Home Estratégia Geórgia se tornará membro da OTAN, diz Soltenberg

Geórgia se tornará membro da OTAN, diz Soltenberg

3716
94

O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, reiterou na segunda-feira o compromisso  de conceder à Geórgia, ex-república soviética, a eventual adesão ao bloco, apesar da feroz oposição de Moscou.

Stoltenberg estava na capital da Geórgia, Tbilisi, para participar dos exercícios militares conjuntos de 12 dias da OTAN e da Geórgia, que começaram na semana passada.

“Os 29 aliados afirmaram claramente que a Geórgia se tornará membro da OTAN”, disse Stoltenberg em coletiva de imprensa ao lado do primeiro-ministro do país, Mamuka Bakhtadze.

“Continuaremos trabalhando juntos para nos prepararmos para a adesão da Geórgia à Otan”.

Numa aparente referência à Rússia, ele disse que nenhum país tinha o direito de influenciar a política de portas abertas da OTAN.

“Não estamos aceitando que a Rússia – ou qualquer outra potência – possa decidir o que os membros da OTAN podem fazer”, disse ele.

Em uma cúpula de 2008 na Romênia, líderes da OTAN disseram que a Geórgia se uniria ao bloco em uma data futura não especificada, mas até agora se recusou a colocar o país em um caminho formal para a adesão.

A perspectiva de a Geórgia se juntar à OTAN é vista pelo Kremlin como uma incursão ocidental na sua tradicional esfera de influência.

Bakhtadze disse, por sua vez, que Moscou não tem o direito de impedir que um país soberano escolha “seus arranjos de segurança”.

“A filiação à OTAN é a escolha do povo georgiano e está consagrada em nossa constituição”, disse ele.

Realizados no Centro Conjunto de Treinamento e Avaliação Krtsanisi Geórgia-OTAN, nos arredores de Tbilisi, os exercícios conjuntos envolvem 350 soldados dos EUA, Grã-Bretanha, França, Alemanha e outras 17 nações aliadas, além do Azerbaijão, Finlândia e Suécia.

As tensões entre Tbilisi e Moscou sobre a trajetória pró-ocidental da Geórgia e o controle das regiões separatistas da nação do Mar Negro levaram a uma breve mas sangrenta guerra em 2008.

Durante o conflito sobre as regiões separatistas da Ossétia do Sul e da Abkházia, apoiadas por Moscou, a Rússia derrotou as pequenas forças militares da Geórgia em apenas cinco dias e reconheceu a independência dos territórios separatistas.

Moscou então estacionou bases militares no que o Ocidente e Tbilisi denunciaram como “ocupação militar ilegal”.

No ano passado, o primeiro-ministro russo, Dmitry Medvedev, disse que a eventual entrada da Geórgia na Otan “poderia provocar um terrível conflito”.

FONTE: Daily Sabah

94
Deixe um comentário

avatar
25 Comment threads
69 Thread replies
2 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
47 Comment authors
claudio soaresConanLuiz TrindadeCarlos Eduardojose luiz esposito Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Ricardo
Visitante
Ricardo

Eu sinceramente dúvido. Já se passaram 12 anos e nada. Países como França e Alemanha sabem bem que a Geórgia é problema. A comissão europeia concluiu que foi a Geórgia que começou a guerra, matando inclusive 2 soldados russos que estavam em missão da ONU. Imaginem o escandalo que seria se esses soldados fossem dos EUA. Mikheil Saakashvili está proibido de entrar em seu próprio país com um mandado de prisão nas costas. Ele foi para Ucrania e pasmem, tentou dar um golpe no Poroshenko. Claro, também foi expulso da Ucrânia.

Brunow Basillio
Visitante

Saakashvili a maior piada que já vi, saiu corrido da Georgia foi para a Ucrânia foi expulso( foi sequestrado por homens encapuzados e levado ate o aeroporto) só foi aceito na Polônia devido sua mulher ser Holandesa…
Mesmo se a Georgia entrar para OTAN a Rússia já pegou sua fatia Ossétia do Sul e Abkházia..

Augusto L
Visitante
Augusto L

Comentario retido.

