sexta-feira, agosto 19, 2022

Saab RBS 70NG

Ex-premiê Shinzo Abe morre após ser baleado no Japão

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Ex-primeiro-ministro foi atingido durante discurso na cidade de Nara, no oeste do país. Um homem foi preso, e uma espingarda, apreendida. Morte chocou o Japão, onde o controle de armas de fogo é rígido e casos similares, muito raros

O ex-primeiro-ministro japonês Shinzo Abe, de 67 anos, morreu nesta sexta-feira (8), após ser baleado enquanto fazia um discurso em ato de campanha eleitoral na cidade de Nara, no oeste do Japão. A morte de Abe, o líder japonês que ficou mais tempo no cargo, chocou o país, onde mortes por armas de fogo são raras.

Um suspeito foi preso e uma espingarda, apreendida. A polícia também encontrou materiais que se assemelham a explosivos na casa do homem.

Abe foi atacado por volta de 11h30 no horário local (23h30 de quinta-feira, no horário de Brasília) perto da estação de metrô de Yamato-Saidaiji. Segundo a agência de notícias estatal japonesa “NHK”, ao menos dois tiros foram disparados, e Abe foi atingido no peito e no pescoço.

Logo após os disparos, Abe caiu no chão. Imagens do momento registradas mostram o ex-premiê deitado com a camisa ensanguentada.

Entrada no hospital sem vida

O hospital universitário de Nara, para onde ele foi levado de helicóptero, informou que o ex-premiê tinha dois ferimentos “profundos”, um deles no coração, e já chegou ao local sem sinais vitais.

O primeiro-ministro do Japão, Fumio Kishida, que pertence ao mesmo partido político de Abe e o sucedeu no cargo, chamou o episódio de “ataque imperdoável” e afirmou que garantirá as liberdades e respeito à democracia no país.

FONTE: G1

- Advertisement -

292 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

292 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gil U
Gil U
1 mês atrás

Noticia chocante para um país como o Japão, onde as armas são proibidas para a população civil.

Li em portais de noticias que o atacante confeccionou, de forma caseira, a arma utilizada.

Hoje em dia com tanta informação circulando e graças as tecnologias como as de impressão 3D, o controle de armas para a sociedade, principalmente no Japão, precisará ser atualizado.

Last edited 1 mês atrás by Gil U
Tutor
Tutor
Reply to  Gil U
1 mês atrás

Uma pequena correção Gil: armas não são proibidas para civis no Japão, mas, são estritamente restritas no tipo, e é de uma burocracia descomunal para se obter a autorização para compra. Civis só podem adquirir espingardas de alma lisa, salvo engano meu, somente com capacidade de um disparo; devem passar por um processo rigoroso para a compra, e até a forma que será armazenada em casa é determinada pelo governo.

zehpedro
zehpedro
Reply to  Tutor
1 mês atrás

E por acaso existe espingarda de alma raiada?

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  zehpedro
1 mês atrás

Para quem não sabe o ex-primeiro-ministro japonês Shinzo Abe, era tido como político conservador.

Ou seja, dessa vez conseguiram matar pra valer um candidato conservador a um cargo majoritário.

Abre o 👁 ABIN…

Sensato
Sensato
Reply to  zehpedro
1 mês atrás

Sim. Muitas.

Wellington Kramer
Wellington Kramer
Reply to  Sensato
1 mês atrás

Fiquei curioso! Quais?

Bruno Vinícius
Bruno Vinícius
Reply to  Wellington Kramer
1 mês atrás

Savage 212, TarHunt RSG, algumas Remington 870 possuem opção de cano de alma raiada, Ithaca Deerslayer, Remington 11-87, dentre outras opções.

Nos EUA o cano dessas espingardas é chamado de slug barrel, por ser otimizado para utilizar balotes (normalmente para caçar cervos à uma distância maior do que seria possível com uma espingarda de alma lisa).

Last edited 1 mês atrás by Bruno Vinícius
Henrique
Henrique
Reply to  Tutor
1 mês atrás

Detalhe que esse comportamento é muito antigo… antes do Japão Moderno (185_ e qq coisa) ja tinha lei pra confiscar arma de quem não era pra ter

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Controle de armas no Japão vem de séculos.
Desde a era do Japão Feudal, antes mesmo do xogunato Tokugawa, armas eram exclusivas pra classe samurai.
Qualquer outra classe que pensasse em adquirir espadas, ele e toda a família eram executados.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Quem não era pra ter: camponês pobre que era escorraçado por samurais

Gil U
Gil U
Reply to  Tutor
1 mês atrás

Agradeço a informação, tinha a ideia errada de que eram proibidas, até por que linha lido algo nesse sentido.

Luciano
Luciano
Reply to  Tutor
1 mês atrás

O reflexo de uma política de controle severo sobre armas: O Japão registrou apenas dez casos criminais envolvendo armas de fogo em 2021, com apenas uma morte! UMA!

Sensato
Sensato
Reply to  Luciano
1 mês atrás

Estatística é que nem biquíni, mostra quase tudo, menos o que mais se quer ver. O índice de homicídios no Japão é baixo em função do desenvolvimento, não do controle de armas. Em 2019 por exemplo. Foram 319 homicídios então é evidente que terá pouca gente morta com armas. De mais a mais, consta que os índices lá são artificialmente manipulados pela própria polícia.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Sensato
1 mês atrás

Caro Sensato. É um erro dizer que a taxa de homicídios tem apenas uma fonte. Todos os estudos sérios concordam que é um problema que envolve muitas variáveis. Uma delas é sem duvida o desenvolvimento do país, mas também a desigualdade social. Outra coisa que parece afetar é a herança escravocrata recente. Com exceção da África do Sul (que teve um regime de segregação racial até recentemente), os demais países com as mais altas taxas de homicídio estão na América Latina. Seria muito interessante verifica a taxa de homicídios nos EUA separando o sul, que teve uma economia escravocrata até… Read more »

MMerlin
MMerlin
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

O ponto relacionado a herança escravocrata, principalmente a recente, é um ponto realmente a ser analisado.

Outro ponto relevante a questão é a posse, seja da população em geral, policiais e militares, no que diz respeito à inteligência emocional. É evidente a atual baixa capacidade de controle das emoções, bastante evidenciada pela atual polarização.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  MMerlin
1 mês atrás

Olá Merlin. Pois é. Acho que em todos os países, com alto ou baixo índice de violência, existem diferentes classes de homicídios. Tem os casos passionais, as brigas envolvendo pessoas embriagas, as execuções, as motivações financeiras, a própria violência policial.. e agora os casos envolvendo divergências políticas. O que pode explicar uma parte dos casos, parece não explicar outros.

