suspeitas de que Paddock usou pelo menos um desses mecanismos durante o massacre.

Ele não deu mais detalhes sobre a informação. O massacre foi o maior da história recente americana, com 59 mortos e mais de 500 feridos.

Com o aparelho, conhecido como “bump stock”, uma arma semi-automática ganha características de uma automática.

Em automáticas, a arma dispara em sequência enquanto o gatilho está pressionado –o que permite dar uma maior quantidade de tiros por segundo. Já em semi-automáticas, é necessário apertar o gatilho para cada tiro.

Por isso, a venda e o uso de armas automáticas são restritos nos Estados Unidos, mas o uso do “bump stock” é permitido.

Lombardo disse que Paddock atirou por cerca de 9 minutos de modo quase ininterrupto contra a multidão.

Bump stock para AR-15

 

FONTE: Gazeta do Povo

Subscribe
Notify of
guest
43 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Augusto
Augusto
2 anos atrás

Muito interessante, parece que o “coice” da arma faz o dedo ir pra frente e pra trás de uma forma muito mais rápida do que de uma forma consciente alguém consiguiria

Túlio
Túlio
2 anos atrás

O Xerife fala que o atirador usou pelo menos um dispositivo que aparentemente faz a arma atirar mais rápido, é conversa fiada, a autoridade na verdade ta tentando afastar dela a responsabilidade e chamar atenção pra detalhes inúteis

carcara_br
carcara_br
2 anos atrás

Parece que a única função do acessório é burla uma restrição legal. Alguém da um nóbel da paz para o inventor…

Doug385
Doug385
2 anos atrás

Funciona, mas lá se vai a precisão do tiro. Só pra volume de fogo mesmo.

Delfim Sobreira
Delfim Sobreira
2 anos atrás

Mesmo se fosse por alteração do mecanismo interno, ou mesmo usando um M16/M4, em rajada a precisão vai pro saco.

Gelson Jorge Emerim
Gelson Jorge Emerim
2 anos atrás

Sobre uma multidão compactada de 40.000 pessoas esta “imprecisão” provocada pelo coice não faz muita diferença. Parece que até ajuda.

Renato B.
Renato B.
2 anos atrás

Concordo com o Gelson. A tal polêmica sobre o bump stock me parece inútil. Como aquela velha piada sobre o cara que pega a esposa traindo ele no sofá e joga o sofá fora. Para mim a galera da NRA está procurando um bode expiatório para ceder algo no momento.

A questão é que o cara juntou um monte de armas, muita munição, e escolheu o ponto onde faria mais estrago no menor tempo possível. Entender porque ele fez isso, como ele treinou e como juntou tanta coisa sem ninguém perceber me parece o essencial.

Mikhail Bakunin
Mikhail Bakunin
2 anos atrás

Para desmentir a Globo, que perdeu horas de programação principalmente na Globo News debatendo o “desarmamento nos Estados Unidos” (só rindo) :

https://www.theguardian.com/us-news/2016/sep/19/us-gun-ownership-survey

50% das armas dos EUA estão nas mãos de 3% da população; dentre os proprietários, 22% possuem apenas uma arma. 33% dos donos de armas se identificam como moderados ou liberais (cadê o estereótipo do redneck ignorante, armado, preconceituoso e republicano?)

João Augusto
João Augusto
2 anos atrás

Uai, Mikhail Bakunin, se 33% (minoria) se identificam como moderados ou liberais, o resto (67%, grande maioria) não é moderado ou liberal, podendo ser conservador, etc., aí incluindo-se, eventualmente, o estereótipo do redneck ignorante, etc., que você listou…
Talvez tenha havido equívoco na sua interpretação dos dados.
Ainda assim, não sei se desarmar a população ia resolver…
Agora, pelo amor de Deus… Um absurdo um país vedar a venda de armas automáticas e permitir um dispositivo desses… Burrice nível épico. Ou libera os dois ou proíbe os dois… Isso é ridículo…

João Augusto
João Augusto
2 anos atrás

Destaque pra essa parte, Mikhail Bakunin:
“Overall, the survey found, gun owners tended to be white, male, conservative, and live in rural areas.”
hehehehe

Talisson
Talisson
2 anos atrás

Se me permitem, excelentes observações sobre o acessório na página do Gosto de Armas
>>>>>> https://www.youtube.com/watch?v=1TwxwxGzgZg

Jeronimo Torres
Jeronimo Torres
2 anos atrás

Augusto, na verade o dedo fica parado no lugar, em cima de uma aba. Mas quando a arma vem apra trás com o recuo a mola do buffer faz com que ela vá para frente e bata no seu dedo, atirando novamente e repetindo o processo.

