segunda-feira, maio 17, 2021

Saab RBS 70NG

China quer vender blindados Norinco 8×8 ao Exército Brasileiro

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Segundo a coluna Radar da revista Veja, a China tem buscado avançar nos negócios com o governo brasileiro, aproveitando a dependência do Brasil de insumos de procedência chinesa para a vacina do coronavírus.

A coluna diz que a diplomacia chinesa tenta emplacar a venda de quase 100 blindados Norinco 8×8 ao Exército Brasileiro.

Os veículos seriam mais baratos do que os concorrentes, o que facilitaria a aquisição pelo critério do menor preço.

Veículos Norinco 8x8 do Exército da Tailândia
Veículos Norinco 8×8 do Exército da Tailândia

- Advertisement -

265 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
265 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Japaman
Japaman
20 dias atrás

Galante,
Daria para fazer uma matéria comparativa das opções no mercado incluindo o Norinco?
Acho que seria interessante para não ficarmos naquela velha e conhecida retórica de comunismo, China produto que não presta e blá blá blá.

Saudações,

Alexandre Esteves
Alexandre Esteves
Reply to  Japaman
20 dias atrás

Independente de ideologia, produtos chineses não prestam se comparados aos similares do ocidente. Isto é um fato.

PACRF
PACRF
Reply to  Alexandre Esteves
20 dias atrás

“FATO” só se comprova à luz da realidade ou da Ciência. Infelizmente, as qualidades de artefatos bélicos só podem ser efetivamente aferidas numa guerra. Pior que “produtos chineses não prestam se comprados aos similares do ocidente”, é o FATO do Brasil não fabricar um blindado simples como esse. Senão me engano, a Engesa já fabricou blindados para transporte de tropa. O FATO é que nosso Exército (nosso e não Dele) está se equipando com artefatos ultrapassados e de segunda-mão. Há 25 anos, as pessoas “torciam o nariz” para produtos coreanos, assim como há 50 anos “torciam o nariz” para produtos… Read more »

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  PACRF
16 dias atrás

Há vinte cinco anos comprávamos carros americanos. Hoje compramos, japoneses, coreanos e começamos comprar chineses. Eu acredito que os produtos que eles são mais baratos e tem qualidade. Basta ver no que a China se transformou.

Agressor's
Agressor's
Reply to  Alexandre Esteves
20 dias atrás

Atualmente os eua andam deixando muito a desejar na “qualidade” das coisas que desenvolvem, o abacaxi do f-35 e seus projetos de misseis hipersônicos tem ilustrado bem isso…

Isto é um fato!!!

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Agressor's
17 dias atrás

Os mísseis hipersônicos que existem no mundo ainda estão em fase de testes. Afirmar que os dos EUA são um abacaxi, é chute, aliás, é apenas antipatia pelo país.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Alexandre Esteves
20 dias atrás

Comentario de quem vive no seculo 20 em relação a China

MMerlin
MMerlin
Reply to  Nilton L Junior
20 dias atrás

O problema é a ferocidade com que os comentários estão sendo postados, apenas demonstrando o aumento da tendência (já bastante grande) polarizada entre torcidas neste ambiente. O conteúdo deixou de ser importante faz tempo.

Referente a publicação, tanta noticia mais interessante aparecendo em outras mídias especializadas e colocam uma notícia da Veja?

Faver
Faver
Reply to  MMerlin
19 dias atrás

Com razão MMerlin. Leio, mas tenho vontade de não visitar mais o site. Os senhores da razão não toleram opiniões divergentes. A diferença entre ideias, não torcida, é que fez muita coisa evoluir. Aqui no site isto se perdeu…

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Nilton L Junior
17 dias atrás

O Brasil precisa votar às boas com a China, depois de tanta burrada dita a escrita. Penso que negociar estes veículos não seria mal. A única coisa que eu vejo de negativa é que isto praticamente encerraria a chance de um Guarani 8×8…

Henrique
Henrique
Reply to  Alexandre Esteves
20 dias atrás

Meu caro, por décadas a China assimilou tecnologia e matriz industrial do ocidente, fazendo engenharia reversa e investindo maciçamente em formação técnica… formam mais de 200.000 projetistas/ano ( +5x mais que todos os engenheiros em todas as disciplinas que formamos no Brasil) e são capazes de prover qualquer tecnologia hoje (seu Iphone tem componentes Chineses) portanto te entregam o que quiser, de 1ª, 2ª, 3ª .. linhas, a gosto do freguês. Não gosto do regime Chinês mas não podemos negar a capacidade técnica, tecnológica e industrial daquele pais…. até a máscara descartável que vc usa em sua maioria (infelizmente) vem… Read more »

Henrique
Henrique
Reply to  Henrique
20 dias atrás

Caro Alexandre a resposta era pro Japaman e acabou, por descuido, indo pra vc.

Japaman
Japaman
Reply to  Henrique
20 dias atrás

Eu sei se tudo isso que você disse, e por todos esses motivos, China, Índia e Coreia do Sul, estão há anos melhorando seus parques industriais e de defesa. Não só engenheiros, como muitos profissionais da área de tecnologia, Hoje esses países estão há anos luz na frente do resto do mundo. Por isso que eu sugeri uma matéria comparativa para sairmos do campo do “achismo” e analisarmos se o produto Valéria a pena. Eu sempre comentei aqui que sou a favor do Brasil construir seus navios de guerra por lá, tanto por ser mais barato, quanto pelo tempo de… Read more »

Henrique
Henrique
Reply to  Japaman
20 dias atrás

Temos condições de fazermos aqui mesmo, não é possível que depois de termos adquirido expertise nas Vosper’s e IKLs não consigamos fazer um projeto melhor que as Barroso ou mesmo as “básicas do básico” lanchas classe Macaé… Idem para a expertise adquirida com os Ivecos do EB. A China comprou um NAe literalmente “podre” da Ucrânia e o transformou no primeiro modelo plenamente operacional e atualizado de uma série de outros… isso é “política de estado – defesa” séria. Tendo demanda e investimento (e tirando os sindicatos e sindicalistas da frente) fazemos qualquer coisa. Quanto ao seu comentário sobre construir… Read more »

Japaman
Japaman
Reply to  Henrique
20 dias atrás

Infelizmente perdemos todo o conhecimento que adquirimos por falta de continuidade, nossos estaleiros são ultrapassados e hoje. Só teriam condições de produção, levaria muito tempo e custaria muito dinheiro. Quando digo em comprar da China ou Coreia, penso em compras de prateleira mesmo, já que estamos perdendo nosso meios e daqui a pouco não vai sobrar absolutamente nada! Precisamos pra ontem e com a contingência orçamentária, preço infelizmente conta e muito.
Abração.

Claudiney
Claudiney
Reply to  Japaman
19 dias atrás

Sou contra compra de prateleira para coisas simples e de quantidade relativamente alta. Melhor usar este dinheiro para financiar o desenvolvimento aqui. se pensarmos sempre no mais barato, também, nunca desenvolveremos nada nacional. É preciso pagar o preço (e o prazo de entrega) do avanço em conhecimento e em infraestrutura para a fabricação armamentos nacionalmente. Não existe outro meio.