Sensato
Sensato
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Discordamos em alguns pontos mas concordamos em debatermos sempre com respeito e educação, pelo que, sempre fico grato. Concordo sobre não excluir fatores mas creio que existem fatores que influenciam mais e outros menos. Minha opinião é que quase todos os fatores são apenas coadjuvantes para o que eu considero principal que é a expectativa que o criminoso tem da consequência de seus atos. Se ele crê que ficará impune ou que as consequências serão brandas, muito pouco pode ser feito para impedi-lo. Por outro lado, se acredita que a punição é quase uma certeza e que será uma punição… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Sensato
1 mês atrás

Olá Sensato. De fato, discordamos bastante… e concordamos muito também… sem nunca termos levado qualquer discussão para o campo pessoal. Sou um grande admirador seu e muito grato por sua amizade. Você tem sido um exemplo. Aqui concordamos. O criminoso comete o crime com a expectativa de sair impune, seja porque teria sucesso em fugir sem ser descoberto ou que uma vez descoberto, o processo nunca chegará ao fim. O fato da punição ser severa ou branda parece importar pouco no cálculo do criminoso. Por outro lado, no casos dos homicídio, pelo menos 1/3 são motivados por questões passionais ou… Read more »

Nicolas_SS
Nicolas_SS
Reply to  Tutor
1 mês atrás

Ou seja, são proibidas!

Henrique USA
Henrique USA
Reply to  Gil U
1 mês atrás

Com os vizinhos que o Japão tem na Ásia-Pacífico cada cidadão já tinha que ter uma bazuca no mínimo.

Last edited 1 mês atrás by Henrique USA
Joelson
Joelson
Reply to  Henrique USA
1 mês atrás

Exatamente… cai um bando de gente de paraquedas lá.. com espingarda de chumbinho.. acho que faz o regaço!

Paulo Brics
Reply to  Henrique USA
1 mês atrás

Pra que disneyboy? Não está vendo o que ocorreu com os civis ucranianos despreparados que zelensky criminosamente armou?

Além disso se alguém quiser invadir o Japão primeiro irá terraplaná-lo com mísseis e o que restar de resistência numa área tão pequena será rapidamente eliminada.

Se permitirem à população do Japão se armar os crimes vão explodir, as máfias vão aterrorizar.

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Descansa Dr. Brics. Da última vez que seus ídolos russos se meteram com os japoneses, tomaram um belo de um pé na bunda.

Elisandro
Elisandro
Reply to  Felipe Morais
1 mês atrás

1 milhão de japoneses varridos da Manchúria por tropas soviéticas em questão de semanas… Essa foi a “última vez que os russos se meteram com os japoneses”… Por que acha que os japoneses choram pelas ilhas do norte até hoje?

Marcus Pedrinha Padua
Marcus Pedrinha Padua
Reply to  Felipe Morais
1 mês atrás

Prezado Felipe, acho que não é bem assim. As últimas vezes em que a (então) URSS e o Japão se enfrentaram resultaram em derrotas significativas para o Japão. As duas primeiras, logo antes da 2a GM, inclusive fizeram com que o Japão excluísse de seus planos de expansão territorial a invasão da região do Extremo Oriente soviético. E, ao final daquela guerra, a URSS, cumprindo o acordado com EUA e Reino Unido, atacou o exército japonês na Manchúria, eliminando-o como força combatente em menos de um mês. Agora, se você quer se ater ao estrito conceito de Rússia (Império Russo),… Read more »

Alan Santos
Alan Santos
Reply to  Marcus Pedrinha Padua
1 mês atrás

A então URSS (15 nações) foi na trairagem né? “Mesmo tendo um tratado …mas não importa …qual o PIB do Japão mesmo ? Comparado a Rússia ?mesmo sendo grande a Rússia não passa de um monte de merda .

J-20
J-20
Reply to  Felipe Morais
1 mês atrás

Khalkhin Gol e invasão soviética da Manchúria, que eu me lembre, foram vitórias soviéticas

Alan Santos
Alan Santos
Reply to  J-20
1 mês atrás

Você já leu a matéria “o polvo abraça o urso “…

mcremp
mcremp
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

E porque alguém vai “destruir o Japão com mísseis”? Para ser dono de quatro ilhas cheias de montanhas e sem nenhum recurso natural? Só pela vista do Monte Fuji?

Paulo Brics
Reply to  mcremp
1 mês atrás

Não se trataria de ser dono, mas de simplesmente eliminar totalmente a ameaça, sacou?

César
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Vc sente alguma ¨ameaça¨ a sua mamata, desocupado? Já pensou se tu tiver que trabalhar, sujeito?

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  mcremp
1 mês atrás

Meu sonho é passar uns dias perto do monte fuji. Me senti discriminado

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carlos Campos
1 mês atrás

Olá Carlos. Uma das coisas mais legais que fiz foi subir o Fuji à noite, no verão, para ver o Sol nascer lá to topo.

fuji (1).jpg
Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Muito bom, eu não tenho a pretensão de subir nele, só observar ele no crepúsculo e nos primeiros momentos da Alvorada seria incríveis

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carlos Campos
1 mês atrás

Olá Carlos. Caso visite o Japão no verão, sugiro subir sim, É muito legal.

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  mcremp
1 mês atrás

Não são 4 ilhas, são 6 mil ilhas e você está falando da terceira maior economia do globo, um parque industrial, tecnológico e logístico entre os mais modernos do globo.

mcremp
mcremp
Reply to  Inimigo do Estado
1 mês atrás

1) São 4 ilhas principais.

2) Se vc “terraplanar o país com mísseis” não sobra parque industrial, tecnológico e logístico. Foi justamente isso que eu questionei.

Slow 🇧🇷
Slow 🇧🇷
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Pois é, os inocentes obrigados a ir pra guerra ou melhor pra morte com metralhadoras e molotov na Ucrânia , tomando tiro de tanque e artilharia na cabeça não resolveu nada mas ainda tem gente que acha que adianta ..

Material arquivo
Material arquivo
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Para de poluir o forum. Você só escrever bobagem ideológica.

Paulo Brics
Reply to  Material arquivo
1 mês atrás

Arigatô!✌🤓🖕

Nei
Nei
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Seus comentários são puramente ideológicos. Só ver os deslikes.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Terraplanar o Japão kkkkk Japão não é Ucrânia

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Henrique USA
1 mês atrás

Caro Henrique. Nem durante a II Guerra, quando os EUA chegaram efetivamente a invadir o território japonês (em Okinawa), a população civil foi armada para montar milícias. Um exército precisa de treinamento e rígida hierarquia. Armar a população contra uma ameaça externa é uma ideia sem qualquer fundamentação.

Luciano
Luciano
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Exatamente.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Olha ja vi analises do contrario….quer seja dos alemães para evitar a suiça ou mesmo preliminares do Japão invadir costa do pacifico americano…em ambas, a análise era que a população fortemente armada causava um desgaste acima do toleravel.

Tamandaré
Tamandaré
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Diga isto pra Suíça…

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Tamandaré
1 mês atrás

Olá Tamandaré. Basta os suíços lerem um bom livro de história sobre a II Guerra para saber como o exército imperial foi preparado para a guerra e como a população civil ficou refém das forças se segurança interna, extremamente violentas e de inspiração fascista.

Tamandaré
Tamandaré
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Basta os suíços perguntarem aos seus avós como eles dissuadiram Hitler a não invadir o País. Todos eram soldados, todos tinham treinamento periódico, levavam seus fuzis para casa, com munição e fardamento, e sequer havia um registro de quem tinha ou não tinha armas em casa. Basicamente, era soldado na Suíça qualquer um com o juízo no lugar e saúde suficiente pra ficar de pé com uma arma em mãos. Aliás, a propria logica de funcionamento da Guarda Nacional nos EUA e do Exército Suíço tem um pouco desse princípio de funcionamento. Os japoneses sofreram nas mãos dos “fascistas das… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Tamandaré
1 mês atrás

Caro Tamandaré. Os alemães enfrentaram o exército francês na II Guerra, que era maior e tinha mais tanques que a Alemanha. Enfrentaram a Inglaterra que tinha uma marinha muito maior e muito mais poderosa que a sua, enfrentaram a ex-URSS que tinha um exército muito mas muito maior que o seu. A Alemanha declarou guerra aos EUA que tinha um parque industrial maior que o seu. Obviamente, ela preservou a Suíça por outras razões. Suponho que para preservar os bancos.

mcremp
mcremp
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Quer dizer que a Alemanha não gostaria de ser dona dos bancos suíços?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  mcremp
1 mês atrás

Caro M. O fato é que a Alemanha invadiu países com exércitos muito mais poderosos que o da Suíça, mas decidiu preservar a neutralidade da Suíça. Também é conhecido que muitos nazistas fizeram vultosos depósitos nos bancos suíços de recursos obtidos ilegalmente. Uma curiosidade, quando os alemães tomara Paris, eles preservaram a sede do Escritório Internacional de Pesos e Medidas ou Gabinete Internacional de Pesos e Medidas.

Slow 🇧🇷
Slow 🇧🇷
Reply to  Henrique USA
1 mês atrás

Se for pensar nos vizinhos é melhor eles ter um bunker e não um revólver, pq nem uma bazuca iria adiantar ..

Last edited 1 mês atrás by Slow 🇧🇷
Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Henrique USA
1 mês atrás

Vizinhos kkkk o pior vizinho e o Japão. Sai batendo em todo mundo

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Reply to  Henrique USA
1 mês atrás

🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣 concordo com você…!!!

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Gil U
1 mês atrás

Olá Gil. O criminoso teve formação militar, o que deve ter facilitado o planejaemto e a execução do atentado. Todos temos que ser rigorosos em condenar esse tipo de ação É cedo para concluir qualquer coisa, mas neste caso eu tenho a impressão que é um caso isolado, diferente daquele atentado no metro de Tokyo que envolveu toda uma organização de ultra-direita e viés fascista-religiosos.

Gil U
Gil U
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Olá, sim tudo leva a crer que o atentado no metrô e esse do primeiro ministro não tenham qualquer relação, a não ser o fato de que existem extremistas, fanáticos e lunáticos em todo o lugar, mesmo em uma sociedade tão organizada e pacífica como é a Japonesa.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Gil U
1 mês atrás

Olá GIl. O que mais me assusta é que tem gente discordando disso. Ou eles acham que o atentando contra Abe foi uma ação terrorista coordenada de inspiração fascista ou acham que o atentado com gás sarin no metro de Tokyo foi um ato isolado…. fico sem saber o que é pior.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Gil U
1 mês atrás

Pra ficar mais reteisto que está e dificultar ainda mais tem que desarmar a polícia e as forças de defesas. A China ia adorar

Nicolas_SS
Nicolas_SS
Reply to  Gil U
1 mês atrás

Muita baboseira! Aqui no Brasil mesmo já pegaram varias fabricas de armas caseiras que passavam longe de impressoras 3D! Sem contar que é obrigatório ter pecas de aço como o cano, cão, etc. Coisa que só impressoras 3D de milhões faz!

Nilton L Junior
Nilton L Junior
1 mês atrás

Um fato como esse ocorrido no Japão não é pouca coisa, pode ser uma ação de lobo solitário como diz a mídia tradicional ou não, até porque onde o crime é organizado nada acontece por acaso.

Albuquerque
Albuquerque
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Devemos lembrar que Abe sempre foi um defensor do rearmamento do Japão.
Triste ironia do destino.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

É verdade Albuquerque foi na gestão dele que o Japão praticamente mudou o paradigma de defesa.

Henrique USA
Henrique USA
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

O mundo atual está coincidentemente muito parecido com o mundo pré Primeira Guerra Mundial, e isso não é nada bom.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Henrique USA
1 mês atrás

Olá Henrique. De fato, eu vejo o contexto da guerra entre a Ucrãnia x Russa mais parecido com o cenário da I Guerra do que da Ii Guerra, por exemplo. Contudo, este atentado parece ser mais um problema de política interna que ação de um atentado financiado por um grupo político com raízes no estrangeiro.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Olá Nilton. Abe tinha uma agenda nacionalista e até militarista, cujo cerne era a mudança da Constituição. Creio que neste caso, parece mesmo ser o caso de um indivíduo isolado, até porque o atual primeiro-ministro é do próprio partido de Abe.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Salve Camargo eu não sei você mas estou esperando notícias sobre a investigação, afinal não é um crime comum.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Olá Nilton. Eu também estou esperando o resultado das investigações (inclusive sobre o assassinato de Mariele). Contudo, baseado no que sabemos de tantos assassinatos e atentados políticos, alguns padrões sugerem que seja um caso isolado. Contudo, como escrevi, é apenas minha opinião.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Vamos aguardar as investigações e o autor…o fato é que mais um Conservador foi atacado sem qualquer licença poetica de interpretação….atacado de fato….materializado e consumado…

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  carvalho2008
1 mês atrás

Olá Carvalho. De fato, estou ansioso pelo resultado das investigações. Independente se é um candidato conservador, liberal, trabalhista, socialista ou comunista, todo atentado político deve ser condenado. Ontem a noite, um guarda-municipal de Foz de Iguaçu, que era tesoureiro do PT e diretor do Sindicado dos servidores municipais., foi assassinado a balas em sua festa de aniversário por um pessoa que invadiu a festa armado. O motivo foi divergência política. https://www.cartacapital.com.br/politica/lider-do-pt-em-foz-do-iguacu-e-assassinado-a-tiros-por-bolsonarista/

César
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Que exclarecimento de crime rápido! E o caso do Adélio também foi divergência política ou aí não?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  César
1 mês atrás

Olá Cesar. O caso do Adélio está encerrado. https://noticias.r7.com/minas-gerais/bolsonaro-nao-recorre-e-processo-contra-agressor-e-encerrado-29062022
O caso da Marielle continua sem saber quem foi o mandante.
No caso em Foz do Iguaçu, parece que o criminoso agiu sozinho, motivado por divergência política.

César
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Não é porque esta encerrado que foi esclarecido. E vc ainda não disse se nesse caso foi divergência política ou não. E o caso do Celso Daniel foi divergência política também? Ou só quando interessa pra vcs é que a coisa vira divergência política?

