quinta-feira, junho 30, 2022

Saab RBS 70NG

MD russo: mísseis de precisão destroem centro de treinamento de mercenários estrangeiros em Zhitomir

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

O Ministério da Defesa da Rússia informou hoje, quinta-feira (9) que as forças russas destruíram um centro de treinamento de mercenários estrangeiros na região ucraniana de Zhitomir.

Além disso, nas últimas 24 horas, a aviação russa eliminou mais de 200 nacionalistas, cinco blindados, dois sistemas Grad e um depósito de artilharia, relatou o representante oficial da pasta, o tenente-general Igor Konashenkov.

As tropas de mísseis e de artilharia, por sua vez, atingiram 273 áreas de concentração de pessoal, tendo eliminado em resultado mais de 300 nacionalistas, comunicou o militar russo.

A defesa aérea russa derrubou nas últimas 24 horas um caça ucraniano Su-25 e 13 drones, bem como interceptou um míssil Tochka-U e dois foguetes Smerch.

Igor Konashenkov acrescentou que os soldados russos começaram a desminar o parque Svyatye Gory na República de Donetsk. Segundo ele, nas últimas 24 horas, foram destruídos 126 dispositivos explosivos instalados por nacionalistas ucranianos.

FONTE: AP

- Advertisement -

22 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
22 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Léo Neves
Léo Neves
21 dias atrás

Parece que o sistema TOR M2 nessa guerra está tendo um uso melhor que o Pantsir principalmente contra drones.

Elisandro
Elisandro
Reply to  Léo Neves
20 dias atrás

Há algum vi uma analise em um site russo que afirmava que o Tor era melhor que o Pantsir e que o Pantsir só saiu do papel por causa do dinheiro os árabes que desejavam um sistema com estas características.

Adunlucas
Adunlucas
Reply to  Léo Neves
20 dias atrás

Salvo engano, houve uma tentativa de ataque com enxame de drones na Síria contra a base russa. E lá os sistemas Tor se mostraram melhores para abater os drones.

Ze das Couve
Ze das Couve
21 dias atrás

Muito convincente o texto do Governo Russo. Só uma pergunta. Onde estão as provas disso tudo? Fotos? Vídeos? Imagens de satélite? Testemunhas? Aceito qualquer coisa.

Slow 🇧🇷
Slow 🇧🇷
Reply to  Ze das Couve
21 dias atrás

“ Aceito qualquer coisa. “

Você não precisa aceitar nada, continua nesse seu mundinho ai em que a Ucrânia está ganhando ..

É legal viver de fantasia ?

Maurício Oliveira
Maurício Oliveira
Reply to  Ze das Couve
20 dias atrás

Faça um requerimento e envie para o Kremlin.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Ze das Couve
20 dias atrás

“Onde estão as provas disso tudo?”

Engraçado você exigir provas, quando o ministério da defesa americano ou britânico ou algum “alto funcionário” americano ou britânico afirmam alguma coisa sobre essa guerra você é o primeiro a bater palmas, e nunca exigiu prova alguma, mas agora quer provas…Vai entender…🤷🏻‍♂️

Leonid Brejnev
Leonid Brejnev
Reply to  Ze das Couve
20 dias atrás

Quem gosta de ficar publicando imagens de soldados sendo executados ou já mortos são os ucranianos. O exercito russo é profissional, só a vitória no campo de batalha interessa. Até os chechenos quando filmam ucranianos mortos borram a imagem em respeitos a aquele que foi abatido.

Luis Carlos
Luis Carlos
20 dias atrás

As perdas ucranianas estão enormes.
Estão dilapidando o Exército deles.
Talvez essa seja a tal da desmilitarizacão.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Luis Carlos
20 dias atrás

Claro…

> 100 dias e contando…

Acho que a idéia é desucranizar a ucrânia pelo jeito e isto vai demorar muito.

Slow 🇧🇷
Slow 🇧🇷
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
20 dias atrás

Você tem pressa ?

