A Saab recebeu encomendas para o sistema de defesa aérea terrestre RBS 70 NG e o radar Giraffe 1X do Ministério da Defesa da Letônia. As entregas começarão em 2022

O radar Giraffe 1X, combinado com o RBS 70 NG, fortalecerá ainda mais as capacidades de defesa aérea da Letônia, permitindo um melhor desempenho.

“Nosso amplo conhecimento em defesa aérea terrestre nos permite oferecer uma solução completa na área. Com este pedido, as Forças Armadas Nacionais da Letônia receberão o radar Giraffe 1X com suas melhores capacidades, bem como o sistema de defesa aérea de curto alcance RBS 70 NG mais capaz do mundo”, disse Mats-Olof Rydberg, chefe de Marketing e Vendas, unidade de negócios da Saab Missile Systems.

O RBS 70 NG é usado por várias nações em todo o mundo, incluindo Suécia, República Tcheca e Brasil. A versão mais recente oferece um rastreador de alvo automático e uma visão noturna integrada. O Giraffe 1X está sob contrato para uma variedade de clientes e é um radar 3D verdadeiramente compacto e leve de alto desempenho. O Giraffe 1X pode ser usado para tarefas que incluem defesa aérea terrestre, sistemas aéreos não tripulados (C-UAS) e proteção de locais, bem como aplicações navais para todos os tipos de embarcações.

Sobre a Saab

A Saab é uma empresa líder em defesa e segurança com uma missão duradoura, para ajudar as nações a manter seu povo e a sociedade seguros. Capacitada por seus 18.000 talentos, a Saab constantemente ultrapassa os limites da tecnologia para criar um mundo mais seguro, sustentável e igualitário. A Saab projeta, fabrica e mantém sistemas avançados em aeronáutica, armas, comando e controle, sensores e sistemas subaquáticos. A Saab está sediada na Suécia. Tem grandes operações em todo o mundo e faz parte da capacidade de defesa interna de várias nações.

FONTE: Saab

Subscribe
Notify of
guest

2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rafael
Rafael
1 mês atrás

Essa aquisição pode significar algo maior num futuro próximo. A Saab, a Northrop e a MBDA avançam na integração dos radares Giraffe e do lançador CAAM ao IBCS (o sistema de comando da arquitetura de defesa aérea e de mísseis do exército americano). A ideia é literalmente construir algo plug and play, ou plug and fight, e acomodar o maior número possível de radares e lançadores para atuar conjuntamente e cobrir diferentes espectros e ameaças. O que torna isso possível é a IFCN, uma espécie de super modem/roteador que vai permitir que todos esses sistemas se comuniquem há dezenas de… Read more »

755603F6-1BB4-4C2E-B564-D7E866DB131F.jpeg
ICARO
ICARO
1 mês atrás

Por favor, alguém poderia me informar a validade, considerando armazenagem ideal (temperatura, umidade, vibrações, etc), de mísseis ar-ar , ar-solo, solo-ar, mar-mar, etc, seja por guiamento IR ou radar ativo?
Com a validade esgotada, pode-se trocar componentes, como sensores, propelente e carga explosiva? Fabricantes fornecem esses componentes “avulsos”?