terça-feira, abril 20, 2021

Saab RBS 70NG

Saab vai fornecer solução integrada de defesa aérea terrestre para a Suécia por US$ 248 milhões

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Giraffe 4A

A empresa de defesa e segurança Saab recebeu um contrato da Swedish Defense Materiel Administration para um sensor integrado e sistema de comando e controle para uso com defesa aérea terrestre.

Este contrato, com um valor estimado de US$ 248 milhões (2,1 bilhões de SEK), cobre uma série de radares multifuncionais Giraffe 4A da Saab e atualizações dos radares de superfície Giraffe AMB existentes das Forças Armadas Suecas.

O Giraffe 4A combina os designs comprovados em batalha das famílias de produtos Arthur e Giraffe AMB com um sensor de radar totalmente novo, baseado na tecnologia AESA (Active Electronically Scanned Array). Ele fornece uma cobertura para todos os climas contra alvos aéreos, desde alvos baixos, lentos e pequenos (UAVs), a caças em movimento rápido e mísseis supersônicos, alvos com RAM e detecção/rastreamento de estroboscópios jammer.

O sistema oferece alta precisão e taxa de atualização com um tempo de varredura do alvo de um segundo combinado com monitoramento de 360 ​​° do volume aéreo. Com uma direção de ameaça conhecida, o sistema pode operar em um modo de setor e aumentar o tempo de revisão em até 8 Hz.

O Giraffe 4A pode ser implantado como uma instalação fixa ou em uma configuração móvel. Ambos podem ser controlados remotamente ou localmente. A configuração móvel é independente e é ideal como um ativo de Vigilância Aérea móvel desdobrável. Esta configuração pode ser equipada com uma solução de mastro que pode elevar a antena em mais de 20 metros.

A Saab também atualizará os existentes e fornecerá sistemas adicionais de comando e controle, bem como fornecerá ampla integração das unidades de tiro dos batalhões de defesa aérea.

“Juntamente com a Administração Sueca de Material de Defesa e as Forças Armadas da Suécia, criamos uma solução abrangente de classe mundial que integra os sensores, sistemas de comando e controle e unidades de tiro no sistema de defesa aérea terrestre. Este é um pedido importante para a Saab e estamos orgulhosos de entregar uma parte central da capacidade de defesa da Suécia”, disse Anders Carp, vice-CEO da Saab e chefe da área de negócios de Vigilância.

A Saab realizará o trabalho em Gotemburgo, Järfälla, Arboga e Halmstad na Suécia, de acordo com um comunicado à imprensa da empresa.

- Advertisement -

53 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
53 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
PACRF
PACRF
4 meses atrás

A Suécia só possui autonomia na produção de artefatos bélicos de alta tecnologia, porque investiu e investe em ensino e pesquisa.

Agressor's
Agressor's
Reply to  PACRF
4 meses atrás

Diferente da Suecia investir por aqui com esses governantes se tornou uma temeridade…Neste país qualquer um pode perder tudo da noite para o dia…Só quem não perde são os corruptos… Informem-se de todos os obstáculos e burocracias que impõem para se tentar fabricar qualquer coisa no braziu…Vejam quanto o inmetro cobra por exemplo para fazer a análise de um simples aparelho de 300 ou 400 reais importado para autorizar a venda aqui…Tudo foi sendo projetado ao longo de décadas para inviabilizar os inventos independentes, ideias revolucionárias no campo tecnológico, industrial e comercial… Basicamente o braziu tem uma lei feita pelo… Read more »

MGNVS
MGNVS
Reply to  PACRF
4 meses atrás

Exato! Investimento em educaçao de qualidade, Pesquisa e Desenvolvimento com convenios entre empresas privadas e Universidades Federais. Mas o que o nosso desgoverno fez? Cortou justo as verbas das Universidades Federais. Eu sou a favor do Brasil estreitar uma alianca militar com a Suecia em prol do desenvolvimento do nosso setor de defesa. Assim buscariamos nossa autonomia e sairiamos da dualidade: EUA/Israel e Russia/China e ainda manteriamos as portas abertas para negociar com ambos os lados deixando que eles briguem entre si sem que o Brasil tenha que se envolver nisso.

PACRF
PACRF
Reply to  MGNVS
4 meses atrás

Não há exemplo no mundo de país que tenha se desenvolvido sem investimento maciço em ensino e pesquisa.

nonato
nonato
Reply to  PACRF
4 meses atrás

O Brasil gasta muito com universidades.
Só que a maior parte das pesquisas não é coisa boa…

Alexandre
Alexandre
Reply to  nonato
4 meses atrás

Amigo as pesquisas das universidades , são excelentes temos brilhantes pesquisadores por lá , as coisas não “andam” é porque falta investimentos pros caras tocar os projetos, eu trabalho em IF em tem vários materiais de pesquisa que a gente mesmo que compra do próprio bolso , pois é uma grande burocracia vir a verba do governo federal para comprar os equipamentos .

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Alexandre
4 meses atrás

A questão é que os pesquisadores querem fazer a pesquisa deles, terem o laboratório deles, fazer do jeito deles, no tempo deles, sem compromisso com prazo, custo, escopo ou com a difusão dos resultados. (sob raras exceções). Nos outros países os pesquisadores tem que se engajar em projetos com demandas industriais, fazer o que a indústria precisa, compartilhar laboratórios, cumprir prazo, custo e com um compromisso claro de difusão de resultados, sob pena de não receberem recursos ou salários. O investimento público em pesquisa no Brasil em termos de % do PIB é compatível com o dos países desenvolvidos. A… Read more »

Joao
Joao
Reply to  Palpiteiro
4 meses atrás

Apropriado seu nick…..

Alexandre
Alexandre
Reply to  Palpiteiro
4 meses atrás

Meu caro tu só escreveu besteira , “pesquisadores querem fazer a pesquisa do jeito deles ” e esta errado ?? se o cara estudou e formou na área quem vai estar mais gabaritado do que o próprio ?? “O investimento público em pesquisa no Brasil em termos de % do PIB é compatível com o dos países desenvolvidos” , outra sandice também , “Nos outros países os pesquisadores tem que se engajar em projetos com demandas industriais” errado nesses países as empresas valorizam a educação e ciência por isso criam do próprio bolso centro de pesquisas , tudo passa por… Read more »

jose
jose
Reply to  Palpiteiro
3 meses atrás

investimento privado em pesquisa? vira o disco do pensamento liberal de barzinho. empresário brasileiro não investe em pesquisa. ele prefere comprar a fórmula pronta. isso não acontece nem no exterior. sem financiamento público, não há ciência. pesquisa cientifca não é a mesma coisa que fabricar chinelo ou chiclete. a ciência tem seu tempo próprio. acelerar faz com que se produza muita porcaria, que ninguem leva a sério. você quer pesquisa útil rapidamente? coloque centenas de pesquisadores de ponta para trabalhar juntos. você faz uma bomba atômica em menos de cinco anos. lembro ao colega que sem físicos teóricos trabalhando no… Read more »

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Alexandre
4 meses atrás

Um outro ponto é que o plano de carreira é baseado na publicação acadêmica, e não no impactos para a sociedade local do que foi produzido. Para haver impacto, os resultados necessitam ser possíveis de serem difundidos para o setor produtivo. Este é que gera a riqueza, que paga o imposto e que faz a roda girar.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Alexandre
4 meses atrás

pra você ver, o governo joga bilhões nas IF UF e ainda falta grana, pra onde esse dinheiro tá indo

Alexandre
Alexandre
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

Amigo na verdade esse dinheiro na prática nem chega totalmente “fica pelo meio do caminho” , a grande mazela da nossa sociedade brasileira é corrupção , com ela perpetua o estado de miséria de boa parte da população . Enquanto não combater isso o país nunca vai ser uma “nação de verdade”.

MGNVS
MGNVS
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

Carlos Campos… me diga em quais UF e IFs o governo investiu esses bilhoes? Pois se o governo cortou verbas ate para a pesquisa avançada de um medicamento que combate o cancer na UFSCar de Sao Carlos? Onde estao esses bilhoes?

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  MGNVS
4 meses atrás

procura no site do governo vai ver que todos os anos não importa o governo, a educação parece um braco negro que suga tudo.

rdx
rdx
Reply to  nonato
4 meses atrás

90% do que é escrito no Brasil é lixo marxista.

Joao
Joao
Reply to  rdx
4 meses atrás

E por falar em terraplanistas….

RENAN
RENAN
Reply to  nonato
4 meses atrás

Não existe pesquisa boa ou ruim, para vc criar algo tem que testar tudo até acerta, imagina como você cria um celular sem antes ter criado o vidro.
Todas as pesquisas são úteis se não hoje daqui um século será

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  RENAN
4 meses atrás

Existe pesquisa bem feita e pesquisa mal feita. Pesquisas mal feitas são ruins e pesquisas bem feitas são boas. E resultado de pesquisa tem que ser difundido para o setor privado. Pesquisa que fica na prateleira e não se torna um produto nunca não serve para nada e se torna obsoleta.

RENAN
RENAN
Reply to  Palpiteiro
4 meses atrás

Então diga quando a linguagem binário foi criada? Quando ela se tornou realmente útil a humanidade?
Imediatismo na ciência não combina.

rcolistete
rcolistete
Reply to  PACRF
4 meses atrás

Uma só universidade dos EUA tem orçamento de P&D maior que todas as universidades públicas brasileiras.
O gasto per capita (por professor/pesquisador) em pesquisa nas 200 maiores universidades mundiais é muito maior (10-100x) que nas universidades brasileiras.

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  rcolistete
4 meses atrás

A maior parte do recurso de P&D desta universidade americana é privado. Se o pessoal aqui quiser mais recurso, tem que ir buscar do setor privado também. E para isso terá que se comprometer com resultados. Mas é mais fácil ficar esperando recurso público. Há de se lembrar que trabalhar dá trabalho.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  rcolistete
4 meses atrás

Esqueceu de falar que isso é privado, que tem prazos para se cumprir, que perde o financiamento para a pesquisa se não mostrar resultados.

MGNVS
MGNVS
Reply to  PACRF
4 meses atrás

Exatamente. Vide o investimento maciço que os EUA fazem em pesquisa e desenvolvimento principalmente em parceria com institutos como M.I.T. O Brasil deveria fazer o mesmo aqui investindo em Pesquisa Cientifica nas Universidades Federais e Institutos Federais em parceria com a iniciativa privada.

Igor Lima
Igor Lima
Reply to  MGNVS
4 meses atrás

Rapaz, tudo ótimo menos a parte do governo. Um desavisado acaba acreditando que nos governos Itamar, FHC e Lula havia um estreito laço entre Universidades e Empresas Privadas, e no governo Bolsonaro isso acabou. Menos, bem menos… O que se viu foi um sucateamento das Forças desde a constituição de ’88, o de perdemos nosso desenvolvimento nuclear.

MGNVS
MGNVS
Reply to  Igor Lima
4 meses atrás

Igor Lima… citei o desgoverno atual pq ele é negacionista e contra o progresso e pq ele cortou sim verbas para as UF e IFs e ate para o CNPq… os outros governos anteriores que vc citou tbm nao investiram quase nada em pesquisa e desenvolvimento MAS… nao cortaram as verbas. E nao vamos entrar na questao ideologica pq isso nao leva a nada. Pesquisa e Desenvolvimento cientificos nao devem ser barrados por questoes ideologicas, vide os EUA, saem Republicanos entram Democratas e os projetos de longo prazo do Estado continuam… pois sao projetos de Estado e nao de “governos”…… Read more »

SPQR
SPQR
Reply to  MGNVS
4 meses atrás

Não é só culpa do governo, né? Eu lembro quando a Petrobras inaugurou a Coppe na UFRJ e todos os partidos de esquerda protestando, dizendo que universidade pública não deveria se juntar com empresas que visam lucro.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  SPQR
4 meses atrás

O plano do Weintraub de promover o desenvolvimento de empreendedorismo dentro das faculdades, de criar encubadoras para startups, de pesquisas voltadas para aplicação nas industrias do Brasil foi atacada justamente essa frase: universidade pública não deveria se juntar com empresas que visam lucro

MGNVS
MGNVS
Reply to  SPQR
4 meses atrás

SPQR… igual eu disse para o Igor ali em cima… nao vou entrar em debates ideologicos inuteis aqui… isso ja cansou… eu nao defendo “politicos” e nem “partidos” .. eu defendo o Brasil pq “governos” saem e o Estado fica… e os nossos projetos de longo prazo tem que ter continuidade independente de “quem” esteja no governo… pois o que importa é o Estado Brasileiro e nao esse ou aquele “governo” e nem esses “politicos corruptos” que vcs tanto defendem aqui.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  MGNVS
4 meses atrás

esquisa e Desenvolvimento com convenios entre empresas privadas e Universidades Federais”””” mas era justamente isso que o Weintraub queria, ele tinha como modelo os gringos em que as faculdades gera tecnologias que são usadas em idustrias que pagam royalties para as faculdades, criando um ciclo continuo de desenvovlimento de tecnologia, logicamente foi atacada pela e..squerda.

MGNVS
MGNVS
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

Carlos Campos… discordo de vc mas sem levar esse assunto para o lado ideologico ok… tanto o Weintraub quanto o sucessor dele tem como unico proposito acabar com o ensino superior gratuito e de qualidade no Brasil. A intencao deles é privatizar o Ensino Superior no Brasil nos mesmos moldes dos EUA onde para se poder fazer uma Universidade de qualidade no estilo de Harvad o aluno tem que se endividar para o resto da vida pagando o maldito credito estudandil ou hipotecando a propria casa. Nao é a toa que milhares de pessoas fisicas pedem “falencia individual” nos EUA,… Read more »

Last edited 4 meses atrás by MGNVS
Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  MGNVS
4 meses atrás

Bora lá eu não vi e peço que você me mostre que ele queria privatizar 100 por cento do nível superior, sinceramente eu não acharia ruim se fosse um modelo que gerasse grande concorrência e os preços fossem acessíveis para os alunos da classe C,,,,, quanto ao crédito estudantil nos EUA, aquilo dali daria para definir como escravidão moderna, pq os juros são altos, as faculdades são caríssimas, se os americanos fossem mais esperto faziam faculdade no México, Panamá ou sei lá, mas não dava meu dinheiro para esses desgraçad@s dos bancos e das faculdades….. outro assunto que vi MEC… Read more »

MGNVS
MGNVS
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

Carlos… eu tenho a seguinte opiniao sobre as Universidades Federais: em primeiro lugar elas tem que ser livres de “ideologias”… nem direita, nem esquerda… nada disso… devem ser locais de estudo e pesquisa cientifica pura e simples e sem se deixar levar por politizaçao … em segundo lugar, parcerias fortes com a iniciativa privada para nao dependerem somente de recursos publicos e em terceiro lugar, faz universidade publica quem estudou em escola publica. Concordo com vc no caso dos “playboys filhinhos de papai” que estudaram a vida inteira em colegios particulares carissimos e quando vao para faculdade querem estudar nas… Read more »

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  MGNVS
4 meses atrás

Sobre a parte de ideologia, eu não acho que deva ser livre, mas que deva-se ser aceito várias ideologias diferentes e claro de esquerda e de Direita, mas que no final o professor não casse o aluno pelo fato dele ter uma ideologia contrária à dele.

Rodrigo
Reply to  PACRF
4 meses atrás

Concordo. Infelizmente o Brasil parece ter ódio de ciência. Os nossos desgovernos cortam investimento na educação e na pesquisa, e tratam ciência como se fosse uma bobagem.

Ricardo
Ricardo
Reply to  PACRF
4 meses atrás

Opinião lugar-comum genérica.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
4 meses atrás

Está aí um ótimo sistema no qual o EB( se tiver verba é claro) poderia investir, já que não “ofende” o ego do Tio Sam.

João Adaime
João Adaime
Reply to  Vinicius Momesso
4 meses atrás

Caro Vinicius
Não sei se você reparou, mas não se trata de armas antiaéreas e sim um sistema de detecção e orientação de tiro para os armamentos que podem ser mísseis, canhões ou outra coisa.
Acredito que para o Brasil, primeiro se deva adquirir os armamentos e usarmos nosso Saber M60 e futuramente o Saber M200.
Abraço

Gabriel BR
Gabriel BR
4 meses atrás

Não é mágica , é investimento!
Quem investe tem.

MFB
MFB
Reply to  Gabriel BR
4 meses atrás

O prolema aqui é duplo: investimos pouco e investimos mal. Não adiantaria aumentar muito o orçamento e o dinheiro escorrer pelo ralo como sempre. É bem complicada a situação.

Carlos Campos
Carlos Campos
4 meses atrás

Bom eu acredito que deviamos substituir nossos radares nos CINDACTAS, por um sistema novo, esse da SAAB parece ser uma opção, ou o SPY 6, o da SAAB mesmo se não substituir os CINDACTAS, é interessante pq talvez seja mais fácil o Link de Dados com os Gripens e nossos E99, o Brasil teria um sistema de guerra em rede sem comparação no hemisfério sul, pelo que eu sei nem a Austrália e Cingapura tem um sistema de guerra em tão robusto assim, mas é questão de tempo até ter.

Henrique
Henrique
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

Eles não são exatamente da mesma categoria. Os radares do CINDACTA visam principalmente controle do espaço aéreo da aviação comercial, já esses da SAAB são radares de campanha, móveis, pra defender a força terrestre no teatro de operações.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Henrique
4 meses atrás

Interessante, obg pela explicação, mas os CINDACTAS precisam de modernização na minha opinião para ajudar na Defesa do País de forma mais eficaz, o Brasil tem M200 mas alcance de 200km para cobrir esse país gigante e minúsculo.

Fighter_BR
Fighter_BR
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

Já foram modernizados.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Fighter_BR
4 meses atrás

sério? se tiver o link com as especificações dos radares poderia me passar o link?

nonato
nonato
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

O sindacta deve ter alcance maior.
M200 é usado em guerra.
O S 400 tem alcance de 400 km e é considerado o maximo.

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  nonato
4 meses atrás

com certeza deve ser maior, mas não deve ter a capacidade desse radar da SAAB, que acredito que seja mais um software que consegue usar o radar de várias formas diferentes, quanto so S400 o alcance dos radares são maiores que 400Km, só um míssil em específico tem alcance de 400Km, alguns radares potentes em navios como Kronos, SPY 6, Thales Smart L ver muito mais, o Smart L conseguiu detecar um Míssil a mais de 900Km de distância, nossos E99 enxergam a mais de 600Km,

Adriano Madureira
Adriano Madureira
4 meses atrás

Acho que nós deveríamos ampliar essa parceria com os suecos, não só no ar mas em terra e mar também…

Somos carentes de muita coisa mesmo e uma aproximação extreita com eles poderia nós dar oque nossos militares necessitam para a melhoria da qualidade da nossa defesa.

RENAN
RENAN
4 meses atrás

O problema do Brasil. Político, mas quem elege o político nós. Então o problema do Brasil é nós. As políticas de educação são feitas para não criar cidadãos atuantes. É uma doutrina desde criança em obedecer ser questionar. Sem cobrar por seus direitos. Sem entender seus deveres cívico de fiscalização. Então aqui deve passar 5 mil pessoas no universo de 209 milhões de pessoas do Brasil. Quantas destas 5 mil pessoas tem a capacidade de discutir assuntos sérios como defesa, segurança, educação, política sem ofender, radicalizar e apresentar sugestão ao invés de criticar apenas? Somos muito desunidos, se pessoas de… Read more »

Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  RENAN
4 meses atrás

Problema é que as pessoa entendem que,: “uma doutrina desde criança em obedecer ser questionar. Sem cobrar por seus direitos. Sem entender seus deveres cívico de fiscalização.” significa que não aprendemos a exigir, auxilio moradia, auxilio transportes, auxilio mudança de sexo, auxilio isso auxilio aquilo.

RENAN
RENAN
Reply to  Carlos Campos
4 meses atrás

É seu direito exigir que um prefeito prestes contas do que gastou e Onde gastou. É seu direito saber o que foi feito com o dinheiro público e fiscalizar para não ser roubado.
Nesta parte “Quantas destas 5 mil pessoas tem a capacidade de discutir assuntos sérios como defesa, segurança, educação, política sem ofender, radicalizar e apresentar sugestão ao invés de criticar apenas?”
Me refiro a você
Forte abraço

ADRIANO MADUREIRA
ADRIANO MADUREIRA
4 meses atrás

Amigo na verdade esse dinheiro na prática nem chega totalmente “fica pelo meio do caminho” , a grande mazela da nossa sociedade brasileira é corrupção , com ela perpetua o estado de miséria de boa parte da população . Enquanto não combater isso o país nunca vai ser uma “nação de verdade”. [ Alexandre ] Grana não falta nesse país,especialmente na mão desses marginais do congresso, há bilhões e bilhões de reais em emendas parlamentares. Nesse ano de 2020,o orçamento reservado para cada um dos 513 deputados e 81 senadores foi de até R$ 15,9 milhões em emendas individuais. Para emendas parlamentares em 2021,… Read more »

GILBERT
GILBERT
3 meses atrás

Um radar muito bom para termos no topo de uma montanha em Itaguaí servido com parte de um sistema de alerta e proteção da Base de submarinos e do complexo industrial em Itaguaí.

Reportagens Especiais

Uma ‘cobra não criada’: Engesa EE-3 Jararaca 4×4

Por Fernando De Martini Nas fotos, um dos dois protótipos do EE-3 Jararaca 4x4 recebidos pelo Exército Brasileiro a partir...
- Advertisement -
- Advertisement -