sexta-feira, dezembro 3, 2021

Saab RBS 70NG

Líder militar dos curdos sírios diz aos EUA: ‘vocês nos deixaram para ser massacrados’

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Uma foto tirada da província de Sanliurfa, na Turquia, em 9 de outubro de 2019, mostra a fumaça subindo no local da cidade de Ras al-Ayn, na Síria, quando as forças turcas começaram a bombardear o norte da Síria. (Foto de Kerem Kocalar/Agência Anadolu)

(CNN) – O comandante curdo das Forças Democráticas Sírias disse a um diplomata sênior dos EUA: “Vocês nos deixaram para ser massacrados”, exigindo saber se os EUA farão alguma coisa para proteger os curdos sírios enquanto a Turquia continua sua operação militar visando aliados curdos da América na Síria.

“Vocês desistiram de nós. Vocês nos deixaram para ser massacrados”, disse o general Mazloum Kobani Abdi ao Enviado Especial Adjunto da Coalizão Global para derrotar o ISIS, William Roebuck, em uma reunião na quinta-feira, de acordo com um documento interno do governo dos EUA que foi obtida exclusivamente pela CNN.

“Vocês não estão dispostos a proteger o povo, mas não querem que outra força venha nos proteger. Vocês nos venderam. Isso é imoral”, acrescentou Mazloum.

Ele insistiu que os EUA ajudassem a interromper o ataque turco ou permitissem às Forças Democráticas Sírias fazer um acordo com o regime de Assad em Damasco e seus apoiadores russos, permitindo que aviões de guerra russos imponham uma zona de exclusão aérea no nordeste da Síria, negando assim à Turquia a capacidade para realizar ataques aéreos. Os EUA não querem que os curdos se voltem para os russos, dizem autoridades do governo.

“Preciso saber se vocês são capazes de proteger meu povo, de impedir que essas bombas caiam sobre nós ou não. Preciso saber, porque se não forem, preciso fazer um acordo com a Rússia e o regime atual e convidar seus aviões para proteger esta região”, disse Mazloum.

A Turquia lançou sua incursão há muito prometida na Síria depois que o presidente Donald Trump ordenou que as tropas americanas fossem retiradas da área de fronteira. Antes disso, como medida de confiança com a Turquia, os EUA convenceram os curdos a desmantelar suas fortificações defensivas ao longo da fronteira e afastar seus combatentes. Os EUA disseram que a Turquia concordou com o acordo que visa impedir uma ação militar turca unilateral.

Membros seniores do governo Trump insistiram que os EUA não abandonaram os curdos sírios, no entanto, o governo dos EUA ainda não tomou medidas para impedir a incursão turca.

Civis árabes e curdos sírios fogem com seus pertences em meio a bombardeios turcos na cidade de Ras al-Ain, no nordeste da Síria, em 9 de outubro de 2019 (Delil SOULEIMAN / AFP)

O secretário de Defesa, Mark Esper, disse na sexta-feira que os EUA não estão abandonando seus aliados curdos, embora tenha deixado claro que os militares americanos não vão intervir na luta.

“Não estamos abandonando nossas forças parceiras curdas e as tropas americanas permanecem com elas em outras partes da Síria”, disse Esper a repórteres no Pentágono.

“Continuamos em estreita coordenação com as Forças Democráticas da Síria, que nos ajudaram a destruir o califado físico do ISIS, mas não colocarei os militares americanos no meio de um conflito de longa data entre os turcos e os curdos, não é por isso que estamos em Síria”, disse Esper.

Em entrevista ao The Tennessean na sexta-feira, o secretário de Estado Mike Pompeo disse que o governo Trump “tem apoiado incrivelmente os curdos” e que eles foram bons parceiros para os EUA. “Estou muito confiante de que esse governo continuará apoiando essas pessoas que são boas amigas dos Estados Unidos da América”, afirmou.

Trump assinou uma ordem executiva na sexta-feira, concedendo ao Departamento do Tesouro “novas autoridades de sanções muito significativas” contra a Turquia por causa de suas ações na Síria, mas os EUA não têm planos imediatos de usá-las, disse o secretário do Tesouro, Stephen Mnuchin.

A declaração do Tesouro havia dito que a ameaça de sanções de Trump pretendia dissuadir a Turquia de ações que incluíam “o alvejamento indiscriminado de civis, alvos de infraestrutura civil, alvos de minorias étnicas ou religiosas”.

FONTE: CNN

- Advertisement -

231 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
231 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Luiz Floriano Alves
Luiz Floriano Alves
2 anos atrás

Volta a tona a velha teoria de Bismark: a vida de um soldado inimigo não vale o calcanhar de um soldado prussiano.

Munhoz
Munhoz
2 anos atrás

O Brasil também foi ! ! , eles preferem a Argentina, isso não é novidade, o Vietnã do Sul também foi abandonado, agora o mais triste é os turcos partirem pra cima, quem conhece um turco sabe o que eu estou falando, que isto sirva de lição para nosso amigo Bolso, vai confiando nos gringos, essa gente tem que ser manipulada e não deixar que eles nos manipulem, temos que extrair vantagens e não deixar que eles tirem vantagem. Um exemplo é nossas FA, servem como uma especie de reserva estratégica bucha de canhão deles, temos uma grande força de… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Munhoz
2 anos atrás

Sem contar que Trump fechou um pré-acordo com a China, negociando a compra de mais soja americana pelos chineses.
Vejo a preocupação americana com seu novo aliado brasileiro.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Veja a preocupação do Bolsonaro com os brasileiros…

Gordo
Gordo
Reply to  Joao Moita Jr
2 anos atrás

Do jeito que as coisas estão caminhando na Argentina e o Equador em ebulição espero que Bolsonaro tenha um despertar e pare.de fazer campanha política, mesmo porque ela já acabou a quase um ano.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Joao Moita Jr
2 anos atrás

Publicaram a cartinha que Trump mandou para Bolsonaro:
‘Fiz OCDE BOBO.’