Jeronimo Torres
Jeronimo Torres
2 anos atrás

Gelson Jorge Emerim, tudo depende da aplicação.

Se seu objetivo é causar pânico sem duvdas ajuda. Alias, é capaz que das 56 pessoas mais tenham morrido ou se ferido pisoteadas com o estampido do que baleadas.

Jeronimo Torres
Jeronimo Torres
2 anos atrás

Renato B. normalmente nos estados americanos não existe um limite de quantas armas alguém pode ter. E convenhamos, se o cara tivesse 50 ou tivesse 1 rifle, o estrago teria sido o mesmo. A questão, é como um cara claramente com problemas mentais teve acesso a armas e munição e como melhorar o sistema para tentar impedir que isso aconteça novamente. O fato é que ter ou não o acesso a armas e munição não impede incidentes como esse. Na frança entraram com armas ilegais quando atiraram no Charlie Hebbo, e no final uns dos piores ataques acabou sendo feito… Read more »

JP
JP
2 anos atrás

Ainda bem que ele não tinha treinamento militar, se fosse Marine tinha matado umas 500.

Mikhail Bakunin
Mikhail Bakunin
2 anos atrás

João Augusto, você se deu ao trabalho de LER o artigo antes de repetir essa mesma ladainha Rede Globo? Leia primeiro, e veja que negros e hispânicos tem participação considerável na porcentagem de proprietários de armas.

Mikhail Bakunin
Mikhail Bakunin
2 anos atrás

Jeronimo Torres@6 de outubro de 2017 at 17:30

“A questão, é como um cara claramente com problemas mentais teve acesso a armas e munição e como melhorar o sistema para tentar impedir que isso aconteça novamente”

“Claramente” depois do ocorrido fica fácil diagnosticar né, que o diga a Mãe Dinah. Até agora a imprensa não encontrou ninguém que diga que o atirador aparentava algum desvio nesse sentido, e não foi por falta de procurar, foram atrás de ex-colegas de trabalho, familiares e vizinhos.

oganza
2 anos atrás

Gente, um pequeno fato sobre o bump stock: Ninguém leva essa gambiarra a sério do ponto vista da efetividade, ao menos por atiradores e donos de armas sérios, ou seja, comprometidos com uma real cultura de ser proprietário de armas de fogo. O motivo é simples, existem meios legais para se obter o mesmo efeito sem ter que adicionar apêndices ou geringonças em seu rifle. Usando a opinião do meu cunhado, que também é Xerife, sobre o bump stock: “Só idiotas instalam isso.” . Isso posto, a tragédia de Vegas não foi executada por alguém com algum treinamento civil real,… Read more »

oganza
2 anos atrás

Aqui o BFS III Binary Trigger
https://www.youtube.com/watch?v=9DhGoDp2ktk

carcara_br
carcara_br
2 anos atrás

Achei engraçado o início do vídeo oganza, aparece uns veados na floresta como se algum caçador fosse atirar full-auto no bicho. Não ia sobrar nada como troféu kkkkk.
O segundo dispositivo funciona como um “brust” não é tão rápido e ainda necessita do movimento consciente dos dedos.
Sei lá pra mim estas modificações servem apenas pra burla uma regra deveriam ser todas proibidas.

oganza
2 anos atrás

carcara_br, o primeiro vídeo no full30, o veado no vídeo é uma propaganda da Warne, só depois que começa de fato o vídeo review do Echo Trigger. . Acho que você não entendeu, os sistemas Echo e Binary funcionam baseados exatamente com o mesmo conceito de fogo ao pressionar e ao liberar o gatilho, para o atirador não existe diferença sensorial e muscular nenhuma entre ambos. Os policiais os chamam de forma “técnica” por Press and Reset Firing – PRF. Mecanicamente eles tem diferenças na instalação e na atuação da mola para fogo no estágio de liberação. . E sim,… Read more »

oganza
2 anos atrás
oganza
2 anos atrás

ah sim, e por falar em comunidade, família e cultura.
Henry Repeating Arms e seu evento recorde – 1,000 MAN SHOOT
https://www.youtube.com/watch?v=A6yavBEgYLI&t=632s

oganza
2 anos atrás

E por falar no louco, Stephen Paddock, o próprio ISIS já está fornecendo as evidências que Paddock era um lobo solitário jihadistas através de sua revista online Al-Naba. É, é isso mesmo, o ISIS tem uma revista online, assim com a FARC ou Foro de São Paulo.
Notícia aqui:
https://www.yahoo.com/news/isis-las-vegas-shooter-stephen-004312350.html