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

O caso Adelio não está encerrado, mas o amigo pode negar que:
a) era filiado ao Psol?
b) que existiu registro de entrada na data/hora dele na Câmara dos Deputados?
c) que alguém pagou jatinhos e advogados para a defesa do réu?

se puder negar os fatos acima, eu concordo. Do contrário, francamente…

Quem comete crime , criminoso é azul ou laranja….verde ou vermelho…

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carvalho2008
1 mês atrás

Olá Carvalho. 1. De fato, o Adélio foi filiado ao PSOL de 2007 até 2014, algo que foi confirmado pelo próprio partido. Como atestado na investigação policial, Adélio sofre de transtornos metais, foi considerando inimputável e está em uma instituição psiquiátrica. É um equívoco classificar aquele atentado como uma ação política. 2. Sobre o acesso ao Congresso, segue a nota explicativa da Câmara sobre o que de fato aconteceu. Foi um erro operacional sem dolo da recepcionista, como entendido pela Coordenação de Polícia Legislativa. 3 Sobre os advogados, a gente esbarra na legislação que protege o sigilo do advogado, como… Read more »

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Francamente amigo Camargoer se o amigo conseguir negar uma das 3 fatos abaixo eu até relevaria. Consegue negar? a) Ele era afialiado ao P S O L b) Seu nome foi inscrito na entrada recepção da Câmara na data e hora da ocorrencia (halibe? Plano B? quem mais sabia?alguém sabia isto é fato) c) A D V O G A D O S a peso de ouro usando jatinhos foram contratados para defender a v i o l é n c i a realizada o autor ou a peça do quebra cabeças ter sanidade ou não ou ser m e… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Carvalho2008
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carvalho2008
1 mês atrás

Olá Carvalho. Eu até respondo.. riso…só precisa de paciência até que o editor libere. Agora, reparou como algumas pessoas estão sendo agressivas e caindo na ofensa? Tomei a decisão de interromper o debate quando isso acontece. Acho inaceitável. Daqui a pouco teremos que registrar BO. riso.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Como sempre….aos fatos e imagens…. a) O criminoso (sim porque cometeu o crime de assassinato) foi levar a esposa a festa (ela era convidada da esposa da vitima) b) O autor dos disparos chegou com o carro tocando a música do b o l S O N a ro, ao tempo que a festa era temática do P T c) O aniversariante não gostou e oi até a rua e começaram a discutir d) O aniversariante jogou pedra no carro e) O autor saca a arma de dentro do carro e não atira, a esposa do aniversariante tenta apaziguar e… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Carvalho2008
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carvalho2008
1 mês atrás

Caro Carvalho. Os dois eram agentes públicos da área de segurança. Obviamente, a discussão foi uma divergência política (não foi futebol, nem religião nem batida de trânsito). Em nenhum caso é possível aceitar que alguém saque de uma arma sem que seja nos casos de legítima defesa da vida. Muito menos é possível aceitar que alguém dispare uma arma contra outra pessoa sem que seja em caso de legítima defesa da vida. Acho que é preciso cuidado para não culpar a vítima.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

o cerne amigo….o cerne….matou, foi um atentado político ou porque foi agredido a pedrada e perdeu a cabeça? ponto inicial…em que pese a presença provocativa da música em oposição ao tema da festa, quem agrediu fisicamente inicialmente??? disseram que o cara foi lá, invadiu a festa por intolerância política e isto é falso. Omitiram que foi apedrejado porque chegou tocando música em oposição ao tema da festa…sim ele estava errado, cometeu crime final . No entanto não não foi político, foi uma resposta desmedida e criminosa a uma agressão sofrida….a esposa dele estava no carro porque ela a levou lá…e… Read more »

Material arquivo
Material arquivo
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Para de poluir o forum. Você só escrever bobagem ideológica.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Sinceramente o que eu penso é bem pesado, então nem vou comentar

Agressor's
Agressor's
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Se o Japão tá assim imagina o resto do mundo?

Varg
Varg
1 mês atrás

Circularam fotos da suposta arma, e parece se tratar de uma gambiarra caseira de cano duplo. E o assassino disse que não tinha nenhum rancor conta o Shinzo Abe, mas decepcionou-se com a renúncia do mesmo há alguns anos.

No mais, China e Coreia do Norte devem ter se deliciado com a notícia, uma vez que o Abe era conhecido por sua postura mais agressiva em termos de poderio militar.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Varg
1 mês atrás

Caro Varg. Creio que é um erro imaginar que o assassinato de Abe tenha qualquer impacto na política externa do Japão. Ele já tinha deixado a posição de primeiro-ministro há anos e o atual primeiro-ministro é do mesmo partido. É cedo para dizer qualquer coisa, mas tenho a impressão que é um caso isolado.

Varg
Varg
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Não deixas de ter razão, mas o Abe ainda poderia ser uma voz bem poderosa acerca das pretensões militares e armamentistas japonesas.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Varg
1 mês atrás

Olá Varg. Exato. Concordo com você. Abe ainda tinha forte ascensão política sobre o seu partido.

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
1 mês atrás

É.Não tá fácil para ninguém.

cvn76
cvn76
1 mês atrás

Parece que o sujeito é um veterano da Marinha do Japão.

Albuquerque
Albuquerque
Reply to  cvn76
1 mês atrás

Veterano e atualmente desempregado.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  cvn76
1 mês atrás

Sim.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  cvn76
1 mês atrás

Hum…igual o ex-marine acusado de matar Kennedy?

sergio
sergio
1 mês atrás

Quando as pessoas estão dispostas a fazer o mal, elas vão fazer o mal, não importa a que custo !!!!!!
E o meu pensamento sobre essas leias proibitivas.

Albuquerque
Albuquerque
Reply to  sergio
1 mês atrás

Só que se ele tivesse um fuzil, poderia matar uma dúzia.

Zé bombinha
Zé bombinha
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Se ele tivesse um fuzil nem ali ele entrava.

Slow 🇧🇷
Slow 🇧🇷
Reply to  Zé bombinha
1 mês atrás

E nem precisaria ..

Nei
Nei
Reply to  Slow 🇧🇷
1 mês atrás

Ai tens razão.

Sensato
Sensato
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Existem outras formas até mais efetivas de fazer o mesmo sem usar armas de fogo. O maior problema é a motivação e não o instrumento.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Sensato
1 mês atrás

Caro Sensato. O acesso ás armas de fogo elevam a probabilidade do seu uso. O Brasil e os EUA são exemplos disso. Nos EUA, o acesso irrestrito ás armas de fogo tem refletido em sucessivos casos de massacres. No Brasil, 75% dos homicídios são causados por armas de fogo, sendo que a maioria são cometidos por revólvers e pistolas de calibre 38.

Augusto
Augusto
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Camargoer., homicídios no Brasil caíram 34% após a implementação da política de acesso a armas do atual governo.

Albuquerque
Albuquerque
Reply to  Augusto
1 mês atrás

Só que a análise desse relatório mostra que a queda do número de homicídios deveu-se em grande parte à ‘consolidação’ dos territórios do crime organizado.
Ou seja, está havendo menos homicídios por disputas de áreas de atuação.
Em resumo, o crime está mais forte e organizado.

Augusto
Augusto
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Albuquerque, existem fatos (incontestes) e análises (passíveis dos mais extravagantes malabarismos mentais). Como você falou: uma ANÁLISE pontual foi de que os criminosos pararam de brigar. Isso saiu no jornal nacional e virou deboche para quem tem mais que 2 neurônios.

Albuquerque
Albuquerque
Reply to  Augusto
1 mês atrás

A outra análise é que cidadãos armados estão fazendo com que os homicídios diminuam no país.
‘Çei’.

ANTONIO SANTOS
ANTONIO SANTOS
Reply to  Augusto
1 mês atrás

Cara, incrível o quanto é ridículo seu nível de argumentação e sua alienação. Tu relaciona um projeto inócuo armamentista desse governinho que literalmente não tem projeto nenhum para combater o crime, e faz uma relação inútil com armas vendidas e o número de homicídios terem caído ? Então se todo mundo tiver uma arma vai zerar os homicídios ? Qual o sentido disso ? E porque um gordo ranhudo ter uma arma e se chamar de CAC faz com que a criminalidade diminua ? E porque nesse mesmo período o número de latrocínios aumentou ?

Nei
Nei
Reply to  ANTONIO SANTOS
1 mês atrás

Pergunta. Se eu tiver arma em casa, você vai tentar me assaltar? no Semáforo? Acredito que o bandido também quer viver e irá pesnar 2 vezes antes de tentar. E sim, haverá um diminuição dos homicídios de pessoas inocentes de bem. Já por outro lado, sempre tem os com problemas psicológicos ou extremistas, ou até mesmos esquentadinhos. Mas prefiro ter arma e não precisar usar, do que precisar e não ter.
É um direito eu poder me defender, não atacar.

ANTONIO SANTOS
ANTONIO SANTOS
Reply to  Nei
1 mês atrás

Mais um argumento infantil armamentista. Bandidos nunca sabem se a pessoa tem arma ou não, pois existem policiais armados a paisana em todo canto do país, desse modo, nunca que um ladrão vai descobrir se o alvo dele tá armado ou não. A diferença é que o policial tem treinamento, já o gordola CAC só sabe atirar em papelão. Outra coisa, a maioria dos policiais treinados morrem quando estão fora de serviço, desses, grande parte em latrocínios. Todo argumento armamentista é infantil e fácil de ser refutado.

Sensato
Sensato
Reply to  ANTONIO SANTOS
1 mês atrás

Entendo. Chamar os outros de “gordola” é bem adulto…

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  ANTONIO SANTOS
1 mês atrás

no…no…nou….não….a população brasileira em regra é desarmada….vai ter de entrar em 100 casas e 95 delas não terá arma alguma….é estatística e o profissional de subtraçãodo valor alheio sabe disto…o raro é alguém ter arma em casa….arma na rua só quando El dá k azar de um policial a paisana…um dos 300 mil num país de 220 milhões…

Ted
Ted
Reply to  Nei
1 mês atrás

Defender a familia

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  ANTONIO SANTOS
1 mês atrás

latrocínio e roubo e homicídio…latrocínio aumentou??

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Balela. Diziam que ia ser o inferno na terra. Quebraram a cara. Ou seja não existe correlação entre mais arama e mais crimes

Lewandowski
Lewandowski
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Consolidação dos territórios do crime organizado… Olha, sinceramente… é melhor ler esse tipo de argumento do que ser cego… deve-se pensar assim…

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Lewandowski
1 mês atrás

Caro Lewandowski. Basta ler no relatório do IPEA.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Mestre….então é o mesmo que dizer que não morria gente de bem antes….vamos entender, qual é o PIB do assalto/roubo? Eu não sei o PIB do latrocinio(roubo seguido de morte) mas sabemos que ele é: a) RouboBancos/Financ/Transportadoras b) Roubo ao comércio varejista c) Roubos a residências d) Roubos/Sequestros relampagos/Pertences do cidadão na rua O item “a” é “b” é o mais profissionalizado, planejado e de maior rendimento A maior incidência de morte no roubo ocorre nos itens “d” e “c”….onde ocorre o maior uso de armas curtas pistolas e revólveres…onde a surpresa é o improviso se desenrola…onde o maior número… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Olá Albuquerque. De fato, o relatório do IPEA menciona esta hipótese. Ele também menciona o aumento do número de casos de morte por causas indeterminadas, o que também pode ter distorcido os dados estatísticos.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

deixa eu ver…
a) então, quem morria era bandido lutando contra bandido pela boca de fumo? E está a afirmação?

As Donas Nenê morreram porque eram do crime organizado? bandidos mortos por bandidos?

b) então o cidadão de bem e pobre, não morre mais de assalto?

c) quais foram os grandes fatores que mudaram? No País? Coincidências…País das coincidencias

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Augusto
1 mês atrás

Caro Augusto. O número de homicídios no Brasil ainda é altíssimo. Apenas para curiosidade, a taxa de feminicidio no Brasil é o dobro da taxa de homicídios (total) no Japão. A maioria dos homicídios no Brasil são realizados com armas de fogo (revólveres e pistolas) de fabricação nacional. Portanto, é muito difícil relacionar a flexibilização das armas de fogo com a redução dos homicídios. Eu desconheço qualquer estudo que corrobore esta hipótese. Pelo contrario. Eu sei que existem diversas hipóteses alternativas para a redução de homicídios nos últimos anos, inclusive uma bastante polemica que relacionada a expansão do controle do… Read more »

Augusto
Augusto
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Sim, altíssimo mas caiu 34% justamente no atual governo. Repito: 34% de queda!!!

Feminicídio? Pegue o Atlas da Violência e verifique que de cada 10 pessoas mortas no país, 9 são homens. Por que essa fixação em se preocupar com 10% ao invés dos 90%?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Augusto
1 mês atrás

Caro Augusto, No Atlas da Violência do IPEA é mencionado com destaque que o número de mortes por causas indeterminadas teve um acréscimo injustificado nos últimos anos, sugerindo (isso precisa ser avaliado) que parte dos homicídios podem estar sendo escamoteados nas estatísticas oficiais. Além disso, o Atlas 2021 (ainda não foi publicado o 2022) tem dados até 2019. Por fim, ainda não se avaliou o impacto do isolamento nos anos 2020/2021 sobre as taxas de criminalidade. Sobre os feminicídios, a preocupação é óbvia. A violência doméstica (no que inclui o feminicídio) há um impacto direto sobre a formação, desenvolvimento e… Read more »

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

O IPEA tinha um “estudo”, na verdade, tinha uma conclusão, pois eu nunca achei o estudo que a amparou, mesmo solicitando pela Lei de Acesso à Informação, que o aumento de 1% das armas de fogo resulta no aumento de 2% na taxa de homicídios. Isso foi amplamente divulgado anos atrás e utilizado bastante por políticos, delegados, promotores e juízes, com fundamento para não facilitar o acesso a armas de fogo pela população comum (para eles, obviamente o acesso continuou simples e com direito ao porte, inclusive). Entretanto, desde o Governo Temer, mas ainda mais no Governo Bolsonaro, o número… Read more »

Augusto
Augusto
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Eu vou ser estatisticamente mais preciso: de cada 100 pessoas mortas no país, 94 são homens. Veja bem: para cada 6 mulheres mortas, morrem 94 homens!!!!!! Quem em sã consciência deveria focar em 6 ao invés dos 94?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Augusto
1 mês atrás

Caro Augusto. Não tenho os dados do Brasil, mas em SP 87% das vítimas são homens, 10% mulheres e 3% são indefinidos.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

O amigo deseja correlacionar morte indeterminada a arma de fogo?

