segunda-feira, outubro 25, 2021

Saab RBS 70NG

Forças especiais dos EUA fazem rodízio em Taiwan para treinamento

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

WASHINGTON, (Reuters) – Um pequeno número de forças de operações especiais dos EUA tem feito rodízio temporário em Taiwan para treinar com forças taiwanesas, disseram duas fontes familiarizadas com o assunto no dia 7 de outubro, falando sob condição de anonimato.

O Pentágono, que historicamente não divulgou detalhes sobre o treinamento dos EUA ou aconselhamento das forças de Taiwan, não comentou nem confirmou especificamente o desdobramento.

“Não tenho nenhum comentário sobre operações, engajamentos ou treinamento específicos, mas gostaria de destacar que nosso apoio e relacionamento de defesa com Taiwan permanecem alinhados contra a ameaça atual representada pela República Popular da China”, disse o porta-voz do Pentágono John Supple.

O Ministério da Defesa de Taiwan não quis comentar, dizendo apenas que “todas as trocas militares são realizadas de acordo com os planos anuais”.

Questionado a cerca de reportagens sobre as tropas americanas, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, disse que os Estados Unidos deveriam cessar os laços militares e as vendas de armas a Taiwan para evitar prejudicar as relações bilaterais.

“O lado dos EUA deve reconhecer plenamente a grande sensibilidade da questão de Taiwan”, disse ele em um briefing diário regular.

“A China tomará todas as medidas necessárias para proteger sua soberania e integridade territorial”, disse ele.

A China vê Taiwan como uma província rebelde e não descartou a possibilidade de tomar a ilha à força. Taiwan diz que é um país independente e defenderá sua democracia e liberdade.

As fontes não disseram há quanto tempo o treinamento está acontecendo, mas sugeriram que é anterior ao governo Biden, que assumiu o cargo em janeiro.

- Advertisement -

74 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
74 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
PstX
PstX
16 dias atrás

Imagine como estão os taiwaneses, militares ou não, diante de uma ameaça constante por parte de uma potência militar…
E a dúvida qto a ter apoio de fato e na prática, dos EUA e OTAN…
Depender disso…

Ramon
Ramon
Reply to  PstX
16 dias atrás

Deve ser um clima muito tenso viver em um lugar que pode ser atacado a qualquer momento e com um inimigo com recursos gigantesco, para Taiwan conseguir se defender sozinha por uma semana com a China atacando de forma constante tinha que acontecer um verdadeiro milagre, cada míssel e tiro teriam que ter praticamente uma taxa de 100% de acerto.

Matheus S
Matheus S
Reply to  Ramon
16 dias atrás

Com os recursos atuais, apenas por milagre mesmo. O problema é que Taiwan precisaria aumentar ainda mais os gastos militares para criar uma defesa efetiva contra os chineses até dar tempo suficiente de seus aliados chegarem ao TO, forçar Taiwan a gastar mais do que sua economia suporta seria ainda pior para manter a sobrevivência do regime lá, portanto, Taiwan precisa ser financiado de alguma forma ou pelos menos, ter as suas compras subsidiadas. Só para verificar isso, estudos estão recomendando que Taiwan aumente de 21 baterias Patriot para 33 baterias, um aumento de 12 baterias, cada bateria não sairia… Read more »

Wes
Wes
Reply to  Ramon
15 dias atrás

Esse é o grande problema os EUA temem que Taiwan caia nas mãos dos chineses e por isso não vendem suas armas mais tecnológicas como os F-35 ou as melhores versões do Patriot, pois sabem que os chineses são especialistas em engenharia reversa e depois do desastre no Afeganistão os EUA provavelmente ficaram mais receosos ainda.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Wes
15 dias atrás

Não me parece que seja essa a principal razão. O mais provável é não venderem essas armas para não provocar a China.
Talvez haja um acordo que defina isso. Mas isso não impede que Taiwan tenha esse tipo de armas, apenas têm de desenvolver localmente e talvez com alguma ajuda dos EUA.
Tem o exemplo da Finlândia que está limitada na sua marinha a navios de pequeno porte por um tratado com a Rússia.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  Wes
15 dias atrás

De alguém que presenciou o desastre militar no qual o Afeganistão se converteu, não tenho nem a mínima ilusão de que poderíamos derrotar a China em Taiwan. Aqui sabemos que qualquer tropa que teimine por lá terá o mesmo efeito de um “speed bump” frente a uma eventual invasão chinesa.
Mas, continuo mantendo que a eventual reunificação será pacifica.

Pablo
Pablo
Reply to  Wes
11 dias atrás

não vejo desta forma , não e tão simples assim , envolve fatalmente o insucesso do produto e a simplesmente derrota do material prejudicando a imagem e as vendas futuras , tudo e negocio tudo e mercado e grana

Teropode
Reply to  Ramon
15 dias atrás

O maior trunfo de Taiwan eh ser uma ilha , assim forçam os gafanhotos a usarem barcos para levar suas tropas , mas veja bem : Sem um aliado pra dar suporte de reabastecimento isso se torna a maior desvantagem pois podem ser bloqueados …

Jacinto
Jacinto
Reply to  Teropode
14 dias atrás

E qual o efeito que armas como o Javelin, TOW, Kornet, Spike – ou seja, misseis guiados manejados por esquadrões – tem em um desembarque anfíbio? OU por outras palavras, o Dia D teria sido bem sucedido se a Alemanha Nazista tivesse este tipo de equipamento?

Teropode
Reply to  Jacinto
14 dias atrás

Quando o dia D começou a Alemanha estava com uma sombra de lideranca e já não possuíam um número de Submarinos relevantes , por isso Taiwan deveria adquirir dezenas de subs , inclusive os minis …., a falta de Submarinos permitiu o dia D.

João Moita Jr
João Moita Jr
Reply to  Jacinto
14 dias atrás

Na realidade, a Alemanha nazista possuía um estoque de milhares de toneladas cúbicas de uma arma altamente mortal e eficaz, que teria mudado o curso da história, arma essa chamada Tabun Nerge Agent. Haviam planos para usar essa arma, já colocada em bombas da Luftwaffe e projéteis de artilharia em caso de um desembarque na Normandia. Pouco antes do emprego dessa arma, Adolf Hitler expediu rapidamente uma ordem proibindo o uso de qualquer agente químico, seja na frente Oeste como na do Leste. Já Winston Churchill, no começo de 1945 ordenou o começo de um bombardeio massivo em toda a… Read more »

Last edited 14 dias atrás by João Moita Jr
sergio
sergio
Reply to  Teropode
14 dias atrás

Exato, galera aqui viaja, achando que Taiwan, vai bombardear pequim ou mandar a força aérea dela enfrentar a chinesa, coisa do tipo, na minha opinião ao primeiro sinal de guerra as forcas de Taiwan todas vão atrás dos navios de desembarque anfíbio e das barcaças dos hovercrafts de desembarque, essas coisas, ja falei mil vezes, o que ganha guerra e soldado no chão, se a China e tão poderosa como dizem, o que os impediria de já ter tomado a ilha, simplesmente eles os chineses sabem que não podem desembarcar tropas ao milhares na ilha como precisaria ser.

sj1
sj1
Reply to  Ramon
15 dias atrás

míssel” ?!

Heitor
Heitor
Reply to  PstX
14 dias atrás

Não tão na ameaça , tão na provocação em nome da América criar problema para china .

rdx
rdx
16 dias atrás

É impossível invadir Taiwan. Mesmo que os EUA abandonem Taiwan…e que as forças chinesas destruam as defesas taiwanesas e reúnam meios para um desembarque anfíbio sem precedentes, elas precisariam enfrentar e vencer milhões de taiwaneses numa guerra de natureza nacionalista e urbana. Sem falar nos prejuízos políticos e econômicos inimagináveis. Aliás, muitos estudiosos afirmam que os comunistas chineses perderam a oportunidade de invadir Taiwan cerca de 40 anos atrás. Eles perderam tempo e recursos interferindo no Camboja e apanhando continuamente do Vietnã num inócuo conflito fronteiriço.

Wes
Wes
Reply to  rdx
15 dias atrás

Discordo não se pode cravar que é impossível a China invadir Taiwan ou que impossível Taiwan resistir a um ataque Chinês, porém a China é implacável contra aqueles que desafiam seu governo, vide Hong-Kong, Tibete e principalmente os bilionários chineses que desaparecem quando criticam o governo ou pior criticam o Partido Comunista, quando reaparecem estão muito mais simpáticos ao governo chinês.

Nascimento
Reply to  Wes
15 dias atrás

Hong Kong pediu pra ser parte da China e não tem meios para fazer frente ao PCC após o referendo desde então, não atoa hoje só resta pra eles protestarem por liberdade com guarda chuva enquanto o PCC usa gás lacrimogênio e bala de borracha, além das prisões arbitrárias é claro. Acho que são TOs muito diferentes. Taiwan conseguiria sim impor perdas pesadas aos chineses, os chineses conseguiriam conquistar a ilha, mas a que custo? E o mais importante, vale esse preço?

Last edited 15 dias atrás by Nascimento
Hcosta
Hcosta
Reply to  Nascimento
15 dias atrás

Hong Kong não pediu para ser parte da China. Penso que nunca houve um referendo ou algo parecido.
Foi feito um acordo de transferência entre o RU e a China.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Nascimento
14 dias atrás

HK não pediu… já havia um acordo entre os ingleses e os chineses..

Tirando vocês guerreiros da liberdade do teclado, não existe ser humano que troque a liberdade plena por controle estatal de uma ditadura feroz.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
14 dias atrás

Acontece mas muitas vezes não sabem no que se vão meter…

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Hcosta
14 dias atrás

Quando vem por eleição eu até entendo..

No foi este o caso.

Teropode
Reply to  Wes
15 dias atrás

Opressão na sua melhor essência 🤔

Matheus S
Matheus S
Reply to  rdx
15 dias atrás

Pelo seu comentário, não seria impossível invadir, seria impossível conquistar Taiwan, correto?

rdx
rdx
Reply to  Matheus S
15 dias atrás

Sim. Ontem mesmo o ditador chinês declarou a intenção de conquistar Taiwan por meios pacíficos. Mas parece que muita gente aqui não lê nada, se lê não consegue interpretar o texto…ou simplesmente não aceita a realidade e prefere acreditar em quimeras.

Matheus S
Matheus S
Reply to  rdx
15 dias atrás

Entendi.

gordo
gordo
Reply to  rdx
15 dias atrás

O que Taiwan tem é suficiente para tornar proibitivo uma invasão até dos EUA, o custo seria alto demais, é um Pais muito preparado. Outro ponto que acaba contendo a invasão é o fator econômico, a interação entre a Ilha e o Continente é enorme, empresários tem negócios dos dois lados. A interação econômica com a China é uma via de mão dupla, ao mesmo tempo que evita a invasão também aproxima de forma perigosa os empresários de uma China que tem milionários e até bilionários. Quanto mais a China cresce economicamente mais atrativa Ela se torna para empresários e… Read more »

Lucas
Lucas
Reply to  rdx
15 dias atrás

Sei não. Esse tipo de previsão não dá mto certo normalmente.

Lucas
Lucas
Reply to  Lucas
15 dias atrás

“Nem Deus afunda o Titanic”

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  rdx
14 dias atrás

Sem chance para Taiwan.
Com a ilha invadida, será impossível a chegada de qualquer reforço.
Seja material ou humano.
Os chineses controlarão o ar e o mar em volta da pequena ilha que logo terá todos seus recursos de defesa/resistência esgotados.
Não vai passar um palito de fósforo
Nem se os EUA usarem o USS Connecticut.
Sem contar que a desproporção inicial de forças é colossal.

Salim
Salim
16 dias atrás

Situação de Taiwan e bem estranha, pois náo e um pais e nem tem reconhecimento como tal. Se sua situação fosse regular a China comunista estaria agredindo uma outra nação soberana. Ate EUA náo reconhece eles como nação, ai fica difícil.

Allan Lemos
Allan Lemos
16 dias atrás

E os fanboys da China vão à loucura com uma notícia dessas.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Allan Lemos
16 dias atrás

Os sino fóbicos estão no maior delírio.

sj1
sj1
Reply to  Nilton L Junior
15 dias atrás

Nunca pensou em por uma bandeira do teu país no seu avatar ?

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  sj1
14 dias atrás

Vou pensar em 23

sj1
sj1
Reply to  Allan Lemos
15 dias atrás

E os fanboys americanos também. Só fiquei curioso de uma coisa: e os Fanboys do Brasil, habita algum por aqui ?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Allan Lemos
15 dias atrás

Posso imaginar as preocupações de Jinping com meia dúzia de soldados americanos em Taiwan.
Serão dissolvidos feitos ‘Alka Seltzer’ em um copo d’água.
Por que os EUA não instalam bases em Taiwan e deslocam para lá milhares de soldados como na Coreia e Japão?
Vão lá.
Tentem.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Antoniokings
14 dias atrás

Ué, se não estão preocupados por quê a mídia estatal reclamou?

Os EUA não precisam instalar bases em Taiwan, pois ela já é de facto uma nação soberana e independente do continente e continuará assim, todos sabem disso, inclusive o PCC.

Só fanáticos que não entendem nada de estratégia e geopolítica acreditam que a China terá coragem de tomar aquela ilha à força. Você pode não saber, mas os chineses com certeza sabem o significado da expressão “vitória pírrica”.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Allan Lemos
14 dias atrás

Chineses são como o ‘mineirim’.
Estão sempre reclamando da vida.

Carlos santo
Carlos santo
16 dias atrás

Sempre que falam de Taiwan lembro da batalha do cerco de Malta pelos otomanos contra os cavaleiros hospitalarios. Na época o império temido era o otomano. Com 100 mil soldados eles não derrotaram a ilha defendida por 6000 mil cavaleiros.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Carlos santo
15 dias atrás

Só que a China tem 1,4 bilhão de habitantes e milhões de soldados.
Além de milhares e milhares de navios, aviões, tanques, submarinos, mísseis e tudo o mais que vc possa imaginar.
Na verdade, se for uma guerra total, ela pode convocar um soldado para cada habitante de Taiwan que ainda sobra gente pra caramba.
Comparação infeliz.

Alexandre Cardoso
Alexandre Cardoso
Reply to  Carlos santo
14 dias atrás

Só têm um detalhe, na idade médio não existia mísseis, bombardeiros, ou paraquedistas …, sem esquecer de drones suicidas ou não… mas ficarei no básico, mísseis não existiam na idade média.

Last edited 14 dias atrás by Alexandre Cardoso
Carlos santo
Carlos santo
16 dias atrás

Vale lembrar que na batalha do forte de san elmo, 500 cavaleiros enfrentaram 20.000 mil turcos, sob a chuva de 130.000 mil disparos de canhão, e impuseram uma derrota aos otomanos causando a morte de 6000 mil deles. Isso com somente 500 homens…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Carlos santo
15 dias atrás

Muito mais importante, até mudou a História Universal, foi o cerco e a queda de Constantinopla.
Um dos mais gloriosos impérios da Humanidade e muito mais poderoso que Taiwan.

Carlos santo
Carlos santo
16 dias atrás

A história humana é cheia de exemplos onde um pequeno grupamento militar se valendo de uma vantagem geográfica conseguiram parar imensos exércitos, como Leônidas nas termopilas ou mesmo a casa do sargento Pavlov, em stalingrado.

Carlos
Carlos
Reply to  Carlos santo
15 dias atrás

É verdade. Outro exemplo mais recente foi a Guerra de Inverno ou Guerra Soviético-Finlandesa em 1939 onde mais de 300 mil soldados soviéticos morreram, em comparação com os 65 mil finlandeses.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Carlos
15 dias atrás

Só que logo depois, em 1944/1945, os soviéticos arrasaram os finlandeses que só não tiveram Helsinki conquistada porque aceitaram os termos de rendição soviéticos.

Lucas
Lucas
Reply to  Carlos santo
15 dias atrás

É, mas lembra que pra cada exemplo onde o pequeno ganhou do grande tiveram centenas de vezes onde o grande massacrou o pequeno.
Taiwan precisaria de muita sorte.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
16 dias atrás

Se preparando pra apanhar.

Teropode
Reply to  Nilton L Junior
14 dias atrás

Viúva inconformada eh muito triste 😢😢😢😢😢😢😢😂😂😂😂

_RR_
_RR_
15 dias atrás

Prezados. Taiwan representa um ponto de inflexão… A ilha é como a parte de uma falange, cuja quebra representaria a queda da própria. Naquele pedaço de terra, está sendo decidido o destino do mundo oriental. Se Taiwan cair, todo o sudeste da Ásia invariavelmente penderá para a China ( mesmo que isso não ocorra de uma vez, é certo que mais hora ou menos hora acontecerá ), e a Coréia do Sul e o Japão ficarão em uma posição terrivelmente frágil, empurrando-os para medidas extremas ( talvez a nuclearização como meio de garantir a própria independência ). Por essas e… Read more »

Teropode
Reply to  _RR_
15 dias atrás

Cada problema requer uma solução no seu devido tempo e em 1978 isolar a urss era a prioridade , deu certo , agora o jogo eh outro e eles já iniciaram a reação , uma reação que se inicia no tempo certo ,mas que exige mais cautela pois o rival da hora possui um valor para a economia mundial , coisa que a urss nunca teve relevância , concordo com o ponto de inflexao , Taiwan possui um valor simbólico , mas acredito que sua anexação pela força vai fortalecer a posição Americana na região , a ação chinesa vai… Read more »

_RR_
_RR_
Reply to  Teropode
15 dias atrás

Teropode, Há certas áreas nas quais não se pode ceder, sob quaisquer circunstâncias… Era claro, mesmo na época, que os chineses não iriam manter o status quo de Taiwan no longo prazo… Mas… Não posso negar que há razão naquilo que diz. Talvez fosse mesmo uma situação inevitável, e a decisão tenha sido tomada baseada em um cálculo. De toda a sorte, entendo que uma outra solução teria que ter sido buscada, que compensasse a saída do comando de Taiwan, como um tratado de defesa menos abrangente mas que permitisse o deslocamento de tropas sempre que Taiwan solicitasse, além de… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  _RR_
15 dias atrás

Pode ter o efeito contrário. Pode ser o início do declínio do regime Chinês.
Haverá sempre uma reação contrária e provavelmente colocará quase todos os países da região, e não só, contra a China. E poderá ter repercussões internas. O grande trunfo do regime é manter a paz e a prosperidade.

João Moita Jr
João Moita Jr
Reply to  _RR_
15 dias atrás

“Se Taiwan cair, todo o sudeste da Ásia invariavelmente penderá para a China”
É só substituir Taiwan por Vietnam, e citastes a teoria dos dominós na íntegra.

Caerthal
Caerthal
Reply to  _RR_
14 dias atrás

A proceder recente da China, assim como tantas informações surpreendentes, nos dá um vislumbre do que seria o futuro com o Império do Centro como potência hegemônica mundial. Tudo indica que a maior coalização militar da História está se formando. Será forte com os antigos casamentos arranjados por conveniência.

Zeus
15 dias atrás

Provavelmente treinando-os para técnicas de guerrilha em caso de invasão. O que seria inútil pois a ilha seria totalmente ocupada e absorvida pelas forças de invasão e focos de resistência teriam vida breve. É impressionante como alguns viajam na maionese achando que esta pequena ilha seria capaz de resistir a um ataque avassalador de FAs tremendamente superiores. E também creio que a retomada se dará de forma política e pacífica. Os EUA estão apenas lucrando um pouco mais vendendo estes cursos de resistência e guerrilha. E em se tratando de guerrilha, seja na selva ou deserto, a história atesta que… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Zeus
15 dias atrás

Taiwan é um dos países mais ricos da região e com um PIB PC muito maior que a China…

Nascimento
Reply to  Zeus
15 dias atrás

”o terreno seria totalmente ocupado e absorvido pelas forças de invasão e focos de resistência teriam vida breve.” Foi exatamente assim que os americanos pensaram no Vietnã. É dose acreditar que o Exército Vermelho, que varreu as tropas nazistas, que entrou em Berlim triunfante não conseguiria invadir umas florestas nevadas na Finlândia e levaria pau de um monte de plantador de ópio e papoula no Afeganistão. É dose achar que a máquina de guerra dos EUA, com centenas de bombardeiros e milhares de caças não conseguiria ajoelhar os camponeses vietnamitas, é dose acreditar que fazendeiros americanos derrotariam o maior império… Read more »

Teropode
Reply to  Nascimento
15 dias atrás

Os erros se repetem , em tempos distintos , por autores diferentes , justamente por se considerarem diferentes e mais competentes , mas o erro sempre se repete , quando estudamos as variáveis que motivam a revolução convergente ( biologia) , temos uma maior noção do porque” dos erros humanos se repetirem ……simplesmente há condições naturais que direcionam as coisas , involuntariamente , podemos estar livres fisicamente por causa das nossas tecnologias , mas psicologicamente ainda somos influenciados por desejos primitivos .

Last edited 15 dias atrás by Teropode
Teropode
Reply to  Teropode
14 dias atrás

Evolução ( corretor terraplanistas ).

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Nascimento
14 dias atrás

O problema é que Taiwan é uma ilha e será isolada.
Nada vai entrar e nada vai sair sem autorização chinesa.
Ao final, restará aos bravos guerrilheiros taiwaneses, atirar paus e pedras nos soldados chineses.

sj1
sj1
Reply to  Zeus
15 dias atrás

Exato, quero que os EUA, Taiwan, França e China se danem, estou preocupado é com meu país.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Zeus
14 dias atrás

Zeus.

Exato.
É cada vez maior o número de chineses de Taiwan que trabalham na China.
Assisti um vídeo que cerca 10% dos técnicos em chips da ilha( cerca de 300 especialistas) estão ajudando a desenvolver a indústria chinesa do setor.
A motivação?
Grana.
A China está oferecendo melhores salários que em Taiwan para esses especialistas.
E assim será.
O crescente poderio econômico da China acabará por absorver a pequena ilha.
Será um movimento natural.

Teropode
15 dias atrás

Uai 🤔! Eu achei que as ameaças constantes da China iria afastar os EUA da região , mas tá acontecendo eh o contrário , há 48 anos não enviavam militares para a ilha , a 40 anosfecharam uma base na Filipinas , mas agora estão retornando 🤔🤔🤔🤔🤔, situação sinistra …

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Teropode
14 dias atrás

‘Meia dúzia de seis’.
Se tentarem mais que isso, a brincadeira acaba para Taiwan.

Teropode
Reply to  Antoniokings
14 dias atrás

Será , vc erra geralmente em 11 de 10 palpites 🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣

rdx
rdx
15 dias atrás

O esqueleto de Sun Tzu deve se revirar no túmulo sempre que falam em invasão de Taiwan.

Carlos Crispim
Carlos Crispim
15 dias atrás

Depois do que os americanos fizeram com o Afeganistão, acho melhor Taiwan começar a se acostumar que vai ser incorporada á China em breve.

Teropode
Reply to  Carlos Crispim
15 dias atrás

Se os 300 mil soldados e líderes de Taiwan se recusarem lutar , certamente os EUA vão pegar o Boné e sair fora mesmo , qual idiota se mete numa briga para ajudar alguém que não se interessa em se defender ?

Zé Butina
Zé Butina
15 dias atrás

Sempre falo que acho que a China irá sim recuperar Taiwan em algum momento no futuro. Mas com as notícias dos últimos dias, parece que esse momento está bem próximo. A situação naquela região está nitroglicerina pura. Tivemos várias aeronaves chinesas voando bem próximo da ilha, movimentos de forças americanas em direção daquela área do pacífico, concentração chinesa de aeronaves e etc em bases em seu litoral (mais próximo de Taiwan), o caso desse submarino americano que “colidiu” com algo naquelas proximidades e o fato mais preocupante e talvez o fato que se torne determinante para quê muito em breve… Read more »

Zé Butina
Zé Butina
Reply to  Zé Butina
15 dias atrás

Alguns erros mas é devido à videos de propaganda em cima do texto que acabam atrapalhando muito.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
14 dias atrás

Não entendi algo tão pequeno fazer tanta notícia..

Os americanos fazem intercâmbio constante com os seus aliados.

Não faz muito tempo os PJ´s estiveram no Brasil..

É relativamente normal os Boinas Verdes, Seals e 160th SOAR treinarem aqui com o EB, MB e FAB.

Andre
Andre
12 dias atrás

Como toda boa ditadura, na hora em que a economia for para o ralo, com o estouro da bolha imobiliária, vão arrumar uma guerra, que não vão ganhar.

Pablo
Pablo
11 dias atrás

a identidade da ilha apesar de poucas décadas já esta formada , formou se uma identidade nacional , a população vai rejeitar a dominação comunista , seja por guerrilhas seja por sabotagem , dominar outros povos com ocupação física creio não ser a melhor escolha , grandes gastos , revoltas frequentes , imagem arranhada , não e assim q se domina a historia recente nos mostra isso

Últimas Notícias

Recife (PE) sediará a nova Escola de Formação de Sargentos do Exército

O CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DO EXÉRCITO INFORMA: Na 339ª Reunião do Alto Comando do Exército, realizada de 18 a...
- Advertisement -
- Advertisement -