Rússia se prepara para atacar no leste e concentra mais de cem mil soldados e 900 tanques, segundo Ucrânia

95

Líderes militares ucranianos dizem que estão cada vez mais preocupados com uma possível investida russa através do Oblast de Kharkiv, que poderia colocar em risco sua própria contraofensiva.

“Na direção de Lyman e Kupiansk, o inimigo concentrou uma força muito poderosa – mais de 100.000 pessoas, mais de 900 tanques, mais de 555 sistemas de artilharia, 370 canhões autopropulsados”, disse Serhii Cherevatyi, porta-voz do Grupo Oriental do Forças Armadas ucranianas, disse durante o noticiário noturno oficial , informou a agência oficial de notícias do estado Ukrinform segunda-feira .

Em comparação, observou Cherevatyi, “o maior número de tropas soviéticas no Afeganistão era de 120.000”.

O número de 100.000 soldados é desconcertantemente grande. Embora não possamos confirmar, mesmo uma parte significativa desse número seria altamente preocupante.

Os russos “estão concentrando tudo para romper nossas defesas”, disse o porta-voz. “Nossos soldados estão na defensiva. Eles não permitem que o inimigo finalmente tome a iniciativa. É por isso que eles batem neles constantemente.”

“A situação operacional na direção leste continua difícil”, disse o comandante das forças terrestres das Forças Armadas ucranianas, coronel-general Oleksandr Syrskyi, na segunda-feira, de acordo com o canal Telegram do Centro de Mídia Militar. “Para interromper as ações ofensivas de nossas tropas na área de Bakhmut, o inimigo está transferindo ativamente forças e meios adicionais para esta direção, [incluindo algumas] tropas aerotransportadas”.

Ao mesmo tempo, as forças russas “partiram para a ofensiva na direção de Kupiansk” com o objetivo “de derrotar nossas tropas na área de Kupiansk e continuar a ofensiva nas profundezas de nossas formações de batalha”, disse Syrskyi.

Os russos estão “procurando pontos fracos em nossa defesa, conduzindo ativamente ataques nas áreas dos assentamentos de Masyutivka [e] Novoselivske com o objetivo de empurrar nossas unidades além da linha de barreira do rio Oskil”, disse a vice-ministra da Defesa ucraniana, Hanna Maliar disse na segunda-feira em seu canal do Telegram.

Os russos, disse ela, têm duas tarefas. Recuperando o território que perderam e forçando a Ucrânia a “transferir reservas para lá de outras direções”.

As tropas ucranianas “estão na defensiva, oferecendo forte resistência”, disse Maliar. “A situação é complicada. Batalhas quentes estão acontecendo agora.”

A Ucrânia está progredindo em outros lugares, disse Maliar, inclusive no flanco sul em torno de Bakhmut, onde as tropas de Kiev libertaram mais de 31 quilômetros quadrados desde que a contra-ofensiva começou há mais de um mês.

No geral, a Ucrânia libertou mais de 210 quilômetros quadrados em sua contra-ofensiva até agora, disse Maliar, incluindo cerca de 18 quilômetros quadrados no sul e no leste nesta semana.

É exatamente esse tipo de progresso que a Rússia pretende impedir ao tentar forçar a Ucrânia a reequilibrar seus recursos. Também seria usado para drenar as forças de reserva da Ucrânia que estão reservando para um ataque maior.

Os russos, entretanto, dizem que estão infligindo pesadas perdas na Ucrânia em vários eixos.

Em torno de Kupiansk , “como resultado da ação ativa da aviação, artilharia e sistemas de lança-chamas pesados ​​do Grupo de Forças Zapad, unidades [ucranianas] foram atingidas perto de Novosyolovskoye e Stelmakhovka (Oblast de Luhansk) e Sinkovka e Ivanovka (Oblast de Kharkiv).

Não está claro no momento quanto poder de combate a Rússia pode acumular e sustentar no leste, enquanto a Ucrânia continua a fazer progressos incrementais em sua contra-ofensiva. Mas um verdadeiro avanço russo através do Oblast de Kharkiv pode inviabilizar os planos de Kiev.

