Home Artilharia Antiaérea 12º GAAAe treina em simulador de RBS-70

12º GAAAe treina em simulador de RBS-70

1777
13

Manaus (AM) – Em 22 de junho, o 12º Grupo de Artilharia Antiaérea de Selva (12º GAAAe), “Grupo Tenente Juventino da Fonseca”, intensificou os preparativos para a Operação Felipe Camarão II.

Durante a operação, que ocorrerá na Base de Instrução Felipe Camarão, BI 06, no município de Rio Preto da Eva (AM), serão realizados disparos do míssil IGLA-S e, pela primeira vez em ambiente de selva, do míssil Antiaéreo Telecomandado RBS-70, recebido recentemente na unidade.

Os desafios apresentados pela selva amazônica, que diferem de outros ambientes operacionais, exigem adestramento e melhoria contínua das guarnições, bem como de toda a equipe de coordenação, logística e de apoio às operações.

Faltando menos de 30 dias para a atividade de campo, os militares envolvidos se adestram por meio do simulador de tiro do 12º GAAAe.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
CRSOV
CRSOV
18 dias atrás

Um simulador do RBS 70 dá para adestrar satisfatoriamente quantos militares por ano ?? Quantos desses simuladores tem o EB e as demais Forças Armadas ??

Heinz Guderian
Heinz Guderian
Reply to  CRSOV
17 dias atrás

Você não quer saber também que tipo de tempero que usam na comida dos soldados? Tem informações que não são divulgadas por se tratarem de defesa nacional.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
18 dias atrás

É bom ver notícia de treinamentos, principalmente práticos, mesmo que sejam em simuladores.

Diego Tarses Cardoso
Diego Tarses Cardoso
18 dias atrás

Simulação é o que há na modernidade, o militar sai praticamente operando a máquina com perfeição, só falta o cheiro da fumaça do disparo.

M65
M65
17 dias atrás

Rio Preto da Eva está distante 79 km ao norte de Manaus. Em dezembro de 1962 o Constellation PP-PDE da PANAIR caiu na aproximação final para pouso em Manaus. Ver no Google. A clareira com os motores está lá até hoje porque é área do EB.

Alexandre
Alexandre
17 dias atrás

Atualmente o exército brasileiro possui 16 sistemas desse RBS 70, o ideal seria encomendar mais 200 sistemas desse, totalizando assim 216 sistemas RBS 70. A nossa defesa antiaérea de curto alcance também precisa ser bem defendida, a extensão do nosso território é muito grande.

Alexandre
Alexandre
17 dias atrás

Qual dos dois é melhor, o RBS70 ou o 9k38 Igla russo?

mendonça
mendonça
Reply to  Alexandre
8 dias atrás

na minha opinião o igla deve ser melhor na questão do deslocamento ,pois um unico combatente consegue facilmente porta-lo,o RBS-70 creio que seja necessário dois homens,levando em conta que ambos são pra defesa de curto alcance , salientando que, o igla tem um buscador automático , o RBS, e telecomandado ,ou seja,o atirador tem que permanecer algum tempo na sua posição,pois está comandando o míssil até o alvo, o igla ,logo depois do disparo ,o atirador pode imediatamente abandonar a posição.
eu na minha humilde escolha ,se fosse eu o combatente e podendo escolher , ficaria com o igla.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
17 dias atrás

Boa noticia! Tropa treinada!

Alexandre
Alexandre
Reply to  Ricardo Bigliazzi
17 dias atrás

Só precisa aumentar a quantidade do sistema RBS70.

mendonça
mendonça
Reply to  Alexandre
8 dias atrás

realmente 16 é muito pouco ,já o igla a quantidade em comparação é bem maior,na faixa de pouco mais de 100 unidades ,razoável.

Lu Feliphe
17 dias atrás

É uma ótima notícia, manter uma tropa bem treinada é muito importante. Espero que sejam adquiridos mais unidades desse sistema.

737-800RJ
737-800RJ
16 dias atrás

Amigos, lembram que há um tempo foi montado um grupo de estudo para decidir sobre um futuro sistema de defesa antiaérea pras três Forças? Tinha um prazo de 6 meses, se não me engano, para a entrega dos resultados. Alguém tem novidades sobre o assunto?