Home Noticiário Internacional Oferta de Trump a Bolsonaro irrita aliados na Otan

Oferta de Trump a Bolsonaro irrita aliados na Otan

11775
329

Presidente americano levantou possibilidade de fazer lobby pelo Brasil na aliança, o que causou espanto entre representantes na sede da organização em Bruxelas e foi logo rechaçado por potências como França e Alemanha

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, irritou parceiros na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) ao sugerir ser possível que o Brasil seja admitido na aliança. O líder americano mencionou a possibilidade durante a visita do presidente Jair Bolsonaro à Casa Branca na terça-feira (19/03).

Trump prometeu classificar o Brasil como major non-Nato ally, o que daria ao Brasil privilégios militares similares aos recebidos pelos aliados dos americanos na Otan. A Argentina é o único país latino-americano que recebeu até agora esse status, de caráter mais simbólico.

Com o status, o Brasil poderia, por exemplo, participar oficialmente do desenvolvimento de tecnologias de defesa, realizar exercícios militares conjuntos e receber ajuda financeira para a compra de equipamento militar.

Trump e Bolsonaro confirmaram que o tema foi um dos assuntos tratados numa reunião no Salão Oval. Na entrevista coletiva subsequente, Trump chegou a mencionar a possibilidade de o Brasil ser um membro de fato da Otan, mas admitiu que teria “que falar com muitas pessoas” para que isso acontecesse.

Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, durante um almoço fechado na Casa Branca nesta terça, Trump afirmou que vai trabalhar para fazer com que o Brasil se torne um membro pleno da Otan.

Na sede da Otan, em Bruxelas, representantes da aliança ressaltaram nesta quarta-feira que o Tratado do Atlântico Norte não prevê a admissão de mais países não europeus. Liderada por Washington, a organização tem atualmente 29 membros plenos, todos, com exceção de Canadá e Turquia, na Europa.

Além disso, a obrigação de prestar assistência no caso de ataques armados a um dos membros da organização seria dificultada pela localização geográfica do Brasil. Tal obrigatoriedade só se aplica a países acima do Trópico de Câncer, e o Brasil está bem abaixo dele, afirmaram os representantes da Otan.

O governo da Alemanha, país-membro da Otan, também afirmou que o acesso à organização está reservado a países europeus. A porta-voz do Ministério do Exterior alemão, Maria Adebahr, destacou o artigo 10 do tratado de fundação da Otan.

O documento estabelece que os países-membros podem, se houver unanimidade, convidar para entrar na aliança “qualquer Estado europeu que esteja em condições de favorecer o desenvolvimento dos princípios do presente tratado e de contribuir para a segurança da região do Atlântico Norte”.

Adebahr sublinhou que isso não significa que a Alemanha não considera o Brasil um parceiro relevante. “Como maior país do continente latino-americano, o Brasil tem para nós uma especial importância”, disse, citada pela agência de notícias Efe.

O governo francês também chamou atenção para as regras da Otan em reação às declarações de Trump sobre uma possível adesão do Brasil.

“A Otan é uma aliança de países vinculados por uma cláusula de defesa coletiva, cujo campo de aplicação geográfica está claramente definido do Tratado de Washington de 4 de abril de 1949”, afirmou uma porta-voz do Ministério do Exterior da França, país-membro da aliança.

Uma porta-voz da Otan não quis comentar as declarações de Trump. Mas fontes da organização ouvidas pela agência de notícias alemã DPA ressaltaram que a aliança já estabeleceu parcerias com uma série de países mundo afora, como Colômbia, Japão, Austrália e Afeganistão.

Segundo as fontes, a aliança estaria disposta a cooperar mais estreitamente com o Brasil, se o país tiver interesse. No entanto, a possibilidade de alterar o Tratado do Atlântico Norte para que o Brasil possa se tornar membro da organização foi classificada de improvável, já que para tanto seria necessária uma decisão unânime de todos os aliados.

Fundada quatro anos após o fim da Segunda Guerra Mundial, que devastou o continente europeu, a organização tinha como objetivo original favorecer o bem-estar e a estabilidade na região. Inicialmente, 12 países faziam parte da aliança, entre eles Canadá e EUA.

A missão da Otan foi por muito tempo conter a influência da antiga União Soviética, mas desde a desintegração desta, em 1991, a Aliança Atlântica decidiu não se restringir apenas à Europa e colaborar com outros parceiros globais. Estes países podem contribuir com as operações e missões da Otan.

FONTE: Deutsche Welle

Subscribe
Notify of
guest
329 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Bardini
Bardini
1 ano atrás

” e foi logo rechaçado por potências como França e Alemanha”
.
Claro…

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Bardini
1 ano atrás

Totalmente inclinados à esquerda e declaradamente contra o nosso atual governo, nada de anormal !!!

Pieter
Pieter
Reply to  Tomcat4.0
1 ano atrás

“totalmente inclinados á esquerda…” hahahaha Vc não “bate” bem não ou tem os limites do raciocínio delimitados ao Brasil somente. Dá um mal-estar de ver pessoas com esse tipo de “cabeça”.

Gavião 15
Gavião 15
Reply to  Tomcat4.0
1 ano atrás

KKkk a cúpula da OTAN alinhado com a esquerda? Isso é piada né? Seguidor de seita “detected”.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Bardini
1 ano atrás

Prevejo uma avalanche de sonhos destruídos hehehehehe

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Hehe. O Temer Salvador da pátria não acabou de ser preso? A avalanche continua…😂😂😂

JPC3
JPC3
Reply to  Joao Moita Jr
1 ano atrás

Temer não era salvador da pátria, só acharam que ele, aliado e eleito pelo PT, era melhor que a Dilma. Depois viram que era igual.

Espera ele começar a fazer delação de como financiaram a campanha….

Cavalo-do-Cão
Cavalo-do-Cão
Reply to  Joao Moita Jr
1 ano atrás

É tudo jogo de cena pra fazer espetáculo midiático…vão fazer com ele o mesmo que fizeram com o Aécio…

teropode
Reply to  Cavalo-do-Cão
1 ano atrás

nem todo mundo possui bandidos de estimação, não julgue os outros por suas tendências masoquistas,

jagderband#44
jagderband#44
Reply to  Joao Moita Jr
1 ano atrás

Salvador da Pátria petista, afinal era vice da anta.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  jagderband#44
1 ano atrás

E o PMDB? Desapareceu da estória? Me engana que eu gosto…😎

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Joao Moita Jr
1 ano atrás

Estou esperando para ver quem será o próximo. Nunca tantos roubaram tanto de tantos.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Antonio Palhares
1 ano atrás

Realmente. Tenho muitas dúvidas com respeito a Bolsonaro, mas na ausência total de uma alternativa viável, coloquei todas as minhas fichas nele. Eu realmente creio que ele seja a última esperança antes de o Brasil desmoronar por completo e se tornar um “failed state”. O único que gostaria de ver, é ele ter um pouco mais de refinamento e porte no cenário internacional.
Mas enfim, quem viver verá.

Abs

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Joao Moita Jr
1 ano atrás

Filho feio perde os pais na velocidade da luz. Rsrsrsrsrs

Tiago
Tiago
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

kkkk perfeito

francisco
francisco
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Os USA tem interesse em levar ao Brasil para o seu lado, isonalndo Russia e China. Não é do interesse dos norte-americanos o Brasil nos BRICS.
Os USA não são bobos e sabem que quanto mais trocas comerciais, mais os países se aproximam, por interesses recíprocos.

Minuteman
Minuteman
Reply to  Bardini
1 ano atrás

Uma potência que estaria falando alemão hoje, não fosse os americanos, e outra que foi humilhada em duas guerras mundiais pelos americanos, e que também não paga a mensalidade da OTAN, para os americanos.

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Quanta maldade, precisava humilhar não!!!rs

Bardini
Bardini
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Alemanha e França são potências, gostando ou não…

Elton
Elton
Reply to  Bardini
1 ano atrás

E mas os soviéticos por muito pouco não arriaram as calças dos dois e fez uma “ofensiva de penetração em profundidade na retaguarda deles ” se os americanos não salvasem eles

Bardini
Bardini
Reply to  Elton
1 ano atrás

Nossa, que legal…
.
Mas estamos em 2019, “sacou”?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

A maior potência Européia no momento, por sinal, que é quem ajuda à manter o urso do leste mansinho. E por mais que eu acredite que a política de imigração/refugiados alemã/européia está sendo extremamente prejudicial ao continente em si, a Alemanha ainda é quem dá as cartas na União Européia. Enquanto isso temos um país gigante e com bastante potencial, não fosse pelo fato de ser historicamente instável econômica, social e politicamente, e geograficamente distante do continente europeu e que até bem pouco atrás era um joão bobo internacional de cor bastante avermelhada. Você acha mesmo que os Europeus vão… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Lembrando que no caso europeu, tem muitos governos de cunho socialista e no nosso caso, como lembrado, nossa instabilidade econômica que leva a instabilidade social que resulta em nossa instabilidade politica, pode levar ao poder nas próximas eleições quem antes estava lá

Gavião 15
Gavião 15
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
1 ano atrás

Vários países europeus têm governos social-democratas. Isso é verdade mais no aspecto de políticas sociais, não se reflete no posicionamento geopolítico destes países, que sempre foram alinhados.

Conan
Conan
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Ué, se eles confiaram em Grecia e Turquia…..

Heitor
Heitor
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Pare de viver de passado.

jose luiz esposito
jose luiz esposito
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Queres dizer se não fosse A URSS , a verdadeira Vitoriosa da II Grande Guerra , não é ?! Não te esqueças da verdade , coitado dos americanos se a URSS perdesse !

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

Sem a ajuda dos aliados ao Tio Joe, os soviéticos demorariam dezoito meses a mais para dar cabo da Wehrmacht. Não sou eu quem diz isso, são os historiadores militares, reservistas do exército dos EUA, Jonathan House e David M. Glantz.

Minuteman
Minuteman
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

E se não fosse a Operação Overlord, as Forças Armadas da Alemanha poderiam manter toda a sua força na Frente Leste, dificultando e muito a vida do Exército Vermelho.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

A Alemanha manteve no oeste divisões desgastadas por atritos no leste, descansando e se rearmando na medida do possível naqueles últimos meses… Como mais de um veterano alemão disse; a guerra no oeste foi um esporte, no leste foi o terror total.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Se você dissecar o dia D, verá que foi uma combinação de sorte e erros de interpretação dos alemães.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Só uma perguntinha, aliás, duas. Quem foi o alvo principal da aviação aliada na Alemanha?
Como foi o bombardeio em Ploesti?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Depende. ‘Quem’ ou ‘o que?’ E principalmente em qual fase da campanha aérea estratégica? Pelos ingleses ou pelos americanos?

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Pelos dois; 44/45.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Nesse caso, era Pointblank Directive, então era a Luftwaffe e pouco depois do Dia-D the ‘Oil plan.’ Mas não era preto no branco assim. Alvos estratégicos, como fábricas de munição, aeronaves, blindados, eram atingidos, assim como as refinarias de óleo sintético e outros materiais, até o final da Guerra.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Sofisma para encobrir o bombardeio indiscriminado contra civis. O golpe fatal na economia alemã foi a captura de Cracóvia pelo Exército Vermelho em janeiro de 1945.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Não, na verdade o problema de combustíveis e certos materiais foi sentido bem antes de o Exército Vermelho chegar na Cracóvia. Não foi apenas devido ao bombardeio aliado, mas sim por um conjunto de fatores. Um deles foi o avanço do Exército Vermelho sim, mas não foi um dos maiores fatores. No final de 1943 a ofensiva aérea aliada não estava causando os efeitos esperados nem em relação à diminuição de materiais de guerra para as forças alemãs e nem conseguindo destruir a Luftwaffe, condição sine qua non para o Dia-D. Entram em cena a Pointblank Directive, Jimmy Doolittle e… Read more »

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

A Wehrmacht nunca foi rica em combustível, sem a ajuda de Stalin, só restaram os campos de Ploesti, na Romênia e os do lago Balaton, na Hungria. A tentativa de bombardear Ploesti foi uma carnificina para a aviação anglo-americana, duas semanas após a tentativa de bombardeio, os poços produziam mais do que antes. Aos soviéticos só interessava a sobrevivência; ofensivas com objetivos políticos só começaram depois da destruição do Grupo de Exércitos Centro. Quanto à aviação soviética, eles nem podiam sonhar com bombardeiros de longo alcance com as perdas diárias numa campanha com um adversário do nível da Wehrmacht. Só… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

O PRIMEIRO bombardeio aéreo sobre Ploesti foi uma carnificina, é bom lembrar. Até porque foi feito ainda em 1943, naquele famosíssimo ataque à baixa altura que infelizmente ignorou inteligência de última hora que avisava sobre as defesas anti-aéreas da área. Aliás, alguns anos atrás comprei um livro apenas sobre esse ataque e era simplesmente fascinante. Se eu conseguir ligar o meu kindle eu posto nome e autor. O ataque foi devastador também para Ploesti, demoraram um tanto mais do que duas semanas para repararem tudo e isso porque o ataque não saiu como o previsto, e não falo das perdas,… Read more »

Cristiano GR
Cristiano GR
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Podem falar o que quiserem, mas o motivo da alemanha perder a guerra foi a ambição de Hitler. O sonho de Hitler fez a Alemanha se erguer da ruína total e a ambição colocou ela num lugar ainda mais terrível, que só não foi pior porque EUA e URSS brigavam pela influência na mesma após a guerra.

rdx
rdx
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Sem o dia D, os alemães fatalmente teriam derrotado o exército soviético…e mudado o desfecho da 2ª GM.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  rdx
1 ano atrás

De onde você tirou isso?
Do mundo das ideias já deu para ver que não é!

francisco
francisco
Reply to  rdx
1 ano atrás

Pelo contrário, se o Hitler não tivesse cometido a burrice de invadir a Russia, o dia D não teria acontecido em 1945. A guerra teria durado muito mais tempo.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  francisco
1 ano atrás

Fico imaginando se Hitler teria coragem de acumular o número adequado de aeronaves para uma invasão, porque a RAF era o que restava das forças amadas inglesas após o chute de coturno na bunda em Dunquerque, onde eles deixaram o grosso do seu equipamento pesado restante.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Esqueci do “muro de aço” da Royal Navy.

Camargoer
Camargoer
Reply to  francisco
1 ano atrás

Caro Francisco. O objetivo de Hitler sempre foi a URSS (ele próprio escreveu isso em Mein Kumpf). A invasão da Checoslováquia e da Polônia foram passos nessa direção. O pacto de não agressão entre a Alemanha e a URSS foi um jogo de cenas. Stalin precisava de tempo para reorganizar e rearmar seu exército e Hitler precisava colocar suas tropas na fronteira com a URSS. O front ocidental foi uma consequência da declaração de guerra da França e Inglaterra pela invasão da Polônia. Hitler não considerou possível uma aliança entre o ocidente e a URSS. No documentário sobre a guerra… Read more »

SPQR
SPQR
Reply to  francisco
1 ano atrás

O dia D não aconteceu em 1945.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  rdx
1 ano atrás

kkkkkk

francisco
francisco
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Carlos Ravena, demoraria mas daria cabo dos Alemães. A bobagem do Hitler foi trazer a Russia para a guerras.
A Alemanha mobilizou uma massa de ataque de 145 divisões de seu exército para invadir a Russia. E se ferraram. Enquanto na França os alemães passearam.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  francisco
1 ano atrás

Com certeza!

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Sem esquecer as divisões finlandesas, romenas, búlgaras e húngaras. Se não me engano, foram quase 200 divisões.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Na França foi exercício com fogo real.

Camargoer
Camargoer
Reply to  francisco
1 ano atrás

Caro Francisco. A França estava politicamente dividida entre socialistas/comunistas de um lado e fascistas/conservadores do outro (inclusive com um alto grau de antissemitismo). Parte da elite francesa considerou que seria melhor estar sob ocupação nazista (garantido a propriedade privada dos meios de produção) do que sob um governo de esquerda. É fato que parte dos tanques franceses (melhores e maior quantidade que os alemães) não foi mobilizado. Acho que o maior símbolo do colaboracionismo francês foi Laval, que no fim foi condenado por traição e fuzilado.