Se fosse arma de fogo seria determinada… o que é morte indeterminada? aquilo que não conseguiu determinar….e de pronto, arma de fogo não participou da ocorrencia

Inclusive cabe o destaque, as mortes indeterminadas ocorreram a revelia da arma de fogo….sua ausência e a intenção ao ato criminoso tornam se fatos a despeito da disponibilidade, a exemplo da pessoa que usa o carro para atropelar alguem

Last edited 1 mês atrás by Carvalho2008
Waldir
Waldir
Reply to  Augusto
1 mês atrás

Pq a violência contra a mulher choca muita mais do que com o homem. Homem que bate ou mata mulher tinha que ser castrado primeiro e depois jogado para os porcos. Mulher a gente defende. Pelo menos me ensinaram assim. Mulher largou, chifrou ou qq coisa, larga e arruma outra. Matar ou bater não. Isso é muito covarde.

Ted
Ted
Reply to  Waldir
1 mês atrás

Evidenciaram a morte das mulheres, mas no pais! Vai pra cova velho, crianca, homem. Uma sociedade violenta e com baixa educacao, tem que ter arma em casa, alem do cachorro e alarme.
Segundo o 9 dedo, pretende afastar a policia dos morros, pois estao matando demais

Waldir
Waldir
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Caro Camargoer. No nosso caso a maioria dos homicídios são cometidos exatamente pelo crime. E por essas bandas a polícia não tá dando conta. Então prefiro estar armado e TREINADO (sem treino não adianta nada) do que sem nada na mão. No caso dos americanos já não. Lá perece uma doença que está afetando as pessoas. Matam por qq coisa. Aqui bandido não não tem dó da gente. Aí não adianta filosofia (com todo respeito). Prefiro tentar a sorte com a minha 9 do que minha família sofrer na mão de quem mata por qq coisa.

Last edited 1 mês atrás by Waldir
Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

mas a questão é o relacionamento da arma do cidadão com a taxa de homicídio….está é a dimensão….do contrário, até a violência de trânsito entra…(nem estou falando de brigas) mas os acidentes é incidentes de trânsito…

Voltemos ao foco….digo que a arma legal não tem fração de participação comportamental na taxa de homicídio….
.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Augusto
1 mês atrás

números…sempre números…é a estatística….as armas do crime , 38 ou fuzil não foram roubadas da casa do cidadão…São armas traficadas de fora….as roubadas internamente são irrisórias…alguém pode colocar a estatística aqui? vamos ver se alguém posta…..

Albuquerque
Albuquerque
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Isto é fato.
Milhares e milhares de homicídios ocorrem em simples discussões, brigas e etc. que seriam resolvidas com apenas alguns xingamentos, com cada um indo para seu lado.
Sem contar crianças que levam armas dos pais para escolas, brigas de torcidas, fechadas no trânsito e outras coisas.

EduardoSP
EduardoSP
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Hoje mesmo, em Recife, um sujeito do tipo estourado e brigão entrou no prédio da ex-mulher e saiu atirando. 2 mortos.
Isso acontece todo dia por esse Brasil afora.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Albuquerque
1 mês atrás

Albuquerque, tenho alguns amigos que já trabalharam na PM e na civil, e todos eles foram categóricos e me afirmaram que
70-80% dos homicídios no Brasil é ligado as DROGAS, o restante sim é por coisas “irrelevantes” como brigas no bar, trânsito, brigas familiares, traições no casamento, briga por causa do time de futebol, escolas e etc.

E eu acredito neles pois eles tem experiência no assunto, e são os verdadeiros especialistas que estão na linha de frente quando se fala de crime no Brasil.

Last edited 1 mês atrás by Alessandro
Albuquerque
Albuquerque
Reply to  Alessandro
1 mês atrás

Não discordo.
O fato é que em muitos lugares já está ocorrendo a unificação de quadrilhas de traficantes e até a união entre traficantes e milicianos.
No Rio de Janeiro locais como Cidade de Deus, Praça Seca e etc. viram o fim dos constantes tiroteios em função da união desses grupos.
Criam uma espécie de narco milícia.
Região ‘pacificada’.
Menos homicídios.

Nei
Nei
Reply to  Alessandro
1 mês atrás

Trabalho na área policial e afirmo que homicídios na sua maioria são ligados à drogas e restante à desavenças. Ainda existe os homicídios culposos “sem intenção” , que caem em estatísticas também.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

E na Suiça pq não tem inúmeros massacres, as armas são mais mansas lá ?

Kornet
Kornet
Reply to  Carlos Campos
1 mês atrás

Logo logo,aparece um Trudeau da vida para querer proibir armas de fogo no país.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carlos Campos
1 mês atrás

Olá Carlos. É uma excelente pergunta. A violência urbana é um problema multifatorial. Possui várias causas. Uma delas é o acesso ás armas (ora, sem armas não haveria homicídios por arma de fogo). Outra é a desigualdade social. Países nos quais com maior desigualdade social são mais violentes. Outro fator é a própria história dos países. Os países na América são mais violentos que os países da Europa, por exemplo, lembrando que os países americanos tiveram um histórico de trẽs séculos de escravidão negra, relativamente recente. É um problema complexo que precisa demanda soluções complexas. Seria ingenuidade achar que apenas… Read more »

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Seria ingênuo sim, e seria ingênuo acreditar que mais armas gera mais crimes ou mais especificamente assassinatos, como você mesmo disse violência urbana é um problema multifatorial, te dei o exemplo da Suíça, agora temos o Brasil de exemplo também, caiu 34 por cento enquanto os desarmamentistas diziam que só ia piorar, o Paraguai é um país mais armado que o Brasil, e só é mais perigoso pq é perto do Brasil, e mesmo assim tem menos mortes no geral, ou seja é mais um exemplo também, ou seja fica claro que não existe uma correlação entre armas e aumento… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Carlos Campos
Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Mas o IPEA acha que o problema principal é o acesso a armas de fogo. Tanto que já divulgou estudo dizendo que o Estatuto do Desarmamento evitou não sei quantas mil mortes, porque a taxa de homicídios cresceu menos após sua implantação. Notar o “cresceu menos” que é diferente de diminuir. Aí a quantidade de armas de fogo começou a aumentar e a taxa de homicídios começou a diminuir (diminuir de verdade e não crescer menos) e eles resolveram investigar outras causas dos homicídios. Somente quando ficou impossível sustentar a mentira eles resolveram formular novas hipóteses. Claro que também é… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rafael Oliveira
1 mês atrás