FONTE: Thedrive.com

Subscribe
Notify of
guest

95 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rodrigo
Rodrigo
11 meses atrás

Se for 900 t55 não adianta, se for 100.000 civis sem treinamento TB não…mas o jenio do xadrez 8 d sabe o que faz…acho

Joanderson
Joanderson
Reply to  Rodrigo
11 meses atrás

Se os tanques estavam na reserva era certo qui um dia ia ser usado, e esse dia chegou.
Na hr da guerra se usa td qui tem.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Joanderson
11 meses atrás

Ainda tem um T-34 funcionando. Ele estava na Praça Vermelha no desfile do Dia da Vitória. Logo estará ajudando os russos na Ucrânia.

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Diz isso para os novos t-90 Proryv que a Rússia mandou para moer os ucranianos

sergio
sergio
Reply to  Rodrigo
11 meses atrás

São T-72/80 embora estima-se que sejam aproximadamente 250 unidades o resto são blindados de vários tipos, e na ultima vez que vi noticias nos blogs Russos eram pouco mais de 600 veículos para uma tropa de 70.000.
São soldados treinados.

Marcelo
Marcelo
Reply to  sergio
11 meses atrás

Confia …

sergio
sergio
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Confio mais que fontes ucranianas, que segundo eles estão vencendo a guerra.

Underground
Underground
Reply to  sergio
11 meses atrás

Uai!
Mas não era para ter tomado Kiev em três dias? Já se passaram mais de 500 dias e …. nada.
Dá até filme: O incrível exército que andava para trás.

alexandre
alexandre
11 meses atrás

Tem 900 tanques pra destruir…

Jagderband#44
Jagderband#44
11 meses atrás

Vá mãe Rússia da democracia e liberdade!
Mostre aos opressores ocidentais quem é você!!!

PACRF
PACRF
Reply to  Jagderband#44
11 meses atrás

Houve algum equívoco na sua manifestação, pois democracia e liberdade não existem na Rússia.

Underground
Underground
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Ele foi irônico .

Jagder#44
Jagder#44
Reply to  Underground
11 meses atrás

Always!

Maurício.
Maurício.
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Ele foi irônico.

leonidas
leonidas
Reply to  PACRF
11 meses atrás

A Rússia jamais conheceu democracia, e ela jamais funcionária com este contrato social ocidental. A Russia sempre demandou mão de ferro para manter coesão territorial e politica. Sejam os Bolcheviques ou os Ksares sempre houve um governo central forte. Uma nação como a Rússia sendo “democratizada” seria um verdadeiro pesadelo para o ocidente. Putim, Saddan, Khadaffi são produtos de um meio, sem lideres como eles suas nações caem no caos. Imagine uma nação do tamanho da Rússia, com os arsenais russos sofrendo um processo de fragmentação e controladas por lideres déspotas mas fracos e lidando com insurgências de todo tipo… Read more »

LUIZ
LUIZ
Reply to  leonidas
11 meses atrás

E mantém a Rússia longe da agenda identitária ocidental financiada por organizações financiadas por George Soros.

Carlos armando
Carlos armando
Reply to  Jagderband#44
11 meses atrás

A russia engonou o mundo quando fez que foi a kiev enquanto isso invadiu o dombas e se retirou de kiev pura jogada

sergio
sergio
11 meses atrás

O que ?????? os Russos estão preparando uma contra, contra ofensiva ?????? Mais como ? não era o Exercito russo que deveria estar esgotado ?, não e o exircito russo que estava ficando sem munição ???, mais eles não estavam ficando sem tanques?, sem blindados ?como pode !!!!!! isso tudo veio de onde ? broto do chão ???? Essa noticia e para quem acha que a contra ofensiva Ucras esta indo bem !!!!!!esta indo tão bem que incentivou os Russos a tentarem retomar os territórios perdidos no ano passado, com sua própria contra ofensiva. Como Adof Hit e napoleão aprenderam,… Read more »

Miguel
Miguel
Reply to  sergio
11 meses atrás

E o pior (para a Ucrânia e OTAN) é que isso ainda é uma pequena parte do poderio russo.
De onde vem isso, tem muito mais.
Só esperando algum passo em falso do Ocidente.

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Miguel
11 meses atrás

Sim ainda t carroça, cavalo..e tem gado russo para manobra…

sergio
sergio
Reply to  Rodrigo
11 meses atrás

Melhor que chapéu de alumínio ucraniano.

PACRF
PACRF
Reply to  Miguel
11 meses atrás

O inexplicável é por que, com tanto poderio bélico, a Rússia não acaba logo com essa guerra, conquistando Kiev, derrubando o Zelensky, e aproveitando seu poderio bélico, ocupa logo a Polônia e a Alemanha, quem sabe até a França. Não é uma boa ideia?

Quirino
Quirino
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Porque essa narrativa de que a Rússia quer invadir a OTAN é apenas isso, uma narrativa, uma narrativa feita para justificar os gastos militares exorbitantes e a própria existência da OTAN. Como o próprio Putin já disse, a Rússia não teria como vencer uma aliança de 32 países, logo, não faz sentido pensar em invadir a OTAN. Quando vejo essa narrativa falsa de que a Rússia é uma ameaça a OTAN fico triste em saber que tem inocentes que acreditam nisso. Quem tem mais de 3 milhões de soldados? Quem tem mais blindados? Quem tem mais aviões? Quem tem mais… Read more »

Last edited 11 meses atrás by Quirino
Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Quirino
11 meses atrás

Engraçado que a narrativa de que a OTAN era uma ameaça à Rússia é tão falaciosa quanto imaginar que Putin iria bater de frente contra a OTAN. Vai ver exatamente por causa disso, quem não era da OTAN ainda, pediu para entrar rapidinho, e aqueles que já estavam perto da Rússia antes, pediram para entrar assim que foi possível.

PACRF
PACRF
Reply to  Quirino
11 meses atrás

O único fato concreto nessa guerra é o seguinte: a Ucrânia é um país independente com fronteiras reconhecidas, que como qualquer nação do mundo, tem o direito de fazer suas próprias escolhas, inclusive pleitear a entrada na UE e na OTAN, por exemplo.

Fernando
Fernando
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Fala isso pra Siria. E para os Palestinos.

Vitor
Vitor
Reply to  Quirino
11 meses atrás

Pois é… todo notícia plantada pelos ianques tem mané que abraça a causa.

Charle
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Prezado, posso estar enganado mas creio que não sejam esses os objetivos russos.

Apenas suponho que eles se aproximem mais da intenção de criar estados-tampões entre o território russo em si e as nações subsidiadas pelos EUA-OTAN.

A questão dos laboratórios militares norte-americanos encontrados em território ucraniano ainda não foi bem explicada. Não mesmo.

Advém daí, talvez, o temor russo por um excessiva aproximação com o ocidente. Ainda mais quando esse ocidente é submisso aos interesses e ideologias ianques.

Last edited 11 meses atrás by Charle
PACRF
PACRF
Reply to  sergio
11 meses atrás

Napoleão e Hitler tentaram invadir a Rússia para conquista-la. A Rússia está fazendo contra a Ucrânia exatamente a mesma coisa que franceses e alemães fizeram contra ela no passado. A que a Ucrânia está fazendo, é a mesma coisa que a Rússia fez no passado contra franceses e alemães: defender seu território e a sua independência.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  PACRF
11 meses atrás

Napoleāo nāo queria conquistar a Rússia, mas fazer o Czar a parar de romper o Bloqueio Continental.

Fernando
Fernando
Reply to  PACRF
11 meses atrás

E mais ou menos o que os Israelenses fazem com os Palestinos? Ou o que os USA fazem na Siria?

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  sergio
11 meses atrás

Nāo leve o que a maioria do pessoal aqui fala a sério. Quase todos aqui sāo torcedores, nāo analistas sérios.

Eu mesmo digo há tempos que a Rússia nāo deveria ser subestimada, sou atacado de todas as formas, até de ser nick de outro usuário já me acusaram. Mas está ai, a realidade se impondo, contraofensiva fracassada dos ucranianos e resposta russa. Como sempre, eu estava certo.

Já falei que essa guerra nāo vai terminar do jeito que o pessoal pró-Ucrânia está torcendo que acabe.

Allan
Allan
Reply to  Allan Lemos
11 meses atrás

Uma guerra não é vencida por narrativas e sim pelo campo de batalha e quem for superior nele impõe suas condições, pelo andar das coisas aparentemente esta indo de acordo com a estrategia russa.

José
José
Reply to  Allan Lemos
11 meses atrás

Torcedores…inclusive vocês né? ..rsrs

Bosco
Reply to  Allan Lemos
11 meses atrás

Esperemos que dessa vez os russos não esqueçam da logística.
100 mil homens e 2000 veículos consomem cerca de 50 carretas/dia de alimentos, combustível e munição.
E dessa vez acho que eles não terão muito o que roubar dos camponeses ucranianos já que destruíram tudo antes.

Zezão
Zezão
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Putin não tem como vencer essa guerra, pois continua insistindo em usar uma estratégia da época da 2GM, na era dos satélites, drones e projéteis de artilharia/mísseis guiada por GPS, a blitzkrieg russa está condenado ao fiasco. Os ucranianos simplesmente usarão HIMARS e projéteis M982 Excalibur pra destruirem os suprimentos russos na retaguarda, sem logística eficaz pra reabastecer continuamente as tropas, a ofensiva russa novamente fracassará. Não é à toa que Prigozhin e Igor Girkin (Strelkov) xingam continuamente Shoigu e Gerasimov de idiotas, kkk… Essa guerra provou que ambos subiram na hierarquia do exército russo por causa da extrema lealdade… Read more »

sergio
sergio
Reply to  Zezão
11 meses atrás

“Os ucranianos simplesmente usarão HIMARS e projéteis M982 Excalibur pra destruirem os suprimentos russos na retaguarda, sem logística eficaz pra reabastecer continuamente as tropas, a ofensiva russa novamente fracassará.”
Certo, me explica então por que eles ja não fazem isso agora com essa contra ofensiva acontecendo para ver se pelo menos eles conseguem chegar a primeira linha defensiva Russa ???

Zezão
Zezão
Reply to  sergio
11 meses atrás

Sergio, eles já estão fazendo, vá se informar, pô!
🤦‍♂️

Paulo Roberto
Paulo Roberto
Reply to  Bosco
9 meses atrás

Não adianta espernear,a contraofensiva dos teus queridos ladrões,homicidas e destruidores de nações deu em m*rda e daqui a algumas poucas semanas dará em m*rda misturada com lama

mago
mago
Reply to  sergio
11 meses atrás

Sérgio! Numa conversa séria, de gente adulta e que estuda a guerra na Ucrania, guerra essa que tranquilamente pode ser classificada como 1ª fase da IIIGM. Esse contingente é muito pouco em relação ao contingente que está sendo preparado pelos russos para, em primeiro momento, avançarem Ucrânia à dentro e possivelmente enfrentarem tropas da otan que possam intervir diretamente. Segundo autoridades dos eua/otan, os russos terão até o final de 2023, 2 milhões de combatentes equipados, treinados e prontos para o combate e em 2024, serão 3 milhões. Volto a afirmar que essa guerra por lá é na verdade o… Read more »

Charle
Reply to  mago
11 meses atrás

Muito interessante! O seu texto é uma opinião difierenciada e analítica sobre, também, “os bastidores” e algumas nuances sutis de tudo o que está acontecendo nessa primeira etapa da guerra.

Magaren
Magaren
Reply to  mago
11 meses atrás

uow, temos um novo Henry Kissinger aqui!

Last edited 11 meses atrás by Magaren
Miguel
Miguel
11 meses atrás

E agora José?
Digo Zelensky.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
11 meses atrás

É pouco, não precisam ficarem preocupados.

Satyricon
Satyricon
11 meses atrás

Esse provavelmente é o remanescente da força blindada russa, ou seja, a rapa do tacho. Os serviços de inteligência da Ucrânia e do ocidente já sabem até o tamanho da força e sua composição.
E os russos, coitados, achando que terão o efeito surpresa.
Que coisa.
Agora é separar os himars, excaliburs, javelins, Nlaw, drones e afins e aguardar.
E que comece o churrasco.

Wagner
Wagner
Reply to  Satyricon
11 meses atrás

Esse coringas ocidentais já foram gastos.

Paulo
Paulo
Reply to  Wagner
11 meses atrás

A Rússia está usando só o material excedente. Os trabalhadores russos estão segurando toda a força e tecnologia da Otan.
Os Eua não estão mais conseguindo voluntários para lutar na Ucrânia. Tem muita novidade por aí.

Last edited 11 meses atrás by Paulo
sergio
sergio
Reply to  Satyricon
11 meses atrás

Opa adoro churrasco inclusive comprei uma churrasqueira top, ela e feita de peças genuínas de leopard’s 2 com grelhas de bradleyíta, e repositor de amx 30, tudo material original direto da contra ofensiva ucraniana, vou levar pro churrasco, vai ser massa.

Moisés Laert Pinto Neto
Moisés Laert Pinto Neto
Reply to  sergio
10 meses atrás

Somente uma conquista da Rússia até agora: transformou o Zelensk em herói mundial!

wilhelm
wilhelm
Reply to  Satyricon
11 meses atrás

“Esse provavelmente é o remanescente da força blindada russa, ou seja, a rapa do tacho.”

Fonte: torcida.

sergio
sergio
11 meses atrás

E bom Rezar mesmo por por que as próximas semanas parece que vão ser complicadas para os Ucras
So para se ter uma ideia, espera-se para as próximas semanas os primeiros ataques de enxame de drones suicidas da Historia.

Miguel
Miguel
Reply to  sergio
11 meses atrás

Project 53.
Fantástico.

sergio
sergio
Reply to  Miguel
11 meses atrás

Exato, se ate o Caiafa teve que dar o braço a torcer, fantástico e o minimo, e ao contrario das super armas magicas dos ucranianos, esse tem potencial de revolucionar a guerra.

Allan
Allan
Reply to  sergio
11 meses atrás

armas simples sem muita magica que fazem só o basico, elas que ganham guerras.

Marcelo
Marcelo
Reply to  sergio
11 meses atrás

Tem um jogo de baralho que se chama truco … então … TRUCO. O Lancet 2.0 é uma exceção russa ao fazer sucesso no campo de batalha. Até o dito “invencível” míssil hipersônico Kinzhal foi abatido por mísseis Patriot … não apenas um, mas seis mísseis Kinzhal interceptados e destruídos. Mas vou esperar … confortavelmente sentado … pelo primeiro ataque de enxame de drones da história e blá blá blá.

Wagner
Wagner
11 meses atrás

E os drones turco,não se fala mais neles, só do Shared 136 feito de “madeira”

LUIZ
LUIZ
Reply to  Wagner
11 meses atrás

Um Bayktar foi abatido recentemente. Vi fotos no Telegram desse drone todo em cinzas. Parece que os drones suicidas baratinhos tem mais serventia do quê o drone turco avançado.

Paulo
Paulo
11 meses atrás

O chatgpt pró eua pira. Kkk
Vai ter insônia.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Paulo
11 meses atrás

Inteligência Artificial não dorme … para desespero dos russos … IA não é o forte deles.

Pedro
Pedro
11 meses atrás

Chora Ucrânia….

Ainda dá tempo de tentar negociar um cessar fogo. vão querer mais um moedor de carne como Bakhmut e Soledar?

Marcelo
Marcelo
Reply to  Pedro
11 meses atrás

Chora Rússia … o Grupo Wagner não está mais na Ucrânia … e só tomou a megalópole de Soledar e, apenas parcialmente, Bakhmut após uma perda colossal de mercenários e de equipamento militar, sendo que os ucranianos não só controlam as colinas perto de Bakhmut, impedindo o avanço russo em direção às cidades fortificadas de Chasiv Yar, Konstantinivka, Kramatorsk e Sloviansk, como avançararam sobre os flancos norte e sul de Bakhmut, quase cercando os russos.

Bosco
11 meses atrás

Essa moda dos russos dar carona para a infantaria em MBTs é muito segura e inteligente.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Uma forma a mais de proteger os blindados contra artilharia usando munição cluster, eu presumo. Os caras pensam em tudo!

Magaren
Magaren
Reply to  Leandro Costa
11 meses atrás

hahahahaha genial.

Brandão
Reply to  Bosco
11 meses atrás

É só cortesia entre as tropas, uma marcha as vezes é bem longa.

Heitor
Heitor
11 meses atrás

Será o fim da linha para o Zelensky?

sergio
sergio
Reply to  Heitor
11 meses atrás

Com a ofensiva ucraniana fracassando do jeito que esta, e ainda por cima os Russos preparando uma ofensiva se eles conseguem retomar os territórios perdidos no ano passado, não sei se ele cai, masvbai ser pressionado a aceitar alguma iniciativa de Cessar fogo. O Biden eu garanto que perde as eleições Americanas.

sergio
sergio
11 meses atrás

Tudo escondido na retaguarda, se for pra linha de frente vira leopard. rsrsrsrs

Heinz
Heinz
Reply to  sergio
11 meses atrás

não entendo vocês, a Rùssia perdeu todos, digo todos os tipos de tanque que possui, do mais ferro velho até o mais moderno T90M. Mas se a Ucrânia colocar Leopard e Abrams na linha de frente e alguns desses foram abatidos qual a surpresa? Que eu saiba eles não são armas de outro planeta.

sergio
sergio
Reply to  Heinz
11 meses atrás

Mais e esse o problema, vcs venderam esses tanques como invencíveis, iriam romper as linhas de defesa russas sem piedade, com as munições de uranio então, ia destruir 3 tanques russos com um tiro só, fizeram a narrativa que só esses ai devastariam as forças blindadas Russas nos primeiros dias da contra ofensiva, isso foi o mantra pregado por vcs, a realidade e bem diferente né.

LUIZ
LUIZ
Reply to  sergio
11 meses atrás

Um drone suicida russo de poucos mil dólares destruindo equipamentos ocidentais de milhares de dólares. Pense num excelente negócio.

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  sergio
11 meses atrás

Sergio,
Eu leio os comentários de ambos os lados aqui, e isso que vc escreveu é coisa de uma minoria da minoria.

A maioria (dos dois “lados”) é razoavelmente pé no chão.

Se perdessem menos tempo nessa briguinha lacradora de quem fala a maior bobagem e partissem para usar mais o cérebro e analisar os fatos e notícias, a discussão sobre defesa no Brasil daria um salto.

sergio
sergio
Reply to  sergio
11 meses atrás

Isso sem falar que segundo Rumores,( trate isso como rumor ) a china ta doida pra por as mão em alguma carcaça de abrams, tem ate alguns bonos envolvidos.

KKce
KKce
11 meses atrás

As construtoras já arrumaram os pedreiros “voluntários”, agora a ofensiva russa vai ser forte. Com os presidiários deu ruim, vamos ver com os pedreiros.

Inimigo público
Inimigo público
11 meses atrás

Se com apenas 214 km quadrados recuperados a Ucrânia fritou 20% do equipamento recebido da OTAN, imagine ter que enfrentar uma força dessas. Melhor o Zé negociar logo o armistício, e ficar longe da OTAN. 100 mil soldados e 900 blindados é muita coisa para seus cansados soldados enfrentarem.

Dá uma de doido, diz que tudo era pegadinha e cada um vai para o seu lado sem ninguém mais se machucar.

Charle
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Parece engraçado mas é sensato!

Cassini
Cassini
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Fritaram só 20%?

Se considerar que a fonte da notícia é ocidental, dá para elevar o percentual de perdas para realistas 40%.

Marcelo
Marcelo
11 meses atrás

Mais de 100.000 combatentes, mais de 900 tanques, mais de 555 sistemas de artilharia e 370 canhões autopropulsados. Mais alvos para ATGMs, drones e artilharia guiada ucraniana. Mais vítimas de minas terrestres e de bombas de fragmentação ucranianas. Os russos podem tentar a sorte na direção de Lyman e Kupiansk … esse desespero todo é porque a contra ofensiva ucraniana está avançando lentamente?

Satyricon
Satyricon
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Lembremos que, para um ataque efetivo, a força atacante precisa superar a defensora numa proporção mínima de 3:1. Isso. Quer dizer que essa “enorme e invencível” força russa pode ser parada com apenas 40.000 defensores ucranianos. Fichinha.
Levando-se em conta que tiveram um ano para os preparativos, como trincheiras, fortificações e campos minados, será um novo atoleiro para os russos. Mais uma Bahkmut.
Muito churrasco (de russos) pela frente.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Vai continuar fingindo que a contraofensiva alardeada aos quatro ventos nāo foi um fracasso embaraçoso para a OTAN até quando?

O desempenho da Ucrânia foi tāo ruim que pelo visto a Rússia se encheu de confiança para lançar sua própria contra ofensiva.

O comediante, sem opçōes e esperança de vitória, já está desesperado para que a OTAN coloque “boots on the ground”.

Nem com 30 países ajudando conseguem expulsar os russos.

KKce
KKce
Reply to  Allan Lemos
11 meses atrás

“Nem com 30 países ajudando conseguem expulsar os russos.” kkkkk E a tal “segunda maior potência militar” em quase 2 anos de guerra não tem nem 20% do território de um país subdesenvolvido e com forças armadas quebradas que precisa de ajuda e até agora só recebeu coisa meia boca da OTAN. Metade do que a Rússia tem hoje foi conquistado lá em 2014 quando a Ucrânia estava sozinha. Baita bicho papão esses russos ein? haha. Rússia só impõe algum receio em alguém pq vive escorada ao fantasma nuclear, sem isso seria um anão na geopolítica. Em forças convencionais capaz… Read more »

Marcelo
Marcelo
Reply to  Allan Lemos
11 meses atrás

Vou fazer um raciocínio bem simples. Em fevereiro de 2022 a Rússia invadiu ilegalmente 25% do território da Ucrânia. Certo? Certo. De lá para cá esse território ocupado vem diminuindo igual a uma contagem regressiva: 25%, 24%, 23%, 22%, 21%, 20%, 19%, 18% e agora está em 17%. O PIB da Rússia é mais ou menos do tamanho do PIB do Brasil. A contra ofensiva ucraniana foi planejada para ser lenta e consistente. E o treinamento dos pilotos ucranianos nos F-16 segue firme. Enquanto a Ucrânia vai empurrando os Russos para trás no campo militar, a economia da Rússia vai… Read more »

Satyricon
Satyricon
Reply to  Allan Lemos
11 meses atrás

Calma Alan, tá aflito porque? É só seu magnânimo império russo ruindo, nada mais. Relaxa. Vocês ficam comemorando como criancinhas quando um Léo 2 é abatido, mas esquecem- se de contar a infinidade de modernos MBT russos (T-90, etc) que estão sendo destruídos, dia após dia, juntamente com toda sorte de equipamentos bélicos russos. Só vai sobrar cacarecos sovieticos defasados. O objetivo é exatamente esse, já te falei. O ocidente não quer que essa guerra acabe rápido, porque o objetivo é desmantelar a máquina de guerra russa, parafuso por parafuso. E isso não vai acontecer se a Rússia desengajar. Ela… Read more »

Pedro
Pedro
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Esta narrativa sua é em qual planeta? É em algum universo paralelo?

