sábado, junho 25, 2022

Saab RBS 70NG

O sistema a laser russo é uma arma efetiva ou um sinal de desespero?

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

O vice-primeiro-ministro russo, Yuri Borisov, afirmou na quarta-feira que as forças russas na Ucrânia usaram um novo laser para destruir um drone ucraniano. O que pode ser uma nova capacidade também pode refletir a escassez crucial de mísseis antiaéreos das forças russas e o desejo de boas notícias em uma campanha paralisada.

O presidente ucraniano Volodymyr Zelenskiy rapidamente levou à mídia, comparando o o sistema de aeronaves não tripuladas a laser da Rússia (CUAS) com as “armas maravilhosas” que a Alemanha nazista revelou nos dias finais da Segunda Guerra Mundial, quando as forças aliadas e soviéticas convergiram para a Alemanha do oeste e leste.

Isso é um exagero, diz Bryan Clark, membro sênior do Hudson Institute. “Acho que ele está exagerando quando diz que isso é desespero. Acho que os russos estão fazendo o que fizeram na Síria e na Ucrânia por anos. Eles levaram os sistemas para o campo de batalha como uma forma de demonstrar ou experimentar. Acho que é isso que eles estão fazendo, testando um sistema que não teve uso operacional.”

Um alto funcionário da defesa dos EUA disse que os EUA não viram nada para corroborar as alegações da Rússia de que usaram armas a laser na Ucrânia. A arma que a Rússia afirma ter usado chama-se Zadira (“Bully” em inglês) e teria sido montada em um caminhão blindado.

Dado que se estima que a Rússia tenha gasto uma grande parte de seus mísseis antiaéreos e terra-terra na Ucrânia (Zelenskiy afirma que disparou mais de 2.000 mísseis desde o início da invasão para pouco retorno tático), uma possível razão para seu alardeado uso de Zadira é que as forças russas estão procurando um método alternativo mais barato de proteção antiaérea.

Os sistemas antiaéreos Tor e Pantsir usados na Rússia foram significativamente degradados pela Ucrânia e provavelmente estão sem reposição. “Acho que é verdade que [a Rússia] está ficando sem armas”, concorda Clark. “Eles adorariam obter algo por um custo mais baixo e adorariam obter algo mais eficaz.”

Tor e Pantsir não são eficazes contra drones pequenos e voando baixo, ressalta Clark. “Pantsir teve algum sucesso contra UAS maiores, mas mesmo lá não é tão bom. Você está falando sobre [tentar derrubar] aeronaves compostas com baixas assinaturas de radar. Eles têm dificuldade em derrubar mísseis tradicionais de ar para superfície ou aeronaves.”

As principais potências do mundo têm trabalhado seriamente em armas a laser desde a década de 1990, procurando superar os problemas atmosféricos inerentes que enfraquecem os feixes de laser direcionados, que funcionam melhor no ar limpo ou, idealmente, no vácuo. No campo de batalha, eles precisam funcionar em condições em que a explosão térmica, neblina, fumaça, poeira, chuva, neve, espuma ou produtos químicos obscuros propositadamente dispersos podem difundi-los ou desviá-los.

Para um UCAS eficaz, eles também precisam ser suficientemente poderosos em um pacote pequeno e móvel. O problema de energia foi amplamente resolvido, pois os lasers ocidentais móveis com 30 quilowatts de energia foram testados e colocados em campo em números limitados.

No entanto, a segmentação continua a ser um problema. Devido à natureza estreita e focada dos lasers, eles precisam ser direcionados finitamente a um alvo e permanecer nele. É por isso que a afirmação de Borisov de que Zadira destruiu o drone ucraniano “em cinco segundos” é importante.

Rastrear e depois queimar um drone – em vez de simplesmente deslumbrá-lo – com um laser leva tempo e mata apenas um alvo. Outras abordagens CUAS, como o uso de energia direcionada por microondas de alta potência ou interferência de links de controle de drone via RF, são mais rápidas e potencialmente eficazes em área, eliminando vários alvos (mesmo enxames) ao mesmo tempo.

O Zadira existe desde cerca de 2017. O Ministério da Defesa da Rússia assinou um contato em agosto daquele ano com o Centro Nuclear Federal Russo para pesquisa e desenvolvimento do Zadira-16. A Rússia também tem um sistema de laser anti-satélite chamado Peresvet. Os dois podem compartilhar alguma tecnologia de mira e irradiação, mas Borisov fez questão de apontar que Peresvet “cega” um sistema inimigo enquanto Zadira o destrói.

Mesmo que o Zadira funcione como anunciado, isso importa nas linhas de frente do leste e do sul da Ucrânia? “Não acho que isso tenha um impacto operacional significativo”, diz Clark. Até agora, é um sistema que tem um alcance de talvez alguns quilômetros e provavelmente utilidade bastante limitada em condições climáticas ruins.”

Derrotar Zadira também pode não ser um grande desafio para as forças ucranianas. Desenvolvedores e estrategistas de UAS sustentam que os drones podem ser protegidos contra lasers com proteção térmica ablativa de espuma de carbono, mantendo distância de seus alvos ou até mesmo girando o UAS à medida que se aproximam do alvo.

Se Zadira puder eventualmente ser eficaz, Moscou a acolherá tanto por razões táticas quanto como um dedo menor no dique do enorme custo financeiro das munições que está usando na Ucrânia.

“Não acho que seja um golpe de relações públicas”, conclui Clark. “Acho que são os russos tentando encontrar uma maneira de derrotar a ameaça [dos drones]”.

FONTE: Forbes

- Advertisement -

72 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
72 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Maurício.
Maurício.
1 mês atrás

Americanos testando armas laser = Suprassumo da tecnologia bélica.

Russos testando armas laser = Desespero!

Vai entender esse pessoal…🤷🏻‍♂️

Andre
Andre
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Americanos testando armas laser = https://www.youtube.com/watch?v=tyUh_xSjvXQ

Russos testando armas laser = cabeça de bacalhau, só putinzete viu.

Luis
Luis
Reply to  Andre
1 mês atrás

O protótipo russo. Peça de museu.

laser russo.jpg
Maurício.
Maurício.
Reply to  Andre
1 mês atrás

Meu comentário que ficou preso…😉

Screenshots_2022-05-22-11-54-44.png
Andre
Andre
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

É purinzete, não sei se o pior são suas fantasias ou seu choro vendo sua amada Rússia se afundando.

Se você frequentasse esse forum há mais tempo saberia que estou aqui há mais tempo que ele.

No dia em que você chegar em casa e sua esposa estiver com outro no sofá, lembre-se que a culpa vai ser do sofá.

Last edited 1 mês atrás by Andre
LUIZ
LUIZ
Reply to  Andre
1 mês atrás

A Rússia se afundando? É a Rússia que ta recebendo 40 bilhões dos EUA pra tentar derrotar a Rússia? Toneladas de armas entram na Ucrânia e metade é destruída pelos russos. Uma parte é capiturada e outra parte vai pra o mercado negro. A que sobra eles vão se virando pra conter o avanço russo. Deve acompanhar a guerra pela CNN.

Andre
Andre
Reply to  LUIZ
1 mês atrás

Realmente não é a Rússia quem está recebendo grana para derrotar a Rússia.

Mas é a Rússia que em 3 meses de guerra na Ucrânia já perdeu mais homens e equipamentos que em 9 anos no Afeganistão, com derrotas retumbantes em Kiev Sumy e kharkiv, e pequenos avanços em Donbass.

Matheus Maciel
Reply to  LUIZ
1 mês atrás

Não perde tempo com esse tipinho cara

Andre
Andre
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Alias, você foi o primeiro a vir defender seu amado Putin.

Deve ficar aguardando as cacadas dele serem publicadas para o defender com todo seu amor.

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  Andre
1 mês atrás

Quer uma notícia de agorinha?Com ou sem raio laser, a Ucrânia está fritando.