Japaman
Japaman
Reply to  Claudiney
19 dias atrás

Esse seria o cenário perfeito! Com toda certeza desenvolver sempre é melhor do que apenas comprar. Porém o país vem sofrendo com a falta de recursos, os governos desde os tempos de FHC esqueceram as forças, perdemos know how e hoje não conseguimos mais, desenvolver nada. Custaria muito caro como no caso dos novos Subs e do Gripen! Fora o tempo para isso. A questão aqui (no caso dos meios navais de superfície) é muito emergencial do que outra coisa! Com as dimensões do Brasil e sua vasta Costa para proteger, o país precisa renovar com urgência sua frota! Ao… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Claudiney
19 dias atrás

No Brasil, compras de defesa só rolam com financiamento externo e multas gigantescas por quebra de contrato. Fora isso, esquece compra de prateleira, fabricação sob-licença e mais ainda desenvolvimento nacional.

Jodreski
Jodreski
Reply to  Japaman
18 dias atrás

Concordo com vc, a falta de continuidade aqui acaba por assassinar todo o conhecimento adquirido. É praticamente rasgar dinheiro. É só olharmos como as compras da FAB, EB e MB são feitas! Exemplo 1: F-X demorou décadas para sair, praticamente elevaram o F-5 ao patamar de Highlander. As Niterói viraram sucata! Os nossos Tanques são praticamente todos se segunda mão, nem veículos leves blindados temos em números expressivos. Ou seja, de que adianta investir na compra de tecnologia, formação de profissionais brasileiros no exterior se eles atuam praticamente em 1 único projeto? Quando a linha de produção é encerrada não… Read more »

Japaman
Japaman
Reply to  Jodreski
18 dias atrás

Mas aí seria mexer em vespeiro! Se você disser ou imaginar apenas dizer que 80% da verba destinada às forças vão para o pagamento perpétuo de aposentadorias e pensões, fica fácil descobrir porque com tanto dinheiro, não sobra absolutamente nada para investimento nas forças. Mas…🤫🤫🤫

Japaman
Japaman
Reply to  Henrique
20 dias atrás

Em relação a dependência da China, infelizmente há anos o mundo inteiro depende! A vacina não é nada (porque muitas vacinas de outras doenças também são produzidas por lá) em comparação com a maioria dos produtos que são feitos por lá e que fazem parte do dia-a-dia da grande maioria das pessoas no mundo inteiro! As grandes empresas acharam que usariam a mão de obra quase escrava de lá para produzir e lucrar muito, a ganância causou essa dependência e eles souberam aproveitar e aprenderam a fazer. Simples assim! Acredito que o país ficou estigmatizado como um produtor que faz… Read more »

Faver
Faver
Reply to  Japaman
19 dias atrás

Pessoal fala mal de produto chinês, mas usa latptop Lenovo, compra Territory da Ford, Iphone e TV samsung onde telas são tudo produzidas lá… A torcida vaiando e os caras mandando robôs para o espaço… Nesta briga ocidente x chines eu fico com o alto do muro, ou melhor, com o pragmatismo. Nós ganharíamos mais assim! Mas povo e gente importante pensam diferente!!!

Daniel Monteiro
Daniel Monteiro
Reply to  Henrique
20 dias atrás

Concordo plenamente…👏👏👏

Zorann
Zorann
Reply to  Henrique
17 dias atrás

Hoje a China já forma mais de 1.200.000 Engenheiros por ano. Isso é 5 vezes mais do que os Estados Unidos formam por ano. 30 vezes mais do que o Brasil forma por ano.

Otto Lima
Reply to  Zorann
16 dias atrás

Zorann, pior do que isso, os poucos engenheiros que o Brasil forma não conseguem emprego na área e acabam virando motoristas de aplicativo ou vendedores de bolo no pote. Empreendedorismo de subsistência pode até pagar as contas de uma família no mês, mas de modo algum alavanca o progresso de uma nação.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Henrique
16 dias atrás

Henrique.
Certíssimo. Tem gente que não aceita os fatos. Porém isto não muda os fatos.

roberto medeiros
roberto medeiros
Reply to  Alexandre Esteves
20 dias atrás

Uma vez tive em mãos um ak47 produzido pela norinco. Não sei como q ela conseguiu, mas o certo é que conseguiu: a cópia da Norinco era um lixo. Em termos de qualidade, era pior que a cópia argentina do FAL (e eu pensava q isso era impossivel)

Japaman
Japaman
Reply to  Alexandre Esteves
20 dias atrás

Acredito que o amigo deve conhecer beeem os produtos Chineses, principalmente os militares, de e inclusive já ter feito uso de algum e não ter gostado ou ter tido algum problema com algum deles. Poderia nos contar? A indústria Chinesa tem diversas linhas de produção, desde produtos muito baratos que não são feitos para durar, até produtos de ponta como por exemplo os produtos da Apple, entre eles o iPhone, os IMacs etc. Eu moro no Japão, recentemente comprei um IMac que veio diretamente da fábrica Chinesa! Mas como você mesmo disse todo mundo sabe que os produtos feitos na… Read more »

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Alexandre Esteves
19 dias atrás

Meu Deus do Céu!!!
Como assim?? Aqui no US Army temos um programa chamado Foreign Weapons Training, aonde temos a oportunidade de analisar e avaliar vários sistemas chineses e russos, e até agora posso te assegurar que isso que dissestes é uma falácia.
O Brasil tem que se virar com quem mais lhe convenha.
Não é por um negócio com a China por uns Norincos, ou talvez com a Rússia por alguns S-300 que o Brasil reinventará o Pacto De Varsóvia.

Abs

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Joao Moita Jr
19 dias atrás

Exatamente, tanto ai no Us Army como no Exercito Russo e Chinês, vocês vivem estudando equipamentos uns dos outros. estudando suas fraquezas e pontos fortes, para aprender a contrapor tais pontos. Ou seja, há anos que aplicam na prática os ensinamentos de Sun tzu. Brasileiro que é atrasado e ogro. Associa aquisições militares á políticas internas e perdem ótimas oportunidades com isso. Tínhamos que ser como a Ìndia por exemplo, compra de todo mundo (ocidente ou oriente), mas sua política interna não aceita imposições a sua política interna e modelo de aquisições. Fazer o que né? Lá são milênios de… Read more »

Amauri Pacheco Borba
Amauri Pacheco Borba
Reply to  Alexandre Esteves
19 dias atrás

Não, eles tem produtos de primeira linha e de segunda linha. Eles tem má fama aqui pelos produtos de segunda linha vendidos pelos camelôs trazidos via contrabando do Paraguai.Mas eles fazem produtos muito bons. Por exemplo a Britânia compra tudo pronto da China, nem as caixas eles imprimem aqui, só conferem e embalam. Eles tem a Huawei e a Xiaomi que competem com Apple e Samsung pelos melhores smartphones do mundo. Os produtos de defesa chineses estão num patamar muito bom. Foi o tempo que eles copiavam produtos russos. Se pelo preço de comprar 30 Centauros der pra comprar 100… Read more »

Júlio César
Júlio César
Reply to  Alexandre Esteves
15 dias atrás

Tem a 1ª linha e 2ª, resta saber se os produtos militares estão enquadrados em qual categoria, testar para ver!

Veiga 104
Veiga 104
Reply to  Japaman
20 dias atrás

Excelente sugestão com um excelente argumento.

