quinta-feira, junho 30, 2022

Saab RBS 70NG

Você tem noção da extensão do fronte ucraniano?

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

Desde o sul a Ucrânia, nas proximidades da foz do Rio Dniepr, até o extremo norte do pais, onde se encontra a localidade de Kazacha Lopan, atualmente sob controle russo, o fronte de combate possui aproximadamente 2.450 km.

É uma longa extensão que muitas pessoas não possuem noção. Para ajudar os seus leitores a revista alemã Katapult elaborou um mapa representando esta extensão na Europa Ocidental. Neste caso o fronte iria do sul da Itália, na cidade de Messina, até o Mar Báltico, em Lubeck.

Se a representação fosse feita nos Estados Unidos, seria como traçar uma linha de norte a sul, indo do sul do Texas até a fronteira canadense no estado de Dakota do Norte.

E como poderíamos projetar esta extensão no Brasil? É possível fazer isso de diversas maneiras. Escolhi as fronteiras no sul do país. Somando as fronteiras internacionais do Brasil com a Argentina e com o Paraguai temos aproximadamente 2.626 km. Ou seja, uma extensão pouco maior que o fronte ucraniano. Trata-se de uma longa extensão para um país do tamanho de Minas Gerais.

- Advertisement -

24 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
24 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gabriel BR
Gabriel BR
15 dias atrás

A Ucrania é quase uma Argentina com 40 milhões de habitantes

Hcosta
Hcosta
15 dias atrás

Um problema para a Ucrânia. Não pode concentrar as forças da mesma forma que a Rússia.

E parece que ainda falta acrescentar parte da fronteira Norte com a Rússia e a Bielorrússia que não podem deixar desguarnecida.

Mas duvido que a Rússia consiga fazer ataques simultâneos, semelhantes ao que está a fazer com esta intensidade, em outros locais.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
15 dias atrás

Então parece que os novos limites territóriais da Nova Russia é o Dniepr.

F 16 nutela
F 16 nutela
15 dias atrás

Tarefa muito simples de fazer, não entendo porque não ganhou em duas semanas!
Modo irônico on!

Rui Chapéu
Rui Chapéu
15 dias atrás

Ficou estranho isso heim…

O ideal seria fazer essa linha vermelha que vc fez aqui no Brasil lá na Ucrania.

Pq coloquei na Ucrania e a fronteira com a Rússia dá +- 1000km.

Agora, se tão medindo desde Odessa, passando pela Crimeia e subindo lá na fronteira com Bielorussia até pode ser…

Mas mesmo assim, pelas medições rápidas que fiz no maps dá uns 1500km de fronteira…

Tem algo errado ai!

Neural
Neural
Reply to  Rui Chapéu
15 dias atrás

Rússia vai aumentar ainda mais. Tem terra demais aquele país.

Robert Smith
Robert Smith
Reply to  Neural
15 dias atrás

Porque ninguém quer lembrar que toda a Ucrânia era parte do Reino da Rússia muito ANTES de existir União Soviética… que a Russia já travou diversas guerras com o ocidente pela pose da Crimeia e o sul do que hoje é chamado de Ukrania!? O porto de Odessa deva soar muito familiar para aqueles que gostão de cinema antigo … O motim do “Encouraçado Potemkin” lembra algo não? Essa guerra é só mais uma tentativa das potencias ocidentais de tentar “conter” se não mesmo “destruir” a Rússia que, junto com a China, representam obstáculos reais a pretensão de “hegemonia” mundial… Read more »

Scudafax
Scudafax
Reply to  Robert Smith
15 dias atrás

Perfeita consideração. Parece que o estudo da história local não faz parte dos comentaristas amadores, não sabem quem fundou Odessa, da doação administrativa da Crimea, da Guerra da Crimea do século 19, do saque de Moscou de 1612 e por aí vai.

Mauro Cambuquira
Reply to  Rui Chapéu
15 dias atrás

Dever ter feito em linha reta, não?

Robert Smith
Robert Smith
Reply to  Rui Chapéu
15 dias atrás

exatamente a minha opinião….

Nilson
Nilson
15 dias atrás

Vou tentar refazer essa conta no Earth, outro dia tinha concluído que o front é de uns 1200 km, sem contar a fronteira com Rússia e Bielorrúsia que não estão no front, mas precisam ser defendidas. De qualquer forma, é um front muito extenso, algo quase impossível de defender, os ucranianos estão de parabéns, ainda mais sabendo-se contra quem estão lutando.

Robert Smith
Robert Smith
Reply to  Nilson
15 dias atrás

Esse numero me parece bem mais realista… o jornal da matéria pode esta incluindo, para fazer drama, nessa conta toda a costa das ilhas (Crimeia e cia..) nessa conta e mesmo assim ainda acho exagerada…

Nilson
Nilson
15 dias atrás

Refiz as medidas no Earth, encontrei 970 km de front, 470 km de fronteira com Rússia fora do front (somente troca de morteiros e alguma artilharia) e 640 km de fronteira com BieloRússia, que também precisam ser guarnecidos. Mais uns 300 km de fronteira com a Transnístria, que também precisa ser guarnecida, pois lá há tropas russas. Total de 2380 km. Considerando que fiz linhas retas e o autor da matéria deva ter feito todas as curvas, estou avaliando que a extensão que ele falou deve se referir a toda a extensão, front mais fronteiras que precisam ser guarnecidas. A… Read more »

Mensageiro
Mensageiro
Reply to  Nilson
15 dias atrás

É isso mesmo.

Nilson
Nilson
Reply to  Nilson
15 dias atrás

Tem mais uns 120 km de costa do Mar Negro, ao sul e nordeste de Odessa, que também precisam ser guarnecidos contra operação anfíbia.

Robert Smith
Robert Smith
Reply to  Nilson
15 dias atrás

putz Nilson… parabéns…

Fabricio Lustosa
15 dias atrás

A inteligência russa tem funcionado MUITO bem em identificar depósitos de munições e armas Ucrânia adentro. Ontem, segunda, mísseis Kalibr (aqueles que os russos já não tinham mais uns 2 meses atrás) atingiram depósitos de munições e armas ocidentais na cidade de Priluki na região de Chernihiv (Ucrânia, lógico). https://southfront.org/russian-kalibr-missiles-destroyed-ukrainian-ammunition-depot-in-chernihiv-region/ o cogumelo da explosão é impressionante, lembra uma pequena explosão nuclear. A propósito do artigo em pauta, é uma luta titânica com um front à altura, algo longe da compreensão para a grande maioria das forças armadas do mundo.

Moisés
Moisés
15 dias atrás

E conforme os russos avançam, os cerco vão se fechando e a linha de contato vai diminuindo.
Isso propiciará aos russos ter soldados mais concentrados o que agravará a situação para a Ucrânia.

Moisés
Moisés
15 dias atrás

E os ucranianos cercados em Severodonestsk solicitaram a abertura de um corredor humanitário para saída de civis da fábrica de produtos químicos Azot.
Os russos acederam e propuseram que todos se entreguem.
Calcula-se que existam 400 nacionalistas e 200 mercenários cercados na fábrica.

Moisés
Moisés
Reply to  Moisés
15 dias atrás

Segundo relatos de moradores, a maioria desses mercenários é formada por poloneses.

Rodrigo Maçolla
15 dias atrás

é desde o inicio se sábia do quanto era complicado para a Ucrânia essa guerra , resistir a um poderio tão grande como o russo tendo que defender um Fronte imenso como este, depois de mais de 3 meses acho que já fizeram muito… Agora a coisa complicou muito e sem uma ajuda definitiva da OTAN, não se tem mesmo como ganhar.

Luciano
Luciano
15 dias atrás

É uma tristeza confirmar que se a Ucrânia se declara-se neutra em 2014 de aliança com UE ou otan não teria perdido nem mesmo a Crimeia. A origem disso tudo foi a revolução colorida de 2014 euromaidan. A ordem geopolítica está sendo refeita as custas do povo ucraniano.

Robert Smith
Robert Smith
15 dias atrás

Hum…. sei não… mais algo parece errado nessa conta :-/

sub urbano
sub urbano
15 dias atrás

É um ensaio para um conflito com a OTAN. A eficiencia das forças russas supera as expectativas. A Ucrania possuia antes da guerra mais armamento que europa ocidental inteira e foi dominada com apenas 120 mil soldados.

Últimas Notícias

Apresentação sobre Estudos Estratégicos – Prof. Dr. Vitelio Brustolin

O Prof. Dr. Vitelio Brustolin, Professor de Direito Internacional, Organizações Internacionais e Estudos Estratégicos do INEST/UFF e pesquisador da...
- Advertisement -
- Advertisement -