sexta-feira, agosto 19, 2022

Saab RBS 70NG

França vai fabricar chips e a Europa poderá acabar com a sua dependência tecnológica

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A guerra nada trouxe de positivo no que toma à vida humana e ao desenvolvimento do planeta. Contudo, o outro lado da guerra mostrou como a Europa estava dependente de aliados que se poderiam tornar inimigos. Apesar do momento que vivemos, de dificuldades a vários níveis, esta realidade prostrada aos olhos dos governantes do velho continente poderá ser considerada um benefício da guerra. Um exemplo é a decisão da França na construção de fábricas de chips.

Esta ação irá ajudar a Europa que poderá acabar com a sua dependência tecnológica.

European Chip Act: carta de alforria tecnológica

Depois da Intel na Alemanha, a Europa terá uma nova fábrica de chips. Será a segunda unidade em solo europeu e estará localizada em Crolles, no sudeste da França. O projeto foi anunciado em 11 de julho e é um novo passo no European Chip Act, o grande plano da União Europeia para acabar com a dependência da Ásia e dos EUA para a produção de semicondutores.

A fabricação de chips estará nas mãos de dois grandes fabricantes. A STMicroelectronics e a GlobalFoundries construirão a primeira fábrica de semicondutores em solo francês. O objetivo é que seja concluído em 2026 e estima-se que empregará cerca de 1.000 pessoas.

Esta fábrica terá um investimento de 5,7 bilhões de euros, para além de receber financiamento público do governo francês como parte dos fundos europeus. Em comparação, a Intel irá investir cerca de 17 bilhões de dólares na sua fábrica em Magdeburg, perto de Berlim.

França junta-se à Alemanha na corrida para a fabricação de chips

Os dois grandes países da UE oficializaram agora o seu plano de ter uma fábrica de chips própria. O governo francês não especificou quanto financiamento público irá receber, mas descreveu o tipo de chips a serem fabricados.

Não serão transístores de nível superior, mas chips de 18 nanômetros para automóveis, IoT e outras aplicações. Em outras palavras, a aposta é em transístores para o grosso da indústria, mas não para a última geração. No total esperam produzir cerca de 300 milhões de wafers por ano.

A fábrica francesa será propriedade da STMicroelectronics, a empresa franco-italiana que se encontra entre os dez maiores produtores mundiais de semicondutores, e da GlobalFoundries, um fabricante americano que trabalha para a AMD, Broadcom e Qualcomm. No entanto, nenhuma destas duas empresas corresponde ao perfil que Thierry Breton, o Alto Comissário Europeu, expressou quando a lei europeia sobre os chips foi aprovada.

O objetivo da Europa é atrair um fabricante capaz de produzir chips de 2 ou 3 nanômetros. Até agora não foi capaz de o fazer. Um dos problemas é que existem poucas empresas no mundo capazes de o fazer. A grande ambição é que a Taiwan Semiconductor Manufacturing (TSMC) ou a Samsung se candidatem à Europa, mas não há notícias confirmadas para além das conversações preliminares.

Em comparação, a Samsung anunciou no final de 2021 a construção de uma fábrica de chips no Texas, com um investimento de cerca de 17 bilhões de dólares. Da mesma forma, a TSMC investirá cerca de 12 bilhões de dólares no Arizona.

FONTE: pplware.sapo.pt

- Advertisement -

91 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

91 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
PACRF
PACRF
1 mês atrás

Nada melhor que um grupo de países (UE), equilibrados, alinhados e aliados com objetivos em comum. Esse grupo de países dão uma demonstração ao mundo de que o velho ditado “a união faz a força” faz muito sentido.

Paulo Brics
Reply to  PACRF
1 mês atrás

“Nada melhor que um grupo de países (UE), equilibrados, alinhados e aliados com objetivos em comum”.

😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂Cara, vocês são Hilários!

Vamos à realidade: Nada pior que um grupo de países (UE), em grave desequilíbrio econômico e social, em conflitos de interesses e com objetivos discordantes que por motivos de força maior são obrigados a uma pseudo união.

A questão é, será que vai dar tempo?
Vocês continuam sem noção real sobre o que está ocorrendo….

Ali Kamel
Ali Kamel
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Na verdade não tem nada de hilário, é pura demência mesmo! Olha o BREXIT!!

rui mendes
rui mendes
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Olha, olha, bem este lá dos quintos, inventar, filho a UE é uma união e em muitos casos, funciona quase como uma federação, mais, é uma potência mundial, por força do seu poderio económico, comercial e político mas é demais para um servente Russo, e ressabiado do colonialismo Europeu.

