Home Blindados Soldados de Pirassununga treinam para missão com novo blindado

Soldados de Pirassununga treinam para missão com novo blindado

477
6

Mostra BID-Brasil - 3

Do G1 São Carlos e Araraquara

Militares de Pirassununga (SP) estão em treinamento para mais uma missão no Haiti e passarão a usar um novo blindado, mais moderno e seguro para os soldados. Eles devem ser enviados em novembro e retorar em junho de 2014. “A nossa missão está voltada mais para manter o ambiente seguro e estável para que outras organizações possam fazer a reconstrução e um trabalho mais junto à população”, disse o capitão Eduardo Pereira.

Ao todo, 113 soldados de Pirassununga e 30 de Valença (RJ) vão embarcar para o Haiti, entre eles Vagner Pereira, que vai atuar fora do Brasil pela primeira vez. “Dá bastante orgulho participar de uma missão de paz e a expectativa é muito grande”, comentou.

O Exército está no comando das Forças das Nações Unidas no Haiti desde 2004. O objetivo é garantir a segurança e desarmar grupos guerrilheiros e rebeldes. Os soldados também contribuem para formação da Polícia Nacional Haitiana, para aos poucos diminuir a presença estrangeira. O Brasil chegou a ter dois mil soldados participando da missão, hoje tem 1,2 mil. A previsão é que até 2016 os brasileiros deixem o país.

Novo blindado
A próxima tropa que viaja não vai mais contar com uma velha arma, o carro anfíbio Urutu, projetado na década de 1970. Pensado para os padrões da época, é rústico para a atualidade. Para a próxima missão, o Exército vai usar um novo blindado, o Guarani.

Ele é maior e mais moderno, a blindagem resiste a 8 mil quilos (sic) de explosivos. No interior, os cintos de segurança têm cinco pontas, semelhante aos usados em aviões militares. O ambiente também é climatizado por um ar condicionado.

O carro também é anfíbio e pode ser usado dentro d’água. Ele tem câmeras que  permitem que o motorista dirija no escuro. O armamento tem um controle remoto, o que aumenta a segurança dos soldados.

“A preocupação é com a integridade da célula viva e não expor a silhueta do soldado ao fogo inimigo”, segundo o coronel Marcio Calafange Júnior. O veículo deve ser utilizado para garantir a segurança nas eleições livres que devem ocorrer no Haiti.

Longe do blindado, os soldados também treinam na sala de aula, onde aprendem o creole, um dialeto francês muito usado no país. Com a língua, ainda encontram dificuldades. “A nossa principal missão é ajudar o povo haitiano e isso tem que ser feito entendendo as necessidades dele”, disse o professor de idiomas Breno Pastro.

FONTE: G1

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vader
6 anos atrás

“a blindagem resiste a 8 mil quilos de explosivos”

Aham…

Porque que o G1 não fala logo que resiste até a uma explosão atômica?

Maldita imprensa brasileira…

giltiger
giltiger
6 anos atrás

Legal o EB vai levar o Guarani para passear no Haiti para mostrar aos DEMAIS militares dos outros países componentes da Força de Paz.

Coma a clara intenção de GERAR relatórios destes militares a seus governos sobre o novo blindado brasileiro e possibilidades de venda do Guarani…

E quem sabe alguma ação para testá-lo…

Finalmente o pessoal está ficando mais ESPERTO neste aspecto também…

Blind Man's Bluff
Blind Man's Bluff
6 anos atrás

Algum outro aspecto “us seus cumpanheros du PerdaTotal” estão ficando mais ESPERTO também, ou só nesse junto com aquele aspecto famoso dos ParasiTas, a CORRUPÇÃO?

Blind Man's Bluff
Blind Man's Bluff
6 anos atrás

É, vc tem razão, tão ficando ESPERTO esses ParasiTas, já até são imunes à…justiça!

rommelqe
rommelqe
6 anos atrás

Blindado não é para ficar parado em “casa” .

Ou o Brasil tá só brincado de carrinho? Afinal esse é o melhor CTRA que temos – de fabricação e projeto nacionai(alias, parabéns, em particular, ao pessoal da Columbus…).

Se não é pra proteger os brasileiros que estão no Haiti e a pelo menos tentar ajudar aquele povo sofrido seria para o que?

Po, dizer que o Exercito não pode usar os blindados por que essa seria meramente uma ação de marketing é realmente o cúmulo.

rommelqe
rommelqe
6 anos atrás

Blindado não é para ficar parado em “casa” .

Ou o Brasil tá só brincado de carrinho? Afinal esse é o melhor CTRA que temos – de fabricação e projeto nacionai(alias, parabéns, em particular, ao pessoal da Columbus…).

Se não é pra proteger os brasileiros que estão no Haiti e a pelo menos tentar ajudar aquele povo sofrido seria para o que?

Po, dizer que o Exercito não pode usar os blindados por que essa seria meramente uma ação de marketing é realmente o cúmulo.