terça-feira, agosto 3, 2021

Saab RBS 70NG

3ª Brigada de Infantaria Motorizada realiza treinamento por meio de jogos de guerra

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Brasília (DF) – A 3ª Brigada de Infantaria Motorizada (3ª Bda Inf Mtz) realizou, no período de 5 a 16 de julho, um exercício de simulação construtiva, a Operação Lobo Guará X. A atividade é um treinamento sem tropa no terreno, apoiado por meios eletrônicos e cartográficos de simulação em jogo de guerra.

A finalidade da operação foi o adestramento de seu estado-maior e de suas organizações militares diretamente subordinadas (OMDS) nos processos de tomada de decisão em um cenário de operações, possibilitando o aprofundamento doutrinário, o exercício da coordenação e a sincronização das ações de cada sistema operacional.

O exercício foi realizado em duas fases: a primeira, com a adaptação e treinamento dos operadores e dos controladores ao Sistema de Simulação e a segunda fase, com o jogo de guerra.

No início da manhã do dia 12 de julho, o Comandante Militar do Planalto, General de Divisão Rui Yutaka Matsuda realizou a abertura do Jogo de Guerra no 7º Centro de Telemática de Área (7º CTA). O Comandante da 3ª Bda Inf Mtz, General de Brigada Marcus Alexandre Fernandes de Araujo, apresentou as manobras e as atividades do exercício.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

- Advertisement -

8 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Roberto Santos
Roberto Santos
12 dias atrás

Ar condicionado, cafezinho e banho tomado, bravos combatentes kkkkkkkkk

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Roberto Santos
12 dias atrás

Todo exército faz jogos de guerra. Quem menospreza o valor disso não sabe o que está falando.

Ricardo Cuore
Ricardo Cuore
Reply to  Leandro Costa
11 dias atrás

De pleno acordo

Gabriel
Gabriel
Reply to  Roberto Santos
10 dias atrás

Você escreve bobagem por desconhecimento? falta de capacidade cogcognitiva ? Ou querendo parecer engraçado?

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
11 dias atrás

Nesse tipo de jogo de guerra, como é feito? Um cenário de guerra fictícia “azul” contra “vermelho”? Se sim, como eles escolhem quais seriam os equipamentos e ameaças do suposto inimigo?

Agnelo
Agnelo
Reply to  Willber Rodrigues
11 dias atrás

Isso tudo é definido num cenário hipotético.
Os software tem as capacidades de vários tipos de equipamentos e doutrinas nele. No mar, ar e terra.
As ameaças vão se revezando de acordo com o tipo de tropa q será avaliada e o q há de previsão para o ano para aquela OM.

Joli Le Chat
Joli Le Chat
10 dias atrás

Dúvida: os Windows que as Forças Armadas utilizam são os mesmos que os demais usuários utilizam? Mesma telemetria, mesmos problemas de segurança?

O que impediria estes jogos de guerra estarem sob acompanhamento de um indivíduo externo?

Bille
Bille
Reply to  Joli Le Chat
10 dias atrás

Uma rede fechada.

Últimas Notícias

Assessor de segurança nacional dos EUA viaja ao Brasil

Esta semana, o conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, viajará para o Brasil e Argentina, acompanhado...
- Advertisement -
- Advertisement -