terça-feira, outubro 19, 2021

Saab RBS 70NG

Morre aos 95 anos, em Londres, o historiador Eric Hobsbawm

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Segundo a família, ele morreu em um hospital da capital britânica após enfrentar uma longa doença

 

LONDRES – Morreu nesta segunda-feira, 1, aos 95 anos, Eric Hobsbawm, considerado um dos maiores historiadores do século 20. O jornal britânico Guardian disse que a família confirmou que Hobsbawn sofria longamente de pneumonia.

Segundo a filha do escritor marxista, Julia Hobsbawm, ele morreu no começo da manhã de segunda no hospital Royal Free de Londres, onde estava internado, disse a Efe. Entre suas obras mais importantes estão “História do século 20, 1914-1991” e “Guerra e paz no século 21”.

É dele também a série composta pelos livros “A era das revoluções”, “A era do capital”, “A era dos impérios” e “Era dos extremos”. Seu último livro, “Como mudar o mundo”, uma coleção de ensaios, foi publicado no ano passado 2011.

A vivência de Hobsbawm como aluno durante a década de 1930 na Alemanha ajudou a consolidar suas visões de esquerda. Em 1936, na Inglaterra, ele entrou para o Partido Comunista, do qual foi integrante durante décadas, apesar de ter se desiludido com a União Soviética.

Hobsbawm publicou o primeiro de três livros cobrindo o “longo século 19” em 1962, em que abrange o período 1789-1914. No segundo volume, “Era dos extremos”, tratou do período até 1991. Hobsbawn nasceu na Alexandria, no Egito, em 1917, filho de pais judeus. Ele cresceu em Viena e em Berlim, mudando-se para Londres em 1933, mesmo ano em que Adolf Hitler chegou ao poder na Alemanha. O historiador deixa a mulher, três filhos, sete netos e um bisneto.

FONTE: Estadão / Efe e AP

- Advertisement -

17 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
17 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Cinquini
Cinquini
9 anos atrás

Perdemos o grande mestre! Vai ser difícil aparecer alguém com tamanha lucidez para entender os acontecimentos do passado.

Vá em paz.

fabioCrescenti
fabioCrescenti
9 anos atrás

Na minha humilde opinião, nada do que ele escreveu acrescentou algo ao mundo em que vivemos.

Pequeno Príncipe ensina mais as meninas do que a obra dele ao mundo moderno.

Já foi tade.

phacsantos
phacsantos
9 anos atrás

fabioCrescenti

A humilde opinião é sua e a respeito como tal, porém, vou lhe deixar uma frase para pensamento:

“Nações sem passado são contradições em termos.
O que faz uma nação é o passado, o que justifica uma nação contra outras é o passado, e os historiadores são as pessoas que o produzem!”
Eric Hobsbawn, 1917 – 2012.

vilarnovo
vilarnovo
9 anos atrás

Concordo com o Fabio. Nada do que o ele escreveu passou de mentiras e distorções. Morre mais um comunista que nunca quis viver em um pais comunista e sim se aproveitar dos prazeres que só o capitalismo conseguiu proporcionar.

Antonio M
Antonio M
9 anos atrás

Concordo com vocês. Ser pensador é mais fácil do que ser empreendedor.

E ser comunista em Londres é muito mais confortável do que em Cuba, Coréia do Norte etc. Na China agora está um pouco melhor para alguns pelos motivos “de mercado” que conhecemos ……

Observador
Observador
9 anos atrás

Senhores,

Para mim, ou o sujeito é um historiador sério ou um verdadeiro comunista.

Ser as duas coisas, ao mesmo tempo, é fechar os olhos para a verdade.

Mas fiquemos felizes:

Ao morrer, o Sr. Eric Hobsbawm enfim tornou-se um bom comunista.

thomas_dw
thomas_dw
9 anos atrás

Um Stalinista enrustido que via tudo pela otica Marxista, nao era um verdadeiro Historiador.

vilarnovo
vilarnovo
9 anos atrás

Nada contra historiadores. Tudo contra a historiadores dialéticos marxistas. A dialética marxista é tudo menos ciências como já dizia Popper. Ela contrapõe idéias a uma outra idéia deixando de lado o que torna ciência uma ciência que é a experimentação. Toda a literatura de Marx, principalmente “O Capital” é baseado em uma premissa prévia (o capitalismo é mau) para chegar a um resultado antecipadamente definido (o socialismo é bom). Para isso ele utilizou conceitos errados de liberais como Adam Smith e principalmente David Ricardo na sua teoria de preços que pode ser derrubada em 2 segundo por alguém minimamente instruido… Read more »

phacsantos
phacsantos
9 anos atrás

Ele foi um historiador comunista escrevendo num país capitalista…sim…mas quantos historiadores capitalistas puderam escrever em países comunistas?

Um grande intelectual se foi….mas só se ouve falar da “gracinha”…..

Vader
9 anos atrás

Não comemoro a morte de ninguém, mas esse aí já foi tarde. Suas teses estapafúrdias foram sendo destruídas uma a uma com o tempo, e chegará a hora em que delas não sobrará pedra sobre pedra.

phacsantos
phacsantos
9 anos atrás

Vader

A ciência é feita disso: teses que são suplantadas por outras!
Por esse prisma, Hobsbawn, assim como todos os outros pensadores/cientistas são meros degraus na escada que é a evolução do conhecimento humano….

Devemos lembrar que uma escada com um degrau faltando nos tornaria mais dificil atingir o degrau seguinte…

Vader
9 anos atrás

phacsantos disse:
2 de outubro de 2012 às 14:49

Prezado, o problema é que Hobsbawn não foi um degrau para cima e à frente. Na verdade foi um degrau abaixo, e atrás. Uma involução.

phacsantos
phacsantos
9 anos atrás

Ok. Respeito as opiniões divergentes!

vilarnovo
vilarnovo
9 anos atrás

“A ciência é feita disso: teses que são suplantadas por outras! Por esse prisma, Hobsbawn, assim como todos os outros pensadores/cientistas são meros degraus na escada que é a evolução do conhecimento humano…. Devemos lembrar que uma escada com um degrau faltando nos tornaria mais dificil atingir o degrau seguinte…” Cara, não discordo uma vírgula disso. Agora vai explicar isso a um Marxista. O marxismo foi suplantado há muito tempo por pessoas como Haeyk e Voegelin. E quando digo muito tempo é quase um século. Sem contar com as experiências fracassadas, ou seja, experiências empíricas. Como explicar a existência de… Read more »

phacsantos
phacsantos
9 anos atrás

vilarnovo,

Resposta:”um ideal”

Hobsbawn não era um marxista imutável…ele assumiu equivocos e defendeu pontos de vista que achava válidos!

O que há de errado em acreditar que não deve haver divisão de classes? Agora..por isso em prática (de forma justa e de maneira que não ofenda quem quer que seja) é outra história…por isso ele assumiu publicamente que a URSS fracassou em muita coisa!

Não sou seguidor dele..apenas li algumas obras e passei a admirar seu trabalho…além de o respeitar como qualquer outra pessoa que não me fez mal e, por isso, não vou dizer: “já foi tarde”…

phacsantos
phacsantos
9 anos atrás

Como já disse, respeito as opiniões divergentes, mas..

Chamar de “Brilhante” uma matéria da Veja?

Interessante…quando a revista diz o que penso ela é brilhante…quando diz o contrário ela não presta….muito interessante mesmo!

De minha parte…nada mais falarei a respeito.

Últimas Notícias

Colin Powell, líder militar e primeiro secretário de Estado negro dos EUA, morre após complicações da Covid-19

(CNN) – Colin Powell, o primeiro secretário de estado negro dos EUA cuja liderança em várias administrações republicanas ajudou...
- Advertisement -
- Advertisement -