Caro Rafael. As causa da violência no Brasil são várias. O problema dos homicídios é multivariado, passando pelo fracasso do modelo de polícia, do fracasso da política de encarceramento (que serve para fortalecer as facções criminosas que dominam os presídios), fracasso da guerra ás drogas. Vou colocar um gráfico do IPEA sobre a correlação entre a redução da taxa de homicídios e o aumento das mortes violentas por causa indeterminada. Isso parece indicar uma distorção nos registros sobre violência no Brasil. Um dado importante é que em 2015, o Brasil respondia por 15% dos homicídios no mundo. Em 2020 este… Read more »

Captura de tela de 2022-07-09 10-15-03.png
Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Isso pode ser um problema de análise anterior (registravam MVCI como homicídios) ou posterior (registraram homicídios como MVCI) ou está tudo certo é apenas uma “coincidência” (aumento de suicídios e acidentes) ou alterações terminológicas. O que é homicídio para o IPEA? Entra feminicídio na conta? Entra morte decorrente de legítima defesa? Por exemplo, o aumento de casos de feminicídios é realmente um aumento no número de mulheres mortas por seus companheiros ou é decorrente das polícias passarem a registrar adequadamente os crimes? (demora um pouco par a a lei pegar, ainda mais no interiorzão do Brasil). Difícil julgar sem investigar… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rafael Oliveira
1 mês atrás

Caro Rafael. São quatro possibilidades. 1. A série história está certa e os números recentes estão errados (isso significa que não houve redução na taxa de homicídio). 2. A série história está errada e os número recentes são apenas um ajuste da curva (isso significa que não houve redução na taxa de homicídio). 3. Que todos os dados estão errados (então nada há para discutir). 4. Que todos os dados estão certos e que dados de homicídios estão sendo registrados de forma equivocada para mascarar a estatística (portanto não houve redução na taxa de homicídios). O IPEA não interpreta dados.… Read more »

Carlos
Carlos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Boa tarde mestre, já que coloca o acesso a armas legalmente como possível fator determinante para homicídios, pode me passar os 5 ou mesmo 10 estados americanos com mais facilidade e os 5 ou 10 com maior dificuldade de acesso às armas e as taxas de homicídios nos respectivos estados? Grato desde já.

Sensato
Sensato
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

O grande problema é que “sem armas” é uma utopia inalcançável em um futuro visível. O que tem que aumentar não é a restrição sobre a posso responsável de armas e sim a apuração e punição severa de pessoas que cometam crimes. Infelizmente, por mais que seu aumente efetivo das polícias, elas jamais serão onipresentes. Isso não ocorre nem nos países mais desenvolvidos e ricos do mundo. O crime só diminui quando deixa de compensar.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Os americanos têm acesso praticamente irrestrito a armas de fogo desde 1787 e nunca tiveram problemas com massacres, essa é uma situação recente, então o problema é outro, não as armas em si.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Caro Allan. A história dos EUA é marcada por inúmeros casos de massacres, inclusive motivados por questões raciais. Também é preciso lembrar que o principal atentado terrorista nos EUA aconteceu em Oklahorma por um terrorista doméstico, além dos atentados em eventos esportivos como a maratona de Boston e os Jogos Olímpicos de Atlanta, sem falar dos sucessivos atentados contra seus presidentes.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Casos esporádicos, como já aconteceram em qualquer lugar do mundo, inclusive em países onde armas não são permitidas.

Os massacres semanais que estamos assistindo são um fenômeno recente e a verdadeira causa não está sendo debatida. E é bom lembrar mesmo tendo mais armas, a taxa de homicídios dos EUA é mais ou menos 4 vezes menor do que a do Brasil.

Logo, o problema não é e nunca foram as armas. O desarmamento civil é baseado em premissas falsas e facilmente rebatidas.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Caro Allan. Casos esporádicos são imprevisíveis. Sobre isso você está certo. A questão do acesso ás armas tem impacto sobre os homicídios por motivos fúteis (brigas de bar, entre conhecidos, no trânsito, envolvendo ou não álcool) e por motivos passionais ou crimes de ódio (entre casais, feminicídio, contra minorias), algo em torno de 1/3 dos homicídios no Brasil.

Mars
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Sinceramente, na minha opinião essa é uma discussão que deve ser analisada exclusivamente do ponto de vista brasileiro, não sendo parâmetro EUA ou Japão. Ao contrário desses dois países, o Brasil já demonstrou inúmeras vezes que é incapaz de prover segurança para sua população. E dificultar ou negar o acesso a armas a essa população é o mesmo que falar ” Eu não consigo de prover segurança para você e você também não pode se defender, se fod* aí.” rs Querendo ou não um bandido vai pensar duas vezes antes de mexer com alguém armado, ele não é idiota não… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Mars
1 mês atrás

Pode ter um efeito preventivo. Imagine que o autor de um massacre fosse parado pela Polícia a caminho do alvo. O que a polícia poderia fazer? Tinha que o deixar seguir. Se houvesse um maior controlo das armas e ter de justificar e a autorização para o uso talvez a história fosse diferente. Controlo é muito diferente de proibição e permite às autoridades terem mais ferramentas ao seu dispor para evitarem estes massacres. Se tiverem armas ilegais, mais fácil fica de irem para a prisão. Se todas as armas forem legais, sem controlo, aí não sei se é possível evitarem… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Mars
1 mês atrás

Caro Mars. Você tem razão ao dizer que o sistema de segurança pública brasileira é um fracasso, a começar com o fato das existência de duas polícias nos Estados e do status das PM como forças auxiliares do EB, passando pela ineficácia da política de encarceramento e do fracasso da guerra ás drogas. Contudo, a flexibilização do acesso ás armas para a população civil é mais um erro que piora um cenário que já é grave. È um erro tentar consertar um erro cometendo um outro erro.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Meu caro, a população foi desarmada e a violência só aumentou, isso porque quem abriu mão de suas armas foram os cidadãos de bem, não os bandidos, estes continuaram armados. O problema não é o pai de família ter uma arma em casa para defender seus entes queridos e sua propriedade, o problema é o bandido que mesmo quando preso pela PM militarizada que você tanto critica não recebe a punição adequada da Justiça por causa das políticas de direitos humanos que a esquerda defende. É saidinha aqui, bom comportamento ali, audiência de custódia. Ora, com tanta impunidade você acha… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Allan Lemos
Carlos
Carlos
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Atualmente em grandes cidades já é um equívoco afirmar que existem duas polícias, são três pois a guarda municipal assumiu papel de polícia também e pelo menos na minha cidade é a que mais mostra trabalho, pois é a única onde o prefeito, que é cobrado pela população, pode pressionar para redução de crimes.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carlos
1 mês atrás

Caro Carlos. Pois é. As guardas civis municipais estão adotando um modelo militarizado da PM, o que é um grande erro. Contudo, mesmo que elas possam fazer o papel de policia ostensiva, a responsabilidade da investigação é da polícia civil. Há um relatório do Congresso de uma comissão que analisou o problema e uma das suas conclusões é a necessidade de unificar as polícias estaduais.

