quinta-feira, junho 30, 2022

Saab RBS 70NG

Militares russos anunciam a neutralização de cinco sabotadores ucranianos

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Para evacuar o grupo de sabotagem do território da Ucrânia, dois BMPs entraram e foram destruídos

Moscou, 21 de fevereiro – Os militares russos relataram a neutralização de sabotadores da Ucrânia que penetraram no território da Rússia.

“Como resultado do confronto, cinco violadores da fronteira da Federação Russa do grupo de sabotagem e reconhecimento foram destruídos”, disse o Distrito Militar do Sul.

“Não há vítimas entre os militares das Forças Armadas da Federação Russa e as tropas de fronteira do FSB da Rússia”, afirmou.

De acordo com o Distrito Militar do Sul, o grupo de sabotagem foi descoberto pela patrulha de fronteira do FSB na segunda-feira, 21 de fevereiro, por volta das 06:00, horário de Moscou, perto da vila de Mityakinskaya (região de Rostov), ​​na seção da fronteira estatal da Federação Russa com a Ucrânia.

Para deter os sabotadores, os guardas fronteiriços solicitaram reforços à unidade do Distrito Militar Sul, alocada para a cobertura operacional da fronteira, refere o relatório.

Durante o confronto, dois veículos de combate de infantaria das Forças Armadas da Ucrânia entraram para a evacuação de emergência de um grupo de sabotagem do território da Ucrânia através da fronteira do estado com a Federação Russa. No entanto, a unidade das Forças Armadas Russas que chegou ao local da batalha destruiu os dois BMPs com armas antitanque, disse o Distrito Militar do Sul.

Na segunda-feira, o Centro de Relações Públicas (CPR) do FSB da Federação Russa informou que um projétil lançado do território da Ucrânia destruiu completamente o local de serviço dos guardas de fronteira na região de Rostov, perto da fronteira do estado.

O local do serviço estava localizado a cerca de 150 metros da fronteira da Federação Russa com a Ucrânia, informou a DSP.

Não há vítimas, sapadores estão trabalhando no local, observou o serviço especial.

Uma fonte informada disse à Interfax que o projétil atingiu o posto de fronteira no território do distrito de Neklinovsky, o assentamento mais próximo é a aldeia de Shcherbakovo.

No fim de semana passado, vários casos de projéteis vindos do território da Ucrânia para o território da região de Rostov foram relatados.

O Serviço de Guarda de Fronteiras da Ucrânia negou o bombardeio da localização dos guardas de fronteira da Federação Russa na região de Rostov.

Vídeo divulgado pelos russos mostrando os veículos intrusos destruídos

FONTE: Interfax.ru

NOTA DA REDAÇÃO: O ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, nega as alegações russas de que Kiev enviou “sabotadores” e transportadores pessoais armados para a região russa de Rostov na segunda-feira.

- Advertisement -

130 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
130 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Kommander
Kommander
4 meses atrás

E agora, quem invadiu território de quem? Se a Rússia tivesse entrado em território ucraniano, o mimimi ia rolar solto.

Luis
Luis
Reply to  Kommander
4 meses atrás

.

222.jpg
Camargoer.
Reply to  Kommander
4 meses atrás

Olá Kommander. Riso. Kiev irá alegar que é uma “false flag”… chamo a atenção para os combates entre tropas regulares da Ucrânia e tropas separatistas dentro do território ucraniano. É difícil aceitar a versão que a Ucrânia é apenas a vítima fraca neste conflito. Eu imagino que sob o ponto de vista ucraniano, seria inaceitável acatar a independência dos territórios separatistas sob o risco de todo o país colapsar. Por outro lado, parece que a Ucrânia é incapaz de evitar a vitória destes grupos separatista, por isso a sua estratégia é envolver a Rússia e com isso conseguir o apoio… Read more »

Pedro
Pedro
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Acho bem difícil a Ucrânia fazer algo do tipo para ter algum apoio do ocidente (sabendo que o apoio seria apenas por meio de sanções econômicas e não militar) correndo o grande risco de provocar uma invasão. Muito mais plausível a Russia armar um cenário para justificar essa invasão.

Camargoer.
Reply to  Pedro
4 meses atrás

Olá Pedro. Eu tenho alguma dificuldade em perceber qual seria o ganho da Russia em iniciar este conflito. Fico com a impressão que Moscou precisa manter o governo de Kiev sob pressão até que ele se torne insustentável, colapsando por suas próprias ações. Caso a Russia inicie um conflito, ela dará uma sobrevida para o governo ucraniano. Não faz sentido pensar na Russia iniciando um conflito.

Pedro
Pedro
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Entendi. De qualquer jeito vamos torcer para que pare por ai o aumento das tensões.

Camargoer.
Reply to  Pedro
4 meses atrás

Olá Pedro. A minha torcida é pelo fim da crise e nunca pela guerra. Acho que a população civil é quem mais tem a perder.

Pedro
Pedro
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Com ctz!

Jacinto
Jacinto
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Hamlet, ato IV, Cena IV.: O ser, de fato, grande não é empenhar-se em grandes causas; grande é quem luta até por uma palha, quando a honra está em jogo. E eu, deste modo, com o pai assassinado, a mãe poluída – razões de estimular o sangue e o brio – nada me esperta? Vejo, envergonhado, vinte mil homens próximos da morte, que por simples capricho da vaidade caminham para o túmulo tal como se fossem para o leito, e lutam pela conquista de um terreno em que não cabem, e que como sepulcro ainda é pequeno para esconder sequer… Read more »

gordo
gordo
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Concordo. A Rússia vai para as vias de fato só em último caso, que é evitar a Ucrânia na OTAN. O que me intriga é uma certa passividade das partes que serão afetadas com o conflito, França e Alemanha, os EUA querem é ver o circo pegar fogo para que o Biden consiga um elemento que o faça se sentir líder e com isso afastar Trump. Se França e Alemanha não tem interesse num conflito já passou da hora de entrarem de sola e colocarem as claras para a Ucrânia (e os EUA) que ela não vai entrar para a… Read more »

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

O Guaidó da Ucrania esta sendo estimulado pelos Estados Unidos a não conversar com os Russos. Não vejo como uma guerra seria boa para eles. Ninguem quer uma guerra de verdade lá.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Já pensei nisso Camargoer, fazer o governo implodir…

Slow
Slow
Reply to  Pedro
4 meses atrás

Quem está fazendo de tudo pra Russia invadir é os EUA ..

Só falta implorar pro Putin

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  Pedro
4 meses atrás

É exatamente isso o que está acontecendo,

Last edited 4 meses atrás by Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Todo mundo sabe que é uma false flag. Vocês duvida disso?

rafa
rafa
Reply to  Kommander
4 meses atrás

Rs.. para um cara que tem o nick de Kommander, vc não entende muito de False Flag, hein? Rs..

Kommander
Kommander
Reply to  rafa
4 meses atrás

Expressão da moda agora é “false flag”. Aprendeu a falar depois que os EUA divulgaram essa expressão na mídia? O cara você em plena era da informação e mesmo assim se deixa enganar.

Antonio Cançado
Reply to  Kommander
4 meses atrás

Você tem alguma dúvida sobre quem invadiu o território de quem? Eu não tenho…

sergio
sergio
Reply to  Kommander
4 meses atrás

Acho que a maioria aqui já viu essa ouviu essa historia antes ?????
Alguém ai lembra, sudetos, 1939, alguém ???

sergio
sergio
Reply to  sergio
4 meses atrás

1938 alias

Nilson
Nilson
Reply to  sergio
4 meses atrás

Correto, as províncias separatistas são os sudetos da Ucrânia. Primeiro proteger os cidadãos germânicos, depois tomar a Tcheco-Eslováquia inteira. Quem é o Chamberlain de hoje??

Jesus Baccaro
Jesus Baccaro
Reply to  Nilson
4 meses atrás

Ninguém vai tomar a Ucrânia inteira. Da mesma forma que não tomou a Geórgia inteira.
1938 não está se repetindo. 2008 com certeza.

Antoniokings
Antoniokings
4 meses atrás

Creio ser uma pequena amostra do que a Ucrânia sofrerá se desafiar os russos.
Hoje, tivemos alguns desdobramentos interessantes.
Biden ligou para Macron pedindo um encontro com Putin.
O Kremlin comunicou que parece ser prematuro um encontro agora.
Zelensky, meio desesperado com os ‘ouvidos moucos’ dos europeus pede a Biden que aplique sanções imediatamente à Rússia.
Anuncia também que a Ucrânia pode construir bombas sujas para se proteger.
Parece que Zelensky está tentando desesperadamente escalar a situação, visto que sua posição vai se enfraquecendo.

Pedro
Pedro
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

“Zelensky está tentando desesperadamente escalar a situação”. Pra que? pra ser invadido? É suicida?
Muito mais plausível ser algo montado pelos russos pra justificar uma invasão?

Camargoer.
Reply to  Pedro
4 meses atrás

Caro Pedro. Os governos da Russia e da Ucrânia passam por momentos diferentes. Enquanto Putin ainda tem um enorme poder, o governo ucraniano está sob uma pressão separatista que pode resultar até no colapso da própria Ucrânia. Seria razoável pensar que o governo ucraniano teria todo o interesse em encerrar o movimento separatista, mas ele parece incapaz disso (caso contrário já teria esmagado os movimentos separatistas). A Ucrãnia precisa de um enorme apoio externo (financeiro, material e político) para resolver a situação das regiões separatistas, que passaria por emular uma crise provocada por Moscou. Isso poderia resolver o impasse interno… Read more »

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Pedro
4 meses atrás

Pedro.
É porque ele é um lunático, idiota despreparado. Pau mandado que foi colocado num cargo para o qual não tem intimidade alguma. E vai pagar caro.
Se não fugir vai acabar morto.

Jesus Baccaro
Jesus Baccaro
Reply to  Antonio Palhares
4 meses atrás

Igualzinho o nosso, que ficou de bravata contra a Venezuela.
Um tipo de atitude imbecil, pois não ganharíamos nada com um conflito.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Não vai aguentar uma hora de guerra de verdade.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

A Ucrânia irá sofrêr um banho de sangue. Uma carnificina quem entrará para a história, mas a Russia vai pagar muito caro pôr isso.

Jesus Baccaro
Jesus Baccaro
Reply to  Tadeu Mendes
4 meses atrás

Não vai ter nada disso. Menos, bem menos.
Ninguém quer guerra.

Nei
Nei
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Até aqui você fala besteira kings. Biden ligou pedindo encontro? Não, França propõem encontro de Biden e Putin, os quais aceitaram. Como pode distorcer as notícias a seu desejo.

Antoniokings
Antoniokings
4 meses atrás

E como venho afirmando, a Ucrânia encontra-se em péssima situação.
Ela vai tentar, desesperadamente, escalar a situação.

21/02/22

www1.folha.uol.com.br/mundo/2022/02/com-ou-sem-invasao-putin-ja-enfraqueceu-economia-da-ucrania-na-crise.shtml

André Sagat
André Sagat
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

A Rússia é um país PODEROSO em capacidade de destruir, mas é FRAQUÍSSIMO em levar desenvolvimento e progresso para outros países.

Ou seja: é um país-pirata.

Kornet
Kornet
Reply to  André Sagat
4 meses atrás

Tem certeza de que é só a Rússia?Tem muitos países que se dizem amigos do Brasil nesse termo.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
Reply to  Kornet
4 meses atrás

Oque não falta são idiotas úteis que acreditam nessas juras de amor de nossos “parceiros”, nossos “aliados”, nossos bons e confiáveis “irmãos” caro Kornet…

comment image

comment image

nossos “parceiros”, nossos “aliados” estão todos a boiar no mesmo vaso sanitário: Russos, chineses, americanos, ingleses e Eurobambis, a palavra deles valem tanto quanto 100 Libras sudanesas !

Dependessem deles sugariam o Brasil como um morcego vampiro, até a última gota, bastaria darmos oportunidade…

comment image

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
Reply to  André Sagat
4 meses atrás

Sempre foi assim,

Heinz Guderian
Heinz Guderian
Reply to  Antoniokings
4 meses atrás

Acreditar que a Ucrânia quer escalar a tensão, é a mesma coisa que acreditar em terra plana.
Você acha que eles são suicidas? E colocariam tropas especiais em solo russo ou atacariam posições russas oficiais, dando de bandeja o pretexto para o Putin invadir a Ucrânia? Ou anexar de vez as regiões separatistas?
Eu pensei que tu era um pouco mais inteligente e racional, Antônio.

Camargoer.
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Caro Guderian (88). Uma das mais poderosas ferramentas de análise é construir diferentes cenários hipotéticos e controntá-los periodicamente com as informações obtidas sobre o desenvolvimento da situação. A partir deste confronto, alguns cenários são descartados, outros revisados e uns poucos mantidos. É assim que gente da inteligência trabalha, sem nunca assumir um determinado cenário como verdadeiro a priori. É o famoso “por enquanto estamos considerando todas as alternativas”. Acreditar que a Rússia quer invadir a Ucrânia para anexar território é tão valido quanto supor que a Ucrânia pretende buscar um pretexto para resolver a situação das províncias separatistas. Existe um… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Prezado Heinz

A Ucrânia quer escalar a situação para forçar os americanos a aplicar sanções à Rússia.
Seria um meio de se proteger de um ataque mais poderoso dos russos.
Só que ninguém está ouvindo esse apelo patético de Zelensky que entre outras insanidades disse que pode renunciar ao status nuclear e/ou criar bombas sujas.
Ou seja, bateu o desespero.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Não é ela. São os americanos. A Europa quer fazer negocios e cuidar dos seus interesses.

Ricardo
Ricardo
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Porém, será que o presidente ucraniano tem controle total do exército?! Tem muita gente ali que acha que ele é um banana despreparado. Fora os grupos paramilitares ucranianos que ninguém controla

paulo araujo
paulo araujo
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Os ucranianos não querem escalar uma guerra.
Mas, quem manda no governo da Ucrânia, quer.
Então…

T-800
T-800
4 meses atrás

Semelhante ao início da 2a guerra, um acusando o outro de invasão/ataque.

Camargoer.
Reply to  T-800
4 meses atrás

Caro T800. Creio que o contexto é completamente diferente. Em 1939, a Alemanha estava executando uma campanha de expansão imperialista, anexando territórios de forma diplomática (mas nada pacífica) e em seguida por meio da invasão da Polonia, respaldada pelo acordo de não-agressão com a URSS.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Não sei, no pré-guerra da 2GM também existiu este tipo de notícias/ações e alguns territórios anexados…

Camargoer.
Reply to  Hcosta
4 meses atrás

Olá Costa. De fato, os nazistas executaram uma operação clandestina contra uma estação de rádio, deixando corpos (de prisioneiros de campos de concentração) vestidos com uniformes do exército polonês para justificar a invasão. Contudo, é importante lembrar que esta operação foi apenas um na escalada que levou á II Guerra, assim como o assassinato do Arquiduque Ferdinado com uma pistola fornecida pelo grupo Mão Negra, essencialmente formado por militares da Sérvia, serviu como pretexto para a Austria-Hungria levar um ultimato á Sérvia também foi uma operação clandestina. Tanto no início da I Guerra quanto na II Guerra, ocorreram operações clandestinas… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

É, de tempos em tempos, infelizmente a história se repete. Pelo menos este conflito, como diz, é numa escala muito menor.

Mas também era o conflito nos Balcãs antes da 1GM…

Desde que não passe disto..

Bardini
Bardini
4 meses atrás

Mídia russa, fazendo seu papel…
.
Pode colocar fé de que isso tudo aconteceu.

Camargoer.
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Caro Bardini. Estamos em uma situação estranha. A mídia ocidental repercute apenas as versões, declarações e informes do Washington, a qual tem um histórico de manipulação (como aconteceu antes e durante a invasão do Iraque). Tenho sido um crítico da cobertura da mídia ocidental sobre a crise na Ucrânia, principalmente da mídia brasileira, que é incapaz de fazer uma apuração equilibrada. Creio que apenas a Agência Brasil teve a iniciativa de entrevistar um acadêmico da área de relações internacionais para obter uma análise mais profunda. Se de um lado, a mídia ocidental só informa a versão chancelada por Washington e… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Enviou para a Ucrânia e fugiram pela Rússia, se isto for verdade.

Bardini
Bardini
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Olha, acho que tu deixa passar o óbvio, no intuito de achar um viés de confirmação: repercutir e comentar fontes oficiais, é barato e rápido, no tocante a repassar informação e encher a grade. Não vejo nada de mais e nada de novo nisso. . A questão que tu não perguntou, é: os russos deixam a mídia ocidental entrar na região contestada? Eu não vi ninguém entrar lá. Só vi do lado da Ucrânia. Do lado dos russos, só a mídia dos russos. Aí é fácil dizer que neutralizaram sabotadores e outras balelas… . Faz sentido uma ação de “sabotadores”,… Read more »

Camargoer.
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Caro Barrdini. Existem essencialmente três fontes que a mídia brasileira pode buscar para fazer as suas reportagens sobre a crise na Ucrânia/Rússia. 1. Buscar as notícias publicadas pelas agências internacionais (Reuters, CNN, FrancePress…) e nos grandes portais de noticias (The New York Times, Le Figaro, Sputinik.). 2. Buscar diretamente as informações dos órgãos de governo (da Rússia, da Ucrãncia, dos EUA, diplomatas do Itamaraty, etc). 3. Buscar especialistas dentro das universidades, ex-diplomatas, talvez altos funcionários de empresas brasileiras que atuam na Ucrânia e na Rússia). A partir da coleta das informações destas diferentes fontes, o jornalista poderá fazer uma reportagem… Read more »

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Só porque não temos vídeos e materiais de fontes do Ocidente em Donbass não quer dizer que eles não possam entrar lá. Assim como não podemos afirmar que a Ucrânia não deixa os jornalistas russos entrarem na linha de contato em Donbass do lado ucraniano. Por isso sempre haverá suspeita de ambos os lados, seja do lado ucraniano e do lado russo. Agora, se torna interessante que o OSINT só tenha o trabalho de averiguar a mobilização russa, se torna um fato incrível que o OSINT gosta de vídeos do terreno e do desdobramento de tropas russas geolocalizadas feita por… Read more »

Bardini
Bardini
Reply to  Gilson Moura
4 meses atrás

Uma coisa é russo postando vídeo no TikTok, para ganhar um troquinho sabendo que não vai ser o invadido. Outra coisa, é o Ucraniano postar vídeo no TikTok, enquanto está a mercê de ser invadido. Isso tem um peso. . Mas além disso, o que é que a Ucrânia ainda tem que movimentar e que chamaria a atenção, que já não movimentou desde 2014? O que os caras tem, está posto no terreno faz um bom tempo. Estão entrincheirados, literalmente… . O que se viu nos últimos dias, é uma ou outra aglomeração para treinamentos. E morre aí. . O… Read more »

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Essa motivação de publicação de vídeos no TikTok não passa de uma balela. Qualquer conteúdo que seja inadvertidamente diferente do hábito comum, seja até mesmo em torno de assuntos militares, haveria sim uma publicação. Até mesmo no Brasil existem tais vídeos de algumas mobilizações parciais – isso quando tem. Vai ver lá na Ucrânia, não existe qualquer menção à essas movimentações. Portanto, não existe peso nenhum. Além do mais, acho extremamente difícil de acreditar que não tem elementos na Ucrânia para realizar o trabalho de verificação das unidades militares. Bastaria enviar o vídeo para a inteligência da Rússia – por… Read more »

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Olha aqui, só foi eu falar: https://twitter.com/Mxge0002/status/1495888794075205632

“Ukrainian Troops moving from Kiev to Kharkov.”

pedro
pedro
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Ah sim, qual rede de noticias ficou conhecida como “Fake news” mesmo? Ou “Clinton News Network”? E as armas de destruição em massa, a CIA e o MI6 já acharam??
Sem falar que segundo a midia americana, a invasão do Afeganistão esta tuuuuuudo indo bem ate os EUA sairem do Afeganistão igual a um cachorro vira latas assustando. Essa é a midia “livre”?

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Interessante, Mestre. Em quem vamos confiar? Em quem vamos depositar essas fé verdadeira? Nos mostre a direção do conhecimento legítimo das mídias verídicas.

https://www.bbc.com/portuguese/geral-43895609

Leandro
Leandro
Reply to  Gilson Moura
4 meses atrás

Bardini bostejando apenas.

Nei
Nei
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Melhor comentário até agora.
Onde já se viu, a Ucrânia entrar em território Russo para sabotagem kkkk.
Seria a mesma coisa que dizer “pode invadir, estamos preparados para a Guerra.

Isso são veículos dos separatistas ou até russos para fazer de conta que trata-se da Ucrânia, porque pela lógica nunca iriam ariscar invadir a Rússia com seu poder de fogo.

Nick
Nick
4 meses atrás

Agora a Ucrânia “invadiu” a Russia. Próximo passo mostrar uma filmagem de uma escola infantil “bombardeada” pelos ucranianos. E os russos vítimas vão proteger seus cidadãos com 300 mil soldados em Kiev.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Nick
4 meses atrás

Já fizeram isso há quatro dias.
Felizmente sem mortos.
comment image

pedro
pedro
Reply to  Nick
4 meses atrás

Ao certo já são 3 as escolas bombardeadas dentro do territorio separatista.
Normal minimizar ou alegar que escolas são “escudos” para o lado “ruim”, tipo quando é Israel que destroi, ou quando é uma catastrofe quando o lado “bom” é atingido.
Para lhe lembrar, foi uma escola destruida em uma aldeia do Kosovo que serviu de “desculpa” para atacarem a Servia nos anos 90. E ai, a OTAN vai bombardear a Ucrania?

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  pedro
4 meses atrás

A OTAN não vai bombardear a Ucrânia, eles estão aliados ao do lado do bem: Regimento Azov.

André Sagat
André Sagat
4 meses atrás

‘fake news’ BRABA essa, ein, ForTe!

Slow
Slow
Reply to  André Sagat
4 meses atrás

O Bolsonaro em sua visita junto com Carluxo deve ter dado umas dicas pra ele ..

Camargoer.
Reply to  Slow
4 meses atrás

Olá Slow. Daquela visita do presidente brasileiro á Rùssia, aconteceu como eu disse que aconteceria. A montanha pariu um rato.

Nei
Nei
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

Gostava de seus comentários, mas ultimamente impossível de ler.

Antonio Cançado
4 meses atrás

Quem quiser, que acredite…

Nilo
Nilo
4 meses atrás

Volodymyr Zelenskiy como o presidente da Ucrânia é um excelente Humorista, a França ao pedir uma reunião entre Putin e Baiden, deixa claro que a decisão pela guerra está nas mãos dos dois, Rússia e EUA e que a Europa indecisa só tomará uma decisão quando o fato tiver consumado. Zelenskiy acredita em imposição coletiva de sanções econômicas e financeiras, promessa americana, a mesma que fizeram de colocar a Ucrânia na Otan a mesma de armarem, a mesma de não permitir a invasão do território Ucraniano, esse presidente Ucraniano é uma piada.

pedro
pedro
Reply to  Nilo
4 meses atrás

Ele esta sendo um habil peão americano, ao jogar seu país e seu povo em um risco tremendo para seus objetivos politicos e comerciais dos EUA. Certamente seria uma otima queima de arquivo uma invasão russa para apagar os rastros de um certo filho de um certo presidente de um país da America do Norte, acusado de negocios escusos na Ucrania!

Hcosta
Hcosta
4 meses atrás

E não capturaram ninguém? Nem identificam os mortos?

Nilo
Nilo
Reply to  Hcosta
4 meses atrás

Capturar? Foram destruídos, será que sobrou pedaço para identificar? Vamos ter que esperar, enquanto isso a decisão de reconhecimento da LPR e DPR sai ainda hoje.

Wellington Jr
Wellington Jr
Reply to  Nilo
4 meses atrás

O que me estranha é que os veículos estão vazios e não há corpos ao redor deles, tipo cadê os dígitos queimando lá? Se até o estofamento interno ainda tava queimando, os corpos deveria estar lá ainda queimando. Para mim tá faltando corpos pra provar o fato.

Jrrb.
Jrrb.
Reply to  Hcosta
4 meses atrás

Foi revelado na reunião do conselho de segurança de hoje que pelo menos um sabotador foi capturado com vida. Acabaram de sair os vídeos dos veículos destruídos.

Pedro
Pedro
Reply to  Jrrb.
4 meses atrás

Pelo menos um “tinha que sobrar” pra confirmar a história essa da Rússia

Hélio
Hélio
Reply to  Pedro
4 meses atrás

Engraçado, se não sobra ninguém é confirmação de que false flag, já que não tem ninguém para contar a história, agora, se sobra alguém aí é falseflag porque obviamente esse só está reproduzindo a versão russa. É mole?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Jrrb.
4 meses atrás

Americanos devem estar alarmados com a eficiência e letalidade das forças russas.

ScudB
ScudB
Reply to  Hcosta
4 meses atrás

https://t.me/boris_rozhin/20778
Vídeo da câmera de capacete de um dos grupos.
Um foi capturado vivo.

Robson Pires
Robson Pires
4 meses atrás

Hitler usou essa tática a décadas atrás e a Rússia agora segue a cartilha. Coloca sua tropa de elite a fazer falsos ataques para justificar uma invasão. Bush fez algo parecido no Iraque com as tais armas químicas que nunca existiram. Em resumo: provoque uma Guerra, mate milhares de inocentes e depois reconstrua o que destruiu com a miséria do povo dominado.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Robson Pires
4 meses atrás

A Rússia não precisou de aprender nada com Hitler em termos de propaganda…

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Robson Pires
4 meses atrás

Perfeito. A Rússia tem sobras de dinheiro para essa reconstrução.

pedro
pedro
4 meses atrás

Depois dos ultimos dias começa ficar claro que o lobby de venda de armas esta a todo vapor do outro lado do Atlantico. Em semanas, Washington vendeu tanques velhos e obsoletos a Polonia (que ja usa Leopard II) assim como os “F-3500 problemas” a Finlandia, fora os misseis e munições com prazo vencido a Ucrânia. Sem contar que a questao da “Ucrania” esta sendo uma otima cortina de fumaça para os problemas economicos em muitos países da OTAN e problemas mais serios como as medidas tiranicas do “Baby Castro” do Canada! Nem a China (ok, a Coreia do Norte é… Read more »

Bruno Vinícius
Bruno Vinícius
Reply to  pedro
4 meses atrás

Democrático mesmo é sabotar a infraestrutura do país e cercear a liberdade de ir e vir de milhares de cidadãos durante três semanas. Tudo isso com financiamento internacional e sob o falto pretexto de defesa das liberdades. No meu dicionário esse movimento soa mais como traição.

Last edited 4 meses atrás by Bruno Vinícius
Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Bruno Vinícius
4 meses atrás

Vc está se referindo ao que os americanos os fizeram no Iraque, Afeganistão ou leste da Síria?

Hélio
Hélio
Reply to  Bruno Vinícius
4 meses atrás

Kkkkkk está falando do BLM? Apoiados por gente como você e pelo fidelzinho? Engraçado como o direito de manifestação é relativizado de acordo com o lado político. Por isso o ocidente, sim, é regido por governos muito mais tiranicos que os do ocidente. A própria Rússia é prova, onde se tem muito mais liberdade de expressão que qualquer país ocidental.

Bruno Vinícius
Bruno Vinícius
4 meses atrás

Os ucranianos bombardeiam as linhas russas, enviam sabotadores (provavelmente forças especiais, considerando a natureza da missão) e IFVs e nem um único soldado russo sequer sofre um arranhão. Soa verídico.

Hélio
Hélio
Reply to  Bruno Vinícius
4 meses atrás

Pare a Maria do Rosário querendo deslegitimar as ações da polícia.
Por que sofreriam algum arranhão? Os americanos mataram mais de 1 milhão de iraquianos e perderam pouquíssimos soldados. Isso que dá querer enfrentar uma força muito maior que a sua.

Wellington Jr
Wellington Jr
Reply to  Hélio
4 meses atrás

Mas não faz sentido, cadê os corpos no vídeo?

Hélio
Hélio
Reply to  Wellington Jr
4 meses atrás

E depois que mostrarem os corpos você dirá que são meia dúzia de mendigos que pegaram na rua.
Não adianta, vocês sempre procurarão outro espantalho.

Zoe
Zoe
4 meses atrás

Porque chamam os dois BMP’s de sabotadores?
Não entendi…

Last edited 4 meses atrás by Zoe
Nilo
Nilo
Reply to  Zoe
4 meses atrás

Os dois BMPs foram enviados para resgate dos cinco sabotadores, todos anulados.

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Nilo
4 meses atrás

Eu já vi algumas afirmações de que os dois BMPs destruídos e que foram atestados são da Rússia. Provavelmente foi um false flag mesmo.

ScudB
ScudB
Reply to  Gilson Moura
4 meses atrás

Na foto – BTR-3 100% ucraniano. No video de capacete de um dos caras – ele mesmo que aparece indo na frente e quebrando as portas.

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  ScudB
4 meses atrás

Não tenho o menor problema em acreditar em qualquer uma das narrativas, mas eu verifico os dois lados, por exemplo, já vi vídeos de helicópteros na Crimeia que foram filmados dizendo terem sido filmados nesse ano como parte da mobilização para a “iminente” invasão russa, mas procurei vídeos antigos e encontrei o mesmo vídeo dos helicópteros na Crimeia e constatei que era de anos atrás, mas sobre o vídeo que você compartilhou lá em cima, várias alegações de que esse vídeo é falso.

https://twitter.com/GlasnostGone/status/1495778681356173312

Bosco
Bosco
Reply to  Nilo
4 meses atrás

O que acho estranho é resgatarem sabotadores furtivos com veículos de combate adentrando em território russo.
Ou os tripulantes são completamente malucos ou o veículo é não tripulado porque fazer isso , adentrar com veículos blindados no que é sem dúvida a região mais monitorada do planeta Terra e em estado de prontidão é suicídio. Mas se foi o Putin que falou então deve ser verdade porque ele não mente.

Gil U
Gil U
4 meses atrás

“A primeira vitima em uma guerra é a verdade”

Nilo
Nilo
4 meses atrás

Segundo informações de site russo um deles foi capturado vivo, pergunto, vai dá entrevista?

Heinz Guderian
Heinz Guderian
4 meses atrás

Porque a Ucrânia colocaria “sabotadores” em território Russo?
Não tem nexo algum isso ai.

Hélio
Hélio
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Para fazer sabotagem, obviamente.

Jacinto
Jacinto
Reply to  Hélio
4 meses atrás

Para obter o que com sabotagens?

Wellington Jr
Wellington Jr
Reply to  Hélio
4 meses atrás

Mas pra que precisam sabotar os russos se não estão em guerra???????? Seria mais fácil eles lutarem contra os separatistas do que ir sabotar os russos. Isso não tem nenhum sentido!

Realidade
Realidade
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Aham… a Ucrânia criando pretexto pra ser invadida. Esses russos não convencem com false flags.

ScudB
ScudB
Reply to  Heinz Guderian
4 meses atrás

Amigo Heinz!
Se olhar num mapa da regiao vai entender que eles queriam fazer pulo de gatyo e tomar de um dos postos na fronteira entre a Russia e DNR/LNR. Mas alguma coisa deu errado..

Marcos10
Marcos10
4 meses atrás

Putin estuda dar independência a região separatista da Ucrânia.
Assim vai tomando mais uma parte do território da Ucrânia, sem que o Ocidente nada faça.
Os próximos a cair são Taiwan e todo o o que designado Mar da China.
Te cuida, Israel, os EYA estão abandonado seus parceiros.
Resultado de terem colocado na Presidência dis EUA um poste dito progressista, preocupado mais em distribuir batom e ca_cinha rosa aos militares, propor um Mundo igualitário, agira não sob a égide da riqueza, mas sex_al.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Marcos10
4 meses atrás

Tomar, já tomou. Agora vai ser oficial.

glasquis 7
4 meses atrás

Num conflito como este, a primeira vítima é a verdade.

Sempre foi assim e sempre será.

Bardini
Bardini
4 meses atrás

O que me interessa nesse momento é isso: se Putin reconhecer a independência das regiões separatistas, o Governo Brasileiro vai reconhecer também, em apoio a Putin e minando ainda mais as relações com a Europa e EUA?
.
Quem reclama das groselhas de que países do ocidente querem criar estados independentes dentro da Amazônia, vai apoiar a criação de estados independentes dentro da Ucrânia, ferindo a soberania deste país?

Camargoer.
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Olá Bardini. Essa é uma excelente pergunta, apesar que não vejo relação entre as províncias separatistas da Ucrânia com qualquer região do território brasileiro. Quando os países africanos realizaram um amplo movimento de descolonização nas décadas de 60 e 70, o Brasil apoiou, inclusive sendo o primeiro país a reconhecer o governo de esquerda em Moçambique. Pois, colocando em outra perspectiva. Caso as regiões separatistas conquistem o reconhecimento da própria Ucrânia de sua independência, faz sentido o Brasil não reconhecer também?

Bardini
Bardini
Reply to  Camargoer.
4 meses atrás

O Brasil tinha interesses nesses países africanos, principalmente onde se fala Português. É um tanto diferente.
.
Se a Ucrânia reconhecer oficialmente que um pedaço do seu território se foi e se tornou independente, quem é que vai sobrar para reclamar isso de volta? Morre o assunto, não?
.
Eu disse um tempo atrás, que no meu entendimento a Ucrânia vai ser dividida. E a coisa parece infelizmente se encaminhar para isso. Aí entra a pergunta: o Governo do Brasil vai seguir a lógica de achar um muro para subir, ou vai se indispor com alguém?

Camargoer.
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Olá Bardini. Exatamente. O recomendado seria o Itamaraty ser prudente (algo que tem faltado ao Itamaraty nos últimos anos é prudência). Quando a situação é nebulosa, a última coisa que ser faz é decidir qualquer coisa. O recomendado é pedir o fim das hostilidades, preservar a segurança da população civil e dizer que o Brasil apoia a resolução diplomática da crise. A partir dai, o que eles decidirem está decidido.

Hélio
Hélio
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Você tem que perguntar isso para quem apoia o expansionismo israelense, isso sim.
O Brasil reconheceu Kosovo? Ah! A lógica não é absoluta, a questão de Kosovo tinha respaldo da ONU, aka, departamento de estado americano.
Não faz o menor sentido falar que a situação russa legítima a tomada da Amazônia porque a tomada da Amazônia não tem absolutamente nada a ver com relações históricas de povos. Na Amazônia não existem cidadãos americanos que estão instalados lá fazem vários séculos. Essa relativização é puro espantalho para quem defende a violação das soberanias nacionais desde que atenda aos interesses americanos.

Bardini
Bardini
Reply to  Hélio
4 meses atrás

Uai, mas o discurso já mudou tanto que estão condenando Israel?
.
Eu confesso que já me perdi nas narrativas de vocês, rsrs…

Hélio
Hélio
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Está perdido mesmo, nem sabe mais o que dizer para defender o interesse americano. Quem tem que condenar Israel é você, já que se diz tão a favor da integralidade dos territórios

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Bardini
4 meses atrás

Nossa Senhora. Tá perdido mesmo.

El Lion
El Lion
4 meses atrás

Nenhuma notícia sobre o lobby para a Mineradora Canadense?? Que situação lamentável…. quem deveria defender a Amazônia (e diz que faz isso) vendendo para empresas privadas gringas

100nick-Elã
100nick-Elã
4 meses atrás

Putin começou o discurso na TV russa agora. Para mim, vai preparar o seu povo para o pior. Vamos ver o que ele vai dizer. Boa sorte, Rússia. Deus estará com você. Se preciso for tornar-se mártir, a Rússia o fará. Mas com certeza, vai eliminar o Ocidente maligno. Inteirinho.

Hélio
Hélio
Reply to  100nick-Elã
4 meses atrás

O martírio da Rússia já foi profetizado por Nossa Senhora e Fátima, agora chegou a hora.

ScudB
ScudB
Reply to  100nick-Elã
4 meses atrás

Falou nada d mais. So repetiu o mesmo de sempre e alertou que a partir de agora não vai mais tolerar nada vindo da Ucrânia ou OTAN. Somente..

Antonio Palhares
Antonio Palhares
4 meses atrás

Os Estados Unidos fazem tudo para o Guaidó de lá não fazer acordo nenhum com os russos. Os europeus não querem esta guerra. Os americanos precisam dela para venderem mais armamentos. E terem os Europeus em rédea curta.
O Putin vai reconhecer os territórios separatistas de população de maioria russa. Tal como fez na Criméia. Tem hora que a melhor coisa a fazer é sentar e conversar com seriedade. Sem estas bravatas baratas do governo Inglês e Americano. A OTAN está provando do veneno que enfiou goela abaixo dos Sérvios e da Russia na questão de Kosovo.

Mauro S
Mauro S
4 meses atrás

É verdade esse bilete.

Realidade
Realidade
4 meses atrás

Tudo mentira. Putin está querendo tomar lugar de Hitler. Os EUA estão doidinhos pra ele começar uma guerra. Pra mostrarem os brinquedinhos novos, há décadas escondidos e reforçar sua hegemonia militar.

Gilson Moura
Gilson Moura
Reply to  Realidade
4 meses atrás

EUA farão nada como já declararam. Menos. Bem menos.

Diego Tarses Cardoso
Diego Tarses Cardoso
4 meses atrás

Esse veículo da foto é um BTR-82A, não BMP, só para informar.

ScudB
ScudB
Reply to  Diego Tarses Cardoso
4 meses atrás

Não. BTR-3 ucraniano. Legitimo.

Machado
Machado
4 meses atrás

Excelente. Pra cima deles

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
4 meses atrás

Os russo vão se limitar a dar tiros de oportunidade a longa distância. Estão com medo de 1 sistema de arma (Javelin). O Javelin impedi a toda poderosa Rússia de fazer aquilo para o qual se preparou e gastou tanto dinheiro: invadir a Ucrânia. A Ucrânia está bem defendida pelos ATGM. O Presidente da Ucrânia tem que escolher entre: ➡ ficar aturando esses ataques de oportunidade que vossa excelência, o czar, Vladmir Putin ordenará ad eternum para cicatrizar seu ego ferido frente à borrada que ele deu para o EUA ➡ partir para a resolução do problema e iniciar uma… Read more »

Bosco
Bosco
4 meses atrás

Nem me meto nessa discussão. É como uma assembleia de cegos discutindo as cores do arco íris.
Fui!

Jesus Baccaro
Jesus Baccaro
4 meses atrás

A Ucrânia testou a paciência russa até onde ela pode aguentar.
Putin foi cirúrgico ao reconhecer a independência das duas republicas e já enviar sua “força de paz”, que de cara pegou sabotadores de jeito.
O duro é aguentar a mídia vindo com a pataquada da “comunidade internacional contra a Rússia”.
Leia-se sempre Otanistão. E parte apenas.

Rafaelsrs
Rafaelsrs
4 meses atrás

Resumindo: quem está procurando guerra é justamente quem a OTAN está tentando proteger…

Últimas Notícias

Apresentação sobre Estudos Estratégicos – Prof. Dr. Vitelio Brustolin

O Prof. Dr. Vitelio Brustolin, Professor de Direito Internacional, Organizações Internacionais e Estudos Estratégicos do INEST/UFF e pesquisador da...
- Advertisement -
- Advertisement -