Paulo Brics
Reply to  rui mendes
1 mês atrás

Já garantiu sua fuga para o Brasil, gajo? A recessão está chegando com tudo e o inverno vai ser literalmente de lascar…

leonidas
leonidas
Reply to  PACRF
1 mês atrás

Não sei dizer até que ponto são tão alinhados assim ou por quanto tempo também. O nivel de tecnologia que a UE busca a China e os EUA ja tem e me parece algo bastante razoável de se obter por parte de um estado nacional decidido a andar sobre suas próprias pernas. A matéria já adianta que trata-se de básico em termos de chips e não da última palavra em termos de tecnologia apesar de que isso por si só já é algo extremamente avançado. Se no Brasil houvesse politica de estado (e não só de governo) já deveríamos ter… Read more »

Jacinto
Jacinto
Reply to  leonidas
1 mês atrás

Na verdade, a tecnologia fundamental para a fabricação de processadores de alto desempenho (5, 3 nm) é europeia. Ela se chama extreme ultraviolet litography e a única empresa do mundo que domina esta tecnologia é a ASML.

Atirador 33
Atirador 33
Reply to  PACRF
1 mês atrás

Outro objetivo da UE é independência do gás russo, e tenho certeza que vão conseguir, porém passarão por alguns anos de perrengue, preços altos, desabastecimento e até prejuízos sociais, porém quando a independência for concluída, a Rússia deverá ter concluído a infra estrutura para levar seu gás para outros mercados da Ásia.

Henrique
Henrique
1 mês atrás

“O objetivo da Europa é atrair um fabricante capaz de produzir chips de 2 ou 3 nanômetros. Até agora não foi capaz de o fazer. Um dos problemas é que existem poucas empresas no mundo capazes de o fazer. A grande ambição é que a Taiwan Semiconductor Manufacturing (TSMC) ou a Samsung se candidatem à Europa,”
.
isenção fiscal serve pra isso… só dar uma baixada generosa no imposto que vai chover de pedido

Last edited 1 mês atrás by Henrique
PACRF
PACRF
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Serão 5,7 bilhões de euros na fábrica da França e 17 bilhões de dólares que a Intel vai investir em uma fábrica na Alemanha. É muita grana. Quanto a Taiwan Semiconductor Manufacturing e a Samsung, considero muito provável que invistam na UE, também, por uma razão muito simples: a UE é um dos principais mercados consumidor e produtor de artefatos de alta tecnologia. Talvez só os EUA, a China e o Japão rivalizem com a UE no consumo e na produção de artefatos de alta tecnologia. Creio que tanto a Coreia do Sul quanto Taiwan não desejarão perder esse mercado.

Last edited 1 mês atrás by PACRF
Matheus
Matheus
Reply to  Henrique
1 mês atrás

O problema é pagar salários europeus, dificil abrir mão de mão de obra barata asiáticas.

PACRF
PACRF
Reply to  Matheus
1 mês atrás

O que não falta são pessoas de todo o mundo perseguindo um visto para trabalhar na UE

Juarez Martinez de Castro
Juarez Martinez de Castro
Reply to  PACRF
1 mês atrás

Bingo.

Henrique
Henrique
Reply to  Matheus
1 mês atrás

Sim, mas isso é uma parte que a isenção fiscal pode resolver. Se a empresa não ta pagando uma grande quantidade de imposto ela pode pagar salario melhor pro funcionário.

Nelson Junior
Nelson Junior
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Verdade, mas ainda tem a questão das “terras raras” necessário para produzir semicondutores, e que o mundo ainda é um pouco dependente da China, portanto acho que deveriam pensar nisso também…
Se não, ficarão dependentes da China assim como ficaram dependentes da Russia para petróleo e gás que usam nas suas industrias, e vimos no que deu.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Henrique
1 mês atrás

O Brasil precisava atrair uma dessas empresas, mas pra variar nossa classe política não tem visão, se apegam em coisas mesquinhas enquanto os grandes países estão se mexendo e aumentando os investimentos no setor de alta tecnologia de chips.

Last edited 1 mês atrás by Alessandro
Varg
Varg
1 mês atrás

Em algum momento as empresas de tecnologia de Taiwan precisarão de um plano B para suas produções, em vista da mais do que provável incursão da China continental sobre a ilha. A Europa pode ter alguma vantagem nisso.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
1 mês atrás

A China tem excelentes engenheiros e não tem medo de receber em euros.

Figueiredo
Figueiredo
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Eu acho interessante a confiança que os europeus estão desenvolvendo com relação aos americanos.
Lindo. Lindo.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Figueiredo
1 mês atrás

Figueredo vamos ver até aonde os europeus vão com essa idéia, sabe como é uma vez lacaio sempre lacaio, se o amo disser pra soltar o osso quero ver rosnar.