Claudiney
Claudiney
Reply to  Japaman
19 dias atrás

Ótima ideia. E complementar a reportagem com um estudo das dificuldades e dos ganhos de um fabricação nacional. Pela quantidade e tecnologia utilizada poderíamos fabricar por aqui. Teríamos que ter vontade política, visão de longo prazo e investimento contínuo.

Jodreski
Jodreski
Reply to  Japaman
18 dias atrás

Acho muito difícil o EB comprar um blindado Chinês, não vou entrar aqui no mérito se o produto é bom ou não é, há pessoas dentro do EB que tem a função de fazer essa avaliação e responder a essa pergunta. Mas ainda há um preconceito enraizado na nossa população (e tb nas forças armadas) com produtos chineses, então um contrato tão importante ser firmado com um fabricante chinês eu acho muito pouco provável, até um blindado Russo teria mais chance que um Chinês e mesmo assim já concorreria em desvantagem com produtos análogos ocidentais.

Japaman
Japaman
Reply to  Jodreski
18 dias atrás

Vamos assistir sentados a ascensão do Gigante e mais uma vez não não vamos aproveitar a oportunidade. Não adianta espernear, choramingar, ou fizer com ideologia barata, razão e sem fundamento. Os Estados Unidos 🇺🇸 não são mais os mesmos, tem muita gente passando necessidade por lá. A previsão até 2030 da China como principal player mundial pode ser acelerada depois da pandemia! Já são a maior frota em quantidade naval do mundo! É um caminho sem volta.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Japaman
16 dias atrás

É isso aí Japaman. Até mesmo nós fardados estamos passando apertos, e de vez em quando fazemos a vaquinha para que alguém não perca seu carro, por exemplo.
A quantidade de homeless já atinge níveis surreais. Aí vai uma foto recente de Los Angeles.

5d4e0213d086f.image.jpg
Antoniokings
Antoniokings
20 dias atrás

Excelente alternativa.
Pode até fazer uma espécie de ‘escambo’, em vista das crescentes exportações brasileiras para a China.
E podem trabalhar com moedas próprias, sem o dólar na transação.

Bardini
Bardini
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

“Excelente alternativa”
.
Argumento baseado em… vontade de mamar chinês.

Last edited 20 dias atrás by Bardini
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Bardini
20 dias atrás

No mínimo, excelente alternativa em comparação às latas velhas de segunda mão oferecidas pelos EUA.
De resto, pode se desesperar.

Bardini
Bardini
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

É claro que tu tens que seguir tua cartilha e falar mal dos americanos malvados, não é mesmo? Mas… Qual foi a “lata velha” que nos americanos ofereceram para substituir o Cascavel, mesmo?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Bardini
20 dias atrás

Não especificamente do Cascavel, mas os outros equipamentos oferecidos na esteira da nova condição de ‘aliado preferencial’ dos EUA.
Tenho até medo de saber o que eles ofereceriam para o Brasil.
Melhor se enturmar com a China que é muito mais vantajoso para o Brasil em todos os sentidos.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

Os EUA doaram ao Brasil nos últimos tempos: M577A2 – ao redor de 30 viaturas, TODAS, sem exceção, em excelente estado, alguns com menos de 100 km rodados; M113A2 – 12 viaturas nas mesmas condições dos nossos M113; M88A1 – 4 vaturas em funcionamento e sem problemas; M109A5 – 100 viaturas. TODAS funcionais e sem problemas. 32 modernizadas ao padrão A5+BR e as restantes foram apenas revisadas, trocados seus lubrificantes e pintadas. Ficaram prontas para uso sem restrição alguma, mesmo aquelas que foram destinadas para servir de fonte de peças. No final da década de 1990, recebemos 91 M60A3TTS e… Read more »

Last edited 20 dias atrás by Flanker
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Flanker
20 dias atrás

Continuas com a síndrome de vira-latas.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
19 dias atrás

Hahahahaha….vira-latas é tu, que precisa sempre de um malvado pra mandar na tua vida, tipo Xi, Maduro, os Castro, etc, além da sua doentia babação de ovo dos chinas…..

Amaury
Amaury
Reply to  Flanker
19 dias atrás

Doaram ou venderam o serviço de modernização de equipamentos que estavam desativados? Acho meio inocente falar em doação nesses casos citados.

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Amaury
19 dias atrás

Foi doado, o Brasil só era obrigado a pagar o transporte e tinha a opção de modernizar la ou pegar como estava e modernizar aqui.

Flanker
Flanker
Reply to  Amaury
19 dias atrás

Os únicos que foram modernizados pelos EUA foram os 32 M109A5BR. todos os outros equipamentos não foram modernizados e nem tiveram participação de empresas dos EUA nas negociações. A modernização dde centenas de M113 que já eram do EB foram com participação de empresa dos EUA, mas isso não faz parte do que eu descrevi.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Bardini
20 dias atrás
Bogaz
Bogaz
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

equipamento Chines nem de graça…além de não ser de boa qualidade não são nossos aliados militares..

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Bogaz
20 dias atrás

Nossos aliados serão os EUA, Alemanha, França, Inglaterra outros, quando entrarmos para a OTAN.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
19 dias atrás

Sua mente dicotômica só é capaz disso, mesmo. Eu não acho que precisamos entrar pra OTAN ou outras papagaiadas desse tipo, mas tb não precisamos ser puxa-sacos dos chinas, iguais à ti.

Michel
Reply to  Bogaz
20 dias atrás

Verdade! Somos aliados dos EUA e eles são nossos aliados.
Infelizmente, ou felizmente, a realidade bate à porta…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Michel
20 dias atrás

O atual PR é que quer ser amiguinho dos EUA.
Os americanos não estão muito interessados nisso.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Antoniokings
19 dias atrás

Não foi o que o Biden falou na conferência do clima..

Para quem achou que o Brasil só ia tomar na jaca, se ferrou.

Roberval Pereira Rosa
Roberval Pereira Rosa
Reply to  Bogaz
20 dias atrás

Se vc fosse apenas um pouquinho esperto e não fizesse parte do movimento lacração, perceberia que os grandes inimigos do Brasil hoje são exatamente aqueles que vc prega como aliados, ou seja EUA, França, Alemanha, Inglaterra e cia ltda, pois vc ainda não viu ou ouviu a China oua Rússia ameaçar o Bfrasil coma imposiçãode sanções ou bloqueio internacional de comêrcio, ou de intervenção internacional, assim ou é demais para sua pouca capacidade interpretativa perceber os fatos e enxergar nas entrelinhas percebendo a real intenção dos discursos de Macron, Bidem, Merkel, Johson e cia ltda ou vc faz parte do… Read more »

Agressor's
Agressor's
Reply to  Roberval Pereira Rosa
20 dias atrás

“Ao contrário do que os brasileiros pensam, a Amazônia não é deles, mas de todos nós. Oferecemos o perdão da dívida externa em troca da floresta”. Al Gore (Vice-Presidente dos EUA, 1989)   “O Brasil precisa aceitar uma soberania relativa sobre a Amazônia”. François Mitterrand (Presidente da França, 1989)   “Caso o Brasil resolva fazer uso da Amazônia, pondo em risco o meio ambiente nos Estados Unidos, temos que estar prontos para interromper este processo imediatamente”. General Patrick Hugles (Diretor da Agência de Inteligência de Defesa dos EUA, 1998)   “A floresta amazônica e as demais florestas tropicais do planeta deveriam… Read more »

