sexta-feira, outubro 7, 2022

Saab RBS 70NG

Sistema de Monitoramento de Fronteiras chega ao Forte de Coimbra

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Forte de Coimbra (MS) – A comunicação por meio de videoconferência em Forte de Coimbra hoje é possível devido aos esforços dos militares que trabalharam para que o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras, SISFRON, chegasse a esse local.

A chegada coincidiu com a Operação Ricardo Franco, que faz parte do Programa de Adestramento do Comando Militar do Oeste. O início do funcionamento da antena do SISFRON foi em 24 de novembro, marco para região.

A antena trouxe a EBNet para o local, uma forma de comunicação precisa, extremamente útil no ambiente pantaneiro. “Planejamento estratégico requer ações estratégicas e é por isso que hoje estamos inaugurando, no Forte de Coimbra, a infovia”, disse o Chefe do Centro de Coordenação de Operações do Comando Militar do Oeste (CCOp CMO), General de Brigada Valério Luiz Lange.

De acordo com o Chefe da Seção de Portfólios do CCOp CMO, Coronel Luiz Olavo Martins Rodrigues, a implementação da antena do SISFRON completa um ciclo da estrutura da rede de transporte de dados que começou em 2013, com o lançamento da primeira torre em Dourados, fazendo a conexão Dourados/Campo Grande, à época. “Com isso, teremos serviços de qualidade e capacidades de internet no local, podendo, assim, realizar videoconferência com escalão superior aqui em Forte de Coimbra, como já ocorreu nesta tarde”, disse o coronel.

Para o Chefe da Seção de Comando e Controle do CCOp CMO, Major Rodrigo Moura Vargas, é um grande avanço para o Exército Brasileiro que as comunicações cheguem até Forte de Coimbra, já que no local não há meios de comunicação civil, como telefonia celular, nem outro meio de comunicação militar.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

- Advertisement -

37 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

37 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Pedro Fullback
Pedro Fullback
10 meses atrás

Já era para ter o SISFRON em toda fronteira. Mas é aquilo, a prioridade do EB não é ajudar o cidadão a morrer menos por drogas e armas, mas sim, de preservar as regalias de milico.

Tomcat4,3
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Comentário absurdamente infeliz !!! Acho que tu errou na hora de digitar Brasil247.

Wilson
Wilson
Reply to  Tomcat4,3
10 meses atrás

Ele errou ao colocar “milico”, mas que as regalias dos estrelados superiores tem se tornado um problema é inegável.

sóestoudepassagem
Reply to  Tomcat4,3
10 meses atrás

Eu era leitor diário desse site, mas hoje passo aqui muito raramente.
Percebi que na Trilogia, especialmente no forte.jor.br, o pessoal deu um canhotada, e deixa a impressão de que está convidando amigos para escreverem esses asneiras nos comentários.

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Exatamente.
Soma-se a isso, encher os cofres das empresas gringas com polposos contratos e algumas comissões por vendas !

Gabriel
Gabriel
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Denuncia muito grave você está fazendo.
Como afirmou “com tanta certeza”, deve ter “informações privilegiadas”, que nem o MP ou PF possuem.
Efetivamente faça uma denuncia (no MP, por exemplo) ou se cale (se não passar de um fanfarrão).

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Gabriel
10 meses atrás

Quem disse que é denuncia?
Citei nomes, datas, horas, empresas ???
Como diz o ditado “Jô não creio nelas bruxas. Mas que elas há, há !

Teropode
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Ok , vc então admite que vomitou apenas para não perder um velho costume de falar bobagens e acusar sem provas , okay okay okay …….

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Teropode
10 meses atrás

Outra Tiete de farda !

Nonato
Nonato
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Msduro agradece seus préstimos.

Gabriel
Gabriel
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Fanfarrão!

Carlos Alceu Gonzaga
Carlos Alceu Gonzaga
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Tu não passa de um fofoqueiro!

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Carlos Alceu Gonzaga
10 meses atrás

Mais uma

Tomcat4,3
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Fanfarrão!!!!!!!

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Tomcat4,3
10 meses atrás

EE elas se proliferam kkkk

Wellington
Wellington
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

O chamado flatus vocis.

Carlos Alceu Gonzaga
Carlos Alceu Gonzaga
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Fofoqueiro!

