segunda-feira, novembro 28, 2022

Saab RBS 70NG

Saab apresenta nova munição programável para o Carl-Gustaf

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A munição programável Carl-Gustaf® da Saab, designada HE 448, foi disparada pela primeira vez na frente de uma plateia em um evento de tiro real em Karlskoga, Suécia

Os disparos ocorreram de 3 a 4 de maio de 2022 em frente a uma audiência com representantes de 30 nações diferentes e incluíram combates disparados de ombro demonstrando as capacidades da nova munição programável de alto explosivo (HE). Um novo Dispositivo de Controle de Tiro (FCD), designado FCD 558, também foi demonstrado no evento.

A nova munição programável HE 448 tem a capacidade de se comunicar com o novo Fire Control Device 558 através de um novo protocolo conhecido como Firebolt®. A munição HE 448 fornece ao FCD 558 as informações exatas sobre o tipo de munição e a temperatura do propelente e combina isso com a distância alvo inserida pelo operador para determinar a melhor trajetória. Isso significa que os operadores da Carl-Gustaf poderão configurar rapidamente uma munição na câmara e, assim, aumentar sua eficácia operacional.

“Esses disparos indicam o aumento das capacidades de campo de batalha do HE 448 e que, juntamente com o Fire Control Device 558, está pronto para ser entregue aos nossos clientes. O HE 448 oferece maior alcance e eficácia em relação ao alvo e foi desenvolvido com base em nosso relacionamento próximo com o cliente e nossa compreensão de seus requisitos. O FCD 558 também oferece aos usuários uma nova opção para equipar a Carl-Gustaf com uma solução de mira mais eficiente do que a configuração básica”, diz Michael Höglund, chefe da unidade de negócios Ground Combat da Saab.

Em dezembro de 2021, a Saab foi contratada para entregar a nova munição HE 448 e o Dispositivo de Controle de Tiro 558 para as Forças Armadas Suecas.

Sobre a Saab

A Saab é uma empresa líder em defesa e segurança com uma missão duradoura de ajudar as nações a manter seus povos e a sociedade seguros. Capacitada por seus 18.000 funcionários talentosos, a Saab constantemente ultrapassa os limites da tecnologia para criar um mundo mais seguro, sustentável e equitativo. A Saab projeta, fabrica e mantém sistemas avançados em aeronáutica, armas, comando e controle, sensores e sistemas subaquáticos.

A Saab está sediada na Suécia. Possui grandes operações em todo o mundo e faz parte da capacidade de defesa doméstica de várias nações.

FONTE: Saab

- Advertisement -

68 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

68 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nilo
Nilo
6 meses atrás

Inovação – aperfeiçoamento.
Suécia é um dos países mais inovadores do mundo, com apenas 10 milhões de habitantes.
“Tente vangloriar-se o mínimo possível e buscar um consenso para que todo mundo esteja em sintonia” continua a ser uma das práticas mais comuns nos locais de trabalho suecos.
Enquanto aqui no Brasil 😱

MIB
MIB
Reply to  Nilo
6 meses atrás

Outro dia participei de um congresso onde a palestrante dizia que Suécia e sua pequena população registram anualmente 200 mil patentes, por outro lado o Brasil possui 8 milhões de doutores, porem registra anualmente 2 mil patentes, vai entender…

Nonato
Nonato
Reply to  MIB
6 meses atrás

É que os “cientistas” brasileiros estão preocupados com outras coisas que não ciência…

Nonato
Nonato
Reply to  MIB
6 meses atrás

Muitos cientistas brasileiros e tem salário garantido todos os meses com ou sem patentes. Universidades tem 200 mil servidores públicos. Ou seja, pelo menos uns 100 mil cientistas bancados pelo governo federal. Há um projeto numa universidade sobre prevenção a sífilis no valor de 150 milhões de reais. Consiste de fazer vídeos no YouTube, reuniões, palestras, viagens a congressos, pesquisa de campo (entrevistar pessoas). Isso é pesquisa científica? Não vi nenhuma pesquisa seria ou relevante para covid. Dizem que não há verbas. Já vi caso de universidade estadual em greve por aumento enquanto professores viajavam para praias paradisíacas, que mostrava… Read more »

