Ucrânia recupera território controlado pela Rússia desde 2014

63

É a primeira vez desde a invasão de Moscou no ano passado que Kiev retomou as terras confiscadas na invasão inicial de Donbass, oito anos atrás

A Ucrânia liberou pela primeira vez um território que estava sob controle russo desde 2014, disseram autoridades da inteligência britânica.

O pequeno pedaço de terra fica em uma área perto de Krasnohorivka, cerca de 16 quilômetros a sudoeste da cidade de Donetsk.

A captura marca a primeira vez desde a invasão russa em fevereiro do ano passado que as forças ucranianas conseguiram retomar as terras tomadas na invasão inicial de Donbass, oito anos antes.

As tropas ucranianas teriam libertado as terras na semana passada, mas a notícia da vitória foi mantida em segredo até agora por razões táticas.

“As forças aerotransportadas ucranianas fizeram pequenos avanços a leste da vila de Krasnohorivka, perto da cidade de Donetsk, que fica na antiga Linha de Controle”, disse o MoD da Grã-Bretanha na terça-feira em sua atualização diária de inteligência.

“Esta é uma das primeiras instâncias desde a invasão da Rússia em fevereiro de 2022 em que as forças ucranianas provavelmente recapturaram uma área de território ocupada pela Rússia desde 2014.”

Um porta-voz dos militares ucranianos disse que a terra foi recapturada em um “ataque bem preparado”.

“Houve iniciações de ações e apoio de artilharia e equipamento pesado. Eles também limparam certas áreas de minas”, disse Valerii Shershen, porta-voz da Força de Defesa de Tavria.

‘Isso tem um significado simbólico para nós’

Ele descreveu o avanço das tropas ucranianas como “inesperado” e disse que a Rússia tem lutado muito para expulsar as forças de Kiev das posições recém-capturadas com ataques diários e bombardeios pesados.

“Isso tem um significado simbólico para nós, um momento de princípio e uma certa melhora na situação tática”, acrescentou o porta-voz.

Em seu discurso noturno na segunda-feira, o presidente Volodymyr Zelensky disse que era um “dia feliz” para a Ucrânia, mas não revelou detalhes específicos sobre os avanços de Kiev.

“ Nossos guerreiros avançaram em todas as direções , e este é um dia feliz. Desejei à galera mais dias assim”, disse.

Em 2014, a Rússia anexou ilegalmente a península da Criméia , enquanto forças apoiadas por Moscou tomaram o controle de partes das regiões de Donetsk e Luhansk vizinhas ao continente russo.

Zelensky prometeu acabar com a guerra com a Rússia recuperando esses territórios, restaurando as fronteiras da Ucrânia, conforme reconhecido na época do colapso da União Soviética em 1991.

FONTE: The Telegraph

Subscribe
Notify of
guest

63 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Cleiton
Cleiton
11 meses atrás

Uma questão sem torcida nenhuma, parece que essa guerra é somente por meios terrestres . Será que se fosse os Estados Unidos seria somente meios terrestres ou eles iriam arriscar seus aviões contra os mísseis terra-ar russos ? Porque pelos sistemas que a Ucrânia tem os russos não usam seus aviões ou é a falta de armas guiadas isso?

Magaren
Magaren
Reply to  Cleiton
11 meses atrás

Já teriam terraplanado toda defesa anti aera russa, e com a superioridade aerea já estariam com tropas em terras russas e o putin correndo para algum canto para se esconder, como fez fim de semana, enquanto correria para disparar armamento nuclear soviético como retaliação.

IvanF
IvanF
Reply to  Magaren
11 meses atrás

Não acho que seria “tão fácil” assim, mas acho que a ideia seria essa mesma.

E é por isso que potências nucleares não se enfrentar diretamente, não tem como acabar bem pra ninguém.

Ademir
Ademir
Reply to  Magaren
11 meses atrás

mentira, que nem na iugoslavia conseguiram fazer isso, se cagaram de medo de atacar por terra, imagine contra a russia.

Diego
Diego
Reply to  Magaren
11 meses atrás

Nesse caso, qualquer potência nuclear dispararia suas armas quando chegasse nessa situação, ou vc acha que China, Índia França e outros mais na eminência de serem destruídos deixaria suas armas atômicas guardadas?

Alfa BR
Alfa BR
Reply to  Magaren
11 meses atrás

Imagina isso aqui desdobrado dentro da Ucrânia:

comment image

Chegaria à Moscou.

sub urbano
sub urbano
Reply to  Cleiton
11 meses atrás

Sim. Iriam arriscar de qlqr forma. É o jeito deles de lutar. No vietnã, qnd enfrentaram uma defesa aérea no estado de arte os americanos perderam quase 10.000 aeronaves. Só de helicopteros foram mais de 5.000 abatidos pelos vietnamitas. Usaram mesmo assim. Americanos perderam uns 60.000 soldados no vietnã. Sem a aviação teriam perdido um numero umas 10x maior. Os russos não usam sua aviação na ucrania pq consideram uma escalada do conflito. O gap entre o poderio aereo russo e da OTAN é considerável. Os russos não podem se arriscar perder aeronaves, caso o conflito escale para uma guerra… Read more »

Marcos Silva
Marcos Silva
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Helicópteros abatidos pela antiaérea norte-vietnamita?
Creio que não.As aeronaves foram perdidas em operações aerotransportadas por armas disponíveis aos infantes do NVA e viet cong.

Cleiton
Cleiton
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Do Vietnam é bem verdade isso .pensamento de perder um avião e salvar vários soldados .coisa que parece que os russos não ligam muito é em perder soldados ,mais contra uma aliança do tamanho da Otan seria oque em aviões ,uma quantia de 10×1 ? acho que não seria tão útil assim essa economia de meios contra a úcrania . Se partir pro confronto direto com a Otan será um adeus para todos nós . Acho que as armas seriam outras.

Nei
Nei
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Dizer que o EUA iriam fazer isso novamente (usar aviões), é verdade, mas querer comparar mísseis de hoje em dia com o que foi usado na época no Vietnã, daí você joga muito sujo. Com os aviões furtivos e misseis de longo alcance e com a saturação dos sistema de defesa aérea, trariam uma vantagem aos EUA em relação a guerra convencional à Rússia. Uma bateria de S-400 é eficaz, mas não tem munição infinita, bastando saturá-la com Míssil antirradiação. Claro, a Rússia também tem mais meios de defesa e ataques, mas como na Ucrânia, demonstra estar perdida e afundando… Read more »

Guilherme Leite
Guilherme Leite
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Sempre com a desculpinha fajuta de não escalar a guerra.

Não usam e recuam porque não conseguem !

soldado imperial
soldado imperial
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Tá na hora da Russia parar de brincar e usar a aviação, a frota do báltico, a frota de Vladivostok, pau, porrete , estilingue, seja lá o que eles tem……… tá feio pros Russos a guerra!!! A Russia era o grandão da escola que todo mundo tinha medo, aí um dia ele resolveu brigar com um garotinho menor, dar uma surra pra manter a pose, só que as coisa não saíram nada bem…….. Aquela história de que controlam( ou tomaram) 10% da Ucrania já esta muito batida….!!!! è aquela historia do fortão que deu um soco no nariz do baixinho(tá… Read more »

Junior
Junior
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Ecalada de conflito? Mais ¨pé no chão¨: falta de capacidade, falta de treinamento, falta de meios.

Nuno Taboca
Nuno Taboca
Reply to  Cleiton
11 meses atrás

OTan vs Rússia com meião convencional, teria varrido o putin fujão pra Sibéria. Estaria correndo até hj. Rússinha e uma piada, nem os wagneritas eles dão conta

francisco
francisco
Reply to  Cleiton
11 meses atrás

É com um exercito destes que a Russia pensava em enfrentar a OTAN?

Cleiton
Cleiton
Reply to  francisco
11 meses atrás

Bom eu não tenho lado a e nem lado b. Equipamentos militares enchem os olhos de qualquer um . Quem nunca sonhou em estar em um avião desses ou um tanque ? Mais olhando pessoas pulando em uma mina e se explodindo é triste. Agora voltando ao assunto acredito que contra mais de 30 países em uma guerra nenhum axercito daria conta é por isso que eles possuem tantas nucleares. Serviria só para ganhar um pouco de tempo antes do fim de tudo no mundo.

Ademir
Ademir
Reply to  francisco
11 meses atrás

Não, esse é o low cost que a Russia emprega na Ucrania, que é o suficiente para segurar a area ocupada.

Hcosta
Hcosta
Reply to  francisco
11 meses atrás

Um país com um PIB, população, investimento em modernização, etc… muito abaixo da OTAN e com os níveis de corrupção, as sucessivas falhas em modernizar os equipamentos, os níveis de corrupção, os níveis de treinamento, a falta de experiência, etc… e ainda querem milagres?

Mas faça as contas em paridade de compra para tudo ficar equilibrado…

A Rússia enquanto for uma ditadura será sempre uma pequena fração do seu potencial. Mas haverá sempre quem ache que é um baluarte do progresso…

Marcelo
Marcelo
Reply to  Cleiton
11 meses atrás

Meios aéreos … a Polônia e a Eslováquia forneceram Mig-29 para a Ucrânia. O envio dos F-16 está em andamento e os pilotos ucranianos serão treinados em tempo recorde. Já houve conversas a respeito do fornecimento de F-18 australianos e Tornado britânicos. A Suécia já ofereceu até o Gripen para testes por pilotos da Ucrânia. Os meios aéreos vão chegando aos poucos … mas vão chegar à Ucrânia. Lembrando que os A-10 continuam sendo baixados dos inventários dos EUA.

Last edited 11 meses atrás by Marcelo
Magaren
Magaren
11 meses atrás

É o tradicional avanço para trás russo.

Nuno Taboca
Nuno Taboca
Reply to  Magaren
11 meses atrás

Constante e eficaz. Eles só aceleram se for do motim. Kkkkk piada essa russinha

Hermet
Hermet
Reply to  Magaren
11 meses atrás

É o tradicional ‘fontes britânicas’ que ‘não podem falar ‘
Mesmo que seja verdade, eles admitem que é um pequeno território.
Irrelevante, pois.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Confia …

LUIZ
LUIZ
Reply to  Magaren
11 meses atrás

O avanço ucraniano é a duras perdas e não são poucas entre material bélico e humano. Tão tentando avançar em Barkmut e tão sofrendo muitas perdas. Tão tentando criar cabeças de ponte em Kerson sem muito sucesso.

Vitor
Vitor
11 meses atrás

Essa fonte é bancada pelo governo Inglês…o circo contínua infelizmente a verdade fica na escoridão.

Hermet
Hermet
Reply to  Vitor
11 meses atrás

Todos percebemos que o pessoal está meio agitado depois da gloriosa contra-ofensiva ucraniana com armas ocidentais.
E piorou depois do teatrinho de Prighozin.
Remédio para isso?
Rivnopil.
Hehehe

Hermet
Hermet
Reply to  Vitor
11 meses atrás

Cara!
Essa contra-ofensiva ucraniana até agora é uma piada.
Se continuar assim, será a primeira da História que não saiu do lugar.

deadeye
deadeye
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Em 1 mês avançaram mais que a Rússia em 1 ano, sem pressa

Hcosta
Hcosta
Reply to  Hermet
11 meses atrás

O Zelenskyy também era uma piada…
Mas parece que o alvo das piadas agora é outro…

Nei
Nei
Reply to  Vitor
11 meses atrás

Sua incapacidade de aceitar derrotas é incrível.

Compra um lencinho e vai ver notícias no Sputnik, lá tem vitória Russa 100% nas postagens, inclusive, segundo a Sputinik a mentira é tanta que os Russos já estão lutando em Varsóvia, com meia Polônia já conquistada.

Sergio Machado
Sergio Machado
11 meses atrás

Milhares de baixas, centenas de blindados destruídos por uma vila?
Ou o MoD Ucraniano faz uma reflexão profunda no modus operandi do conflito, ou esse ufanismo midiático vai destruir o pouco que existe das bravas Forças Armadas Ucraniamas.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Sergio Machado
11 meses atrás

Agora a novidade é o tal dia D ao sul pelo dnieper, vai ser o sucesso.

Mafix
Mafix
11 meses atrás

Não sei se os ucranianos vão retomar todo território mas garanto que se retomar algo próximo ao território de antes da guerra os russos vão endoidar e vamos ver a próxima pataquada deles.

Satyricon
Satyricon
11 meses atrás

Notícia importantíssima, sem dúvida, principalmente para quem estava dizendo que não havia avanços na cobtra-ofenssiva Ucrâniana.
Não só existem, como são diários e constantes.
E a tendência é de crescimento, visto que agora o alto comando russo tem o front interno (leia-se Waguinho) para se preocupar.
Vai ser um espetáculo assistir a esse castelo de cartas russo ruir.

sub urbano
sub urbano
11 meses atrás

A cabeça de ponte q os ucranianos conseguiram em Kherson é agora guarnecida por uma bateria de S300 ucraniana. Podem começar mais movimentações ali nos próximos dias. Imagino q veremos muitas ações de comandos na área, focadas em sabotagens, atrás das linhas do adversário, tanto de ukies como de russos. Um assalto ali poderia permitir os ucranianos controlar a embocadura do rio de Dnipro (hj dos russos na margem sul). São apenas 50 e poucos quilometros até o mar negro. Pra mim é um objetivo muito mais plausivel do que zhaporizia q é onde ocorrem a maioria dos combates da… Read more »

Heinz
Heinz
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Os Ucranianos estão testando as defesas russas, procurando pontos fracos, quando os acham eles mandam reforços e duas reservas, conseguindo penetrar nas linhas russas. Em Zaporizia, é onde estão concentrados a maior parte do continente russo, e lá ele tiveram tempo hábil pra fazer usa série de defesas em profundidade, por isso os Ucranianos estão tendo um dificuldade extrema lá. Os russos ainda detém ampla vantagem em artilharia, pra cada disparo Ucraniano os russos disparam cerca de 40. É surreal a diferença, sem contar no inúmeros campos minados, Helis de ataque. Tá osso para os Ucranianos por ali, mas mesmo… Read more »

Hermet
Hermet
Reply to  Heinz
11 meses atrás

Estão há quase um mês fazendo isso.
Semana passada foram contabilizados 13.500 baixas, cerca de 170 tanques e 350 blindados destruídos.
Esse papo de sondar não cola.
Já mandaram parte de suas reservas para lá.
Não avançaram nada e ainda tem cerca de 130 km até o mar.
Vários analistas e militares ocidentais já dão como fracassada essa operação.

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Imagina o que os analistas falam da operação especial de derrubar kiev em 13 dias….

Nei
Nei
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Só na sua cabeça e nas suas fontes, alguém agredida numa falsa informação dessa.

Nei
Nei
Reply to  Nei
11 meses atrás

acredita*

Mictanos
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Esqueceu de citar que os russos mataram 4 Presidentes Zelenskys também

Marcelo
Marcelo
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Fonte por favor … senão é conversa do Pravda em russo!!!

Hermet
Hermet
Reply to  sub urbano
11 meses atrás

Os vídeos mostravam lanchas rápidas ucranianas deixando alguns soldados debaixo da ponte, nos pilares e saindo.
Os russos começaram a bombardear e acertar debaixo dessa ponte.
São pouquíssimos soldados ucranianos lá e será muito difícil manter suprimentos para esse pessoal debaixo de fogo russo

José
José
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Mesmo papo furado de sempre. Muda-se o nome e o resto continua igual.

Cleiton
Cleiton
11 meses atrás

E querendo ou não estão lutando contra um monstro de um exército ,mesmo com as besteiras que os russos fizeram de erado os cara tem de arma em mãos oque temos de dentes na boca .detonaram já umas 50x oque o Brasil tem e ainda tem muita para usar.

Vitor
Vitor
11 meses atrás

Você leu na CNN , BBC ou é da sua cabeça a fantasia e realidade não se converge.

Nei
Nei
Reply to  Vitor
11 meses atrás

E sua fontes? Você está vivendo numa realidade paralela, acorda pra vida.

Hermet
Hermet
11 meses atrás

O antigo Qings falava: Quando os ucranianos saírem das trincheiras, vão bater em um muro.
Não deu outra.

Santamariense
Santamariense
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Mais uma vez que tu confirma o que eu já falei outras vezes. Conversa usando vários nicks e agora fala de ti mesmo na terceira pessoa. Não há o que não haja…hehehehe

Nei
Nei
Reply to  Hermet
11 meses atrás

Você é o kings.

AVISO DOS EDITORES: NÃO ROTULE OS DEMAIS PARA NÃO SER ROTULADO. MANTENHA O RESPEITO, LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

Henrique de Freitas
Henrique de Freitas
11 meses atrás

Paris e Lisboa parecem a cada dia mais, caminhar a oeste do mapa!

Pedro
Pedro
11 meses atrás

Muito triste esta noticia.

O povo destas regiões tomadas indevidamente pelos ucranianos, são de origem russa e terão de viver sob a ditadura ucraniana.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Pedro
11 meses atrás

Ja era terra abandonada, é uma contra ofensiva tabajara, propaganda só isso.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Nilton L Junior
11 meses atrás

Confia …

Nei
Nei
Reply to  Pedro
11 meses atrás

Contém ironia?

Last edited 11 meses atrás by Nei
Junior
Junior
Reply to  Pedro
11 meses atrás

Ditadura na Ucrânia? Terras tomadas indevidamente? Que Planeta é esse?

Diego Tarses Cardoso
Diego Tarses Cardoso
11 meses atrás

Xadrez 7D de Putin.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
11 meses atrás

Impressionante.

Nei
Nei
11 meses atrás

O avanço pra trás, segue em ritmo acelerado.

Lisboa mais longe que nunca.

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Nei
11 meses atrás

Na verdade querem chegar a Lisboa via pacífico…gênio do xadrez 7d

Oráculo
Oráculo
11 meses atrás

Creio que nas próximas semanas a Ucrânia vai começar, lentamente, a avançar em alguns territórios controlados pelos russos. Principalmente se o Grupo Wagner realmente sair do front, Daí os russos terão um grande problema, que a curto prazo é difícil de resolver. São 25 mil homens com experiência em combate, muitos com participação em vários conflitos, habituados a combate urbanos, de assalto, de choque, etc. Ninguém perde uma força experiente e capaz dessas sem sofrer consequências. A Ucrânia sabe disso. E vão tentar explorar esse vazio de força que a saída do Wagner vai deixar. O comandante Zaluzhnyi ganhou um… Read more »

Diego
Diego
Reply to  Oráculo
11 meses atrás

Exatamente, e de se esperar, não tem como repor essa mão de obra perdida tão rapidamente, ajudaria muito os Russos se sua força aérea aumentasse mais seus ataques nessas linhas mais fracas,pelas notícias,o trabalho da aviação está tímido.

Jose
Jose
11 meses atrás

Em tempo e off topic. MAis uma desses criminosos! Atacando alvos civis de novo…repetidamente. Fracos de tudo.

“O Ministério da Defesa da Rússia nega ter alvejado deliberadamente a pizzaria Kramatorsk e diz que eles tentaram bombardear um hospital”

https://twitter.com/Sputnik_Not/status/1674029926658240512

Last edited 11 meses atrás by Jose