‘O exército russo rompeu a defesa das Forças Armadas da Ucrânia e chegou à cidade de Soledar perto de Artemovsk (MAP)’
https://rusvesna.su/news/1653240189

Não preciso te dizer que isso é desesperador para a Ucrânia em Donbass.
Odessa que nos aguarde.

Andre
Andre
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Pois é Da Lua, todo dia a Rússia captura uma nova cidade mas não sai de Donbass.

Está lento esse avanço hein…

Jad Bal Ja
Jad Bal Ja
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

“Nos aguarde?” O cara é tão maluco, que parece acreditar que é um russo lutando na Ucrânia. Hahahaha…

Carlos Lins
Carlos Lins
Reply to  Andre
1 mês atrás

E outra notícia.
Os ucranianos abandonaram seus territórios ao redor de Liman e recuaram para essa cidade.
Muitas perdas de homens e material abandonado nas posições.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Andre
1 mês atrás

Meus comentários estão ficando sempre preso, assim fica difícil debater.
Mas é o sujo falando do mal lavado, já que você veio rapidinho defender teus patrões americanos.

Andre
Andre
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Não vim defender ninguém, vim mostrar que seus comentários não passam de fantasias desesperadas de amante desiludido.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Andre
1 mês atrás

Ainda chorando?

francisco Farias
francisco Farias
Reply to  Andre
1 mês atrás

Com laser ou sem laser o certo é que a Ucrânia deixou de existir. Ao final desta guerra, metade do seu território será da Russia e a outra metade estará devendo até os cabelos da cabeça ao Ocidente.
Teria sido muito melhor para o pais, se tivessem negociado com a Russia, antes do conflito. Confiaram na OTAN e se deram mal.

Agnelo
Agnelo
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

O teste de armas sempre ocorre nas guerras.
É o teste “pra valer”, não tem nada de desespero.
Desespero é mobilizar Sd Fuz de 40 anos, mudar o Obj “n” vezes, mandar mísseis “Carrier Killers” em barracas e galpões… por aí vai…

Maurício.
Maurício.
Reply to  Agnelo
1 mês atrás

Se as barracas e galpões tem armas, tem mais é que mandar pelos ares mesmo, os americanos mandam Tomahawks em barracas e nunca ninguém reclamou.

Maurício Oliveira
Maurício Oliveira
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Xará, o Super Sam não pode ser contestado em suas ações!

Maurício.
Maurício.
Reply to  Maurício Oliveira
1 mês atrás

Verdade! Se alguém contestar, as líderes de torcida vem espumando de raivinha…🤭

Maurício Oliveira
Maurício Oliveira
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Dor de corno é triste!

César
Reply to  Maurício Oliveira
1 mês atrás

Tu fala por experiência própria?

Agnelo
Agnelo
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Óbvio…..
Mas se estão usando o q “tem de melhor” pra isso…..

Mas eu entendi… português não é fácil….

Maurício.
Maurício.
Reply to  Agnelo
1 mês atrás

Tu sabe que os russos lançaram aquele Kinzhal para demonstração de força, que o míssil é real e está operacional, fora que foi um teste real também, mas para vocês tudo é “desespero”.
Ah e os russos lançaram aquele Kinzhal porque o Bosco pediu, nem que fosse um.😂

Erick Barros
Erick Barros
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Americanos testando armas laser.

D_NQ_NP_779636-MLB31085243158_062019-O.jpg
Slow
Slow
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

KKKKKKKKKKKKKKK é exatamente assim ..

Oswaldo
Oswaldo
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Esse pessoal lambe botas dos EUA é fod…… KKKKKKKK

Maurício.
Maurício.
Reply to  Oswaldo
1 mês atrás

A grande parte é o mesmo sujeito com vários nicks…

Augusto
Augusto
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Tem coerência suas palavras Mauricio.

George
George
1 mês atrás

A verdade é que os russos não conseguiram um jeito efetivo para acabar com os drones na guerra. E eles mostram ser a grande ameaça.

Marcos10
Marcos10
1 mês atrás

Tenho certeza que a arma é eficiente e que agora vão chegar em Kiev.
Se tivessem usado essa arma desde o começo já teriam tomado a Polônia.

Falando sério, até quando o Mundo vai ficar refém do mafioso russo?

naval762
naval762
1 mês atrás

Bora ver no que vai dar, se os russos conseguirem fazer o que pretendem com o uso de lasers vai ser um chute no saco dos americanos.

L G
L G
1 mês atrás

https://youtu.be/ExHoxNWBMl8 A riqueza de um país está na geração e consumo de energia. Quanto maior mais rico o país e não pela desvalorização da moeda . E àqueles países que conseguem gerar 100% da energia em seu território mais independentes são. Vídeo com os maiores países que mais produzem energia no mundo.

Henrique
Henrique
Reply to  L G
1 mês atrás

Não entendi a quantidade de “deslikes” por uma boa informação postada.
Vcs acham que ele está errado? Basta ver a situação da Europa que é dependente do “gás russo”, o qual na prática é o grande gerador desse conflito, que faz sentido as colocações.
Após esse conflito os maiores temas que o ocidente irá se dedicar são justamente a Matriz Energética e Segurança Alimentar pois quem depende dos outros pode ficar numa situação complexa.

Last edited 1 mês atrás by Henrique
Hcosta
Hcosta
Reply to  Henrique
1 mês atrás

Alguns países na Europa são dependentes do gás Russo. Mas quase todos têm outras fontes de produção de eletricidade. O problema é encontrar um outro fornecedor em poucos meses e adaptar a infraestrutura, o que pode levar anos, se quiserem manter estas centrais em funcionamento. Um outro problema é o aumento no preço independentemente da sua origem. Dá para comparar a China, maior produtora e a maior importadora de carvão e gás? Isso significa que a China é independente? A Alemanha está numa situação semelhante. É um vídeo básico onde não dá para tirar nenhuma conclusão acerca da matriz energética… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Hcosta
Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  L G
1 mês atrás

Estranho, por que o Brasil tem míseros 8.000 dólares de renda per capita, produzindo 581.700 GWh, enquanto que a minúscula Suíça tem 80.000 dólares, produzindo apenas 66.000 GWh, País gigante em produção de energia não é país rico? Estamos produzindo errado kkkkk

Andre
Andre
Reply to  L G
1 mês atrás

Coitados dos pobres japoneses, devem sentir uma inveja dos ricos venezuelanos…

Thiago A.
Thiago A.
Reply to  Andre
1 mês atrás

E o Paraguai, você está esquecendo o rico e poderoso Paraguai ! É verdade que sozinho esse país não teria nem conseguido 1/10 para o financiar itaipu e para dizer a verdade nem o gigante, vizinho deles, tinha os recursos mas esse podia fazer dividas e obter o empréstimo. Verdade que empresas norte-americanas e italianas foram contratadas para fazer os estudos de viabilidade, projeto é auxiliar o processo. Verdade que equipamentos como as turbinas são fornecidos por empresas como a Voith ( alemã) ou a Alstom ( francês). Mas tudo isso não importa, o que importa é a matéria prima.… Read more »

Ronilson Nogueira costa
Ronilson Nogueira costa
1 mês atrás

Desespero kkkk aí os oreia seca e os iludidos vão a loucura kkkkkkkkk

Nilo
Nilo
1 mês atrás

Em resposta a essa ameaça de drone de baixo custo civis, os militares russos começaram a equipar suas tropas na Ucrânia com mais sistemas antidrones, como o Harpoon-2M. A arma rádio-eletrônica pode desativar um quadricóptero DJI Mavic 2 Pro fabricado na China, um drone comercial comumente usado pelas forças de Kiev, com alcance de até um quilômetro. Recentemente, um sistema mais avançado com detecção e alcance de interferência de até 3,2 quilômetros apelidado de Harpoon-3 também foram fornecidas as tropas russas na Ucrânia. O sistema Harpoon-3 opera nas frequências de 433 a 5800 MHz e possui três modos de interferência. O primeiro modo bloqueia… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Nilo
Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Nilo
1 mês atrás

Chama o Zé Buscapé que ele resolve

Carlos Lins
Carlos Lins
1 mês atrás

E Zelensky foi hoje à TV dizer que a situação em Donbass está desesperadora para a Ucrânia.
Não é muita novidade, pois o avanço russo está sendo mais rápido e com menos resistência.
Inclusive, o Comandante do Exército pediu, novamente, a retirada do agrupamento Lisichiansk/Severodonestsk.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Os soldados ucranianos precisam diminuir a moral de seus pares russos que está alta neste momento e, a única maneira de isso ocorrer, é destruindo algo de grande estima para o inimigo, que no caso poderia ser a ponte da Criméia.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás

Engraçado é que essas declarações estão sendo abafadas pela mídia Ocidental.

Carlos Lins
Carlos Lins
1 mês atrás

Essas publicações americanas têm se mostrado muito preocupadas com o desenrolar do conflito.
Fiquem calmas.
Deixa rolar para ver o resultado.
Agora, como OTAN percebeu que a Ucrânia foi pro brejo, agora a história é com a Moldávia.
Será outro tiro n’água da OTAN.

Luis
Luis
Reply to  Carlos Lins
1 mês atrás
Pablo Malvadão
Pablo Malvadão
Reply to  Luis
1 mês atrás

Inflação anual nos EUA chega a 8,5% e é a maior em 41 anos
https://www.cnnbrasil.com.br/business/inflacao-anual-nos-eua-chega-a-85-e-e-a-maior-em-41-anos/

Leonid Brejnev
Leonid Brejnev
1 mês atrás

Com certeza é desespero, os ucranianos já estão nos arredores de Moscou. kkkk de uns tempos para cá o força virou o maior contador de piadas da internet. Olhem o Mapa e vejam quem está desesperado, até o Zé lensk já mudou de discurso antes era rendição total das tropas russas, ontem já disse que aceita negociar.

dfa
dfa
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

Não seja mentiroso…
Zelensky disse que aceita negociar, se não estiver em cima da mesa, concessões territoriais.

Last edited 1 mês atrás by dfa
SteelWing
SteelWing
Reply to  dfa
1 mês atrás

Então não quer negociar, acha que está ganhando, Só pode.

Henrique
Henrique
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

Eita… mais um Nick…. esse cara se supera … só falta agora …Nikita Khrushchov, Boris Yeltsin mas quero ver se vai usar o do pai do desmantelamento soviético “Mikhail Gorbatchov” ….

Andre
Andre
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

Segura o pompom que nem os ucranianos estão em Moscou nem o invasor russo está em Kiev, de onde foi chutado e onde o ídolo máximo de vocês disse, em 2014, que chegaria em duas semanas.

Zé bombinha
Zé bombinha
1 mês atrás

A resposta teremos no passar dos dias…. Por enquanto tudo que era de outro mundo, nível superior… Tem ruído de forma pesada.. veremos.

Leonid Brejnev
Leonid Brejnev
1 mês atrás

Aqui na midia bundeleira dizem que a Rússia esta perdendo a guerra, enquanto isso as nações europeias divulgaram um plano de sobrevivência sem a energia russa baseado em 3 pilares, 1° economia de energia e aumento da eficiência dos equipamentos, 2° investimento em novas tecnologias e o 3° é o mais incrível de todos, uso do carvão mineral e do petróleo para substituição do gás russo, kkkkkkkkkk, estão desesperados, ferrados.

Vinicius Momesso
Vinicius Momesso
Reply to  Leonid Brejnev
1 mês atrás

Essa semana o presidente da Ucrânia Vladimir Zelensky, disse que muitos pilotos ucranianos perderam a vida tentando levar suprimentos e resgatar os combatentes cercados em Azovstal, justamente por Mariupol estar protegida por poderosa defesa antiaérea. Essa e outras declarações ‘nada animadoras’ em relação a situação da Ucrânia na guerra, tem sido abafadas pela midia ocidental.

Pablo Maroka
Pablo Maroka
1 mês atrás

Provavelmente os russos fariam usando os microondas ucrnianos.

Para ucrania vencer essa guerra basta tirar do país: maquina de lavar, geladeira e agora microondas.

Robo Norris
Robo Norris
Reply to  Pablo Maroka
1 mês atrás

Mas aí, bastaria a Rússia enviar esses eletrodomésticos ao campo de batalha que voltaria a ficar em vantagem.
Olha que manchete seria essa: “Casas Bahia ajuda Rússia a vencer guerra contra a Ucrânia”.

Carlos Lins
Carlos Lins
1 mês atrás

E ontem, os russos destruíram pela primeira vez uma ponte nessa operação.
Foi a que liga Lisichiansk a Severodonetsk.
Agora, os elementos ucranianos em Severodonetsk não podem receber reforços e suprimentos da guarnição ao lado que é maior.
A propósito.
Os russos já entraram em Severodonetssk.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
1 mês atrás

Raio Z queimando U

Mafix
Mafix
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Rapaz olha como queima o stugna queima mesmo tanto que as torres dos tanques russos vão para marte …
https://twitter.com/UAWeapons/status/1528459041193738240

Luis
Luis
Reply to  Mafix
1 mês atrás

E com dois astronautas.

tank russo tower.jpg
Manuel Flavio Vieira
1 mês atrás

Russian officer reveals why he risked it all to quit Putin’s warhttps://edition.cnn.com/2022/05/22/europe/ukraine-russian-officer-resigns/index.html

Agressor's
Agressor's
1 mês atrás

Desespero, só se for o da naziotan! rs

Teropode
1 mês atrás

Mas segundo as viúvas pro – Rússia as armas enviadas incluindo os Drones ,estão sendo destruídas antes de serem tiradas das caixas , então qual a finalidade deste laser ? Os Ucrânianos estão lutando com paus e pedras segundo o slow e os outros nicks clones ….

Andre
Andre
1 mês atrás

Disse bem: SE

Rafa_Positronn
Rafa_Positronn
1 mês atrás

A calhordice não tem limites mesmo A Russia já controla todos os portos ucranianos… a consequencia é que os grãos produzidos pela Ucrania não poderão ser escoados… Soma-se isso à nagativa da Índia em exportar sua produção, o resultado é o seguinte: EUROPA SEM GÁS, SEM ENERGIA, SEM COMIDA E COM PREÇOS DE COMBUSTÍVEIS LÁ EM CIMA E quem está dizendo isso não sou eu….. é o próprio ZÉlensky Quem está desesperado mesmo ? A Tomada de Lugansky é questão de tempo…. Quanto ao General americano HUMILHADO e feito de prisioneiro de guerra, ele não tem com que se preocupar:… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Rafa_Positronn
Neural
Neural
Reply to  Rafa_Positronn
1 mês atrás

Bondão Z não tem limites, Mariupol tinha as melhores tropas da Ucrânia

Edimur
Edimur
1 mês atrás

Pqp tá chato esse discurso pro e contra esse ou aquele,virou moda povo tá pensando que tudo na vida é igual futebol coisa mais chata isso em todo o lugar !!!

Sidney
Sidney
1 mês atrás

Efetivo mesmo, são os blindados fumacê do nosso exército.

Oswaldo
Oswaldo
1 mês atrás

Sinal de desespero? So se o desespero for da Ucrania, que esta perdendo a guerra contra a Russia, e esta sendo destruida…

Últimas Notícias

Svatovo, primeiro alvo do HIMARS?

A mídia ucraniana tem divulgado vídeos e imagens de uma suposta explosão nas proximidades da cidade ucraniana de Svatovo,...
- Advertisement -
- Advertisement -