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Essa foi boa. kkkkkk

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Matheus Santiago
2 anos atrás

kkkkkkk

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Kings, vc é o verdadeiro mito.kkkkkk

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  100nick-Elã
2 anos atrás

Mito! Mito! Mito!
kkkkk

SDS

Cavalo-do-Cão
Cavalo-do-Cão
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Mito! Mito! Mito! 😀

QuimicoBR
QuimicoBR
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Após tantos anos acompanhando a Trilogia, é a primeira que faço um comentário: vivi pra ver o Kings ter mais comentários positivos que negativos! Abraços à todos!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  QuimicoBR
2 anos atrás

QuímicoBR

É só o começo!
SDS

kid gumer
kid gumer
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

João Augusto
João Augusto
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

uaheuheauaeahueuhaeaheahuaehu

Alison Lene
Alison Lene
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

essa foi otima. rsrs

Chris
Chris
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Trump é apenas inteligente… Como sabe da dependência econômica que a China tem, do ocidente.

Usou toda a psicologia reversa possível, pra conseguir o que queria. Vantagens pro seu povo.

China.. Sem maiores escolhas.. Aceita ! Mas para o mundo, esse acordo é uma salvação.

Gordo
Gordo
Reply to  Munhoz
2 anos atrás

Bem por aí mesmo. A tragédia humanitária vai ter muitos efeitos, a extrema direita Européia vai ganhar munição.

Pedro Bó
Pedro Bó
2 anos atrás

Mais um Holocausto na conta dos turcos à vista…

Operação militar em território estrangeiro e sem ser resguardada por órgãos internacionais. Isso é motivo o suficiente para se aplicar sanções econômicas e militares à Turquia e ao seu projeto de ditador.

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  Pedro Bó
2 anos atrás

Nenhuma das partes acusará a Turquia em órgãos internacionais, exceto os curdos e os sírios. O lado europeu foi chantageado pelo Erdogan a não darem pio sobre a invasão do norte da Síria, senão abrirão as portas da Turquia e deslocarão os refugiados as portas da Europa. O lado americano também foi chantageado pelo líder turco sobre a base de Incirlik, embora eu tenho dúvidas sobre um plano por debaixo dos holofotes sobre a troca de informações sobre o sistema S-400 adquirido pela Turquia, Trump não deixaria seus aliados a troco de uma chantagem exercida pelos turcos, o presidente dos… Read more »

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  Matheus Santiago
2 anos atrás

Vale destacar ainda que um posto avançado norte-americano na Síria foi atingido ontem por artilharia turca. De acordo com o Pentágono, o ataque ocorreu na sexta-feira perto da cidade de Kobane, fora da designada “zona de segurança” que Ancara pretende estabelecer no nordeste da Síria.

Os EUA pediu que a Turquia evite “comportamentos agressivos” e que se opõem as operações turcas fora da zona de segurança e em áreas onde os turcos sabem que as forças dos EUA estão presentes.

Parece que os turcos não obedeceram aos termos estabelecidos, agora veremos como será a reação dos norte-americanos.

BrunoW Basillio
Reply to  Matheus Santiago
2 anos atrás

O sistemas S-400 que os Russos venderam para a Turquia eles vendem até para os americanos caso estes queiram comprar…Não a segredo nenhum nisso, é por isso que já chama “modelo exportação”, um S-300 bombado..

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  BrunoW Basillio
2 anos atrás

Por conta do orgulho, os americanos nunca comprariam diretamente dos russos o S-400. Portanto, a única maneira de colher informações a respeito do sistema é através de países que já estariam operando, é o caso da Turquia.

Mas como eu disse, são só suposições.

Moriah
Moriah
Reply to  Matheus Santiago
2 anos atrás

Em termos estratégicos, infos sobre o S-400 seriam para os states mais valiosos do que tentar se meter nessa invasão turca. O F-35 parece águas passadas, com mais infos do Su-35 em troca de não fazer nada em outras ações turcas na região.

peter nine-nine
peter nine-nine
Reply to  Pedro Bó
2 anos atrás

Mas convenhamos, Erdogan desde o início pediu aos Estados Unidos que arranja-se outro parceiro sem ser os curdos, e os aliados ocidentais fizeram o que? Ignoraram. Portanto, não estando eu a tomar lados, mas a Operação dos turcos é tão legítima quanto as operações americanas e europeias que ali tiveram e têm presença. De facto, talvez seja mesmo mais legítimo, visto que os turcos fazem fronteira, sendo portanto uma área de influencia, digna de atenção, que no caso até tem a presença de uma organização potencialmente perigosa para a integridade territorial, política e social da Turquia. Era previsível, a Turquia… Read more »

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  peter nine-nine
2 anos atrás

peter nine-nine.
Voce está certo.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  peter nine-nine
2 anos atrás

O peasoal esquece que a intervenção americana na Siria. Não teve autorização da ONU e ao contrário do afeganistão, nem apoio da OTAN. Tanto e que a presença militar e quase que só americana do lado do ocidente. Portanto e ação no máximo,tão legitima quanto a Turca.

rui mendesmendes
rui mendesmendes
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
2 anos atrás

Só Americana? A França esteve na Síria, e o UK.

Antoniokings
Antoniokings
2 anos atrás

Os americanos estão totalmente perdidos em matéria de política externa.

Rene Dos Reis
Rene Dos Reis
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Acho que chegou naquele ciclo de olharem pra dentro de casa , naquele momento da ascensão do Ísis e o Assad na corda bamba Havia “interesse” americano nos curdos , a ameaça sumiu caíram fora.

teropode
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Realmente , o líder fraco só faz merda , cada nação tem o bozo que merece.

Rogerio
Rogerio
Reply to  teropode
2 anos atrás

Igualzinho quando o exercito boliviano invadiu as instalações da Petrobras naquele pais, o que fez nosso presidente daquela época? Nada, abriu uma garrafa de Pitu e comemorou a entrega do patrimônio nacional para o Índio Boliviano, pois é cada povo tem o cachaceiro ladrão que merece.

