Home Economia Países da UE fazem alerta contra Mercosul

Países da UE fazem alerta contra Mercosul

138
59

vinheta-clipping-forteOito países da União Europeia (UE) fizeram nessa terça-feira (11) um alerta contra a retomada das negociações de um acordo de associação entre o bloco e o Mercosul porque o consideram uma ameaça à agricultura europeia.

Em declaração conjunta, o grupo formado por França, Irlanda, Grécia, Hungria, Áustria, Luxemburgo, Polônia e Finlândia afirmou que o reatamento das discussões entre UE e Mercosul (composto por Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai) é um mau sinal aos agricultores e aos criadores de gado europeus.

Estagnadas desde 2004, as negociações do Mercosul com a União Europeia para a liberalização do setor agrícola devem ser retomadas em uma cúpula a ser realizada em Madri, na semana que vem.

O documento assinado pelos oito países europeus motivou os ministros da Agricultura da União Europeia a debaterem sobre o assunto na próxima segunda-feira em Bruxelas.

Os oito países lamentaram que a Comissão Europeia (CE, braço executivo da União Europeia) tenha proposto reativar as negociações comerciais com o bloco latino-americano “sem um debate político prévio” e sem analisar o impacto econômico de um eventual acordo.

Esses países ressaltam que a União Europeia já ofereceu bastante em matéria de agricultura no âmbito internacional, em referência às também bloqueadas negociações de Doha da Organização Mundial do Comércio (OMC) para a liberalização do comércio mundial.

FONTE: DCI – Diário do Comércio & Indústria

Subscribe
Notify of
guest
59 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nuno Ouro
Nuno Ouro
10 anos atrás

Será sem duvida o fim dos agricultores europeus…

Vader
Vader
10 anos atrás

E a nossa “parceira estratégica” é a primeirona disparada da lista. Parceria caracú é assim…

No mais, esse Mercosul está uma palhaçada. Uma boa idéia que está naufragando por total falta de vontade dos países membros em cumprir a sua destinação política e econômica original, inclusive de preservação da democracia na região: com a admissão da Venezuela no bloco a cláusula democrática do Mercosul virou objeto retórico.

Boa hora de cair fora disso. E bora fazer acordos bilaterais com quem quiser.

Sds.

Invincible
Invincible
10 anos atrás

Imaginem os Brasil dominando toda a base de commodities? Afinal onde está a maior parte dos recursos do planeta hoje? O Brasil precisa ser economicamente mais “agressivo” e dominar os mercados consumidores dos vizinhos. Com acordos que ofereçam benefícios aos mesmos. Precisa apoiar a e conectar a economia Argentina a nossa de forma definitiva para criar uma relação de dependência. Com a Argentina aceitando a hegemonia do Brasil o caminho está aberto. E o papel do Brasil nesse contexto não deve ser o de explorar os vizinhos. Por que um país vizinho em crise ao lado de um Brasil rico… Read more »

Invincible
Invincible
10 anos atrás

E tem mais! Os Europeus só querem ganhar. Esquecem que essa iniciativa tem uma contra-partida industrial.

Bernardo R.
Bernardo R.
10 anos atrás

O problema é interno no próprio mercosul mesmo…… Não temos a menor estabilidade, não temos nenhuma união, é só disputam disputa, disputa…….. A Argentina vive batendo o pé contra nós, perdem a maioria das vezes, mas continuam batendo, e isso só gera mais problemas….. Vivem beneficiando produtos chineses, preterindo os nossos, como ficar do lado de uma naçãozinha dessa??? Nunca vamos conseguir ser expressivos como grupo, enquanto essa ladainha continuar…. Por mim, uma reformulação COMPLETA é necessária, ou mais radicalmente, deve se deixar de lado essa besteira de mercosul, e quem sabe daqui a uma ou duas décadas, pensamos nisso… Read more »

Matheusts
Matheusts
10 anos atrás

acho que uma das prioridades é a Africa do Sul, Chile, Argentina, França e principalmente os daqui da america que fasem fronteira…..

Vitor
Vitor
10 anos atrás

Eles sao espertos. Se a gente comecar a falsificar os produtos tecnologicos deles ou criar impecilhos eles vao reclamar. E a agricultura que nao eh o forte deles eles nao abrem mao. Quer tudo e nao ceder nada. Isso nao eh negocio pra gente.

Marcelo
Marcelo
10 anos atrás

Eis a “parceria estratgegica”…
“Merdosul” realmente pode esquecer… To de acordo com os varios comentarios acima: Vader, Bernardo et al.
Abraco a todos

RLeal71
RLeal71
10 anos atrás

Ninguém comentou ainda: E a nossa “parceira estratégica” chamada França??? Hehehehehe…

Galileu
Galileu
10 anos atrás

Eu li errado ou a nossa parceira FRANÇA está boicotando a agricultura brasileira lol…………..

Nãooooooooo, se a França fizer isso o Amorim vai voltar com 12 Rafale, nãoooooooo, só a mãe Russia pode boicotar aliás esse ano nada de boicote ainda.

Ow Putin tá me ouvindo, boicota nossa carne que o Amorin vai aew comprar uns Su-34 pra nossa MB que não tem aviação de caça.

Tito
Tito
10 anos atrás

Em primeiro lugar, “Nosso parceiro estratégico” puxando a fila. hahaha (mas não tem graça né)

E o Mercosul é ótimo, ruins são apenas a Argentina, o Paraguai, a Venezuela e o Uruguai.

😉

Alex Nogueira
Alex Nogueira
10 anos atrás

AFF ai mais uma justificativa para o BRASIL parar de mendingar tecnologia e começar a desenvolver sua própria tecnologia!!!!! nós temos que ser mais vivos e começar a fazer as regras, não podemos simplesmente acatar tudo o que querem, temos que ser sustentaveis, se quiserem eles que plantem sua comida, ai vão dar mais valor ao que fazemos.

Nuno
Nuno
10 anos atrás

O Brasil está pensando cada vez mais como a China…
Cada vez mais como o “inimigo”…

Não dou mais de 15 anos para vocês começarem a matar-se uns aos outros… Argentina, Brasil, Venezuela…
Já está à muito tempo sem guerra…

Carlos Augusto
Carlos Augusto
10 anos atrás

Ora, pois pois, não é para a Grécia que o Lula vai “emprestar US$ 260.000.000”. Agora pergunta é: O que é pior, o FHC vendendo as empresas do governo a preço de banana podre, como ele vendeu, ou o Lula dando o dinheiro do Brasil, pra qualquer país que se diz necessitado? É uma pergunta que eu me faço e ainda não consegui achar uma resposta, oh dureza.

Pedro
Pedro
10 anos atrás

“Eles sao espertos. Se a gente comecar a falsificar os produtos tecnologicos deles ou criar impecilhos eles vao reclamar. E a agricultura que nao eh o forte deles eles nao abrem mao. Quer tudo e nao ceder nada. Isso nao eh negocio pra gente.” -> Concordo plenamente! A UE e os EUA sempre foram os defensores do livre comercio, mas basta que um setor deles seja mais fraco e vá a ruina devido ao livre comercio para esse papo virar utopia! Eles nunca vão ceder na agricultura. Se esses países da UE fossem uma ditadura, era capaz do ditador se… Read more »

Nuno
Nuno
10 anos atrás

Não concordo totalmente com o comércio livre mas o que é que ser democracia ou não tem a ver com o resto? O sector agrícola e das pescas é muito forte no Sul da Europa. Embora em certos paises seja mais industrial e noutros mais tradicional. Acha que basta ter “alimentos melhores e mais baratos”, sabendo quando muita gente vai perder o seu meio de subsistência pois não podem concorrer com os produtos vindos da América do Sul, onde os trabalhadores ganham uma miséria e a normas de higiene, segurança, qualidade e ambientais são ignoradas? Tal como acontece com os… Read more »

Renato
Renato
10 anos atrás

Livre comércio é lindo até a hora em que os seus eleitores começam a fechar as ruas com tratores e fazer manifestação. Nessa hora nem a França, a Rússia (que já embargou a gente) ou os EUA falam em livre comércio, que o diga os de algodão. Enfim, é negociar e se preciso batendo na mesa mesmo, tanto que já tem gente falando em rifar o Rafale da jogada. Concordo que o problema do Mercosul é que ele não se entende nem internamente. Os outros países daqui ficam de beicinho e pirraça para cima da gente. Sou até a favor… Read more »

Bruno Rocha
Bruno Rocha
10 anos atrás

Bernardo R. disse:
12 de maio de 2010 às 11:23

” isso só gera mais problemas….. Vivem beneficiando produtos chineses, preterindo os nossos, como ficar do lado de uma naçãozinha dessa???

Nunca vamos conseguir ser expressivos como grupo, enquanto essa ladainha continuar….”

Graças a Deus o Brasil é um país grande onde tem recursos em grande escala.

Hugo
Hugo
10 anos atrás

A gente empresta quase 300 milhões de dólares para salvar o pescoço desse povo e é isso que ganha em troca

Bernardo R.
Bernardo R.
10 anos atrás

Nuno disse: 12 de maio de 2010 às 19:54 “normas de higiene, segurança, qualidade e ambientais são ignoradas? Tal como acontece com os produtos industrias vindos da Ásia!” —————————————————————— É por isso que adoro portugas!! E tb europeus e outros “primeiros mundos”….. Não sou de esquerda, e nem faço discursinhos contra países “capitalistas liberais”, mas faço aqui uma excessão e vou ter de cornetar…… MEO DEOOOOS portugaaaaaaa!!!!!! Não me venha comparar produtos agrícolas brasileiros com asiáticos, muito menos os meios de produção dos mesmo…. Venha pro Brasil e veja com seus olhos patrício!!! Entre as poucas coisas que eu entendo… Read more »

Bruno Rocha
Bruno Rocha
10 anos atrás

Bernardo R. disse:
13 de maio de 2010 às 10:13

Faço minha “quase” todas as suas palavras, pois realmente tentam criar uma mentira que nossos produtos são de “baixa qualidade”.
Parece até um plano maligno europeu para nos subjugar e nos deixar eu pés deles, mas seus planos serão frustrados, pois daqui a 20 anos as maiores potências do mundo, dentre as 5, nenhum será europeu. Aí será o fim das “mandaças” dos europeus e o mundo será dos gigantes, literalmente.

Bernardo R.
Bernardo R.
10 anos atrás

Bruno Rocha disse:
13 de maio de 2010 às 11:11

“….pois daqui a 20 anos as maiores potências do mundo, dentre as 5, nenhum será europeu. Aí será o fim das “mandaças” dos europeus e o mundo será dos gigantes, literalmente.”

—————————————————
Vamos ver né?? hahahahaha… Torço muito por nós, claro….
Mas depende de qual governo vamos ter nesses próximos mandatos!!!
Mas acho també, que já ta chegando a hora de deixarmos, assim como China e Índia, de sermos promessas…..

Vader
Vader
10 anos atrás

Nuno disse:
12 de maio de 2010 às 19:54

“normas de higiene”

Do jeito que o cidadão fala, parece até que a “doença da vaca-louca” apareceu em alguma fazenda de Mato Grosso do Sul…

E não na “toda-poderosa”, “super-limpinha” e “higiênica” Europa onde, recordar é viver, até o séc XIX as pessoas tomavam banho uma vez por ano (nos países mediterrâneos: nos outros era uma vez quando bebê e outra quando cadáver)… 🙂

Sds.

Tito
Tito
10 anos atrás

Pô Nuno, não acredite em tudo que tu lê não patrício, o negócio não é bem assim não. A culpa de nossos produtos concorrerem com os vossos é da globalização que vocês mesmo começaram no sec. xv, infelizmente algunas culturas tendem a desaparecer dai, ao passo que outras só se desenvolvem ai, como a cortiça e o azeite de qualidade. E outra, Portugal não tá na lista. Freqüente o blog sempre, esta entre amigos, mas tome mais cuidado com o que posta, consulte melhor suas fontes, não somos porquinhos não e nossas florestas são nossas. Um abraço de quem tem… Read more »

Tito
Tito
10 anos atrás

E outra coisa Nuno, uma guerra na America do Sul seria ruim para o Brasil, péssimo para quem fosse contra nós (ou você acha que alguem tem chances reais contra a gente aqui), e horrivel para a Europa, sua comida está aqui né.