Heinz Guderian
Heinz Guderian
Reply to  Nonato
6 meses atrás

Isso é um fato, faço Engenharia em uma faculdade federal, e um professor que ganha 10K, está falando que vai fazer greve porque ele não é valorizado. (Detalhe, ele mal da aula, e quando da, não explica o assunto, só joga uma lista enorme para o aluno resolver, e fica na secretária jogando conversa fora)

Marcos10
Marcos10
Reply to  Heinz Guderian
6 meses atrás

10k?!
40k!

Thiago
Thiago
Reply to  Heinz Guderian
6 meses atrás

Tente fazer um concurso para ser professor de uma Universidade Federal e vc perceberá que é bem mais difícil que a grande maioria de outras profissões que recebem bem mais que esses 10k por mês.
Pessoal escreve qualquer coisa para dar IBOPE.

MIB
MIB
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Todo funcionário público vem com essa estorinha, eu passei em um concurso publico, então posso tocar o fod@-se, fazer e trabalhar quando e como quero e . Quer viver na boa ganhando bem sem trabalhar e sem ter compromisso com nada e tratando o povo que paga seu salário como uma casta inferior? Faça um concurso e passe também. Seria hilário se não fosse trágico, agora o fato de um ser ter passado em um concurso público justificativa qualquer barbárie. Me lembro ate hoje como foi meu 3° ano do ensino médio com professores concursados do estado, a professora de… Read more »

M.@.K
M.@.K
Reply to  MIB
6 meses atrás

Se o senhor achar alguma coisa menos ruim mas mais democrática que o concurso público, por favor, nos avise.

MIB
MIB
Reply to  M.@.K
6 meses atrás

M.@.k o fim da estabilidade seria um bom começo, no mundo de hoje informatizado, um funcionário deveria ter um QR code de 1m2 no uniforme para o cidadão avaliar a prestação de serviço, o funcionário publico ficou enrolando, mexendo no celular, batendo papo enquanto um paciente esta na fila? ele será avaliado pelo paciente, o funcionário publico não esta cumprindo o horário de trabalho contratado e saindo a reveria ? Ele será avaliado, após um período esse funcionário recebe um feedback, se não melhorar seu desempenho, RUA!, É isso que precisamos no país, nos estados e nos municípios, meios de… Read more »

M.@.K
M.@.K
Reply to  MIB
6 meses atrás

…. “um ser desprezível“… até ler este trecho, achava que daria para ter uma bom discurso, mas pelo que vejo, é perda de tempo em tentar lhe explicar que eu escrevi… mas uma coisa eu entendo: sua mágoa…eu sei, muitos tentam.. forte abraço!

Last edited 6 meses atrás by M.@.K
MIB
MIB
Reply to  M.@.K
6 meses atrás

Vai que um dia eu consigo não é? Vou poder me tornar um ser desprezível que não trabalha porque se acha melhor que os outros… Pontuando que existem as exceções que cumprem seu papel, abraço.

bilinski
bilinski
Reply to  Thiago
6 meses atrás

concurso difícil não é desculpa pra se acomodar

Nilo
Nilo
Reply to  Heinz Guderian
6 meses atrás

Congratulações e parabéns, …e um professor… Seja melhor que ele
..um profissional melhor…

Mcruel
Mcruel
Reply to  Nilo
6 meses atrás

Quando reclamamos do funcionalismo público, nos mandam fazer um concurso também, pois bem, se não é valorizado, pede exoneração e vai pra inciativa privada. É mão de via dupla!! (o difícil será durar em algum emprego privado…)

Nascimento
Nascimento
Reply to  Heinz Guderian
6 meses atrás

Eu tenho uma professora federal na minha família. Os amigos de trabalho dela a ameaçavam e diziam que ela era baba ovo do governo pois não fazia greve, isso lá no governo Temer. Ela ganhava 13K. Esse é o nível do nosso funcionalismo público. Só mandando PDF pros alunos no estilo EAD e viajando…

Andre
Andre
Reply to  Heinz Guderian
6 meses atrás

Professor de engenharia falando em greve?

Fiz engenharia na UFSC e nossos professores só “aderiam” quando vinham com tambores dentro da sala de aula.

Ano sim, ano não tinha greve. Por coincidência sempre nos anos eleitorais…

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Nonato
6 meses atrás

“Não vi nenhuma pesquisa seria ou relevante para covid.” Talvez porque nem tentou “ver”. Por exemplo. Uma das primeiras equipes de pesquisadores, no mundo, que descobriu o sequenciamento do vírus foi brasileira. Ainda em abril de 2020. Dureza é isso. Além de terem que lidar com a insuficiência de investimento, tanto estatal quanto privado, tem que lidar com o preconceito de parte da população, que insiste em tratar essa rúbrica do orçamento como “besteira” ou “coisa de gente atoa”. Aliás, você não é o cara que, há anos, insiste em fazer analogias entre a fabricação de caças e corolas? Pois… Read more »

Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Reply to  Felipe Morais
6 meses atrás

Poderia o senhor mostrar para nós aqui a lista de patentes criadas pelos nossos brilhantes doutores só no ano passado? Pode ser um link.
Isso porque, como o Nonato falou, é muito mais comum vermos professores e doutores servindo a interesses políticos do que à Ciência.

Last edited 6 meses atrás by Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Felipe Morais
Felipe Morais

Quem prova é a acusação. Nunca estudou processo penal? É muito mais comum ver professores e doutores servindo a interesses políticos? Em qual grau o sr. está inserido no mundo científico para afirmar uma coisa dessas? Se você só acompanha o mundo político, exemplos de cientistas envolvidos em questões políticas saltaram aos olhos. Do mesmo modo, dizer que é muito mais comum militares estarem servindo a interesses políticos. De todo o universo de cientistas e militares, é essa a realidade? Não, não é. Não é a maioria, nem perto disso, que se envolve com movimentos políticos. Mas quando o que… Read more »

glasquis 7
Reply to  Nonato
6 meses atrás

Poderia nos dar o nome da faculdade e dos participantes para podermos verificar?

E também os links no You Tube para ver os videos que vc menciona?

Josué Silva
Josué Silva
Reply to  Nonato
6 meses atrás

Vc já viu o salário de um pesquisador?
Já viu o de um militar?
Compare quem precisa estudar mais.
Quem precisa ter mais QI.
A gente lê cada baboseira.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Josué Silva
6 meses atrás

Insira também o salário de reitor e de político…..
abraços

Thiago
Thiago
Reply to  Saldanha da Gama
6 meses atrás

E de Generais e Almirantes que, entre coisas, estão ocupando, tal reitores, os cargos de mando em estatais e afins.
Sem contar o sistema de aposentadoria que certamente terá de ser revisto.
No final, um erro não pode compensar o outro.

Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Reply to  Saldanha da Gama
6 meses atrás

O pesquisador paga a pesquisa do próprio bolso?
Já que você tocou em políticos, é justamente sobre politica que os pesquisadores mais falam. Eles servem a interesses políticos e pouco à ciência.

Luciano
Luciano

Eu pago minha pesquisa do meu bolso! Quem paga minhas viagens ao RJ pra ir pesquisar no AHEx sou eu! Quem paga pra ir a congresso divulgar minhas pesquisas sou eu! Quem paga os livros sou eu! Mesmo qdo fui bolsista CAPES no mestrado (bolsa de 1240 reais na época, 2007-2008, embora alguns aqui digam que ganhamos 20k!!), só tive uma ajuda de custo de 330 reais pra uma única visita ao RJ, as outras saíram do MEU BOLSO! Agora no Dr tudo sai do meu bolso!

Jose
Jose
Reply to  Nonato
6 meses atrás

Caro Nonato lembra do tal programa ciências sem fronteiras, tenho um amigo que ficou um ano na Inglaterra bancado por nós brasileiros com o intuito de aprender e retornar com esse conhecimento supostamente adquirido para o Brasil aplicando em pesquisas e transmitindo o aprendizado a outros, mas adivinhem o que aconteceu, ele ficou um ano viajando/passeando pela Europa as nossas custas sem produzir nada, entendem porque boa parte dos universitários amam tanto o jumento de 9 dedos e suas “propostas”.

Nilo
Nilo
Reply to  MIB
6 meses atrás

Os cientistas brasileiros além de falta de verba, apoio governamenttal, nas universidades e instituições de pesquisa despreparadas com faltas de equipamentos e atrasos em recursos tem que lidar com fanaticos e extremistas ideologicos. Fazer ciencia no Brasil é ser comparado com praticar de charlatanismo. Vivemos momentos obscuros no Brasil.

Last edited 6 meses atrás by Nilo
Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Nilo
6 meses atrás

Existem muitos equipamentos top por todo o Brasil. E estes são subutilizados. Normalmente em universidades, o professor acha que o equipamento é dele e só ele pode usar.

Nilo
Nilo
Reply to  Palpiteiro
6 meses atrás

Como diz, muito palpiteiro.
Ou da os nomes.
Falta de projetos, falta de recursos.

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Nilo
6 meses atrás

O maior ativo de pesquisa do país é o Sirius no Cnpem em Campinas.
Uma coisa muito interessante que está ajudando os projetos de aplicação industrial é o modelo Embrapii. Recomendo conhecer, você pode se surpreender.

Nilo
Nilo
Reply to  Palpiteiro
6 meses atrás

A ferramenta na fronteira do conhecimento.

Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Francisco Lúcio Sátiro Maia Pinheiro
Reply to  Palpiteiro
6 meses atrás

Isso quando o professor não está agredindo um aluno por pensar diferente dele e não seguir a ideologia do “professor”.

Thiago
Thiago
Reply to  Nilo
6 meses atrás

Ontem estava conversando com um Professor de Engenharia Naval da UFRJ.
O nível de preparação dele é muitíssimo superior à média de outras carreiras
Não há nem como comparar.

Luciano
Luciano
Reply to  Nilo
6 meses atrás

Nilo, é a completa inversão de valores! Enquanto nos países desenvolvidos o professores pesquisadores sao bem pagos e valorizados, aqui são algo de fake news, ofensas e ameaças! Tristes tempos!

Gilberto
Gilberto
Reply to  MIB
6 meses atrás

Brasil com 8 milhões de doutores???????
Poderia compartilhar a fonte de tal informação?

Achei o número tão exorbitante que fui pesquisar, e uma das fontes que encontrei cita 177 mil em 2019
https://www.correiobraziliense.com.br/euestudante/ensino-superior/2020/10/4884098-ensino-superior-numero-de-professores-doutores-cresce-64–em-um-ano.html

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Gilberto
6 meses atrás

Acredito que a Capes, e a base curriculum lattes do CNPQ sejam as principais fontes destas informações.

MIB
MIB
Reply to  Gilberto
6 meses atrás

Não sei a fonte dos dados da palestrante, mas foi esse número que ela apresentou.

RPiletti
RPiletti
Reply to  Gilberto
6 meses atrás

Incluiu os advogados e médicos? 😁

M.@.K
M.@.K
Reply to  RPiletti
6 meses atrás

hahahaha! Boa!

Andre
Andre
Reply to  MIB
6 meses atrás

Muitos doutores em filosofia e poucos em engenharia.

Luciano
Luciano
Reply to  MIB
6 meses atrás

Bom dia. O Sr pode indicar a fonte dos 8 milhões de doutores? O censo educacional de 2019 indica pouco mais de 177 mil. Se tivéssemos 8 milhões (por volta de 4% da população) seríamos um dos países mais desenvolvidos do planeta!

MIB
MIB
Reply to  Luciano
6 meses atrás

Luciano, a única coisa que posso lhe indicar é uma aula de interpretação de texto, se ler meu comentário ira verificar que quem disse foi uma palestrante, não eu, mas era uma Dr. Da UFRJ que fez um trabalho junto ao BOPE, não recordo o nome da pessoa.

Thiago
Thiago
6 meses atrás

Este tipo de arma mostrou-se útil até os russos utilizarem novas táticas.
Depois disso o que se vê é a quantidade enorme desse material sem uso e capturado pelos russos que continuam usando seus tanques.

Carvalho
Carvalho
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Bah !!
A “Rosa de Moscou”
Kkkkkkkkk
O cara é uma máquina!!!

Marcos10
Marcos10
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Até uma semana atrás dizia-se que blindados estavam obsoletos.
Tem de se decidir se uma coisa ou outra e não no calor do momento.

Thiago
Thiago
Reply to  Marcos10
6 meses atrás

Depois, mostro as fotos das ruas de Popasnaya repletas de blindados russos com a letra Z.

Thiago
Thiago
Reply to  Marcos10
6 meses atrás

O vídeo abaixo mostra exatamente essa nova estratégia russa.
Uma trincheira ucraniana destruída, com sinais de bombardeio pesado, com vários soldados mortos dentro dela junto de seus lança-foguetes.
E os russos chegaram lá perto dentro de vários blindados.
Depois, seguirem em frente para o próximo alvo.

https://t.me/partizan1941/20698

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Sei.
A SAAB deve estar em pânico, então, com um de seus produtos de maior sucesso tendo sua utilidade eliminada pelos russos né?

Caramba, que erro os inúmeros compradores do Carl Gustav cometeram. Certos sempre estiveram os russos, com seu “avanço lento estratégico proposital, com a perda de centenas de blindados por livre e espontânea vontade”.

Thiago
Thiago
Reply to  Felipe Morais
6 meses atrás

Esses são os problemas das guerras.
Os inimigos, normalmente, estudam as armas adversárias e utilizam novas táticas.
Não há arma definitiva.
Muito menos essa Carl Gustav.

_RR_
_RR_
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Canhões em recuo, como o Carl Gustav, são armas excelentes, empregadas como apoio de fogo a frações menores de unidades militares, a nível de pelotão/CG. Ela tem o seu lugar… No caso ucraniano, falando dentro de um aspecto macro, estão sendo utilizadas para dar poder de fogo a unidades esparsas, normalmente forças especiais, operando de forma autônoma dentro das linhas inimigas, ou empregadas em ações de retardo. Este ultimo caso é um uso extremo, mas dentro do que foi pensado para esse tipo de arma. Um bom canhão sem recuo somente perderá sua utilidade quando inventarem algo que o supere,… Read more »

Thiago
Thiago
Reply to  _RR_
6 meses atrás

Essa guerra tem sido da artilharia de longa distância e dos MLRS.
Os russos ajustaram essa estratégia e estão avançando mais, infligindo grandes perdas aos ucranianos.
Causa muita destruição, mas está dando resultados.

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  _RR_
6 meses atrás

“Canhões em recuo, como o Carl Gustav, são armas excelentes, empregadas como apoio de fogo a frações menores de unidades militares, a nível de pelotão/CG. Ela tem o seu lugar…” Isso mesmo _RR_, só uma ressalva, no caso do E.B o CSR é armamento de apoio ao pelotão/companhia, o armamento padrão de apoio dotado pelo GC seria o AT-4 que dá conta do recado muito bem, esse armamento pode ser requisitado em apoio a um GC sim, mas empregada por outros militares em reforço, ela nunca será empregada por ele. Lembrando que o CSR também pode ser utilizado pelo pelotão… Read more »

Thiago
Thiago
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Com relação aos Javelin, o comandante da 36ª Brigada de Fuzileiros Navais das Forças Armadas da Ucrânia, coronel Vladimir Baranyuk , disse que os notórios sistemas antitanques americanos Javelin estão muito superestimados.
“Não conseguimos fazer um único lançamento”, diz ele, explicando a inutilidade dos sistemas de mísseis antitanque em combate urbano.

