quinta-feira, junho 30, 2022

Saab RBS 70NG

Aqui se faz, aqui se paga

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

Empresa de refugiado afegão fabrica drone suicida para atacar tropas russas

Você já ouviu falar de Wahid Nawabi? Provavelmente não. A história de Nawabi é mais uma dentre vários refugiados afegãos que fugiram da guerra na Ásia Central quando tropas soviéticas invadiram aquele país.

Aos 14 anos Nawabi, o mais velho de quatro filhos, fugiu do Afeganistão no começo da década de 1980 com a família. Ele aprendeu o que acontece quando o exército soviético invadiu seu país. “Eu estive lá. Eu sei exatamente como é. A vida muda em questão de segundos, muda completamente de cabeça para baixo.”

E ele se lembra de como o míssil Stinger, de fabricação americana, ajudou a expulsar os soviéticos do Afeganistão. “Lembro-me vividamente do míssil Stinger”, disse ele. “Eu vi o que isso fez com os helicópteros soviéticos. Provavelmente já vi meia dúzia deles com meus próprios olhos serem alvejados do céu.”

Estima-se que os soviéticos mataram dois milhões de afegãos. Nawabi teve a sorte de escapar. Não só isso. Ele se estabeleceu nos Estados Unidos e hoje tem a oportunidade de dar o troco. Não exatamente nos soviéticos, mas sim nos seus herdeiros, o Exército Russo. Nawabi comanda a empresa Aerovironment, empresa que fabrica o drone suicida (conhecidos em inglês como “loitering munition) Switchblade.

Pouco se sabe sobre a nova arma, desenvolvida nos últimos seis meses. Até mesmo o local onde ela é fabricada é mantido sob segredo. O que se sabe é que o Switchblade pode ser transportado, lançado e operado por um único soldado. Ele leva câmeras e uma ogiva.

Cerca de 700 desses drones suicidas foram prometidos para as tropas ucranianas que lutam contra os russos. Pelo menos 100 deles já foram entregues.  “Uma capacidade que você não pode ouvir, você não pode ver, você não pode dizer de onde veio, e bum! De repente, ela atinge você”, disse Nawabi. “Apenas cria confusão em sua mente: ‘Oh meu Deus, o que é isso? O que está acontecendo conosco?'”

Nawabi, indiretamente, terá a sua vingança.

- Advertisement -

61 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
61 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos10
Marcos10
1 mês atrás

Foi para os EUA e virou empresário.
Tivesse no Afeganistão, estaria correndo de chinelo.

Pedro Fullback
Pedro Fullback
Reply to  Marcos10
1 mês atrás

O capitalismo tem os seus erros, mas é o mas é o único sistema que ”funcionou”.

Teropode
Reply to  Marcos10
1 mês atrás

Ou estaria morto !

BlindmansBluff
BlindmansBluff
Reply to  Marcos10
1 mês atrás

Se estivesse na Russia, estaria preso ou envenenado.

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
1 mês atrás

E da-lhe narrativa….o afegão terá sua vingança contra os russos matadores de criancinhas(sic).

Wellington jr
Wellington jr
Reply to  PRAEFECTUS
1 mês atrás

Não deixa de ser uma verdade, o afegão que viu seu país invadido igual ocorre com a ucrania, hoje se vinga usando drones.

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  Wellington jr
1 mês atrás

Bingoooooo….essa é a ideia da matéria meu caro lorde Wellington.

Parabéns, você jogou luz no objetivo psicológico por trás da matéria.

Lúcio Sátiro
Lúcio Sátiro
Reply to  Wellington jr
1 mês atrás

A violência pelo menos, é a mesma. Os russos não evoluíram em nada com o passar do tempo.

Nilo
Nilo
Reply to  PRAEFECTUS
1 mês atrás

rsrsrs ninguem matou mais afegãos do que americanos, isso é negacionismo explicito da história.

Erick Barros
Erick Barros
Reply to  Nilo
1 mês atrás

É verdade.
Nada que um pouco de dinheiro não faça.
No final, cairão nas mãos dos russos que usarão contra o inimigo.

Lúcio Sátiro
Lúcio Sátiro
Reply to  Erick Barros
1 mês atrás

Usarão um drone suicida, que se auto explode na cabeça dos russos?

Last edited 1 mês atrás by Lúcio Sátiro
Hank Voight
Reply to  Erick Barros
1 mês atrás

Toma uma maracugina Xings senão você terá um infarto..kkkkk

Nicolas_SS
Nicolas_SS
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Americanos e Russos, competem para ver quem faz mais M no mundo

Agnelo
Agnelo
Reply to  Nilo
1 mês atrás

É verdade…. Por isso q os afegãos se dependuraram nos aviões americanos e nos russos cuspiram…

MBK
MBK
Reply to  Agnelo
1 mês atrás

Talvez porque o taliban não seja muito tolerante com traidores pro-USA.

Nilo
Nilo
Reply to  Agnelo
1 mês atrás

Pois é, há os que cuspiram e não pegaram carona nos aviões russos e ficaram em seu país
e há os afegãos que não cuspiram nos americanos e preferiram pegar carona nos aviões americanos, outros foram de primeira classe, devem ter merecido o bilhete para abandonar seu país rsrsrsrsr

caindo.jpg
Last edited 1 mês atrás by Nilo
George
George
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Fonte dos dados? “ Vozes da sua cabeça” não serve.

Teropode
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Poste os números e as fontes ou , fale baixinho e sente-se no cantinho da sala !

Hcosta
Hcosta
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Invasão Soviética do Afeganistão (dados da wiki): entre 500000 e 2000000 de civis mortos e 5000000 de refugiados.

Invasão dos EUA: 46000 civis mortos e num total entre 176000 e 210000.

Quem faz o negacionismo da história?

Uma tragédia mas muito inferior aos números da invasão soviética…

Nilo
Nilo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Estados Unidos acaba de perder o primeiro lugar ficou em segundo.
Vamos ver os dados Rússia x EUA
….Vietnam….Iraque……,……
Os caras sabem fazer uma guerra civilizada rsrs

Hcosta
Hcosta
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Agora inclua, como o Andre mencionou, os Russos e outras etnias que morreram devido ao regime Soviético.
Com Estaline estimam 20 milhões de mortos…

Andre
Andre
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Ninguém matou mais soviéticos que os soviéticos.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Até onde eu me lembre os russos invadiram o Afeganistão, por não tolerar um país com tendência ao capitalismo ao lado do seu território..

E os americanos por que o Governo falido do Afeganistão( depois da saída dos russos), dava abrigo a terroristas que atacaram não só os EUA, como o planeta todo.

Tem uma diferença entre estas duas invasões..

Hcosta
Hcosta
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Foi o próprio governo Afegão comunista que pediu a intervenção Russa.
E aproveitaram e colocaram outro no seu lugar com um ataque ao Palácio Presidencial. Mas acho que não foi devido a ser mais ou menos capitalista mas porque estaria a perder o controlo sobre a população.
Uma substituição, não uma revolução…

Mas o seu ponto continua válido. Não toleravam um governo hostil e fizeram um ataque preventivo…

Maurício.
Maurício.
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

“Tem uma diferença entre estas duas invasões..”

As bombas que matavam milhares de civis não queriam saber se tinha diferença entre uma invasão ou outra, os dois EUA e Rússia tem culpa no cartório.
E não esquece que 15 dos 19 terroristas eram sauditas, e o principal detalhe, esses terroristas eram treinados e mantidos pelos próprios americanos no passado, Bin Laden que o diga…

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

O Mujahedeen, tem pouco a ver com o Taliban..

Maurício.
Maurício.
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Assim como os “moderados” da Síria tinham pouco a ver com terroristas cortadores de pescoços alheios.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Velho vc ta misturando alho com cara…

Maurício.
Maurício.
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
1 mês atrás

Porque estou misturando? Se puder explicar…🤷🏻‍♂️

Lúcio Sátiro
Lúcio Sátiro
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Sério que os americanos mataram mais que os 2 milhões de afegãos que os russos mataram? Fontes ?

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  PRAEFECTUS
1 mês atrás

Gente,

o Joe Dorminhoco está criando o Conselho da Governança da Desinformação…

Se um norte-americano questionar por exemplo, que essa arma da vingança saramaliguina do afegão aí da matéria, não é assim nem uma Brastemp…tá ferrado! Vai ser enquadrado como divulgador de Fake News e irá pra cadeia…

O regime do Joe Dorminhoco resolveu criar esse “Conselho” depois que Ellon Musk comprou o Twitter.

Eles querem controlar a narrativa fio
… através disso controlar mentes e corações!

Abre o olho meus caros, abre o 👁!

Bento
Bento
Reply to  PRAEFECTUS
1 mês atrás

Me parece que o uso do advérbio (sic) está incorreto.
Em nenhum trecho do texto há qualquer indicação de russos comedores de criancinhas.
Aliás, os russos atualmente não conseguem nem comer docinhos ucranianos sem passar mal.

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  Bento
1 mês atrás

De fato Bento,

“matadores” é o que eu falei…

Entendeu né! Você que está alegando isso…!!!!

Grato

Lúcio Sátiro
Lúcio Sátiro
Reply to  PRAEFECTUS
1 mês atrás

Não foram os russos que estupraram 2 milhões de mulheres na Alemanha do pós-guerra?
A má fama deles foi construída ao longo de décadas de despotismo e violência. E SIM, eles matavam criancinhas que movidas pela extrema fome durante o terrível Holodomor stalinista na Ucrânia, saíam aos campos atrás de grãos para matarem a fome.

https://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/05/150508_estupro_berlim_segunda_guerra_fn

https://holodomor.ca/academic-januses-gpu-nkvd-secret-informants-at-the-ukrainian-academy-of-sciences-1920s-1930s/

Nilo
Nilo
1 mês atrás

Entrevista do Papa ao Corriere Della Sera A OTAN e a preocupação do Papa Francisco no Kremlin é que Putin, no momento, não pare . Ele também tenta pensar nas raízes desse comportamento, nas razões que o empurram para uma guerra tão brutal. Talvez o “latido da OTAN à porta da Rússia” tenha levado o líder do Kremlin a reagir mal e desencadear o conflito. “Uma raiva que não sei se foi provocada – ele se pergunta – mas talvez amenizada, sim” . E agora aqueles que se preocupam com a paz se deparam com a grande questão do fornecimento de armas pelas nações ocidentais à resistência ucraniana. Uma… Read more »

Guess Hu
Guess Hu
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Putin está com os dias contados … e apenas um velho rancoroso …eu não queria estar na pele das filhas e netos dele…e não adianta mudar de sobrenome não..o valor dos herdeiros é o mesmos que as milhares de vítimas na Ucrânia.

Erick Barros
Erick Barros
1 mês atrás

A pergunta é: Mesmo destino dos Javelins, Nlaws e etc.
Os russos vai ficar com um monte desses.
E novinhos sem uso.
E por falar nisso, começam a aparecer fotos de Humvees e T-64s capturados pelos russos e entregues aos aliados.
E não são poucos.

Erick Barros
Erick Barros
Reply to  Erick Barros
1 mês atrás

Os russos vão….

Andre
Andre
Reply to  Erick Barros
1 mês atrás

Mesmo assim, ainda existem mais fotos de T-90s, BMP 3, TOS, Pantsir, Krasukha, capturados.

Mas em uma coisa concordamos, o destino desses drones deve ser o mesmo dos Javelins e Nlaws: da mesma maneira que os Javelins e os Nlaws foram fundamentais para derrotar os russos nas batalhas de Kiev e Sumy, eles serão fundamentais para derrotar os russos em Donbass.

Hank Voight
Reply to  Andre
1 mês atrás

Essa foi no olho do Xings..kkk

Hank Voight
Reply to  Erick Barros
1 mês atrás

Já pensou em ser autor de ficção Xings? Se bem que no seu caso esta mais para fantasia mesmo…kkkkk

George
George
Reply to  Erick Barros
1 mês atrás

Sim. O mesmo destino. Um tanque russo.

Carlos Campos
Carlos Campos
1 mês atrás

Interessante, a AVIBRAS junto de outra empresa deveria tentar criar uma munição com capacidade “vadiagem”.

Nilo
Nilo
1 mês atrás

Neste mes o congressista Adam Kinzinger (R-IL) anunciou a introdução de uma resolução conjunta que autorizaria o uso das Forças Armadas dos EUA para defender a integridade territorial da Ucrânia no caso de Vladimir Putin escalar sua guerra injusta contra nossa democracia aliados. Esta Autorização para Uso de Força Militar para Defender a Resolução dos Aliados da América de 2022 autorizaria o Presidente dos Estados Unidos a utilizar nossas forças para responder a um cenário em que a Federação Russa usa armas químicas, biológicas ou nucleares contra a Ucrânia. Todos sabemos do famoso tubo de ensaio do Colin Powell e a guerra no… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Nilo
Zabumba
Zabumba
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Inocente …cai em qualquer conto de fadas meu camarada …filtra vai melhorar seu ego ….passa encarar os fatos com realidade.

Agressor's
Agressor's
1 mês atrás

Sério?! Mais lixo bélico pra Ucrânia…

Nelson Junior
Nelson Junior
Reply to  Agressor's
1 mês atrás

O Maior Lixo bélico se chamava MOSKVA que foi parar no fundo do mar e agora é a casa do BOB ESPONJA

Maurício.
Maurício.
1 mês atrás

Se o Wahid Nawabi for um afegão vingativo, não só os russos devem temer seus drones suicidas, mas os próprios americanos, afinal de contas eles também mataram milhares de civis afegãos inocentes…

Agressor's
Agressor's
1 mês atrás

O problema agora é só a falta de homens vivos na Ucrânia pra operar isso… rs

Andre
Andre
Reply to  Agressor's
1 mês atrás

E mesmo assim, sem homens ucranianos vivos, os russos não saem de Donbass….Estão sendo impedidos por mulheres e crianças?

George
George
Reply to  Agressor's
1 mês atrás

Fica tranquilo. Eles irão contratar zumbis para operar. (É cada um que aparece aqui)

Mensageiro
Mensageiro
1 mês atrás

Educação salva

Helio
Helio
Reply to  Mensageiro
1 mês atrás

Mudar não mudou…. Só atrasou os planos russos em 60 dias, da tal “operação especial” de sete dias……

Nilo
Nilo
1 mês atrás

Após resgate de civis, os neonazistas tentaram assumir pontos de observação na usina siderurgia, tiveram uma resposta dura dos russos.
https://www.youtube.com/watch?v=7AiJ6GQJZow
Os ratos estão sendo defumados.
https://vk.com/video/@engpravda?z=video-95492900_456239932%2Fclub95492900%2Fpl_-95492900_-2
Surgiu uma noticia de que durante o ataque, o General canadense Trevor Kadier foi capturado ao tentar escapar de Azovstal.
https://military.pravda.ru/news/1704728-general_trevor_kadier_vzjat_v_plen/

Teropode
1 mês atrás

Mande os 6 números que serão sortidos , aliás pode deixar , seu palpite sempre fura , !

Alex Barreto Cypriano
Alex Barreto Cypriano
1 mês atrás

A propaganda faz esse milagre de tornar aceitável a vingança contra inocentes se eles forem os ‘descendentes’ ou ‘herdeiros’, mesmo que apenas nominais ou apodados, dos malfeitores originais. É todo o ideal identitário em ação, aquele mesmo que na sua desmedida corrói por dentro as nações multiétnicas…

Last edited 1 mês atrás by Alex Barreto Cypriano
Matheus Maciel
1 mês atrás

Pergunta pra trilogia… Porque a cada voto positivo que eu dou em cada comentário que vai contra a narrativa ocidental AUTOMATICAMENTE o contador negativo ganha mais um voto também? Testei em vários comentários, seria interessante ouvir uma explicação sobre isso

George
George
Reply to  Matheus Maciel
1 mês atrás

É porque robozinhos ucranianos estão infestando o site. Vai lá e acorda os hackers russos para resolver isso.

Nilo
Nilo
1 mês atrás

Le Figaro – 02/05/2022 – A guerra na Ucrânia pode minar a hegemonia ilimitada do dólar. Embora tomando muito cuidado para manter as forças da OTAN longe do campo de batalha, Washington e seus aliados ocidentais não hesitaram em usar o dólar como arma de destruição em massa para desestabilizar a Rússia. Inédito nessa escala, eles congelaram metade (300 bilhões de dólares) das reservas cambiais russas. Exceto que a arma monetária, já usada contra o Irã e alguns outros “estados párias” de menor laia, é uma faca de dois gumes. “Todos aqueles que guardam dinheiro em dólares hoje não podem mais ter certeza de que… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Nilo
George
George
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Países mais pobres “piam” primeiro. É a caso da economia russa, cujo PIB vai para o buraco esse ano.

AMBAR
AMBAR
1 mês atrás

“Estima-se que os soviéticos mataram dois milhões de afegãos. Nawabi teve a sorte de escapar.”
Estima-se que os americanos, por outro lado, quando de sua “estadia” pelo Afeganistão, ressuscitaram dois milhões de afegãos e mais um, o Nawabi, que teve a sorte de sobrar pra contar a história e glorificar o seu salvador.

Últimas Notícias

Apresentação sobre Estudos Estratégicos – Prof. Dr. Vitelio Brustolin

O Prof. Dr. Vitelio Brustolin, Professor de Direito Internacional, Organizações Internacionais e Estudos Estratégicos do INEST/UFF e pesquisador da...
- Advertisement -
- Advertisement -