João Augusto
João Augusto
2 anos atrás

Li, Mikhail Bakunin, você é que não leu.

Renato B.
Renato B.
2 anos atrás

Quanto ao ISIS tentando faturar em cima, acho que estão fazendo só isso, tentando faturar em cima. Como é que o cara se converteu e nenhum conhecido dele notou? Mais alguns dias de investigação de o histórico de acessos do sujeito é que podem responder isso. Por hora só me parece oportunismo.

Chamar esse traste de louco é fácil, mas não responde. O cara planejou com cuidado o que queria fazer, inclusive estava plenamente consciente de suas limitações como atirador ao escolher um alvo onde a quantidade de balas disparadas seria mais importante que a precisão.

oganza
2 anos atrás

Renato B. esse é o mal, o importante é dar a opinião, o EU ACHO, mas o conhecimento que é bom NADA. Você foi no link que postei? Você foi na página da Al-Naba? Você viu as evidências sobre o caso divulgadas pela investigação do FBI, ATF e DOJ? Você viu que o FBI já tem evidências de que podem ser 3 atiradores? Você já viu que nos últimos 7 anos Stephen Paddock só viajou para Países no norte da África, Sudão e Oriente Médio? Você viu que o FBI desmontou a rede de Paddock nas redes sociais onde tinha… Read more »

oganza
2 anos atrás

Alexandre Galante, é mesmo? E até agora, onde foi que eles erraram? Nas denúncias de: Benghazi? Não, eles acertaram. CNN? idem, e a mesma pagou multa. E-mails de Clinton? idem de novo. No Clackamas Town Center? idem Reabastecimento em Porto Rico pós furacão? Eles que denunciaram. etc…. etc… etc… e semanas depois os meios “oficiais” – “É foi assim… mi, mi, mi… mi,mi,mi”. . Defina ultra-direitistas, sendo que direita e esquerda são termos da própria “esquerda”. Galante, a idade geralmente nos trás serenidade e uma percepção maior da realidade, dos fatos concretos e substantivos… geralmente. Hora se não estás preso… Read more »

Pedro
Pedro
2 anos atrás

Galante, eu acompanho Infowars e Breitbart, e embora sejam direitistas assumidos isso por si só simplesmente não tira sua credibilidade. Nao vejo problema em assumir uma posição, o problema é mentir. Quem nao tem credibilidade são os grandes veículos de comunicação (também conhecidos como Fake News, uma verdade muitas vezes provada) que adoram atacar o Infowars e Breitbart. Pode ver seus ratings de aprovação, cada dia menores, ninguém mais vê. O que não é jornalismo é a CNN que depois do último ataque já partiu rapidamente para conclusões precipitadas, sem esperarem pelas investigações. Não querem nem saber que o próprio… Read more »

Pedro
Pedro
2 anos atrás

correção: nomitiva = nominativa

carcara_br
carcara_br
2 anos atrás

“Stephen Paddock só viajou para Países no norte da África, Sudão e Oriente Médio?”

“Paddok, sendo que aparentemente ele próprio nunca deixou o país?”
Não entendi ele chegou a viajar para estes países ou não?
Acho que a “grande mídia” precisa de muito mais cautela afinal existem graves consequência na divulgação notícias imprecisas em temas tão delicados. Ainda mais quando as consequências não se restringem ao indivíduo, mas todo um grupo étnico ou a população inteira de um país.

oganza
2 anos atrás

carcara_br, até agora a informação é de que “não há”(?) registro que ele deixou o país usando o passaporte verdadeiro. Mas existem essas fotos dele no Sudão(?) e Tunísia(?)… então ele saiu do país, mas não usou seu passaporte ao que parece. . Então temos esses passaportes falsos, mas eles estavam em branco (não utilizados/carimbados). Ou seja, se ele saiu do país com documentos falsos não foi com nenhum desses que foram encontrados. No fim, o achômetro na coisa está assim: se ele saiu do País, ele não usou seu passaporte verdadeiro, em vez disso usou um falso, ou não… Read more »

Renato B.
Renato B.
2 anos atrás

Oganza, de boa, mas análise crítica é inversamente proporcional ao quanto o leitor gosta de notícia. É um viés humano a que todo mundo está submetido. Saiu onde vc gosta, beleza, se sair onde que você não gosta aí a chance de ser verdade é ainda maior, não concorda? Não existe neutralidade então encontrar as semelhanças em fontes discordantes é uma forma de chegar mais perto da verdade. Meu ACHO se baseia no fato que o ISIS apresentar o cara como um deles é conveniente. Ainda mais considerando a surra que estão tomando no Oriente Médio. Para as autoridades americanas… Read more »

Renato B.
Renato B.
2 anos atrás

E o passaporte brasileiro vale tanto porque o país não tem rusgas com ninguém e praticamente qualquer um pode alegar ser brasileiro, seja branco, negro, amarelo, azul ou rosa.

oganza
2 anos atrás

Renato B., não, não concordo e pelo simples motivo de que o noticiado tem que ter certos elementos como a materialidade do fato, argumentação substantiva e não adjetiva, mas principalmente ser coerente ao senso comum. Quando se tem esses elementos é possível o noticiado e o noticiando estarem mais perto de refletir a concretude da realidade. . Veja sua própria argumentação, repleta de conjecturas e afirmações hiperbólicas que no fim atribui à natureza humana e “suas” limitações o impasse no debate, ou melhor, a hipótese de impasse, mais uma conjectura… kkkkk. Mas isso é exatamente a dialética revolucionária imposta no… Read more »

oganza
2 anos atrás

Renato B. 11 de outubro de 2017 at 10:14
“E o passaporte brasileiro vale tanto porque o país não tem rusgas com ninguém e praticamente qualquer um pode alegar ser brasileiro, seja branco, negro, amarelo, azul ou rosa.”
.
Depois dessa, fico com a segunda opção: Você é desprovido de sinapses, ou seria as duas opções?
Você não sabe ler. Vá ler de novo o que escrevi sobre o “valor do Passaporte” e veja se o que você escreveu tem coerência.
Grande Abraço.

Renato B.
Renato B.
2 anos atrás

Camarada comissário Organza, tentando me enquadrar? Se saiu mordido por ter uma característica comum a qualquer ser humano o problema é seu. No final das contas continua irrelevante.

Delfim Sobreira
Delfim Sobreira
2 anos atrás

Um passaporte como todo documento pode ser objeto das seguintes formas de falsificação :
– Copiado: produzir cópia idêntica com qualidade e aparência similares aos originais.
– Adulterado: de documentos originais alteram-se partes ou informações originais.
– Desviado: documentos originais obtidos em branco recebem informações falsas.
O fato do Brasil ser país pacífico e multi-étnico até torna os passaportes brasileiros desejados mas não muda o fato que a falsificação de passaportes se origina do baixo controle, falta de marcas d’água ou material exclusivos, corrupção.

oganza
2 anos atrás

Renato B.,
exatamente. 🙂

oganza
2 anos atrás

Delfim Sobreira,
“O fato do Brasil ser país pacífico e multi-étnico até torna os passaportes brasileiros desejados”… pelo submundo. Qualquer um pode ser um brasileiro quanto a aparência física e o fato de brasileiros não terem o hábito de se explodirem levando outros com ele junto a toda nossa cultura carnavalesca chechelenta e outras coisinhas mais, credencia os brasileiros como uma NÃO AMEAÇA.
.
Por isso o passaporte brasileiro falsificado é o segundo mais caro no mercado negro.

Renato B.
Renato B.
2 anos atrás

Ok Delfim, então vc quer dizer que esse interesse pelo passaporte brasileiro seria também pela questão étnica, porém mais pela dificuldade de controle e rastreio local? Entendo que os humanos operando o sistema sempre serão um problema, mas mesmo considerando a nova versão, com chip, criptografia nova etc?

Renato B.
Renato B.
2 anos atrás

Bom que vc concorda Oganza.