Home Blindados Hungria encomenda 218 veículos de infantaria Lynx da Rheinmetall

Hungria encomenda 218 veículos de infantaria Lynx da Rheinmetall

4333
67

A Hungria é o primeiro país membro da OTAN e da UE a encomendar o recém-desenvolvido veículo de combate de infantaria Lynx de Rheinmetall. Este importante contrato representa um grande avanço no mercado de defesa global para o novo veículo de combate inovador do grupo de tecnologia com sede em Düsseldorf.

O Ministério da Defesa da Hungria concedeu à Rheinmetall um pedido para fornecer veículos blindados sobre esteiras e produtos e serviços relacionados com um valor total de mais de € 2 bilhões.

O acordo contratual, que já foi assinado em Budapeste, abrange 218 veículos de combate de infantaria Lynx KF41 e nove veículos blindados de recuperação Buffalo. O contrato inclui produtos e serviços adicionais, como simuladores, treinamento e instrução, além do fornecimento inicial de peças sobressalentes e suporte de manutenção. Os IFVs Lynx serão equipados com uma torre Lance tripulada de 30 mm, também desenvolvida pela Rheinmetall.

Olhando para o futuro, Rheinmetall vê novos pedidos potenciais decorrentes deste contrato. Dada uma expectativa de vida útil de várias décadas, o Lynx exigirá peças sobressalentes e manutenção regular para permanecer operacionalmente pronto.

Durante a primeira fase de produção, a Hungria vai receber 46 veículos de combate de infantaria Lynx, bem como nove veículos blindados de recuperação Buffalo, todos construídos na Alemanha; a entrega deve ser concluída no início de 2023.

Na segunda fase de produção, 172 veículos Lynx adicionais construídos na Hungria atenderão totalmente às necessidades das forças armadas do país.

Para este fim, o governo húngaro e a Rheinmetall concordaram em agosto de 2020 em estabelecer uma joint venture responsável pela criação de uma unidade de produção da Lynx na Hungria, a ser financiada por uma empresa local.

Lynx – modular, flexível, preparado para o futuro

Menos de cinco anos se passaram entre a ideia inicial de um novo veículo de combate de infantaria e a primeira encomenda, incluindo a formulação de uma estratégia e as fases de conceito e desenvolvimento – um feito impressionante para um veículo de combate financiado internamente em um segmento de mercado altamente exigente onde prolongados ciclos de compras são a norma.

O conceito Lynx abrange uma família completa de veículos, consistindo em um módulo de chassi e kits de missão flexíveis em inúmeras variantes. Isso significa que o veículo básico pode ser configurado como um veículo de combate de infantaria, um transportador de pessoal blindado, um veículo de comando ou ambulância de campo. Além disso, a mudança de uma configuração para outra pode ser realizada em questão de horas.

Graças à uniformidade do veículo básico, o sistema resultará em custos de ciclo de vida substancialmente mais baixos, ao mesmo tempo que permite que os usuários militares se adaptem às mudanças nos requisitos táticos e/ou aproveitem novos recursos. Excelente capacidade de sobrevivência, mobilidade e letalidade caracterizam o Lynx, assim como um excelente potencial de crescimento, inclusive em termos de peso total.

Seu interior espaçoso é insuperável por qualquer veículo de sua classe, garantindo a eficácia operacional de seus três tripulantes e até nove soldados de infantaria.

O Lynx protege seus ocupantes de todo o espectro de ameaças no campo de batalha, incluindo explosões, dispositivos explosivos improvisados ​​(IEDs), fogo direto e indireto, munições cluster e mísseis guiados antitanque. Com sua eficácia de combate contundente e excelente mobilidade off-road, o Lynx dará às forças armadas de amanhã uma vantagem decisiva em operações militares complexas em todos os níveis de intensidade em todos os tipos de ambientes, superando várias ameaças e garantindo resultados favoráveis.

FONTE: Rheinmetall AG

Subscribe
Notify of
guest
67 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Teropode
12 dias atrás

Para países de leste europeu é fundamental manter sua infantaria bem equipada com veículos blindados , a vizinhança ama roubar terras .

naval762
naval762
12 dias atrás

Seria bom instalar uma linha de montagem de uma versão tropicalizada do Lynx aqui no Brasil, geraria muitos empregos.

Last edited 12 dias atrás by naval762
DOUGLAS TARGINO
DOUGLAS TARGINO
12 dias atrás

Tá uma arminha massa para qualquer pais!

Alfa BR
Alfa BR
12 dias atrás

Como eu gostaria de ver os BIB mobiliados com uma V C Fuz dessa…

_RR_
_RR_
Reply to  Alfa BR
12 dias atrás

Caro Alfa…

Só você…? 😉

Teropode
Reply to  Alfa BR
12 dias atrás

Certamente um desperdício de recursos , para nosso teatro o Guarani , Cascavel e M113 dão conta , este blindado ai é para teatros com grande potencial para grandes incursões , nossos grileiros não possuem T72 ,T80 , Boomerangs e afins .

Daniel7440
Daniel7440
Reply to  Teropode
12 dias atrás

Ah claro, é desperdício de recursos comprar equipamento moderno e prover nossas tropas, que morrerão em nossa defesa, com o melhor veículo que o dinheiro pode comprar.

Bom uso de recursos é deixar a tropa se locomovendo com M113 que “dá conta” (não segura um disparo de uma arma anti-veículo mas tudo bem) e o dinheiro que sobrar vai para as aposentadorias dos oficiais e para as pensões das filhas solteironas.

Isso sim é bom uso dos recursos.

Teropode
Reply to  Daniel7440
11 dias atrás

Morreram em nossas defesas como ? Enfrentando desmatadores de florestas e grileiros de terra ? Ou nos morros brasileiros ? Não invente motivos para desperdiçar grana .

Daniel7440
Daniel7440
Reply to  Teropode
11 dias atrás

Se não temos necessidade de ter DEFESAS, vamos então abolir as FFAA. Afinal, não precisa de M113 pra enfrentar grileiros, a PF pode fazer isso muito bem…

Teropode
Reply to  Daniel7440
10 dias atrás

Não force a barra , vc não é criança , creio que fui bem claro nos comentários . Não banque o sínico.

Chevalier
Chevalier
Reply to  Daniel7440
10 dias atrás

“O melhor veículo que o dinheiro pode comprar”… kkkkk. Aí eu pergunto – Que dinheiro?

Paulo
Paulo
12 dias atrás

Os alemães abriram mão do Puma pra equipar as forças armadas com esse Marder modernizado

rui mendes
rui mendes
Reply to  Paulo
3 dias atrás

Os Alemães já tem os IFV PUMA no Bundeswehr, e estão a receber os últimos 320 Puma, durante este 2020.
E esses lynx, são tudo menos Marder modernizados..

Caio
Caio
12 dias atrás

Realmente é um espetáculo de máquina, mas eu prefiro os CV 90 por aqui, não teria desculpa de excesso de peso para nossas estradas, e ainda tem a versão tank com 120 mm, creio que até mais barato, é mais velho? Sim! mas já em uso, era um pacote rápido e prático.

_RR_
_RR_
Reply to  Caio
12 dias atrás

Caio…

Se vamos falar de um carro de combate, melhor aproveitar o que o mercado já tem na forma de carros de geração mais recente que o Leo 1A5… Um Leo 2A5 dos estoques da Bundeswerh ou um Abrams 1A2 ex. US Army custaria menos e daria menos dor de cabeça pra manter…

Marcelo Garcia
Marcelo Garcia
Reply to  Caio
12 dias atrás

Caio, concordo contigo! o CV 90 já é uma plataforma madura e provada em combate, além de ter se mantido atualizada no decorrer nos anos. Vejo como uma tendencia esse tipo de viatura e muito adequada a nova realidade.

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Caio
12 dias atrás

To contigo caio…cv-90120 (rcc) + cv9035 (bib)…mesma plataforma….mecanica scania…..dariamos um salto de uns 30/40 anos na arma blindada

Caio
Caio
Reply to  Rafael Gustavo de Oliveira
10 dias atrás

Pois é já temos uma relação estratégica com a Saab por quê não ampliar.

Santiago
Santiago
12 dias atrás

Excelente aquisição da Hungria.

Agora seria bom se o EB tivesse optado pela torre dos nossos Guarani 6X6 com essa torre torc MK30-2 da ares perfil mais baixo. Aquela UT-30 deixa o blindado mais alto do que já é.

. https://www.ares.ind.br/new/img/produtos/torc30.png

Hélio
Hélio
Reply to  Santiago
12 dias atrás

A UT-30 sobe e desce de acordo com a necessidade.

MMerlin
MMerlin
Reply to  Hélio
9 dias atrás

Sim. E isto fica bem claro quando comparadas fotos onde, acima do carro, a mesma fica exposta com três níveis de blindagem e, em outras, apenas duas.
Comparem nas imagens:

Mais baixo: https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcRWFGN7KszCsrZXrfMuRtV1nJYB3Ta-mEdHjQ&usqp=CAU

Mais alto: https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn%3AANd9GcR6j0oy7YtIgMGa6IM1ymtyDzG26sMXROFDTQ&usqp=CAU

Last edited 9 dias atrás by MMerlin
Tomcat4,2
Tomcat4,2
Reply to  Santiago
12 dias atrás

A Ut-30 é beeeem mais cara, é claro, q a Remax e a Torc-30 beeeeeeem mais cara que a Ut-30, se não me engano é vmais caro q o próprio Guarani.

Kornet
Kornet
12 dias atrás

Muito fascinante,pena que seja alemão.
Mas há outros modelos muito interessantes de outros países que não vivem de lacraçaõ e de idiopatia ideológica.

Hélio
Hélio
Reply to  Kornet
12 dias atrás

Tipo qual? Os EUA? KKKKKKKKKK. Eu me impressiono com a falta de senso dos comentaristas de internet. Não quer idiopatia lavradora? Compre material russo e chinês, mas por algum motivo maluco vocês não gostam deles e apoiam os lacradores. O debate geopolítico brasileiro é virado de cabeça para baixo.

_RR_
_RR_
Reply to  Kornet
12 dias atrás

Kornet, Os alemães, de forma geral, estão longe de serem lacradores… Não tome os acessos de uma minoria barulhenta pelos anseios de um povo, que é, de forma geral, bastante educado ( no sentido real desse termo ). O conservadorismo na Alemanha vem ganhando força desde o início dessa década, afrontando de forma mais incisiva a esquerda alemã e qualquer política aclamada como “progressista”. Temas como a defesa dos padrões tradicionais de educação, a evangelização de refugiados, a defesa do cristianismo ( o que inclui a denuncia de perseguição contra cristãos; coisa que no Brasil, por exemplo, é raro de se ver… Read more »

715
715
Reply to  _RR_
12 dias atrás

o conservadorismo alemão morreu no século passado. O conservadorismo atual é uma esquerda em marcha lenta. Esqueça isso é daqui pra pior.

_RR_
_RR_
Reply to  715
11 dias atrás

Não é isso o que se vê, em analise mais profunda…

É bem verdade que forças a esquerda ocupam posições importantes na administração pública na Alemanha, mas o conservadorismo vem ganhando espaço, principalmente nos bastidores do mundo político e na vida cotidiana… E não poderia ser diferente, haja visto o acirramento das próprias políticas de esquerda, cujos membros, por sua vez, foram precipitados pela própria ascensão de uma base conservadora…

Hoje, já não é mais possível manobrar no parlamento alemão sem que conservadores deem posição ou minimamente se manifestem de forma pesada…

Hélio
Hélio
Reply to  715
10 dias atrás

Igual todo o “conservadorismo” ocidental, Trump e Bolsonaro inclusos.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Kornet
12 dias atrás

Historicamente, russos e alemães são referência quando o assinto é carro blindado.

Paulo
Paulo
Reply to  Kornet
12 dias atrás

Compra dos russos ou ucranianos então. Lá eles idolatram nazistas por exemplo

_RR_
_RR_
Reply to  Paulo
12 dias atrás

Prezado…

Na Ucrânia e na Rússia, até símbolos nazistas são proibidos por lei… E os ucranianos foram além, proibindo qualquer simbologia socialista ( foice e martelo, por exemplo )…

Em alguns países do antigo Pacto de Varsóvia ( aí destaco Polônia e Hungria ), somente é tolerada a exibição para fins didáticos. Ostentar em público para qualquer finalidade que não seja meramente educacional, é considerado crime.

Hélio
Hélio
Reply to  _RR_
12 dias atrás

Só uma correção, símbolos nazistas não são proibidos na Rússia, mas são repudiados, o mesmo vale para símbolos comunistas. Em todos os países onde o comunismo passou ele é equiparado ou considerado pior que o próprio nazismo.

_RR_
_RR_
Reply to  Hélio
11 dias atrás

Grato pelo reparo, Hélio.

Hélio
Hélio
Reply to  Paulo
12 dias atrás

Não é má ideia…

rui mendes
rui mendes
Reply to  Paulo
11 dias atrás

Mas agora os alemães, são nazistas????!!!
Cada uma, que parecem duas.

Diego Tarses Cardoso
Diego Tarses Cardoso
Reply to  Paulo
11 dias atrás

Ucraniano nazista é complicado, os caras lutam para se livrar do comunismo que matou 20 milhões de seus cidadãos de forme e são chamados de nazistas.
Se fossem ets no lugar dos ucranianos, eles seriam nazistas também ?

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Kornet
12 dias atrás

“pena que seja alemão”

Deve ser dono de Ford ou Chevy esse, eu lamentaria se fosse americano.

Welington S.
Welington S.
12 dias atrás

Quem não gostaria de ver um blindado bonito e tecnológico como este em nossas Forças Armadas…

Qual é a solução para que nossas Forças Armadas comece a realmente subir de patamar? Se concretizado o aumento para a Defesa de 2% do PIB, nós estaremos, sei lá, uns 40% legal onde podemos falar assim, ”não, agora vai.” ou mesmo assim ainda estaremos longe? Pelo o que sei o PIB padrão OTAN é de 3% e não sei se o MD já discutiu sobre isso também.

Marco Antonio
Marco Antonio
Reply to  Welington S.
12 dias atrás

Acho que estes 2% do PIB vai acabar para garantir o aumento dos salários e das despesas e não para aquisição e renovação das forças armadas.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Marco Antonio
11 dias atrás

Respondendo também ao Olos e Joao Moita Jr. sobre a questão dos 2% do PIB, pelo o que sei e não me lembro aonde li, é que os 80% do PIB da Defesa vão ficar intactos, ou seja, não haverá um aumento na folha de pagamento. Já os 2% seria exclusivamente para os investimentos em Defesa. Bom, eu não sei se seria possível mudar isso, mas acredito que se concretizado os 2%, eles não vão fazer pois sabem que a situação das Forças Armadas precisa ser mudada imediatamente e se eles ousarem pegar uma parte desse dinheiro para aumentar ainda… Read more »

Olos
Olos
Reply to  Welington S.
12 dias atrás

2% do PIB deve ser para pagar o rombo causado pelo aumento dos vencimentos dos militares e por não terem feito parte das reformas que a população brasileira teve que passar!

Teropode
Reply to  Welington S.
12 dias atrás

Eu gostaria de ver a última versão do Leopard , Gepard , Lynx , já na área da Marinha …..

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Welington S.
12 dias atrás

O problema é que qualquer aumento na verba da defesa é quase imediatamente consumido com a folha de pagamento, benesses e tal. O que sobra é a sobra mesmo.

Frank
Frank
Reply to  Joao Moita Jr
12 dias atrás

Infelizmente não priorizamos a formação de verdadeiras forças armadas; modernas, bem equipadas e com bom treinamento. Os altos oficiais destas bandas preferem a formação de enormes repartições públicas de fardados, vide nossos 80.000 marinheiros de terra.

Henrique
Henrique
Reply to  Welington S.
7 dias atrás

Se aumentar para 2% do PIB o orçamento o único resultado que vai se ter é que o oficialato vai ser aumentado em no mínimo 10% e vai se criar todo tipo de benesse para “prestigiar o mérito” de nossos militares.

Wladimir marques
Wladimir marques
12 dias atrás

Nos precisamos é de uma politica patriota que desenvolva a industriar de defesa brasileira, gerando recurso econômico para nossa população ,material e recursos minerais ,engenheiros e cientista bons nos temos mais por falta de investimento do estado eles são manufaturados no exterior para nos , muitos destes projetos são desenvolvidos por brasileiro a trabalho das multinacionais estrangeiras um EX : o Brasil e o maior mercado consumidor de automoves do mundo e não tem uma industriar auto.. nacional . em 15 anos China ,Russa ,EUA , França vão dividi a AMAZÔNIA entre eles .

Jefferson
Jefferson
Reply to  Wladimir marques
12 dias atrás

Nem os militares são patriotas, imagina os políticos. Como essa matéria evidencia, até a Hungria tem blindado melhor que a gente…

Filipe Prestes
Filipe Prestes
12 dias atrás

Os MICV modernos de 30~40 ton(como o Lynx e o Griffin II) tendem á ser a tendência futura em detrimento dos mais pesados MBT como o Armata com mais de 60 ton?

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Filipe Prestes
12 dias atrás

O Brasil poderia fazer uma compra de oportunidade e formar várias brigadas de Strikers a preços camaradas, com uma linha logística muito boa. Aqui estamos entupidos deles…

https://en.m.wikipedia.org/wiki/Stryker

_RR_
_RR_
Reply to  Joao Moita Jr
12 dias atrás

Joao,

Improvável o EB aproar para uma aquisição dessas. Vão é seguir adiante com a aquisição de Guarani ( nem que seja a conta-gotas… ) e espremer o que resta do que sobrou de Urutu e Cascavel.

Ademais, com o Guarani, o EB tem o que de fato quer: um 6×6 ligeiro, anfíbio, e que possa ir em um C-130 sem enrosco…

gari
gari
Reply to  _RR_
12 dias atrás

O Guarani é equivalente ao styker e custava 1/4 do preço. com a alta do dólar, deviam era procurar interessados e exportar alguns que já tem prontos pra financiar um ritmo mais acelerado de produção. Devem estar um pechincha agora.

_RR_
_RR_
Reply to  gari
11 dias atrás

gari, Não creio que se possa considera-los equivalentes… Em teoria, fazem a mesma coisa, mas os requisitos das forças que lhes deram origem os tornam máquinas distintas. O Stryker 1126 é melhor protegido e não possui capacidade anfíbia. É um veículo mais “puro” para infantaria mecanizada, desenvolvido dentro de uma doutrina de guerra móvel que preconiza seu uso em conjunto com viaturas de apoio ( como o próprio 1128 ). Enfim, entendo que ele foi pensado para as “Stryker Brigades”. Já o Guarani, este é um conceito algo diferente. Embora também tenha sido pensado para uso de força mecanizada, é… Read more »

Bardini
Bardini
Reply to  _RR_
11 dias atrás

Muito difícil encontrar um blindado mais equivalente ao Guarani do que os LAV…

_RR_
_RR_
Reply to  Bardini
11 dias atrás

O LAV pode ter algo próximo ( principalmente se comparado com o Guarani “VBC Fuz” ), mas equivalentes… não creio…

Entendo que o Guarani é um veículo a parte, e em outra geração…

Bardini
Bardini
Reply to  _RR_
11 dias atrás

O VBTP Guarani é extremamente semelhante ao Stryker, na versão Infantry Carrier Vehicle. . Semelhanças: Peso base, alcance e velocidade, potência do motor (inicialmente) e transmissão automática. Arranjo interno 2+9 e consequentemente as dimensões do veículo Nível de proteção padrão STANAG básico para 7,62mm PF, sendo que ambos podem receber placas de blindagem adicional para encarar 14,5mm e possuem capacidade QBN Transportáveis via C-130 e demais modais Sistemas embarcados, de orientação, comunicação e armamento principal (REMAX vs Protector) Assentos para suprimir efeitos de IEDs, sistema eletrônico de detecção de supressão incêndio automático O EB copiou e adaptou muita coisa as… Read more »

_RR_
_RR_
Reply to  Bardini
11 dias atrás

Bardini…

Considerando as variantes básicas de transporte de tropa, a VBTP Guarani pesa 14 toneladas, cerca de duas tonelada a menos que um Stryker… Já o LAV III, este é até um pouco mais pesado…

Sobre caber em um C-130… bom… o Stryker cabe… naquelas… mas cabe…

O Guarani também vai mais longe que ambos; uns 100km além nas mesmas condições.

Diego Tarses Cardoso
Diego Tarses Cardoso
Reply to  Joao Moita Jr
11 dias atrás

Tenho informações que o EB pretende comprar algumas unidades do Centauro 2 e modernizar o restante dos Cascaveis.

MMerlin
MMerlin
Reply to  Diego Tarses Cardoso
9 dias atrás

Essa informação é de 2016 e saiu na Janes. Acho em difícil acontecer a curto prazo. A EB deve estar ainda pensando na questão MBT e como resolve-la sem comprometer o orçamento e os outros projetos.

Henrique
Henrique
Reply to  Joao Moita Jr
7 dias atrás

Se for pra ter 8×8 é melhor pegar coisa mais nova e melhor na Europa. Se não, fica com guarani sendo comprado a conta-gotas por mais uma década e vai remendando o cascavel e urutu até cair pecinha (caiu? Pega fita e cola).

Zeca
Zeca
12 dias atrás

Ninguém quer ser a próxima Ucrânia.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
12 dias atrás

Esse bicho é bonito, mas os cenários mais recentes de guerra urbana tem demonstrado que os canhões de 30mm tem tido dificuldades contra as barricadas improvisadas com escombros, já estão estudando canhões de 50 mm feito o XM913 da Northrop Grumman que esta sendo testado nos M2 Bradley no Exército Americano!

Hilton
Hilton
11 dias atrás

Essa torre Lance de 30 mm iria ficar perfeita nós nossos Guaranis!!!

Gabriel BR
Gabriel BR
11 dias atrás

uma maquina fantástica.
Mas no caso do nosso país que terá de adquirir centenas de unidades para substituir os m113 , eu acho mais interessante fazer uma viatura nacional.

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
11 dias atrás

Obra de arte, esses alemães já nascem com a engenharia no sangue parece.

Flanker
Flanker
11 dias atrás

O Puma e o Lynx são equivalentes em função ou complementares? Ambos possuem torre de 30 mm. O Puma leva 6 homens mais os 3 tripulantes. Já o Lynx leva 9 homens mais os 3 tripulantes. Mas, no geral, não cumprem missões iguais?

Bardini
Bardini
Reply to  Flanker
11 dias atrás

Puma é KMW, Lynx é Rheinmetall. O Puma foi pensado e feito para atender o Bundeswehr. O Lynx é um produto que surgiu para atender demandas no mercado externo. O Lynx KF31 é basicamente um Marder modernizado. O Lynx KF41 é um projeto novo, moderno e que já foi oferecido para um bocado de países, incluindo os EUA, na concorrência para o NGCV do US Army. . Em termos práticos, o Puma tem uma blindagem superior, mas em questão de espaço interno, ele é muito ruim… E o Puma é mais caro, por ser mais complexo. No final do dia,… Read more »

Flanker
Flanker
Reply to  Bardini
11 dias atrás

Obrigado, Bardini! Valeu!