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

O maior atentado nos EUA foi, de longe, o ocorrido em 11/09.
De certa forma você foi contra sua narrativa. Quem quer cometer um homicídio ou um massacre não precisa de armas de fogo. Pode usar aviões, fertilizantes em carro-bomba, panelas com explosivos e parafusos, etc.
Massacres normalmente são brigas de gangue ou cometidos por pessoas com distúrbios mentais ou motivações ideológicas ou religiosas ou uma combinação delas.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Rafael Oliveira
1 mês atrás

Quando é mais fácil comprar uma arma automática do que beber uma cerveja aos 18 anos, há aí algo que não está certo.

Em todas essas formas de atentados que referiu existe algum tipo de controlo. Porque não há algum tipo de controlo sobre o meio responsável por 99% das mortes?

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Porque não há algum tipo de controlo sobre o meio responsável por 99% das mortes?

“Sendo uma milícia bem regulamentada, necessária para a segurança de um estado livre, o direito do povo de manter e portar armas não deve ser violado.”

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Primeiro que as armas de fogo não são responsáveis por 99% das mortes.
Segundo que existe algum controle, maior ou menor conforme o estado americano.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Rafael Oliveira
1 mês atrás

Quais são as outras formas de matar alguém?

Existe muito mais controlo sobre as bebidas do que sobre as armas.
E o controlo a nível estadual sobre a compra não é eficaz e muitas vezes limitado pelo constitucional. Basta ir ao estado vizinho e comprar.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rafael Oliveira
1 mês atrás

Olá Rafael. Você tem razão sobre 11/setembro. Eu devia ter sido mais claro que estava me referindo aos atentados/massacres promovidos por cidadãos dos EUA. O atentado ás Torres Gêmeas foi sem dúvida o maior ato terrorista, em impacto político, consequências históricas e número de vítimas. Obrigado pela correção.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rafael Oliveira
1 mês atrás

Olá Rafael. Vocẽ tem razão sobre o 11/setembro. Foi o mais grave atentado terrorista contra os EUA, seja em temos de vítimas, impacto social, político, histórico e até econômico. Eu deveria ter sido mais claro ao mencionar que me referia aos casos que envolveram cidadãos dos EUA. Obrigado pela correção.

Elisandro
Elisandro
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

“Os EUA nunca tiveram problemas com massacres…” Só se for no sentido de que já são “parte da rotina”, pois este ano já foram vários…

Alessandro
Alessandro
Reply to  Elisandro
1 mês atrás

E uma média de 60 mil mortes por ano não pode ser considerado um massacre??

Enquanto lá aparece um ou dois psicopatas por ano matando várias pessoas em alguma escola onde não se pode usar armas, aqui temos VÁRIOS deles soltos nas ruas fazendo várias vítimas e destruindo lares, e isso tbm já virou rotina por aqui.

Last edited 1 mês atrás by Alessandro
Hcosta
Hcosta
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Não haviam tantas armas automáticas e vendidas sem controlo.
E não me parece que seja desde 1787. Houveram alterações à legislação que suavizaram a compra de armas e o tipo que começou nos anos 60 quando a NRA começou a investir nos políticos.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Olá Hcosta. Vocẽ tem razão. Os massacres nos EUA estão diretamente relacionados com a comercialização de armas automáticas e rifles. Bem colocado.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Errado, isso é a consequência, não a causa. Os EUA começaram a ter problemas com massacres após os pilares e os valores da sociedade americana começaram a ser atacados por determinados grupos, que até hoje são empoderados pela esquerda.

Sequim
Sequim
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Você só poderia afirmar isso se tivesse acesso às séries históricas americanas desde 1787. Você tem? Provavelmente não. E esse problema “recente” já tem uns 25 anos. Lembra do massacre do Columbina High School?

Sensato
Sensato
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

E quantos crimes foram evitados por cidadãos armados? Se o sujeito é louco o suficiente para cometer um crime bárbaro desses, não creio que se preocupe na licitude das armas que usará.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Sensato
1 mês atrás

Ola’Sensato. Há um erro metodólogo na sua proposição. Se o crime foi evitado, não há como contabilizar um não-fato. Nem eu nem ninguém tem condições de dizer que quantos crimes foram evitados porque a vítima estava armada. Por outro lado, acho que há como encontrar sim o número de pessoas que foram mortas porque reagiram a uma tentativa de assalto. Vocẽ tem razão ao dizer que um criminoso ou um a pessoa com problemas mentais ignoram a lei, a racionalidade ou qualquer outra coisa. O acesso às armas afeta os crimes cometidos por aquela parcela da população que por motivos… Read more »

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Mestre, eu não tenho arma…mas é um assunto pacificado que extrapola a opinião… Houve o plebiscito e os governos desde então fizeram de tudo de tudo para rejeitar, sabotar, ignorar o pleito. A população fez uma opção. Qual o nome disto? A consulta popular e plebiscito ganha e uma minoria recusar? Num lobby midiatico e no congresso? Vale? e a democracia? outro exemplo, eu sou Parlamentarista, votei nisto no plebiscito, mas perdi…e daí? Isto me á o direito de fomentar mudanças dos poderes executivo se a constituição contínua presidencialista ?(muito mal feita porque ficou torta enviesamento uma vez que estavam… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Carvalho2008
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Carvalho2008
1 mês atrás

Olá Carvalho. Também decidimos que nossa casa é um território “livre de armas”. Nem tenho armas nem permito que alguém entre armado em minha casa. O referendo de 2005 perguntava sobre a proibição da venda de armas e munições no Brasil. Em função daquela consulta, o Brasil continua comercializando armas e munições. Contudo, dado o seu poder de letalidade, a comercialização de armas e munições é restrita, assim como é restrito a comercialização de antibióticos e de medicamentos a base de opióides. O porte e a posse de armas tem uma legislação assim como a posse e a condução de… Read more »

WSilva
WSilva
1 mês atrás

País ocupado que coloca sua segurança e dignidade na mão dos EUA. Algo do tipo acontecer numa China ou Russia? Inimaginável! Países mais seguros do mundo, vigilância intensa e acima de tudo respeito a hierarquia. Parece que lideres de ”democracias” estão sendo mais caçados por seu povo que os tais ”ditadores”. rs De qualquer forma, meus pêsames à família de Abe, um bom homem cujo governo foi muito benéfico para a relação econômica China-Japão. Aliás, não é um absurdo pensar que Abe foi aniquilado por forças ocidentais, ele tinha serias divergências com os EUA e agora naturalmente a máquina de… Read more »