Satyricon
Satyricon
Reply to  Pedro
11 meses atrás

Cegos?
Só tenho uma palavra para vocês:

Popov

Foi o general russo que, semana passada, falou sobre o real estado do exército russo (lastimável), e foi demitido por isso. Não foi o primeiro, que foi Prigozin, mas este tinha interesses escusos, é claro.

Mas o Popov não.
Vão negar o que ele disse?
Foi também fruto da propaganda ocidental ( CIA, MI6, Mossad, etc)?
Acordem

Marcelo
Marcelo
Reply to  Pedro
11 meses atrás

Basta ler as notícias e ligar os pontinhos. Os 17% estão caminhando devagar para 16%. E o Grupo Wagner deixou a Ucrânia.

Allan
Allan
11 meses atrás

Já chegaram na Ucrania ?
pelo que falaram os primeiro eram pra chegar em setembro

Jefferson Ferreira
Jefferson Ferreira
11 meses atrás

Certamente deve ser um mix de equipamentos novos com velhos! Será que eles estão indo para o tudo ou nada ? Ou tentando dividir os fronts e recursos ucranianos ? São muitas questões…

A única certeza disso tudo é que vai ter mais torres sendo lançadas em órbita!

Fábio De Souza
Fábio De Souza
11 meses atrás

Está na Hora do Zelensky , procurar O CAMINHO da Diplomacia , pra colocar um fim a essa Guerra. Está se tornando cada vez mais visível , o desgaste que essa Guerra , vem causando aos país membros da OTAN . E com a aproximação das Eleições no EUA , o que pode e dever ser um fator primordial , para o fim de recursos e dinheiro para a Ucrânia . O contribuinte Norte Americano , vai analisar esse fator na hora da escolha do futuro presidente .

Neural
Neural
11 meses atrás

210 quilometros quadrados não é nada, uma fazenda médio porte.Um quadrado de 10x 20km. Isso o que a mídia fiz a verdade deve ser metade.Perderam 20% dos blindados pra isso

Marco
Marco
11 meses atrás

Sei apenas acerca do seguinte: a vitória russa já é uma realidadeeee…, aliás, os EUA sabem, o Trump sabe ( o Biden sabe mas deposita no seu inconsciente para que, láaa adiante, responda: ‘ sonhei que perdemos o jogo de xadrez ‘), a Europa tá careca de saber ( o Macron pula pra lá…pra cá, corre o mundo [ se não fica feio pra Gália ], o Sholz enrubesce ao ver o gás barato no fundo do Báltico…a sua indústria e renda do povo abatidosss). Portanto, senhoras e senhores, essa Operação Especial é como se fosse um grito à queima… Read more »

António Rodrigues
11 meses atrás

Se olharem para a segunda guerra ela demonstra que a Alemanha nazi conquistou quase a Europa em ano e meio. Depois a reconquista demorou três anos e meio. Quantas nações eram contra a Alemanha? O Japão nas suas invasões quanto tempo demorou a ocupar eles? A reconquista pelos aliados demorou quantos anos? A rendição foi feita á base do nuclear senão teria demorado mais tempos e mais baixas aliadas. Para todos os efeitos a invasão russa foi um fiasco se olharem para o passado. Agora é uma guerra de atrito, essa concentração de tropas russas pode ser uma ilusão de… Read more »

naval762
naval762
11 meses atrás

O que têm sido visto nesses anos é que o exécito russo é extremamente bem treinado na arte de morrer no campo de batalha, nisso eles são bons.

alexandre
alexandre
11 meses atrás

900 tanques ? , os A 10 fariam um estrago, os tanques devem ser T 34..

Marcelo
Marcelo
11 meses atrás

Esperando a Rússia chegar em Kiev, a Ucrania congelar e o Ocidente mergulhar em recessão profunda … mas só vejo os russos em marcha ré … 25%, 24%, 23%, 22%, 21%, 20%, 19%, 18% e agora 17% do território ucraniano ocupado ilegalmente pela Rússia. Mas a contra ofensiva ucraniana não vai bem. Sei …