quarta-feira, julho 28, 2021

Saab RBS 70NG

Instituto Militar de Engenharia é vice-campeão de maior competição de robótica do mundo

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Rio de Janeiro (RJ) – No período de 23 a 28 de junho, a equipe de robótica do Instituto Militar de Engenharia (RoboIME) foi vice-campeã da categoria “Small Size League” (SSL) de futebol de robôs da Robocup, maior competição de robótica do mundo, que ocorreu pela primeira vez de forma remota.

A competição contribui para o desenvolvimento dos atributos da área afetiva como cooperação, criatividade, decisão e persistência. Já nos campos da ciência, tecnologia e inovação, desenvolve novos desafios nas áreas de inteligência artificial, eletrônica e mecânica, que podem ser utilizados no desenvolvimento de projetos militares, dentre eles, o sistema de armas e equipamentos inteligentes como mísseis, veículos aéreos não tripulados (VANT) e veículos militares. A campeã foi a University of British Columbia, do Canadá.

Confira abaixo a campanha da RoboIME na competição:

RoboIME 5 x 0 Tritons RSCS – University of California (EUA);
RoboIME 5 x 1 RoboTeam Twente – University of Twente (Países Baixos);
RoboIME 10 x 0 Omid – Shared University (Irã);
RoboIME 6 x 0 RoboTeam Twente – University of Twente (Países Baixos);
RoboIME 2 x 0 RoboJackets – Geórgia Tech (EUA) (Semi-final)
RoboIME 0 x 1 UBC Thunderbots – University of British Columbia (Canadá)

Small Size League

A SSL é o projeto mais antigo da RoboIME, que teve início em 2010. O objetivo da categoria é desenvolver um time de seis robôs autônomos que joguem futebol sem interferência humana, realizando passes, jogadas ensaiadas e chutes em um campo de 6 metros de largura por 9 metros de comprimento.

O foco da competição da SSL está no problema da cooperação e no controle multiagente inteligente, ou seja, é necessário fazer com que os robôs joguem como um time, fazendo passes e jogadas. Vence a equipe que fizer mais gols que o time adversário, semelhante ao futebol convencional. Na competição, a final foi definida na prorrogação, com um gol.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

- Advertisement -

13 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Furacão 2000
Furacão 2000
26 dias atrás

Parabéns à equipe RoboIME e principalmente ao IME, pela fantástica estrutura que disponibiliza à seus alunos.
Esses alunos, são exemplos de orgulho ao povo Brasileiro!

carcara_br
carcara_br
26 dias atrás

Parabéns! Agora precisamos materializar projetos pra esse pessoal trabalhar, ou a Lockheed ou coisa parecida o farão…

Zorann
Zorann
Reply to  carcara_br
26 dias atrás

Possivelmente é algo deste tipo que irá acontecer com a maioria deles. E se a oportunidade surgir, tem de ir embora mesmo… As oportunidades de uma vida melhor, sobre quase todos os aspectos (tirando a farra, o churrasco e a cerveja) estão lá fora.

Se ficarem aqui, não há nem onde trabalhar.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  carcara_br
26 dias atrás

Lockheed ou coisa parecida o que farão é trazer todos aqui para os States. O famoso “brain drain”…

A C
A C
Reply to  Joao Moita Jr
25 dias atrás

Meu caro Joao, nao apenas para os EUA. A fuga de cerebros do Brasil eh muito maior do que parece ser. Soh na UBC mencionada na reportagem hah brasileiros em diversas areas, dentre estudantes, pesquisadores e ate mesmo professores na instituicao. No mais, ha engenheiros ex-EMB em companhias como Boeing, Airbus, Gulftream, SpaceX para nomear algumas aeroespaciais. Ex-IME na Microsoft, Amazon, etc.
E mais: uma nova e grande onda de fuga acontecerah assim que as portas dos paises desenvolvidos se reabrirem (pandemia).

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  A C
25 dias atrás

Aqui mesmo nós States já conheci muitíssimos cientistas aerospaciais e outros verdadeiros prodígios brasileiros.

ANTONIO SANTOS
ANTONIO SANTOS
26 dias atrás

Infelizmente a maioria depois de formado vai pro exterior.

Foxtrot
Foxtrot
26 dias atrás

Que ótimo seria se todo esse conhecimento fosse colocado em prática para o desenvolvimento de um UGV para o EB. Não adianta de nada ficar montando robozinhos com peças de lego para ganhar competição se não aproveitamos os conhecimentos advindos desse investimento. Quando o EB acordar para guerra robotizada, irá correr atrás de algum projeto importado para montar localmente com falsas promessas de T.O.T. vide exemplo do robô de desativação de bombas em uso na força. E olhem que tínhamos o robô Caipora feito localmente por uma empresa nacional, mas que deve ter desaparecido por falta de investimentos. No mais,… Read more »

Zorann
Zorann
Reply to  Foxtrot
24 dias atrás

O EB e as FFAA nunca vão acordar. Ilusão achar que vai mudar. Continuam presos em como se fazia guerra em meados do século 20. Tornaram-se uma polícia de luxo, onde GLO (leia-se conter a população) é sua principal missão e talvez a única que consiga fazer a contento. Quanto ao desenvolvimento de produtos com alto valor agregado: quem demanda tecnologia é a indústria Sem ela, não há porque desenvolver tecnologias. Nosso setor industrial só diminui e a diferença tecnológica entre nós e os países mais desenvolvidos aumenta em progressão geométrica. E isto afeta tudo: do custo dos produtos, qualidade,… Read more »

Last edited 24 dias atrás by Zorann
Kommander
Kommander
26 dias atrás

Não nos falta profissionais, o que falta é investimento e reconhecimento! Parabéns ao IME!

Pedro Bó
Pedro Bó
25 dias atrás

O Brasil sempre fez bonito em competições internacionais de robótica e automação.

Sônia Maria Ribeiro Machado
Sônia Maria Ribeiro Machado
25 dias atrás

Parabéns à Equipe RoboIME é ao IME pela gde conquista que mto me orgulha.
Que vcs continuem trilhando no caminho do sucesso de novas e do reconhecimento.
👏👏👏👏👏
🇧🇷 🇧🇷 🇧🇷 🇧🇷 🇧🇷 🇧🇷

Pedro
Pedro
25 dias atrás

É disso que estamos falando! Investimento maciço em P&D e não desinvestimento em picanha, pensões astronômicas, Stela Artois e famigerada dispensa de licitação de prédio sem uso. Parabéns!

Últimas Notícias

Taiwan testará mísseis Patriot III nos EUA

TAIPEI (Taiwan News) - Os militares de Taiwan em breve testarão mísseis Patriot III no White Sands Missile Range...
- Advertisement -
- Advertisement -