quinta-feira, junho 30, 2022

Saab RBS 70NG

MoD da Ucrânia: Obuseiros Krab da Polônia já estão na linha de frente

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Obuseiros autopropulsados ​​Krab, fornecidos pela Polônia, já foram implantados e estão sendo usados ​​nas linhas de frente

A informação é de acordo com o ministro da Defesa da Ucrânia, Oleksiy Reznikov, relata o Ukrinform.

“Tenho o prazer de informar que as unidades de artilharia autopropulsadas polonesas AHS Krab Self-Propelled Howitzer estão prontas para realizar missões de combate na frente. Depois dos obuseiros M777 e FH70, obuseiros autopropulsados ​​CAESAR e M109A3, essas unidades são o 5º tipo de artilharia de 155 mm que conseguimos obter”, disse Reznikov.

Muita coisa mudou desde a invasão russa em grande escala, disse o ministro da Defesa.

Após 24 de fevereiro, fornecer ao exército armas, munição, equipamentos militares e especiais tornou-se a principal prioridade do governo.

“Tivemos que aprender muito rápido, porque o Ministério da Defesa não estava adaptado à importação de armas em larga escala e não tinha as respectivas competências porque antes havia exportação de armamento doméstico”, informou o ministro.

De acordo com Reznikov, o ministério rapidamente estabeleceu procedimentos de trabalho em três áreas:

  • cooperação sistemática com parceiros para obter assistência material e técnica;
  • compra de armas e equipamentos de fabricantes ucranianos;
  • importação por meio de contratos diretos do Ministério da Defesa e mecanismos de exportadores especiais.

Uma decisão estratégica chave do período passado foi uma mudança de filosofia: lançamos a transferência das Forças Armadas da Ucrânia para armamento pesado usado pelos estados membros da OTAN. Em primeiro lugar, isso se aplica à artilharia, que desempenha um papel decisivo.

Reznikov observou que, no início de março, a Ucrânia já estava bem ciente de que “durante a guerra intensa com a Rússia, nossos recursos estavam se esgotando e nossas reservas existentes eram incomparáveis ​​às do inimigo. Confiar apenas nas armas soviéticas foi definitivamente uma estratégia perdedora.”

Portanto, recorrendo à ajuda de parceiros, a Ucrânia iniciou o fornecimento de unidades de artilharia de 155 mm e outras armas pesadas.

“Até o momento, o Ministério da Defesa da Ucrânia garantiu o fornecimento de 150 plataformas de artilharia de calibre 155 mm às Forças Armadas da Ucrânia. Os estoques de munição desse calibre já são 10% maiores do que os estoques de projéteis de grande calibre do tipo soviético que existiam antes de 24 de fevereiro de 2022. Além disso, esses novos projéteis são mais eficazes que seus equivalentes soviéticos e, portanto, seu consumo é menor,” diz o relatório.

Ao mesmo tempo, mais de 50 outros canhões de grande calibre foram fornecidos às Forças Armadas da Ucrânia. Isso inclui projéteis para eles, que constituem mais de 75% da quantidade que existia no início da invasão russa em grande escala.

Dezenas de unidades MLRS do tipo soviético e dezenas de milhares de projéteis, centenas de morteiros e centenas de milhares de projéteis para eles fortaleceram nossas capacidades de defesa durante esse período.

O Ministério da Defesa está competindo com o exército russo pela liderança no fornecimento de tanques e outros veículos blindados do tipo soviético. Estamos falando de centenas de unidades.

Em uma nota separada, gostaria de destacar a dedicação e o trabalho profissional dos especialistas da Ukroboronprom State Concern, que restauraram ou repararam centenas de unidades de equipamentos militares e especiais para nossos soldados, incluindo equipamentos capturados.

Recebemos cerca de 250 veículos blindados de modelos ocidentais (M113 TM, M113 YPR-765, Bushmaster, Mastiff, Husky, Wolfhound etc.) de nossos parceiros. Esta linha de trabalho continua.

E isso sem falar nos MANPADS (Stinger, Starstreak, Mistral, Piorun, Grom etc.), ATGMs (NLAW, Javelin, Milan etc.) e lançadores de granadas (Panzerfaust, Carl Gustaf, AT4, RGW-90 HH / MATADOR etc.). Como vocês devem saber, existem milhares deles.

Isso não está nem perto de uma lista completa. É muito cedo para falar sobre alguns outros sistemas de armas modernos. Falaremos deles mais tarde. Mas o inimigo sentirá seu efeito em sua própria pele agora.

Além disso, o Ministério da Defesa entregou centenas de drones por meio de vários mecanismos, incluindo várias dezenas de drones de combate. Esperamos alguns UAVs sérios nos próximos pacotes de ajuda.

