Home Engenharia Exército Brasileiro vai adquirir ponte flutuante da GDELS

Exército Brasileiro vai adquirir ponte flutuante da GDELS

5318
16
Improved Ribbon Bridge (IRB)

O Jane’s noticiou que o Exército Brasileiro está comprando um sistema de ponte flutuante de Improved Ribbon Bridge (IRB) da General Dynamics European Land Systems (GDELS) como parte de seu Programa Estratégico do Exército.

Uma concorrência foi emitida no final de 2017 através da Comissão do Exército do Brasil em Washington, DC.

O contrato está sendo finalizado e a entrega pode ocorrer dentro de um ano após a assinatura, informou o Exército ao Jane’s.

O sistema vai substituir um sistema de ponte EWK Faltschwimmbrücken (FSB) do 5º Batalhão de Engenharia de Combate Blindado em Porto União-SC.

O pacote para o Brasil inclui módulos de ponte, três caminhões de transporte de ponte 8×8 e um barco de elevação da ponte.

Subscribe
Notify of
guest
16 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Ivan
Ivan
2 anos atrás

O link de um exercício recente documentado pelo FORTE:
http://www.forte.jor.br/2017/06/19/demonstracao-de-transposicao-de-curso-dagua-no-12o-be-cmb-bld/
.
Sds.,
Ivan.

Ivan
Ivan
2 anos atrás

Manual de Campanha
.
OPERAÇÕES DE TRANSPOSIÇÃO DE CURSOS DE ÁGUA
.
Edição de 1996
.
http://bdex.eb.mil.br/jspui/bitstream/123456789/309/1/C-31-60.pdf

Matheus
Matheus
2 anos atrás

Foi informado quantas unidades serão?

Hélio
Hélio
2 anos atrás

Não existe nenhuma empresa brasileira capaz de suprir a engenharia? Isso sim deveria ser fomentado com vistas ao uso dual.

Ronaldo de souza gonçalves
Ronaldo de souza gonçalves
2 anos atrás

Eu sou caldeireiro é acho que isto o Brasil pode fazer aqui,até num galpão,com ponte rolante.Se fosse compra de oportunidade era a favor pois o preço é menor.Lembrando que parte do desemprego é na área clalderarias é mecânicas e temos nesta área excelente projetistas engenheiros.tecnicos e mão de obra especializada, é claro que temos bom aço.Sou a favor de comprar de oportunidade que a Marinha está fazendo O ocen,as patrulhas que foram oferecidas.

Gustavo
Gustavo
2 anos atrás

O exército não poderia transferir a EWK Faltschwimmbrücken para outro batalhão ou mantê-la na reserva?

Marcos10
Marcos10
2 anos atrás
JC
JC
2 anos atrás

Este sistema parece ser maio que o EWK Faltschwimmbrücken

Bryan
Bryan
2 anos atrás

Precisa comprar mesmo, porque as pontes de ligação ilha-continente, em Florianópolis/SC, estão quase caindo por negligência do poder público.

J. Neto
J. Neto
2 anos atrás

Desculpe mas fazer equipamento militar em galpão é nivelar por baixo a tecnologia bélica…

Tiago
Tiago
2 anos atrás

Isso poderia ser feito aqui mesmo no Brasil!

Jr
Jr
2 anos atrás

Matheus, acho que são seis sistemas

Vivaldo José Breternitz
Vivaldo José Breternitz
2 anos atrás

Lamentável que estejamos importando tecnologia tão simples…

Juarez
Juarez
2 anos atrás

Siiiiiiim, daria para fazer aqui. começaríamos tendo que fazer os gabaritos, as formas, tudo com nossos impostos Noruegueses, nossa logística de Ruanda e nosso conhecido planejamento de uns cinco de atraso em entregas.
Sairiam tortas, levariam uns cinco anos para entregar, e custariam uns cinco vezes mais caro.
Esqueçam este país, enquanto não se fizer uma reforma fiscal e trabalhista séria.

João Machado
João Machado
2 anos atrás

Esses sistemas seriam capazes de transpor corpos d’água de que extensão?

WellingtonRK
WellingtonRK
2 anos atrás

J. Neto 24 de Fevereiro de 2018 at 15:01
Desculpe mas fazer equipamento militar em galpão é nivelar por baixo a tecnologia bélica…

Galpão aqui significa prédio fabril e não estábulo.