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Carlos Alceu Gonzaga
10 meses atrás

O bom disso é que se os militares nacional precisarem de tietes, aqui não vai faltar kkk

Nonato
Nonato
Reply to  Foxtrot
10 meses atrás

Assina: seguidor de Fidel e Maduro…
Tentando denegrir a imagem das farmadas brasileiras, um dos últimos bastiões de uma sociedade aparelhada…

Oráculo
Oráculo
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Os caras falam isso sem nem se dar ao trabalho de procurar saber que o SISFRON é um dos programas estratégicos do Governo Federal em parceria com as Forças Armadas. Isso faz com que toda verba destinada para ele seja “específica”, ou seja, dinheiro pro SISFRON só pode ser gasto nele. Mas adivinhem!?!? A verba vem sendo “contingenciada” ano após ano. Numa média de 1/4 do valor original sendo liberado a cada ano. O que criou uma discussão entre o EB e o Ministério da Fazenda, a ponto dos generais darem declarações públicas nos últimos anos dizendo que no atual… Read more »

Teropode
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Quanta bobagem , primeiro ; o EB não coloca drogas no nariz e nas veias dos noiados , segundo ; o combate as drogas na fronteira é uma atividade quase que ecclusiva de órgãos civis ligados aí ministério da justiça , as forças armadas prestam apoio sempre que são “solicitados” ,e terceiro ; quem faz campanha para liberar geral o uso “recreativo” de drogas não são os militares , portanto vc perdeu oportunidade de não falar besteira ….

Gerson
Gerson
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Picanha e leite condensado..

Teropode
Reply to  Gerson
10 meses atrás

Vc ainda tá nisso ? ??? Kkkkkkkkkk

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Gerson
10 meses atrás

Se esqueceu da espumante importada, sorve, caviar, chicletes hiper caros e outras coisitas mas !

Wellington
Wellington
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Comentário digno de ser postado na “quarta página” da atual Trilogia que se chamará Muro das Lamentações e terá como mascote o Hardy, aquela hiena de um desenho animado que passava nos meus tempos de criança. “Oh vida! Oh azar!”

Foxtrot
Foxtrot
Reply to  Wellington
10 meses atrás

Esse aí quando vê uma farda entra em transe quântico.
Algo como ópio de hormônios, se é que me entende .

andre
andre
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

site errado, aqui não é brasil 247 ou dcm

Tomcat4,3
10 meses atrás

Mais um marco importante na implantação deste sistema de controle/vigilância de nossas fronteiras !!! Exceleeeeente !!!

Teropode
Reply to  Tomcat4,3
10 meses atrás

Já é um começo mas é preciso utilizar também meios mais modernos , incluindo drones , dirigíveis e um serviço de inteligencia de primeira , esqueçam Abin .

Grifon Eagle
Grifon Eagle
10 meses atrás

Muito bom, porém o lance não é só vigiar, mas sim, agir em caso de uma possível invasão ou contrabandos que é o que mais tem em fronteiras.

Teropode
Reply to  Grifon Eagle
10 meses atrás

Combater contrabando é função CIVIL , não vamos misturar as coisas …..

Tomcat4,3
Reply to  Grifon Eagle
10 meses atrás

Pra vc ver o nível da complexidade de cuidar de nosso ecossistema , após as forças de segurança destruirem mais de 130 balsas no rio Madeira, agora os prefeitos pedem ao legislativo e executivo que mandem parar com as ações de combate ao garimpo (ilegal???, na maioria dos casos) pois o mesmo é a fonte de renda de mais de 20 mil pessoas na região. Tenso, e isso falando apenas de tratar com brasileiros,imagina tretas fronteiriças .

Agnelo
Agnelo
10 meses atrás

Spike LR para o EB

Mensageiro
Mensageiro
10 meses atrás

Lento. Pois uma antena de internet e já é notícia. Eu que não vou comemorar migalhas! O lobi do EB no planalto e no congresso só serve pra manter privilégios?? Não vejo lobi pra programas militares!! Maior número de militares num governo e nada mudou.

Last edited 10 meses atrás by Mensageiro
Plinio Carvalho
Plinio Carvalho
10 meses atrás

Forte coimbra é o mesmo forte que na guerra do Paraguai menos de 200 soldados brasileiros lutaram por 3 dias contra milhares de tropas paraguaias?

Last edited 10 meses atrás by Plinio Carvalho
Salim
Salim
10 meses atrás

Muito triste em 2021 ter comemorar acesso decente em comunicação de unidade militar aqui no Mato Grooso. Imagino situação em outras unidades mais remotas. Exercito trata bem mal seu pessoal que realmente honra farda nestas posições. O resto e comfraternização entre camaradas. Pelo menos e uma noticia boa.

Juliano
Juliano
10 meses atrás

Gente,vamos apenas fazer comentários técnicos,do equipamento instalado, a parte política deixa para os comentaristas especializados dos sites de esquerda e direita

Últimas Notícias

Ucrânia: escassez de munição de artilharia foi resolvida graças aos russos

A Ucrânia não está mais com pouca munição de artilharia porque a Rússia abandonou muita coisa nos últimos recuos,...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -