O bombardeio israelense atingiu um posto de observação do Exército Libanês na fronteira na sexta-feira, disseram três fontes no Líbano à Reuters, depois que os militares israelenses alertaram sobre uma suspeita de infiltração armada à qual disseram estar respondendo com fogo de artilharia.

Mais tarde, Israel descartou a ocorrência de qualquer incursão e os residentes de uma aldeia perto da fronteira, que foram instruídos a esconder-se em casa e trancar portas e janelas, foram informados de que poderiam voltar a sair.

Uma fonte de segurança libanesa bem posicionada disse que grupos palestinos tentaram uma infiltração armada que incluiu uma tentativa de romper a cerca da fronteira perto da cidade libanesa de Alma Al-Shaab.

O alerta foi emitido em Hanita, a 500 metros da fronteira e em frente a Aalma El-Chaeb.

O comunicado militar disse que houve uma explosão na cerca da fronteira adjacente, que foi levemente danificada.

A mídia estatal libanesa informou que bombas atingiram perto de Alma Al-Shaab e Dhayra, locais de repetidos confrontos na semana passada, os mais mortíferos na fronteira desde que o Hezbollah e Israel travaram uma guerra brutal que durou um mês em 2006.

FONTE: Asharq Al-Awsat

Subscribe
Notify of
guest

28 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gustavo
Gustavo
9 meses atrás

A guerra pode se alastrar pelo oriente médio, e assim afetar o mundo,com aumento do barril de petróleo.

Jose
Jose
Reply to  Gustavo
9 meses atrás

Fácil fácil…

Wilson França
Wilson França
Reply to  Jose
9 meses atrás

Tomara que não. Já está caro o suficiente.

Maurício.
Maurício.
9 meses atrás

Eu vi alguns vídeos na internet do dia da invasão e eu ficava me perguntando por que a população de Israel não revidava com suas armas. Na minha cabeça, Israel era bem liberal com as armas, era isso o que um pessoal propagava na internet. Fiquei curioso e fui dar uma pesquisada, para minha surpresa, Israel tem tantas restrições e burocracias quanto o Brasil! Na minha opinião, Israel tem que mudar essa postura, deve facilitar a compra de armas para qualquer um que esteja em dia com a justiça, afinal, em Israel todos servem no exército durante um tempo.

RDX
RDX
Reply to  Maurício.
9 meses atrás

Para eles o modelo ideal é o suíço. Todo reservista possui um fuzil em casa.

RDX
RDX
Reply to  RDX
9 meses atrás

Os terroristas pensariam 2 vezes antes de tentar degolar os bebês de um vilarejo protegido por 100 reservistas.

Sagaz
Sagaz
Reply to  Maurício.
9 meses atrás

Muitos terroristas estavam com o uniforme do exército de Israel. Foi algo muito bem elaborado e executado certamente com apoio de algum estado terrorista associado.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Maurício.
9 meses atrás

Exatamente, se os civis estivessem armados talvez isso nāo teria acontecido. Está ai mais uma prova de que deixar o povo desarmado só facilita a vida dos agressores.

Wilson França
Wilson França
Reply to  Allan Lemos
9 meses atrás

O problema é quando ambos os lados acham que o outro é o agressor e se sentem no direito de usar sua arma. Como numa briga de trânsito, briga de bar, briga em dia de jogo….

Jose
Jose
Reply to  Wilson França
9 meses atrás

Caro Wilson quando as leis realmente funcionam isso não ocorre, o problema é que quem é contra essa questão usa exemplos pontuais e infelizmente muitos incautos entram nessas narrativas, mas está aí o exemplo de se ficar a mercê de bandidos/terroristas.

Gabriel Ferraz
Gabriel Ferraz
9 meses atrás

Devemos e temos obrigação de torcer pela paz. Só que todo mundo sabe que não existe santo naquela região, Irã , Israel, Gaza, Líbano, Jordânia é tudo farinha do mesmo saco.

GRAXAIN
GRAXAIN
Reply to  Gabriel Ferraz
9 meses atrás

Israel e Irã são farinha do mesmo saco? Quem torce é torcedor de futebol que acredita em resolver guerras na mesa de bar e com muita cerveja…. Cada comentário leviano!

Faver
Faver
9 meses atrás

Infelizmente vai escalar. Nenhum cenário parece bom. O ideal era todos se juntarem e acabarem com os terroristas do hamas. Depois fixarem fronteiras entre si e cada um que siga seu caminho.

Tutor
Tutor
9 meses atrás

Que tem mais poder de fogo, Hezbollah ou o Exército libanês?

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Tutor
9 meses atrás

Pelo que a mídia publica é o Hezbollah. Estão publicando aí que eles têm, armazenados, cerca de 150 mil foguetes/Mísseis. Salvo engano, Israel tem 10 baterias do Iron Dome. Cada uma formada por 4 lançadores, com 20 mísseis cada. Ou seja, a cada momento, são 80 mísseis por bateria. 800 mísseis em todas as baterias. Com 150 mil foguetes e mísseis, sendo verdade, em ataque de saturação por, por exemplo, 1000 a 1500 disparos por oportunidade, esses sistemas poderiam ser saturados entre 100 a 150 vezes. Devendo-se considerar, claro, os disparos que não atingiriam regiões povoadas, que não acionariam, os… Read more »

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Felipe M.
9 meses atrás

Só acredito que depois que inventaram o satélite e grandes sistemas de inteligência e vigilância (no caso de Israel vai além de sua fronteira) não vai mais existir grandes “movimentações por oportunidade” igual acontecia na segunda guerra, Israel falhou sim em não prever esse ataque, mas sua inteligência sabe onde ficam estocados grande parte desses “150 mil foguetes/Mísseis” e monitoram sua movimentação. A maneira mais eficiente de combater essa ameaça não são com artilharia antiaérea e sim ataques de precisão a esses depósitos na área de retaguarda, e isso Israel sempre fez com grande maestria, baterias como Iron Dome são… Read more »

Heinz
Heinz
Reply to  Felipe M.
9 meses atrás

Creio que Israel não depende apenas do Iron dome, acho que possuem sistemas de defesa de ponto como o Ciws. Cabe lembrar que caso essa situação se confirme, haveria caças e drones israelenses monitorando o Líbano, pra um fogo de contra bateria

DanielJr
DanielJr
Reply to  Heinz
9 meses atrás

Nem CIWS consegue segurar isso. Eu vi uma vez um vídeo um pouco mais técnico sobre o Phalanx, eles mostraram o magazine de munição, um rapaz no vídeo disse que o consumo de munição depende da quantidade e posição dos alvos no céu, do cálculo que o sistema tenha que fazer de movimentação de um alvo para o outro etc.

A estimativa realista é que ele consiga enfrentar cerca de 5-6 alvos antes de precisar de uma recarga, no melhor dos mundos, 8 alvos.

Se cair essa chuva de foguetes, a defesa antiaérea será subjugada em minutos.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
9 meses atrás

OFF: Há relatos de que militantes do Hamas teriam derrubado um F-16 israelense.

DanielJr
DanielJr
Reply to  Vinicius Momesso
9 meses atrás

eles possuem MANPADS? Será que veremos stingers e SAMS russos vindos da Ucrânia ali? Javelins, AT-4 e companhia limitada nas mãos dos grupos árabes?

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  DanielJr
9 meses atrás

Segundo Vladmir Putin, sim!
OBS: Israel admitiu que um de seus helicópteros de transporte militar CH-53D foi derrubado no dia 7.

Mig25
Mig25
Reply to  DanielJr
9 meses atrás

Li que uma parte das armas enviadas para a Ucrânia foram parar na Faixa de Gaza… considerando-se a corrupção ucraniana, não é algo improvável.

Orivaldo
Orivaldo
Reply to  Vinicius Momesso
9 meses atrás

Militantes ?

Macgaren
Macgaren
Reply to  Vinicius Momesso
9 meses atrás

Derrubaram f16 com manpad? Isso faz sentido?

Tuxedo
Tuxedo
9 meses atrás

Oremos pela Paz em Israel e em todo o Oriente Médio. Que os terroristas do Hamas sejam aniquilados e paz reine naquela região.

Last edited 9 meses atrás by Tuxedo
Bernardo
Bernardo
9 meses atrás

Pobre povos, ambos os lados sofridos e destruídos pela herança do ódio.

Rodrigo
Rodrigo
9 meses atrás

Off topic: sumiu 21 metralhadoras
.50 e 7.62 exército, no quartel de Barueri.

DanielJr
DanielJr
Reply to  Rodrigo
9 meses atrás

Caramba, o pessoal nem quer mais roubar pistola e fuzil. Como sai do quartel (e da sala onde tudo fica guardado) com uma .50 e ninguém vê nada?