De acordo com um tweet da UkraineWarVid em 12 de junho de 2023, o 8º Exército russo ainda usa um BMP-T Terminator fortemente armado para operações noturnas para atingir as posições das Forças Armadas da Ucrânia na direção de Avdeevsky, uma cidade em Donetsk Oblast, Ucrânia. Numa distância de 4km, utilizaram a variante BMPT Model 2017, que combina a mobilidade de um Main Battle Tank (MBT) com o poder de fogo de um Infantry Fighting Vehicle (IFV).

Com base em informações compartilhadas por um tripulante russo, o BMP-T Modelo 2017 foi considerado como oferecendo vantagens estratégicas no campo de batalha devido ao seu armamento e sua eficácia em operações noturnas. Durante combates noturnos, a visibilidade reduzida afeta a percepção de um soldado sobre os movimentos e posições do inimigo. Os alvos tornam-se mais distinguíveis, as fortificações podem ser destacadas ao luar e a presença de militares pode tornar-se aparente nos monitores. Várias fontes de iluminação também podem se tornar visíveis, revelando áreas onde as atividades estão ocorrendo.

O BMP-T Modelo 2017 é a versão atual do BMPT em serviço com o exército russo que combina as capacidades do BMP-T/Terminator 1 original com o armamento avançado do BMP-T72/Terminator 2. Produzido por Uralvagonzavod, o russo fabricante de tanques de batalha principais (MBTs), este veículo de apoio de fogo foi projetado para oferecer maior poder de fogo e suporte a unidades de tanques e fuzis motorizados.

Terminator operando na Ucrânia

Equipado com uma formidável variedade de armamento, o Terminator Model 2017 cumpre seu papel como um veículo de apoio de fogo de forma eficaz. Possui dois canhões automáticos 2A42 de 30 mm e uma metralhadora coaxial PKTM 7,62 mm como armamento principal. Essas armas fornecem poder de fogo eficaz contra veículos blindados leves e alvos de infantaria. O veículo também é equipado com dois lançadores de mísseis guiados antitanque Ataka-T montados em cada lado da torre, carregando mísseis 9M1201 com carga oca ou ogivas perfurantes de concreto altamente explosivas.

Este armamento permite que o BMP-T Modelo 2017 atinja uma ampla gama de alvos no campo de batalha, incluindo plataformas fortemente protegidas como tanques e fortificações. Seu poder de fogo, combinado com sistemas avançados de mira e mobilidade, aumenta sua capacidade de dar suporte a unidades de tanques e fuzis motorizados em vários cenários de combate.

O equipamento padrão do BMPT-T inclui vários recursos. É composto por um sistema de proteção NBC, um gerador a diesel de 5 kW alojado em um compartimento blindado no lado direito do casco e um sistema automático de detecção e supressão de incêndio de dois disparos. O sistema de controle de tiro do veículo é baseado em uma mira multicanal que combina canais de imagem ótica e térmica, juntamente com uma mira panorâmica de imagem térmica de baixo perfil. Isso permite que o artilheiro e o comandante detectem e identifiquem alvos de pequeno porte a longas distâncias, independentemente das condições de iluminação ou climas adversos. Além disso, o BMPT está equipado com um sistema de detecção a laser.

O BMP-T Modelo 2017 é alimentado por um motor diesel multicombustível de 1.000 cavalos de potência montado na traseira, utilizando o mesmo chassi do tanque de batalha principal T-72 e apresentando um sistema de suspensão de barra de torção. Possui seis rodas de cada lado, com uma polia na frente, uma roda dentada atrás e três rolos de retorno que suportam o interior da pista. O veículo é capaz de transpor valas com largura de 2,6 a 2,8 metros, transpor muros de até 0,85 metros de altura e navegar por obstáculos aquáticos com profundidade de até 1,2 metros. Esses componentes contribuem para a manobrabilidade do veículo em diversos terrenos, garantindo boa mobilidade e agilidade nas operações de combate.

Com seu armamento atualizado, sistemas de mira avançados e mobilidade aprimorada, o BMP-T “Terminator” Modelo 2017 demonstra o compromisso dos militares russos em implantar veículos capazes no conflito em andamento. À medida que a situação continua a evoluir, esses veículos podem desempenhar um papel significativo na formação da dinâmica dos conflitos locais.

FONTE: Army Recognition

Subscribe
Notify of
guest

64 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Victor F
Victor F
11 meses atrás

A matéria da a entender que os Russos tem apenas um desse BMPT Mod 2017.
É isso mesmo?

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Victor F
11 meses atrás

Isso mesmo. Esse é filho único.
Os ucranianos devem estar morrendo de medo de um ÚNICO tanque.

Lucio
Lucio
Reply to  Sturmgewehrstgde
11 meses atrás

Errado! A Rússia tem mais de 20 Terminators em serviço, todos nas regiões onde há áreas florestais.

naval762
naval762
11 meses atrás

Calma, foi apenas um pesadelo.

Guacamole
Guacamole
11 meses atrás

Quando li, comecei a desconfiar porque a matéria estava positiva demais e achei que tivesse escrito por algum propagandista russo.

O fato de ter sido escrito pela Army Recognition me faz levar o Terminator bem mais a sério porque é difícil um país elogiar o material do inimigo.

Geralmente a coisa deslancha para o “o material inimigo é ruim mas o nosso é bom”.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Guacamole
11 meses atrás

Tenho que concordar, geralmente é isso mesmo que acontece, “nossas arminhas são as melhores das galáxias, o suprassumo da tecnologia, as dos inimigos são velhas, sem precisão e sem efetividade alguma”.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Maurício.
11 meses atrás

Esse é o texto padrão de qualquer armamento russo lançado entre os anos 2010 e 2020. Basta pesquisar.
Sempre as melhores, infalíveis, indestrutíveis, sem igual no ocidente e bla bla bla

Vitor
Vitor
11 meses atrás

Esse urso … está armado até os dentes .

Bosco
Reply to  Vitor
11 meses atrás

Claro, é o “game changer” russo.

Quirino
Quirino
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Nah, só os ucranianos tem “game changer”, game changer que nunca changer nada kkkkkk..

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Bosco
11 meses atrás

A Ucrânia já colocou 50 game changers na parada e não consegue nem furar a primeira linha defensiva russa.

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

E só esperar para ver como os ucranianos vão levar as linhas russas de uma única vez.

Bosco
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Calma.
Os afegãos lutaram por 20 anos e você sabe o resultado.

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Os afegãos tinham outras motivações que os ucranianos não possuem, religiosa por exemplo.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Agora pronto. Lançou a carta da antropossociologia para embasar o argumento groselha.

Expõe aí para todos nós, há 11 mil km de distância, o que pensa a cabeça do ucraniano entrincheirado em algum buraco do território ucraniano nesse momento…

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Felipe M.
11 meses atrás

Certamente ele não pensa em encontrar 50 virgens no céu caso morra em nome de sua pátria, lutando em nome de Deus.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

É verdade. Certamente estão, na cabeça dele, seus pais, seus filhos, seus avós, seus irmãos etc etc etc.

Nos mais velhos estão, ainda, as histórias que viveram ou ouviram de seus pais dos tempos de fome e morte…

Celso
Celso
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Kkkkkkkkkk tem gente torcendo pelo ventriloco zelensk que é maluco e só vai acabar quando o ocidente vender todas essas sucatas que estavam no lixo para zelensk e além dele colocar seus soldados no túmulo vai deixar uma dívida implacável para os americanos

Nei
Nei
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Quem nomeou armas ocidentais gane changers, foi vocês aqui. Não venha com essa “estórinha”.

Augusto
Augusto
Reply to  Nei
11 meses atrás

“gane” … “foi vocês” … “estórinha” ???

Está usando o Google “Errator”?

Kommander
Kommander
11 meses atrás

Imagino que lugar de dia já seja ruim, imagina a noite, então… Ainda mais dando de cara com um monstro desse!

Kommander
Kommander
Reply to  Kommander
11 meses atrás

Lutar**

Sturmgewehrstgde
Sturmgewehrstgde
Reply to  Kommander
11 meses atrás

Esse monstro todo não assusta nem criancinhas.

Diogo Prado
Diogo Prado
11 meses atrás

eram 15, agora sobrou um? ta otimo entao

sergio
sergio
Reply to  Diogo Prado
11 meses atrás

Na verdade ate agora só pode ser comprovada a destruição de um único terminator, o restante segue operacional.

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Diogo Prado
11 meses atrás

Na verdade um..mas com certeza foram outros…não falam mais dele pois voltou para o armazém para os desfiles junto com armata.

sergio
sergio
Reply to  Rodrigo
11 meses atrás

Garanto a vc que se tivessem sido destruídos mais de um a propaganda dos ucranianos faria todos nos sabermos que que eles foram, ademais, sem corpo sem morto.

Oráculo
Oráculo
11 meses atrás

Eu acho esse conceito do Terminator sensacional. Ele oferece um apoio de fogo absurdo. Alguns vídeos dele combatendo na Ucrânia parecem cenas de videogame. Só penso que poderiam diminuir a tripulação, cinco pessoas dentro de um tanque chega a ser bizarro. Um ATGM “em cheio” e perde-se um blindado excelente e uma tripulação que demora pra ser reposta. Se eu fosse um fabricante de tanques ocidentais tratava de criar algo parecido e ainda mais eficiente. Aliás aposto que os Chinas já devem estar pensando nisso…se é que já não tem e eu tô por fora. Eu tenho comigo que os… Read more »

Bosco
Reply to  Oráculo
11 meses atrás

Oráculo,
Os veículos de combate de cavalaria do Ocidente seguem esse mesmo conceito.
O CFV M-3 Bradley tem armamento semelhante.
Comparação:
M-3:
1 canhão de 25 mm com 1500 cartuchos (200 t/min)
1 metralhadora coaxial de 7,62 mm com 2200 cartuchos
1 lançador duplo de míssil TOW com 10 recargas (total: 12)
tripulação : 3 tripulantes + 2 batedores

Terminator:
2 canhões de 30 mm com 850 cartuchos (300 t/min cada)
1 metralhadora 7,62 mm com 2000 cartuchos
2 lançadores automáticos de granadas com 600 cartuchos
2 lançadores duplos de mísseis ATAKA sem recargas (total: 4)
Tripulação: 5

Oráculo
Oráculo
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Bosco Eu acho o Bradley um monstro! Inclusive sonhava em vê-lo no EB, na base do FMS. Sonho esse que acaba agora com a doação deles para Ucrânia… Mas eu considero que Bradley e Terminator são categorias distintas. Como você bem disse, o Bradley é um IFV – Veículo de Combate de Infantaria. Além de tudo o que você listou, ele ainda consegue levar meio grupo de combate para o front. IFVs são os “Coringas” dos exércitos modernos. Já o Terminator é praticamente um MBT para apoio de fogo. Alguns sites americanos o qualificam como “Tanque de Apoio de Combate”.… Read more »

Bosco
Reply to  Oráculo
11 meses atrás

Oráculo,
Sinceramente não vejo muita diferença no poder de fogo.
Claro que um canhão de 30 mm no lugar do M242 seria melhor porque poderia adotar munição de explosão no ar (que os russos não têm), mas aí a quantidade de cartuchos seria reduzida.
Quanto ao chassi de tanque, vc está certo, faz diferença.
*Só um adendo, eu citei o CFV e não o IFV Beadley.

Oráculo
Oráculo
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Falha minha.

Z Renato Vilhena Z
Z Renato Vilhena Z
11 meses atrás

Hoje a Rússia recebeu dois novos SU-57.

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Z Renato Vilhena Z
11 meses atrás

Show já tem 4 agora… 2 para desfile e 2 para tirar peças…muito bom

Oráculo
Oráculo
Reply to  Rodrigo
11 meses atrás

Hahahaha ri alto!
Essa foi boa.

Francisco Vieira
Francisco Vieira
Reply to  Z Renato Vilhena Z
11 meses atrás

Protótipos.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Z Renato Vilhena Z
11 meses atrás

Com propulsores antigos que não escondem a radiação infravermelha.

Arthur
Arthur
11 meses atrás

Prefiro o original, com o Arnold Schwarzenegger…

Tomcat4,5
Tomcat4,5
11 meses atrás

Bela máquina, da pra ficar tenso ao ver os vídeos deste monstro atirando, C tá é doido !!!

C G
C G
11 meses atrás

Esse veículo é uma abominação, armamento de IFV com custo e manutenção de MBT, o peso e o tamanho que podem dificultar tudo e não trasporta um unico soldado de infantaria!
Pq nenhum outro país fez algo semelhante?
Pq não faz sentido, a Rússia tinha chassis sobrando e saiu com essa coisa!

sergio
sergio
Reply to  C G
11 meses atrás

Funciona, o importante e que funciona “”””

Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  C G
11 meses atrás

Mesmo, o novo Jaguar Francês, pesa 25 toneladas, é um 6×6 e com torre com canhão de 40mm, 2 metralhadoras, uma pesada e outra ligeira, e lançador de mísseis anti-tanque MMP.

Fish
Fish
Reply to  C G
11 meses atrás

O importante disso tudo é que está dando trabalho e um baita de um trabalho.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
11 meses atrás

Tanto as FA da RF e da Ucrania terão curvas de aprendizados, os Russos com aprimoramento do emprego dos seu meios de ataque e consequentemente criando novas doutrinas e aperfeiçoando as existentes, ja os ucras será de como apanhar e ficar com território menor.

Rodrigo
Rodrigo
Reply to  Nilton L Junior
11 meses atrás

Os orc russo tem que melhorar a doutrina de protege ponte…pq passa tudo por aquela defesa.

Francisco Vieira
Francisco Vieira
11 meses atrás

Esse veículo parece ser muito bom.
O problema é ter dinheiro para colocar milhares deles disponíveis no front.
Att

Humilde Brasileiro
Humilde Brasileiro
11 meses atrás

Bem intimidador.