Vira essa boca pra, lá cruz credo. 🙂

Paulo
Paulo
10 anos atrás

Se os produtos brasileiros da agricultura e da pecuária fossem de péssima qualidade, caros e com outros problemas, os consumidores do hemisfério norte se encarregariam de barrá-los. Mas se são os governos que os barram, então alguma coisa aí não confere com a realidade. Desconheço qualquer epidemia tipo vaca louca que tenha atacado o Brasil. E aqui não levamos o pão sem qualquer embrulho, e ainda embaixo do braço. E tomamos banho diariamente. E na água corrente, e não na banheira, com toda a família usando a mesma água. E viva os perfumes franceses. Mais dia, menos dia, o mundo… Read more »

Tito
Tito
10 anos atrás

Paulo disse:
13 de maio de 2010 às 16:04

Também não comemos peixe e batatas no jornal.
🙂

muscimol
muscimol
10 anos atrás

Faz muito tempo que nao lia tanta besteira e preconceitos entre povos do mundo. Na Australia disseram-me que os Franceses nao tomam banho ….na frança dizem que os sul americanos sao preguiçosos…etc etc ….esses estigmas sociais vem por vezes do sec. 19…..nao é importante essa discussao. O importante e a geopolitica internacional. Em hora boa o Brasil esta crescendo e tomando um lugar de relevo. Mas acho que ainda nao estao la e ja muitos se mostram mais arrogantes que os EUA ou chineses. Sera falta de habito?!…falta de experiencia nos grandes palcos?!….hummm E claro que as florestas na europa… Read more »

claudio ( r j )
claudio ( r j )
10 anos atrás

Eles querem estão com saudades de El Rey, das relações Metrópole-Colônia e querem reeditar o Pacto Colonial.rsrsrsrsrs

Ilya Ehrenbrug
Ilya Ehrenbrug
10 anos atrás

Fico pasmo, pelo oportunismo rasteiro, visto com clareza nos comentários de alguns. Revela, não só ignorância dos fatos (se realmente há tal ignorância, pois pode ser pura má fé), como vontade inconteste de distorcer a realidade, para caber na forma mesquinha de ver o mundo. Pois bem… Os entendimentos havidos, com o governo da França, abrangem apenas a área de tecnologia militar. Caso do submarino nuclear (casco), submarinos convencionais e estaleiro/base dedicado. O acordo se faz presente em outras áreas de interesse… Militar. A agricultura não foi tratada neste pormenor e nem poderia. Aliás, quanto às barreiras agrícolas, apesar dos… Read more »

Bruno Rocha
Bruno Rocha
10 anos atrás

muscimol disse: 13 de maio de 2010 às 19:02 A diferença é que na Inglaterra eles vendem coisas mais caras que nós. Não se esqueça que vivemos de comodities baratas, matéria prima recém tirada da terra e já exportadas, daí já compramos. Não desenvolvemos tecnologia de ponta, como a Coréia do Sul, quem tem marca própria de carro, coisa que este país já teve, mas deixou de ter graças a ditadura e a falta de patriotismos do governo em permitir o excesso de montadoras estrangeiras. Hoje poderíamos ter uma marca nossa lá na F1, com brasileiros nos carros, carros azul,… Read more »

muscimol
muscimol
10 anos atrás

“Mas não, aqui é o Brasil, que só vende manteria prima. Desenvolver o que é altamente tecnológico é exclusividade de centros internacionais aqui, que pega nossos cientistas e levam pra fora.” ….com o tempo isso passa…vieram “agora” duma ditadura, desenvolver uma populacao altamente educada em termos cientificos e tecnologicos demora tempo. “Pelo menos não somos um país miserável.”…claro que nao ….nem os chineses… eles fazem o melhor possivel para o GRANDE problema populacional que tem. Nao te esquecas que a historia da china se mede em milenios….mais respeito nao faz mal a ninguem!! 100 anos e uma semana para eles.… Read more »

Vader
Vader
10 anos atrás

Vamos lá, às meias-verdades e distorções: O embargo à carne brasileira no Canadá, EUA, Rússia, e alguns outros países europeus não se deu devido a boatos de “vaca-louca” coisa nenhuma, até porque isso seria impossível, dado que nosso gado é alimentado com pasto e ração vegetal (soja), ao contrário do dos países frios, em que os animais (herbívoros) são forçados a uma dieta mista carnívora/canibal. Os embargos e ameaças se deram devido a denúncias infundadas de febre aftosa em gado não vacinado que cruzava a fronteira, provenientes do Paraguai e da Argentina. A febre aftosa é doença endêmica no gado… Read more »

Bernardo R.
Bernardo R.
10 anos atrás

Vader, não adianta…… Alguns nunca vão entender, ou então vão, por puro orgulho, morrer agarrados em suas vazias idéias!! A eloquência de alguns discursos camuflam a realidade, o talento em elaborar textos, com uma retórica, confesso, quase imbatível, confundem e/ou guiam grande parte das pessoas a reproduzir ditos pensamentos que talvez nunca entendam, mas sempre afirmarão concordar!! E defenderão com unhas e dentes!!! Mas vamos lá…… Continuemos a combater em todas as instâncias, os que insistem em remar nossa canoa para as pedras!! Abram o olho com essa parceria….. abram o olho… Depois não venham falar que foram pegos de… Read more »

Vader
Vader
10 anos atrás

Bernardo R. disse: 14 de maio de 2010 às 11:11 “talento em elaborar textos” Caro Bernardo, discordo. Tais cidadãos não tem talento em elaboração de texto coisa nenhuma. O que eles exibem é um pedantismo piegas, digno de nefelibata, à guisa de suposta erudição, a qual, para quem tem um pouquinho de conhecimento, se mostra tão rasa como água num pires. Buscam apenas impressionar os ingênuos, afetando tal suposta erudição. “com uma retórica, confesso, quase imbatível” Hehehe meu caro, discordo de novo. Esses cidadãos não fazem uso da retórica (uma arte e uma ciência), mas apenas do diktat socio-comunista de… Read more »

Tito
Tito
10 anos atrás

Olha, o “Profeta” tá puxando a nossa orelha. hahaha

É um verdadeiro cômico não.

Ilya Ehrenburg
Ilya Ehrenburg
10 anos atrás

Sr. Vader, De forma óbvia, acompanhas os contenciosos comerciais de pouco tempo para cá, pois, tivesse a memória mais larga, por certo não cometeria o erro, de desconsiderar a séria acusação imposta ao Brasil, primeiro pelo Canadá e depois reiterado pelos EUA, sobre a presença não declarada da presença da doença da “vaca-louca” em nosso rebanho. Tal mal em nossos bovinos é impossível de haver, pois, nós os alimentamos com capim no pasto, ou rações de origem vegetal. Já no Canadá, Europa e EUA, adotava-se o costume doentio, típico do capitalismo desvairado, de alimentar o gado com restos triturados de… Read more »

Ilya Ehrenburg
Ilya Ehrenburg
10 anos atrás

Escrever sem rever dá nisso: sobre a presença não declarada da presença da doença da “vaca-louca” em nosso rebanho.

Vamos corrigir: sobre a presença não declarada da existência da doença da “vaca-louca” em nosso rebanho.

Ilya Ehrenburg
Ilya Ehrenburg
10 anos atrás

Acho uma graça, que se façam críticas contra governos que nos enfrentam em contenciosos agrícolas, como forma de esgrimir em um contexto, em que vigora um entendimento no âmbito político e militar. De qualquer maneira, urge responder questões de fundo: Vamos nós todos, produzirmos matérias primas por mais quantas décadas? Não sabemos, até hoje, que é na tecnologia onde o futuro tem morada? Não temos idéia que os produtos manufaturados possuem maior valor agregado? Nosso acordo com a França prevê transferência de tecnologia sensível. O preço é elevado, “salgado” diria alguns, mas, é o direito de quem vende, afinal, foram… Read more »

Adler Medrado
10 anos atrás

Eita. Acabaram com a raça do portuga que resolveu falar abobrinhas aqui.

Vader
Vader
10 anos atrás

Ilya Ehrenburg disse:
14 de maio de 2010 às 19:28

Olhe seu Ilha, jamais ouvi falar em qualquer veículo de comunicação sério, do Brasil ou do exterior, que o Brasil estaria sendo acusado de ter “vaca-louca”. De maneira que se ouve tão boba acusação, ela deve ter sido noticiada nos pasquins esquerdopatas de sempre: Carta-Capital, Blog do PHA, Blog do Nassif, Blog do Dirceu, TV Brasil, etc…

De qualquer maneira você mente descaradamente, na medida em que os embargos não se deram por força de vaca-louca coisa nenhuma, mas por conta da febre aftosa.

Vader
Vader
10 anos atrás

Ilya Ehrenburg disse: 14 de maio de 2010 às 19:50 “Vamos nós todos, produzirmos matérias primas por mais quantas décadas? Não sabemos, até hoje, que é na tecnologia onde o futuro tem morada?” Além do óbvio espancamento da inculta e bela, seu raciocínio contém a premissa oculta de que dedicar-se ao agronegócio é não dedicar-se à tecnologia; de que uma coisa exclui a outra, o que é evidentemente FALSO, além de constituir erro (ou má-fé) lógica muito comum. Podemos e devemos fazer os dois. E o maior exemplo disso é o USA, onde o agronegócio é fortíssimo, e onde a… Read more »

Bernardo R.
Bernardo R.
10 anos atrás

Infelizmente eu não lembro o nome e origem da analista política e econômica que disse o seguinte há uns 2 meses atrás:

“O grande feito do Lula como presidente, foi não fazer nada, foi deixar o rumo tomado por seu antecessores continuar…. De fato, aonde quis guiar por conta própria, não obteve êxito, exceto em certas políticas fiscais e tarifárias”

A frase não era literalmente essa….. mas cai como uma luva…..

Voltando à discussão acima, realmente, vaca-louca não me recordo não hein…. foi febre aftosa mesmo…..
Mas já cansei de bla bla bla…..

Tito
Tito
10 anos atrás

Vader e Bernardo, na verdade o Canadá usou sim o mal da vaca louca para justificar o embargo a carne Brasileira, tudo jogo de cena, o alvo era a Embraer o tempo todo, a mentira “vermelhuxa” está na afirmação de que os Americanos participaram disso. Havia sim um risco, de por conta dos acordos comerciais entre Canadá, México e EUA (leia-se NAFTA) da nossa carne ser embargada nos outros dois países também, o que na pratica não ocorreu, tendo o “Grande Satã”, na verdade, ajudado a acabar com a birra Canadense. Antes que “alguem” fique indignado com minha explicação, conheço… Read more »

Ilya Ehrenburg
Ilya Ehrenburg
10 anos atrás

Olá senhor Tito. O senhor “é do ramo”, mas carece de lembrança. A calúnia canadense obteve apoio americano, pois, na esteira da denúncia caluniosa, muitos países compradores suspenderam preventivamente a compra das carnes bovinas brasileiras e dos seus derivados. De imediato, as exportações norte-americanas aumentaram… Afinal, um outro “grande jogador” perdera mercado. Os americanos nada fizeram, ao contrário, por omissão e oportunismo, apoiaram a pérfida atitude canadense. Na época, fizeram coro contra os controles sanitários brasileiros, colocando-os sobre suspeição. Entretanto, como não há mal que perdure eternamente, pode o governo brasileiro, provar que as acusações eram infundadas, principalmente, pela formação… Read more »

Ilya Ehrenburg
Ilya Ehrenburg
10 anos atrás

Aliás… Não é de hoje que a desculpa principal dos norte-americanos recai sobre os controles sanitários, dos países produtores. O que não deixa de ser irônico, haja vista, que os últimos grandes problemas com alimentos, no que tange à produção (em termos sanitários), deram-se nos chamados “países centrais”, ou seja, EUA, Canadá e a Europa Unida…

Dentre estes, a “Doença da Vaca-Louca” (contaminação por “príon”), é o exemplo máximo.

Casa de ferreiro, espeto de pau.

Tito
Tito
10 anos atrás

Meu amigo, ou você é mau informado ou age de má fé.

Qual será o caso?

Tito
Tito
10 anos atrás

Como eu disse, sou do ramo, somente a 26 anos, conheço um pouquinho da minha profissão, vivo ela no dia a dia, não queira me ensinar.

Um conselho de amigo:

Quando for escrever abobrinhas, evite a todo custo debater com quem realmente conhece do assunto em pauta.

Em todo caso, procure na internet sobre o assunto, verá informações bem diferentes do que diz ter.

Abs

Marcelo Ostra
Marcelo Ostra
10 anos atrás

Ihhhhhhhhhhhhhh será que eu tenho o complexo da Vaca loca ?

Ou seria do boi tonto ?

8-P
Ŏ ou õ
MOVL ou BT ?

Tito
Tito
10 anos atrás

KKKKK, não sabia que afetava as ostras. 🙂