Tomcat4,2
Reply to  Agressor's
20 dias atrás

Irretocável Agressor’s !!! Hoje ,mais que nunca, ou uma nação se fortalece militarmente e economicamente ou se ajoelha e cede aos desejos dos mais fortes. Hoje ,mais do que nunca(pois sempre foi cobiçado), o Brasil é a galinha dos ovos de ouro pois tem recursos minerais de tudo que é tipo em absurda abundância. Não há amizade entre nações e sim interesses e reciprocidade mas…sempre existiu ,existe e existirão os fortes e os fracos, dominadores, dominados e domináveis e muito disso depende do tipo de povo(o quanto se importam e lutam pelo que deles é, seu grau de nacionalismo/patriotismo ou… Read more »

Caio
Caio
Reply to  Agressor's
19 dias atrás

Corretíssimo agressor! Mas nossos líderes políticos, econômicos e militares vivem de costas para a nação e aos pés dos gringos.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Roberval Pereira Rosa
19 dias atrás

A China só topou vender os insumos de vacinas após a saída do Ernesto Araújo.

Nem no tempo que MAG, Celso Amorim e Samuel Guimarães comandavam o Itamaraty, os EUA exigiram a troca de chanceler.

Isto não é ameaça ?

A Rússia só voltou a comprar carne do Brasil, depois de entubar o Hind..

Isto não é ameaça ?

ALISON
ALISON
Reply to  Bardini
20 dias atrás

Sabe muito, mas cagou no p.a.u mostrando sua torcida em oposição a dele…

PedroG
PedroG
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

Ninguém aqui está falando em comprar dos EUA…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  PedroG
20 dias atrás

Ainda bem, né?
Mas o que causa espécie, é a virulência com que se ataca coisas relacionadas à China.
Pessoal vai ter de se acostumar com essa nova realidade.
A China está aí e chegando cada vez mais perto de nossas vidas.

Augusto Motta
Augusto Motta
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

Eu já fui crítico ferrenho da China e seus produtos xing-ling, mas tenho mudado a opinião, a causa de tudo é que a gente é levado a supor que a China só produz lixo, tendo em vista as porcarias que vendem no Brasil, mas é errado, a China faz produtos excelente, só que vão pros EUA, lá não tem nada de 1,99, andei comprando um artigos da China, só que vendido no EUA, bem caros, são de primeiríssima qualidade, nada a ver com as porcarias que tem aqui, elas sabem fazer, o problema é que aqui só importam lixo. Por… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Augusto Motta
20 dias atrás

Aqui já tem coisa de excelente qualidade, mas de preço alto.
Tente comprar Tiggo 8, Huawei P-50 ou Xiaomi Mi 11.
São bem caros.
Agora, vc pode comprar qualquer coisa para qualquer bolso.
Ou é chinês ou é de marca de outro país, mas produzido lá.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
19 dias atrás

Tiggo…Cheri??? Aquele da “melhor tecnologia do mundo”…..hehehehe…..nem de presente! Smartphone? Tem outras marcas…..

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Flanker
19 dias atrás

Eu tenho um Xiaomi 8 pro, Flanker e te digo. é um telefone honesto, vale o valor que é pago. Mas é isso ai, tu nao vai comprar um super computador a preço de banana igual as pessoas pensão

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Antoniokings
19 dias atrás

Tiggo 8 é uma porcaria… trabalho em oficina mecânica. é só dor de cabeça.

Agora os telefones Xiaomi são bons mesmo.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

Que Estados Unidos, cara? O Exército Brasileiro vem buscando se distanciar cada dia mais de compras militares via FMS. Se não me engano, 80% de todo equipamento militar das Forças Armadas, são de parcerias com outros países e todos eles englobando transferência de tecnologia. Se você observar todos os contratos que as Forças Armadas fazem, lá no fim, é colocado com destaque, a questão da transferência de tecnologia. Aconteceu com o Gripen, se lembra? Qual outro país, no programa FX-2, ofereceu ao Brasil, transferência de tecnologia? Que eu saiba, somente os suecos. As Forças Armadas do Brasil estão é correndo… Read more »

Claudio Moraes
Claudio Moraes
Reply to  Welington S.
20 dias atrás

Welington S. Nem tudo é transferência de tecnologia. O motor do gripen é de origem norte americana.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Claudio Moraes
20 dias atrás

Mas eu não disse que tudo é transferência de tecnologia. Eu disse que as Forças Armadas busca por transferência de tecnologia toda vez que vão em busca de equipamentos militares maiores, como neste caso, o 8×8. Eu já ouvi vários militares que compõe o campo estratégico de tecnologia dizer justamente isso. O fator da transferência é crucial para o Brasil pois nos possibilitará de, no futuro, desenvolvermos equipamentos com tecnologias que o Brasil adquiriu. O Gripen é o maior exemplo disto. Desde o início o Brasil vem recebendo tecnologia do Gripen. No caso do 8×8, não haverá NORINCO ou 8×8… Read more »

Roberval Pereira Rosa
Roberval Pereira Rosa
Reply to  Welington S.
20 dias atrás

o Centauro é um carro de combate armado com canhão de 105 ou de 120 mm enquanto o norinco VP-10 8×8 no máximo pode ser considerdo um veículo de combate de infantaria, são veículos diferentes para missões diferentes, lembrando que a Norinco tem uma versão do VP-10 armada com canhão de 105 mm, mas pelo que paredce não foi esta versão oferecida ao EB.

Claudio Moraes
Claudio Moraes
Reply to  Welington S.
20 dias atrás

Welington S. Sim, olhando por essa lógica é o correto. Quanto mais formos independentes em tecnologia sensível e de ponta, melhor. Porém é sabido que se paga um preço caro é verdade. Nada se dá de graça. Mas é um investimento válido se for levado a sério. Devemos incentivar a nossa base industrial de defesa pra que alcancemos a plenitude de maior independência tecnológica. E isso requer investimentos contínuos que precisam sempre ter o apoio do governo. No Brasil, infelizmente pouco se é levado a sério. Mas coisas boas vem acontecido como o programa gripen e o prosub. Mas ainda… Read more »

Jefferson
Jefferson
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

Excelente é o escambau…o Brasil tem que comprar os Centauros e a Fremm italianos. O resto é papo furado.

Augusto Motta
Augusto Motta
Reply to  Jefferson
20 dias atrás

Se tivéssemos dinheiro sobrando eu concordaria com vc, mas não temos, os chineses fazem coisas boas, duvido que esses blindados sejam ruins, devem ser de primeira com tecnologia que não temos por aqui, eu iria de china mesmo.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Augusto Motta
20 dias atrás

É tão bom que a Argentina acabou de anunciar que comprará 200 deles.

Roberval Pereira Rosa
Roberval Pereira Rosa
Reply to  Jefferson
20 dias atrás

Argumento meramente calcado no achismo, sem base técnica nenhuma, não esqueça que seu Apple, seu IBM, seus jeans, as placas e chips do seu computador, a tela de sua tv são todos produzidos na China, ate mesmo o suropa sumod atecnolia bélcia americana o f-35 tem componetes made in China.

