sábado, julho 31, 2021

Saab RBS 70NG

Al-Qaeda diz que matou 20 soldados mauritanos no Mali

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

A Al-Qaeda no Magrebe Islâmico (AQMI) informou neste domingo ter matado pelo menos 20 soldados da Mauritânia durante a ofensiva lançada há nove dias pelo Exército do país contra uma das bases do grupo terrorista na floresta de Wagadu, no norte do Mali.

Em comunicado divulgado pela agência de notícias de Nouakchott (ANI), a AQMI destacou que 12 dos 17 veículos militares mauritanos que participaram dos confrontos foram destruídos ou queimados, enquanto outros cinco fugiram. No domingo passado, um porta-voz do Exército mauritano informou em Nouakchott que 15 membros da AQMI e dois soldados mauritanos perderam a vida durante esta operação militar.

A fonte explicou que a base atacada estava protegida por trincheiras e minas e os terroristas se escondiam em abrigos subterrâneos. Durante esta ofensiva, realizada em coordenação com o exercito malinês, as forças mauritanas capturaram 14 supostos membros da AQMI. A Mauritânia mantém há anos uma disputa aberta com a AQMI, que ameaça regularmente atacar os funcionários do governo do país.

FONTE: Terra/AFP

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias

Rússia e China realizarão treinamento conjunto no exercício Zapad/Interaction 2021

A Rússia deve se juntar a um exercício militar no noroeste da China em agosto com o tema de...
- Advertisement -
- Advertisement -