Bernardo
Bernardo
11 meses atrás

Meu Deus os caras desenterram Tank de tudo que é lugar e junta 900 imagina a logistica de abastecimento pra tudo isso? Ucranianos são bravos tambem viu tancano no peito essa guerra! Pode por ai 400 mil mortos 200 pra cada lado facil!

Jonathan Pôrto
Jonathan Pôrto
11 meses atrás

Recordei da música do filme exterminador do futuro, no vídeo com esse tanque sendo destruído pelos Ucranianos!!

Marcelo
Marcelo
11 meses atrás

O Terminator é destruidor até ser detectado por um drone de vigilância. Após o travamento das coordenadas o Terminator é exterminado por um único projétil Excalibur. Eram 15 … só sobrou um … acho que a tripulação desses Terminator é que tem pesadelos. Ele é um troféu de caça.

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Realmente, igual aconteceu com os poderosos Leopards, que agora viraram gatinhos da vovó contra os Ka-52 e os Shahed.

Last edited 11 meses atrás by Inimigo público
Bosco
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Inimigo,
O Shahed nunca atingiu um Leopard ou qualquer coisa móvel . Deve ter sido o Lancet que você viu.

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Bosco
11 meses atrás

Dá no mesmo. Eu entendo de frutas, não de drones.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Inimigo público
11 meses atrás

Ka-52 e Shahed 136 só servem para ser abatidos pelas defesas antiaéreas ucranianas, principalmente depois do início da chegada de baterias SHORAD às frentes de batalha. Alguns Leopards foram destruídos … como era de se esperar em qualquer ação de violação de defesa … diferentes dos mais de 2000 MBTs russos destruídos ou capturados pelos ucranianos, que só não conseguiram alvejar o T-14 Armata … porque ele está bem longe da frente de batalha.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

“Eram 15…só sobrou um…”

Isso é verdade? Qual a fonte?

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Marcelo
11 meses atrás

Calma não fique nervoso, os Terminator agora usa o mesmo sistema de camuflagem dos M1-A1 que os ucras ganharam, modo escondido.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Nilton L Junior
11 meses atrás

Então ele evoluiu … mas vai ser destruído mesmo assim.

Jefferson Ferreira
Jefferson Ferreira
11 meses atrás

Sinceramente na minha opinião de leigo só vejo vantagem nesse veículo se ele não fosse tripulado…

Fábio De Souza
Fábio De Souza
11 meses atrás

Matéria esclarecedora sobre BMPT Russo , e o seu desempenho durante a Guerra. É Muito interessante conhecer o Material belico Russo , as sua Tecnologias e como vem sento empregado na Ucrânia .

Last edited 11 meses atrás by Fábio De Souza
Cassini
Cassini
11 meses atrás

Para quem afirmava que ele andava sumido, olha a fera aí!

Até agora um único BMPT foi, comprovadamente, perdido em combate, sendo que os russos possuem duas a três dezenas desse veículo, segundo estimativas, e deve ter mais em produção, mesmo que lenta.

Esses dias apareceu uma foto atuao dele junto do T-90M Proryv em algum lugar da frente de Bakhmut.

É um conceito interessante e que só ganhará mais relevância.

Nei
Nei
Reply to  Cassini
11 meses atrás

Estimativa!, acho! deve ser! de ter!

É uma super arma, mas pela quantidade em uso, não faz a grande diferença. Se eles tiverem 30, não mandaram mais que 20 para a operação.

Mas, espero nunca ter que enfrentar um desses.

Orivaldo
Orivaldo
11 meses atrás

Quando não tem atividade aérea no campo,ele é bom mesmo.

Augusto
Augusto
11 meses atrás

Esse míssil com CARGA OCA deve causar uma explosão devastadora… CREDO!!! Talvez, cause o mesmo estrago de um CABEÇA OCA escrevendo sobre o que não sabe…

AVISO DOS EDITORES:

4 – Não escreva em maiúsculas, o que equivale a gritar com os demais. As maiúsculas são de uso exclusivo dos editores para dar destaque às advertências nos comentários eventualmente editados ou apagados;

LEIA AS REGRAS DO BLOG:
https://www.forte.jor.br/home/regras-de-conduta-para-comentarios/

José Carlos Amador
José Carlos Amador
10 meses atrás

Minha opinião (leiga) sobre o Terminator: é uma aberração. Deveria ser um veículo de apoio aos MBTs, quase que um substituto da infantaria, principalmente me ambientes urbanos densos. Sinceramente, o duplo canhão 30mm seria um risco a qualquer infantaria escondida que quisesse atacar um comboio blindado, MAS ainda não o vejo com um substituto à infantaria. Além disso, me parece que esses canhões poderiam ter uma proteção maior. Em videos, não fico muito confiante que pudesse acertar um alvo a 1KM de distância. O chassis é um adaptação de um T74 (salvo engano), mas outras coisas chamam à atenção negativamente.… Read more »