quarta-feira, agosto 4, 2021

Saab RBS 70NG

Exército testa aeronave não tripulada

Destaques

Testes foram realizados em Pirassununga, no interior de SP. Equipamento será usado em simulações de guerra

O Exército testou nesta sexta-feira (5), em Pirassununga, no interior de São Paulo, uma aeronave militar que voa sem ninguém a bordo. O veículo aéreo não tripulado, chamado de vant, tem tecnologia brasileira e serve, principalmente, para patrulhar regiões consideradas perigosas.

Ele manda imagens e informações para a equipe em solo. O modelo será usado a partir de sábado (6) em uma simulação de guerra, com a participação de 4,5 mil homens do Exército.

FONTE: G1 / VÍDEO: Clique aqui

- Advertisement -

14 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Diego Luiz
Diego Luiz
10 anos atrás

Para mim, a unica coisa de nova ai é a simulação de guerra, vão ser os fusileiros que irão fazer o exercicio ou será o exercito mesmo?

Lucas
Lucas
10 anos atrás

valeu pelo menos pela iniciativa.

Junior / São José-SC
Junior / São José-SC
10 anos atrás

Antes tarde, do que nunca. Estava na hora do EB ter o seu VANT também, me ocorreu uma lembrança, e o VANT da PF a FAB promoteu abater se ele levantar voo, fará isso com o do EB também?

Colt
10 anos atrás
DV
DV
10 anos atrás

Colt disse:
6 de novembro de 2010 às 9:42

Colt,

Lembre-se que as partes mais complexas de um VANT são o software e a eletrônica embarcada, especialmente os sistemas de comunicação e navegação autonônoma.

Fora isso, ele não tem nada de excepcional em relação a um avião ou aeromodelo normal.

Por isso, não subestime o projeto só pela sua aparência. Se a parafernalha eletrônica funciona bem, significa que o mais difícil já foi feito. Agora é só uma questão de aumentar a escala para ter mais carga útil.

Mauricio R.
Mauricio R.
10 anos atrás
Paulo
Paulo
10 anos atrás

Junior / São José-SC

Sobre a bronca FAB X PF, fora uma possível ciumeira, é que o controle de tráfego aéreo exigia da PF um plano de vôo, uma vez que o modelo a ser testado tinha condições de voar na mesma altura das aeronaves comerciais. E iria sobrevoar áreas com tráfego aéreo.

Abraços

Colt
10 anos atrás

DV disse: 6 de novembro de 2010 às 13:35 Onde vc viu no meu texto subestimação ao projeto? Sugiro que faça a compreensão de texto correta. Esta que vc fez quanto ao meu comentário foi errada. Vc pegou um texto simples e correto (afinal é sim um Vant bem simples, isso é claro, mas mesmo assim, um Vant como eu reafirmei) e depreendeu dele uma crítica de minha parte. Essa “sua leitura” fica por sua conta. Se eu quisesse fazer uma crítica negativa, ela seria explícita e fundamentada. E seu eu quisesse subestimar qualquer coisa, provavelmente não conseguiria pois, não… Read more »

DV
DV
10 anos atrás

Colt disse: 6 de novembro de 2010 às 15:45 Se você se ofendeu pela minha nota, não era intenção. Sossega aí. Não tinha como saber que por “bem simples” você estava fazendo um juízo de comparação com o máximo que existe em tecnologia no mundo e não um juízo absoluto do projeto. Se quiser, por exemplo, comparar com um demonstrador de tecnologia, financiado pelos maiores consórcios europeus, e que só deve voar em 2012 (o Neuron), aí todo o resto é carroça mesmo. De resto, como você certamente sabe melhor do que eu, o nosso modesto VANT, mesmo em sua… Read more »

Colt
10 anos atrás

DV disse: 6 de novembro de 2010 às 16:13 De maneira alguma me ofendi. Mas faço questão de apontar sua interpretação equivocada sobre o meu comentário. Não sei se você percebeu, mas citei, a título de comparação, o Tu-139 DBR-2 que voou em 1968 (ou seja, não é o máximo de tecnologia no mundo) e o TAI Anka, que está em desenvolvimento pela Turquia e não por algum dos maiores consórcios europeus, mas por um país em desenvolvimento, assim como o Brasil. À propósito, as palavras “…mero aeromodelo radio controlado” só foram citadas no seu último comentário, não no meu.… Read more »

Galileu
Galileu
10 anos atrás

esse exercício que está rolando em Pirassununga, tive a oportunidade de participar anos anteriores, mas sem algusn esquadões da PE, artilharia que se não em engano estão participando. Mas o BAvEx participou e foi um grande treinamento de reconhecimento!!!

Mauricio R.
Mauricio R.
10 anos atrás

Calma povo, é mesmo uma bagunça saber qndo um rpv; uav ou uas é somente tático, MALE ou HALE ou essa turma de demonstradores tecnológicos.

@wagner
@wagner
10 anos atrás

Isso é propaganda, tem em Foz um desses e ta tudo lá apodrecendo. Bura balela do Jobim…

ps: aproveitando, a Russia desistiu de comprar de Israel e vai fazer ela mesma o seu.

Mauricio R.
Mauricio R.
10 anos atrás

“…a Russia desistiu de comprar de Israel e vai fazer ela mesma o seu.”

Não é o que o link abaixo diz:

(http://www.flightglobal.com/articles/2010/10/15/348471/iai-oboronprom-sign-uav-production-deal.html)

Mas se a Russia pretende assim deixa baterem cabeça sozinhos, melhor pro Ocidente que somente vai ampliar, a sua já considerável hegemonia nesse segmento.

Últimas Notícias

Assessor de segurança nacional dos EUA viaja ao Brasil

Esta semana, o conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, viajará para o Brasil e Argentina, acompanhado...
- Advertisement -
- Advertisement -