Home Artilharia Antiaérea VÍDEO: Turquia testa sistema antiaéreo S-400 pela primeira vez

VÍDEO: Turquia testa sistema antiaéreo S-400 pela primeira vez

1811
20

As Forças Armadas turcas testaram pela primeira vez seu novo sistema de defesa aérea S-400 que adquiriram da Rússia.

De acordo com a publicação russa RuVesna.Su, as Forças Armadas turcas testaram o sistema S-400 dentro da região de Sinop, que está localizada ao longo da costa do Mar Negro da Turquia.

Testemunhas publicaram imagens dos testes bem-sucedidos. Foi dito que todos os três mísseis disparados atingiram seus alvos.

O novo teste S-400 da Turquia provocou a condenação de Washington, que alertou Ancara sobre as “terríveis consequências” por adquirir este sistema de mísseis de fabricação russa.

Subscribe
Notify of
guest
20 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Antunes 1980
Antunes 1980
12 dias atrás

Prefiro o sistema Patriot. Esse S-400 é só marketing.
Na Síria nem os S-300 foram capaz de defender ataques de Israel e da coalisão ocidental.
Esse Erdogan é burro demais!

Cristiano. de Aquino Campos
Cristiano. de Aquino Campos
Reply to  Antunes 1980
12 dias atrás

Os Patriot tambem não impediram o ataque as refinarias sauditas, devem ser só marketing tambem.

Last edited 12 dias atrás by Cristiano. de Aquino Campos
Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Antunes 1980
12 dias atrás

Os S-300 nunca ficaram operacionais, pois nenhum míssil sequer foi disparado. Veio apenas como um fator de dissuasão. O grosso da defesa síria é formado pelos S-200, Thor, Pantsir, Buk…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Antunes 1980
12 dias atrás

Israel, se tiver juízo, deve ficar bem quieto para passar despercebido.
Essa semana, Erdogan declarou que Jerusalém é muçulmana.
Forças poderosas estão se reunindo contra interesses dos EUA e Israel na Região.

Silas
Silas
Reply to  Antoniokings
12 dias atrás

KKKKKKKKKK…. realmente, “esse” é uma piada…

Plinio Jr
Plinio Jr
Reply to  Antoniokings
12 dias atrás

Toinho vc precisa virar comediante, rindo demais ….

Evgeniy (RF).
Evgeniy (RF).
Reply to  Antunes 1980
12 dias atrás

This is not a problem with Erdogan, but with you, specifically with you. If you could at least read normally what they write even on this site, you would understand that Israel is attacking those Syrian targets that have Lebanese Hezbollah, Palestinian groups that are supported by Iran. Where there are simply Iranians, there are no Israeli attacks. But you are not a reader, you are a writer.

Elisandro
Elisandro
Reply to  Antunes 1980
12 dias atrás

Conforme dito antes, o S-300 “doado” aos sírios na verdade está nas mãos de operadores russos e ainda não foram usados…

Jefferson Henrique
Jefferson Henrique
Reply to  Antunes 1980
12 dias atrás

Porque motivo os S-300 ou os S-400 estacionados na Síria iriam reagir aos ataques de Israel, uma vez que eles não eram os alvos, muito menos as forças Russas. Além da comunicação direta entre Israel e Rússia naquela região. Mesma coisa quanto a aeronaves americanas na região, stealth ou não. Essas baterias estão lá para defender o material Russo estacionado lá.

RENAN
RENAN
12 dias atrás

O alvo deveria estar muito alto, o míssel subiu e sumiu

RENAN
RENAN
12 dias atrás

Aí eu fico com uma inveja, uma nação tem coragem e poderá proteger seus interesses.
Pois se usados dentro do envelope correto é muito difícil destruir os S400
Agora se não tiver as outra defesas de camadas aí é dinheiro jogado no ralo

Espero que eles tenham tido o cuidado de comprar todos os acessórios e estar protegidos contra drones pois ia ficar muito feio um drone de 1 milhão destruindo um armamento de 2,7 bilhões

