Home Defesa Cibernética Israel Aerospace Industries fornecerá centro de cibertreinamento para DNP no Japão

Israel Aerospace Industries fornecerá centro de cibertreinamento para DNP no Japão

203
3

Israel Aerospace Industries - Range1

A Israel Aerospace Industries (IAI) firmou contrato para fornecer à Dai Nippon Printing (DNP) de Tóquio, Japão, o TAME™ Range, plataforma de treinamento e certificação Cyber Range para equipes de guerra cibernética. A DNP, líder em impressão para publicações, segurança de documentos e produtos para software seguro no Japão e no mundo, vai revender o Cyber Range da IAI no Japão. O TAME™Range proporciona um ambiente de treinamento realista para a ciberguerra, a fim de melhorar a percepção e prontidão dos ciberdefensores. O Japão, atualmente, precisa treinar em torno de 80 mil funcionários de TI para que possam impedir ciberataques de outros países, além de estarem preparados para as Olimpíadas de 2020.

O TAME™Range oferece aos usuários treinamento autêntico e prático em um ambiente controlado, valendo-se de ciberameaças do mundo real. Enquanto treinam, os usuários adquirem conhecimentos práticos, pois precisam lidar com ciberataques verdadeiros — baseados nas mais recentes ciberameaças detectadas.

O currículo do TAME™Range abrange todos os aspectos da ciberguerra, incluindo identificação de ameaças, gerenciamento de todos os aspectos da ciberguerra, identificação de ameaças, administração de incidentes e ciência forense. Além disso, provê treinamento em profundidade nas ferramentas e técnicas utilizadas pela equipe quando um ataque de fato ocorre.

O representante da DNP afirmou: “A DNP está entusiasmada de trabalhar com a IAI, o maior empregador de pessoal no ramo de alta tecnologia de Israel, com excelente reputação de empresa inovadora e avançada. Após uma meticulosa análise dos sistemas de treinamento disponíveis, a DNP elegeu o sistema Cyber Range da IAI como o produto que permitirá aos funcionários de TI japoneses receberem o melhor treinamento contra ameaças que surgem todos os dias e podem comprometer a infraestrutura essencial do Japão”.

A IAI declarou: “Estamos muito contentes de fazer parceria com a DNP e temos certeza de que o TAME™Range, aliado à excelente reputação da DNP, será a solução perfeita para atender à crescente necessidade de cibertreinamento do Japão. O que torna o TAME™Range único é que ele incorpora e automatiza o conhecimento dos especialistas da IAI em uma experiência realista e muito fácil de usar. Isso permite às organizações treinar sua equipe de segurança cibernética, avaliar estratégias inovadoras de defesa ou comparar ferramentas de segurança existentes com outras novas”.

Israel Aerospace Industries:

A IAI Ltd. é a maior empresa aerospacial e de defesa de Israel, líder em tecnologia e inovação com prestígio global, especializada no desenvolvimento e na produção de sistemas de tecnologia de ponta para ar, mar, terra, segurança cibernética e segurança nacional. Desde 1953, a empresa vem fornecendo soluções de alta tecnologia para clientes governamentais e comerciais no mundo inteiro, incluindo: satélites, mísseis, sistemas de armamento e munição, sistemas não tripulados e robóticos, radares, C4ISR e outros. A IAI também projeta e produz jatos comerciais e aeroestruturas, conduz a revisão e manutenção de aeronaves comerciais e converte aviões de passageiros em aeronaves de abastecimento e carga.

DNP:

A DNP (Dai Nippon Printing Co., Ltd.) é uma das maiores e mais abrangentes empresas do mundo no ramo de impressão. A DNP oferece vários produtos e serviços em uma ampla gama de setores, tanto para o consumidor quanto para cerca de 30 mil clientes corporativos no Japão e ao redor do mundo. A principal atividade da DNP sempre se concentrou nas tecnologias de impressão e informação, desde que a empresa foi fundada em 1876.

A partir da impressão para publicação e fins comerciais, a DNP se expandiu para diversos ramos, que incluem embalagem, materiais decorativos, componentes para display e artefatos eletrônicos. A empresa cresceu para tornar-se o maior fornecedor do mundo de muitos produtos em sua área de atuação. Leva adiante, ainda, o desafio de se expandir para novos ramos de negócio, tais como o meio ambiente, energia, ciências da vida e segurança.

3
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
OganzaReinaldo Deprera Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Reinaldo Deprera
Visitante
Member
Reinaldo Deprera

Ter um ambiente de testes de SI para uma infraestrutura de TI é fundamental. Esse produto da IAI vai suprir a demanda da maioria das empresas que, infelizmente, parecem que não conseguem compreender que a TI deve ser rigorosa com especificações e práticas de SI ao mesmo tempo em que a infraestrutura de rede e os softwares são elásticas e muito dinâmicas. Quem não manter um ambiente de testes pagará o preço, de um jeito ou de outro. O produto deve ser muito bom pois há uma máxima em SI que é oposta à do basquete americano: Bons atacantes são… Read more »

Oganza
Visitante
Member
Oganza

Reinaldo Deprera, Verdade… o mundo tem um problema sério com a segurança em TI e é justamente pelo fator “elástico” da infraestrutura que na maioria das vezes é mantida por profissionais sem tais capacidades “elasticas” não só de ferramentas, mas de conhecimento mesmo… no Brasil e defeiciência é nos dois pontos. E levamdo o problema para o Brasil, fica pior ainda por ele não ter o domínio da “trama desse elástico” sem falar na própria falta de doutrina SI das corporações e do usuário corporativo. Na China, hackear é hobby e possui um número não oficial de mais de 3,5… Read more »

Reinaldo Deprera
Visitante
Member
Reinaldo Deprera

Oganza, concordo com tudo que disse. Sem falar que aqui, na contramão da racionalidade, premia-se o software ruim, e pune-se o hacker. Já o cracker, esse continua livre leve e solto porque não há pessoal habilitado para a função de achá-los. Sejam eles indivíduos ou organizações externas. Não há quadro técnico nas polícias civis. O pessoal da PF é muito bom, mas são altamente dependentes de softwares forenses e contraespionagem. Isso por si só deixam eles a ver navios em situações novas. O status quo deles nesse caso, está atrelado a situações políticas que, no Brasil, conhecemos muito bem: Licitações… Read more »