Home Artilharia Exército dos EUA testa munição guiada de artilharia com 65 km de...

Exército dos EUA testa munição guiada de artilharia com 65 km de alcance

3042
44
XM 1299 self-propelled howitzer

No dia 6 de março, o Exército dos EUA conduziu com sucesso dois tiros de teste da munição guiada de precisão M982 Excalibur e o projétil alto explosivo assistido por foguete XM1113 de um obuseiro autopropulsado protótipo XM 1299. Ambos os projéteis da Excalibur alcançaram um acerto de precisão de 65 km.

As demonstrações de prontidão tecnológica nível 7 do programa de artilharia de longo alcance são um passo importante para o plano de longo alcance do Exército dos EUA. O Exército dos EUA pretende começar a colocar o XM1299 em serviço no ano fiscal de 2023.

Sob o programa Extended Range Cannon Artillery (ERCA), o XM1299 tem pressionado constantemente os limites dos fogos de precisão de longo alcance. Em 2018, o XM1299 demonstrou um tiro de 62 km. O objetivo da ERCA é atingir mais de 70 km.

As demonstrações no Campo de Provas de Yuma envolveram o lançamento de dois projéteis separados. Dois projéteis Excalibur foram lançados para demonstrar o direcionamento preciso a 65 km, enquanto o XM1113 foi demonstrado para alcance (65 km). O XM1113 é um projétil assistido por foguete compatível com LR-PGK.

Como parte do programa ERCA, o Exército dos EUA colocará o projétil XM1113 com auxílio de foguetes junto com seu kit PGK de longo alcance. Embora não seja tão preciso quanto o Excalibur, o Kit Guiado de Precisão ainda oferece precisão mediana de <10 m e é mais econômico.

Com a artilharia de precisão agora definida para exceder 70 km – distâncias normalmente cobertas pelo Guided MLRS, o Exército dos EUA iniciou esforços para mais do que duplicar o alcance da munição GMLRS. O esforço atual do ER-GMLRS vai aumentar a capacidade de 150 km, aumentando para 200 km no futuro.

44
Deixe um comentário

avatar
11 Comment threads
33 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
28 Comment authors
Luiz Floriano AlvesandreLéo NevesPedroDefensor da liberdade Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
SmokingSnake 🐍
Visitante
SmokingSnake 🐍

Aí sim faz sentido uma artilharia além do alcance visual

Rubens Loio
Visitante
Rubens Loio

Vc consegue ver um objeto além de 10 Km? Curvatura da Terra estima-se em ~70 Km mas não é o caso da matéria…

SmokingSnake 🐍
Visitante
SmokingSnake 🐍

Depende muito do terreno, no mar fica todo mundo nivelado e o radar do navio costuma detectar a até ~40km (não sei de onde tirou 70km), mas em terra a história é outra e dá facilmente para ver um tanque a 10km de distância (ainda mais com equipamentos)

A temperatura perto da superfície curva a luz e também afeta o alcance visual do horizonte

Antonio Renato Arantes Cançado
Visitante
Antonio Renato Arantes Cançado

Radares navais mais modernos, como os Artisan e Sea Giraffe, têm alcance superior a 200km…

Eduardo
Visitante
Eduardo

Ter o alcance não vai significar que ele efetivamente vê algo, como o colega falou no mar há a conhecida curvatura terrestre que impossibilita a partir de maios ou meno 40KM, mas se o alvo estiver mais alto ele conseguiria, com esse alcance, pegar

Oséias
Visitante
Oséias

Absurdo, todo mundo sabe que a Terra é plana. Se você tiver um radar forte o bastante, consegue ver a grande parede de gelo que cerca nosso planeta (e não redondeta). É tudo uma conspiração das companhias aéreas para fazer a gente pagar mais caro pelas passagens fraudando a real distância das viagens.

Bardini
Visitante
Bardini

Cara, radar naval enxerga só o que está acima do horizonte.
comment image?w=1200

Bosco
Visitante
Bosco

Antônio,
Existem radares com alcance de 5000 km (antibalísticos) mas que só “veem” em linha reta. Portanto, o que está abaixo do horizonte da Terra fica fora da linha de visão.
*Salvo os radares OTH (além do horizonte) tipo “Skywave” cuja radiação reflete na ionosfera e é projetada num ponto específico da superfície, permitindo “observar” o que tem nela em distâncias de até uns 3000 km. Ou OTH tipo Groundwave cujas ondas fazem o contorno da curvatura da Terra e pode se propagar por uns 400 km.