Mensageiro
Mensageiro
20 dias atrás

Na guerra covarde de artilharia, a Rússia poderá sair melhor. Ucrânia terá de infiltrar sabotadores ucranianos atrás das linhas inimigas destruindo os sistemas de artilharia.

Last edited 20 dias atrás by Mensageiro
Maurício.
Maurício.
20 dias atrás

Só um detalhe, não se pode chamar mercenários de mercenários, dizem que eles fazem beicinho, agora é tudo “voluntário”…rsrsrs.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
20 dias atrás

A pergunta que fica..

Se o cara é mercenário é pq ja é treinado e tem experiência, pq ele precisa treinar na Ucrânia ?!

Marcus Pedrinha Padua
Marcus Pedrinha Padua
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
20 dias atrás

Prezado Rodrigo, aparentemente não é bem assim: lembra os depoimentos do “sniper canadense”, do brasileiro que quase foi atingido no ataque russo a Lviv e outros? Indicam que parte dos que se apresentam como mercenários/voluntários não tem treinamento militar adequado, ou o tem insuficiente, e os próprios ucranianos tem que separar os grupos para treinar quem precisa (e, suponho, apenas os que tenham aptidão para combate). Assim, não é de todo ilógico que existam locais específicos para treinar essas pessoas. Aliás, provavelmente até quem tenha treinamento militar precisaria de alguma adaptação ao sistema militar ucraniano, que ainda não está totalmente… Read more »

Last edited 20 dias atrás by Marcus Pedrinha Padua
Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Marcus Pedrinha Padua
20 dias atrás

Quer dizer que o Sniper do Canadá, veterano do Afeganistão no exército Canadense..Não tem treinamento militar adequado ?

Tá alta a régua hein ?

Uma coisa é o mercenário que vai lá lutar como estes brasileiros e o canadense que já tem histórico militar de um voluntário ucraniano..

Os primeiros precisam de poucas instruções, mais de adequação tática que aprendizado.

Os segundos sim precisam do treinamento completo..

Elisandro
Elisandro
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
20 dias atrás

“Quer dizer que o Sniper do Canadá, veterano do Afeganistão no exército Canadense..Não tem treinamento militar adequado ?”.

Em parte alguma ele diz isso. Mas o sniper canadense conta que muitos dos voluntários não possuem treinamento adequado. E a logística pra armar os mesmos e ruim…

Maurício.
Maurício.
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
20 dias atrás

Acho que eles se reúnem para passar planos/estratégias, para mostrar qual equipamento cada mercenário vai usar, mostram locais para reagrupamento, olham mapas da região para terem o mínimo de noção para onde estão indo, sem falar que eles se reúnem porque ficam subordinados as forças armadas ucrânianas, não é só chegar na Ucrânia e já sair atirando pra tudo que é lado tipo cada um por si, esse deve ser o “treinamento”, sem contar que nem todo mercenário é um Rambo da vida, devem receber algum tipo de treinamento no manuseio de armas que nunca colocaram as mãos antes, só… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Maurício.
20 dias atrás

Certamente tem uma adequação e uma triagem..

Mas treinamento eu acho difícil…

Limpar um AK ou qualquer arma, n precisa de treinamento… isto é coisa de 1h..se muito para um cara experiente.

O grande problema do estrangeiro na região é o idioma..

Certamente nem todos ali falam inglês e o ucraniano e russo são complicados.

Caerthal
Caerthal
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
20 dias atrás

Você certamente nunca teve treinamento militar.

Leonid Brejnev
Leonid Brejnev
20 dias atrás

Pode ficara tranquilo o general Alexander Dvornikov, é quem tomará conta de Odessa, kkkkkkkkkkkkk. Vão precisar de muitos mercenários. Alguém se candidata?

Caerthal
Caerthal
20 dias atrás

A tal “realidade dos fatos”, que insiste em se impor.

Últimas Notícias

Apresentação sobre Estudos Estratégicos – Prof. Dr. Vitelio Brustolin

O Prof. Dr. Vitelio Brustolin, Professor de Direito Internacional, Organizações Internacionais e Estudos Estratégicos do INEST/UFF e pesquisador da...
- Advertisement -
- Advertisement -