Gabriel BR
Gabriel BR
2 anos atrás

Os americanos têm fama de serem traíras , e não é de hoje!
É por isso que eu defendo uma aproximação ainda maior entre Brasil e China, esse negócio de ser fã-boy dos americanos é pura xenofilia.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Gabriel BR
2 anos atrás

Para mim não importa se e Chines, Russo ou Americano. O que sei e que e mia facil pelo histórico sermos atacados e invadidos pelos países ocidentais a começar pelos europeus que tem interesses ate fisicos na região do que pela Russia ou China e o pior e que a maioria das nossas armas são daqueles que podem nos atacar.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Gabriel BR
2 anos atrás

Estariamos como a Argentina frente a Inglaterra. Ate hoje não entendo o porque da Argentina não ter comprado material Russo ou Chinês de defesa.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
2 anos atrás

A Argentina ficou contra a Inglaterra pq quis e não pq foi ameaçada ou atacada.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Gabriel BR
2 anos atrás

Brasil tem é que sugar todos e quando não servirem mais se livrar, Nem China, nem Rússia, Nem EUA, Nem ninguém se deve confiar absolutamente.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
2 anos atrás

Coitados, caíram no conto do americano.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Defensor da liberdade
2 anos atrás

Olhando o interessante mapa sobre a evolução dos acontecimentos na Síria, vemos que russos e sírios já estão tomando posição no norte do País para conter os os turcos.
Os solados americanos que lá se encontram estão cercados.

https://en.wikipedia.org/wiki/Template:Syrian_Civil_War_detailed_map

Matheus Santiago
Matheus Santiago
2 anos atrás
BrunoW Basillio
2 anos atrás

Lembrando que nesta semana, supostamente até uma Base Americana teria sido bombardeada por engano pelos Turcos, neste sábado surgiu vídeos da milícia pró Turca FSA executando prisioneiros e civis na estrada M4, estas vítimas supostamente seria pró Curdos..
Hoje cedo em uma entrevista o porta voz das SDF/YPG disse que o ISIS é problema do “mundo” não deles, eles iria se ocupar em proteger seu povo,deixando claro que abandonariam a luta contro os terroristas.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  BrunoW Basillio
2 anos atrás

O único problema, Bruno, é que o ISIS sempre mostrou uma agressividade acentuada contra os curdos.
Por que será?
Será que tinham outros interesses por trás da atuação do ISIS?

Kommander
Reply to  BrunoW Basillio
2 anos atrás

Não sou muito fã dos EUA, mas nesse caso, alguém tem que parar a Turquia. Tá na hora do Trump aplicar umas sanções.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Kommander
2 anos atrás

Não sou fã da Turquia e dos EUA, mas os EUA sempre apoiaram e fortaleceram os regimes turcos, até se tornarem o que são hoje.
É apenas mais uma catástrofe no O.M.

Bosco
Bosco
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Toinha,
Como você fala assim de um parceiro do Putin. E os mísseis S400? E os caças? Fala assim não…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Ainda não é o parceiro ideal.
Esperemos Erdogan ser derrubado para a chegada de um Governo mais ‘à nossa feição’.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Analisa as últimas eleições turcas, que vc vai ver a feição de quem os vitoriosos tiveram..

Pasmem..

Não a sua.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Relatos que chegam da Síria (e já confirmados) dão conta que as remanescentes tropas americanas estão totalmente cercadas pelo Exército turco de um lado e o Exército russo/sírio de outro.
O Representante do Pentágono Mark Esper classifica a situação como terrível.
Mais um desastre americano.
Esse era esperado.

Lima1
Lima1
2 anos atrás

Os Curdos tem grande quantidade de prisioneiros no qual a Europa se recusa a receber. Dentre em breve as tropas turcas chegaram a alguns deles e então será o que?. Pois alguns só são de mulheres e crianças. Os Americanos nunca tiveram uma politica para Siria, só estão lá para ocupar espaço e impedir que a Rússia assuma mais uma vez o controle que tinha antes com o governo Sírio.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Lima1
2 anos atrás

Cara se informa, os Russos estão com a influência ate maior do que tinham antes. Só para lembrar, a Siria ainda e governada pelo Assad graças a Russia que tem várias bases lá. Antes era só uma e mesmo que os Turcos trucidem os curdos o território depois vai ser devolvido para a Siria/Assad, que só não ocupou por esta focado em outras regiões.

BrunoW Basillio
2 anos atrás

Países que são contra, neutros e apoia a operação Turca na Síria, situação em 11/10.
https://uploaddeimagens.com.br/imagens/img_20191012_162754_392-jpg

Pedro Bó
Pedro Bó
Reply to  BrunoW Basillio
2 anos atrás

Só o Paquistão, celeiro de terroristas, e o Catar, já acusado de fomentar tensões no OM apoiam a ofensiva turca por enquanto.

Bosco
Bosco
2 anos atrás

Os EUA têm que desistir do OM. Se ficam são invasores indesejados e não convidados que forjaram uma revolta popular contra o legítimo governante sírio , se vão são taxados de covardes e responsáveis por um holocausto.
Deixem esse povo do OM à própria sorte sob a asa da Rússia e no futuro, da China. Eles que são brancos que se entendam.

XFF
XFF
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Sem interferência deles, o Oriente Médio será um lugar melhor. Mas eles não vão desistir por causa de petróleo….

paddy mayne
paddy mayne
Reply to  XFF
2 anos atrás

Acho isso muito simplista. Cada povo escolhe seu destino. Noruega é rica em petróleo, escolheu desde sempre o caminho da democracia e livre iniciaitiva, e está muito bem. Venezuela vivia em um capitalismo de compadrio, migrou para o tal socialismo bolivariano e está na lama total. Mas por escolha própria.
E o OM não judeu será sempre essa tragédia, pois a mentalidade tribal deles impede que se formem nações minimamente democráticas na maioria dos lugares.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  XFF
2 anos atrás

XFF,

Sem interferência americana, o Oriente Médio explode. Dá para entender isso, ou você quer que eu desenhe?

Você não gostar dos EUA, eu entendo. Mas uma análise imparcial do problema , estabelece a necessidade de uma superpotência na região.

Como só existe uma superpotência no planeta, tire as suas conclusões.

Heitor
Heitor
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

Será que realmente explode? Ou simplesmente passa a ser mais uma ameaça aos interesses do seu EUA?

Émerson Gabriel
Émerson Gabriel
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

E a sua análise por acaso é imparcial?

Émerson Gabriel
Émerson Gabriel
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

Concordo com o Bosco, melhor deixar esse abacaxi com a Rússia

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  XFF
2 anos atrás

Os EUA estando lá ou não, o petroleo vai contimuar a ser produzido e a ser vendido no mercado mundial.

Gordo
Gordo
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Duvido muito Bosco que desistam, olha o tamanho das reservas de energia do lugar, e sem falar que Eles (não necessariamemfe a maioria da população) ganham muito dinheiro moendo carne humana lá no OM, seja derrubando ditaduras ou apoiando ditaduras.