Peter nine nine
Peter nine nine
Reply to  francisco
1 ano atrás

Francisco note por favor que ninguém passeou em França, o país só acreditou na invasão quando esta ocorreu, mesmo quando o ataque estava eminente os franceses pouco fizeram para o impedir, confiantes de que as suas tácticas clássicas de conflitos anteriores fossem o Suficiente. Para eles era só aguentar um pouco, acreditando talvez que reforços seriam mais tarde enviados, completamente despreparados para a velocidade do ataque alemão.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  francisco
1 ano atrás

Com certeza os Russos quebraram a espinha dorsal dos nazistas.

Francisco Braz
Francisco Braz
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

Não gosto dos EUA, mas a URSS teria ido pro ralo se não fosse os navios americanos com suprimento para os russos. Até tinham mais homens e equipamentos melhores que os alemães, mas suas lideranças acabaram com o exército soviético, assim como Hitler acabou com o alemão.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Francisco Braz
1 ano atrás

Teriam nada! Em 1943 a URSS superou a produção alemã!!!! Havia carência de alimentos proteicos, mas o soldado raso possuía armas e mantimentos necessários à sua sobrevivência. Já disse acima: a diferença se resume a dezoito meses.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Stalin acabou com o Exército Vermelho nos anos trinta, a sangria foi tão intensa que se tornou uma força inoperante (a 1ª divisão blindada apareceu na URSS seis anos antes de Guderian insistir nessa formação com o Alto Comando alemão).

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

A URSS superou a produção militar, porém seus equipamentos eram inferiores aos alemães, o que ainda tornava possível a doutrina de qualidade > quantidade, pelo menos no fronte leste, porque com a entrada dos EUA na guerra, a produção Aliada alcançou patamares surreais, e nem foi os alemães que produziram menos, e sim que os Aliados produziram muito mais. E mais, monografias mostram que enquanto os alemães expandiam os gastos militares, os demais setores da economia não sofria muita alteração na produção, por exemplo na URSS os gastos militares foram expandidos ao máximo enquanto os setores agrícolas ficaram a patamares… Read more »

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Matheus Santiago
1 ano atrás

Inferiores? Esqueceu do T-34? Do KV1? Katiusha?
As armas menores foram inferiores durante dois anos, depois equipararam-se. Uma metralhadora alemã poderia ser melhor que a russa, mas os russos tinham muito mais, e o melhor, matérias primas e mão de obra para fabricá-las em números que os alemães sequer poderiam sonhar.

Matheu
Matheu
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Sim, inferiores. O Tiger II era um blindado invejável, foi criado justamente como resposta ao T-34, sendo muito mais forte, maior blindagem e com poder de fogo imbatíveis. Estreou na Batalha da Normandia e foi fundamental para barrar o avanço inimigo, em especial na Batalha de Debrecen e na resistência à Operação Market Garden, entre outros confrontos. Toda a qualidade do tanque exigia nível de preparo especializado e muitas outras complexidades e por esta razão foi apenas produzidos 492 unidades.

E o Me-109?
E o Fw-190?

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Matheu
1 ano atrás

Os Tiger foram dizimados em Kursk principalmente pela soberba orquestração da artilharia, apesar do embate espetacular em Pokrovka. Em 1943, o T-34 recebeu um canhão de 85mm, o que quase anulou a vantagem dos Tiger e Panther.
Em aeronaves sim, os soviéticos construíram caças para rivalizar com os alemães só em 43/44 (a superioridade aérea alemã teve fim nos céus de Kusk). Para apoio aproximado o IL-2 Sturmovik dava conta do recado com folga, principalmente quando os soviéticos tiveram um pouco mais de tempo para treinamento e doutrina.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Outra coisa; o Tiger estreou com um batalhão meio formado em Rostov, onde detiveram o 4° corpo de tanques da Guarda comandado por Volsky, na contraofensiva de Stalingrado (Volsky mais tarde substituiria Rotmistrov como comandante do 5° Exército de Tanques da Guarda).

Francisco Braz
Francisco Braz
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Não adianta ter um lavrador mal treinado no melhor dos tanques que ele, ainda que com vantagem, será destruído por soldados melhor treinados e com mais experiência.

rdx
rdx
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

De onde você tirou isso?
Do mundo das ideias já deu para ver que não é!

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  rdx
1 ano atrás

Não deveria dar trela para bots, mas vamos lá.
Eu “tirei” dos livros.

Francisco Braz
Francisco Braz
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

4 semanas para Alemanha neutralizar a França. Acha que o amamento alemão era superior?? Lamento informar mas , não, não era. Ao contrário, era bem inferior. A maioria dos Panzer que combateram na França eram armados com peças de 20mm enquanto o padrão francês era 40mm. A vantagem alemã era que o rádio era equipamento básico nos tanques alemães e os franceses nem faziam ideia do que ocorria em volta, enquanto os alemães tinham plena consciência situacional. Ao invadir a URSS, o tanque melhor armado tinha um canhão curto de 75mm para apoio de infantaria e os tanques anti tanques… Read more »

Agnelo
Agnelo
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

Hahahahahahahahahaha
Verdadeira vitoriosa
HAhahhhhhhahhjah

nonato
nonato
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

Coitada da URSS se os EUA não tivessem fornecido enormes quantidades de armamentos.
Por sinal, as bombas que foram jogadas no Japão poderiam também ter sido jogadas em Moscou…

camilo
camilo
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

Jose a URSS conseguio fazer o contra-ataque graças a Hitler que se obsecionou com Stalingrado a cidade natal do líder da URSS (dando tempo a URSS ,se rearmar) e por encima quando estava a punto de chegar o inverno que as tropas alemãs,no estavão preparada e por outra parte a burrice de Hitler de declarar a guerra com os USA provocando 2 frente grandes com varios paises como aliados,Canáda,Austrália,etc…,se Hitler não tivesse declarado a guerra aos USA a URSS estaría falando alemão hoje e o mapa político seria outro

Quest
Quest
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

Sem dúvida nenhuma , o exército vermelho o foi o xeque-mate no líder nazista, dando início ao fim da guerra.

Edimar
Edimar
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Concordo com seu comentário em partes, mas tiro o chapéu para a Alemanha tanto na primeira grande guerra, quanto na segunda fizeram frente a muitos países e sozinha, como bem sabemos estava a frente de todos em engenharia, matemática e Física, hoje sei lá. Como disse não foi humilhada como cita, apenas sozinha contra todo um eixo dizimou metade da Europa.
Caso tivesse conseguido derrubar a Inglaterra o cenário hoje seria bem diferente, o único erro querer lutar em 3 frentes ao mesmo tempo, contra URSS, frente ocidental e África.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Edimar
1 ano atrás

Quando os EUA chegaram na Europa na 1ª guerra, estavam todos mortos, ninguém queria lutar mais; o comandante do Exército dos EUA era perito em dizimar populações indígenas, não tinham a mínima ideia da guerra moderna – mas eram um milhão de almas, e os números, como ficaria provado um pouco mais tarde, fazem a diferença. (esse foi o conflito que quase destruiu a civilização ocidental).

nonato
nonato
Reply to  Carlos Ravara
1 ano atrás

Defensor do comunismo.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  nonato
1 ano atrás

Hehehe

francisco
francisco
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

França e Alemanha são potências só na vontade. Fazem o que os USA determinarem.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  francisco
1 ano atrás

É mesmo? Então por que os EUA não barram o Nord Stream 2?

Mercenário
Mercenário
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Os americanos entraram nas duas grandes guerras no 2° tempo… na primeira, em especial, a participação foi bem menor…

jose luiz esposito
jose luiz esposito
Reply to  Bardini
1 ano atrás

Potências em Decadência . Tem um Idiota ex militar que colocou um vídeo na Internet , dizendo ser o Brasil retaguarda da OTAN em caso de guerra com a Rússia e, que a população da Europa Ocidental se refugiaria aqui depois da destruição da Europa. Todos sabem que sempre estou e estarei ao lado de Imigrantes , mas nesse caso , colocaria estes tais refugiados para correrem a tiros !

Francisco Braz
Francisco Braz
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

O Brasil, para o hemisfério norte, é um tampão para evitar que a marinha chinesa entre contra a OTAN em caso de conflito. Qualquer caminho minimamente seguro do Pacífico para o Atlântico passa pelo Brasil. Em caso de guerra, além do suporte logístico, a MB, depois de devidamente recuperada, fecha a passagem de combatentes para o norte. Por quê acham que os alemães afundaram tantos navios brasileiros na 2a GG?? Não me digam que eles estavam cheios de turistas inocentes. Além do mais, em caso de guerra com a Rússia, a Alemanha estaria em maus lençóis, pois depende do gás… Read more »

francisco
francisco
Reply to  Bardini
1 ano atrás

OS vassalos europeus fazem o que os USA determinam. Se realmente for do interesse dos norte-americanos, nem franceses e nem alemães podem fazer nada.

Jean Jardino
Jean Jardino
Reply to  francisco
1 ano atrás

Vai dormir meu rapaz, o Brasil nuncaaaaaaaaaa vai entrr na OTAN

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Bardini
1 ano atrás

Ixi senta que lá vem história rsrs

Sagaz
Sagaz
Reply to  Foxtrot
1 ano atrás

Acho que tem a ver com aquela história de analfabetismo funcional, olha o tema exposto e a militância vindo falar de segunda guerra mundial.

É chato ser repetitivo, mas desde que fumar ilícito e homem gostar de homem virou ideologia tá difícil suportar essa turma de camisa de Che aí…

JOAO
JOAO
Reply to  Bardini
1 ano atrás

A sugestão do Trump é sempé nem cabeça. A aliança tem um fim específico que geopolíticamente não tem nada haver com o Brasil.

Jean Jardino
Jean Jardino
Reply to  Bardini
1 ano atrás

Coitado do Brasil, sonha em entrar na OTAN e OCDE, vai ficar sonhando.

Danilo Henrique
Danilo Henrique
Reply to  Bardini
1 ano atrás

Tchau meko A100 (alemanha) e gowid( franca) no programa de corvetas classe Tamandaré. Se o critério for politico depois dessa noticia.

Walfrido Strobel
Walfrido Strobel
1 ano atrás

Juntou o fanfarrão rico Trump com o fanfarrão pobre Bozo e virou este circo….
Brasil na OTAN….kkkk

Mauro
Mauro
Reply to  Walfrido Strobel
1 ano atrás

Teu amigo já tem novo parceiro para conversar sobre futebol.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Mauro
1 ano atrás

Daqui a pouco teremos um time de futevol de salão. Só não pode marcat jogo em Rio das Pedras.

Paulo
Paulo
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

O vampirão foi preso hoje, O Luleco foi indiciado pela PF ontem. Logo será a vez da estocadora de vento. Seus ídolos (e os sócios deles nos últimos anos!) vão fazer um belo time de futebol mesmo, M a v.

Bille
Bille
Reply to  Paulo
1 ano atrás

Prender é facil, quero ver é recuperar o dinheiro desviado.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Bille
1 ano atrás

Deve ser coincidência, mas cada vez que o mico faz uma cagada a lava jato faz uma operação espetaculosa; Moro tomou um passa moleque ontem de Rodrigo Maia também. É #moro2022… bolsomico é só um intervalo,

Francisco Braz
Francisco Braz
Reply to  Paulo
1 ano atrás

O time do Lula contra o time do Temer e a Dilma de arbitra… Vai ser melhor que comédia pastelão… Ou será comédia papelão??? Bom, a gosto do freguês.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Francisco Braz
1 ano atrás

Pior será a torcida. ‘Rapeize’ braba de Rio das Pedras. Errou o chute. Morreu.

Agnelo
Agnelo
Reply to  Mauro
1 ano atrás

hahaahhahahahahahahahahahahaah

Chevalier
Chevalier
Reply to  Walfrido Strobel
1 ano atrás

O choro é livre.

william
william
Reply to  Chevalier
1 ano atrás

O choro é livre, mas o Lula não!

Luiz
Luiz
Reply to  Walfrido Strobel
1 ano atrás

Aceita que dói menos!

jose luiz esposito
jose luiz esposito
Reply to  Walfrido Strobel
1 ano atrás

Esqueceste os Pobres de Espirito brasileiros !

Sagaz
Sagaz
Reply to  jose luiz esposito
1 ano atrás

José Luiz, você não é brasileiro? Falando mal de si?

Edimar
Edimar
Reply to  Walfrido Strobel
1 ano atrás

O que uma pessoa dessas faz em um blog sobre assuntos militares e geopolíticos?

Gonçalo Jr.
Gonçalo Jr.
1 ano atrás

Já tinha postado isso em outra matéria do FORTE. É apenas mais um delírio ufanista de Trump e nada mais. Discurso para agradar a delegação. Até os militares brasileiros sabem disso: é impossível o Brasil ser membro da OTAN e também não é desejável. Ser parceiro, ok. Mas fazer parte da aliança não é aspiração dos militares. Nunca foi.

Alex Nogueira
Alex Nogueira
Reply to  Gonçalo Jr.
1 ano atrás

“… é impossível o Brasil ser membro da OTAN…” – Impossible is nothing.

Só um adendo, seria ingenuidade achar que não haverá chiadeira por parte de alguns membros quanto a indicação para a entrada do Brasil no clube, pois é um clube restrito, sendo assim, totalmente normal e esperado, nada que não possa ser superado, caso de fato seja do nosso interesse e dos EUA 🙂 .

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Alex Nogueira
1 ano atrás

Alex, é no momento impossível sim. Se tudo der certo, quem sabe daqui a 30 ou 50 anos, né? O fato é que o Brasil não é estável ainda. Elegemos nosso primeiro governo não-canhoto somente agora, praticamente desde que voltamos à democracia. Nossa economia está em ruínas e nossos militares não são totalmente profissionais, temos uma crônica falta de meios, nossa política externa hoje em dia carece de consistência, e principalmente falta essa cultura no povo. É preciso bastante tempo para convencer o Mundo de que o Brasil virou um país sério, responsável, e de que saiu de cima do… Read more »

ALEX ROCHA
ALEX ROCHA
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Concordo Leandro. Antes do país pensar em entrar para OTAN, precisamos primeiro arrumar a casa e isso leva tempo. Arrumar a casa exige sacrifício, paciência e tempo. Vejo que caso o Brasil se torne realmente tudo isso que você falou é só questão de tempo entrar para OTAN, mas no presente momento isso é bem difícil.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  ALEX ROCHA
1 ano atrás

Talvez nem mesmo para a OTAN, mas se Chile e Colômbia fizerem seu dever de casa, como aparentemente estão fazendo, talvez possa ser criada uma aliança ainda maior, com um escopo maior, mais abrangente, que abrigue os membros da OTAN e que possa abrigar novos membros também. Mas para isso, é necessário bastante tempo, muito desenvolvimento ainda. De fato, acho que correr em relação à isso é um tiro no pé e uma tentativa de se enfiar goela abaixo à população uma importância militar para a qual eles ainda não estão prontos para digerir e isso pode causar sim problemas… Read more »

Jean Jardino
Jean Jardino
Reply to  Alex Nogueira
1 ano atrás

Impossivel sim Sr. meu caro.

Marcelo-SP
Marcelo-SP
Reply to  Gonçalo Jr.
1 ano atrás

Trump funciona assim, com arroubos de pragmatismo. Mas o fato é que disseram que el não conseguiria rever o NAFTA. E ele conseguiu. Disseram que ele iria causar uma guerra com o coreano atômico. E ele já fez em prazo recorde dois encontros pessoais com o cara. E pode colocar aí: ele vai fazer o muro. Não vou comentar prós e contras. Mas, mesmo não sendo da noite para o dia, se for mesmo de interesse de Trump e do Brasil, a Europa vai acabar aceitando. Até porque, quem paga a conta, que é os EUA, sempre tem que apitar… Read more »

Peter nine nine
Peter nine nine
Reply to  Marcelo-SP
1 ano atrás

Pagam a conta deles, apitam o que lhes toca a eles, não aos europeus.
Seja como for, não vejo necessidade deste mediatismo nem deste tipo de títulos, reparem que nenhum líder europeu ficou “irritado”, eles apenas disseram que a organização teria de ser revista para que fosse possível o Brasil ser membro pleno, também disseram que é óbvio que a aproximação do Brasil é bem vinda, eles só não querem é que o Trump diga o que quiser e faça o que quiser sem pensar primeiro.

art
art
Reply to  Gonçalo Jr.
1 ano atrás

SER aliado, igual Austrália, Japão, Colômbia é perfeitamente possível, mas para entrar na OTAN teremos que melhorar em equipamentos, doutrina etc para ser membro tem que ter um nível que hoje estamos longe.. a idéia é ser Aliado, fazer intercâmbio de doutrina e equipamentos…Melhor que fazer intercâmbio com Vietnã e Moçambique, como estamos agora.

Gino A. Piva
Gino A. Piva
1 ano atrás

Acho que parceiro global está de muito bom tamanho. Não precisamos ser membros plenos, só tendo acesso ás tecnologias e treinamentos serviria pra tomarmos conta de nós. E também, não gostaria de ver o Brasil mandando tropas pra Iraque e Afeganistão por exemplo, lugares totalmente fora de nossos interesse geopolíticos.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Gino A. Piva
1 ano atrás

O que nós impediu de ter acesso a técnologias modernas da OTAN foi falta de dinheiro, apenas e tão somente isso. As tecnologias sensiveis como misseis, reatores nucleares, turbinas, e satelites e sensores, mesmo que o PT nunca tivesse governado o Brasil e nós estivessimos matando comunistas em praça pública com apoio da maioria da população desde a epoca da ditadura. Não nós seria dado de graça ou com desconto.
Ninguem quer concorrência, todos querem clientes.

Alexandre
Alexandre
Reply to  Gino A. Piva
1 ano atrás

E nem temos recursos para isso amigo , mal cuidamos de nossas fronteiras

Leandro
Leandro
1 ano atrás

França e Alemanha são os dois maiores câncer da União Européia… Duas nações que hoje são prostitutas dos bilionários globalistas. Não surpreende essa atitude vindo de quem odeia líderes nacionalistas.

Peter nine nine
Peter nine nine
Reply to  Leandro
1 ano atrás

Literalmente as principais nações a manterem a Europa unida neste momento mas ok….

Jean Jardino
Jean Jardino
Reply to  Leandro
1 ano atrás

Meu deus, como escreve bobagem, vai estudar meu caro, e veja que comecou a Uniao Europeia, e quem segura a Uniao Europeia…..

DOUGLAS TARGINO
DOUGLAS TARGINO
1 ano atrás

Foram rechaçado por quem? Adivinha? Só podia ser eles mesmo, os dois países mais bronqueiros (mimimi) da Europa.

Jean Jardino
Jean Jardino
Reply to  DOUGLAS TARGINO
1 ano atrás

Os ricos mandam, o Brasil pobre, fica sentadinho e espera…..

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Jean Jardino
1 ano atrás

Como os americanos mandam e vocês ficam irritadinhos fazendo birra se fazendo de grandes, mas depois obedecem.

Cristiano GR
Cristiano GR
Reply to  Jean Jardino
1 ano atrás

O Brasil não é pobre e sim muito rico. Foi mal governado desde o início da república (minúscula de propósito) por golpistas ladrões e usurpadores que se aproveitavam e revesavam no governo na política do Café com Leite até que o gaúcho Getúlio Vargas tomou o poder e alavancou o Brasil. Depois dele houve apenas outro grande momento de gestão do Brasil que foi nos governos militares. E antes de todos, o país possuía um governo digno, competente, que mantinha o Brasil, na época, com os melhores índices de desenvolvimento da América Latina, que promovia a cultura e o crescimento… Read more »

sub urbano
sub urbano
1 ano atrás

Os próprios Amerikanski sabem que isso nao é possivel… Fizeram a oferta só pra animar a mulambada brasilóide que foi aos USA entregar o que sobrou do Brasil ao Trump. O presidente americano é um bom negociador.

Rui Chapéu
Rui Chapéu
Reply to  sub urbano
1 ano atrás

O que sobrou do Brasil?

Tá confirmando então que o PT acabou com o país. eiohaiaeoie

Francisco Braz
Francisco Braz
Reply to  Rui Chapéu
1 ano atrás

Com ajuda do MDB… Não vamos esquecer disso, ou a Dilma vai dizer que ELA FOI A ÚNICA CAPAZ DE AFUNDAR UMA NAÇÃO.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Francisco Braz
1 ano atrás

Quem escolheu o PMDB para ser parceiro do PT ? Eu que não fui..

Foram os ptistas mesmos…

Alex Nogueira
Alex Nogueira
1 ano atrás

França e Alemanha são redutos políticos de tendências esquerdistas, sendo assim, nada mais do que o esperado.

O Presidente Donald Trump desde o princípio de sua gestão procura dar uma sacudida para acordar os países membros, principalmente europeus, que nos últimos anos dormiram no ponto e deixaram crescer as garras do comunismo sobre eles.

Tanto Angela Merkel quanto Emmanuel Macron não enxergam o governo Trump com bons olhos, devido a todas as cobranças que estão sofrendo (cobranças devidas, diga-se de passagem) e certamente não irão enxergar o Presidente Jair Bolsonaro muito melhor.

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Alex Nogueira
1 ano atrás

Novamente show de comentário. Justamente duas nações que já latiam contra Bolsonaro mesmo antes dele vencer a eleição.

Cristiano GR
Cristiano GR
Reply to  Tomcat4.0
1 ano atrás

Governos comprometidos com o globalismo, justamente o que Trump, Putin e Bolssonaro se mostram os maiores líderes contrários.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Cristiano GR
1 ano atrás

Eu tiro o Putin desta lista..

Ele nada mais é que um aprendiz de Czar..

Vai conseguir afundar a Rússia de vez ao invés de se unir ao Ocidente e combater o verdadeiro inimigo.

Minuteman
Minuteman
Reply to  Alex Nogueira
1 ano atrás

Wilhelm II da Prússia, deve se revirar no caixão, quando vê o que fizeram hoje com sua outrora, Grande Alemanha.

Hélio
Hélio
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

A começar pela entrada dela na OTAN, coisa que ele jamais admitiria.

Hélio
Hélio
Reply to  Alex Nogueira
1 ano atrás

Acho que os EUA tem é que se preocupar com o comunismo dentro do seu próprio território, se não fosse a fraude do partido democrata, o adversário do Trump seria um comunista assumido. Os EUA estão muito mais infectados pelo esquerdismo que qualquer país europeu, de lá saem as ideias esquerdistas, assim como o financiamento. No mais, pura lorota, o Japão é membro pleno da OTAN? A Austrália é? Por que o Brasil deveria ser? Pura bravata para agradar bobão, os próprios militares rechaçam essa ideia, que não traria bem algum para o Brasil, que nos envolveria em guerras que… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Hélio
1 ano atrás

Contaminados em nível de imprensa…

Como aqui…

O povo não.

Hélio
Hélio
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 ano atrás

Você nunca foi nos EUA para falar uma coisa dessas. Ao contrário daqui, lá eles votam leis, veja as leis que eles, povo, aprovam. Essa visão romântica de EUA conservador não existe, nunca existiu, os EUA sempre foram o país da libertinagem.

Minuteman
Minuteman
1 ano atrás

É interessante ver a Deutsche Welle declarando seu país como potência. Se for pela humilhação em duas guerras mundiais, está valendo. E a França, melhor nem comentar… Não é segredo nenhum que os donos da OTAN são os americanos. O choro é livre.

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

O bacana é que tem 29 países mas, se um certo país(que digamos de passagem carrega os outros 28 nas costas) sair, acabou-se a “organização”.

Minuteman
Minuteman
Reply to  Tomcat4.0
1 ano atrás

Exatamente.

Frederico
Frederico
Reply to  Tomcat4.0
1 ano atrás

Sinceramente, eu gostaria que Trump desse esse recado, mesmo que fosse um blefe; “ou o Brasil entra, ou EUA saí” queria ver a Alemanha e a França engolir o orgulho. Ia ser cômico!!
E ainda tem gente que torce para um dos estaleiros dessas nações ganhem a concorrência das CCT’s da MB…

Felipe
Reply to  Frederico
1 ano atrás

Falta provar como o Brasil faria para ser banhado pelo Atlantico Norte para poder entrar na organização.

Bruno Ricardo
Bruno Ricardo
Reply to  Felipe
1 ano atrás

Felipe, parte do Brasil é banhado pelo Atlântico Norte, os estados do Amapá e Pará.

Frederico
Frederico
Reply to  Felipe
1 ano atrás

Gazeou as aulas de Geografia… Os territórios dos estados de Roraima e Amapá (quase a extensão completa) está no hemisfério norte; uma parte o estado do Pará e uma menor parte do estado do Amazonas também estão no hemisfério norte.

Beserra(FN)
Beserra(FN)
Reply to  Felipe
1 ano atrás

Amigo, olhe onde passa a linha do Equador? Já verificou? Um território maior que França e Alemanha juntas de nosso território é banhado pelo Atlântico Norte, independente de ser a favor ou contra essa iniciativa, a Geografia demonstra que você está enganado.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Que humilhação? Antes da tal humilhação a Alemanha era quem estava humilhando as potências hegemônicas, a França mesmo caiu em 4 semanas…. O Império britânico só não caiu por causa da ajuda americana, senão teria caído também.

Hélio
Hélio
Reply to  Defensor da liberdade
1 ano atrás

E vale lembrar, onde estavam os EUA nessa guerra? Escondidos debaixo da cama, negaram ajuda até à Inglaterra. Os EUA, como sempre, só entraram na guerra quando tinham certeza que venceriam, quando a derrota da Alemanha era certa. A sorte dos americanos era que Hitler era burro e não deixava seus generais trabalharem, se não fosse isso… Pior de tudo isso é ver os americanistas tentando desqualificar a França e a Alemanha, oras, quem é os EUA perto dos dois? Esses dois países construíram o ocidente, inclusive, construíram isso que os EUA são hoje, foram as potências hegemônicas desde a… Read more »

Arminius
Arminius
Reply to  Minuteman
1 ano atrás

Surreal seria ver o Brasil em reunião da OTAN, coberto de glórias tupiniquins, dizendo no auditório para a França de Carlos Magno, Napoleão e outros: “O choro é livre, o choro é livre…”. E a Alemanha então… O que os alemães sabem de guerra perto do Brasil? Eles que se cuidem senão vamos de Astros 2020, Piranha e Niterói modernizada para cima deles… Agora, falando sério, a adição de Amapá e Roraima não deve ser muito tentadora para a OTAN. O Trump nunca foi militar e jamais agiu como tal. Arrumou treta até com o McRaven, Almirante Navy Seal, de… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
1 ano atrás

Eu já havia falado sobre essa baboseira ontem. É só para agradar aos minions que ainda dão apoio a Bozzo. Parcela que vai se esfarelando a olhos vistos.

Paulo
Paulo
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

Falando nisto vc vai dar apoio ao Luleco, T roll? Ontem o filho do seu ídolo presidiário também foi indiciado pela PF. Pai e filho em cana brevemente.

Foragido da KGB
Foragido da KGB
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

The communist !

JPC3
JPC3
Reply to  Foragido da KGB
1 ano atrás

Ele não aguenta um dia de comunismo sem macdonalds e filme dos transformers.

Leandro Sauerbronn
1 ano atrás

A Merkel e seu partido logo logo saem de cena e a Alemanha volta ao normal, França é uma incógnita, mas com protestos diários contra Macron, vamos ver o desdobrar de ambos nestes próximos meses.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Leandro Sauerbronn
1 ano atrás

Realmente, a Merkel já deu o que tinha que dar a muito, muito tempo. Se existe realmente uma extrema direita na Alemanha, o surgimento dela seria diretamente culpa da Merkel e suas políticas em relação à refugiados e imigrantes. Ela ainda é uma estadista poderosa, mas internamente isso já está ruindo, finalmente.

A França… bem… é a França, né? Às vezes encanhota, às vezes endireita, mas é sempre a França. Chata, cara, rabugenta, mas quando a coisa explodir, vai pender para o lado certo, até porque já é uma dívida histórica.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Que venha frauke Petry🇩🇪‼️

Maus
Maus
Reply to  Adriano Madureira
1 ano atrás

Não conhecia ela, tem cara de 20 anos.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Leandro Sauerbronn
1 ano atrás

Merkel pegou uma Alemanha pronta para crescer, foi sábia em não c@gar a economia do país, de resto ela tacou merd@ em tudo, vai se aposentar, acredito que ela só vai ficar até o UK se decidir se sai ou fica.

Chevalier
Chevalier
1 ano atrás

Membro da OTAN acho difícil, mas o major-non-ally acho que já podemos botar na conta.

Foragido da KGB
Foragido da KGB
1 ano atrás

Ora bolas, esses dois Globalistas (Alemanha e França), querem criar sua própria Forças Armadas da UE, querem construir meios navais compartilhados, querem comer o fígado e coração que qualquer um que tente sair da Pátria Grande Europeia. Então que se danem, quando a Charia começar e suas cabeças estiverem rolando, não vão pedir arrego aos não europeus novamente. Imbecis…

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Foragido da KGB
1 ano atrás

Simples assim!!!

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Foragido da KGB
1 ano atrás

Tirando os EUAs que são da OTAN e tem interesse nela como um tampão para a Russia, o que o Brasil poderia ajudar a OTAN no caso de uma guerra nuclear em larga escala com a Russia e a China?

Foragido da KGB
Foragido da KGB
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
1 ano atrás

Refaça sua pergunta, pois, numa guerra nuclear em larga escala, não sobrará ninguém pra ajudar ou ser ajudado. Capicci ?!

Agnelo
Agnelo
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
1 ano atrás

A OTAN tem se metido em entreveiros, nos quais ganham a guerra rapidamente, mas não conseguem estabilizar o local. Essa é a maior dificuldade atual. Em pacificação, o Brasil tem demonstrado enorme capacidade. Há muito, se tenta por o Brasil para estabilizar regiões onde as guerras de alta intensidade ou próximo disso acabaram, mas fica a murrinha da resistência à mudança e consolidação demorando. Cabe salientar, q o Brasil é um dos poucos países do mundo q venceu guerrilhas interna, além de ser da natureza do brasileiro interagir bem com qq população. Acredito q há interesse nessa capacidade nossa. Acredito… Read more »

Minuteman
Minuteman
Reply to  Foragido da KGB
1 ano atrás

Quando o rugido do urso do leste chegar aos ouvidos dos semi-deuses europeus, a primeira coisa que vão fazer é pedir ajuda aos colonos das Américas. Podem apostar.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Foragido da KGB
1 ano atrás

Hmmmm… as tratativas entre França e Alemanha não são de hoje, é verdade, começando pelo embrião da União Européia, a CECA, mas isso não significa que são flores. Até hoje existem rivalidades fortes entre eles, e apenas nos tempos recentes que eles resolveram afinar mais os desenvolvimentos em equipamentos militares. Anteriormente eram parcerias mais pontuais, e mesmo assim a França ainda preferia independência em determinados assuntos. Engana-se quem enxerga a França apenas um bastião da esquerda. Eles são até bem parecidos com o Brasil nesse sentido. Todo mundo aqui é esquerdola ensandecido, até que pisem no nosso calo ou apareça… Read more »

Lucas Silva
Lucas Silva
1 ano atrás

“Segundo reportagem da Folha de S. Paulo”
“Parei de ler ai.”
“Não dá para confiar, tudo mentira desse jornal comunista”
“Essas informações não são confiaveis”

Roberto
Roberto
1 ano atrás

Simples: basta mudar a sigla para OTA. Sai o Norte. Organização do Atlântico.
Pela quantidade de armas e dinheiro que o Tio Sam coloca na OTAN é igual a bancar quase
sozinho um churrasco, convida quem ele quiser!

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Roberto
1 ano atrás

Seria legal se isso acontecesse. Os saudosos ‘Relatórios OTA’ da MAD seriam fantásticos caso voltassem.

Bosco
Bosco
1 ano atrás

Não houve tempo para nenhuma afirmação por parte de ninguém na NATO acima da patente de cabo ou de copeiro.
É como dizem, se o Bolsonaro fizer uma campanha contra a dengue a oposição (esquerda) fica a favor do mosquito.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Bosco
1 ano atrás

Bosco, simplesmente perfeito, magnífico. O que importa não é o bem e desenvolvimento do Brasil, seja quem for que estiver no comando, o que importa é a supremacia da ideologia e amor a outras pátrias em prol da pátria onde a maioria reside, pátria BRASIL. Abraços

Minuteman
Minuteman
Reply to  Bosco
1 ano atrás

Bosco, muito obrigado. Grande comentário.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Bosco
1 ano atrás

Sr. Bosco, era assim que vocês faziam durante os governos de esquerda: ficavam a favor do mosquito. Mas agora que vocês estão no governo, acham que a esquerda agirá como vocês.

Antônio Carlos Sandoque
Antônio Carlos Sandoque
Reply to  Bosco
1 ano atrás

Muito bem colocado.
A oposição faz “oposição por oposição”.
Sem nenhum compromisso com o país, e sim com objetivo de enfraquecer o governo e tentar uma retomada ao poder, a custo do sofrimento do povo.

Pedro S
Pedro S
1 ano atrás

Quem nasceu para ser uma Russia, nunca será menbro da OTAN. Que Vladmir Putin coma seus fígados.

filipe
filipe
1 ano atrás

O Brasil não precisa de ninguém para ser Forte, vamos arrumar primeiro a casa, vamos acabar com a corrupção interna, vamos potencializar a nossa industria de defesa, e tenho a certeza que será a OTAN a pedir de joelhos a nossa entrada. Um Brasil forte de novo, tal como uma America Grande , O Bolsonaro não deveria se curvar para nenhuma potência (EUA, Russia,China, Europa,Japão), Todas a potências tenhem interesses obscuros aqui,,, ninguém é santo, vamos desenvolver as nossas forças Armadas com o que temos, e seremos os melhores do planeta.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  filipe
1 ano atrás

Onde assino? BRASIL ACIMA DE TODOS.

Rene Dos Reis
Rene Dos Reis
Reply to  filipe
1 ano atrás

disse tudo , assino embaixo e dou fé.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
1 ano atrás

Manda quem paga as contas…

A hora que os europeus assumirem a sua parte na OTAN eles poderão começar a opinar de verdade..

Felipe
Felipe
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 ano atrás

Concordo q se os EUA baterem o pé os europeus teriam q aceitar, mas você realmente acha q os EUA iriam criar este mal estar todo por causa do Brasil? Não vejo grandes vantagens para eles nisto.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Felipe
1 ano atrás

A questão era o que os europeus iriam perder com a entrada do Brasil?

Nada.

pangloss
pangloss
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 ano atrás

Concordo com sua conclusão, mas invertendo a pergunta, o que é que o Brasil ganharia, ao entrar para a OTAN? Para acesso a tecnologia e financiamento na aquisição de equipamento, basta a parceria com os EUA.
E o Brasil não tem, hoje, a mínima capacidade de cumprir com obrigações que a OTAN exige de seus membros.
Não vou nem falar na postulação brasileira a vaga permanente no CS…

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  pangloss
1 ano atrás

E todos os membros plenos da OTAN tem capacidade de cumprir as suas obrigações ? Poucos..

Camargoer
Camargoer
Reply to  pangloss
1 ano atrás

Caro Pangloss. Caso o Brasil passe a ser um “aliado preferencial” dos EUA, jamais conseguirá um acento no CS. Qual país membro da ONU aceitaria dar um voto a mais aos EUA? Talvez o Brasil tenha dificuldades até mesmo para ser eleito como membro rotativo.

cfsharm
cfsharm
Reply to  Camargoer
1 ano atrás

Na atual estrutura do CS, na minha opinião muito particular, pouca ou nenhuma diferença faz. O poder de veto dos países tornam o CS na maior parte do tempo inócuo. Se houvessem mudanças aí sim teríamos uma situação de rejeição – pois seria um voto a mais de um país aliado.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  pangloss
1 ano atrás

O que o Brasil ganharia ao entrar para a OTAN? mísseis nucleares – russos e chineses – apontados para nós.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  100nick-Elã
1 ano atrás

E você vai perder o sono por isto ou vai ter um orgasmo ?

Fila
Fila
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 ano atrás

A possibilidade de ter que nos ajudar em uma possível guerra…

Maus
Maus
1 ano atrás

Podem fazer a birra que for, a dança seguirá como o DJ quiser.

Ricardo
Ricardo
1 ano atrás

Algo me diz que a SIGMA ganhou um forte impulso depois da reação da Alemanha e França. kkkk

Maus
Maus
1 ano atrás

Quem mandava na URSS e quem manda na OTAN agora?

Alexandre
Alexandre
1 ano atrás

Na minha humilde opinião , eu acho que isso nunca vai acontecer o Brasil ser membro da Otan , acho que nossa prioridade no momento é melhorar nossa capacidade militar , principalmente a defesa aérea , “trocar” uma ideia com os americanos , “pegar” uns bons equipamentos militares de lá , e fazer projetos para desenvolver mais nossa indústria bélica, somos um pais com vários recursos naturais e minerais , e atualmente no mundo cada vez mais os recursos estão se acabando , e quem garante que no futuro alguma potencia militar , vai querer arrombar nossa porta e pegar… Read more »

Caio
Caio
1 ano atrás

O Brasil tem que aprender a andar com suas próprias pernas! Nada de ficar a reboque de China,Rússia, EUA ou Israel ou quem quer que seja!!!
Pra isso o povo tem que cobrar governantes que realmente queiram faze do pais uma nação digna e não PUTENFIAS OU POTENSSAS via colinho de estrangeiros e acabar passando vergonha desnecessária.

Heitor
Heitor
1 ano atrás

Não estamos no Atlântico Norte, a Rússia não é ameaça para nós, não podemos e nem temos condições de oferecer ajuda de defesa ao Atlântico Norte. Colômbia, Japão, Austrália e Afeganistão são aliados da OTAN (não são membros). O Brasil pode ser aliado, mas ser membro não é sonhar, é viajar na maionese.

Heitor
Heitor
Reply to  Heitor
1 ano atrás

E digo mais… em um eventual ataque à Turquia. O Brasil iria dispor suas tropas para defendê-la? A mesma Turquia que apóia o Maduro?

Victor Carvalho
Victor Carvalho
1 ano atrás

Sinceramente, ingressar na OTAN como mesmo não é interessante pro Brasil. Talvez elegante, romântico. Ser membro nos traria uma série de obrigações que talvez se contraponha inclusive aos interesses brasileiros no atlântico sul. Uma parceria está de ótimo tamanho. O Brasil é muito grande para a OTAN.

Antoniokings
Antoniokings
1 ano atrás

Quanto mimimi.
Chorem minions.
Vai ser daí para pior.

Paulo
Paulo
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

Enquanto isso o seu ídolo na cadeia esperando por mais condenações, o filho dele Luleco indicado ontem pela PF, o ex-vice da estocadora de vento preso … Quero ver quem vai chorar aqui.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Paulo
1 ano atrás

Acho que esse caboclo é pago pra postar aqui.

pangloss
pangloss
Reply to  Rinaldo Nery
1 ano atrás

Mesmo que seja miseravelmente mal pago, está recebendo mais do que efetivamente vale.

Mig35
Mig35
Reply to  Paulo
1 ano atrás

Vice dos paneleiros kkkkkkk!!!!

Paulo
Paulo
Reply to  Mig35
1 ano atrás

Vc é outro dos vários Nicks do Kings, não!?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Paulo
1 ano atrás

É bolsominion. Está tudo se esfarelando. Ou liquefazendo. Tanto faz.

Paulo
Paulo
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

Verdade. Em breve o Luleco se juntará ao pai na cadeia também. O Zé Dirceu também esta com dias contados em liberdade. Já esta lá o Genuíno, o Palocci, etc. Esta acabando tudo, M a v!

Mig35
Mig35
Reply to  Paulo
1 ano atrás

Daqui a pouco deverá estar a turma da Laranjada lá tb. Kkkkkk cadê o Queiroz? Onix caixa 2? Flavinho??? Kkkkk Inss = walking dead.

Paulo
Paulo
Reply to  Mig35
1 ano atrás

Falei, trocou de Nick para responder. Acha que aqui tem bobo, t roll?
E enquanto vc fica aí com perguntinhas a turma do partidão e seus aliados vão sendo presos um por um!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Mig35
1 ano atrás

Mig-35

É o time de futebol.
E não é o Fluzão das Laranjeiras.

Paulo
Paulo
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

Então vc usa um Nick para concordar com o comentário de outro Nick seu aqui? Que manjado.

Mig35
Mig35
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

É isso mesmo kkkkk! MDB paneleiros kkkkk!!!! Agora eu vou ler a Matéria do Brasil na OTAN kkkklkkk. Acho que eu vpu ler a chegada dos Grispen lá no PA. Kkkkkk

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Mig35
1 ano atrás

MDB foi aliado de vocês por mais de uma década…

Tá cuspindo nos parças agora ?

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

Puxa finalmente tem meu taokay!!!!! FLUZÃO DAS LARANJEIRAS!!!!! Nennssseee!Sabia que vc ainda não estava totalmente perdido. Agora tenho toda a certeza que vc é inteligente e de muito bom gosto. Valeu Toninho.ABRAÇÃO ST4

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Saldanha da Gama
1 ano atrás

Saldanha
E hoje é em Antofagasta!
Saudações tricolores (das Laranjeiras, o único)!
Abração!

jagderband#44
jagderband#44
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

“trabalha” no INPI?

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

Antonio, depois desta estou até gostando da Rússia (viu, letra maiúscula no início kkkk) Tricolor só tem um, o resto são apenas times de 3 cores (Nelson Rodrigues) Abração st4

Foragido da KGB
Foragido da KGB
Reply to  Mig35
1 ano atrás

The communist pão com m o r t a d e l a .

Wellington Rossi Kramer
Wellington Rossi Kramer
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

O que está se esfarelando?

Mig35
Mig35
Reply to  Paulo
1 ano atrás

Pois é Paulo estamos ai para equilibrar as coisas. Não sou o AntonioKings.

JPC3
JPC3
Reply to  Mig35
1 ano atrás

Não estão conseguindo equilibrar nada só estão baixando o nível. Os dois sendo vaiados e tomando trezentos dislikes por dia.

Mig35
Mig35
Reply to  JPC3
1 ano atrás

JPC3 você vive de likes??!!!! Kkkkk geração PlayStation. Kkkk não dá nem para a saída kkkkkkkkkkkkjkkk. Vai arrumar um trabalho assinar a sua CTPS ao invés de teclar bobagens sem fundamento.

JPC3
JPC3
Reply to  Mig35
1 ano atrás

Façam bons comentários que a gente para fazer piada com vocês.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Mig35
1 ano atrás

MAV não é trabalho com carteira assinada ?

Foragido da KGB
Foragido da KGB
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

The communist !

Mig35
Mig35
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

O pessoal da Deep Web que vivem de likes eu tenho até medo. Sempre um psicopata sai metralhando uma escola.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Mig35
1 ano atrás

Sempre tem um adélio para esfaquear alguém.

Housemaq
Housemaq
Reply to  Antoniokings
1 ano atrás

Já falei ontem pra voxê… Fica bonzinho que o titio dexa voxê bincá cum xaverinho…

Camargoer
Camargoer
1 ano atrás

Olá Colegas. Os anos 60/70 foram definidos pela Guerra Fria. Nesse período o Brasil teve um governo militar claramente pró-EUA e que tratava um combate interno contra grupos armados de extrema esquerda. O Estado brasileiro tinha uma participação na economia muito maior que hoje e a relação comercial com a China era inexpressiva. Mas, ao invés de ingressar na OTAN, os militares preferiram encerrar a cooperação militar com os EUA. Após o fim da URSS e a da Guerra Fria, o comércio com a China representa 22% das exportações e 19% da importações (EUA são 11% das exportações e 15%… Read more »

art
art
Reply to  Camargoer
1 ano atrás

O Brasil ajudou angola, governo com visão de terceiro mundo nos anos 60 era politica externa de esquerda com os militares.

Carlos Campos
Carlos Campos
1 ano atrás

Olha uma integração Plena do Brasil a OTAN eu não quero! não apoio, pq em caso de guerra iríamos ter que participar, agora ser um aliado de nível global tudo bem…… quanto esse caso se o Bolsonaro quiser e a França e a Alemanha estão dificultando, poderia haver uma resposta na concorrência pelas CCT, Meko e Gowind sendo prejudicados, aí só Italianos e Holandês/Suecos se saindo bem.

Gabriel Nery
Gabriel Nery
Reply to  Carlos Campos
1 ano atrás

Foi exatamente isso que eu pensei. Apesar de não ver nenhuma necessidade do Brasil fazer parte da Otan. Acredito que ser parceiro já é bom o suficiente. Enfim, de qualquer forma não vejo motivo nenhum para qualquer reclamação de França e Alemanha a uma suposta entrada do Brasil a Otan. E se, de fato, houver esse protesto destes países. Decide logo as ccts em favor de um país que SAAB fazer política de boa vizinhança com a gente.

Francisco Braz
Francisco Braz
Reply to  Carlos Campos
1 ano atrás

A tendência são os italianos.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
1 ano atrás

Sinceramente eu acho idiotice essa possível entrada do Brasil na OTAN, precisamos sim ficar em cima do muro, assim não perdemos mercados emergentes como China e Rússia. Suécia e Suíça eram em cima do muro durante as guerra mundiais e saíram numa boa do conflito. O único grupo que o Brasil deve entrar é para a OCDE e só. Aliança militar tem que aceitar os amigos e os inimigos também.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Defensor da liberdade
1 ano atrás

Eu acho besteira entrada para a OTAN, e isso se fosse possível, o que não é ainda. Mas não vejo com bons olhos o Brasil em cima do muro. Tomar uma posição no nos impede de fazer comércio com ninguém. Até EUA comercializa com a China, por exemplo. Só aqui no Brasil que as pessoas tendem à ser radicais em relação à esse tipo de coisa, infelizmente.

Observador
Observador
1 ano atrás

Seria interessante lembrar aos amigos europeus, de alguns dados que tornam, a entrada do Brasil na OTAN, uma questão natural: – É a 9 maior economia do mundo, segundo o FMI em 2018; – É a 14 maior potência militar do mundo, segundo o global firepower de 2018; – O 5 maior país, na geografia do mapa mundi, e que por ser um país continental, parte do nosso mar se encontra no ATLÂNTICO NORTE, e que somos vizinhos à eles, através da Guiana Francesa; – Único país da América Latina a partcipar da 1 Guerra Mundial (uma guerra praticamente europeia);… Read more »

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Observador
1 ano atrás

Belas ,pontuais e inegáveis observações !!!

Victor Carvalho
Victor Carvalho
Reply to  Observador
1 ano atrás

Ser da OTAN é algo romântico. Uma aspiração “ocidental”. Mas tem custos… o Brasil é um potência regional, com aspiração de ser uma potência global em um futuro próximo. Ser da OTAN limita nossas perspectivas como influenciador global. Ser parceiro? Sim, grande jogada. Ser membro? Prejuízo geopolítico.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Observador
1 ano atrás

Por favor, onde assino? Talvez a alemanha não nos queira, pela surra que demos neles lá na itália, um record de prisioneiros em uma batalha, praticamente sem tiro. Conseguimos conquistar e que achavam inexpugnável Monte Castelo, Castelnuovo e Montese. Toamaram conhecimento do senta a pua, e a cobra vai fumar. PARABÉNS!!”!!

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Saldanha da Gama
1 ano atrás

Kkkkkk chutar cachorro morto é fácil, queria ver o Brasil logo no início da guerra, com a Alemanha à todo o vapor, coitados dos brazucas, cairiam como moscas….

Fabio
Fabio
Reply to  Defensor da liberdade
1 ano atrás

Que você se divirta em passar vergonha tornando públicas suas tolices na internet é problema seu mas tenha pelo menos a decência de ser minimamente grato aos nossos veteranos que atravessaram o oceano para defender a liberdade que hoje você usa tão indignamente!

Fila
Fila
Reply to  Observador
1 ano atrás

Nada disso importa, o que interessa é o que está escrito na carta de fundação. Inclusive tem muito paiseco na OTAN. Inclusive depois da Guerra Fria a OTAN não sabe bem pra que ela serve.