Nossa defesa costeira foi reforçada por complexos de mísseis Harpoon altamente eficazes. Junto com nossos Neptune, os Harpoons já estão forçando a frota inimiga a manter distância.

Como o Ukrinform relatou anteriormente, em 4 de junho, o comandante-em-chefe Valeriy zaluzhnyi disse que os obuseiros autopropulsados ​​M109A3, fornecidos da Noruega como parte da assistência técnica internacional, já estavam atacando alvos inimigos nos campos de batalha da Ucrânia.

FONTE: ukrinform.net

- Advertisement -

37 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
37 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gabriel BR
Gabriel BR
20 dias atrás

Eu gosto muito dessa viatura , a industria polonesa merece um pouquinho de mais atenção dos compradores internacionais.

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Gabriel BR
20 dias atrás

Eu gosto do material Polones, interessante que eles colocaram uma torre inglesa em um chassi coreano, mas para eles isso foi encarado como um desafio superado pela engenharia….mas confesso que dos equipamentos deles o meu preferido é o Manpad Grom, seria um forte candidato a substituir os nossos Iglas, já que as relações exteriores de defesa entre Brasil x Russia não estão das melhores ultimamente.

Mafix
Mafix
Reply to  Rafael Gustavo de Oliveira
20 dias atrás

Claro só tem equipamento da era sovietica que a Russia vende não presta se comparado ao equipamento ocidental moderno …

Nelson Junior
Nelson Junior
Reply to  Gabriel BR
20 dias atrás

Esse Chassi do K9 é fantástico… Os Turcos vão usar também

Ronilson Nogueira costa
Ronilson Nogueira costa
20 dias atrás

Agora sim a Ucrânia vence a Rússia agoooooora sim.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Ronilson Nogueira costa
20 dias atrás

kkkkk agora vai, islava apanha Z bate.

Fabio Jeffer
Fabio Jeffer
20 dias atrás

Agora vai, rumo a Moscou. Vai aparecer um monte falando isso.

Leonid Brejnev
Leonid Brejnev
Reply to  Fabio Jeffer
20 dias atrás

A essa hora já passarão de Moscou e estão a caminho de Vladivostok. kkkkkkkkkkkkkkkkkk

André Luís
André Luís
Reply to  Leonid Brejnev
20 dias atrás

Vladivostok vai ser capturado pelos Chineses kkkkkkk

Leonid Brejnev
Leonid Brejnev
Reply to  André Luís
20 dias atrás

Primeiro vão ter que abrir os olhos, kkkkkkkkkkkkkk.

Klaus
Klaus
Reply to  Leonid Brejnev
20 dias atrás

Só cair dentro ué?

dfa
dfa
Reply to  Leonid Brejnev
20 dias atrás

Pobre Rússia…Não consegue enfrentar a Ucrânia quanto mais a Polónia…

André Luís
André Luís
20 dias atrás

#SlaviaKatervina

Fiquei sabendo que vários anglo-saxões estão morrendo na linha de batalha, e a inflação está correndo o poder de compra da sociedade racista britânica!! Vai faltar dindin pro chá das 17 hahahahhaaha. Chora súcia anglo-saxã.

#SlaviaKatervina …rs!

Daniel
Reply to  André Luís
20 dias atrás

Rapaz, que chá que vc toma????

Diógenes
Diógenes
Reply to  Daniel
20 dias atrás

Chá de fita!!!!

Guilherme S.
Guilherme S.
Reply to  André Luís
20 dias atrás

Fiquei sabendo que você comenta um monte de besteiras sem fonte…

Lúcio Sátiro
Lúcio Sátiro
Reply to  André Luís
20 dias atrás

Vai faltar pro seu chá do Santo Daime também?

Wilton Santos
20 dias atrás

Não basta enviar esses equipamentos, era preciso treinar os militares que vão operar essas armas. Essas entregas de armas não passa de propaganda para dizer que a OTAN está empenhada em ajudar a Ucrânia. A realidade é que a Ucrânia está sendo destroçada e vai perder toda a costa do Mar Negro para a Rússia e a OTAN não poderá fazer nada.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Wilton Santos
20 dias atrás

Duvido muito. Se para conquistarem 60% do que faltava destas duas províncias é esta dificuldade, imagine Odessa e proteger as linhas de abastecimento. Se isso não aconteceu quando estavam em vantagem duvido que aconteça agora. Até pelo contrário, duvido que mantenham Kherson.

Klaus
Klaus
Reply to  Wilton Santos
20 dias atrás

Esqueceu que essa guerra é até o fim ? Bom , vamos ver até onde o dinheiro aguenta …armas nucleares? Pffff Ocidente tem uma arma nuclear para cada município russo…

L G
L G
20 dias atrás

Consequências da guerra na Ucrânia para o Brasil. Haverá racionamento de Diesel e gasolina até o final do ano. O Brasil infelizmente só fábrica 60 % desses produtos. Haverá falta de alimentação no mundo. A Ucrânia e a Rússia são os maiores exportadores desse produto. O pão de cada dia da África e oriente médio. O Brasil importa trigo também. Vai faltar pão. O Brasil tem soja, mas ninguém ainda come soja apenas os porcos, galinhas,gado. Teremos que aprender a comer soja nos próximos anos. Vamos aguardar.

RPiletti
RPiletti
Reply to  L G
20 dias atrás

Proteína vegetal, alguns fazem hambúrguer com isso.

João Adaime
João Adaime
Reply to  L G
20 dias atrás

Caro L G Você disse uma verdade. Teremos de aprender a comer soja. Na verdade a soja já faz parte da nossa vida há muito tempo. Hoje ela é empregada nos mais diversos setores como cosméticos, farmacêutica, veterinária, adesivos, adubos, formulador de espumas, revestimento, tintas e plásticos. Mas isto representa apenas 7% da nossa produção. Outros 49% vão para o processamento de óleo e farelo, usados especialmente na alimentação humana e animal e na produção de biocombustíveis, como o biodiesel e 44% são exportados in natura, a maior parte para a China. Os principais subprodutos da soja são: 1) Farelo,… Read more »

Lúcio Sátiro
Lúcio Sátiro
Reply to  L G
20 dias atrás

Então é só comer os porcos, o gado e as galinhas que comem a soja. Eu não dispenso um franguinho assado.

Diógenes
Diógenes
Reply to  L G
20 dias atrás

Temos que aprender a comer soja? Tá sabendo bem….

Ravengar
Ravengar
20 dias atrás

O Brasil tem 72 M108 estocados,bem como M114,boa oportunidade para se livrar destes refugos.

RPiletti
RPiletti
Reply to  Ravengar
20 dias atrás

Claro, e nós, eu e tu, iremos comer o que nas nossas refeições se o tio putim não nos mandar fertilizantes?

Teropode
20 dias atrás

Se não fosse ajuda do ocidente a Ucrânia já teria caído por completo , estavam sem armas , falidos , com apenas 12 caças prontos para voar , os mísseis ajudaram a dar um fôlego , por isso putin ficou Putinho , agora tentam reforçar , montar uma força militar razoável , no oeste norte centro e parte do sul , divulgam apenas a equipagem que está sendo utilizada em Donbass , os Ucrânianos fazem milagre aí resistir um adversário muito superior em quantidade de recursos e afirmo sem medo de errar : o ocidente errou aí não equipar a… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Teropode
20 dias atrás

Aí o Ocidente estava a cair na armadilha de Putin e haveria alguma legitimação de uma invasão e guerra aberta.
Poderia ter sido feito mais? Sim, podiam intensificar o treinamento, começar a mudança para equipamentos ocidentais modernos mais cedo, preparar ainda mais fortificações, etc…
Mas acho que nem os Ucranianos acreditavam num ataque desta dimensão dos Russos.

Teropode
Reply to  Hcosta
20 dias atrás

Nada disso , vc não entendeu nada , a Ucrânia tinha autonomia para poder receber as equipagens naquele momento , vc não consegue alcançar este entendimento , é muito pra vc esquece !

Hcosta
Hcosta
20 dias atrás

Quantas vezes já disse a mesma coisa e o Zelensky lá continua?

Até foi para a frente de batalha. Isso não é esconder, é liderança.
Ao contrário do outro que comemora a invasão da Crimeia em Moscovo…

Klaus
Klaus
20 dias atrás

Quem criou a confusão mesmo ? Teu putinho que aguarde …

Antunes 1980
Antunes 1980
20 dias atrás

Deveriam enviar mais caças e helicópteros.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Antunes 1980
20 dias atrás

Pois é porque não fazem?

Teropode
Reply to  Antunes 1980
20 dias atrás

Sao equipamentos que requerem mais tempo de treinamento , estão garimpando lixo #ivietico mas ainda tem a falta de mísseis para os caças , os caças miga 28 estão neste dilema , sai Mig 28 só na casca , a eletrônica é desconhecida dos Ucrânianos , a conversão operacional para um himars ou m777 é mais fácil …..

Nilton L Junior
Nilton L Junior
20 dias atrás

A turma do GAC da RF deve começar a receber medalhas pela quantidade de material internacional destruído, cada medalha com a tag do país do material de origem.

Diógenes
Diógenes
20 dias atrás

O Putin se escondeu em Kiev? Não tava sabendo….

Últimas Notícias

Apresentação sobre Estudos Estratégicos – Prof. Dr. Vitelio Brustolin

O Prof. Dr. Vitelio Brustolin, Professor de Direito Internacional, Organizações Internacionais e Estudos Estratégicos do INEST/UFF e pesquisador da...
- Advertisement -
- Advertisement -