Peter nine nine
Peter nine nine
Reply to  RENAN
12 dias atrás

Sim, os sistemas devem ser vistos como complementos uns dos outros, sejam caças, baterias AA e até mesmo a simples Infantaria em terra. Sei que se refere em específico às camadas de defesa aérea (longo, médio e curto alcance) previstas na operação correcta do S400 e semelhantes, mas eu vou além. Um país que se queria capaz de realizar empreitadas em conflitos de media e alta intensidade, de forma isolada, deverá distribuir os seus recursos na implementação de diversas capacidades, estudando e implementando uma doutrina vasta em diversidade, que preveja a maximização dos seus meios por meio da interoperabilidade entre… Read more »

RENAN
RENAN
Reply to  Peter nine nine
12 dias atrás

Perfeito

Mauro Carvalho Lemes
Mauro Carvalho Lemes
Reply to  Peter nine nine
11 dias atrás

Bacana, resumiu muito bem. O problema que aqui, os entendidos querem um atacar o que não entendem. Adquirem um Pitbull para a segurança da sua casa, mas ele tem que atender o interfone, identificar se é dono da casa, filho, esposa, “sogra‘ ou mesmo uma visita… Ladrão… Desligar água do jardim, trocar as crianças pra escola e pedir o gás que tá acabando… Depois ele morde quem precisa…

Rogério Loureiro Dhierio
Rogério Loureiro Dhierio
12 dias atrás

“O novo teste do S-400 da Turquia provocou a condenação de Washington, que alertou Ancara sobre as “terríveis consequências” por adquirir este sistema de mísseis de fabricação russa”. Até quando esse autoritarismo? O país que prega a liberdade e a união entre os povos coibindo outro país por interesses próprios. Isso parece coisa de nazista, comunista e ditador. Daí eu me pergunto. Se fossem os comunas, seria diferente? Vejam a china fazendo o mesmo com alguns países vizinhos no mar da China. Essa coisa de grandes e fortes oprimirem os pequenos vem desde o nascimento da humanidade. E isso vai… Read more »

nonato
nonato
Reply to  Rogério Loureiro Dhierio
11 dias atrás

Esse é o problema do isentao.
Comparar os Estados Unidos à Alemanha nazista, à União, China.
Existem três forças militares no mundo atual.
Estados Unidos (e Europa), Rússia e China.
Quem compra do inimigo o financia.
Alem do mais, não se trata de comprar um rifle ou tanque, mas um sistema moderno que opera interferindo com as armas da OTAN.
Quem traz o inimigo para dentro de casa, tem de ser expulso da casa.
Algo como o traficante que traz um policial para ficar visitando a favela…

Cristiano. de Aquino Campos
Cristiano. de Aquino Campos
12 dias atrás

Aliás, uma observação em forma de duas perguntas. Alguem sabe de alguma situação, fora as refináriaa sauditas, em que sistemas anti-aereos americanos foram usados?
E alguem sabe o indice de aficácia?
Pergunto pois dizer que um sistema que e testado em ação real constantemente e ruim em quanto um e melhor mesmo não ter sido quase usado e facil.
Pelo que sei, os sistemas Russos e Israelenses são mais confiaveis que o americano e frances, por exemplo.

Hermes
Hermes
Reply to  Cristiano. de Aquino Campos
11 dias atrás

Guerra do Golfo: Patriot vs Scuds, mas o melhor sistema AA americano contra aeronaves e o que eles confiam mais sempre foi a USAF e os caças da US Navy.

Cristiano. de Aquino Campos
Cristiano. de Aquino Campos
Reply to  Hermes
10 dias atrás

Só confirma o quê quiz dizerz foi um sistema pouco usado em comparação ao Russo e Israelense. E os patriot da epoca não foram efetivos contra os SCUD que fala sério, eram basicamente, foguetes balisticos sem nenhum sistema de guiamento ou manobra.

ScudB
ScudB
Reply to  Cristiano. de Aquino Campos
8 dias atrás

Amigo Cristiano!
Foram varias ocasiões e quase sempre – sem garantia de sucesso. Um exemplo das criticas :
https://foreignpolicy.com/2018/03/28/patriot-missiles-are-made-in-america-and-fail-everywhere/
Em geral o sistema (PAC) não atende aos requisitos.
Um grande abraço!

Last edited 8 dias atrás by ScudB