terça-feira, março 9, 2021

Saab RBS 70NG

Obama descarta “nova guerra fria” mas aplica sanções

Destaques

Saab recebe pedido de Carl-Gustaf M4 e munições da Estônia

A Saab recebeu um pedido de entregas de armas e munições Carl-Gustaf® M4 para as Forças Armadas da Estônia....

Exército Brasileiro lança programa de modernização de veículos blindados EE-9 Cascavel 6×6

De acordo com informações publicadas pelo site InfoDefensa em 7 de março de 2021, o Exército brasileiro lançou um...

FOTOS: Light Armed Helicopter (LAH) da Coreia do Sul

O helicóptero armado leve (LAH) é baseado no Airbus H155B1 (EC155), que é uma versão modernizada do antigo AS365...

120925_obama_un_reuters_3281

ClippingEnergia, armas e financiamento. É nestas áreas que os Estados Unidos vão aplicar novas sanções à Rússia devido ao seu apoio ativo aos rebeldes no leste da Ucrânia, anunciou Barack Obama.
O presidente dos Estados Unidos fez uma declaração na Casa Branca, na qual enfatizou que estas novas sanções servem para recordar que os EUA “fazem o que dizem”. No entanto, Obama salientou que não está envolvido numa “nova guerra fria” com a Rússia.

Barack Obama acusou Moscou de até agora ter falhado na cooperação com os investigadores que querem analisar no terreno os destroços do avião da Malaysia Airlines que caiu no leste da Ucrânia, alegadamente atingido por um míssil. “Vamos bloquear as exportações de bens e tecnologias específicos ao setor da energia russo e vamos alargar as nossas sanções a mais bancos russos e empresas da área da defesa”, indicou o chefe de Estado norte-americano.

Além disso, acrescentou, “vamos suspender formalmente créditos e financiamentos para projetos de desenvolvimento econômico na Rússia”. O presidente dos Estados Unidos lembrou que ele e líderes europeus chave estão unidos na convicção de que a situação na Ucrânia deve ser resolvida pelas vias diplomáticas.

FONTE: DN

- Advertisement -

1 COMMENT

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gilberto Rezende
Gilberto Rezende
6 anos atrás

Engraçado o problema da Ucrânia AGORA deve ser resolvido por vias diplomáticas…

Quando o Presidente democraticamente ELEITO da Ucrânia era pró-Russia o discurso e a ação americana era bem diferente…

Guerras Modernas

Armênia, Azerbaijão e Rússia fecham um acordo para acabar com o conflito de Nagorno-Karabakh

YEREVAN/BAKU (ARMENIA/AZERBAIJÃO) — Armênia, Azerbaijão e Rússia disseram que assinaram um acordo para encerrar o conflito militar na região...
- Advertisement -
- Advertisement -