As empresas líderes em propulsão elétrica e sistemas blindados, BAE Systems e Larsen & Toubro, anunciam uma parceria estratégica para introduzir o versátil veículo qualquer-terreno BvS10 no mercado indiano, atendendo às necessidades das Forças Armadas da Índia

19 de setembro de 2023 – A BAE Systems empresa líder em propulsão elétrica para serviços pesados, e a Larsen & Toubro Limited (L&T) anunciam parceria destinada a introduzir o renomado veículo qualquer-terreno BvS10 no mercado indiano. O acordo, que inclui licenciamento e fabricação, visa fornecer às Forças Armadas da Índia uma solução de Veículo Articulado para Qualquer Terreno (QT) sob medida.

De acordo com os termos do contrato, a L&T assumirá a posição de principal fornecedora no mercado indiano, com o apoio crucial da BAE Systems Hägglunds, fabricante sueca da bem-sucedida família de veículos BvS10. O projeto conjunto da BAE Systems e da L&T resultou na modernização do BvS10 para atender às exigências específicas das Forças Armadas indianas, dando origem à nova variante chamada BvS10-Sindhu. O programa QT tem como objetivo oferecer veículos do Complexo de Sistemas Blindados da L&T, complementados pelo suporte logístico integrado (ILS).

“O nosso veículo qualquer-terreno BvS10 demonstrará as capacidades essenciais que o Exército Indiano necessita durante os testes previstos para o final deste mês. Mobilidade incomparável, flexibilidade e a capacidade de operar em condições climáticas extremas são elementos centrais do design do BvS10”, afirmou Tommy Gustafsson-Rask, Presidente Executivo da BAE Systems Hägglunds. “Essa parceria com a Larsen & Toubro nos proporciona a oportunidade de expandir nossa presença no mercado do Indo-Pacífico”, completou o executivo.

A Larsen & Toubro vê essa colaboração como um catalisador para o crescimento de seu segmento de Sistemas Blindados, apoiado por uma sólida base de fabricação e design, aliada à experiência da BAE Systems. Arun Ramchandani, Vice-Presidente Executivo e Diretor da L&T Defence, expressou: “A parceria entre a L&T e a BAE Systems une nossos pontos fortes para fornecer uma solução que atende às expectativas do Exército Indiano. O BvS10-Sindhu é o veículo ideal para enfrentar terrenos extremamente desafiadores e as condições climáticas em que será implantado”.

O veículo BvS10 em exposição na DSEI em Londres nesta semana se destaca por ter uma configuração de sistema de defesa aérea móvel de curto alcance (MSHORAD), ilustrando a versatilidade do veículo. Ele evoluiu para um veículo de combate modular capaz de transportar uma ampla gama de cargas úteis, oferecendo resposta a praticamente qualquer ameaça no ambiente operacional moderno, sem comprometer a sua armadura.

A mobilidade articulada do BvS10 proporciona excelente capacidade de manobra em terrenos variados, incluindo neve, gelo, rocha, areia, lama, pântanos e ambientes de montanhas íngremes. Além disso, sua capacidade anfíbia permite a travessia de áreas alagadas e águas costeiras. Ele é capaz de transportar pessoal, suprimentos e letalidade montada para enfrentar qualquer ameaça no ambiente operacional moderno.

A versatilidade do projeto modular permite a reconfiguração do BvS10 para missões diversas, abrangendo transporte de pessoal, comando e controle, serviço de ambulância, reparo e recuperação de veículos, suporte logístico, consciência situacional, além de letalidade montada no veículo e armas de apoio.

Atualmente, o veículo está em serviço na Áustria, França, Holanda, Suécia, Ucrânia e Reino Unido, além de estar sendo encomendado pelo Exército alemão. A variante não blindada, Beowulf, da BAE Systems venceu a concorrência para o programa Cold Weather All-Terrain Vehicle (CATV) do Exército dos EUA em agosto, com um contrato para fornecer 110 veículos ao longo de cinco anos.

Sobre a BAE Systems:

Na BAE Systems, fornecemos algumas das soluções de defesa, aeroespaciais e de segurança mais avançadas e tecnologicamente sofisticadas do mundo. Contando com uma força de trabalho altamente qualificada, com mais de 90.500 profissionais em mais de 40 países, trabalhamos em estreita colaboração com clientes e parceiros locais para desenvolver, projetar, fabricar e oferecer suporte a produtos e sistemas que fortalecem a capacidade militar, protegem a segurança nacional e mantêm a segurança de informações e infraestruturas críticas.

Sobre a Larsen & Toubro

A Larsen & Toubro é uma multinacional indiana de 23 bilhões de dólares que atua em projetos de EPC, fabricação de alta tecnologia e serviços. A empresa opera em mais de 50 países em todo o mundo. Uma abordagem forte e focada no cliente e a busca constante por qualidade de primeira classe permitiram que a L&T alcançasse e mantivesse a liderança em suas principais linhas de negócios por oito décadas.

DIVULGAÇÃO: BAE Systems Hägglunds / MSL Group

Subscribe
Notify of
guest

16 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
eliton
eliton
8 meses atrás

Não me entra na cabeça a logica desse veiculo. É como se fosse um M113 puxando outro M113.

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  eliton
8 meses atrás

Eliton, vou tentar explicar….precisamos seguir a premissa que todo processo de reabastecimento logistico exige planejamento em um eventual conflito pois é um momento de vulnerabilidade tanto para o prestador quanto para o receptor do apoio.
Essa viatura permite desengatar essa carreta na área de reabastecimento da unidade, pegar a outra carreta (vazia) e voltar, isso já torna a missão muito mais eficiente e segura….
Obs- pelo que me lembre, ela é blindada, anfíbia e tem baixissima pressão sobre o solo para não ativar minas AT…a viatura é bruta.

Mafix
Mafix
Reply to  eliton
8 meses atrás

Esse tipo de veiculo é usado em terreno de montanha e neve se voce notar que a esteira é mais larga feita para não afundar na neve etc.

Maurício.
Maurício.
8 meses atrás

Que coisinha mais feia.

Mars
8 meses atrás

Não tem uma unidade desse veículo no corpo de fuzileiros?

Migs
Migs
Reply to  Mars
8 meses atrás

Tem a versão Bv206 recebidos em 1989 com radares Giraffe 50AT. imagino que não deve estar operacional.

Mars
Reply to  Migs
8 meses atrás

Valeu Migs!

Miguel Felicio
Miguel Felicio
Reply to  Migs
8 meses atrás

“….Tem a versão Bv206 recebidos em 1989 com radares Giraffe 50AT. imagino que não deve estar operacional”……..alguma novidade?

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
8 meses atrás

Excelente veículo de ligação podendo manter uma linha de abastecimento logístico de uma força blindada, precisamos de veículos todo o terreno como esse, pois em um eventual conflito os caminhões não conseguem chegar a FT blindada e ficaríamos limitados ao uso dos M-113 para essa tarefa, que não faz o menor sentido se pensar no custo/beneficio/capacidade de carga, talvez adquirir alguns m-548 minimize o problema igual os chilenos fizeram….
É preciso lembrar que pode comprar o melhor carro de combate do mundo se não fizer chegar logística nele, este é só um peso morto.

RDX
RDX
Reply to  Rafael Gustavo de Oliveira
8 meses atrás

Pois é. Temos uma cavalaria blindada abastecida por caminhões. O M548 preencheria essa lacuna.

A C
A C
8 meses atrás

Eletrificacao estah acontecendo em muitas forcas armadas ao redor do mundo para diminuir custos operacionais (manutencao pois hah muito menos partes para reparar) e fugir da flutuacao dos precos (altos) de combustiveis fosseis.

Cabe lembrar que as limitacoes e restricoes de veiculos eletricos vao diminuir com o passar do tempo pois hah muito interesse e investimento no prolongamento de duracao das baterias para que se tornem menores e mais capazes.

Hah muita novidade para ser vista neste campo nos proximos anos.

bit_lascado
bit_lascado
Reply to  A C
8 meses atrás

A parte fácil vai ser achar um posto de recarga no campo de batalha.

Um Simples Brasileiro
Um Simples Brasileiro
8 meses atrás

Sempre achei muito interessante.

Fernando Botelho
Fernando Botelho
8 meses atrás

Rapaz, eu sempre pensei que esses BvS10 eram maiores. Mas essa primeira imagem me deu a impressão que são um tanto quanto pequenos.

Groosp
Groosp
8 meses atrás

Ele tem um motor e a transmissão é conectada também na parte de trás? É isso?

Luís Henrique
Luís Henrique
8 meses atrás

off topic: parece que ontem o Merkava Mk4 Barak, divulgado em alguns lugares como Merkava Mk5, entrou em serviço em Israel.