α Tau
α Tau
Reply to  Gordo
2 anos atrás

“Gordo Duvido muito Bosco que desistam, olha o tamanho das reservas de energia do lugar, e sem falar que Eles (não necessariamemfe a maioria da população) ganham muito dinheiro moendo carne humana lá no OM, seja derrubando ditaduras ou apoiando ditaduras.” Enquanto houver petróleo no oriente médio o povo muçulmano não vivera em paz e sempre será alvo de maquinações e incursões obscuras como a primavera árabe…na Síria mais de 350.000 civis inocentes…Entre eles mais de 20.000 crianças…estão contabilizados pelos órgãos internacionais como vitimas fatais…isto sem falar nos drones de ataque estadunidenses e seus “danos colaterais”… Pra que os eua… Read more »

100nick-Elâ
100nick-Elâ
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Bosco, mais do que simplesmente “roubar” o petróleo de outras nações, o objetivo primordial dos EUA é manter o comércio mundial em dólar e o domínio do Sistema Financeiro Internacional. O petróleo é importante para manter esse comércio, já que todos os países do mundo precisam comercializar petróleo, seja comprando, seja vendendo.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  100nick-Elâ
2 anos atrás

Não se rouba quando se paga e gera empregos no país “vítima”

Roubar é o que os seus amigos da ORCRIM fizeram com o Brasil

Não confunda as coisas.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
2 anos atrás

Tipo os empregos que os senhores de engenho geraram para os escravos? como era a Venezuela, riquíssima em petróleo, antes do Chavez? porque a Venezuela não era um país rico e com pleno emprego? se fosse assim, o Chavez nunca teria surgido na Venezuela. A fome e a miséria imperavam por lá.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  100nick-Elã
2 anos atrás

Como é a Venezuela rica em petróleo com os bolivarianos no poder ? Uma país de miseráveis.

O que o socialismo melhorou ? A situação hoje é muito pior que era antes do Chavez ascender.

Pega os Emirados que são ricos em petróleo, com as mesmas multinacionais do Ocidente ladras como você diz e veja a revolução que estão fazendo lá em termos de educação.

As petroleiras geram o emprego e arrecadação para estes países. Se os governantes não fazem o que presta com este dinheiro é outra coisa.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
2 anos atrás

Rodrigo Martins Ferreira

Não fique nervoso que a situação vai piorar muito.

tomcat4.0
tomcat4.0
Reply to  100nick-Elâ
2 anos atrás

100nick-Elâ vc foi na mosca agora sobre a questão da manutenção do dólar(calcanhar de Aquiles do tio Sam) como a moeda q norteia o comercio do petróleo(Saddan e Kadafir q o digam). Não tomando partido pra A ou B (todos têm seus interesses) o oriente médio deveria ser deixado a cabo de suas próprias nações sem interferências. Já veem se digladiando desde tempos bíblicos e dificilmente o deixarão de fazer. O mundo seria melhor se cada um cuidasse de seu umbigo mas veríamos muita covardia e atrocidade por isso não é tão fácil opinar, sentado em frente a um PC,… Read more »

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  tomcat4.0
2 anos atrás

Tomcat,

O mundo não seria melhor não senhor. Basta estudar a história.

Heitor
Heitor
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

Seria sim… e quando foi que os EUA, ou Rússia, ou China se preocuparam com a paz e a estabilidade nos seus quintais? Ou vc vai dizer que nenhum conflito é para a venda de armas, que o Governo Americano é o líder do mundo livre e tals e tals…

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  100nick-Elâ
2 anos atrás

Nick,

Os EUA são auto suficiente em petróleo. Você deve estar terminando a escola primária.

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

O que ele quis dizer é que mantendo o comércio mundial de petróleo em dólar, os EUA ainda detém o poder de ditar as regras do sistema financeiro internacional. A maioria dos países do OM são grandes compradores de armamentos americanos, e esses países são grandes exportadores de petróleo mundial, isto é um grande benefício para os EUA que conseguem manter sua influência a nível global mantendo assim o dólar como reserva internacional. Ou seja, os EUA precisam manter esses países em seu círculo de influência para não terem que usar outra moeda, senão o dólar em seus comércios. Só… Read more »

Émerson Gabriel
Émerson Gabriel
Reply to  Matheus Santiago
2 anos atrás

Todas as commodities são em dólar, até o nosso açúcar é, soja, ferro; por um motivo muito simples: No passado as mercadorias eram trocadas por outras e depois foi usado o padrão ouro como moeda internacional; após a II GM os EUA tinham a maior parte do ouro do mundo sendo o dólar substituído o ouro como moeda internacional. Como a maioria dos países possui moeda desvalorizada, as moedas internacionais pra comércio são: Dólar, Euro, e Libra. Até a China exporta e importa em dólar. A única forma de não usar precisar usar o dólar seriam que todas as moedas… Read more »

Émerson Gabriel
Émerson Gabriel
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

Não são não, 40% do petróleo que usam vem do Canadá, 15% da Arabia Saudita além de uma menor porcentagem dos Emirados Árabes e do Catar. Os EUA produzem muito, mas consomem muito. O mesmo a China que produz muito, mas consome muito tendo que importar da Rússia e a do Irã

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Émerson Gabriel
2 anos atrás

Em 2019 eles se tornaram auto suficientes.. da um F5 na narrativa

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

O único problema, Tadeu, é que o petróleo americano é caríssimo para extrair e só é rentável a US 60 por barril.
Como os preços estão caindo, várias empresas dessas de petróleo de xisto já estão fechando.

Delfim
Delfim
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Mudou de idéia Bosco ?

Dudu
Dudu
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Bosco:
Está atrasado ums 50 anos.

Bosco
Bosco
2 anos atrás

Os mesmos esquerdopatas que arrotavam que os EUA tinham que sair da Síria são os que agora arrotam que é uma covardia eles saírem. Vai entender a mente doentia de quem tem a ideologia comunista no sangue e a dialética marxista deformada como argumento.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Os EUA erraram ao entrar na Síria no intuito de derrubar Assad e devastar o país com uma guerra criada e preparada por eles. E erraram ao sair porque, depois da Rússia acabar com a festa e vencer a Guerra, os EUA covardemente abandoram os curdos, a quem prometeram mundos e fundos, para continuarem com seus objetivos escusos. A Turquia entrou na parada e os EUA fugiram como covardes que são. Vale lembrar que os curdos também são traidores, portanto os EUA agiram com os curdos do mesmo jeito que os próprios curdos agiram com Assad. Se ladrão que rouba… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  100nick-Elã
2 anos atrás

100nick

Desenha para ele que ele não entendeu.