100nick-Elâ
Visitante
100nick-Elâ

Ué, Bosco, a Terra não é plana? kkkkk

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Parece que o guru não anda ensinando bem os pupilos 😂😂😂

Bosco
Visitante
Bosco

O Guru me ensinou muito bem. Me ensinou a achar que todo esquerdista metido a isentão é criminoso , mentiroso e dissimulado e que farão qualquer coisa pra continuar mamando das tetas do Estado mesmo que para isso tenham que levar o país à ruína. E o modo como o fazem é tentando emplacar a sua narrativa mentirosa adotando a tática da “Teoria da Subversão” tão bem explicada pelo ex-agente da KGB Yuri Bes Bezmenovi e do Gramscismo e pondo em prática o Decálogo de Lênin.
De brinde a gente aprende sobre terraplanismo e astrologia.
Recomendo o curso.

Pedro
Visitante
Pedro

Foi uma das maiores perdas aqui da trilogia(antigo fórum), leio diariamente, desde de antes do FX,que acabou com a compra de prateleira do mirage 200sei lá. Mestre Bosco, Nunão, e tantos outros e até o Vader eu acho, quando não partiam pro proselitismo político como hoje, são feras e aprendi muito sobre história, militarismo e geopolítica, mas, após a cisão de 2019, nunca mais foi o mesmo.

andre
Visitante
andre

Isso é a prova que estudo e conhecimento técnico sobre um
campo, nunca poderá ser considerado sabedoria.

Cleber Freitas
Visitante
Cleber Freitas

Mas a terra não é plana? KKKKKkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Ricardo Bigliazzi
Visitante
Ricardo Bigliazzi

Ver o objeto não é o problema, certamente o tiro será orientado por um sistema auxiliar (GPS, Laser, simples coordenadas, alienígena, etc.). O mérito do tiro é que foi certeiro longe para caramba, e quer queiram ou não um obus assistido deve ser infinitamente mais barato do que um míssil guiado.

Bosco
Visitante
Bosco

Rubens, A artilharia trabalha de dois modos. Contra alvos na linha de visão (tiro direto), onde ela enquadra o alvo na mira (sistema ótico montado ao lado da peça) e com a distância calculada procede a elevação do cano no ângulo requerido. A outra forma (tiro indireto) é contra alvos fora da linha de visão (encobertos pelo relevo ou OTH). Aí, a posição do alvo tem que se passada para a peça que irá efetuar o ataque por algum método (drone, aeronaves tripuladas, observador avançado, etc.) , a distância e a direção da peça ao alvo são calculados, a carga… Read more »

Maus
Visitante
Maus

A munição scramjet alcança 100km, mas ainda não vimos os canhões elétricos ou eletroquímicos.

Salim
Visitante
Salim

Vendo o video, percebi que com impacto o automóvel náo acusa nenhum deslocamento. A meu ver projetil náo acertou automóvel e estava sem carga explosiva. Confere!?!

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

confere em part, acertou ao lado do veículo e tinha carga pois gerou uma onde choque grande, dá pra ver,

Salim
Visitante
Salim

Carlos, náo vi onda de choque, se tivesse ocorrido onda o carro teria se deslocado bastante, parece que só levantou poeira. Parece que os vidros estão lá e deveriam no minimo ter estilhaçado.

Pablo
Visitante
Pablo

Foram dois disparos, não vão críticar por ser uma quantidade pequena igual quando acontece aqui??

RPiletti
Visitante
RPiletti

Claro, deveriam ter produzido uns 20 protótipos, e respectivos remuniciadores e atirado até o limite do tubo do canhão… #sqn

Pablo Pereira Pereira
Visitante
Pablo Pereira Pereira

segundo o comandante Farinazzo, o AIM-9 SideWinder teve mais de 90 disparos pra chegar onde queriam, o MAnsup foi apenas três disparos de testes dos sistemas e telemetria e a critica correu solta.

Bosco
Visitante
Bosco

Pablo.
Aqui se critica o treinamento. Lá é tiro de teste.
São coisas diferentes.

Pablo
Visitante
Pablo

Bosco
Se me lembro bem, o disparo de testes do Mansup criticaram.

tomcat4.0
Visitante
tomcat4.0

Que evolução será este XM-1299 e suas munições.

Fabio Araujo
Visitante
Fabio Araujo

Esse tipo de munição é somente para a versão mais nova do M109 ou o nosso modelo vai poder usar?

tomcat4.0
Visitante
tomcat4.0

Boa pergunta, curiosidade que tbm possuo mas dadas as informações disponíveis ,parece que este XM-1299 possui um novo canhão o qual não sei se auxilia no alcance da munição e sua efetividade.

Eduardo
Visitante
Eduardo

Pelo o mostrado no ERCA é uma plataforma nova “baseada” no M109A7. O remuniciador, culatra e o cano são completamente novos. Então acho que não vai rolar de termos como usar isso em qq futuro

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Eu nem queria mesmo! Hahahahahaha

Antonio Renato Arantes Cançado
Visitante
Antonio Renato Arantes Cançado

A sulafricana Denel já vem testando munições com alcance superior a 70km há tempo, só não sei se os testes incluem projéteis guiados…

Bardini
Visitante
Bardini

Tinha um pessoal que em outras discussões, falava que os americanos estavam em pé de igualdade com o resto do mundo, usando os seus ultrapassados tubos de 39 calibres, sendo que no mundo real os caras estavam ficando muito pra trás, no tocante ao alcance de seu artilharia.
.
Agora estão investindo pesado em novas munições, um tubo top de 58 calibres e ainda tem os investimentos em novos mísseis/foguetes.
.
Os americanos começaram a testar um sistema que TALVEZ, será tão bom quanto um PZH 2000, que já tem 2 décadas de existência nas costas…

Maus
Visitante
Maus

Os m109 justificam o alcance menor com mais mobilidade, agora ficarão mais pesados.

Bardini
Visitante
Bardini

“justificam o alcance menor com mais mobilidade”
.
Isso aí não faz lá muito sentido faz tempo…

Bosco
Visitante
Bosco

Bardini, Ninguém discutia que haviam sistemas de artilharia de maior alcance que os usados pelos americanos. Isso era claro. O que se discutia é se maior alcance é sinal de capacidade tecnológica, o que não era . Inclusive porque na década de 80 os americanos cancelaram um obuseiro AP que rivalizaria com o PzH 2000 (60t). Como prova de que não era deficiência tecnológica é que os EUA em menos de 2 anos irão colocar tubos maiores em seus obuseiros. Era questão de requisitos operacionais. Os EUA sempre operaram canhões com tubos compridos , haja vista os antigos M-107 (175mm)… Read more »

Bidone
Visitante
Bidone

Para o combate assimétrico, onde o oponente se mescla com a população civil.
Maior precisão, maior alcance. Salvas menores.
A saturação perde espaço.

Tomcat
Visitante
Tomcat

Bardini, explica uma coisa para os ignorantes como eu: o que significa calibres nesse contexto? O que um cano de 39 calibres e outro de 58?

Já procurei isso na internet mais não encontrei explicação em lugar nenhum.

Wellington Rossi Kramer
Visitante
Wellington Rossi Kramer

É o comprimento do cano. O calibre multiplicado pela quantidade de calibres é igual ao comprimento do cano. 155 x 58 calibres = 8.990 mm

Claudio Moreno
Visitante
Claudio Moreno

Salve senhores !

Vale a pena lembrar que toda a faina de carregamento da peça (no novo XM 1299), será totalmente automatizada sem a necessidade do infante remuniciador. Será um avanço e tanto em relação o Paladim.

Trazendo isto para o terreno brasileiro, seria muito bom ver nossos A5-BR com essa munição. Mas…

CM

Léo Neves
Visitante
Léo Neves

O 2S35 Koalitsiya-SV pode disparar até 70mk de distância com munição assistida por foguete . Pelo menos é o que dizem por ai. E até 40 km com munição normal.

Bosco
Visitante
Bosco

Leo,
Muitos países possuem grandes obuseiros com canos compridos, super cargas de projeção e projéteis auxiliados por foguete. O diferencial aqui não é só a distância de lançamento mas a precisão.
Os russos têm o projétil Krasnopol guiado por laser que atinge até 30 km. Sua artilharia além dessa distância é burra. Os EUA estão implementando uma artilharia de precisão para atuar além de 70 km.

Léo Neves
Visitante
Léo Neves

Bosco
Mas aqueles radares que tem na frente não serve para corrigir os disparos? Ou mesmo com estes radares a precisão não é das melhores?

Pedro
Visitante
Pedro

Este material, cada vez mais aperfeiçoado, pode vim a extinguir o uso de vetores como mísseis teleguiados? Falo daqui a uns bons 20 a 30 anos.

Luiz Floriano Alves
Visitante
Luiz Floriano Alves

Os drones armados fazem melhor trabalho. Agora que os USMarines extinguiram os batalhões de tanques Abrams (4 batalhões) e de artilharia de tubo poderá ocorrer que esses meios se disponibilizem, via FMS.