O chefe da fabricante norueguesa Nammo disse que os planos para aumentar a produção em sua maior fábrica são afetados pelas demandas do data center próximo

Um dos maiores fabricantes de munição da Europa disse que os esforços para atender à crescente demanda da guerra na Ucrânia foram frustrados por um novo data center da empresa TikTok que está monopolizando a eletricidade na região próxima à sua maior fábrica.

O executivo-chefe da Nammo, que é co-propriedade do governo norueguês, disse que uma expansão planejada de sua maior fábrica no centro da Noruega encontrou um obstáculo devido à falta de energia excedente, com a construção do novo data center da TikTok consumindo eletricidade em a área local.

“Estamos preocupados porque vemos que nosso crescimento futuro é desafiado pelo armazenamento de vídeos de gatos”, disse Morten Brandtzæg ao Financial Times .

A demanda por cartuchos de artilharia é 15 vezes maior do que o normal e a indústria de munições da Europa precisa investir € 2 bilhões em novas fábricas para atender às necessidades da Ucrânia, de acordo com Brandtzæg.

Segundo algumas estimativas, a Ucrânia está disparando de 6.000 a 7.000 projéteis de artilharia por dia e enfrenta escassez de munição após mais de um ano de guerra.

Os líderes da União Europeia anunciaram um programa para reembolsar os países que oferecem munição de artilharia à Ucrânia de um fundo de € 1 bilhão, enquanto gastam € 1 bilhão adicionais no aumento da capacidade de fabricação de munições em todo o bloco.

Mas os planos da Nammo de expandir sua maior instalação de fabricação parecem ter esbarrado nos esforços da TikTok para melhorar sua imagem diante de um número crescente de proibições em todo o mundo, armazenando os dados dos europeus mais localmente.

O TikTok está lutando contra uma proposta de proibição nacional nos EUA , onde já foi banido na maioria dos dispositivos governamentais.

O governo do Reino Unido , a Comissão Europeia e o Parlamento Europeu também baniram recentemente o TikTok dos telefones dos funcionários devido a preocupações de que os dados do usuário pertencentes à empresa – que pertence à empresa chinesa ByteDance – possam ser coletados pelo governo da China.

O TikTok disse no ano passado que alguns funcionários na China podiam acessar dados de usuários europeus e admitiu que funcionários usaram seu próprio aplicativo para espionar jornalistas em um esforço para rastrear vazamentos.

Em uma audiência no Congresso na semana passada, no entanto, o CEO da empresa insistiu que o TikTok era totalmente independente do governo chinês e que as autoridades chinesas não tinham acesso aos seus dados.

No entanto, em um esforço para apaziguar os legisladores europeus, o TikTok disse que começaria a armazenar dados de usuários europeus localmente este ano, com a migração continuando até 2024. A empresa disse que reduziria a transferência de dados para fora da região e reduziria o acesso dos funcionários aos dados do usuário internamente.

A empresa anunciou planos para abrir novos data centers na Irlanda e na região de Hamar, na Noruega.

A Elvia, fornecedora local de energia, confirmou ao Financial Times que a rede de eletricidade não tinha capacidade ociosa depois de alocá-la ao data center por ordem de chegada. Capacidade adicional levaria tempo para se tornar disponível.

TikTok foi contatado para comentar.

As empresas internacionais de tecnologia e mídia social estão enfrentando maior escrutínio sobre a operação dos grandes centros usados ​​para armazenar grandes quantidades de dados. Esses centros consomem grandes quantidades de energia para alimentar e resfriar os servidores que armazenam fotos, vídeos e outros dados baseados em nuvem dos clientes.

Até 2030, a Comissão Europeia estima que os data centers serão responsáveis ​​por 3,2% da demanda de eletricidade no bloco , um salto de 18,5% em relação a 2018.

Um projeto de plano para forçar os data centers a publicar seu impacto ambiental foi obtido pelo Politico no ano passado. As autoridades “não devem ser colocadas na posição de ter que escolher entre atrair … centros de dados, por um lado, e garantir que empresas e residências possam acessar eletricidade, por outro lado”, afirmou o plano.

FONTE: The Guardian

Subscribe
Notify of
guest

27 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
M.@.K
M.@.K
1 ano atrás

Guerra híbrida…

Ildo
Ildo
1 ano atrás

O TikTok está limitando a fabricação de munição?

São “culpados” pela falta energia excedente?

Europa 2023…

Jarbass
Jarbass
Reply to  Ildo
1 ano atrás

Por mim esta coisa inútil onde não tem vida inteligente não deveria existir.

Ildo
Ildo
Reply to  Jarbass
1 ano atrás

E Facebook, Instagram?

Comte. Nogueira
Comte. Nogueira
Reply to  Ildo
1 ano atrás

Coisa de primeiro mundo!

M4l4v|t4
M4l4v|t4
1 ano atrás

O TikTok poe a prova o pensamento progressista e libertário de qualquer liberal. Porque? Já experimentou usar uma rede TOR ou VPN e instalar o TikTok em uma AVD Android usando um Android Studio, Android-x86 ou qualquer outro emulador de Android? Não? Então faça e caia de costas! O TikTok na China é completamente diferente. É claramente um instrumento que o governo chinês usa para emburrecer e envenenar as democracias ocidentais. É lixo, é puro veneno sendo despejado com muito conhecimento sobre psicologia e neurociência sendo aplicados para o mal. Sou Liberal do ponto de vista econômico e progressista do… Read more »

Last edited 1 ano atrás by M4l4v|t4
Ildo
Ildo
Reply to  M4l4v|t4
1 ano atrás

Fonte que o Tik Tok é “instrumento do governo chinês”? (100% narrativa advinda do Departamento de Estado dos EUA…).

Ainda bem que o ocidente tem Facebook, Instagram, etcs, para tornar seus usuários “inteligentes e purificados”…

Cada uma…

M4l4v|t4
M4l4v|t4
Reply to  Ildo
1 ano atrás

Estou falando sob o ponto de vista técnico, como profissional de TI.
Sim, não há dúvida de que o TikTok utiliza algoritmos que utilizamos para o mal, para viciar alguém em um jogo eletrônico, por exemplo.

Não é o que você acha. É o que constatamos.

Ildo
Ildo
Reply to  M4l4v|t4
1 ano atrás

Eu vejo acima o que os algoritmos da mídia e industria cultural satélite dos EUA fazem explicitamente…

M4l4v|t4
M4l4v|t4
Reply to  Ildo
1 ano atrás

Deixa eu só colocar um adendo aqui. Quando uso o termo algoritmo, o faço com conhecimento de causa, não da forma vulgar que o povo usa para tudo. Quando digo algoritmo estou falando sobre fórmula, normalmente produzida por cientistas de outras áreas, na forma de programação e que utilizamos para chegar a um resultado, com ou sem o uso de machine learning. Frontend UI de aplicativo de cassino. Backend que além de modificar radicalmente o conteúdo de acordo com o tipo de governo que o seu país possui, persegue sua consciência em fases sutis, sempre levando o usuário para um… Read more »

Last edited 1 ano atrás by M4l4v|t4
Ildo
Ildo
Reply to  M4l4v|t4
1 ano atrás

Eu vi a audiência do CEO da Tik Tok no Congresso dos EUA; foram patéticos… E o cara não é chinês; e de Cingapura…

O curioso nessa preocupação com o Tik Ton é que as pltaformas dos EUA roubam, comprovadamentem dados em massa em todo mundo, nem se fala no Brasil, mas isso não é um problema para os americanófilos…

Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  Ildo
1 ano atrás

”Cada uma” comparar um governo democrático, com um que não vai a eleições e pode fazer até que um empresário nacional, perca metade da fortuna, só por criticar as autoridades de supervisão, nem sequer foi o partido comunista Chinês ou o governo Chinês, isto aconteceu com o dono do ali-babá.
Foi um pequeno aviso, só.

Ildo
Ildo
Reply to  Rui Mendes
1 ano atrás

“Democrático” pra quem?

Conhece a organização social e política chinesa? Que começa em nível de bairro?

Um país de 1,4 bilhão de habitantes que erradicou a miséria.

Já os EUA tem > 40 milhões de indigentes e crescendo…

Exemplo de “democracia” (2 partidos que se alternam infinitamente no poder dentro de um sistema absolutamente oligárquico e plutocrático…).

Comte. Nogueira
Comte. Nogueira
Reply to  Ildo
1 ano atrás

Absolutamente tudo na China tem participação do governo chinês. Portanto, o tiktok não poderia ficar de fora.

Ildo
Ildo
Reply to  Comte. Nogueira
1 ano atrás

É? Segundo quem?

As mídias dos EUA comprovadamente atuam em conluio com as agências de inteligência yankees… Mas por aqui não é problema… Estão preocupados com o Tik Tokk nos EUA e Europa…

Impressionante… Pauta automática…

JOSE CARVALHO
JOSE CARVALHO
Reply to  Ildo
1 ano atrás

Mais automática que seus comentários é impossível. Credo, nem os fundamentalistas são tão chatos, acho que um bot hoje consegue se passar menos por bot que o camarada. Como ocidental, posso apontar que de fato a fórmula de penetração do Thic 7ok apenas seguiu a tendência das redes sociais vigentes no ocidente. Não é diferente do Snapchat ou Reels do Insta e assim por diante. É fato também que se for feita uma rede social “intelectual”, ou uma ferramenta de melhoria do “pensamento ocidental”, a rede seria ostracizada, não daria certo, seria criticada abertamente. Mas o Tyc Töchk ainda é… Read more »

Last edited 1 ano atrás by JOSE CARVALHO
Talisson
Talisson
Reply to  M4l4v|t4
1 ano atrás

Deixei de entender o Ocidente quando o presidente dos EUA foi banido da rede social enquanto o porta voz de um grupo categorizado como terrorista por eles mesmos tinha perfil na mesma rede. O identitarismo esta destruindo o Ocidente e seus satélites (nós). O que importa é pronome neutro e incluir mais letras e símbolos naquela tal sigla… Enfim, se o Oriente, por jogar melhor, tiver que vencer, que vença!

Last edited 1 ano atrás by Talisson
Ildo
Ildo
Reply to  Talisson
1 ano atrás

No Facebook, Instagram e YouTube existem centenas de perfis e canais neonazistas e de grupos salafistas/jihadistas/terroristas que atuaram(am) como proxys dos EUA/Europeus, principalmente no Oriente Médio, sobretudo na Síria…

Enquanto isso baniram quase toda mídia alternativa ou independente…

Nem se fala da russa, desde fevereiro de 2022..

Mas claro, no ocidente existe “liberdade de expressão” … Sim, a do status quo determinado por eles…

Assange que o diga…

E quem só vê essa mídia (da bolha do ocidente coletivo) , a legitima e reproduz ainda acha que tem “pensamento livre”…

M4l4v|t4
M4l4v|t4
Reply to  Ildo
1 ano atrás
  1. Canal neonazista não sei se tem, muito menos que esteja cheio como você diz que está; Mande uns links para nós já que está assim tão cheio como você diz que está.
  2. Canal de comunazi radical de esquerda, isso sim está cheio. Alias, o Brasil está cheio de pessoas loucas que representam extremo perigo à pessoas com instrução. Não há nada mais perigoso do que colocar fatos irrefutáveis na frente de um esquerdista. É pedir para ter porrada ou coisa pior
Ildo
Ildo
Reply to  M4l4v|t4
1 ano atrás

Não conhece censura no YT? Instagram? Twitter? Óbvio que não; é totalmente pró EUA…

Comunazi? Já sei de onde saiu isso… Sem mais…

M4l4v|t4
M4l4v|t4
Reply to  Talisson
1 ano atrás

Recentemente estávamos discutindo a questão da Itália vs China em outro post.
Se você acha que é jogo limpo dar prejuízo a outro país (Itália) em mais de 1 trilhão de Euros por ano a 3 décadas (correção monetária) pirateando suas marcas. Então tá. Quem sou eu pra te convencer de qualquer coisa depois disso.

Na minha opinião a China não joga, ela rouba.

Nemo
Nemo
Reply to  M4l4v|t4
1 ano atrás

Realmente o Ocidente não precisa do Tik Tok. Ele tem seus próprios meios para emburecer a turma. O resultado é o mesmo, mas tudo bem.

Ildo
Ildo
Reply to  Nemo
1 ano atrás

Isso não é problema para ele. Nem os colossais e corriqueiros roubos e vazamentos de dados comprovados das plataformas dos EUA.

A preocupação dele no momento é Tik Tok nos EUA e Europa… Que “timming”, não?

Last edited 1 ano atrás by Ildo
paulo lahr
paulo lahr
Reply to  M4l4v|t4
1 ano atrás

Exatamente. Sou leigo, mas acredito que ele usa a geolocalização para definir por algoritimo que assunto quer influenciar em uma região.

Mas, esta estratégia não é mérito dos chineses. O Ocidente se afundou na sua banalização por meios próprios, e os chineses enxergaram isso e aumentaram essa dose de inutilidade. O mérito deles foi esse.

JOSE CARVALHO
JOSE CARVALHO
Reply to  paulo lahr
1 ano atrás

Aqui temos um comentário que não foi invadido pelo bot…. curioso.

Concordo, no começo das redes sociais eu poderia ter amigos de diversos paises, enquanto o Facebook me limita aos meus contatos e espaço geográfico para potencializar o efeito publicitário. Se funciona para publicidade, funciona para outras coisas também.

Temos que rejeitar o uso da tecnologia para o bem de poucos e focar em tornar a tecnologia novamente uma ferramenta para os seres humanos. Se a AI vai ser uma ferramenta para lixar com o povo ou para reforçar a humanidade depende infelizmente de humanos sem nenhum valor.

Paulo Montezuma
1 ano atrás

são tão bobas essas brincadeiras de primeira de abril

DanielJr
DanielJr
1 ano atrás

1 de abril haha