Nos gráficos abaixo, os equipamentos que foram deixados pelos Estados Unidos às forças armadas afegãs e que agora estão nas mãos do Talibã.

Depois dos gráficos, uma lista mais detalhada dos equipamentos cujo valor total é de cerca de US$ 85 bilhões.

Subscribe
Notify of
guest

238 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Carlos Crispim
Carlos Crispim
2 anos atrás

Impressionante, os talibãs agora tem mais equipamentos que o exército brasileiro, tudo de mão beijada, espero que os que estavam nas ruas gritando a vitória do Biden estejam satisfeitos, junto com essa mídia podre, nojenta e corrupta, principalmente, que apoiaram esse caduco e roubaram a reeleição do Trump.

Last edited 2 anos atrás by Carlos Crispim
Camargoer
Camargoer
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Caro Carlos. Acho que você está simplificando as coisas. Todo este armamento foi levado ao Afeganistão por anos, talvez desde Bush Jr, que ordenou a invasão. Binden é parte do problema desde quando foi vice-presidente de Obama. Contudo, Trump também é parte do problema porque ele forneceu material militar ao Afeganistão e também foi no governo dele que foi negociada a retirara dos soldados dos EUA. Agora, dizer que houve fraude na eleição de Biden é um enorme equívoco (pessoas inteligentes também se equivocam. Pessoas tolas dizem tolices. Pessoas mentirosas dizem mentiras)

Guga
Guga
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Sempre defendendo a esquerda, se bem que o Biden não é exatamente a esquerda.
Você devia analisar ir morar em Cuba, Venezuela, China… você seria mais feliz.

Camargoer
Camargoer
Reply to  Guga
2 anos atrás

Caro Guga. Concordo com você seria um erro dizer que Binde é um político de esquerda, mas é certo dizer que ele está á esquerda de Trump (o que é bastante compreensível). Sobre felicidade, lembrei de uma música do Ed Mota “… se eu fosse americano minha vida não seria assim…”. Talvez eu não fosse mais feliz se me mudasse para outro país, mas tenho certeza que seria mais feliz se algumas pessoas fossem embora. Sem dúvida.

Luciano
Luciano
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Touché!

Igor
Igor
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Como sempre, polido e inteligente nas respostas, prezado Camargoer.

Fabio Machado
Fabio Machado
Reply to  Guga
2 anos atrás

Não tem argumentos parte para baixaria. Digo mais, para viver sob um governo ruim e autoritário não precisamos ir para nenhum desses países, basta ficar aqui.

Jagdverband#44
Jagdverband#44
Reply to  Fabio Machado
2 anos atrás

Companheiro Fabio, vejo tanques aqui na rua todos os dias. Tempos sombrios.

PACRF
PACRF
Reply to  Fabio Machado
2 anos atrás

Esse é um comportamento padrão dos “bolsonaristas”, ou seja, sem argumentos partem para agressão. Outra postura descabida é rotular de “esquerdistas” aqueles que criticam o atual governo.

Camargoer
Camargoer
Reply to  PACRF
2 anos atrás

Olá Pacrf. Como comentei outro dia, eu até concordo com quem me chama de esquerdista. Isso sugere que o colega leu e compreendeu o que escrevi (mesmo que discordando). O que está intolerável são as ofensas.

PACRF
PACRF
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

É a tática do confronto. Não aceitam diálogo visando entendimento ou convencimento, só querem brigar, infelizmente.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Boa noite Camargoer, sou contra parte dos dogmas da esquerda e principalmente dogmas comunistas, antes que outros me xinguem, não sou bolsonarista, sou BRASIL PÁTRIA AMADA, mas, ofensas tem que ser evitadas….
Abraços…..

Camargoer
Camargoer
Reply to  Saldanha da Gama
2 anos atrás

Olá Saldanha. Pois é. Alguns comentarias (não os considero colegas nem amigos) estão agressivos e ofensivos. Insuportável.

ODST
ODST
Reply to  Fabio Machado
2 anos atrás

“Mimimi, vivo em um país que tem um govrno autoritário que não tirou nenhum direito meu buááá, buáááá, buáááá”.

Se toca.

rui mendes
rui mendes
Reply to  Guga
2 anos atrás

Ai filho, não me contraries, senão és de esquerda.

João Vitor
João Vitor
Reply to  Guga
2 anos atrás

O ano é 2021 e eles ainda mandam os outros irem pra Venezuela…

ODST
ODST
Reply to  João Vitor
2 anos atrás

Sentiu?

silvom
silvom
Reply to  João Vitor
2 anos atrás

esses caras sempre com essa ladainha de comunista, bla bla bla, socialista, bla bla bla, terraplana bla bla bla, Venezuela, Cuba e Coreia do Norte bla bla bla

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Guga
2 anos atrás

Não existe governo americano de esquerda. Todos eles defendem os interesses americanos com unhas e dentes, principalmente contra países fracos ou lambe botas.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Guga
2 anos atrás

Sempre quando falta argumentos. Começa-se a rotular o outro lado de comunista, esquerdista e outros istas.

nelson
nelson
Reply to  Guga
2 anos atrás

China já é a maior economia mundial opadrão de vida é muito melhor que muitos países ocidentais já o brasil é uma republiqueta com um desgoverno idiota e mentiroso e imcompetente.

pedro
pedro
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Quanta bobagem! Se for assim, os problemas atuais do nosso país estão mais ligados as falhas e erros dos governos anteriores e nao do atual. Claro que aqui a logica canhota faz aquilo de melhor, sua hipocrita visao para usar dois pesos e duas medidas! Sobre o Afeganistão, uma coisa é decidir sair de lá por ser uma guerra inutil e outra é como fazer a gestao da pior maneira possivel. Numa guerra, em retirada vc deixa o minimo possivel ao seu inimigo, mas isso se assemelha a uma coisa: Em 2014 com a retirada do Iraque, bilhoes em equipamento… Read more »

Camargoer
Camargoer
Reply to  pedro
2 anos atrás

Caro Pedro. Aguardarei as suas desculpas por me ofender e desrespeitar os colegas. Depois disso, poderemos debater de modo civilizado.

Carlos Alceu Gonzaga
Carlos Alceu Gonzaga
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Caro Camargo. Não espere demais de um pobre coitado incapaz de reconhecer a FRAUDE que ele é. Não passa de um….bozominion. Um grande abraço e saudações!

horatio nelson
horatio nelson
Reply to  pedro
2 anos atrás

o governo atual não cometeu erros…todos os problemas são de governos anteriores…talvez a unica coisa q não anda bem é q as forças armadas não tem recebido investimentos como nos governos anteriores

Slow
Slow
Reply to  horatio nelson
2 anos atrás

Apontar os erros do governo atual é fácil, agora quero ver apontar os acertos .. vou esperar

Camargoer
Camargoer
Reply to  Slow
2 anos atrás

Olá Slow. Todos os governos cometem erros. Um governo bem avaliado é aquele que acerta mais do que erra, e que uma vez tendo errado, reconhece isso e volta atrás. Também é preciso lembrar que o acerto para uma parte da sociedade pode ser o erro para outra parte da sociedade. O problema começa quando ao invés de erros, um governo começa a agir pela má-fé e no caso mais extremo, quando começa a agir criminosamente.

A6MZero
A6MZero
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Com certeza todos os governos comentem erros, mas a grande mazela brasileira é que todos os governos brasileiros com mínimas exceções foram erráticos e falhos. Temos um histórico de pouca capacidade em investimento e planejamento a longo prazo e seja o governo atual ou os anteriores todos foram incapazes de mudar isso, pior os governos insistem nos mesmo erros de seus antecessores abandonam programas apenas pq estavam associados a governos passados, enterram projetos no meio apenas para não dar credito a outros e não se preocupam em manter ou terminar políticas, tendo um pensamento tacanho de governantes que só querem… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  A6MZero
2 anos atrás

Verdade.

Carlos
Carlos
Reply to  A6MZero
2 anos atrás

Bem isso. Não temos Política de Estado, só partidária mesmo. O que irrita é que sempre haverá gente defendendo político. Sendo de Esquerda ou Direita político tem de ser COBRADO!

Comte. Nogueira
Comte. Nogueira
Reply to  A6MZero
2 anos atrás

Enquanto estamos aqui discutindo, os nobres senadores da CPI se enfrentam diante das câmeras e assim que termina o expediente, vão todos jantar juntos à custa do erário. O problema (s) do Brasil é o sistema político partidário, independente de qual agremiação esteja no poder, seja sob qual orientação, seja de < ou de >. O sistema político nefasto a qual me refiro, sob uma ótica simplista, é esse presidencialismo semi parlamentarista, onde o poder discricionário do presidente é muito diluído. Então, em nome da “governabilidade”, alguns fizeram do Congresso Nacional um puxadinho do Planalto, enquanto outros presidentes se tornam… Read more »

Tomcat4,2
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Comentário super sensato meu caro!!!

Camargoer
Camargoer
Reply to  Tomcat4,2
2 anos atrás

Olá Tom. Obrigado.

Slow
Slow
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Exatamente todos governos cometem erros , porem cometer só erros e não ter acertos fica difícil defender ?? nem se quer ele tenta .. vive andando de moto , atacando globo , e o Lula e o PT ..

PACRF
PACRF
Reply to  Slow
2 anos atrás

Nunca houve governo 100% ruim nem 100% bom. Por razões óbvias, os governos de plantão sempre foram e sempre serão mais criticados que governos anteriores. Com relação ao orçamento das Forças Armadas, são apenas números, gostem ou não dos mesmos. Contra números, não há argumentos, só números melhores no próximo orçamento, privilegiando o investimento ao invés do custeio.

Slow
Slow
Reply to  PACRF
2 anos atrás

Mas eu não disse que teve governos 100% bom , eu quis dizer que falar dos erros do atual é fácil quero ver falar dos acertos se é que tem ?

Luiz Trindade
Luiz Trindade
Reply to  Slow
2 anos atrás

Vamos ver… Brigar com o congresso… É um acerto? Promover medicamentos sem comprovação cientifica para o COVID-19 e aglomerações… É um acerto!? Ser conivente com a agressão ao Meio Ambiente… É um acerto? Ir para passeatas que promoviam fechamento do STF… É um acerto? Rapaz… Vou até parar…

Slow
Slow
Reply to  Luiz Trindade
2 anos atrás

Vc não entendeu , isso tudo que você citou não é acerto .. os erros são vários incontáveis agora eu quero ver os defensores falar sobre os acertos .. ?

nelson
nelson
Reply to  Slow
2 anos atrás

Elesó acertou em rroubar.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Slow
2 anos atrás

Também estou esperando! Cadê o combate ampliado a corrupção politica e policial? E o combate ao crime organizado e a lavagem de dinheiro?
Foram promessas de campanha que ate agora nada.
Já ia esquecendo, cadê a mudança do código penal e de execução penal?
Nem a construção de mais e melhores presídios saiu.

Slow
Slow
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
2 anos atrás

Único combate à corrupção que ele combate é contra ele e a família dele , afinal o filho dele comprou uma mansão vendendo chocolates kkkkk eita lavagem de dinheiro danada ..
E o 04 com ex mulher do Bolsonaro , alugou uma mansão que o aluguel gira em torno de 15 mil , porem ela só ganha 6,200 … Essa mulher deveria ser ministro da economia .

https://www.google.com/amp/s/g1.globo.com/google/amp/jornal-nacional/noticia/2021/08/28/ex-mulher-de-bolsonaro-e-o-filho-jair-renan-se-mudam-para-mansao-avaliada-em-r-32-milhoes.ghtml

Carlos Pietro
Carlos Pietro
Reply to  Slow
2 anos atrás

Esse desgoverno não têm acertos.

Slow
Slow
Reply to  Carlos Pietro
2 anos atrás

Eu sei disso kkk queria ver se os defensores iam citar algum haha

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  horatio nelson
2 anos atrás

“O governo do Lulua não cometeu erros, todos os problemas foram de governos anteriores.”

Flanker
Flanker
Reply to  100nick-Elã
2 anos atrás

Tanto o comentário original, como esse editado por ti, são inverídicos.

rui mendes
rui mendes
Reply to  pedro
2 anos atrás

Só um luxo da extrema-direita ignorante.

Luiz Trindade
Luiz Trindade
Reply to  pedro
2 anos atrás

Infelizmente a visão canhota e hipócrita é sempre de quem ofende e não de quem procura colocar as ideias a mesa para discutir de modo civilizado. Hoje quem discorda é altamente ofendido por quem não consegue conversar e sim querer impor a todo custo sua visão de mundo por muitas vezes sem razão o que se aplica aqui!

Caio
Caio
Reply to  pedro
2 anos atrás

E muita papagaiada de youtubado.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  pedro
2 anos atrás

O orçamento e sua composição bem como a direção do país se decide todo ano. E até aceitável, colocar a culpa no governo anterior os problemas do ano fiscal anterior, agora continuar a colocar a culpa 2, 3 ou 4 anos após a eleição e complicado. Fosse assim, se o governo durar 8, 12 ou 16 anos e ainda assim a situação estar dificil,vai continuar a colocar a culpa no governo anterior.

Carlos
Carlos
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
2 anos atrás

O que exatamente o que qualquer governante gosta de ouvir?
A culpa é do outro..

Luciano
Luciano
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Olá, Camargoer. Exatamente. Essa briga de torcidas atual esconde e simplifica os fatos. Todo o processo começou errado, nao teria como terminar bem! …….Se vcs repararem bem, as imagens recentes já mostram os combatentes do Talibã com armamentos americanos, novos, com variados acessórios modernos (lentes, empunhaduras, trilhos Picatinny, etc), juntamente com armamentos russos.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Oi Camargoer, espero que esteja bem. Sim, eu concordo com você. Foram vinte anos de Presidentes colocando material bélico no Afeganistão, e embora a avaliação sobre o tempo de retomada do país pelos Talibãs ter sido desastrosa e ter sido feita pelo governo Biden, ele está longe de ser o culpado por anos de estratégia errada e a total falta de consistência na política em relação ao Afeganistão ao longo dos anos e suas consequentes mudanças radicais, que variavam bastante até mesmo dentro de governos de um mesmo presidente. Claro que esse arsenal todo era de propriedade do então Estado… Read more »

Anthony
Anthony
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Parafraseando um BOPE: Eles não fazem com 10 munições o q eu faço com uma…..

Apesar da afirmação não ser verdadeira, Do q adianta o talibã ter esses equipamentos se não os sabem operar?

Fabricio Lustosa
Fabricio Lustosa
Reply to  Anthony
2 anos atrás

Não sabem operar 42 mil camionetes e suvs??? É só o q eles fazem. 8 mil. caminhões. Mais de vinte e dois mil humvees. Fora o absurdo de armamento leve. A única coisa q eles não sabem operar são os veículos aéreos, mas tenha certeza q eles vão vender, dar um fim neles, fazer $$$. Talibã ganhou na loteria várias vezes meu caro

Oráculo
Oráculo
Reply to  Anthony
2 anos atrás

O dinheiro compra tudo.

Inclusive apoio dos mercenários ocidentais – operadores das tais empresas militares privadas – que sabem operar, fazer manutenção e o principal, ensinam a utilizar esses armamentos.

horatio nelson
horatio nelson
Reply to  Oráculo
2 anos atrás

e dinheiro de heroina +++$$$

Emerson
Emerson
Reply to  Oráculo
2 anos atrás

Parabéns meu amigo, de todos os comentários que li, o seu sem sombra de dúvidas é o mais inteligente e consciente.

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Oráculo
2 anos atrás

justamente. Sem falar que há notícias de pilotos da força aérea afegã que deserdaram e, agora, estão trabalhando com o Talibã.
Uma coisa é certa, se quiserem que esses helicópteros e aviões voem, eles vão voar. Seja por pilotos afegãos ou estrangeiros contratados.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Oráculo
2 anos atrás

Eles não precisam. E só chamar os sargentos e oficiais das forças afegãs que mudaram de lado e operavam tudo. Em 6 meses já estão treinados.

Camargoer
Camargoer
Reply to  Anthony
2 anos atrás

Caro Anthony. Creio que depois de 20 anos de combate, creio que muitos militares que foram treinados pelos EUA saberão treinar pessoal do Talibã. Creio que o maior problema será a manutenção dos equipamentos mais sofisticados. O Talibã terá duas opções. Poderá vender o material para quem pagar mais ou contratar empresas privadas para fazer a manutenção.

horatio nelson
horatio nelson
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

isso se o proprios desonrrados eua não treinrarem os talibãs com a justificativa de ajudar o talibã a eliminar o isis…esses americanos não tem respeito nenhum com a propria gente dele q morreram no vietnã no iraque e afeganistão pobres soldados morreram em vão…malditos sejam lideres americanos inescrupulosos

Camargoer
Camargoer
Reply to  horatio nelson
2 anos atrás

Olá Horatio. Você tem razão. Lembrando novamente do caso Iran-Contras, no qual a CIA se envolveu com o tráfico de cocaína para os EUA, para vender armas para o Iran e financiar um grupo paramilitar de direita na Nicarágua, desobedecendo uma restrição do Congresso dos EUA, é possível imaginar uma operação da CIA para treinar e fornecer manutenção para o equipamento militar deixado no Afeganistão em troca da ajuda do Taliban para combater o ISIS ou desestabilizar a região de fronteira com o Iran… ou sei lá. Lembrando que a CIA já financiou e treinou o Taliban contra a URSS;

horatio nelson
horatio nelson
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

sim aquilo ali vai explodir a qualquer momento…segundo o mdf de israel e mossad,no pior dos casos o irã terá a bomba atomica em outubro…coisa q unirá israel e os sunitas(ao quais tem odio em comum pelos xiitas chamados de infiéis negadores pelos sunitas) e os eua sempre vão querer fazer alguma m… pois gostam de meter o dedo em tudo…se é q a cia como vc citou já não esteja fornecendo algum tipo de apoio ao talibã

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Ou fazer como os países da América do sul. Tenho 12 caças, más não tenho peças para todos, só uso 4 de vez em quando e os outros 8 uso como fonte de peças.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Acho que eu deveria ter lido todos os posts antes de ter respondido ao seu mais acima hehehehe

Jefferson
Jefferson
Reply to  Anthony
2 anos atrás

Eu arrisco dizer o oposto, é esse BOPE que não aguenta 1 dia no Afeganistão…lá não tem aposentadoria integral com 50 anos. Abraço!

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Anthony
2 anos atrás

Sabe de nada inocente! As forças afegãs se entregaram ao Talibã. Logo mudaram de lado. Adivinha o que essas força operavam.
Já devem estar operando para o Talibã e ensinando a operar.

nelson
nelson
Reply to  Anthony
2 anos atrás

O que não falta são mercenários no mundo bobinho.

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Que Biden não vale nada isso não se discute, mas por que as forças afegãs deixaram de lutar, mesmo com tanto equipamento de ponta e treinamento por décadas dos EUA? Tem vídeo dos caras fugindo sem 1 troca de tiro sequer.

Para mim só estavam ali por que eram forçados pelos EUA, ou são corruptos comprados sabe-se lá por quem, e aí foi falha de inteligência dos EUA.

Camargoer
Camargoer
Reply to  Inimigo do Estado
2 anos atrás

Caro I.E. Acho necessário nos perguntarmos qual seria a motivação das tropas regulares do governo do Afeganistão em combater o Talibã? Lembro que na revolução russa, o país estava em guerra contra a Alemanha mas a tropa se colocou contra o governo do Czar, indo contra uma tradição de 300 anos de dinastia Romanov. Acho que o governo pró-EUA no Afeganistão nunca representou os interesses da população. Ou seja, faltou uma base moral e ética para que os soldados defendessem o governo afegão. As forças de segurança do governo afegão eram corruptas e violentas. Enfim, faltou legitimidade para o governo… Read more »

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Concordo plenamente, os afegãos simplesmente não apoiavam o governo vigente na época, e o Talibã seria a forma mais correta de derrubar aquele governo, sem que os militares regulares se envolvessem num golpe.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Inimigo do Estado
2 anos atrás

Exatamente, Inimigo.

O Talibã não caiu de paraquedas no Afeganistão.
E possui muitos adeptos no País, principalmente entre a etnia pashtun.
Certamente, muitos membros das F.A,. aderiram ao movimento.
Sem contar a corrupção extrema do governo financiado pelos EUA, bem como o erro de avaliação dos americanos, o que leva a confirmar suas afirmações do segundo parágrafo.

SDS

IBIZ
IBIZ
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

A verdade é que a guerra do Afeganistão e do Iraque foram desde o começo um tiro no pé dado pela administração Bush. Biden só fez oq o povo americano queria já a muito tempo. As consequências viriam de um jeito ou outro seja lá quem tivesse na presidência americana.

Érico
Érico
Reply to  IBIZ
2 anos atrás

Uma hora o bandaid tinha de ser arrancado!

Max
Max
Reply to  IBIZ
2 anos atrás

Só no Afeganistão foram 85 bilhões de dólares em vendas para a indústria americana. Será que foi tiro no pé mesmo ?

sj1
sj1
Reply to  Max
2 anos atrás

Acontece que esse dinheiro todo vai para meia dúzia de magnatas, a conta fica no lombo do povão que não pode pagar um plano de saúde e está morrendo de cancer.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  sj1
2 anos atrás

Exatamente.
Sai dinheiro do orçamento público para financiar guerras e endividar o País.
No final, sobram empresários mais ricos e população mais pobre.

Matheus
Matheus
Reply to  Max
2 anos atrás

Enquanto isso o Americano médio se f*de a torto pra pagar uma miséria de um atendimento médico e pra pagar a faculdade dos filhos.
Mas não… o que importa é estarem pagando barato no Iphone né?

Alexandre Esteves
Alexandre Esteves
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Equivalente a 15 anos de orçamento do EB!

A maior frota de Black Hawk do mundo, se não contarmos as FFAA americanas.

Parabéns, Biden…

Felipe Morais
Felipe Morais
Reply to  Alexandre Esteves
2 anos atrás

Acho que Colômbia, Taiwan e Arábia Saudita possuem frotas maiores do Black Hawk.
Mesmo assim, realmente é uma frota considerável nas mãos do Talibã. O dobro da frota brasileira de BlackHawks.

Flanker
Flanker
Reply to  Felipe Morais
2 anos atrás

O Brasil possui 16 H-60 na FAB, 4 no EB e, se formos considerar o Sea Hawk, tem mais 6 exemplares na MB.

Flanker
Flanker
Reply to  Alexandre Esteves
2 anos atrás

A maior frota de Black Hawk, fora os EUA, é da Colômbia. São mais de 90 células, entre Polícia Nacional, Exército e Força Aérea Colombiana.

Luiz
Luiz
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

E parece que a situação tá piorando a cada dia que passa:

29/08/2021
Joe Biden ‘adormece’ durante reunião com o Primeiro-Ministro israelense

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Luiz
2 anos atrás

Sleepy Joe é um desastre. Mas o pior ainda está por vir, tem nome e sobrenome: Kamala Harris. A mulher que colocará o último prego no caixão dos EUA maior potência global.

Os chineses já estão dando pulos de alegria.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

E depois, vc não sabe o que será pior ainda.
Será a China crescendo cada vez mais até se tornar muito maior que os EUA em todos os setores.

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Como combater o crescimento Chinês tendo que bancar o Afeganistão?

Acredito que Biden não foi um covarde, ele foi o presidente americano que teve “culhões” de retirar a tropa, coisa que seus antecessores prometeram e não fizeram, Afeganistão sempre foi uma torneira aberta jorrando dinheiro e que foi aumentando até virar uma cachoeira.
Fechar essa torneira dará aos americanos uma oportunidade de abrir em outro lugar, eu acredito que a retirada americana foi estratégica para alocar recursos para combater o crescimento chinês…pronto falei.

...pense nisso

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Rafael Gustavo de Oliveira
2 anos atrás

Cara, quem começou a organizar a retirada foi o Trump, ele só não teve tempo de finalizá-la porque perdeu a eleição.

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Negativo Allan o 1 presidente a apresentar um cronograma de retirada total do afeganistao foi o Obama em 2011..inclusive esses assunto foi abordado durantes as campanhas eleitorais…depois começou essa novela toda….o Trump dessa novela foi só mais um capítulo

Heinz Guderian
Heinz Guderian
Reply to  Rafael Gustavo de Oliveira
2 anos atrás

Na verdade quem teve “culhões” foi o Trump, apesar que, na minha opinião essa acordo deveria ter sido melhor elaborado pelo mesmo.
A questão sobre o Biden é que ele foi um jumento na hora da retirada, se tivesse feito com mais planejamento, com certeza não teríamos visto muitas das cenas que vimos nos últimos dias.

Burgos
Burgos
Reply to  Luiz
2 anos atrás

Velho Senil !!!??‍♂️
Fico até com pena do povo dos ??

PauloOsk
PauloOsk
Reply to  Burgos
2 anos atrás

Eu nao tenho pena nao, os EUA sao hj um put..ro a ceu aberto. O povo americano mudou muito.

rui mendes
rui mendes
Reply to  Burgos
2 anos atrás

Diz o roto ao nu.

Rodrigo Maçolla
Rodrigo Maçolla
Reply to  Luiz
2 anos atrás

Seria cômico se não fosse trágico

horatio nelson
horatio nelson
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

melhor comentario q ja vi por aqui!

Fabio Machado
Fabio Machado
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Quem negociou a retirada do Afeganistão com o Talibã foi Trump. Para primeiro de maio, aliás.

Antonio Cançado
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Biden não tem nada a ver com isso. Se o que tá acontecendo tá acontecendo, agradeça a Donald J. Trump, por ter pavimentado a avenida que levou o Taliban de volta ao Afeganistão.
E você tem alguma prova sobre a eleição ter sido roubada? Se tem, mostre. Se não tem, não fale besteira.

rui mendes
rui mendes
Reply to  Antonio Cançado
2 anos atrás

Isso de fraude nas eleições, já é treino.
O chefe dos evangelhistas já disse, ou ganho, ou vou preso ou morro.
Isto é o nível da democracia, my way.

Lucas
Lucas
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Isso, meu amigo, é uma falácia e se chama “exclusão do meio termo”.

Tomcat4,2
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Pois é meu caro, tudo tem consequência e a pior ainda virá nos braços da Kamalla, que vai acabar de enterrar os EUA pra alegria da China, pois o Biden ta descendo a serra e não creio que dure metade de seu mandato.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  Tomcat4,2
2 anos atrás

Cavala Harris.

Agressor's
Agressor's
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

A retirada das tropas estadunidenses do Afeganistão começou no governo de Trump. Sua administração fez um acordo com o Talibã para dar um fim ao envolvimento dos eua no Afeganistão.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Más qual seria a diferênça com o Thump? Não foi ele que determinou e negociou a retirada com o Talebã?
Ele ia fazer o quê de diferente, retirar todo esse armamento que foi deixado para as forças Afegãs?
E gastando dinheiro. Com o Thump eu duvido ele fazer diferente.

Nonato
Nonato
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Os mesmos que aqui atacam o presidente da República dia e noite.
Por falar nisso, 182 mil militares.
O Brasil tem 300 mil.
E tem sabido que diz que o Brasil, com um território 100 vezes maior, tem muitos militares.
Msduro e a China tentando iludir a opinião pública…

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Senhor Carlos Crispin
Quem fez o acordo para sair do Afeganistão, abandonando aliados ,fugindo das responsabilidades. Foi o preclaro, impoluto, augusto e Semi Deus TRUMP. E era para sair “pianinho” no mês de maio. Este idiota parvo, chamado Biden conseguiu que a fuga com o rabo entre as pernas seria no mês de agosto.

C M
C M
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Fraude na eleição do Biden é a maior asneira inventada na década.

O cara que leva a sério uma abobrinha destas deve considerar seriamente fazer uma avaliação psicológica.

Grozelha Vitaminada Milani
Grozelha Vitaminada Milani
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

A real, depois de 20 anos no Afeganistão, os americanos deixaram um monte de sucatas, tecnologia dos anos 50 e que logo logo estarão inoperantes. Nenhuma arma tecnologia, de precisão, de destruição em larga escala ou alto poder de fogo. Tudo um dia pode ter custado 85 Bi-Bidens mas que custaram tudo isso quando eram novas e eram o que era atual há 20 anos atrás e custaria a mesma coisa entre logística e transporte pra jogar esse lixo metálico nos desertos da América. E na real, que o Estado Islâmico combata o Talibã e vice versa, pois os filhos… Read more »

Last edited 2 anos atrás by Grozelha Vitaminada Milani
Marcos10
Marcos10
Reply to  Carlos Crispim
2 anos atrás

Com exceção dos armamentos leves, sem manutenção, sem serviços especializados e sem peças de reposição, boa parte desses equipamentos estará inservível dentro de um ano.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
2 anos atrás

O Talibã conseguiu veículos e armas em quantidade/qualidade melhor do que muitas FA’s por aí.
Deve ser meio chato o contribuinte norte-americano saber que gastaram 1 trilhão de dólares naquele buraco, e ainda deixaram de brinde quase 90 bilhões em armas e equipamentos pro inimigo que eles combateram por quase 20 anos…

Pablo
Pablo
Reply to  Willber Rodrigues
2 anos atrás

Pra mim o pior nem é esse monte de equipamento deixado. Foi um monte de militar morto ou sequelado atoa.
Imagina o que passa na cabeca de um pai ou mae que perdeu um filho. Imagina o que passa na cabeca de ex militar que foi pra lá e voltou em uma cadeira de rodas ou algo parecido.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Pablo
2 anos atrás

Tem um comentarista aqui que é brasileiro, mas seviu no Afeganistão e Iraque pelo Exército dos EUA.
Ele comentou dia desses que perdeu vários amigos lá e que, mesmo saindo fisicamente ileso, nunca mais conseguiu dormir sem a ajuda de remédios.
Lí esse domingo a reportagem da BBC, entrevistando famílias que perderam parentes e amigos alí.
Imagine quem perdeu um ente querido alí, sabendo que foi tudo em vão.

Nascimento
2 anos atrás

Algumas citações sobre a democracia “A democracia são dois lobos e um cordeiro votando sobre o que comer no almoço. A liberdade é uma ovelha bem armada contestando o voto.” -Benjamin Franklin, estadista, cientista, filósofo e um dos pais fundadores dos Estados Unidos “A democracia nunca dura muito tempo. Ela logo se enfraquece, esgota e mata a si própria. Não há uma democracia que não tenha se suicidado.” -John Adams, segundo presidente dos Estados Unidos “A democracia não é nada mais do que a tirania da multidão, onde 51% das pessoas podem tirar os direitos dos outros 49%.” -Thomas Jefferson,… Read more »

rui mendes
rui mendes
Reply to  Nascimento
2 anos atrás

Nem mais.

Fabrício Lustosa
Fabrício Lustosa
2 anos atrás

22.174 (vinte e dois mil cento e setenta e quatro) Humvees???? Isso está certo?! Minha nossa senhora… Se isso for verdade as saudosas picapes Toyota não vão mais precisar fazer o serviço todo sozinhas. Só esse número de Humvees já faz MUITA inveja a qualquer país latino. Detalhe que o gráfico ainda fala em oito mil caminhões e quarenta e duas mil camionetes e suvs. O Talibã deve estar em festa. Os veículos aéreos, se não forem vendidos (o mais provável é que serão), vão virar sucata vez que não fazem parte do modus operandi dos guerreiros de sandália.

Oráculo
Oráculo
Reply to  Fabrício Lustosa
2 anos atrás

Nesses números estão todas as viaturas de estado, das forças armadas e da polícia afegã.

Os políticos Afegãos só andavam de Humvee, para se proteger dos atentados do Talebã.

Por isso tem tantos nessa relação.

Mesmo assim são os números brutos, ao longo dos últimos 20 anos.
Arrisco dizer que mais da metade nem está mais operacional.

Mesmo assim, com metade desse número nas mãos, os terroristas já farão um estrago gigante na região.

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Oráculo
2 anos atrás

Eu arrisco dizer que em alguns anos, NADA estará operacional. São caros de manter e haverá embargos de peças.

Nascimento
Reply to  Fabrício Lustosa
2 anos atrás

Se der mole eles tão com mais JTLV do que o CFN kkkkk

Antoniokings
Antoniokings
2 anos atrás

Se o Talibã tivesse mar, ganharia, destroyers, submarinos e ao menos um porta-aviões.
O Classe Zumwalt eles devolveriam aos EUA.
Quanta incompetência.

Alex Barreto Cypriano
Alex Barreto Cypriano
2 anos atrás

Sabe, eu quero mais é que o Afeganistão encontre a paz e prosperidade que a história nunca, exceto por brevíssimos períodos, lhe permitiu. Tomara que o Talibã tenha mudado e se tornado mais tolerante e inteligente. Tomara que a China ajude a desenvolver o país onde tem alguns interesses. Tomara que o ISIS-K vá pro raio que o parta. Tomara, tomara, tomara… E tomara que os cretinos antiamericanos percebam que os males do mundo são o capitalismo sem travas e o totalitarismo paz e amor. Mas, eu sei, isso, sim, é quase impossível.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Alex Barreto Cypriano
2 anos atrás

Pois é, não existe mundo perfeito, e a realidade é essa, mas tem gente que vende essa fantasia e tem os que a compram. Se a vida fosse tão fácil a ponto de poder traçar uma linha e separar o bom de um lado e o ruim no outro tudo seria mais fácil, mas bem e mal dependem da cabeça de cada um e temos mais de 6 bilhões de cabeça neste mundo …

Hcosta
Hcosta
Reply to  Alex Barreto Cypriano
2 anos atrás

A China, a não ser que mude a sua forma de atuar, provavelmente não vai intervir militarmente se for necessário, poderá é dar uma cobertura a um nível superior nas instituições internacionais, como na ONU.
Como sempre que terá maior influência será o Paquistão e por consequência a Índia e talvez o Irão e a Rússia. Agora que os EUA desistiram do jogo vai começar uma nova partida.

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Alex Barreto Cypriano
2 anos atrás

O Talebã não mudou. Em alguns meses estará promovendo atentados terroristas novamente pelo mundo afora.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  FABIO MAX MARSCHNER MAYER
2 anos atrás

Ninguém quer enxergar isso, pois precisam sustentar a narrativa. O Taleban é bom para eles e pronto. Os gringos são satânicos e pronto também. Está claro que a vida para eles é mais fácil, pois tudo é 8 ou 80, e no meio desses dois números não existe nada, logo não precisam pensar muito, basta apenas perpetuar a narrativa ad nauseam.

Camargoer
Camargoer
2 anos atrás

Caro Teropode. A primeira cosa que deve ser notada é que praticamente todo o material militar deixado no Afeganistão foi fabricado nos EUA por empresas dos EUA. Isso gerou enormes lucros para estas empresas. Por outro lado, as trapalhadas foram feitas em outros países (Coreia, Iran, Brasil, Chile, Afeganistão, Iraque, Vietnan, Guatemala, Granada, Líbia, Síria….). No caso do Iraque, as agências de inteligência foram coniventes com a mentira do governo dos EUA. Bem, sobre a CIA é preciso lembrar que outras trapalhadas como o caso Iran-contras. Estes problemas nos EUA ocorreram quando eles se desviaram do caminho democrático. Portanto, os… Read more »

Nascimento
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Discordo. Grande parte da população americana apoiou a invasão do Iraque em 2003. Depois que viram as trapalhadas foram contra, mas apoiaram a violação da integridade territorial de uma nação baseados numa SUSPEITA SEM PROVAS. Os EUA é a maior prova que não existe garantia de que uma democracia vá defender ou garantir direitos naturais. O Brasil idem. Aliás instituições públicas de Estado raramente estão sujeitas a punições, mesmo nos EUA não ocorreu punição ao chefe da CIA, nem ao Gal Powell que foi na ONU com um pote de farinha dizendo ser antraz. Morreram 500 mil iraquianos numa guerra… Read more »

Last edited 2 anos atrás by Nascimento
Camargoer
Camargoer
Reply to  Nascimento
2 anos atrás

Caro Nascimento. Creio que você inverteu a relação de casualidade. O fato de parte da população dos EUA apoiarem a “guerra ao terror” (incluindo os principais meios de comunicação) baseada em relatórios forjados, suspeitas (e convicções) mostra que os mecanismos democráticos de “freios e contrapesos” falharam. Um dos princípios democráticos é o respeito ás leis internacionais e a defesa dos direito humanos. A invasão e ocupação do Afeganistão pelos EUA violou vários preceitos democráticos. Em 2001, apenas uma congressista dos EUA (Barbara Lee) votou contra a invasão do Afeganistão. Acho bastante importante discutirmos o que ocorreu nos EUA naquele período,… Read more »

Nascimento
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Simplesmente não há ”contrapeso” algum caso o governo americano e seu povo entrem numa narrativa e queiram atacar uma nação, essa é a verdade sobre a democracia moderna. E é exatamente devido a falta de planejamento e de estudo que entram nessas guerras inúteis. Comparar a política externa da federação russa (ditadura) e dos EUA (democracia) é amplamente necessário: A Rússia com uma política externa isolacionista, sem interferir em outras nações sem necessidade prévia, agindo apenas no seu entorno geoestratégico caso um membro do CSTO ameace entrar na OTAN (Ucrânia, Geórgia) e defendendo os interesses dos seus aliados globais de… Read more »

Last edited 2 anos atrás by Nascimento
Camargoer
Camargoer
Reply to  Nascimento
2 anos atrás

Caro Nascimento. Creio ser desnecessário comparar a política externa dos EUA com a de qualquer outro país (democrático ou não-democrático) para identificar os problemas (dos EUA) desde o fim da II Guerra. Durante os 50 anos de Guerra Fria, a política externa dos EUA foi pautada pelo confronto com a URSS, o que (infelizmente) foi trocada pela “guerra ao terror”. A democracia tem que ser um valor por si mesmo. Qualquer flexibilização por conveniência política ou econômica cria problemas muito maiores. É impossível encontrar qualquer justificativa plausível para desvios democráticos. Tolerar o intolerante é intolerável.

Nascimento
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Não é por conveniência política nem econômica mas por preservação aos direitos naturais. Não acho que a turba democrática americana tenha o direito de se sobrepor a qualquer outra nação.

Tolerar o intolerante só por ser uma democracia ou por ser feito nas vias democráticas me parece pior ainda.

Lembrando que um estupro coletivo também é democrático. E isso se compara a uma coalizão de democracias se impondo contra um Iraque da vida.

E eu ainda não entendo pq o seu e o meu comentário estão com tantas negativas pois estamos discutindo nada demais. Abraços.

Last edited 2 anos atrás by Nascimento
Camargoer
Camargoer
Reply to  Nascimento
2 anos atrás

Caro Nascimento. Eu escrevi que tolerar o intolerante é intolerável. Por esta razão, considero um erro tolerar qualquer desvio democrático por conveniência política ou econômico. Em uma democracia, é preciso respeitar o Estado de Direito. Portanto é preciso punir no rigor da lei aquele que comete um crime. Sobre o estupro, além de ser um crime previsto em lei, ele também viola todos os princípios dos direitos humanos (portanto, apenas um regime não-democrático toleraria um estupro ou deixaria de considera-lo um crime). Em uma democracia, ninguém pode alegar o direito á liberdade para atacar a democracia. Sobre as negativações, acho… Read more »

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Os direitos humanos deveriam servir para proteger os humanos direitos, não os ruins.

Enviar radicais para realizar um atentado terrível em solo estrangeiro e depois querer se esconder atrás dos “direitos humanos” é cômico.

Os EUA acertaram ao invadir o Afeganistão, precisavam dar uma resposta ao seu povo e se não tivessem feito nada eles pareceriam fracos diante dos seus aliados e inimigos, o que incentivaria novos ataques.

Esse discurso bonitinho de “direitos humanos” e “preceitos democráticos” só servem para fazer com que o mal fique impune.

Camargoer
Camargoer
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Olá Allan. Os direitos humanos servem para proteger toda as pessoas, sem exceção. Em um regime democrático, um criminoso deve ser punido no rigor da lei, nem mais nem menos. Mas é intolerável que um criminoso sofra tortura, fome ou qualquer tratamento desumano por parte dos agentes do Estado. Aliás, é intolerável que qualquer pessoas sofra qualquer tipo de tortura, por exemplo. Um juiz que comete crime para condenar um criminoso é bandido. Um policial que tortura um criminoso é bandido. Uma pessoa que assassina uma criança é bandido. Em um regime democrático, quem comete um crime deve ser punido.… Read more »

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Camargoer, com todo o respeito, esse seu argumento é hipócrita. Se alguém que você ama muito fosse vítima de algum crime terrível, você abandonaria rapidamente esse discurso de que todos merecem a direitos humanos. Você pode até dizer que não, mas a verdade é que você acharia sim que o criminoso sofresse sa pior forma possível. É como eu sempre digo, direitos humanos para humanos direitos. Quem mata, rouba e violenta outros não agem como seres humanos, portanto não são dignos de direitos. O cara que ordenou o 11 de setembro causou um sofrimento imensurável a mais de 3k de… Read more »

Camargoer
Camargoer
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Caro Allan. Chamar-me de hipócrita parece além do razoável para uma discussão. Não aceito.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Camargoer, leia novamente o que eu escrevi, o comentário não foi editado, eu disse que o argumento era hipócrita.

Camargoer
Camargoer
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Caro Allan. Peço desculpas pelo mal-entendido. De modo geral, um argumento pode estar errado ou incompleto, mas a hipocrisia costuma ser uma característica de quem usa o argumento, não do argumento em si. Mas seguindo em frente.. de fato, ninguém fica isento quando há envolvimento pessoal. Por essa razão, um cirurgião nunca trata um parente ou cônjuge, ou um juiz nunca julga um caso envolvendo conhecidos. Quando perguntaram a Prestes se ele apoiaria a candidatura de Vargas para presidente, ele disse que se tivesse uma arma daria um tiro no rosto de Vargas (pelo que ele fez com Olga), mas… Read more »

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

O respeito é uma via de mão dupla, se alguém não respeita a vida humana, então essa pessoa não merece respeito, pois perdeu o direito de exigi-lo. Assista ao filme “Código de Conduta” com Gerard Butler. Ele mostra bem como esse discurso de direitos humanos serve apenas como escudo para a proteção daqueles que cometem atos terríveis e de como as vezes é preciso agir por conta própria para fazer com que a justiça seja feita. Sou a favor da Lei de Talião. Roubou? Perderá a mão. Matou? Perderá a vida. Defendo também a tortura e a execução pública de… Read more »

Camargoer
Camargoer
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Caro Allan. O Art.5 da CF88 diz que “ III – ninguém será submetido a tortura nem a tratamento desumano ou degradante”. Sendo este uma das cláusulas pétreas da CF88. Além disso, desde 1997 a tortura é crime no Brasil, inafiançável e não pode ser motivo de anistia. Como apologia de fato criminoso é crime… em uma democracia não pode haver exceção. Quem comete crime deve responder por ele. A essência da Lei de Talião é impor ao criminoso uma pena na medida e na proporção do crime. Creio que decepar partes do corpo é desproporcional ao crime de furto ou roubo. Já… Read more »

Alexandre
Alexandre
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Você deija claro e evidente que voce não é um humano !

Nascimento
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Os EUA esta certo de correr atrás dos culpados, mas bastaria proibir a entrada de países do Oriente Médio e Norte da África, além de uma investigação minuciosa para cada imigrante ou turista que entre nos EUA ser feita para colher o joio do trigo.

Gastaram 1 trilhão numa guerra assimétrica sem chance alguma de vitória.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Nascimento
2 anos atrás

Sim, bastava fazer isso e o terrorismo acabava… (ironia).

Nascimento
Reply to  Hcosta
2 anos atrás

O objetivo não é acabar com o terrorismo, ele SEMPRE vai existir, o objetivo é manter a segurança dos cidadãos americanos.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Nascimento
2 anos atrás

Mas acha que é possível investigar toda a gente que entra e assim não passava nenhum terrorista?
É como dizer que por um polícia em cada esquina acabava o crime.
Não têm havido atentados terroristas islâmicos nos países ocidentais. Talvez tenham mudado de estratégia e vamos ver como a situação se desenrola. O problema é o que fazer com estes fanáticos no Afeganistão agora que chegaram ao poder. Será que vão voltar a uma vida normal?

rui mendes
rui mendes
Reply to  Nascimento
2 anos atrás

Achas mesmo que bastaria isso???
Então não há terroristas, no resto da África, na Europa, Ásia, Américas ou Oceânia??

Nascimento
Reply to  rui mendes
2 anos atrás

Então os EUA terá que invadir todos esses países para acabar com o terrorismo? Aja dinheiro…

Camargoer
Camargoer
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Olá Terapode. Acho difícil comparar a “guerra ao terror” á “guerra fria”. São momentos muito diferentes. As guerras da Coreia, Vietnan, os golpes de estado na América Latina, Cuba, etc, ocorreram no contexto da teoria do dominó (se um caísse, os outros cairiam em seguida). Por essa razão, os EUA apoiaram ditaduras e governos corruptos e combateram governos democráticos na luta contra o comunismo. No livro “A marcha da insensatez” há uma boa discussão sobre este tipo de erro. Os EUA assumiram que o mal maior era o comunismo soviético, quando o mal maior eram as ditaduras e os governos… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Camargoer
2 anos atrás

Não percebo essa obsessão de atacaram Biden.
Pelo contrário Biden foi eleito numa democracia muito menos menos retalhada do que estava. Conseguiu unir os democratas e os anti Trump.
Ninguém nos EUA ganha alguma coisa politicamente com guerras em que o país não seja atacado. Nesses exemplos que deu apenas o Afeganistão se encaixa nisso em que todo o país apoiava. O resto é geopolítica e pouco a ver com política interna.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Hcosta
2 anos atrás

Até ver, ainda não me deram razões para assumir que são assim tão incompetentes. Até pelo contrário. Já recuperam algum prestigio…

Hcosta
Hcosta
Reply to  Hcosta
2 anos atrás

OTAN, ONU, etc…
Quem é que fazia algum acordo com Trump?

Hcosta
Hcosta
Reply to  Hcosta
2 anos atrás

Está a falar de quem?
E não sei se existe esquerda nos EUA. Biden na Europa seria, no mínimo, social democrata e o Bernie Sanders um socialista no sentido europeu.
STF significa o Supremo Tribunal dos EUA? O Biden já nomeou alguém para esse tribunal?

Kommander
Kommander
2 anos atrás

É incrível a quantidade de equipamentos deixados para trás, muitos deles de ponta, tem até night vision. Por quê não bombardear esses equipamentos? Fica parecendo que foram deixados lá de propósito.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Kommander
2 anos atrás

Eles iam, mas desistiram. Provavelmente para evitar provocar o Talibã.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Kommander
2 anos atrás

O equipamento não é dos EUA.

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
2 anos atrás

Obrigado amigo, você é um amigo!

ALISON
ALISON
2 anos atrás

Pena que a materia ta sendo utilizada de forma politica… Esse e o inventario completo do que foi fornecido e não do que efetivamente o talibã se apoderou.

Mas é interessante ver os numeros totais

Sincero Brasileiro da Silva
Sincero Brasileiro da Silva
2 anos atrás

Acho que agora está desenhado para todos que de fato o Tio Sam financia os maiores grupos terroristas/extremistas do mundo.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Sincero Brasileiro da Silva
2 anos atrás

Como? OS EUA mataram milhares de terroristas e está a apoiá-los?
Deram a cana para pescar mas o governo não quis pescar.

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
2 anos atrás

Galerinha do meu Brasil varonil! Esse papinho de equipamentos perdidos ou deixados para trás é uma ova! A verdade é que foi mais uma DOAÇÃO generosa do Tio Sam aos seus aliados! Nada mais que isso!

Pedro
Pedro
Reply to  Yuri Dogkove
2 anos atrás

Bom dia.Concordo.

Essa DOAÇÃO, ao meu ver, tem mais haver com um fomento de uma “proxy war” do que abandono de material.

Provavelmente os USA, estão tentando de alguma forma trazer a China e novamente a URSS (Rússia), junto com Paquistão, Índia, Irã e até a Europa e Israel para o lamaçal que é o Afeganistão, vamos aguardar quem realmente vai comer o queijo nesta ratoeira.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pedro
2 anos atrás

Ledo engano, visto que o único aliado americano no País é o pessoal do Massoud no Vale do Panjshir.
As armas caíram nas mãos do Talibã, que assumiu o Governo e vai incrementar as relações diplomáticas/econômicas com a China e até a Rússia.
A russos e principalmente a chineses seria interessante que o Talibã acabasse com Massoud.
Desta forma, sem nenhuma possibilidade de interferência americana, a região poderá seu caminho que certamente será mais próximo de chineses e russos.

Pedro
Pedro
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Tonho, Veja se meu pensamento está tão errado e me corrija se necessário, vamos lá: O USA estavam numa guerra sem fim, a mais longa de todas que se meteram, gastando recursos humanos e financeiros num País que só conheceram após o 11 de setembro. Como sabemos, há, sim uma mudança no eixo mundial do ocidente para o oriente, vide o peso que a Índia e principalmente a China estão ganhando em projeções a médio-longo prazo. O USA, sabedor disso para poder focar em outras regiões, o mar da china por exemplo, sabidamente pode ter deixado um mar de armas,… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pedro
2 anos atrás

Temos algumas questões; 1) O Talibã (e a Al Qaeda) nutrem extrema inimizade pelos EUA e o Ocidente e podem ser alvos, até preferenciais, dele. 2) Bem ou mal, o Afeganistão representava uma presença militar incômoda americana na região para a China, Irã e até mesmo a Rússia; 3) A China (e em algum grau, a Rússia) tende ter mais voz ativa na região (vide o artigo que postei do representante da ONU). Ao que parece, o Talibã tem interesse no investimento chinês no País. 4) Por ser um território estratégico para a Iniciativa Belt & Road, a presença militar… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pedro
2 anos atrás

Em tempo.
Assisti, essa semana, entrevista de um líder político de lá, dizendo que daria um tempo para ver quais eram as propostas do Talibã.
Que era preciso esperar um pouco em vez de partir logo para o confronto.
Como se vê, a instabilidade ainda é presente e pode, realmente, ocorrer violência de origem étnica com consequências difíceis de prever.
E finalmente, um líder talibã, fez um comentário que ajudaria o Paquistão a libertar a Caxemira..
Como se não houvesse problema suficiente na região.

SDS

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pedro
2 anos atrás

Em tempo.
Tenho interessante artigo de um diplomata expert na região (se não me engano, paquistanês) que diz que os EUA não tem mais voz ativa alguma na região.
E anteontem, Lavrov, anunciou que o Talibã está concentrando forças na entrada do Vale do Panjshri e tem condições de ocupar o lugar em pouco tempo.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Antoniokings
2 anos atrás

Pino Arlacchi, antigo subsecretário-geral das Nações Unidas e um dos especialistas mais reputados em matéria de luta contra a máfia e o narcotráfico, considera que o Ocidente já não tem voz nos assuntos sobre o futuro do Afeganistão.
Segundo ele, apenas um plano de grande escala da Rússia e China ajudará a encontrar uma uma saída para a crise vivida pelo País.

https://br.sputniknews.com/asia_oceania/2021082717944846-depois-do-fracasso-completo-ocidente-ja-nao-tem-voz-nos-assuntos-do-afeganistao-diz-especialista/

Hcosta
Hcosta
Reply to  Yuri Dogkove
2 anos atrás

Sim, agora os Talibãs são aliados dos EUA. (ironia)
Bastou os EUA deixar de fora o governo Afegão nas negociações para os Talibãs ganharem mais força. Agora imaginem se começavam a retirar equipamento ao exército.
Demoraram décadas a entregar esse equipamento e iam retirar quando eram mais precisos? E o governo Afegão ficava quieto enquanto os EUA roubavam o seu equipamento.
E já pensaram que podem estar à espera que a evacuação acabe para atacar? Acho que pode ser improvável mas é uma hipótese.

Pedro
Pedro
2 anos atrás

Quer dizer então, que você curte “mamar” ditadores? Graças a democracia e uma constituição, você pode falar tais impropérios. Abraço

Pedro
Pedro
Reply to  Pedro
2 anos atrás

Kkkkkkkkkkkkkkkk. Calma!

rui mendes
rui mendes
Reply to  Pedro
2 anos atrás

Claramente confundes esquerda, com extrema esquerda e extrema-direita, pois esses sim adoram um iluminado ditador e surfam as ondas das democracias a seu bel-prazer.

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
2 anos atrás

Daqui a alguns anos o EUA negará a paternidade do Talibã e dizer que quem criou e armou eles foi a Rússia, e as mídias ocidentais endossará (como de costume) tal retórica.

Last edited 2 anos atrás by Yuri Dogkove
Agressor's
Agressor's
Reply to  Yuri Dogkove
2 anos atrás

Na verdade eles já estão começando a fazer isso, é só vc pesquisar nos canais de notícias ocidentais…

Hcosta
Hcosta
Reply to  Yuri Dogkove
2 anos atrás

Sim, os Russos deram o motivo e os EUA o apoio.
Apesar de os EUA apoiaram todos os rebeldes e não só os fanáticos.

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Yuri Dogkove
2 anos atrás

A mídia americana sempre acusou os governantes do país de terem errado (e feio) no Vietnã, no Laos, no Camboja, no Iraque e no Afeganistão. A mídia inglesa é até mais agressiva. O problema é que a mídia brasileira, que é a que percebemos, é ruim ao extremo.

Hilton
Hilton
2 anos atrás

Me causa espanto a debandada dos integrantes das Forças de Segurança do Afeganistão. Creio que tais forças estavam operativas há pelo menos uma década. Cadê o senso de dever e nação? Creio mesmo que não fossem em maior número que o Taleban, tinham armamentos mais que suficientes para enfrenta-los!!! Mas foram os primeiros a fugir, principalmente os oficiais, deixando a população a mercê do Taleban!!! Não conheço a história recente do Afeganistão, somente o que é publicado pela mídia. Mas me parece que o sentimento de tribal, prevalece sobre o sentimento patriótico de ser afegão. Realmente é triste o que… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Hilton
2 anos atrás

Simples.
O ‘senso de dever e nação’ deles não era o mesmo que o proposto pelos EUA e seus prepostos afegãos.
Acho que isso está claríssimo.

Andromeda1016
Andromeda1016
2 anos atrás

“O negócio dos Estados Unidos são os negócios” e as guerras deles são travadas sob essa premissa, ou seja, servem para gerar negócios. Um país que tem a capacidade ímpar de gerar recurso imprimindo dinheiro precisa de justificativas para poder manter as impressoras de sua casa de moeda (FED) funcionando, e as guerras servem muito bem a esse propósito. Veja o caso do Afeganistão por exemplo: Criticam os gringos por terem gasto 1 trilhão de dólares no Afeganistão (na verdade foram mais de 2 trilhões) numa guerra considerada inútil, mas diferente do que as pessoas pensam, eles não gastaram recursos… Read more »

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Andromeda1016
2 anos atrás

Não consigo entender esse negócio de perda de influência. Quer dizer que os gringos mandam menos no mundo do que faziam digamos uns 30 anos atrás? É isso? Economicamente entendo que a China tem um grande poder no mundo, e neste aspecto concordo, mas de resto não vejo eles mandando mais que os gringos ainda. Veja que a repulsa do mundo contra os chineses aumenta estes dias e muitos países começam a manifestar oposição aos chineses anunciando fim de projetos ou negócios conjuntos. No campo militar também não manda mais que os gringos pois só consegue ameaçar seus vizinhos pequenos,… Read more »

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Andromeda1016
2 anos atrás

Os gringos usaram os chineses para impulsionar o globalismo pelo mundo e os chineses se aproveitaram disso também. Com a atitude arrogante dos chineses os gringos estão começando a isolar os chineses financeiramente, colocando em prática o tal de “decoupling” dos chineses. Os gringos deram um pequeno exemplo do que eles podem fazer com a economia da China ao atingir a Hwauei que agora não manda nada na área de telefonia pelo mundo. A dependência da China pode ser contornada pelos gringos, mas os chineses não podem fazer o mesmo em relação à dependência deles do mercado norte americano.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Andromeda1016
2 anos atrás

Acho que é mais o capitalismo sem regulações e sem fronteiras e não os gringos.
A maior parte gostaria de uma maior produção nacional.

Andromeda1016
Andromeda1016
Reply to  Hcosta
2 anos atrás

Não entendi.

Valter Branco
Valter Branco
2 anos atrás

Quem viu o “documentário” Senhor das Armas pode estar com a impressão de que não será o Talibã que vai ficar com esse material todo. Os “Orlov” e “Weisz” da vida já devem estar faturando…

_RR_
_RR_
2 anos atrás

Prezados, Vamos devagar. Primeiro de tudo: ter e operar são duas coisas diferentes. Daí que os equipamentos mais complexos ficarão inoperantes com o tempo… pela simples falta de manutenção… O que apresenta mais risco aí são as armas leves, as peças de artilharia, estoques de explosivos e munições “burras”, que é coisa simples de lidar. Quanto aos veículos terrestres, as SUV, Humvee e os caminhões, se acha peças fácil e qualquer mecânico minimamente competente mantem andando. Mas os demais veículos blindados, já é mais difícil… Das aeronaves… daqui a um ano, metade vai estar no chão, e até 2023 é… Read more »

Oráculo
Oráculo
2 anos atrás

Esses números demonstram o tamanho da incompetência gigantesca de Joe Biden. Ele foi avisado pela CIA que a queda de Cabul era eminente. O que fez Sleepy Joe? Acreditou em um relatório feito pelos militares que estavam no Afeganistão, de 2 meses atrás, em que afirmavam que demoraria mais de 3 meses para Cabul ser conquistada. Isso depois que todas as outras províncias caíssem. E não fez nada para iniciar a retirada. Deu um discurso dizendo que estava tudo sob controle. Foi tirar férias e nem quis saber de problemas. Enquanto isso ao mesmo tempo a CIA avisou o Pentágono… Read more »

Last edited 2 anos atrás by Oráculo
Hcosta
Hcosta
Reply to  Oráculo
2 anos atrás

E o senhor conhece os pormenores do acordo e o que é discutido na Casa Branca?
Se o Biden quebrasse o acordo como seria possível fazer a evacuação? O que já é difícil passaria a ser um banho de sangue.

Svezda
Svezda
2 anos atrás

Lamentável e preocupante essa quantidade enorme de equipamento militar moderno nas mãos do Taliban. Só uma coisa justifica esse desastre; a confiança (esse arsenal estava nas mãos das FFAA afegãs) de que as FFAA daquele país lutariam, resistiriam e talvez num futuro próximo, ou não, acabariam vencendo os talibãs. Se foi isso, e eu acho que foi, foi um erro brutal de inteligência, avaliação, informações e etc. Agora só resta aos EUA/OTAN “saírem” de lá, em segurança. Quanto à esse equipamento todo, é óbvio que requererá manutenção e peças de reposição. Os mais simples durarão décadas mas aqueles equipamentos mais… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Svezda
2 anos atrás

Tem equipamento moderno mas nada de relevante no sentido de ser uma ameaça para os EUA. Não têm defesa AA, MBT´s, etc…

Svezda
Svezda
Reply to  Hcosta
2 anos atrás

É verdade! Concordo totalmente!

ScudB
ScudB
Reply to  Svezda
2 anos atrás

Tem certeza que é assim que escreve seu Nick?

Caio
Caio
2 anos atrás

Antes o financiamento era por baixo dos panos agora é descarado, ” pega e faz m… Em seu país” realmente esse mundo tá pela hora.

Andromeda1016
Andromeda1016
2 anos atrás

Não costumo concordar com você mas nesta concordo. As pessoas mão conseguem ver o que de fato causam essas guerras e ai viajam na maionese. Os EUA são na prática um gigantesco banco e banco vive de negócios e oportunidades, mas no caso dos gringos em vez de esperar para que elas aconteçam preferem apelar às guerras para fazê-las acontecer.

rdx
rdx
2 anos atrás

Tempestade com copo d’água. Os EUA não forneceram equipamentos sofisticados, até porque as forças afegãs não tinham capacidade para operá-los….e foram empregadas, basicamente, como uma “PM” caçando bandidos e guerrilheiros. Procurem Abrams, Apache, ATGM, HIMARS, M109 Paladin e Stinger nessa lista.

Last edited 2 anos atrás by rdx
Gabriel BR
Gabriel BR
2 anos atrás

O Taliban ganhou na loteria com os Democucks kkkkkkkkkkk

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Gabriel BR
2 anos atrás

O Ocidente é uma vergonha

Allan Lemos
Allan Lemos
2 anos atrás

Será que os EUA não querem invadir o Brasil um pouquinho não? Depois de 20 anos nossas FA teriam equipamentos de ponta. Rsrsrs.

Camargoer
Camargoer
Reply to  Allan Lemos
2 anos atrás

Olá Allan. Lembrei de um filme da década de 60 “O rato que ruge”. Um reino minúsculo está falido. Os ministros têm a ideia de entrar em guerra contra os EUA, que após vencerem a guerra terão que sustentar o pequeno pais derrotado. Para isso, eles enviam um pelotão armado com arco-e-flecha para Nova Iorque. O problema é que comandante deste pelotão (Peter Sellers) invade um laboratório de pesquisas militares e rouba uma superbomba (tipo fim do mundo), obrigando o governo dos EUA a se render incondicionalmente.

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
2 anos atrás

O Talibã até uma semana atrás era o patinho feio, que os afegãos estavam tentando fugir de lá pra se livrar das maldades do Talibã! Agora como num passe de mágica, o Estado Islâmico aparece, faz uns atentados terroristas, e agora o Talibã se torna o “mocinho”, “o defensor dos fracos e oprimidos”! Será que ninguém percebeu que o EI (boi de piranha) só entrou na história (a mando do Tio Sam) pra “chancelar” o novo governo do Afeganistão (Talibã), e tudo orquestrado pelo Tio Sam?

Hcosta
Hcosta
Reply to  Yuri Dogkove
2 anos atrás

Isso está ao nível de que o 11/9 foi planeado pelos EUA.

sj1
sj1
2 anos atrás

Com exceção dos fuzis e metralhadoras, pode considerar que somente metade disso tudo está operacional/não fugiu pelas fronteiras com os seus operadores. As aeronaves não possuem operadores qualificados no Taliban, e mesmo que tenham, sem a manutenção e insumos estarão todas no chão em 6 meses. Muito sensacionalismo.

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  sj1
2 anos atrás

Podem Vender no mercado paralelo e levantar várias dezenas de milhões.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Gabriel BR
2 anos atrás

Muito mais do que isso, centenas ou milhares de milhões.

Space Jockey
Space Jockey
Reply to  Gabriel BR
2 anos atrás

Vão vender ST ? BH ?

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Space Jockey
2 anos atrás

Desmonta e vende as peças

Burgos
Burgos
2 anos atrás

Boa tarde a todos !!!
Bem dizer a verdade, o legado vem desde do tempo do 11 de setembro em diante e o Joe Biden só vem pagando agora de “isentão” dizendo que o EUA não tem culpa de nada.
Agora eu fico imaginando se fosse aqui no Brasil !!!?‍♂️
Nós estávamos tudo F*#•¥o !!!

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
2 anos atrás

Hoje no Estadão tem um artigo de The Economist, sobre o declínio da influência dos EUA. Diz, basicamente, que o caos da política interna, o acirramento dos ânimos, a voz de grupos extremistas tanto à direita quanto à esquerda e a influência deles nos órgãos de imprensa está causando a falta de rumo das decisões políticas, especialmente as de política exterior. Eu acrescento que, desde o advento das redes sociais, os políticos ocidentais estão todos no mesmo barco: eles têm medo dos cancelamentos, da histeria da internet e do radicalismo próprio da rede, basicamente porque isso afeta suas eleições. Esse… Read more »

José Carlos David
José Carlos David
2 anos atrás

Uma vergonha para o governo Biden! Conseguiu superar o fiasco do Vietnã!

Capa Preta
Capa Preta
2 anos atrás

22 mil hamers? O exército do Brasil compra 15 4×4 blindados da Iveco e já faz escândalo ??

Tomcat4,2
2 anos atrás

Assim se fabricou a “Primavera Árabe 2.0” !!!

Agressor's
Agressor's
Reply to  Tomcat4,2
2 anos atrás

Triste é o país que não é soberano sobre seu próprio território, a mercê do colonialismo praticados por outras nações!

Jagdverband#44
Jagdverband#44
Reply to  Tomcat4,2
2 anos atrás

Amigo, eles não são árabes.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Tomcat4,2
2 anos atrás

Ainda não percebi como a Primavera Árabe poderia favorecer os EUA.

Bruno Moura
2 anos atrás

Sim , foram “DEIXADOS ” e em breve irão estar , no mercado com o lucro revertido para aqueles que os esqueceram lá …. Nicolas Cage, deve estar esfregando as mãos.

Tomcat4,2
Reply to  Bruno Moura
2 anos atrás

Aquele filme, assim como “Tropa de Elite” , escancarou muitas verdades.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
2 anos atrás

João Bidé deveria ter tomado a decisão de destruir boa parte desses equipamentos quando teve chance, mas o velhote preferiu dar uma de “cauteloso”( frouxo…) e deixou o taliban receber presentes de natal adiantado… Parlamentares do Partido Republicano detalharam o acervo militar norte-americano em posse do Talibã: 75 mil veículos, mais de 200 aviões e helicópteros modelo Blackhawk, mais de 600 mil armas portáteis. “O governo Biden deixou US$ 85 bilhões (R$ 442 bilhões, na cotação atual) de equipamentos norte-americanos nas mãos do nosso inimigo”, denunciou o representante de Indiana Jim Banks, em entrevista coletiva, na quinta-feira 26. Banks lembrou que… Read more »

Guacamole
Guacamole
2 anos atrás

É possivel os Estados Unidos invadirem o Brasil?
Realmente precisamos daquele equipamento.

Cristian / SC
Cristian / SC
2 anos atrás

Então galera que tal analisar a situação da seguinte forma: 1° EUA precisavam sair deste conflito, é necessário garantir recursos para sua economia voltar a crescer. 2° China não está em nenhum conflito mundial, talvez isso seja pretexto para jogar a bomba nas mãos dos chineses. 3° Melhorar a imagem perante o cenário mundial, estar longe dos conflitos diretamente. 4° Ganhar efetivamente dinheiro com os conflitos, financiando terroristas e criando instabilidade para que outras nações em especial a China gaste dinheiro para resolver. 5° Todo esse arsenal nenhuma nação do mundo deixaria para trás sem um real motivo, e o… Read more »

Paulo Araujo
Paulo Araujo
2 anos atrás

Eu tenho a impressão que muitos por aqui acham que os EUA são governados por idiotas. Lamento, mas se fossem, estariam eles, como nós! Ficar propagandeando que o Biden deu equipamento para o Talibã é briga política e é direito de quem perdeu eleição e quer voltar. Mas, acreditar que a maior parte deste equipamento chegou agora?!! Isso tudo foi transportado por anos. E nenhuma tecnologia é crítica, para os EUA tanto faz. E tem mais, quase sempre quando as potências abandonam uma invasão deixam muito material para trás. Ou passam para o exército sucessor (se tiver), ou abandonam mesmo.… Read more »

Agressor's
Agressor's
2 anos atrás

O governo estadunidense faz lavagem cerebral em seus cidadãos com seu patriotismo imperialista, convencendo-os a dar a vida por seu país a medida são oferecidos como sacrifício para atender interesses que só servem para favorecer a classe de suas elites econômicas. Isso não é muito diferente de um terrorista que é convencido a morrer por Alá.

sub urbano
sub urbano
2 anos atrás

Fizeram uma jihad contra a maior nação da terra, contra tudo e contra todos. Não tem como nao admirar esses caras. Talibã um verdadeiro movimento popular, samurais sagrados contra um governo corrupto e entreguista apoiado pelo maior vilão q existe: o governo ameri ano.

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  sub urbano
2 anos atrás

Excelente postagem! parabéns.

Agressor's
Agressor's
Reply to  sub urbano
2 anos atrás

Grupos como o Hamas, Hezbollah e o Talibã estão mostrando bem de que como com à estratégia certa, as potências militares podem ser surpreendidas, independente dos armamentos e número de soldados…É incrível como o maior e mais moderno exército do mundo não consegue dar conta de guerrilhas, imagi