Flanker
Flanker
Reply to  Roberval Pereira Rosa
19 dias atrás

“suropa sumod atecnolia bélcia”…….traduz….
Ter tecnologia chinesa e ser fabricado na china são coisas muito diferentes.

Last edited 19 dias atrás by Flanker
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Flanker
19 dias atrás

‘supra sumo da tecnologia bélica’.
Ô mente ‘dicotômica’.
kkkkkk

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
19 dias atrás

1º – não perguntei pra ti; 2º – o outro colega tem que aprender a escrever; 3º – tu, vtnc…..dicotomicamente….

Last edited 19 dias atrás by Flanker
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Flanker
19 dias atrás

kkkkk

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Antoniokings
19 dias atrás

E eu não queria publicar o link desse estudo que foi reafirmado na Alemanha esse ano.
kkkkk

https://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/2019-09-06/estudo-aponta-que-pessoas-de-qi-baixo-tendem-a-ser-intolerantes-e-de-direita.html

Roberval Pereira Rosa
Roberval Pereira Rosa
Reply to  Flanker
19 dias atrás

“suropa sumod atecnolia bélcia” = “supra sumo da tecnologia bélica”

Não preciso aprender a escrever preciso aprender a digitar no celular isso sim Flanker.

Last edited 19 dias atrás by Roberval Pereira Rosa
Flanker
Flanker
Reply to  Roberval Pereira Rosa
18 dias atrás

Olá, Roberval. Sei que é um saco digitar em smartphone. Que bom que vc entendeu o meu comentário, ao contrário do xings. Não quis te ofender. Abs

Pablo
Pablo
Reply to  Bardini
20 dias atrás

Maior mamador dos Chineses e o Maduro.

Pedro
Pedro
Reply to  Bardini
20 dias atrás

Você e tantos outras ainda não enxergaram que a Ásia é o caminho. Ou já enxergaram e não vão admitir, mas, não dou duas gerações para vivermos integralmente a cultura asiática.

O que o Ocidente tem que fazer é lutar com unhas e dentes para não se tornarem ditaduras partidárias ou personalíssimas, mas, em relação ao comércio e P&D, já era.

Augusto Motta
Augusto Motta
Reply to  Pedro
20 dias atrás

Pedro, não vou entrar na política, só acho que as pessoas deviam abrir os olhos porque na China se produz coisa boas, a gente não pode achar que tudo feito lá é de 1.99, não é mesmo, eles fazem produtos de primeira, só que é pra vender nos EUA.

Bardini
Bardini
Reply to  Pedro
20 dias atrás

Quando foi que eu disse algo com relação a Ásia não ser o “caminho”? Na tua imaginação? . O que existe hoje, é muita gente que abriria as perninhas pra qualquer coisa que a China queira empurrar para o Brasil, pelo simples fato de ser da China. Eu não compactuo com isso aí não. E não é assim que a coisa deve rodar. . Muita torcida e gente com bola de cristal, vendo 2 décadas no futuro… . E eu te digo que, a nacionalidade não é mais importante que a qualidade e os aspectos que envolvem manutenção e operação.… Read more »

Welington S.
Welington S.
Reply to  Bardini
20 dias atrás

Pois é… os 8×8 da NORINCO são tão bons que os argentinos acabaram de comprar uns 200 deles…

A galera acha ainda que o Brasil será detentor de equipamentos chineses kkkkkkkk.

Pedro
Pedro
Reply to  Bardini
19 dias atrás

Eu não falei da Norinco e qualidade de seu equipamento, só falei da sua xenofobia escondida, e, pelo visto fui bem direto. Cadê que você abre um piu para falar dos desmandos dentro do exército ou do aumento dos soldos em plena pandemia em detrimento da população geral? Eu acompanho isso aqui, eu sou entusiasta da tecnologia militar, mas também não sou hipócrita ou seguidor do olavismo ou nacionalismo “castal”, que é o que você e tantos outros defendem.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Pedro
20 dias atrás

Quem poderá acabar indo pro caminho da Ásia como você disse, é Argentina e só. Os demais países da região continuará com o Ocidente. Se tratando de Brasil, acha mesmo que, de uma hora pra outra, o Brasil simplesmente irá desconsiderar os excelentes equipamentos militares da Europa (ao qual possui grandes relações com o Brasil), pra se aventurar em equipamentos chineses só pra agradar meia dúzia? Vai nessa. Se não entraram na onda dos Russos, da China é que não vão mesmo e não importa se a China está crescendo. O Brasil está entrando agora com parcerias com a Índia… Read more »

Last edited 20 dias atrás by Welington S.
Roberval Pereira Rosa
Roberval Pereira Rosa
Reply to  Welington S.
20 dias atrás

Welington S. quando o brasileiro entender que o caminho a seguir é o caminho do interesse nacional e deixar de ser submisso aos EUA e seus cãezinhos amestrados da OTAN talvez possamos alcançar o desenvolvimento que precisamos, quando pararmos de nos alinhar automaticamente com EUA e OTAN e seguirmos nossa própria cartilha talvez sejamos respeitados como nação, por enquanto não passamos de um país de idiotas que tem orgasmos mentais cada vez que ve a bandeira americana.

Flanker
Flanker
Reply to  Roberval Pereira Rosa
19 dias atrás

E alguns tem o mesmo com a bandeira chinesa…..

Pedro
Pedro
Reply to  Welington S.
19 dias atrás

Boa tarde. Não cara, eu não acha que virá uma migração de uma hora para outra, o que eu falo e que os xenófobos e ditos “nacionalistas” de plantão. O que eu digo é que tudo indica, inclusive estudos dos militares estadunidenses é que a China vai ser sim a potência hegemônica, inclusive já estando na dianteira em diversos caminhos da indústria 4.0, junto com Índia o softpower vai pender de vez para o oriente, desde de no mínimo 1700/1800 que o Ocidente possui a dianteira e pelo visto, vamos passar o bastão, aliás, já estamos, nos resta perceber e… Read more »

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Bardini
20 dias atrás

Baseado em relação custo x benefício. Um produto chinês é, em média, 1/3 mais barato que seu similar ocidental, de mesma qualidade. Os produtos chineses são sucesso no mundo inteiro, aposto que o computador que vc está digitando, ou celular, foi feito na China.

Flanker
Flanker
Reply to  100nick-Elã
19 dias atrás

Ser feito na china e ter tecnologia chinesa são coisas absolutamente distintas, vovó…..

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  100nick-Elã
19 dias atrás

Elaine, não é…

O que são baratos são os produtos vagabundos..

ai entra naquela que eu já superei..

Tem coisa minha que eu comprei chinês 2-3x e pela quantidade já tinha passado o preço de um bom ocidental.

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Bardini
19 dias atrás

Olha quem escreve !
Ele deve ter se baseado no mesmo conceito seu, ou seja, analisou a foto e achou melhor kkkk

Doug385
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

Excelente alternativa que nem mesmo os chineses usam e para qual os argentinos torcem o nariz…

João Fernando
João Fernando
20 dias atrás

Soja por blindados, que tal? Podemos abater a dívida dos próprios empréstimos do pessoal do agro. Todo mundo ganha.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  João Fernando
20 dias atrás

Exatamente.
E devemos aproveitar enquanto os chineses não mudam de fornecedores.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
20 dias atrás

Blábláblá…..porcaria de blindado. Se é pra comprar, que compre-se o Centauro italiano. Toda essas tuas afirmações são apenas torcida, nada mais.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Flanker
20 dias atrás

Blábláblá centauro, quem gosta de centauro é grego, vamos de superAV.