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Interessante a legitimidade que você da a uma matéria divulgada pela Agência de notícias Síria do governo sírio a respeito de um militar Ucraniano que eventualmente está sob custódia das forças russas. Muito curioso vocês criticarem agências de notícias ocidentais, privadas, e saírem compartilhando noticiais com essas características, como se fossem completamente legítimas. – Agência de notícias pertencente a um dos únicos governos no mundo que apoia, publicamente, a invasão russa; – Objeto da notícia seria algo falado por um militar que, supostamente, está sob custódia de uma força inimiga. Vocês se levam a sério mesmo? Quando se olham no… Read more »

Thiago
Thiago
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Os ucranianos confiaram demais sua estratégia em posições fixas e trincheiras, achando que os russos iam ficar a vida inteira mandando tanques para desalojá-los.
Ledo engano.
Agora, amaciam a posição com artilharia e depois, avançam com mais segurança.
Chega a dar pena ver as trincheiras ucranianas serem atingidas pelos russos com artilharia de precisão.

Carvalho
Carvalho
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Avisa para ele apertar o botão “destravar”!
Kkkkkkkk

Wellington Jr
Wellington Jr
Reply to  Thiago
6 meses atrás

Vocês tem de decidir, na mídia pro russa esse comandante tá morto desde o começo de abril, agora publicam que ele reclamou do Javelin. Vocês tem decidir!
Outra grande questão a frase não condiz com o número de tanques russos destruídos e vídeos de tanques sendo destruídos por javelins.

Thiago
Thiago
Reply to  Wellington Jr
6 meses atrás

Foi confirmado que ele está vivo.
E isso é lógico, porque eu assisti à entrevista dele
Só se ele é o Fantasma de Kiev.

Carvalho
Carvalho
6 meses atrás

Em Moscou….
19:00 horas !!
Kkkkkk

Donald
6 meses atrás

Pessoal vi em um site que eu frequento sempre sobre esse mini-tanque Israelense ainda desconhecido( que será um tanque controlado a distância ninguém sabe ao certo se com inteligência artificial ou controle remoto).

FR7HSVqXMAA7_gR.jpg
Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Donald
6 meses atrás

é da hasbro?….brincadeiras a parte, é um conceito interessante, a Alemanha estava investindo em transformar o tanquete wiesel 2 em uma versão radiocontrolada ….acredito que a tendência é essa mesmo, ali vc pode montar a versão que quiser….combate infantaria, combate anti-tank, morteiro, reconhecimento, manpad, etc….

Luciano
Luciano
Reply to  Rafael Gustavo de Oliveira
6 meses atrás

O Wiesel é um veículo muito interessante para reconhecimento armado, sem falar no suporte para unidades aerotransportadas.

Heinz Guderian
Heinz Guderian
6 meses atrás

Martelo de Thor

Bosco
Bosco
6 meses atrás

A cada dia as miras ótica com computador balístico/telêmetro laser estão tomando lugar das velhas miras de ferro, óticas analógicas, holográficas, etc.
O novo fuzil (carabina) e metralhadora leve do USA já vem com mira ótica computadorizada/laser. Estão instalando esse tipo de mira em vários tipos de armas burras, algumas associadas a câmeras térmicas.
Um dos primeiros “lança-rojões” a usar esse tipo de mira de fábrica foi o Alcotán-100, espanhol.
Miras avançadas combinada com munição de espoletamento programável é uma solução muito interessante (e barata) para armas manuais com até uns 2000 metros, sem o custo de sistemas guiados.

Zabumba
Zabumba
6 meses atrás

Pois é…..nas trincheiras da Ucrânia virou vala de soldado desconhecido.

Nilo
Nilo
6 meses atrás

Míssil britânico Brimstone não danificado acaba em mãos russas.
https://vk.com/video-95492900_456239940

Antunes 1980
Antunes 1980
6 meses atrás

NLAW mini é você?

Últimas Notícias

Imagens de uma guerra: míssil anticarro erra o alvo por pouco

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra um ATGM russo passando sobre um carro de combate ucraniano. A...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -