Home Adestramento Comando de Fronteira Solimões/8ºBIS adestra pelotões especiais

Comando de Fronteira Solimões/8ºBIS adestra pelotões especiais

7392
16

Tabatinga (AM) – De 8 a 12 de julho de 2019, os Pelotões Especiais de Fronteira do Comando de Fronteira Solimões/8° Batalhão de Infantaria de Selva, realizaram diversos adestramentos em suas áreas de responsabilidade: Estirão do Equador, Palmeiras do Javari, Ipiranga e Vila Bittencourt (AM), foram realizadas instruções de abordagem de embarcação visando ao aperfeiçoamento das técnicas, táticas e procedimentos nas abordagens.

Utilizou-se na instrução o simulador de abordagem diurno e noturno quando são apresentadas diversas situações, forçando a tropa a pensar e agir conforme as regras de engajamento. Outra instrução praticada foi a de natação utilitária com as técnicas de entrada na água, flutuação e condutas que os militares devem tomar em caso de situações de combate e acidentes com embarcação.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

16
Deixe um comentário

avatar
6 Comment threads
10 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
14 Comment authors
allanMarceloMarcelo AndradeAgneloHeverton ribeiro Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
wwolf22
Membro
Famed Member
wwolf22

no canal 05 da TV por assinatura VIVO, todo domingo a noite passava ou ainda passa episodios de treinamento no CIGS… se eu não me engano são 08 episódios no total… muito interessante, mostram desde a chegada, tipos de treinamentos, a formatura…

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

Lembrando que o CIGS é um centro de instrução, uma escola para formação de pessoal e desenvolvimento da nossa doutrina de operações em selva.

paulop
Visitante
paulop

De certa forma os PEF são herdeiros das antigas fortificações lusitanas que foram estabelecidas na Amazônia em tempos remotos. Os verdadeiros sentinelas do Brasil. Alguém sabe a estrutura organizacional destas pequenas unidades. São como os pelotões convencionais?
Abraço

colombelli
Visitante
colombelli

tem mais gente que um pel normal, uns 50 a mais, por conta do pessoal de apoio. Tem na verde oliva de setembro de 2018 uma cobertura bem boa. Tu encontra ela no site do EB em publicações.

allan
Visitante
allan

70 militares. Possuem seção de saúde, equipe de rancho, entre outras funções especícicas dos PEF.

Cidadão
Visitante
Cidadão

Região maravilhosa onde se pode sentir toda a pujança e riqueza a ser explorada da NOSSA AMAZÔNIA. Belissima região a ser visitada por qualquer turista e aventureiro! Parabéns ao Povo BRASILEIRO Verde-Amarelo do alto Solimões e da tríplice fronteira. Parabéns aos Guerreiros do CFSOL 8 BIS, FAB e da MB que apoiam e defendem a Amazônia Ocidental de inimigos externos e internos bem como defendem todo o Brasil de norte a sul.

nonato
Visitante
nonato

Pena que é só treinamento e parece que não fazem patrulhamento para valer eu falo no geral não apenas uns poucos gatos pingados deveria ver uns 10 mil militares na fronteira fazendo operações dia e noite sem parar fazendo operações dia e noite sem parar

colombelli
Visitante
colombelli

patrulham e ja teve até tiroteios. No CMA são 24 PEF ( ver página 10 da verde oliva de setembro de 2018 disponivel na internet´página do EB). É muito caro manter estas estruturas, pois não é so a guarnição militar, tem familias, assistência médica e odontológica pras comunidades proximas e tudo é muito longe. Maioria dos locais so de voadeira ou avião.

Agnelo
Visitante
Agnelo

O EB não tem gato pingado.
Mais da metade das nossas Brigadas tem responsabilidades nas fronteiras. Patrulham e apreendem muito. Alem disso, possibilitam q os OSP se concentrem em outras áreas ou caminhos, em um trabalho integrado.
Nos PEF, além da segurança e Instrução, as tropas também realizam PBCFlu e patrulhas, atividades nas quais tem apreendido muito.
Os PEF tem, além dos Grupos de Combate de um pel Fuz normal, maior apoio médico, inclusive com médico, apoio de rancho, comunicações e piloteiros das embarcações.
Sds

Marcelo
Visitante
Marcelo

Quem já esteve na Amazônia tem idéia da grandiosidade. 24 pef, é quase nada. Urgente transferir batalhões do Sul para a região Norte. A caserna ensina, coloca a flauta na mala e vai quieto servir a nação.

Augusto
Visitante
Augusto

Off-topic – Usiminas tem chapa que Iveco importa para Guarani: https://alemdofato.uai.com.br/economia/usiminas-tem-chapa-que-iveco-importa-para-blindados/

Os generais agora deveriam mostrar serviço e pressionar a Iveco a adotar produto nacional para as futuras encomendas. Aliás, como diz o texto, o produto da Usiminas foi criado a pedido do próprio Exército.

Rene Dos Reis
Visitante
Rene Dos Reis

Brincadeira ein , pior ainda seria saber que a importada tem minérios daqui.

Mosczynski
Visitante
Mosczynski

Provavelmente a Iveco importa porque as brasileiras são mais caras e se a fabricante for obrigada a comprar da Usiminas, o preço vai ser maior, vão cobrar mais caro do EB e você sabe quem no final paga a conta.

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Será que são mais baratas? e o custo-brasil inserido? Lembro que a Petrobrás prefiria importar as bases das paltaformas de Cingapura e montar aqui as Facilidades pois era mais barato.

Heverton ribeiro
Visitante
Heverton ribeiro
colombelli
Visitante
colombelli

eu sou contra por um povoamento inclusive das famílias junto ao PEF. Pelo que li a ideia e doravante deixar somente uma guarnição militar.