WSilva
WSilva
1 mês atrás

Péssima noticia para Taiwan, aliás prevendo a unificação da Ilha ao continente, países da Europa, Japão e EUA já estão obrigando a TSMC abrir fabricas fora de Taiwan e assim gerando prejuízos para a economia da ilha, sem contar o fantasma do desemprego.

Não é por acaso que muitos especialistas de Taiwan estão correndo para o continente, salário maior e melhores perspectivas.

No final das contas, a TSMC tende a virar uma nova Toshiba, irrelevante.

Nelson Junior
Nelson Junior
Reply to  WSilva
1 mês atrás

O que a TSMC tem de mais valioso é o capital intelectual, e isso pode ser transferido para qualquer parte do globo, tanto que EUA e EUROPA estão gastando bilhões e construindo fabricas de semicondutores, onde acha que os Taiwaneses irão trabalhar em caso de uma invasão Chinesa a Taiwan ?

Figueiredo
Figueiredo
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

Na China?
Aliás, muitos taiwaneses já estão fazendo isso, atrás de melhores salários.

WSilva
WSilva
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

Vão trabalhar no mesmo lugar onde os japoneses da Toshiba foram trabalhar, em outras empresas ocidentais dentro e fora do país, outros irão trabalhar na China continental como já está acontecendo. rs O grande trunfo de Taiwan contra a China, se é que existe algum, é que existe muito asset estrangeiro sendo produzido dentro da ilha nesse exato momento, isso faz com a China precise calcular muito bem o custo de uma reunificação pela força, mas com a saída desses assets e o tal brain drain, Taiwan ficará com muito pouco localmente ao ponto que uma operação militar da China… Read more »

Nemo
Nemo
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

Mais de um milhão de taiwaneses trabalham na China continental.

Nelson Junior
Nelson Junior
Reply to  Nemo
1 mês atrás

Um plebiscito feito em TAIWAN considerou que 80% deles não se identificam com a China e querem ser INDEPENDENTES, ou seja em caso de uma guerra a maioria vai “vazar” e te garanto que não vão querer trabalhar na China

WSilva
WSilva
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

Os índios também queriam ser independentes, mas os colonialistas tinham outra ideia. rs

Acredito que para a China o que realmente importa é o território, a ilha em si. Se metade da população de Taiwan sair da ilha, a China pode muito bem deslocar uns 10 milhões de chineses do continente pra lá, tá tudo pronto mesmo, é só chegar, morar e viver. rs

O importante é tornar a ilha mais tarde numa fortaleza militar, servindo de escudo para o continente.

Henrique
Henrique
Reply to  WSilva
1 mês atrás

“Os índios também queriam ser independentes, mas os colonialistas tinham outra ideia. rs”

KKKKKKKKKKK ou seja o cara acha que China deveria genocida o pessoal da ilha…

O importante é tornar a ilha mais tarde numa fortaleza militar, servindo de escudo para o continente.

não é atoa que o pense apense isso.. ta vivendo em 1700 ainda… vai querer tb um linha linha maginot?
.
Se Porta Aviões que anda a 50km/h o pessoal ja fala que o negocio ta “obsoleto” pra icbm e míssil hipersônico… imagina uma ilha então kkkkk

WSilva
WSilva
Reply to  Henrique
1 mês atrás

”KKKKKKKKKKK ou seja o cara acha que China deveria genocida o pessoal da ilha…” Não não, esse negócio de invadir território dos outros e praticar genocídio é coisa de imperialista ocidental. ”não é atoa que o pense apense isso.. ta vivendo em 1700 ainda… vai querer tb um linha linha maginot?” Os EUA também ainda estão em 1700, ou já esqueceu o que fizeram em Diego Garcia? rs ”Se Porta Aviões que anda a 50km/h o pessoal ja fala que o negocio ta “obsoleto” pra icbm e míssil hipersônico… imagina uma ilha então kkkkk” Isso só vale em tempos de… Read more »

Henrique
Henrique
Reply to  WSilva
1 mês atrás

ahh o imperialismo chinês não conta então?
kkkkkkkk

teu bait ta muito ruim
.
imagina a hora que conversa for pros campos de contração chinês então kkkk

Last edited 1 mês atrás by Henrique
Jefferson Ferreira
Jefferson Ferreira
1 mês atrás

É o mínimo que a europa e países que levam seu futuro a sério têm que fazer…

Camillo Abinader
Camillo Abinader
1 mês atrás

Acredito que não irão conseguir… Alguns fatos, e fatos não se discute… A maior parte da história humana o poder esteve na Ásia, Oriente… A Europa foi colonizada por Impérios da Ásia por séculos, Império Árabe e Império Otomano E mais uma vez no mundo hoje quem manda é a Ásia, que tem o poder militar e econômico, então se vc gosta do Ocidente, lembre-se manda quem pode obedece quem tem juízo, trabalha no distrito em Manaus ? de onde são as multinacionais que vc trabalha?… da Ásia… China, Coréia do Sul, Japão e Índia, e mais uma vez …… Read more »

Nelson Junior
Nelson Junior
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Você esqueceu de mencionar o Império ROMANO (500 anos), também esqueceu do maior império que já existiu BRITÂNICO, inclusive esqueceu dos Americanos que mandam no mundo a quase um século já… As coisas não são tão fáceis assim como você ilustra…
O Oriente tem muito mais população, porém o Ocidente tem mais dinheiro, mas tecnologia e é mais forte militarmente

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

O Oriente tem mais tecnologia, fabrica mais de 90% dos Chips avançados no mundo, tem mais dinheiro e mais poder militar, e vc não é ocidental.

Nelson Junior
Nelson Junior
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Se você detêm a tecnologia pode fabricar ela onde quiser, fazem na China porque a mão de obra é mas barata, porém os maiores “produtores” de tecnologia do mundo são de longe os EUA, já ouviu falar no vale do silício ?
“tem mais dinheiro e mais poder militar”… O G7 (já ouviu falar ?) detêm 67% da riqueza do mundo…
Quanto ao ser Ocidental… Claro que sou (Meus avós vieram da Alemanha e Itália) isso é oriente ?

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

Quando vc vai na Itália ou Alemanha, ou qualquer país da Europa ou EUA, vc é considerado pela sociedade europeu ou latino-americano ? Eu sou de origem libanesa e sou onde vou considerado libanês.

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

Todo mundo sabe que o Ocidente (Europa, EUA, Canadá, Austrália e Nova Zelândia) não considera o Brasil e América Latina Ocidente, mesmo quem descende aqui de Ocidentais, mesmo conseguindo um passaporte, a sociedade lá não considera ocidental, então assuma com orgulho sua identidade latino-americana. Se eu vou no Líbano sou libanês, é assim e ponto final.

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Nelson Junior
1 mês atrás

Óbvio, o Líbano hj está mal economicamente, mas nós orgulhamos de nosso passado, tradição, Império Otomano, Império Árabe, Fenícia, e óbvio isso não lhe compete pq vc é latino-americano mas mas subjugamos os europeus por séculos, ponto final.

Alan Santos
Alan Santos
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Os europeus ? Kkkk no máximo península iberica aonde foram chutados como cachorro magro …meus antepassados vieram da Alemanha e nunca vi falar de arabes narigudos cantando de macho na Germânia … Por outro lado império britânico ,os romanos os gregos etc te mandam um abraço …

Last edited 1 mês atrás by Alan Santos
Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Alan Santos
1 mês atrás

Império Otomano em 1683 cercava Viena, bem perto da Alemanha. O Império Árabe ficou do século VIII a 1492 na península Ibérica. Mas este é um assunto entre o Ocidente e o Oriente, ponto final.

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Alan Santos
1 mês atrás

Por sinal os gregos foram colônia dos mulçumanos do século XVI até 1830. Os mulçumanos mandam um abraço para os gregos…

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Alan Santos
1 mês atrás

Inclusive a ilha de Creta era controlada pelos mulçumanos até 1910, não faz tanto tempo…mas para finalizar a disputa entre o Ocidente e o Oriente, pq o Biden foi a 2 meses atrás na Coréia do Sul e pediu ajuda de coreanos, japoneses e taiwaneses para construir fábricas de Chips avançados nos EUA para poder competir com a China ?

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Alan Santos
1 mês atrás

O Ocidente tem seus méritos na história, mas eu sempre me atento a fatos
E fato é que a maior parte da história o Oriente foi o centro mundo
Fato é que atualmente voltou a ser
E tb é fato que o Brasil e América Latina não são Ocidente
São fatos. Vc sabe.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Alan Santos
1 mês atrás

Está precisando estudar HISTÓRIA, urgentemente, meu amigo.

Alan Santos
Alan Santos
Reply to  Marcelo
1 mês atrás

Quando teve árabes invadindo a Alemanha , Holanda ,Bélgica etc?

Erick Barros
Erick Barros
Reply to  Alan Santos
1 mês atrás

“So dessendenti di alemaun”

>santos

kkkkk

Marcelo
Marcelo
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Meu amigo, o dinheiro não tem nacionalidade. Os donos do dinheiro do mundo abraçam a causa que lhes der mais lucro. Não estão preocupados com alinhamentos do tipo ocidente X oriente. O dinheiro migra para onde se sente mais confortável.

André de Souza
André de Souza
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Cara você viaja de uma formar, e mais uma vez alguém tentando transformar um poste diferenciado em briga política ideológica mas vamos lá vou te dar seus 5 minutinhos de atenção.
Quem é a maior economia do mundo ? EUA.
Quem é a maior força militar do mundo ? EUA.
Qual o maior bloco militar do mundo e econômico também ? OTAN e UE.

Alguns desses são Asiáticos ?
Então você já tem sua resposta.
A Ásia é sim um grande celeiro tecnológico porém eles são dependentes.

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  André de Souza
1 mês atrás

Você não é ocidental, não vou discutir está questão Ocidente x Oriente com vc, o Brasil e América Latina que não são Ocidente não entram nesta disputa Ocidente x Oriente, apenas continuar enviando matérias-primas.

Nemo
Nemo
Reply to  André de Souza
1 mês atrás

Caro André, o PIB nominal da UE é menor que o dos EUA e o da China. Portanto qualquer bloco econômico com a participação dos EUA ou China será maior que a UE.

dfa
dfa
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Cara isso é que foi navegar na maionese… Por esse ponto então a Ásia foi colonizada pelos Europeus desde Alexandre o Grande, passando pelos romanos, cruzadas, os impérios coloniais globais que colocaram o planeta a disposição do Ocidente… E que exemplos que você deu hein…Império Árabe nunca conseguiu conquistar a Europa quanto mais ficou-se pela península ibérica e mesmo essa nunca foi totalmente conquistada(Astúrias) e acabaram por levar um chuto de lá,e os otomanos apesar de terem estado a porta de Viena depois da sova que levaram dos polacos nunca mais voltaram lá… O Ocidente quase sempre foi superior em… Read more »

Last edited 1 mês atrás by dfa
Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  dfa
1 mês atrás

Império Árabe do século VIII a 1492 na península Ibérica e uma parte de tempo no sul da França e Itália Império Otomano dominou todos os Balcãs e parte da Europa central, por 400 anos, cômico vc querer manipular como se isso fosse pouco tempo, tecnologicamente o Ocidente só superou o Oriente nós últimos 200 anos, e agora o Oriente já superou novamente o Ocidente, na indústria de Chips é algo absurdo então, industria de aviação, vamos B777 Asas e fuselagem central, fabricadas no Japão Vários outros componentes fabricados na Coréia do Sul, China, Emirados Árabes e Índias, Chips então… Read more »

Alan Santos
Alan Santos
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Quem fábrica a máquina mais moderna de fabricação de chips ? Resposta a ASML que fica na Holanda .

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Alan Santos
1 mês atrás

Das 15 maiores fabricantes de máquinas para fabricação de Chips, 10 asiáticas, 4 americanas e somente 1 européia, que é a ASML, que recentemente lançou um modelo realmente bem avançado, mas que já já fica para trás, inclusive a AMSL é holandesa, trabalhei em umas das últimas multinacionais eletrônicas européias, a Philips tb holandesa, mas que foi totalmente vendida em 2008 para a TPV chinesa.

Jacinto
Jacinto
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

A Phillips não foi “foi totalmente vendida em 2008 para a TPV chinesa”; o que foi vendida foi somente a parte que produzia telas para TV´s e monitores.

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  Jacinto
1 mês atrás

Foi totalmente vendida, a parte que fabricava tela para monitores foi vendida no final dos anos 90 para a coreana LG, o restante que fabricava Tv e monitor e som foi vendido em 2008 para a TPV chinesa.

dfa
dfa
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Não vejo Globo e nem Record. Vocês é que não gostam de história. Alexandre o grande conquistou todo o médio oriente em tempo recorde. Roma dominou um quarto da população mundial e em construção apenas Egito rivalizou com ela. Ainda hoje a formatura militar em todo o mundo é feita com base nas falanges gregas e legiões romanas. A cultura, filosofia e ensinamentos Grego-romanos foi das maiores vitórias humanas contra o obscurantismo e a base da cultura Ocidental claramente copiada pelos asiáticos que desejam acompanhar o Ocidente. Astrolábio, caravela, armadura medieval, coliseu romano, democracia, Magna carta, medicina de campanha, Eletricidade,… Read more »

Last edited 1 mês atrás by dfa
Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  dfa
1 mês atrás

Vai estudar, portugueses e espanhóis eram super atrasados, quem construiu Portugal e Espanha foi a colonização árabe de 800 anos, universidades, bibliotecas, etc, o livro de medicina usado nas universidades da Europa até o século XVII era de origem mulçumana, a Ásia sempre foi o berço da civilização, vários pensadores lidos na Grécia e até no Ocidente se pensa que eram gregos na verdade eram fenícios, só evoluíram pq encontraram as Américas e saquearam o continente, e mesmo assim em 1683 ainda tiveram um susto com o cerco mulçumano em Viena, o poder voltou para a Ásia e agora não… Read more »

Camillo Abinader
Camillo Abinader
Reply to  dfa
1 mês atrás

Como eu disse, está discussão é entre o Ocidente e o Oriente, o Brasil e América Latina não faz parte deste conflito, se querem ficar na torcida pelo Ocidente tanto faz, mas triste pois são desprezados pelo Ocidente, e goste ou não quem manda no Brasil e América Latina já é a China.

Marcelo
Marcelo
Reply to  dfa
1 mês atrás

Voltando um pouquinho mais de tempo na História (só um pouquinho), os povos que deram origem aos gregos são de origem asiática, então, a grosso modo, não poderiam ser considerados ocidentais (os gregos)…
Além disso, meu amigo, os muçulmanos foram além da península Ibérica sim, somente foram detidos na França, por Carlos Martel e, realmente estiveram na Europa por muito tempo, muito mais do que os amigos que respondem aos argumentos do Camilo gostariam de admitir.

Last edited 1 mês atrás by Marcelo
dfa
dfa
Reply to  Marcelo
1 mês atrás

Pois então lamento dizer-lhe mas Asiáticos, Europeus e Norte e Sul Americanos somos todos de origem Africana e este assunto de “supremacia” de raças que vocês gostam de apregoar torna-se irrelevante.

Last edited 1 mês atrás by dfa
Marcelo
Marcelo
Reply to  dfa
1 mês atrás

Agora você disse bem meu amigo dfa. Somos a Humanidade terrestre. Nós mesmos criamos alteridades para nos diferenciar. Como diz o Eclesiastes: “tudo é vaidade”. E não… eu não sou “supremacista” ou dou valor a qualquer vantagem de “raça” ou coisa parecida.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Camillo Abinader
1 mês atrás

Manaus depende principalmente da Japas e das Coreanas, os Chineses estão entrando só agora, mas estão indo pra outros estados, por isso sou a favor da independência de Manaus, o pessoal defende a independência de Taiwan, mas a de Manaus não querem, pura hipocrisia.

Camillo Abinader
Camillo Abinader
1 mês atrás

O Brasil é América Latina, e o Ocidente na maior parte da história foi subjugado pela Ásia, como é novamente hoje em dia, e para quem gosta de ser subjugado pelo Ocidente não tem importância, o Oriente é quem manda no Brasil e o Brasil vai continuar com sua função de enviar matérias-primas para o Oriente, ponto final.

Camillo Abinader
Camillo Abinader
1 mês atrás

E para quem aqui no Brasil tem esse comportamento cômico não faz diferença, é considerado ocidental no Ocidente? Não e todo mundo sabe disso. E agora o Oriente manda aqui TB.

Fábio Mayer
Fábio Mayer
1 mês atrás

A questão é que o mundo que um dia foi bipolar, hoje é tripolar, no futuro bem próximo será multipolar. Haverá EUA, China, Rússia, a Europa e a Comunidade Britânica, e todos terão que produzir suas próprias tecnologias sensíveis, e todos terão que ter parques industriais não apenas militares, mas farmacêuticos. E todos terão que ter planos de contingência para matérias-primas industriais e alimentares. Aquele mundo globalizado que foi prometido nas últimas 3 décadas, acabou com a pandemia e a guerra da Ucrânia, a questão é saber se o mundo conseguirá construir outro sem uma guerra mundial nuclear….

Fábio Mayer
Fábio Mayer
Reply to  Fábio Mayer
1 mês atrás

E o pior: onde o Brasil vai se inserir nesse mundo multipolar? Somos irrelevantes do ponto de vista diplomático, inexistentes do ponto de vista militar, não investimos em tecnologias sensíveis e não conseguimos manter 8 anos de crescimento econômico sustentável. Nossas exportações são em maior parte de commodities…

Oráculo
Oráculo
Reply to  Fábio Mayer
1 mês atrás

Seremos a fazenda do planeta.
Nosso futuro é ser um bando de caipiras metidos a donos do sítio global.

Ibrashim Almitri
Ibrashim Almitri
Reply to  Oráculo
1 mês atrás

Não há qualquer vergonha nisso. Garantir soberania é nosso dever, e se querem comprar grãos, metais e frutas.. vamos vender.

Temos o privilégio de sermos relaxados com nossas coisas por que estamos distante destes caldeirão de problemas!

Ibrashim Almitri
Ibrashim Almitri
Reply to  Fábio Mayer
1 mês atrás

A America do Sul é um lugar isolado do resto do mundo. Isto é uma benção. O Brasil não precisa inserir-se em nada, apenas a aprender andar com as próprias pernas e aliar-se aos outros sul-americanos.

Sermos os esquecidos e irrelevantes é uma dádiva. Devemos apenas garantir a soberania, de resto que se resolvam os outros.

Adriano da Silva
Adriano da Silva
Reply to  Ibrashim Almitri
1 mês atrás

Só de garantir a soberania e o bom relacionamento com os vizinhos do sul, o Brasil tomaria sua liderança natural nas mãos e seria procurado pelo resto do planeta. Mas para isso, precisaria conseguir colocar e manter longe do poder os falsos nacionalistas que nos boicotam.

Sergio Machado
Sergio Machado
1 mês atrás

Nascemos para ser colônia, não adianta. Aqui, nossa primeira fábrica de supercondutores, o CEITEC, em Porto Alegre, a 5 km da Aeroeletronica Elbit Systems, foi sucateado, depredado e esta tentando ser extinto pelo atual governo, durante a gestão do Sr. Astronauta Marcos Pontes. Tentando pq o TCU embarrerou o jogo.

Jagdverband#44
Jagdverband#44
Reply to  Sergio Machado
1 mês atrás

Sérgio só para corroborar:

  1. a CEITEC só produziu UM único tipo/modelo de chip, o do boi. Esse tipo de manufatura não é para ser tocado de forma estatal, pelo menos não em um estado tipo o brasileiro (dentre outros, argentina etc etc);
  2. a subsidiária da ELBIT, a AEL, não fica a 5 km da CEITEC, e sim a uns 15.
Adriano da Silva
Adriano da Silva
Reply to  Jagdverband#44
1 mês atrás

Esse tipo de manufatura deve ser tocado sim por Estatal. Chip é insumo estratégico para tudo e precisamos formar mão de obra especializada local. Não há possibilidade de atrair uma empresa privada para dentro do Brasil hoje. E é possível ter lucro com chips, mesmo de tecnologia ultrapassada, além de ser catapulta para novas pesquisas e tecnologias.

Jagdverband#44
Jagdverband#44
Reply to  Adriano da Silva
1 mês atrás

A TSMC, QUALCOMM, SAMSUMG e etc não são estatais, pelo menos não nesse momento…
Realmente você acha que o estado brasileiro e seus infindáveis coronéis e juízes tem condições de tocar um negócio rentável sem ter corrupção envolvida?
Acorda pedrinho!

Sergio Machado
Sergio Machado
Reply to  Jagdverband#44
1 mês atrás

Foi querer corrigir, se excedeu . Quando fala-se em distância, é radial. Ainda assim, por via rodoviária não tem nem 10 km.
O CEITEC nasceu pra ser de fomento e formar mão de obra, ocupando o vácuo criado pela iniciativa privada, não para ser competitivo, prova disso é que ele nasceu já relativamente obsoleto, com equipamentos da motorola. Nasceu como centro de pesquisa modelo e ter relação próximas às universidades, não como fábrica. Acima de tudo, é um centro de fomento.
Ainda assim, a crítica permanece. Encerrar suas atividades é de uma ignorância monstruosa somada à falta de visão.

Henrique
Henrique
Reply to  Sergio Machado
1 mês atrás

CEITEC” KKKKKKKKKKKKKKKKK… como uma Estatal que cria um chip horrível fosse ter alguma relevância. Encosto só produziu um chip defasado que não é competitivo em nada. dinheiro jogado fora apenas
.
Se você quer um empresa produzindo chips no Brasil chips tudo que o Brasil precisa fazer fazer é dar o incentivos fiscais para atrair as empresas do ramo… Estado produzir chips só vai levar a produção disso aqui “chip do boi

Alessandro
Alessandro
Reply to  Sergio Machado
1 mês atrás

Não escreve bobagens, a empresa estava dando PREJUÍZO, enquanto os grandes países fabricam chips entre 2 a 30 nanômetros a Ceitec fabricava de 600 nm.

É SURREAL a defasagem tecnológica que a Ceitec está, essa empresa era um cabidão de empregos estatal, era essa a verdadeira serventia deles.

A empresa é tão ATRASADA que tentaram leiloar aquela porcaria e ninguém quis comprar, e agora o governo está com um belo abacaxi que está sendo custeado por NÓS.

Last edited 1 mês atrás by Alessandro
Adriano da Silva
Adriano da Silva
Reply to  Alessandro
1 mês atrás

Qualquer estatal dará prejuízo nas mãos do governo que não gosta e não quer ter esforços estratégicos para manter a empresa funcional. Até a Petrobrás vira “um problema” nas mãos de falsos nacionalistas.

Luiz Trindade
Luiz Trindade
1 mês atrás

Vejo todo mundo aqui criticando mas eu vejo como um esforço principalmente para romper a dependência da indústria de chip da Ásia, principalmente, da China.

Welington S.
Welington S.
1 mês atrás

Tá aí uma capacidade que nós deveríamos ter. É inacreditável um país do tamanho do Brasil, não ter essa capacidade dentre tantas outras. Surreal isso. Parece que, literalmente, o Brasil, foi projetado para não da certo.

Richard Stallman
Richard Stallman
1 mês atrás

Acho difícil que de certo. A Europa e extremamente chata e burocrática para alguém querem de arriscar lá, é por isso que Elon Musk foi para EUA e não Europa.

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
1 mês atrás

Conversa da maior treta. Que papo furado.
Aliás, a trilogia não falou sobre a quebra nas sanções por parte da Alemanha e Canadá para concertarem a turbina. E não falou, porquê?
Também não falou sobre as empresas europeias que tão pagando em rublos.
Isso aí é fantasia. Nenhum país e nenhum bloco conseguirá ser autossuficiente ou parar a globalização.
O presente, como demonstrou o covid, é de interdependência e aceitação por parte da linha Ocidental, que não vai mandar no mundo sozinho.
Esse jogo, terminou.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Mateus Gonçalo
1 mês atrás

Mateus olha isso https://youtu.be/fhopuMfMzmM

rfeng
rfeng
1 mês atrás

Que besteirol custos de mão de obra proibitivos e fabricas ociosas logo logo, produção alta e qualidade com baixo preço no mercado já foram dominados por três países isso só funciona se os EUA e a Europa gerirem essa baixa demanda com altíssimos subsídios.

Jacinto
Jacinto
Reply to  rfeng
1 mês atrás

A tecnologia para produção de semicondutores de 5nm e 3nm é um monopólio da ASML, que é uma empresa holandesa. É só a UE tributar a exportação desta tecnologia que ela consegue equalizar os custos europeus com os de outros países.

Miguel Brandão
Miguel Brandão
1 mês atrás

Acho que estão se preparando para uma invasão chinesa em Taiwan. Diminuir a dependência.
Vão aproveitar a revolução do 5G, que vai diminuir muito a necessidade de mão de obra.
Vão ter que resolver o problema energético. Há muito gás no Mediterrâneo, mas esse gás não estará disponível no curto prazo.

Diego Tarses Cardoso
Diego Tarses Cardoso
1 mês atrás
fewoz
fewoz
1 mês atrás

Três pontos importantes a notar dessa curta matéria: 1. Ação direta do Estado Francês (e também europeu) para um setor estratégico. O Brasil parece ser o único país no mundo onde os liberais acham que o tal “mercado” resolve absolutamente tudo. 2. O valor pífio de 5,7 bilhões. Isso não faz nem cócegas se comparado com o montante investido pelos grandes players do mercado. É verdade que terão outros incentivos, mas pelo que vi em outras matérias, ainda assim não são grandes o suficiente. 3. Mesmo com esse desejo de deixarem de depender dos EUA, ainda assim terão uma empresa… Read more »

Natan de Oliveira
Natan de Oliveira
1 mês atrás

Enquanto isso, o governo federal fechou ano passado a ÚNICA fabricante de processadores do hemisfério sul, a CEITEC, uma estatal brasileira com tecnologia totalmente nossa. A justificativa? Dava prejuízo de alguns milhões de reais. Somos o celeiro do mundo, e é só isso mesmo viu.

mcremp
mcremp
Reply to  Natan de Oliveira
1 mês atrás

“Tecnologia totalmente nossa?” A CEITEC usava máquinário importado de segunda mão, já obsoleto.

Somos o celeiro do mundo porque nossos políticos nunca criaram a sojabrás, senão nossa produção de grãos ia pro buraco rapidinho.

Últimas Notícias

Brasil e Coreia do Sul fecham acordo para produção de semicondutores da Samsung no país

O Brasil e a Coreia do Sul estão fechando acordos para a construção de uma fábrica de chips semicondutores...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -