terça-feira, outubro 19, 2021

Saab RBS 70NG

Dois soldados do Exército britânico são mortos no sul do Afeganistão

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Dois soldados que pertenciam a um batalhão do Exército britânico foram mortos nesta terça-feira atingidos por disparos de um homem vestido com o uniforme da polícia afegã, informou o Ministério da Defesa em Londres.

Os militares, pertencentes ao Primeiro Batalhão do regimento Royal Gurkha Rifles, morreram em um posto de controle no distrito de Nahr-e Saraj, na província de Helmand, onde a maior parte do contingente britânico no Afeganistão está mobilizada, indicou o ministério, sem indicar a nacionalidade das vítimas.

Este regimento é formado por oficiais britânicos e ‘ghurkas’, soldados nepaleses que servem desde o século XIX nas forças armadas britânicas, especialmente em operações no exterior.

Estas duas mortes elevam para 43 o número de baixas sofridas pelas Forças Armadas britânicas durante o ano no Afeganistão, e para um total de 437 desde o início da intervenção internacional liderada pelos Estados Unidos, em 2001.

Um porta-voz da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) da Otan havia anunciado estas mortes horas antes à AFP.

“Um homem com uniforme da polícia afegã voltou sua arma contra as forças da Isaf no sul do Afeganistão matando dois soldados da missão”, disse à AFP em Cabul.

O ataque foi reivindicado por um porta-voz dos insurgentes talibãs, que afirmou que as duas vítimas eram britânicas.

FONTE: Agência AFP via ISTOÉ

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias

Colin Powell, líder militar e primeiro secretário de Estado negro dos EUA, morre após complicações da Covid-19

(CNN) – Colin Powell, o primeiro secretário de estado negro dos EUA cuja liderança em várias administrações republicanas ajudou...
- Advertisement -
- Advertisement -