Flanker
Flanker
Reply to  Defensor da liberdade
19 dias atrás

Vamos? Tu assinou o contrato de compra? Ora, vá dormir……

Richard Stallman
Richard Stallman
Reply to  João Fernando
20 dias atrás

Melhor Soja por dólar mesmo.

Marcos
Marcos
20 dias atrás

Quer comprar da China? Compre o projeto e contrate os chineses para assessorar o trabalho de industrialização e ocidentalização de componentes fixos e móveis

Tomcat4,2
20 dias atrás

Ao menos o modelo das fotos não condiz com o que ,ao que parece, o EB deseja ,que é um veículo com canhão 105/120 mm(que creio eu ter tbm modelo assim da Norinco). Ainda vão surgir concorrentes de peso nesse negócio.

Tomcat4,2
Reply to  Tomcat4,2
20 dias atrás

Sinceramente ainda creio que a Iveco leva este contrato seja na venda italiana de Centauro I e sua adequação/modernização localmente ou por um Centauro II tropicalizado.

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Tomcat4,2
18 dias atrás

A Versão ST1 tem torre de 105 mm

Bardini
Bardini
20 dias atrás

A China pode querer muita coisa… E dai? Grandes porcaria.
.
Barato por barato, o Guarani já é muito barato. E nem por ser barato, se compra como deveriam comprar.

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Bardini
20 dias atrás

Pois é. Comprar esses 8×8 da Norinco seria apenas arranjar mais problemas pro EB

A6MZero
A6MZero
20 dias atrás

Não sou um fã de equipamentos chineses, mas acredito que independente da origem se cumpre os requisitos técnicos estabelecidos deve sempre buscar o mais barato de adquirir e manter.

Comprar por tradição de um fornecedor ou pelo nome de uma marca é só um desperdício de dinheiro publico.

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  A6MZero
20 dias atrás

Se nem pra Argentina esses 8×8 chineses serviram, por que para o EB seria uma boa compra?

A6MZero
A6MZero
Reply to  Filipe Prestes
20 dias atrás

Não estou dizendo sobre esse veiculo especificamente, e nem sei dizer se esse é o mais barato de forma global (custos de aquisição, mais custo de manutenção e custos de utilização).
Apenas que devemos comprar tendo em vista os requisitos técnicos e orçamentários e não ficar presos em origens e nome do fornecedor.

Joanderson
Joanderson
20 dias atrás

Só uma pergunta
A china possui industria de bens de consumo própria ou tudo que ela exporta de lá são de empresas estrangeiras que lá se estalaram.

A6MZero
A6MZero
Reply to  Joanderson
20 dias atrás

Sim a China possui o maior parque industrial hoje, cerca de 8% de todos os bens produzidos no mundo são fabricados lá, e com milhares de empresas locais de todos os portes, além de multinacionais instaladas lá.

A6MZero
A6MZero
Reply to  A6MZero
20 dias atrás

Interessante é que esse percentual deve cair nos próximos anos, já que o setor terciário é o que deverá se tornar um dos principais pilares da economia chinesa, já o setor industrial está migrando para países do sudeste asiático como Malásia, Tailândia, Filipinas e o Vietnã.

Pedro
Pedro
Reply to  Joanderson
20 dias atrás

Depende. Bugiganga e xing ling geralmente sao de empresas pertencentes a grupos chineses. As empresas que exportam produtos de alta tecnologia e com boa qualidade, geralmente sao joint ventures com empresas ocidentais, japonesas ou coreanas ou filiais dessas. As empresas que fazem copias mal feitas e vendem por baixo preço, tambem sao chinesas mas com fortes laços com o regime comunista, pois precisam usar de chantagens comerciais para empurrar, digo, vender no mercado.
Agora, P&D ainda é baixo onde os proprios chineses admitem que sao otimos para copiar mas fracos para desenvolver algo.

Caio
Caio
20 dias atrás

Já temos no Iveco 6×6, é só amplair. Da china são interessantes os drones armados, e defesa anti-aérea de médio alcance,

Barak MX para o Brasil
Barak MX para o Brasil
Reply to  Caio
20 dias atrás

O que a China tem de defesa antiaérea de médio alcance? Só lembro daquela cópia do S-300.

A6MZero
A6MZero
Reply to  Barak MX para o Brasil
20 dias atrás

A copia deve ser o HQ-9, tem também o KS-1, o HQ-16 e o DK-10

Caio
Caio
Reply to  Barak MX para o Brasil
20 dias atrás

E por acaso para quem não tem NADA e sempre com a grana curta; esse sistema esta ruim?

Mensageiro
Mensageiro
Reply to  Caio
20 dias atrás

Da China só aceitamos de for aqueles mísseis de matar porta aviões. O resto precisa não

Pedro
Pedro
Reply to  Mensageiro
19 dias atrás

Melhor não, melhor do da BHRAMOS da Índia, vai que eles vêm fazer alguma visita sem nos avisar com PA´s?

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
20 dias atrás

Independente se presta ou não, duvido muito que o EB compra algo chinês…

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
20 dias atrás

Mais barato e quebra a toa também, vai comprar um carro chinês para ver se o preço menor é vantagem kkkkk

Paulo Sollo
Reply to  SmokingSnake 🐍
20 dias atrás

Já se foi a época em carro chinês era tralha que entortava pedal de câmbio. Há tempos eles perceberam do que precisavam para serem bem sucedidos no mercado mundial. Contrataram projetistas, engenheiros e designers que trabalharam em marcas premium européias e a realidade é reconhecidamente outra hoje em dia. Inclusive a VW comprou 50% da JAC.

Porém em se tratando de blindados são outros 500.
Creio que eles ainda tem que provar a eficiência de seus carros de combate pois até a pouco as impressões não eram boas.

Flanker
Flanker
Reply to  Paulo Sollo
20 dias atrás

Tu és do tipo “Cheri – a melhor tecnologia do mundo” …. TIggo e outras porcarias??? Espera 10 anos pra ver essa “melhor tecnologia” estourar na mão dos burros que compram essas bombas…..propaganda é apenas isso….propaganda……Não quero carro chinês nem de presente…..

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Paulo Sollo
20 dias atrás

Você tem carro chinês ou eles são bons para os outros ?

Paulo Sollo
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
20 dias atrás

Não tenho carro chinês mas conheço pessoas que tem dos modelos mais modernos e os elogiam. Os especialistas da mídia automotiva, gente que passa a vida inteira testando veículos é que afirmam o que postei a cima.

Inclusive a maior parte dos componentes de carros montados nos EUA, Europa, A. Latina são feitos na China. Eles já dominam o know how.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Paulo Sollo
20 dias atrás

Pois é, outro dia testei o Arrizo 6 e achei o máximo, tecnológico, bom acabamento, só achei meio fraco o motor para o um carro daquele peso, não sei se por quê estou muito acostumado com motores mais potentes, mas tem pique para brigar com o Vovorolla e Civic. O que estraga mesmo é o preconceito do brasileiro, mas se bem que opinião de brasileiro não conta para nada, além de não ter bom gosto ainda não tem dinheiro para carro de verdade, o que resta são essas bost@s que vendem por aqui, como a bomba do Ônix que pega… Read more »

Paulo Sollo
Reply to  Defensor da liberdade
20 dias atrás

Concordo. Brasileiro é acostumado
levar sorrindo sem vaselina pagando caríssimo por porcarias inferiores e de designs horrorosos. Até o consumidor uruguaio tem melhores opções.
Mas o brasileiro gosta de posar de gente de primeiro mundo com suas carroças terceiro mundistas.

A opinião de brasileiros sobre carros tem tanta credibilidade quanto uma nota de 3 reais com a efígie do Calígula de Brasília.

Flanker
Flanker
Reply to  Paulo Sollo
19 dias atrás

Tem muito carro ruim no Brasil, sim. Concordo. Mas, sua afirmação sobre a qualidade dos Cheri, te coloca no mesmo balaio dos brasileiros que vc criticou……

Paulo Sollo
Reply to  Flanker
19 dias atrás

Onde eu falei sobre Cherry ?!
Não há nenhuma menção sobre esta marca de veículos em meus comentários acima.
Você tem algum problema cognitivo ou fumou algo?

Flanker
Flanker
Reply to  Paulo Sollo
19 dias atrás

Nem um dos dois….por que? Quando vc cita modelos mais modernos chineses, vc se refere á qual carro chinês???

Flanker
Flanker
Reply to  Defensor da liberdade
19 dias atrás

Ué? Testando cacareco chinês? Tu não é o pic@ das galáxias?
Os incautos que estão comprando essas bombas da Cheri, acreditando na “melhor tecnologia do mundo” vão ter amargas surpresas daqui alguns anos…..
Bom gosto e qualidade são, AMG, Audia A8, BMW classe M, etc…..comparar esse troço da Cheri com Corolla e Civic é demais….kkkkkkk

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Flanker
19 dias atrás

Tirando o status do carro alemão… Os carros europeus caíram muito em termos de longevidade.. São comuns Audi, Mercedes, Land Rovers, etc com preços baratos porque a manutenção custa uma bala e o dono não teve grana para fazer. É muito comum ver carros destas linhas dos anos 80-90 ainda rodando, mas mais dificeis vê-los dos 2000 pra frente.. O modelos mais novos n tem a durabilidade dos antigos e as peças são muito mais caras. Acabam virando fontes de peças para os que ainda andam. Corolla e Civic, fora do Brasil são automóveis de entrada, lembrem-se disto.. Toyota e… Read more »

Flanker
Flanker
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
19 dias atrás

Rodrigo, concordo em quase tudo contigo, mas o problema não é o carro europeu ter menos durabilidade hoje. O problema é que carro no Brasil é caro pra caramba….uma Saveiro completa,zero km, custa 100k!!! E tem um monte de gente que compra o carro em trocentas vezes, gasta tudo que pode na prestação e não consegue dar manutenção. Isso é muito comum em VW top de linha, Mercedes, Audi, BMW, Range Rover, etc. Os carros são ótimos. Só que tu tem que comprar e poder manter….mesma coisa que sempre falamos sobre equipamentos militares (ter não é operar). E também tem… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Flanker
19 dias atrás

Não só o automóvel, tudo no Brasil custa uma bica… Barato no Brasil e nem em todo o país, só coco-verde. Isto nem me surpreende. Com relação aos automóveis.. Eu estou para trocar o meu em uma Pajero Full, até o final do ano estarei com uma se tudo continuar no ritmo que está. Mergulhei neste mundo para fazer uma escolha correta. O europeu equivalente a ela é a o Discovery 4.. A Pajero dura infinitamente mais e com um custo de manutenção aceitável, por toda a vida dela. Discovery 4 se acha a rodo no Webmotors a preço de… Read more »

GFC_RJ
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
18 dias atrás

Com licença para incluir um argumento. Mais uma vez, uma questão industrial… Claro que temos problemas de insegurança jurídica, péssima infraestrutura, manicômio tributário e mão-de-obra com baixa qualificação… Tudo isso é importante. Mas indo ainda mais atrás, eu sempre eu argumento o seguinte. O maior problema da industria brasileira é seu foco no mercado INTERNO. Entretanto, foi-se o tempo que o mercado interno brasileiro era suficiente para um bom desenvolvimento industrial. Com a globalização, esquece. O foco no mercado interno gera uma baita limitação de escala de produção e, consequentemente, de produtividade. Com isso custos e preços finais são elevados.… Read more »

Johan
Johan
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
19 dias atrás

Até a BMW caiu e muito. Acompanho mecânicos que lidam com esses carros e tem motor BMW que queima óleo fácil devido a falha de projeto. Alguns Audis também.
Motores e transmissões que não se deram bem com o calor dos trópicos….quem comprar usado cair segurar!

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Flanker
19 dias atrás

E o que é que têm? Tenho amigo que é diretor de uma CAOA Chery e ele me mostrou o carro. Achou ruim? Deita na Br.

Flanker
Flanker
Reply to  Defensor da liberdade
18 dias atrás

Coitado do teu amigo…….

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Defensor da liberdade
19 dias atrás

Pra quem andava de Kadet ou Logus sei lá que carro de “rico” que você falava que tinha…

realmente vai ser uma evolução.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
19 dias atrás

Desde 2019 que eu ando de c63 amg. Kadet? De banheira só entendo Leroy Merlin….

Flanker
Flanker
Reply to  Defensor da liberdade
18 dias atrás

Hãhãm….sei……e, mesmo que isso fosse verdade, sonegando impostos como tu faz, é fácil…… tua vergonha na cara é inexistente…..lixo de cidadão……

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Defensor da liberdade
17 dias atrás

Comprou de segunda ou terceira mão ?

carcara_br
carcara_br
20 dias atrás

Se for um interesse legítimo do exército, tiver previsto orçamento ter 80% do desempenho do concorrente por 1/3 do valor, criar alguma competência na indústria nacional, não vejo problema. Caso contrário é melhor recusar educadamente, propor outras alternativas de compensação e jogo que segue.

Pedro
Pedro
20 dias atrás

Se grande parte dos carros feitos por chineses no 3o ano ja começam a enferrujar mais que um carro inglês da decada de 60 e 70, imagine o que dirá dos problemas desses veiculos. Se for para comprar para enferrujar, melhor continuar usando o Urutu, pois assim nao teremos problemas de tétano!

Japaman
Japaman
Reply to  Pedro
20 dias atrás

Pedro, não existe comparar veículos urbanos de uma determinada empresa que importou para o Brasil com Veículos de combate que são feitos para suportarem condições extremas em terrenos extremos. Na China não existem apenas duas marcas de veículos, e assim como outras empresas, produtos que entram no mercado brasileiro, sofrem diversas modificações (tiram muita coisa) e os carros sofrem por diversos motivos em território nacional ( qualidade do asfalto, condições de condução e salubridade de algumas cidades) eu também não gosto dos carros chineses, mas já que existiu a proposta, porque não comparar? Se o produto for bom, não vejo… Read more »

ODST
ODST
20 dias atrás

Disso aí não se aproveita nem os parafusos…

João Adaime
João Adaime
20 dias atrás

Hoje o ministro da Saúde anunciou que o Brasil está negociando com outras fabricantes chinesas de vacina a importação direta. Vale lembrar que a Sinovac nos manda o IFA, para a vacina ser produzida aqui pelo Butantã.
Para quem tinha humilhado publicamente o ex-ministro Pazuello e hostilizado a China em outras oportunidades, parece que os ventos estão mudando.
Se vai alcançar o setor de defesa, só o tempo dirá. E tempo é o que os chineses têm de sobra.
Para a turma do Grenal ideológico, aviso que torço para o Brasil. Comentei por comentar.

Pedro
Pedro
Reply to  João Adaime
19 dias atrás

VocÊ está é correto, é como eu sempre disse, pragmatismo, devemos andar no mundo dos não-alinhados ou pelos menos não explicitamente como a Índia já fez um dia. Compra dos USA, vende ao Chinês, desde que agregue emprego, renda e tecnologia ao País, tá ótimo.

Doug385
20 dias atrás

Entre o preço e a qualidade comprovada de um veículo como o Centauro, me desculpem, mas fico com a qualidade de algo que sei que vai poder ser operado por no mínimo 30 anos.

Luís Henrique
20 dias atrás

O Brasil é grande suficiente para ter indústria própria.
Temos que reduzir o efetivo, aumentar o número de temporários para diminuir o rombo que o pagamento de aposentadorias causa no orçamento, aumentar o orçamento militar para 2% do PIB (no mínimo) e garantir recursos para projetos próprios, contratando empresas Brasileiras e não chinesas.
Em áreas que nos falta o conhecimento e as tecnologias, devemos fechar parcerias com empresas e países que Aceitem transferir as tecnologias e ofereçam a melhor relação entre qualidade e preço.

Bardini
Bardini
Reply to  Luís Henrique
20 dias atrás

Não existe mágica. Ninguém cria dinheiro do nada. Para aumentar o orçamento para 2% do PIB, vão ter de tirar dinheiro de algum outro lugar. De onde é que sairia bons “0,5%” do PIB? Não existe “0,5%” PIB nem para infraestrutura, que movimenta a economia de forma mais rápida e eficiente e tem amplo apelo político. E isso inclusive desmonta o argumento burro de que “não existe interesse político”. Interesse político existe de sobra, mas sem dinheiro, ninguém faz nada além de contratar obra que não pode ser paga. . Não existe dinheiro sobrando para as 3 forças, mas existe… Read more »

MMerlin
MMerlin
Reply to  Bardini
19 dias atrás

Concordo. Mas não consigo visualizar uma luz no fim deste túnel, devido principalmente a dois fatores: o aumento de tempo na ativa (devido as novas regras na aposentadoria dos militares) e a abertura de vagas em concursos para oficiais. No setor privado e estatal existe o procedimento de PDV que a curto prazo diminui o inchaço da folha, mas que exige um investimento razoável no processo. Talvez fosse um caminho. A verdade é que, enquanto as não atacarem esta fatia de gastos desproporcional, o futuro promissor continuará distante.

USS Independence
20 dias atrás

Não conseguem nem fabricar colheres que não enferrujam e querem agora vender blindados que nem ele usam…

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  USS Independence
20 dias atrás

Os tratores daqui da fazenda usam rolamentos chineses, funcionam tão bem como outros. Vi zero diferenças.

Spitfire
Spitfire
20 dias atrás

Olha, qualquer compra de material de defesa de procedência Chinesa no governo atual seria no mínimo contraditório do ponto de vista ideológico… Não que eu esteja concordando ou discordando dessa procedência, pois não tenho o mínimo de conhecimento técnico para opinar a este respeito, mas seria incoerente do ponto de vista de linha governamental atual. Por mais que deve existir pragmatismo nas relações entre países, estamos falando em termos de produtos de defesa. E nesse aspecto a tendência é aquisição de produtos de origem ocidental ou européia. Portanto acho muito improvável, pelo menos nesse governo. Se em 2022 o barco… Read more »

Pedro
Pedro
Reply to  Spitfire
19 dias atrás

rapaz,

Todo o governo é contraditório, aliás, só não o Min da Infra.

Davi
Davi
20 dias atrás

“…a China tem buscado avançar nos negócios com o governo brasileiro, aproveitando a dependência do Brasil de insumos de procedência chinesa para a vacina do coronavírus.”

A China criou, espalhou e vendeu a solução. Quem comprou a solução, vai ter que puxar o saco asiático pra não ficar na mão.
Esses chineses são tão bonzinhos!

Marcelo-SP
Marcelo-SP
20 dias atrás

Só se for para fazer uma salada logística e complicar a vida do EB. A melhor alternativa é ir de Centauro. Já temos o Guarani e o LMV. Tem é que fazer uma boa negociação comercial e continuar com a Iveco, nacionalizando o máximo a produção.

Emmanuel
Emmanuel
20 dias atrás

Compre um 8×8 e leve pastel de flango pra tropa toda.

Welington S.
Welington S.
20 dias atrás

Definitivamente, NÃO! A NORINCO pode oferecer o que for ao Exército Brasileiro. O preferido, é a IVECO. Aproveitar a fábrica já pré-instalada no Brasil é o mais ideal e já ouvi muito por ai que o Centauro II é o escolhido. Eu, particularmente, não vejo o Exército Brasileiro com equipamentos chineses tão cedo assim, ainda mais quando se trata de blindados. Boa tentativa dos chineses mas essa licitação é dos italianos, fim. Que venha o Centauro II de 120mm e que no futuro o Exército Brasileiro adote MMBT também com canhão de 120mm pra ficar mais bonito ainda e alinhar… Read more »

fabio
fabio
20 dias atrás

ué materia estranha essa da veja.
E o guarani?

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  fabio
18 dias atrás

Se refere a um 8×8. E se for pra comprar chinês, melhor que se tire o Guarani 8×8 da gaveta

marcos
marcos
20 dias atrás

China = descartavel !! péssima qualidade em tudo que fazem !

Gabriel Coutinho
Gabriel Coutinho
20 dias atrás

Nem ouvia.

Alexandre ziviani
Alexandre ziviani
20 dias atrás

Esse ai por acaso é o blindado que afundou nos testes na Argentina?

Filipe Prestes
Filipe Prestes
Reply to  Alexandre ziviani
20 dias atrás

O próprio

Oráculo
Oráculo
Reply to  Alexandre ziviani
20 dias atrás

Não conta isso aqui que os caras choram…

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Alexandre ziviani
18 dias atrás

Não ! O Blindado era um 6×6 e se não me engano era de segunda mão

Jefferson
Jefferson
20 dias atrás

Papo furado!
Devemos comprar o Centauro da Iveco.

Agressor's
Agressor's
20 dias atrás

É melhor jair se acostumando viram, pois em 2022 algo me diz que as coisas mudarão de cenário e o jogo voltará a virar em favor dos Russos e Chineses…

Cheirinho de Su-57… 😀

Last edited 20 dias atrás by Agressor's
Flanker
Flanker
Reply to  Agressor's
19 dias atrás

Sério? Nem em 14 anos os russos emplacaram caças aqui…..o preferido do cach@ceiro era o Rafale. A propina francesa era em euros. E tu ainda tem a cara de pau de vir aqui defender esse tipo de indivíduos? Não que os atuais sejam melhores, pelo contrário.