Augusto L
Visitante
Augusto L

A comissão europeia nunca decidiu que a Georgia comecou a guerra, inclusive é abertamente aceito no ocidente que a Russia usou a mesma tática que na Ucrânia, incitou os rebeldes separatista para que o governo central georgiano responde-se, criando um motivo para invadir e depor o governo georgiano. https://en.wikipedia.org/wiki/Russo-Georgian_War O Mikhell nunca tentou um golpe de estado na Ucrania, Poroshenko, tirou a cidadania ucraniana dele por que ele tinha montando um partido rival e estava com mais apoio popular que o governo. Inclusive voltou a Ucrania com grande manisfestacoes populares dos próprios ucranianos reforçaram a policia de fronteira a deixá-lo… Read more »

Pedro
Visitante
Pedro

Cara, a Georgia foi a unica responsavel pelo conflito em 2008 ao acreditar que seus “laços” com os EUA e OTAN seriam suficientes para, ao atacar as regiões rebeldes do país, atacando inclusive tropas da ONU (independente se eram ou não Russos) a Russia iria colocar o rabo entre as pernas e deixar barato. Não é a toa que ninguem na Europa ou nos EUA fez algo para lhe ajudarem efetivamente, logico, ouve protestos e mimimi mas ninguem mexeu a mão para nada.

Augusto L
Visitante
Augusto L

“a Georgia foi a unica responsavel pelo conflito em 2008 ao acreditar que seus “laços” com os EUA e OTAN seriam suficientes para, ao atacar as regiões rebeldes do país, atacando inclusive tropas da ONU (independente se eram ou não Russos) a Russia iria colocar o rabo entre as pernas e deixar barato” Foram os separatistas que quebraram o acordo de cessar fogo de 92, e por mais de 2 dias atiraram projeteis de artilharia, foi ai o governo georgiano decidiu agir, so que já haviam tropas russas ilegais na Ossétia do Sul, o que o governo russo usou como… Read more »

Brunow Basillio
Visitante

Sua fonte é a Wiki rsrs, faz o seguinte pesquisa em fonte Ucraniana que VC ira ter noção do acontecido….

Claudio Moreno
Visitante
Claudio Moreno

Kkķkkk será que dará tempo? Esse povo da Europa Oriental fica acreditando no escudo da OTAN, mas esquecem que serão só mais um satélite. Só que desta vez dos EUA (leia-se zona de influência). Sem falar que, diferente da URSS que “dava” material militar (material depreciado em comparação com o material da Mãe Rússia) para suas repúblicas, os membros da OTAN tem obrigações com orçamento militar.

CM

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Em quantos segundos a Rússia ocuparia a Georgia?

pangloss
Visitante
pangloss

A entrada da Geórgia na OTAN é uma manobra arriscada para todos. Mas há precedentes: Lituânia, Letônia e Estônia, ex-repúblicas soviéticas, aproveitaram o momento de maior debilidade da Rússia e estão na OTAN até hoje.

Cristiano de Aquino Campos
Visitante
Cristiano de Aquino Campos

E quanto eles estão melhor equipados depois que entraram para a OTAN ou a união europeia. Ate onde se sabe só tem servido como base para 1 centena de soldados da OTAN e mão de obra imigrante barata por pouco tempo.

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Os Estados Bálticos a qualquer momento poderão acordar com o controle russo , querem acelerar o momento , os EUA tentando contra a Venezuela , estarão dando carta branca a Rússia !

Carlos Eduardo
Visitante
Carlos Eduardo

Nao podemos considerar esse precedente pois nestes tres casos havia tres questões totalmente divergentes da atual: – A primeira; era a condição russa, que não tinha condições militares e economicas para se contrapor. – A segunda; lembrar que a Georgia ja esteve em guerra aberta com a Rússia nos ultimos anos; – A terceira; a questão Ucraniana, que acirrou ainda mais os animos e hoje tornou todas as questões envolvendo países da fronteira Russa verdadeiros barris de polvora prontos para detonar e escalar a guerra a níveis continentais…. Não acredito que a OTAN ira receber a Georgia, pois tal ato… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

A Rússia invadir a Geórgia está OK para você…

Mas libertar o povo da Venezuela da ditadura do Maduro para você nem pensar..

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Só estou comentando a insignificância militar da Geórgia e a tentativa dos EUA de provocar a Rússia.
Depois, não sabe de onde vem o troco.

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

E você acha que a Venezuela segura os EUA por quantos segundos ?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Pode acreditar. Muito mais que a Georgia segura a Rússia.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Kkkkk

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Meio.

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Antonio Kings já te respondeu por mim .

Rafael Coimbra
Visitante
Rafael Coimbra

Qual troco???? kkkk A OTAN quase dobrou de tamanho de 1990 até hoje… e Russia fez o que? …Gorbachov falou que a OTAN não iria 1 polegada para o leste…. e a OTAN foi… a Russia fez o que?Bulgária, Estônia, Letônia, Lituânia, Romênia, Eslováquia, Eslovênia, Rep Checa, Hungria e Polônia se juntaram a OTAN e a Russia??????????? Não adianta chorar… Contra os Americanos os Russos só sabem fazer nota de repudio e ameaças vazias… Aceita que dói menos

Gelson
Visitante
Gelson

Contra os americanos os russos não precisam fazer nada, os EUA não tem culhão para fazer nada com um país dono de meia dúzia de ogivas nucleares ( Coréia do Norte) quem dirá com a Rússia dona de 16.000 e com potencial para jogar em qualquer lugar do planeta…kkkkkkk Eu vi os valentes americanos defendendo a Ucrânia, Georgia e grupos sírios que eles apoiaram contra os russos…kkkk. É para rir mesmo. Rússia é potência nuclear fio, doa a quem doer. Americanos são valentes para bombardear países pobres sem estrutura de defesa, quando a Rússia está no jogo muda né… Ahh… Read more »

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

Gelson, os EUA também são uma potência nuclear em par de igualdade com os russos, só que é mais forte em meios convencionais.

O que você falou também vale para os russos.

Pau que dá em Chico também em Francisco…

Gelson
Visitante
Gelson

Concordo com tudo o que você falou Alfa, sei que os EUA são uma potência nuclear o problema é que a maioria aqui se esquece ou desconhece essa paridade nuclear., que basta para se respeitarem mutuamente independente de poder convencional…. Portanto não adianta querer tratar a Rússia como o Iraque, Afeganistão , Líbia…

Pau que dá em Chico também em Francisco mostra que pelo menos você aqui entendeu meu comentário independente dessas torcidas…

Abraço,

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Esta que não , em termos Convencionais a Rússia é Imbatível na Europa e frente aos EUA , tomariam a Europa antes dos EUA lograssem chegar em seu socorro !

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Sem contar que os russos têm o apoio da China que tem, simplesmente, cerca de 1,4 bilhão de habitantes e a maior base industrial do planeta.

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

“…tomariam a Europa antes dos EUA lograssem chegar em seu socorro”

Não, simplesmente não.

José
Visitante
José

Os USA e a URSS de então,possuíam uma paridade nuclear de cerca de 30.000 ogivas,cada um,porém essa paridade está em torno de 6000 ogivas,devido a tratados e a concordância em uma redenção.

Cristiano de Aquino Campos
Visitante
Cristiano de Aquino Campos

Dobrou de tamanho más diminuiu os gastos. E o mesmo que o Brasil ou a Argentina virando apoiadores especiais da OTAN, sem grana não rola. Esses países ex-sovieticos, sofrem com economias deficitárias e governos autoritários e corruptos. Ate agora só tem contribuido com imigrantes baratos e território próximos da Russia.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Venefavela ?

Joao Moita Jr
Visitante
Joao Moita Jr

Em 3.8 segundos…

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

João.
Vc é otimista.
kkkkk
Saudações!

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Mezzo Giorno !

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

Mas todos eles preferem ser satélites dos EUA que da Rússia..

Fala em Rússia na Polônia..

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Parafraseando o Presidente da Câmara, Rodrigo Maia: Chegou atrasada na festa.

Brunow Basillio
Visitante

Em 2017 a balança comercial Rússia x Polônia foi superior a U$ 16 bilhões… E ainda dizem que poloneses odeiam os Russos..

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

Na primeira brecha entraram para a OTAN…

Agora o máximo que os russos podem fazer com eles é negócio

Cristiano de Aquino Campos
Visitante
Cristiano de Aquino Campos

Vocé prefere ganhar 16 bilhões com a Russia ou talvez ganhar 32 bilhões com a europa ocidental / EUA. O problema e que nessas ex-repúblicas soviéticas só tem material humano que interesse. Ainda não soube de nenhuma melhoria nesses paises depois de entrar para a OTAN ou Uniao europeia. Continuam pobres, corruptos e autoritários.

Conan
Visitante
Conan

Verdade, são burros, escolheram o lado errado, se tivessem se voltado para a mãe Russia hoje em dia estariam em uma muito melhor, seriam ricos, desenvolvidos, sem corrupção e solidamente democráticos!! kkkikkkkkkkkk

Fernando Preto
Visitante
Fernando Preto

A parte de “apesar da feroz oposição de Moscou” é cômica pois a intenção da OTAN é justamente irritar e cercar ainda mais a solitária Rússia.

Paulo Costa
Visitante
Paulo Costa

Como seria bom se o Presidente Trump tivesse um entreveiro com a Otan e retira-se os EUA dessa organização globalista.

E queria ver se esses caras nao iam na hora falar fino com a Russia e chamar de Senhor Putin pedindo por favor nao nos odeie kkk.

A Otan ja venceu o seu prazo de validade e devia ter acabado junto com URSS ficando assim no passado.

pangloss
Visitante
pangloss

Não me parece que Trump queira sair da OTAN, mas apenas aumentar a participação dos europeus no orçamento da organização.

Cristiano de Aquino Campos
Visitante
Cristiano de Aquino Campos

Errado. Ele quer e que os países comprem mais armas dos EUA. Quando a França e Alemanha ate disseram que aumentariam a participação financeira más em investimentos em equipamentos puro europeus, ele ficou irritado.

André Luiz
Visitante
André Luiz

Mesmo tendo um poderio militar gigantesto os EUA sabem que sozinhos estariam isolados, então a Europa é uma boa aliada. Geopolítica não é nada simples ainda mais nos dias de hoje.

Hcosta
Visitante
Hcosta

A UE (basicamente a OTAN sem os EU e Canada) possui cerca de 2.4 milhões de soldados contra 1.5 milhões da Rússia. Um conflito entre os dois blocos será desastroso para ambos, mesmo sem o apoio dos EUA, mas não será uma vitória fácil para qualquer um dos lados.
Trump dificilmente poderá ser considerado um inimigo de Putin mas não podemos confundir a OTAN com os EUA. O não apoio à invasão do Iraque e a crítica ao regime russo demonstram a sua independência.
Putin faz mais pela OTAN do que Trump.

Fila
Visitante
Fila

Putin vai ficar putin

Alessandro
Visitante
Alessandro

To aqui imaginando, Georgia integrada a OTAN, e no outro dia a Rússia invadindo, e depois do outro dia a Georgia expulsa da organização rsrs…

Rene Dos Reis
Visitante
Rene Dos Reis

kkk, boa

paddy mayne
Visitante
paddy mayne

Jogada de extremo risco ou apenas um blefe. O único acesso terrestre da OTAN à Geórgia é pela Turquia, que também anda balançando no apoio ao ocidente.

GabrielBR
Visitante
GabrielBR

Já era tempo! Temos que botar fim a farra dos russos…

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

Decisão acertada da OTAN. Excelente notícia para os europeus.
Todos países que puderem cumprir as exigências do bloco e estejam realmente comprometidos com a missão, devem se unir a OTAN.
A Rússia achou que iria conseguir expandir indiscriminadamente seus territórios, como fez com a Crimeia, Ossétia e leste de Ucrânia? Acabou o oba oba seu Putin!
Por sinal, na campanha da Ossétia do Sul , a Geórgia deu um trabalho danado para o russos.
Imagine agora apoiados é muito bem equipados.

CESAR ANTONIO FERREIRA
Visitante
CESAR ANTONIO FERREIRA

Antunes 1980 disse:
“Por sinal, na campanha da Ossétia do Sul , a Geórgia deu um trabalho danado para o russos.”(.)

Em menos de cinco dias Gori estava ocupada, o exército georgiano havia entrado em colapso e a estrada para Tibilisi estava aberta. E as tropas russas eram compostas pelo Comando Sul do Exército da Federação Russa, que englobava forças de segunda categoria, armadas com CC T-72 e pasme T-62!

Que trabalhão eles deram, heim?!…

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

Em cinco dias os russos tiveram 67 mortos, 283 feridos, três desaparecidos e 12 capturados. Foram super bem mesmo !

JPC3
Visitante
JPC3

O Russos foram bem sim, porém a questão da Ossétia não seria a mesma coisa que invadir e conquistar a Geórgia.

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

Perderam mais aeronaves para as defesas antiaéreas da Geórgia do que a OTAN contra a Sérvia.

Tiveram certa dificuldade em solo, inclusive uma coluna de veículos blindados russa foi exterminada por comandos georgianos.

Felipe
Visitante

Não perderam nenhum stealth F-117, apenas alguns velhos Su-24/25.