Mgtow
Mgtow
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Aproveitando o ato de traição dos “seu pais amado” EUA para fazer psicologia reversa né safado? Isso não cola. São traidores sim. Eles criaram o inferno naquela região ao longo do seculo XX desestruturando tudo e depois sair como se nada tivesse acontecido, e vc como bom bozzonarista aproveita pra criar narrativas e ainda vem esbravejar tentando inverter as coisas. Essa tatica só funciona com a turminha da sua bolha ideologica

Heitor
Heitor
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Relaxa Bosco é só para terem o prazer de criticar mesmo rsrsrsrs

Dudu
Dudu
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Bosco:
Admiro teus comentários técnicos.Abrilhantas os debates com eles.
Mas deixando os tais “esquerdopatas” pra lá,me diz uma coisa,por gentileza:
Tú achas correto os EUA apoiarem os Curdos,e de repente,de uma hora para outra,abandonar a zona de guerra?
Desde já agradeço.

XFF
XFF
2 anos atrás

Os Curdos estão pagando alto preço por traíram o governo Sírio. Aliaram a um invasor, deram proteção a um invasor e esse invasor abandonou eles. Sem contar que os curdos passaram a combater o exército Sírio e matar muitos soldados Sírio sob comando dos EUA. No início da guerra o Damasco fornecia armas para os curdos combaterem os grupos terroristas do Estados Islâmico. Aí chegaram os Estados Unidos, prometeu sonho de Curdistão e derramou milhões de Dólares na mão dos Curdos. Os Curdos passaram a ser inimigo do governo Sírio. Quem pode salvar os Curdos agora é governo Sírio e… Read more »

Satyricon
Satyricon
Reply to  XFF
2 anos atrás

Assad não vai mover uma palha.
Os USA acabam de jogar outro povo no colo do Irã.
Depois reclamam

Bueno
Bueno
Reply to  XFF
2 anos atrás

Quem mesmo que opera a área petrolífera do Curdistão?

paulof
paulof
Reply to  Bueno
2 anos atrás

No Iraque – Curdistão, quem salvou o KRG da falência foi a Rosneft, eles têm muita força lá, mas o negócio deles é gás, petróleo Gazrom, shell etc; mesmo assim eles (curdos) perderam em 2017 vários campos petrolíferos.
Síria, deve ter agora uma produção pequena, mas se os contratos em tese se mantém, são Total, Himalaya Energy Syria ( consórsio India e China), Shell, mas exportação em grande escala só via Homs e a infra-estrutura deve estar bem danificada.

Ricardo
Ricardo
Reply to  XFF
2 anos atrás

Assad já mandou recado: “se virem bando de traidores!!!”

paddy mayne
paddy mayne
Reply to  XFF
2 anos atrás

Os curdos não trairam ninguém. São uma minoria nos 4 países por onde estão espalhados. No sistema tribal árabe eles não tem a menor chance. Estavam apenas procurando cuidar de seus interesses.

PauloR
PauloR
2 anos atrás

Confiar em americanos da nisso. E os Sauditas deveriam pensar bem sobre a relação deles com americanos.

XFF
XFF
Reply to  PauloR
2 anos atrás

Arábia Saudita tem muito petróleo ainda. Está segura por enquanto…

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  PauloR
2 anos atrás

Os sauditas pediram à Moscou que realize uma perícia onde ocorreu o ataque em suas refinarias para descobrir que foi o culpado. Putin disse que “condenará o Irã se o mesmo for culpado”. Vamos aguardar.

André
André
2 anos atrás

E mais fake news da mídia globalista CNN (que está com planos de se instalar no Brasil, já que a rede Globo está quebrando).

Wener
Wener
Reply to  André
2 anos atrás

O ignorante, vai pesquisar em qualquer noticiario e vai ver a mesma coisa, não apenas na CNN. O que esta acontecendo lá é real e se tem duvidas ainda e acha que o mundo todo esta conspirando contra você, vai lá e confere.

André
André
Reply to  Wener
2 anos atrás

Chora mais que aqui não dá pra te ouvir, seu lixo! Aguarde e verá!

Wilson França
Wilson França
Reply to  André
2 anos atrás

Qnd começa a chamar os outros de lixo é pq não tem argumento (nem educação). Mais um a ser ignorado até aprender a ser gente.

André
André
Reply to  Wilson França
2 anos atrás

Chamo de lixo quem já vem com patada me chamando de ignorante. Seu lixo!

Heitor
Heitor
Reply to  André
2 anos atrás

mimimimimimi quem tá chorando agora?

André
André
Reply to  Heitor
2 anos atrás

O seu colega vitimista o qual eu respondi adequadamente e agora você, que está chorando em defesa dele… Chora mais! Chora!

Caio
Caio
Reply to  André
2 anos atrás

Vish chegou o terraplanista?

André
André
Reply to  Caio
2 anos atrás

Não, não… terraplanista eu deixo pra vcs que criam narrativas para queimar os conservadores…

Zygmunt-toni
Zygmunt-toni
Reply to  André
2 anos atrás

Ui, coitadinho do conservador que vive na bolha do zap.

Caio
Caio
Reply to  Zygmunt-toni
2 anos atrás

Os conservadores (ou melhor, os reacionários que se acham conservadores) já fazem isso, não precisa ninguém de fora para queimá-los.

André
André
Reply to  Caio
2 anos atrás

Os conservadores salvaram este país das garras dos seus socialistas queridos (conhecidos como centrão).

Caio
Caio
Reply to  André
2 anos atrás

Até o centrão é socialista agora kkkkkkkk

André
André
Reply to  Zygmunt-toni
2 anos atrás

Ui, coitadinho do cool-boy que perdeu a tetinha (bolsa qlq coisa) e agora tem que encarar o mercado de trabalho. Boa sorte, maconheiro vagabundo.

Dudu
Dudu
Reply to  André
2 anos atrás

André:
Quebrando a banca né?

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
2 anos atrás

Poloneses e sul-vietnamitas dão um abraço nos curdos e dizem: eu te entendo.
Espero, sinceramete, que os curdos não temham o mesmo destino que os armênios.

Agora falando sério….qual a chance dos curdos serem os novos aliados dos russos ou chineses?

Vinícius Almeida
Reply to  Willber Rodrigues
2 anos atrás

A ironia histórica é que os curdos auxiliaram os turcos no genocídio armênio do começo do seculo passado, e se analisar bem, o território que eles reivindicam é praticamente o mesmo a qual os armênios habitavam.

Space Jockey
Reply to  Willber Rodrigues
2 anos atrás

Vc acha que os EUA deveriam ficar no Vietnam pra sempre ?!

Bosco
Bosco
Reply to  Space Jockey
2 anos atrás

Space,
O Vietnã do Sul teve 15 anos para cuidar de si e não tava preparada e a culpa é dos States por ter saído após um acordo de paz não cumprido pelo VN.

Renato B.
Renato B.
Reply to  Willber Rodrigues
2 anos atrás

O que vai acontecer com os Curdos, se quiserem continuar existindo, é que vão pular no colo do Assad e do Putin.

Se conseguirem um território com alguma autonomia no norte da Síria já foi lucro.

Soldat
Soldat
2 anos atrás

Bom em todos esses anos sendo um leitor assíduo da trilogia eu Sempre disse para não confiar nos Âmis… e os fanáticos do blog choravam, esperneavam, reclamavam…blalalala..
É bom os Ucranianos e Poloneses abrirem os olhos(esse já foi traído uma vez e não Aprenderam pobres coitados!!!).

O fato é que os EUA são uma colonia Israelense e o governo logico só pensam em Israel acima de tudo o resto mundo que se danem.

nonato
nonato
Reply to  Soldat
2 anos atrás

Fanatismo é um problema sério…
Muita lavagem cerebral anti EUA…
Criticar a Turquia nem pensar.
O objetivo é falar mal dos americanos…
Criticarem Rússia, países europeus, nem pensar…
Se os Estados unidos entram na Síria, falam mal.
Se saem, falam mal.
A programação recebida é falar mal.
Muito odio na mente e no coração.

100nick-Elâ
100nick-Elâ
Reply to  nonato
2 anos atrás

Claro que esse ódio é gratuito, não é? quer que eu enumere os crimes americanos, desde o massacre dos índios nativos norte-americanos até os crimes na Síria? Falar dos crimes que os EUA cometem daria uma enciclopédia.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  100nick-Elâ
2 anos atrás

Nick,

Vai pra escola. Esse blog aqui é muito complexo para a sua cabecinha.

Os crimes cometidos pelo nazismo, pelo socialismo e pelo comunismo superam em atrocidades e matança, qualquer ato de confrontaçao entre americanos e outras raças e/nações.

Space Jockey
Reply to  100nick-Elâ
2 anos atrás

enumera os da Rússia, do Japão, do Iraque tbm por favor.

Flanker
Flanker
Reply to  100nick-Elâ
2 anos atrás

Uma coisa não invalida a outra. Os EUA já foram responsáveis pela morte de milhões de pessoas pelo mundo…..mas,você já viu alguma notícia sobre a morte de milhares e milhares e milhares de norte-americanos, ordenadas pelo seu próprio governo, pelo simples fato desses milhares de pessoas serem contra esse próprio governo…ou mesmo não concordarem com ele? Pois é!!! Seu país maravilhoso e seus parceiros já fizeram….e alguns, ainda fazem!!! Portanto, mesmo com uma mente dicotômica e bitolada como a sua, talvez consiga entender que deve olhar para o próprio rabo antes de apontar o dedo para acusar os outros daquilo… Read more »

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  Flanker
2 anos atrás

Flanker,

Em que colégio você estudou? Quanta baboseira.

Você está passando um atestado de burrice. Vai falar besteiras em outro blog.

Bosco
Bosco
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

Tadeu,
Eu acho que o Flanker se dirigiu à 100Nick.

Émerson Gabriel
Émerson Gabriel
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

Isso é que é argumento. “Vai estudar, você burro”
Não é mais inteligente divergir sem se ofenderem?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Tadeu Mendes
2 anos atrás

É Tadeu!
‘Tá osso!’

Bosco
Bosco
Reply to  Flanker
2 anos atrás

Esse é um problema quando não se coloca o vocativo.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Flanker
2 anos atrás

Flanker

Nota ZERO.
Comentário ridículo.
Quer dizer que se não justifica matar no seu próprio País, mas justifica matar em outros País.
Deus me livre!!!!!!!

rui mendesmendes
rui mendesmendes
Reply to  nonato
2 anos atrás

Porque haviam de criticar a Rússia e a Europa, não foram eles que traíram os Curdos, mas sim os USA, como já tinham feito o mesmo com os xiitas iraquianos.

paddy mayne
paddy mayne
Reply to  Soldat
2 anos atrás

Na verdade, não se deve confiar em país algum, exceto em si próprio. Quem sabe agora o Bolsonaro aprende a não segurar o saco do Trump.
Quanto a essa conversa de “colonia israelense”, se fosse verdade, já teriam atacado o Irã e não teriam abandonado os curdos, pois são aliados de Israel.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Soldat
2 anos atrás

Não é uma questão de odiar e amar o outro e sim de ver que lado oferece mais, os EUA sempre ofereceram mais, porém o erro do Brasil é ser corrupto e não procurar seu lugar ao Sol no mundo sempre dependendo os Estrangeiros….. sobre os Ucranianos eles já foram traídos, tinham armas nucleares, a promessa americana era: se a Rússia te atacar eu te ajudo, resultado a Rússia tomou a Crimeia, e tá apoiando descaradamente separatistas que quase metade do país.

Dudu
Dudu
Reply to  Soldat
2 anos atrás

Soldat:
Pô pobres coitados que enfrentaram a Alemanha nazista e a URSS e ainda mantiveram seu território.
Que visão peculiar a sua.

Vincenzzo
Vincenzzo
2 anos atrás

O Brasil deve tomar isso como lição e seguir uma política externa independente se os nossos interesses são semelhantes aos USA ou Chineses podemos ser aliados mas nunca esquecendo quem são eles! Não temos que trocar os Usa pelos Chineses! INDEPENDÊNCIA E SOBERANIA NACIONAL!

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Vincenzzo
2 anos atrás

Comentário sensato.

Wagner
Wagner
2 anos atrás

Curdos reclamando de traição? O que eles fizeram com governo da Síria foi o que?

paddy mayne
paddy mayne
Reply to  Wagner
2 anos atrás

Voce acha que Assad governa para os sírios? ele governa para a minoria alauita.

Flanker
Flanker
Reply to  paddy mayne
2 anos atrás

Não!! Assad governa para ele mesmo!! Agarrou-se ao poder de tal forma que prefere, literalmente, destruir o país até não sobrar nada, do que abrir mão do cargo e convocar eleições!! Ou seja, nada mais que um ditador, déspota e sanguinário….

Thiago Aiani
Thiago Aiani
Reply to  Flanker
2 anos atrás

Convocar eleições, copiar o nosso modelo em sistema com cultura valores totalmente diferentes, exportar democracia… para indivíduos que extraem as tripas/coração do próprio inimigo e os comem, não satisfeitos gravam e usam essas imagens como propaganda.
Sera que iria funcionar ou vai virar outra Libia?
Gheddafi já não é mais desse mundo, mas a condição de vida e estabilidade do país melhorou?

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Wagner
2 anos atrás

Apesar do o Assad ser um FDP, ele é a melhor opção, veja a porcaria que ficou o Iraque depois da operação Iraq Freedom! eu concordo com a Desert Storm mas a Iraq Freedom foi idiotice…. o Gadaffi saiu da Libia e o que aquele país se tornou? um lugar sem lei, nem Allá consideraria aquilo algo desejável, virou uma porcaria, como era a Síria antes? o paraíso na Terra? claro que não, mas Judeus, Cristãos e Islamistas viviam sem se matar morando um do lado do outro. quanto aos Curdos acredito que eles merecem seu país mas não na… Read more »

Dudu
Dudu
Reply to  Wagner
2 anos atrás

Wagner:
“Governo”?

Elton
Elton
2 anos atrás

Os americanos dizendo que não abandonam mesmo abandonando. Faz lembra um “apoio” prometido há um certo país sul-americano que na prática não fez diferença alguma.

teropode
2 anos atrás

Trump um líder fraco , igual ao nosso , teatral e falastrão, presidentes de um só mandato .

Binho
Binho
2 anos atrás

Fizeram mesma coisa com Sul Vietnamitas, brigada de cubanos exilados na invasão baia dos porcos, Manuel Noriega, Saddam Hussein que foi um aliado, Exercito Branco na revolução Russa………..isso que me lembro rápido.

Só governo do Bozo, seus seguidores, milicada brasileira e uma meia duzia daqui pra acreditar na “AMÉRIKA LIFE”

nonato
nonato
Reply to  Binho
2 anos atrás

Assina: defensor do regime cubano criticando os Estados unidos por não terem dado mais apoio na baía dos porcos…
Melhor é o estilo de vida em Cuba, Coreia do norte…

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Binho
2 anos atrás

Países tem interesses e não amigos, os interesses mudam

Caio
Caio
Reply to  Carlos Campos
2 anos atrás

Traição que chama

Delfim
Delfim
2 anos atrás

Já não tenho mais dúvidas : o Daesh é braço terrorista e quinta coluna da Turquia, e o tal “califado islâmico” na verdade é o Império Otomano.
Turquia quer tudo que tinha em 1914 de volta.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Delfim
2 anos atrás

bom eles compravam petróleo do EI, mas não mexiam com a AS, o como diz o Mossad: O Oriente Médio não é para os fracos.

CESAR ANTONIO FERREIRA
CESAR ANTONIO FERREIRA
2 anos atrás

…Você pagou com traição
A quem sempre lhe deu a mão…

Chora…

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
2 anos atrás

Gente, essa ofensiva turca contra os curdos foi negociada diretamente com Washington. Não existe almoço grátis; além do mais, o principal objetivo desta operação(por enquanto) é criar uma zona tampão para afastar os curdos da fronteira com a Turquia. Agora resta saber o que Erdogan ofereceu em troca para o Trump. SDS.

André
André
Reply to  Vinicius Momesso
2 anos atrás

BIN-GO! Exatamente. Trump NÃO abandonou os curdos. Ele fez uma mudança de posição das suas tropas e SIM, os curdos FORAM AVISADOS e se realinharam numa NOVA POSIÇÃO. O que foi negociado com Erdogan está fechado a quatro paredes e Trump já avisou que se a Turquia ousar eliminar os Curdos, os EUA destruirá a ECONOMIA Turca! Simples assim! E no mais, vale lembrar que esta ‘retirada’ dos americanos no conflito Sírio é promessa de CAMPANHA que elegeu Trump. Ele concorre para nova reeleição (e GANHARÁ, para desespero da globalistaiada nojenta e enraivecida) e este novo posicionamento na Síria é… Read more »

Elton
Elton
Reply to  André
2 anos atrás

Isso só faria sentido ser os americanos ainda continuassem com as patrulhas aéreas de combate na área de 30km a dentro e derrubassem as aeronaves que violarem esse espaço assim como aconteceu com o SU22 sirio e os UAVs iranianos no passado.

Brunow
Reply to  Elton
2 anos atrás

“Tudo combinado” kkkkkkk
Os Soldados americanos ferido após o bombardeio turco foi “Combinado”
Os Soldados Franceses atacados ontem foi “combinado”..
Os 75 Soldados Turcos mortos até agora foi “Combinado”…
Os mais de 450 combatentes Curdos mortos até agora foi “Combinado”…
Os 775 Prisioneiros do Ísis que fugiram hoje de manhã foi “Combinado”…
As dezenas de equipamentos turcos e Curdos destruídos até agora foi “Combinado”..
Os vídeos de execução de prisioneiros que a SNA está apresentando aí são “Combinados”…

É impossível em tempos de internet haver tanta gente desiformada e ignorante por aí…..

Émerson Gabriel
Émerson Gabriel
Reply to  Brunow
2 anos atrás

E vai piorar…

André
André
Reply to  Elton
2 anos atrás

Aguarde…

rui mendesmendes
rui mendesmendes
Reply to  André
2 anos atrás

Tu também ´´i love you Mr Trump, ridiculo baixar de cabeça.

