Home Conflitos em andamento ‘Morte à América’: Embaixada dos EUA no Iraque é atacada

‘Morte à América’: Embaixada dos EUA no Iraque é atacada

2458
69

Centenas de pessoas invadem área de representação diplomática em Bagdá em protesto por bombardeios americanos que mataram dezenas

Centenas de pessoas invadem área de representação diplomática em Bagdá em protesto por bombardeios americanos que mataram dezenas de combatentes de uma milícia apoiada pelo Irã. Trump acusa Teerã de orquestrar ação.Centenas de manifestantes atacaram nesta terça-feira (31/12) a embaixada dos EUA em Bagdá, em protesto contra bombardeios americanos que mataram dezenas de combatentes de uma milícia xiita no domingo.

Apoiadores iraquianos de facções pró-Irã invadiram o complexo em que fica a embaixada, danificando o muro externo da representação e gritando “morte à América”. Imagens divulgadas nas redes sociais mostram manifestantes escalando os muros fortemente protegidos do prédio, empunhando bandeiras da milícia xiita.

O ataque ocorreu após centenas de pessoas participarem de uma marcha para protestar contra cinco bombardeios americanos realizados no domingo no Iraque e na Síria contra a milícia xiita Kataib Hisbolá, apoiada pelo Irã, e que mataram 25 pessoas, ferindo ao menos 50.

As investidas aéreas foram uma resposta de Washington à morte de um civil americano durante um ataque com mais de 30 mísseis contra uma base militar dos EUA em Kirkut, no norte do Iraque. A reação dos EUA recebeu críticas duras de Bagdá, Teerã e Moscou.

Vídeos da estação de televisão árabe Al-Arabija mostram manifestantes incendiando o muro externo da área em que fica a embaixada e jogando objetos incendiários sobre o muro.

Dentro do complexo da sede diplomática os manifestantes incendiaram parte do muro que a cerca, quebrando vidraças, depredando cabines e torres de vigilância, enquanto os seguranças da representação diplomática tentavam dispersar o tumulto com gás lacrimogêneo.

De acordo com uma fonte do Ministério do Interior do Iraque, que pediu anonimato, nem o embaixador nem os funcionários dos EUA estavam dentro do edifício no momento do ataque.

O primeiro-ministro iraquiano, Adel Abdel Mahdi, exortou os manifestantes a deixarem a área da embaixada “imediatamente”, afirmando que quaisquer agressões contra representações diplomáticas estrangeiras serão combatidas pelas forças de segurança.

O presidente dos EUA, Donald Trump, culpou o Irã por orquestrar o ataque. “Agora o Irã está orquestrando um ataque à embaixada dos EUA no Iraque. Eles serão totalmente responsabilizados”, ele tuitou, afirmando que espera que o Iraque proteja a embaixada.

Foi a primeira vez em anos que manifestantes conseguiram chegar à embaixada dos EUA, que está abrigada atrás de uma série de postos de controle na chamada Zona Verde de alta segurança no centro da cidade de Bagdá, onde ficam também outras representações diplomáticas e vários órgãos e ministérios do governo iraquiano.

Em maio, o Departamento de Estado dos EUA retirou temporariamente parte do pessoal da embaixada em Bagdá e do consulado em Erbil, devido à situação tensa de segurança no Iraque. Em setembro, dois foguetes atingiram o entorno da embaixada americana em Bagdá.

FONTE: Terra/Deutsche Welle

Subscribe
Notify of
guest
69 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Brunow
6 meses atrás

Há algumas horas atrás alguns veículos de comunicação informaram o envio 100 ou mais fuzileiros navais da Força de Resposta Rápida do Comando Central dos EUA, com sede no Kuwait, para proteger a embaixada, eles voaram do Kuwait a Bagdá em três MV-22 Osprey.
O que mais me chamou a atenção foi o primeiro ministro Iraquiano declarar três dias de luto, devido as 25 vítimas do ataque Americano, mostrando claramente que quem controla o governo Iraquiano é Teerã..

RENAN
RENAN
Reply to  Brunow
6 meses atrás

Pelo vídeo já chegaram

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  Brunow
6 meses atrás

Vejamos se entendemos um pouco mais do que está acontecendo ali… Infelizmente, os EUA caíram na armadilha preparada pelos Persas… A dias o governo iraquiano apoiado pelo Irã, vem sendo acossádo por manifestação popular contra a ingerência iraniana no país e contra a corrupção endêmica instalada no governo. Para o atual governo, se permanecesse as agitações que vinha ocorrendo, provavelmente este cairia, e a partir daí poderia haver mudanças políticas que com certeza poderia colocar em risco a forte influência/presença iraniana nos destinos e território do Iraque. Para o governo do Irã, isso é algo inadmissível. Como a presença iraniana… Read more »

BittitB
BittitB
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Vc foi “cirúrgico” na esplanação…

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  BittitB
6 meses atrás

Atenção: – Comentário revisado em 02/01/2020 O que posso dizer é que infelizmente, os EUA caíram na armadilha preparada pelos Persas… Se não vejamos, há dias o atual governo iraquiano que é apoiado pelo Irã, vinha sendo acossádo por manifestação popular contra a ingerência iraniana no país e contra a corrupção endêmica instalada no governo. Para o atual governo, se permanecessem as agitações que vinham sacudindo o país, provavelmente este cairia. E, a partir daí poderia haver mudanças políticas que com certeza poderia colocar em xeque a forte presença/influência iraniana no território do Iraque. Para o governo do Irã, isso… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Perfeito as suas colocações, más tenho uma observação, se o governo Iraquiano e corrupto e porquê tem quem se sujeite e pague em beneficio próprio nos negocios. Que aliás, tem forte presença americana, que deixa souto pois e em geral, disputas entre suas próprias empresas.

nonato
nonato
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
6 meses atrás

Falou o defensor do governo iraniano.

Marcos R.
Marcos R.
Reply to  Brunow
6 meses atrás

Curiosamente dois dias após atentado contra a embaixada morre no aeroporto de Bagdá o chefe da Guarda revolucionária iraniana…terá algum vínculo?

Antunes 1980
Antunes 1980
6 meses atrás

Os Estados Unidos continuam sua estratégia equivocada de intervenção no Iraque.
Desde a invasão em 2003 até agora, tudo deu errado no plano norte-americano.
O ISIS é fruto deste erro grave.
A cada segundo que passa os Estados Unidos são mais e mais odiados no oriente médio.
Ao contrário da Rússia que possui autorização de Damasco, Bagdá jamais quis os yankees por lá.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Antunes 1980
6 meses atrás

Quero vero quanto o povo do Iraque vai aceitar o Irã dando as cartas por lá…

Evgeniy (RF).
Evgeniy (RF).
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Se você soubesse que a maioria dos muçulmanos no Iraque são xiitas, há muito tempo você entenderia quem controla a maior parte do Iraque lá.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Evgeniy (RF).
6 meses atrás

Uma coisa é a religião.. outra são estrangeiros tomando o controle. O Iraque mesmo quando era controlado pelos Sunitas ( Saddam Hussein) não era uma teocracia como os iranianos estão acostumados e duvido que os iraquianos se rebaixem a isto.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Não naquela região.
EUA e Israel são odiados por lá e os muçulmanos não ficarão sossegados enquanto não os expulsarem.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  Antoniokings
6 meses atrás

Kings,

Israel jamais será expulsa de lá.

Qualquer governo, ou regime, ou organização terrorista que tentar isso, serão militarmente derrotados.

Nunca conseguiram e jamais conseguirão, a não sêr que estejam dispostos a aguentar um ataque nuclear israelense.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Queira ou não os EUA fizeram o que o Iran sempre sonhou: derrubaram Saddam e o entregaram aos abutres.

Evgeniy (RF).
Evgeniy (RF).
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

O próprio Iraque tem seus próprios líderes religiosos que estão envolvidos na política e têm seus próprios exércitos. Um exemplo é o famoso Muktada como Sadr.

gordo
gordo
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

A religião é algo muito mais forte que o Estado. Não foi atoa que Países que tiveram revoluções socialistas baniram a Igreja ou a colocaram sobre a tutela do Estado para que pudessem governar. Aqui Bolsonaro deve em parte a sua eleição aos neopentecostais, estes por sinal tem influencia direta dos EUA que lá elegeram Trump. Aqui dentro de nossas igrejas neopentecostais nutrem a simpatia aos EUA, basta conversar com alguns deles ou assistir alguns programas de TV para constatar a admiração pelo jeito de viver dos irmãos do Norte. E por que no Iraque seria diferente? A religião extrapola… Read more »

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  gordo
6 meses atrás

Por isso que eu acho o catolicismo a melhor religião, pouco se vê a ICAR se metendo nessas patifarias de influenciar o Estado e suas decisões. Se o Brasil continuar nessa de ser influenciado pelo protestantismo, nós estamos literalmente ferrados! Eu temo muito pelo o que possa se tornar nossa cultura com o avanço do protestantismo, vamos viver sob patrulhismo e higienismo constante. Nos livramos do totalitarismo de esquerda par entrar no totalitarismo protestante…

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Defensor da liberdade
6 meses atrás

Eu que sou ateu n tenho este medo todo das tias crentes do Whatsapp que vocês comunas tem…

Podem patrulhar e aporrinhar o quanto quiserem e você tem o seu direito de mandar se f…. sempre que atravessarem a sua vida.

Eu faço assim e não tenho problemas com eles.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Um deputado protestante aí teve a audácia de formular um projeto de lei para proibir camisinha e pílula do dia seguinte, já imaginou se uma droga dessas passa?

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Defensor da liberdade
6 meses atrás

Os projetos absurdos do PSOL, PT e Rede não te incomodam.

Por mais que você negue, você é mais um comuna..

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Se você diz….

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Defensor da liberdade
6 meses atrás

Os seus posts que dizem isto..

Você parece os iluminados da imprensa que reclamam da “agressividade” do Bolsonaro, mas a agressividade do PT, PSOL, etc.. era aceitável e não merecia críticas porque na visão deturpada dele de mundo aquilo está correto.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Bolsonaro passou 20 anos votando a favor do PT e do PSOL, até hoje sanciona projetos deles, e tu votou nele… Você é um comunista terceirizado.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  gordo
6 meses atrás

Que bobagem.. Quando Lulla e Dillma e foram eleitos ganharam em todas as religiões.. Os Pentecostais votaram no Bolsonaro, como os católicos, espíritas, judeus e ateus no meu caso, porque não aguentavam mais PT, corrupção e entrega do país a países bolivarianos. Quanto ao Iraque.. O componente religioso no Iraque sempre foi secundário. No Iraque mulher sempre dirigiu, estudou, trabalhou e não precisou andar de burka. O Iraque está mais para uma Jordânia que Arábia Saudita ou Irã.. Em comum com o Irã eles tem o sentimento nacionalista, por isto eu afirmo que por mais que o Irã fique arrumando… Read more »

nonato
nonato
Reply to  gordo
6 meses atrás

Fala em neopentecostais em tom de critica.
O PT tem tentado enganar os evangélicos, como você bem falou.
Estranho seria evangélicos apoiar o comunismo.
E não tem nada a ver com pentecostal.
Qualquer pessoa de bom senso prefere o estilo de vida conservador americano a revolucionário autoritário russo.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  nonato
6 meses atrás

Eles tem um medo de evangélico que é um caso de tese de psiquiatria..

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Então, ai você vê estrangeiros que nem são da sua mesma religião. Quem você preferiria?
Imagina os Judeus ou Cristãos tendo que aceitar um governo mulçumano, mandando e desmandando no seu país e ate lançando bombas sem sequer avisar o sei governo.
Para analizar, temos, que ver os dois lados de uma questão.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
6 meses atrás

O tempo é o senhor da razão..

E eu DU-VI-DO um povo cosmopolita como o iraquiano aceitar se render a teocracia de Teerã, que nem os iranianos aceitam já que lá vez por outra tem manifestação contra e pedindo liberdade.

Mas se vc quer se enganar…

Vai lá..

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Antunes 1980
6 meses atrás

Enquanto isso a UE vai cada fez mais “afrouxando” as leis migratórias e os muçulmanos vão mudando para à tão sonhada “terra prometida”. Pergunte aos povos russo e americano se os mesmos desejam receber os migrantes?

carlos andreis
carlos andreis
Reply to  Vinicius Momesso
6 meses atrás

Veremos daqui a 30 ou 40 anos como será uma Europa mussulmana .

O bloqueado.
O bloqueado.
6 meses atrás

Sempre vou defender que o Ocidente cristão tem que sair do OM e delimitar sua zona de influência a Europa e Américas, que estão sendo invadidas.

carlos andreis
carlos andreis
Reply to  O bloqueado.
6 meses atrás

Acho que já é tarde de mais pra isso

paddy mayne
paddy mayne
Reply to  O bloqueado.
6 meses atrás

Infelizmente a europa deixou de ser o “ocidente cristão” para ser o “ocidente bundão”. Mas há esperança. Europeus estão acordando para os “refugiados muçulmanos” que já no segundo dia querem ditar as regras e costumes do país. Mas como disse o Carlos, só não se se será a tempo.

carlos andreis
carlos andreis
Reply to  paddy mayne
6 meses atrás

A taxa de natalidade de uma mulher muçumana é mais que o dobro de uma não muçulmana ha projeções que em 2050 os muçumanos serão 30 % da população da Suecia por exemplo , mas essa projeção não inclui os suecos que poderiam se converter ao islamismo , e todo mundo sabe como os muçulmanos podem ser bem “persuasivos” em se tratando de conversão. (Sura 9:5 – que relata que Alá manda que os muçulmanos matem todos os “idólatras” (infiéis, pagãos), mas se esses idólatras se arrependerem e se tornarem muçulmanos, Alá os perdoará.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  O bloqueado.
6 meses atrás

Pra mim a Europa, digo a zoena da UE já era…

Na hora que precisar os ingleses farão que for necessário.

Com relação aos gringos eu focaria no continente americano como um todo. Temos uma região com muita coisa a desenvolver e dinheiro para gerar para todos.

Entusiasta Militar
Entusiasta Militar
6 meses atrás

acho ótimo isso e espero que o presidente trump aproveite esse episodio para retirar todas as tropas americanas do iraque e queira Deus de todo o oriente médio …

nonato
nonato
Reply to  Entusiasta Militar
6 meses atrás

O erro foi retirarem as tropas do Iraque.
O próximo passo tem de ser a invasão do Irã.
Deixa para o segundo mandato.
O problema do oriente médio é o Irã.
Se derrubar o Irã, resolve o resto.

Antoniokings
Antoniokings
6 meses atrás

Americanos fazendo o que sabem de melhor.
Serem odiados.

nonato
nonato
Reply to  Antoniokings
6 meses atrás

E os representantes da Rússia em outros países fazendo a guerra de propaganda.

Marcos R.
Marcos R.
Reply to  Antoniokings
6 meses atrás

Amados foram os soviéticos no Afeganistão, Vc já esqueceu como os mujahedim soltavam fogos para comemorar a presença russa lá?

PauloR
PauloR
6 meses atrás

Americanos estão sendo derrotados tanto no Iraque quanto no Afeganistão e no embate com os iranianos, os aiatolás estão vencendo também.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  PauloR
6 meses atrás

Não é apenas isso.
Os países e as pessoas estão cansadas desta história, desse papo de liberalismo, democracia e etc, quando apenas os EUA e meia dúzia de países europeus se beneficiam.
E olha que mesmo dentro dos EUA e da Europa a pobreza e a concentração de renda estão avançando exponencialmente.
Estão todos fartos disso.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
6 meses atrás

Esse negócio de primavera árabe só serviu para uma coisa: fortalecer o islã e seus regimes teocráticos. O Ocidente já era odiado por esse povo, mas havia relativa paz em vários momentos da história. Parabéns aos envolvidos, em especial o asno do contribuinte americano que apoiou essa idiotice toda.

carlos andreis
carlos andreis
Reply to  Defensor da liberdade
6 meses atrás

Ná minha ipinião o grande erro do ocidente (EUA, Europa ) , foi pensar que podiam implantar a democracia no OM , talvez oque eles realmente precisem são ditadores que mantenham minimamente a ordem no “barraco”

paddy mayne
paddy mayne
Reply to  carlos andreis
6 meses atrás

Perfeito. não adianta oferecer algo de bom para quem não está preparado. Eles vivem em um sistema tribal e se não fosse pelo petróleo seriam os povos mais pobres da face da terra. Não sabem fazer nada de bom, só criar treta.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  carlos andreis
6 meses atrás

Boa parte destes países eram monarquias absolutistas com poderes divinos que reinaram por séculos, não tem como mudar isso de uma hora para à outra. O alcorão fala até mesmo como deve ser a moeda desses países, ouro puro. O sistema de reservas fracionárias adotado na maioria das democracias mundo afora é simplesmente condenado pelo alcorão.

XFF
XFF
Reply to  carlos andreis
6 meses atrás

carlos andreis……. Tentar impor sua cultura a um povo com força também é ditadura. De onde os EUA acharam que impor democracia nos países Árabes é o modelo ideal? Para atender interesses econômicos dos Estados Unidos? Claro. Povo Árabes vivem há milênios com Reis e Monarquias absolutas como Arábia Saudita. Querendo ou não, esses tipos de governos funcionam muito bem por lá, pois são países formados por vários tribos e é essencial ter um líder central fortes para controlar tudo isso. Os interesses dos EUA no Oriente Médio é petróleo. Se um ditador estiver obedecendo as ordens deles, eles não… Read more »

carlos andreis
carlos andreis
Reply to  XFF
6 meses atrás

Os interesses de qualquer pais em qualquer lugar é sempre econômico ou por recursos naturais , ou por rotas comerciais , qualquer conflito armado ou diplomático que acontece no mundo se for rastreado vc chegará em algum ponto de discórdia envolvendo os interesses de um ou mais países ex. o interesse americano no OM é sim por petróleo , assim como o envolvimento da russia na Síria é para evitar que o seu aliado Assad seja apeado do poder e seja substituido por outro talvez que facilite a passagem de gasodutos dos países do golfo em direção à Europa o… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  carlos andreis
6 meses atrás

Isto é uma meia verdade…

Os americanos sempre conviveram com os Governos estáveis da região sem problema.

Exemplos: Jordânia e Arábia Saudita não são democracias nem de perto.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Defensor da liberdade
6 meses atrás

Isto é uma mentira sem tamanho..

Mesmo os locais que se baseiam em relações tribais no OM, sempre viveram uns de cortar as cabeças dos outros.

Antes do Petróleo com uma cimitarra e depois dele com armas caríssimas.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Defensor da liberdade
6 meses atrás

Se o contribuinte americano tivesse apoiado isto o Obama, teria eleito o seu sucessor.

Mas Obama se preocupou tanto com os problemas alheios que esqueceu dos problemas dentro de casa.

Agora o partido Democrata está perdido, se radicalizando, de PSDB está virando um PSOL americano e vai perder outra eleição este ano.

Ozawa
Ozawa
6 meses atrás

Segundo o TWP a base americana onde o “empreiteiro” (tradução de alguns jornais nacionais) ou como no texto “civil”, faleceu após o ataque é administrada pelas forças armadas iraquianas, mas abriga forças militares americanas e aliadas que treinam as forças de segurança iraquianas. O nome do “empreiteiro”, assim traduzido do “contractor” em inglês, é mantido em sigilo. Um “empreiteiro” ou tão somente um “civil” em uma base militar de treinamento … 🤔 Tenho para mim que a tradução é uma licença retórica para “mercenário”. Uma figura surgida na América, com seus vastos recursos militares excedentes, após a privatização da guerra… Read more »

Alfa BR
Alfa BR
Reply to  Ozawa
6 meses atrás

“contractor” é o termo utilizado pelas empresas militares privadas (PMC) para seus funcionários.

nonato
nonato
Reply to  Ozawa
6 meses atrás

Se fosse o grupo Wagner Russo na Venezuela você estaria apoiando.
Qual o problema de um civil americano prestar apoio no Iraque?
Certamente o grosso das tropas americanas no Iraque são militares o que não exclui a presença de civis.
Sei de brasileiros que trabalharam no setor petrolífero no Iraque há uns 15 anos e era comum a presença de escolta armada civil pra esses petroleiros.

sub urbano
sub urbano
6 meses atrás

O desejo da maioria dos Iraquianos (que são xiitas) é ter seu país governado por Aiatolás, o Iraque também tem os deles, sendo o mais influente Al-Sistani. Porém existem 2 problemas para que isso aconteça: 1º os americanos não querem – 2º Al-Sistani é pacifista, ao contrário de Ali-Khomeini que fez a revolução Iraniana, este último altamente belicoso. A estabilidade do vizinho Irã, que não tem sunitas se explodindo nas ruas, ou fuzilando pessoas aleatoriamente deve ser tentadora para a maioria dos Iraquianos. Por isso torço para que o Irã saia vitorioso desse guerra (fria) de quarta geração que ocorre… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  sub urbano
6 meses atrás

ahahaahahahaha Quer dizer que os Iraque que sempre foi um país em termos de costumes mais próximo do Ocidente quer virar uma teocracia medieval ?

Nem os iranianos gostam disto.

O bloqueado
O bloqueado
6 meses atrás

Mesmo em Israel existem lideranças ultra-ortodoxas que defendem que a democracia é uma invenção do paganismo grego, e que formas bíblicas de governança devem ser adotadas.
O OM é um caso perdido.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  O bloqueado
6 meses atrás

Mas onde não tem pessoas que são contra a democracia? Até no Ocidente temos lideranças ultra-ortodoxas de esquerda e de direita que são contra a democracia, mas a beleza da democracia esta nisso que essas pessoas possam ter o direito de expor suas ideias mesmo que não sejam as melhores ideias e que sejam contra a democracia. Mas mesmo que existam essas lideranças que falam contra, elas são a minoria e o sistema mesmo com suas imperfeições ainda funciona! “Ninguém pretende que a democracia seja perfeita ou sem defeito. Tem-se dito que a democracia é a pior forma de governo,… Read more »

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  O bloqueado
6 meses atrás

Aqui no Brasil não tem gente que pede a volta da Monarquia ?

Não tem gente que pede ditadura de proletariado ?

E nenhum dos dois lados tem chance de triunfar..em israel é a mesma coisa.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
6 meses atrás

A mobilização de tropas americanas para região não para de crescer, várias unidades estão transportadas para a Jordânia, a reação esta muito grande, eles estão preparando algo grande e devem ter alguma informação de inteligência!

Carlos Campos
Carlos Campos
6 meses atrás

Que saiam e deixem esse lugar, só vem porcaria daí…..a Operação Iraq Freedom foi um erro

IBIZ
IBIZ
6 meses atrás

Os EUA são grandes mestres da guerra onde ninguém consegue superar no campo de batalha; mas ao mesmo tempo são verdadeiras antas em estabelecer influencia do tipo soft power. Derrubaram Saddam Hussein pra terminar “entregando” o Iraque ao Irã!

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  IBIZ
6 meses atrás

Os EUA são grandes mestres da guerra onde ninguém consegue superar no campo de batalha, exceto o Vietnã, o Afeganistão e os houties.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  100nick-Elã
6 meses atrás

Elaine, estava com saudade das suas groselhas

O bloqueado.
O bloqueado.
6 meses atrás

“Democracia” virou receita de bolo, cada uma diferente da outra. O importante é que o bolo fique gostoso.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
6 meses atrás

Estão falando que hoje aos EUA atacaram um comboio perto do aeroporto de Bagdá e neste ataque morreram Qassem Soleimani, o poderoso chefe da Força Quds do Irã e o ataque também matou Abu Mahdi al-Muhandis, vice-comandante das milícias apoiadas pelo Irã, conhecidas como Forças de Mobilização Popular. Se for confirmada a morte do Qassem Soleimani a coisa vai esquentar!

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  Fabio Araujo
6 meses atrás

Houve o ataque e o Qassem Soleimani morreu, só não foi confirmado o autor do ataque! https://g1.globo.com/mundo/noticia/2020/01/02/ataque-aereo-mata-major-general-iraniano-diz-agencia-milicia-culpa-eua-e-israel.ghtml