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

Eles não tinham nenhum stealth para começo de conversa…

Perderam um Su-25SM, dois Su-25BMs, dois Su-24Ms e um Tu-22M3.

CESAR ANTONIO FERREIRA
Visitante
CESAR ANTONIO FERREIRA

A Federação Russa perdeu 67 combatentes em cinco dias de combate, como pode ter uma coluna de veículos blindados exterminada?

Por acaso você não presta atenção no que tecla?

CESAR ANTONIO FERREIRA
Visitante
CESAR ANTONIO FERREIRA

A Federação Russa aceita 4 perdas de aeronaves.
Acertos do sistema BuK M1.

O Spyder fracassou.

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

Por que não pode? Exterminada não significada que todos foram mortos e os veículos queimados até o pó.

Uma taxa de baixas superior a 50% (mortos, feridos, capturados e desaparecidos) já torna uma unidade inoperante.

A propósito, uma matéria russa sobre o fato:

https://lenta.ru/articles/2008/08/15/hero/

Agnelo
Visitante
Agnelo

Ou seja, eram bem mais fracos q Granada, sofreram um ataque blindado e não de tropas Leves, como os EUA la, e tiveram mais baixas.
Impressionante.

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

Panamá também.

Felipe
Visitante

Sem contar que a Georgia já estava se preparando, com treinamento e auxilio da Otan, esperando pelo conflito, nem assim deu trabalho.

Alfa BR
Visitante
Alfa BR

Deu sim.

O exército deles tinha uma força equivalente a uma divisão juntando pessoal da ativa com reservistas convocados.

CESAR ANTONIO FERREIRA
Visitante
CESAR ANTONIO FERREIRA

A Geórgia entra para a OTAN e… Deixa de existir.

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

Por que ?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Por que?
Pergunte ao Putin. Ele que decide estas questões.

JPC3
Visitante
JPC3

Todos os outros entraram e continuam lá.

Hammer
Visitante
Hammer

Ué …e aquela lorota que só europeus podem pertencer a OTAN? E a Turquia?

TukhMD
Visitante
TukhMD

O Cáucaso é tradicionalmente descrito como uma porção da extremidade oriental da Europa. A Geórgia em particular tem uma história de colonização pelos gregos antigos, alicerces intelectuais do que hoje é o ocidente.

Marcello Magnelli
Visitante
Marcello Magnelli

Pois é, olha a dupla moral de novo.
Provocar a Rússia, aceitando a Georgia na OTAN pode. Mas quando Russia marca presença na Venezuela é o fim do mundo.
E mesmo dentro da OTAN, alguém acredita que Americanos, Alemães, Franceses, Ingleses ou Italianos, ou seja, a parte que importa, vão dar seu sangue para defendê-la?

α Tau
Visitante
α Tau

Os eua tem aumentado a sua presença militar na europa, em particular nos países da europa oriental fronteiriços com a Rússia…os eua estão construindo bases militares permanentes e implantando um sistema de escudo antimísseis por toda a vizinhança da Rússia em países do leste europeu como a Polônia, Bulgária, Hungria, Montenegro, Romênia, Estônia, Letônia, Lituânia…estão usando estes países para alojar seus armamentos e cercar os Russos com o pretexto de proteger a europa de “ataques terroristas”…promoveram um golpe de estado na Ucrânia para que estenda sua máquina de guerra as fronteiras da Rússia…a presença da OTAN na Ucrânia ou Geórgia… Read more »

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Agora vai ficar equilibrado, Rússia na Venezuela, e EUA na Geórgia, pessoal falando que a Georgia vai ser invadida se entrar na OTAN, kkkkkkk falavam a mesma coisa das r. bálticas, aconteceu nada! nada, Estônia, Lituânia, Letônia estão muito bem, Polônia odeia a Russaia sim, só pq eles fazem comercio não significa que se gostam, os EUA compravam certas coisas da Rússia e compra da China, nem por isso ama esses países….. quanto aos Georgianos são pequenos mas fizeram os Russos sentirem a pressão, lógico que a Rússia se quisesse dominava a Geórgia, porém não ia aguentar a pressão intercanional,… Read more »

JPC3
Visitante
JPC3

Acho que a Rússia não vai muito longe na Venezuela. Dois aviões com 100 soldados é mesma coisa que nada.

Brunow Basillio
Visitante

Estão aguentando a pressão na Criméia e na Síria …
Por que não teria aguentado na Georgia?

Evgeniy (RF).
Visitante
Evgeniy (RF).

A resposta é bem simples. A Geórgia simplesmente não é necessária.
Para a NATO, em princípio também.

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Pq a Síria e a Crimeia são os motivos de estarem sendo sufocados, se fizessem a mesma coisa na Geórgia as sanções iam ser ainda mais duras, e vc falou certo “estão aguentando a pressão”, eles aguentam mais ainda?

Filipe Prestes
Visitante
Filipe Prestes

Oxoxoxoxo Não que eu queira o Brasil como membro pleno, mas a Otan não era somente para países europeus?

Um detalhe, Galante: O sobrenome do homi é Stoltenberg e não Soltenberg. Releve a chatice linguística

Marcio Cosentino
Visitante
Marcio Cosentino

A Europa é limitada pelos montes Urais, o mar Cáspio, o Cáucaso, e o mar Negro.

Filipe Prestes
Visitante
Filipe Prestes

Márcio, assim sendo, dá pra incluir toda a Turquia nesses limites e considera-la européia também

Marcio Cosentino
Visitante
Marcio Cosentino

Somente a parte da Trácia, o Cáucaso limitaria a Anatólia como fora da Europa. A Turquia, tal qual a Rússia possui parte na Europa e parte na Ásia.

Hcosta
Visitante
Hcosta

Do meu ponto de vista (europeu) um país tem duas escolhas: Um desenvolvimento semelhante à da UE (estado de direito, liberdade e garantias, mesmo que não faça parte do bloco) e a estagnação típica de um bloco económico baseado no populismo e totalitarismo. Duvido que algum país da UE queira regressar à esfera de influência russa, ou seja, parece-me totalmente legítimo um povo escolher uma melhor alternativa ao regime de Putin que baseia-se em ameaças de invasão e em chantagem económica, não muito diferente dos métodos soviéticos. O regime russo não consegue oferecer desenvolvimento económico/social ao nível da UE e… Read more »

Ricardo da Silva
Visitante
Ricardo da Silva

Por que ainda mantêm esse nome de ‘OTAN’ ?

Pedro
Visitante
Pedro

Se não me falha a memoria, ha uma clausula no contrato social da OTAN que, se um país tiver qualquer problema de fronteira ou rebelião, não pode ser considerado membro pleno. Tal clausula muitas vezes foi usado para países criticos da Turquia usarem-na para que o conflito destes com os curdos se dessem apenas por via politica e não militar.

Tiago
Visitante
Tiago

Faltou combinar com os Russos, fato.

Rene Dos Reis
Visitante
Rene Dos Reis

Complicado ser minusculo e fazer fronteira com um vizinho tão poderoso , não sei dizer oque e melhor para esses pequenos países , se um dia as coisas esquentarem serão os primeiros a serem pulverizados sendo membro de uma organização que e declarada inimiga do mesmo.

Oiseau de Proie
Visitante
Oiseau de Proie

Ou vc tem uma estratégia própria ou então é parte da estratégia de alguém…!!!…

Edson Parro
Visitante
Edson Parro

E para que será que serviam quando no Pacto de Varsóvia?
Serviriam, talvez, para quando as coisas esquentassem serem pulverizados primeiro?

Rene Dos Reis
Visitante
Rene Dos Reis

Exatamente, se ficar o bicho come também.

Edson Parro
Visitante
Edson Parro

Enquanto Ilyushin IL-62 e Antonov AN-124 pousam em Caracas, o povo georgiano escolhe entrar na NATO.

Que negocião!

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Ótimo.

jose luiz esposito
Visitante
jose luiz esposito

Certamente isto não acontecerá na Georgia , os Georgianos conhecem um Pensamento brasileiro , Quem Tem , Tem Medo . E que não confiem que a OTAN os socorrerão !

Luiz Trindade
Visitante
Luiz Trindade

Acho um erro geopolítico terrível da Geórgia se torna membro da OTAN. Se houver um conflito aberto convencional ou até mesmo nuclear com a Rússia, a Geórgia se torna alvo prioritário dos ataques da mesma. As vezes o movimento para se guardar de chuva numa guarda-chuva é não saber aonde tu vai ficar neste respectivo guarda-chuva. Nesse caso a Geórgia ficou na ponta do mesmo. Qualquer sopro político desfavorável, ela, a Geórgia, fica descoberta.

claudio soares
Visitante
claudio soares

georgia vai. brasil não vai… adeus orçamernto. rsrsrsrs