Larri Gonçalves
Larri Gonçalves
2 anos atrás

Não existe amigo em política internacional todo e qualquer governo deve se acordar e pensar no povo brasileiro e não em acordos, seja eles com China, Europa, Rússia, USA ou Israel nosso maior aliado é povo brasileiro o resto é só interesse, o governo precisa investir é no nosso povo, ninguém valoriza ninguém se este próprio não se valorizar, portanto chega de alianças ideológicas, seja à esquerda ou a direita é preciso se preocupar com o Brasil e ponto final.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
2 anos atrás

Os Estados Unidos calcularam mal a situação desde o inicio. O objetivo era fazer passar sobre o território Sírio o gás e o petróleo saudita. Para isso teriam que derrubar o Assad. Inventaram a famigerada primavera árabe. Contrataram, treinaram e equiparam terroristas, cortadores de cabeças e destruidores de patrimônio da humanidade. Cuja intenção era derrubar um governo legítimo, que mantinha a unidade de um país soberano. A Turquia se aproveitou disso e começou ela própria roubar o petróleo Sírio. Com centenas de caminhões que pertenciam ao filho do Erdogan. Chegaram a tomar conta de mais de 80% do território Sírio.… Read more »

Matheus Santiago
Matheus Santiago
Reply to  Antonio Palhares
2 anos atrás

O gás seria enviado pelo Qatar, mas que passaria pelo território saudita. Porém a única rota possível era o gasoduto passar por território sírio, na qual Assad prontamente recusou em favor de seu aliado histórico, a Rússia – o principal fornecedor de gás aos europeus. Porém Assad também conta com a ajuda dos iranianos, e ofereceu um gasoduto que viria do Irã e abasteceria os europeus, e o Ocidente recusou. O problema é que com a mudança do governo saudita, esses viram que uma vez concretizado o plano do gasoduto, o Qatar teria muito mais influência global, o que poderia… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
2 anos atrás

Agora está nas mãos da Rússia…Não era ela que dizia defender tão ferozmente o território sírio ?

Ela que defenda o território da Síria dos ataques dos turcos..

Daqui a pouco vai ter gente pedindo a volta dos americanos.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
2 anos atrás

A Rússia vai defender os curdos? piada digna da sua capacidade intelectual. Para sua informação, a parte curda da Síria, quase metade de seu território, já estava tomada por curdos e americanos, ou seja, já não pertenciam à Assad. Se a Rússia ou o Irã atacassem diretamente os curdos/americanos, certamente a probabilidade de desencadear a Terceira Guerra Mundial seria enorme. Por outro lado, se quem faz isso é a Turquia, membra da OTAN, a situação é diferente. Os americanos estão fugindo que nem ratos (mas uma parte foi morta), os curdos vão sofrer por ter escolhido o lado errado. Depois,… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  100nick-Elã
2 anos atrás

A Rússia tem obrigação de defender o território da Síria ou não tem mais ou não é e nunca foi capaz ?

A Turquia mais uma vez está jorrando leite masculino na cara dos russos dentro de território sírio que eles juram defender a integridade e não vão fazer nada ?

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
2 anos atrás

Juraram proteger o território sírio ou a vida e o mandato de Assad? Que eu saiba foi o segundo juramento que foi acordado e que, até agora, está sendo cumprido. Não sou de esquerda, mas entendo a posição russa. Interesses vão muito além de ‘ideologismos’.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Vinicius Momesso
2 anos atrás

Então n precisa ocupar o país, deixa um contigente fazendo PSD.

Bosco
Bosco
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
2 anos atrás

A Rússia defende a Síria mas deixa Israel bater no Assad a vontade. Vai fazer o mesmo com a Turquia.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Bosco, se você fosse um pouco melhor informado, saberia que na última visita de Netaniahu à Rússia, à véspera da eleição em Israel, este foi informado de que não pode mais atacar a Síria. Eu já disse isso para o “gênio” Rodrigo Martins Ferreira e repito para você: se Israel atacar a Síria, a partir de agora, eu calo a minha boca. Mas não acontecerá mais, ou melhor, pode até acontecer, mas a Rússia vai retaliar – usando não somente S-300 e S-400, mas também seus aviões para defender a Síria.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  100nick-Elã
2 anos atrás

A hora que precisar vai atacar e você como sempre vai distorcer tempo e espaço para adequar a sua narrativa de derrotada.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Pois é…

Na prática a Rússia só defende as partes da Síria que lhe interessa..

O resto o Assad que se vire..

Belo aliado este..

Bueno
Bueno
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
2 anos atrás

A Turquia abateu um SU-24 da Rússia,
23:59h O Putinha ficou bravinho,
0:01 Rússia entrega S-400 para Turquia.
A Turquia esta interessada no SU57, o Putinho está aguardando fechar a venda, após o abate de mais um caça ele assina a papelada, kkkk.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Bueno
2 anos atrás

Este e o problema…

A Rússia está entre a cruz e a espada..

Defender o território sírio mediante a agressão turca e manter a família Assad como aliada e perder as vendas para a Turquia ou deixar o Assad apanhar a vontade e garantir as vendas a Turquia ?

aahahahaha

Legal demais ver isto..

100nick-Elã
100nick-Elã
2 anos atrás

Eu perdoo os EUA, porque assim como ladrão que rouba ladrão merece perdão, traidor que trai traidor tem compensador.

Oiseau de Proie
Oiseau de Proie
Reply to  100nick-Elã
2 anos atrás

“Perdoe seus inimigos, mas não esqueça seus nomes”

John F. Kennedy

Bosco
Bosco
2 anos atrás

Os Estados Unidos “mauzãos” estão saindo, mas por que a China e a Rússia do bem não entram pra defender os curdos ?
Por que a cobrança é só em relação aos EUA como se ele fosse o responsável por tudo? Ele pode estar saindo agora, mas pelo menos ficou algum tempo. E os que nunca ficaram tempo nenhum e simplesmente lavaram as mãos o tempo todo? Não merecem críticas?

Evgeniy (RF).
Evgeniy (RF).
Reply to  Bosco
2 anos atrás

Os Estados Unidos “mauzãos” estão saindo, mas por que a China e a Rússia do bem não entram pra defender os curdos ?

____

Dado que os curdos são uma clientela americana, essa é uma pergunta de um milhão de dólares.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade